Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Zoologia dos Invertebrados

447 visualizações

Publicada em

Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Zoologia dos Invertebrados

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
447
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Zoologia dos Invertebrados

  1. 1. Filo Porifera(Poríferos)Filo Porifera(Poríferos)
  2. 2. CaracterísticasCaracterísticas • Animais filtradores; • Desprovidos de órgãos; • Desprovidos de sistema corporais; • Hábitat: vivem em ambientes aquáticos sendo a maioria marinhos.
  3. 3. Alguns EspécimesAlguns Espécimes
  4. 4. Organização CorporalOrganização Corporal • Cilindro oco e fechado na base com abertura no topo chamada de ósculo; • Superfície corpórea com inúmeros poros microscópicos para penetração de água; • Cavidade interna: espongiocela; • Fluxo contínuo de líquido no corpo do animal;
  5. 5. Tipos de CélulaTipos de Célula • Pinacócitos: proteção externa; • Porócitos: transporte de água; • Coanócitos: digestão intracelular; • Amebócitos: transporte de substâncias nutritivas; • Espículas: não são células, são peças minerais pontiagudas de carbonato de cálcio ou sílica e dão a sustentação corpórea;
  6. 6. Espícula
  7. 7. Reprodução dos PoríferosReprodução dos Poríferos Reprodução Assexuada • Grande capacidade de regeneração devido aos amebócitos que podem formar todos os tipos de célula do porífero; • Maioria se reproduz por brotamento ou fragmentação;
  8. 8. Reprodução SexuadaReprodução Sexuada • Existência de espécies monóicas ou hermafroditas e dióicas ou de sexos separados; • Células gaméticas são formadas pelos amebócitos; Desenvolvimento Indireto: • A blástula origina uma larva com flagelos em apenas um dos hemisférios, a chamada anfiblástula;
  9. 9. FisiologiaFisiologia • Sistema Digestivo – Ausente (fagocitose por coanócitos). • Sistema Circulatório – Ausente (difusão pelos espaços existentes). • Sistema Respiratório – Ausente (troca entre as células e o ambiente). • Sistema Excretor - Ausente (excreções lançadas diretamente pelas células. • Sistema Nervoso – Ausente.
  10. 10. Filo CnidariaFilo Cnidaria (Cnidários)(Cnidários)
  11. 11. CaracterísticasCaracterísticas • Também chamados de Celenterados: • São animais aquáticos de corpo mole e gelatinoso; • Maioria habita o mar, poucas espécies vivem em lagos e rios; Representantes sésseis: anêmonas-do-mar e corais; Representantes de vida livre: caravelas e águas-vivas;
  12. 12. Organização CorporalOrganização Corporal • São diblásticos e possuem simetria radial (metades simétricas); • Presença de compartimento digestório interno: cavidade gastrovascular com função digestiva e circulatória; • Presença de boca para entrada de alimento e saída de restos inúteis ; • Sistema Digestório Incompleto; • Presença de tentáculos rodeando a boca para captura de alimento (crustáceos, peixes e larvas em geral) com cnidoblastos; • São todos carnívoros; • Dois tipos básicos de estrutura corporal...
  13. 13. Pólipos e MedusasPólipos e Medusas Maioria dos cnidários passa por dois estágios no ciclo de vida: • Pólipo: cilindro com uma das faces fixadas e outra livre onde se encontra a boca e os tentáculos, anêmonas-do-mar; • Medusa: forma de guarda chuva com boca inferior, águas-vivas
  14. 14. CnidoblastoCnidoblasto • Propriedades urticantes para paralisação e até morte; • Estruturas que contêm toxinas que ficam armazenadas em bolsas internas chamadas de nematocisto; • Função de ataque a predadores e para alimentação na captação de presas;
  15. 15. A) Cnidoblasto retraído e Nematocisto intacto. B) Cnidoblasto expulso e Nematocisto descarregado.
  16. 16. Classificação dos CnidáriosClassificação dos Cnidários • Subdivide-se em três classes: Hydrozoa (hidrozoários), Scyphozoa ( cifozoários), Anthozoa (antozoários)
  17. 17. HidrozoáriosHidrozoários Ciclo de vida como pólipos; • Reprodução assexuada por brotamento e sexuada; • Colônia com gastrozóide e gonozóide; • Exemplos: Obelia (séssil); hidra e a caravela (Physallia pelagica); Lembrem-se: a caravela não é apenas um organismo, e sim uma colônia heteromorfa com vários organismos que estabelecem uma ligação física entre si e que têm certa divisão de trabalho!!!!!!
