A prece

2.104 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.104
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
129
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A prece

  1. 1. MecanismoManeira certa de orar
  2. 2. O que é a Prece?A prece é um ato de adoração. Orar a Deus épensar nEle, é aproximar-se dEle, é pôr-seem comunicação com Ele. A prece outracoisa não é senão uma conversa queentretemos com Deus, Nosso Pai; com Jesus,Nosso Mestre e Senhor; com nossos amigosespirituais. É diálogo silencioso, humilde,contrito, revestido de unção e fervor, em queo filho, pequenino e imperfeito, fala com oPai, Poderoso e Bom, Perfeição dasPerfeições.A três coisas podemos propor-nos por meioda prece: louvar, pedir e agradecer.
  3. 3. Importância da Prece Pela prece obtém o homem o concurso dos bons Espíritos que acorrem a sustentá-lo em suas boas resoluções e a inspirar-lhes ideias sãs. Ele adquire desse modo, a força moral necessária a vencer as dificuldades e a volver ao caminho reto, se dele se afastou. Está no pensamento o poder da prece, que por nada depende nem das palavras, nem do momento em que seja feita. Pode-se portanto orar em toda a parte, e a qualquer hora, a sós ou em comum. As preces feitas a Deus escutam-nas os Espíritos incumbidos da execução de suas vontades; as que se dirigem aos bons Espíritos são reportadas a Deus.
  4. 4. A MANEIRA CORRETA DE ORAR SEGUNDO OENTENDIMENTO ESPÍRITA Revestida de humildade, procurando cada um ver os seus próprios erros e não os do próximo. Não deve ser recitada, mas sentida. Não é pela multiplicidade das palavras que seremos atendidos, mas pela sinceridade delas. O essencial não é orar muito, mas orar bem. Espontânea, nascida do coração pois para Deus, a intenção é tudo.
  5. 5. Parábola: Dois homens subiram ao templo para orar; um era fariseu, publicano o outro. -O fariseu, conservando-se de pé, orava assim, consigo mesmo: Meu Deus, rendo-vos graças por não ser como os outros homens, que são ladrões, injustos e adúlteros, nem mesmo como esse publicano. Jejuo duas vezes na semana; dou o dízimo de tudo o que possuo. O publicano, ao contrário, conservando-se afastado, não ousava, sequer, erguer os olhos ao céu; mas, batia no peito, dizendo: Meu Deus, tem piedade de mim, que sou um pecador. Declaro-vos que este voltou para a sua casa, justificado, e o outro não; porquanto, aquele que se eleva será rebaixado e aquele que se humilha será elevado.(S. LUCAS, cap. XVIII, vv. 9 a 14.)
  6. 6.  Não nos devemos nos pôr em evidência, mas orar em secreto. Quando orardes, não vos assemelheis aos hipócritas, que, afetadamente, oram de pé nas sinagogas e nos cantos das ruas para serem vistos pelos homens. - Quando quiserdes orar, entrai para o vosso quarto e, fechada a porta, orai a vosso Pai em secreto; e vosso Pai, que vê o que se passa em secreto, vos dará a recompensa.
  7. 7. EFICÁCIA DA PRECE"Concedido vos será o que quer que pedirdes pela prece""Ajuda-te, que o Céu te ajudará"
  8. 8. AÇÃO DA PRECE , TRANSMISSÃO DO PENSAMENTO DEUS TRÍADE UNIVERSALMATÉRIA ESPÍRITO(Fluido Cósmico Universal)
  9. 9. Tipos de prece médiasOndas super-ultra-curtas seres angélicos
  10. 10. Horizontal VerticalDe sce nd en te
  11. 11. O mais perfeito modelo de concisão de prece é a Oração Dominical (O Pai Nosso). Sob a mais reduzida forma, ela resume todos os deveres do homem para com Deus, para consigo mesmo e para com o próximo.PAI NOSSOPai Nosso que estás nos céus, santificado seja o teu Nome!Venha a nós o teu reinoFaça-se a tua vontade, assim na Terra como no céu.O pão nosso de cada dia dá-nos hoje.Perdoa-nos as nossas dívidas como nós perdoamos aos nossos devedores.Não nos deixeis entregues à tentação e livra-nos do mal.

×