Atividade3jussaradossantosmartins

163 visualizações

Publicada em

Esse slide tem um fim educacional para promover o uso da internet e outras tecnologias no ambiente escolar.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
163
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Atividade3jussaradossantosmartins

  1. 1. JUSSARA DOS SANTOS MARTINS TECNÓFILO As funções e os distintos usos do computador na educação
  2. 2.  Atualmente a tecnologia esta presente em vários segmentos da sociedade. A cada dia mais nota-se o uso de eletrônicos no cotidiano das pessoas como celulares, tablets e computadores. Dessa forma percebe-se que o intenso uso de ferramentas ligadas a essa evolução, como por exemplo, a internet tem como uma de suas consequência a adequação ao novo, ou seja diante dessa invasão tecnológica temos que nos adaptar ao uso destes novos recursos informacionais.
  3. 3.  Dessa forma apesar da internet proporcionar a população inúmeros benefícios, é necessário que para o sucesso da ferramenta enquanto fins educacionais está em seu correto uso, ou seja, um uso consciente que possibilite acesso a conhecimento e informações seguras e não apenas entretenimento barato. É nesse sentido que utilizar a tecnologia a favor de uma educação mais dinâmica, que auxilie tanto professores quanto alunos, a ter uma aprendizagem mais lúdica sem que haja defasagem na difusão do conhecimento.
  4. 4. Para que se tenha uma inserção não da informática propriamente dita, mas sim de uma informática educativa uma aliança entre conhecimento e recursos tecnológicos é necessário tomar cuidado para que o simples fato de estar lidando com um computador não desqualifique a aula levando este instrumento a ser apenas um adereço.
  5. 5.  Nesse sentido reafirmamos o valor do professor para a correta utilização desta ferramenta. O professor aparece como um mediador, ou seja, sua função torna-se ainda mais importante dessa forma é impossível que o profissional seja substituído pela máquina.
  6. 6.  Percebe-se então que as máquinas jamais irão substituir o profissional da educação, desde que esse resinifique-se utilizando de novas abordagens pedagógicas auxiliadas pela tecnologia.
  7. 7.  Adotar recursos midiáticos em sala de aula proporciona aos alunos diversas formas de compreensão do conteúdo para isso é preciso a presença do professor, pois é ele quem vai dinamizar todo este novo processo de ensino-aprendizagem por intermédio dessas novas ferramentas, explorando-a ao máximo com criatividade, sempre seguindo o intuito de focar na Informática Educativa.
  8. 8.  Outro aspecto importante a se destacar quando falamos de informática educativa é a democratização do acesso a esses produtos tecnológicos. Essa questão pode ser uma das mais importantes na realidade social vivida atualmente, pois demanda esforços e mudanças nas esferas econômica e educacional.
  9. 9.  Para que o acesso seja disseminado de forma igualitária e confortável para toda a rede escolar faz-se necessário um grande esforço político. É notório que, a utilização de recursos midiáticos ferramentas informacionais em sala de aula ainda seja um desafio para alguns professores que não se sentem confortáveis em conciliar os conteúdos escolares com instrumentos e ambientes multimídia, muitas das vezes por pouca pratica com os mesmos.
  10. 10. REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA  ROCHA, D.S.S. O uso do Computador na Educação: a Informática Educativa. Revista Espaço Acadêmico, Ano VIII, n.85, jul.2008. Disponível em:< http://www.ich.pucminas.br/pged/db/wq/wq_pmv/index.htm>  ALMEIDA, M E de. Informática e formação de professores. Brasília: Ministério da Educação, 2000.  BORGES NETO, H. Uma classificação sobre a utilização do computador pela escola. Revista Educação em Debate, ano 21, v. 1, n. 27, p. 135- 138, Fortaleza, 1999.  FERREIRA, A. L. D. Informática educativa na educação infantil: Riscos e Benefícios. Fortaleza: Universidade Federal do Ceará- UFC, 2000. Monografia (Especialização em Informática Educativa)..  LUFT, C.P Dicionário Luft. São Paulo: Atica, 2006.  VALENTE, J. A. Computadores e conhecimento: repensando a educação. Campinas: UNICAMP. 1993.

×