  18. 18. Indivíduo Flutuador Pneumatóforo Indivíduos Alimentadores (Gastrozóides) Indivíduos Protetores (Tentáculos)Physalia pelagica caravela Colônia Heteromorfa
  19. 19. Reprodução dos CnidáriosReprodução dos Cnidários Assexuada: brotamento; Sexuada: com espécies monóicas e dióicas; • Alternância de Gerações; • Participação da larva Ciliada chamada de Plânula;
  20. 20. Pólipo assexuado Hidrozoário Obelia Cifozoário Aurelia
  21. 21. FisiologiaFisiologia • Sistema Digestivo – Incompleto (digestão extra e intracelular). • Sistema Circulatório – Ausente (distribuição pela cavidade gastrovascular). • Sistema Respiratório – Ausente (troca entre as células e o ambiente). • Sistema Excretor - Ausente (excreções lançadas diretamente pelas células. • Sistema Nervoso – Presente (rede difusa no corpo).
  22. 22. PlatelmintosPlatelmintos
  23. 23. CaracterísticasCaracterísticas Vermes de corpo achatado dorso-ventralmente; • Representantes: planárias, esquitossomos e tênias; • Aproximadamente 20 mil espécies; • Hábitat: mar, lagos, riachos de água doce e solos úmidos; • Algumas espécies são parasitas; Planária aquática Planária terrestre Esquistossomo Tênia
  24. 24. Organização CorporalOrganização Corporal • Triblásticos; • Acelomados; • Possuem simetria Bilateral; Epiderme rica em células ciliadas e glandulares (formam muco de lubrificação para movimentação); • Espaços do corpo preenchido por Mesênquima; • Presença de feixes de músculos entre a epiderme e a cavidade digestiva
  25. 25. Planária de Vida Livre
  26. 26. Sistema ExcretorSistema Excretor • A quantidade de água e excretas são controladas pelos Protonefrídios com participação das células-flama; • Não possuem sistema respiratório, difusão dos gases pela epiderme, respiração cutânea;
  27. 27. Classificação dos PlatelmintosClassificação dos Platelmintos • Classificam-se em 3 classes principais: Turbellaria (turbelários), Trematoda (trematódeos) e Cestoda (cestóides);
  28. 28. Reprodução dos PlatelmintosReprodução dos Platelmintos Assexuada • Por Fragmentação: o indivíduo se “gruda” a superfícies, parte-se, e ambas as partes se regeneram, pedaços de até um décimo do seu tamanho são regenerados em indivíduos completos;
  29. 29. Sexuada • Fecundação Interna e Cópula • Planárias e tênias (hermafroditas), Esquistossomos (dióicas);
  30. 30. Tipos de DesenvolvimentoTipos de Desenvolvimento Turbelários • A maioria possui Desenvolvimento Direto com formação de pequenas planárias; Cestóides e Trematódeos • Possuem Desenvolvimento Indireto com uma ou mais de uma fase larval;
  31. 31. FisiologiaFisiologia • Sistema Digestivo – Incompleto (intestino muito ramificado). • Sistema Circulatório – Ausente (distribuição pelo intestino ramificado a todas as células). • Sistema Respiratório – Ausente (troca entre as células e o ambiente). • Sistema Excretor - Presente (excreções lançadas pelos protonefrídios. • Sistema Nervoso – Presente (um par de gânglios cerebrais ligados a dois cordõs longitudinais).
  32. 32. NematelmintosNematelmintos
  33. 33. CaracterísticasCaracterísticas • Vermes de corpo cilíndrico e achatado nas pontas; • Tamanho de 1mm a mais de 1 m de comprimento; • Presença de espécies endoparasitas; • Animais de vida livre encontrados no mar, em água doce e em solos úmidos;
  34. 34. Organização Corporal dosOrganização Corporal dos NematódeosNematódeos • Triblásticos; • Pseudocelomados; • Simetria Bilateral; • Presença de tubos corporais; Tubo externo: é formado por uma musculatura recoberta pela epiderme com presença de cutícula protetora; Tubo Interno: tubo digestivo que começa na boca e acaba no ânus; • Sistema Digestório Completo;
  35. 35. FisiologiaFisiologia • Sist. Circulatório: ausente • Sist. Respiratório: ausente Respiração Cutânea: trocas gasosas com a superfície corporal; • Sist. Excretor: excreções lançadas no pseudoceloma sendo removidas por duas células que percorrem lateralmente o corpo formando, cada uma, um Canal Excretor; • Sist. Muscular: formado por fibras dispostas na orientação longitudinal permitindo executar apenas movimentos simples; • Sist. Nervoso: formado por dois cordões (um ventral e um dorsal) que se ligam a musculatura do animal;
  36. 36. Reprodução dos NematódeosReprodução dos Nematódeos Sexuada • Maioria das espécies são dióicas;

×