SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 62
Baixar para ler offline
O que é Zoologia?
Quais são as características de um animal?
E de um “invertebrado”?
Quem são os animais?
De que forma os animais estão classificados?
Qual a diversidade dos animais? Com relação a eles e aos outros organismos.
Quando e como surgiram?
 Segundo a literatura:
 É o ramo da Biologia que estuda os animais sob os mais variados aspectos, entre
eles:
 “Estrutura, fisiologia e classificação”
 “Diferentes formas do corpo, seu funcionamento e suas relações com o meio
ambiente”
 “morfologia, sistemática, evolução e ecologia, funcionamento dos
animais, constituintes químicos dos tecidos, formação e
desenvolvimento, propriedades e funções celulares”
 ... entre outros
 A diversidade dos animais
e dos ramos da Zoologia:
 Acarologia
 Aracnologia
 Cetologia
 Malacologia
 Entomologia
 Etologia
 Ictiologia
 Mastozoologia
 Mirmecologia
 Ornitologia
 Paleozoologia
 Herpetologia
Revista Brasileira de Zoologia v.23 n.4 Curitiba dez. 2006
 Redescrição do canto de anúncio de Aplastodiscus arildae (Cruz & Peixoto) e
descrição do canto de Aplastodiscus weygoldti (Cruz & Peixoto) com notas
morfológicas sobre o gênero no Sudeste Brasileiro (Anura, Hylidae)
 Diversidade de morcegos (Mammalia, Chiroptera) do Complexo Aporé-
Sucuriú, Mato Grosso do Sul, Brasil
 Padrões de parasitismo por Eutrombicula alfreddugesi (Oudemans)
(Acari,Trombiculidae) em três espécies de Tropidurus Wied
(Squamata,Tropiduridae) do Cerrado brasileiro
Revista Brasileira de Zoologia v.23 n.4 Curitiba dez. 2006
 Borboletas (Lepidoptera, Papilionoidea e Hesperioidea) do Parque Estadual
do Espinilho e entorno, Rio Grande do Sul, Brasil
 Desenvolvimento de Myrmeleon brasiliensis (Navás)
(Neuroptera, Myrmeleontidae), em laboratório, com diferentes dietas
naturais
 Três espécies novas de Heteragrion Selys do Brasil com redescrição do
holótipo de H. dorsale Selys (Odonata, Megapodagrionidae)
 Dieta de Micoureus demerarae (Thomas) (Mammalia, Didelphidae) associada
às florestas contíguas de mangue e terra firme em Bragança, Pará, Brasil
Revista Brasileira de Zoologia v.23 n.4 Curitiba dez. 2006
 Influência da urbanização sobre as assembléias de peixes em três
córregos de Maringá, Paraná
 Dinâmica do desenvolvimento gonadal de Aegla platensis Schmitt
(Decapoda,Anomura,Aeglidae)
 Inventários biológicos rápidos de morcegos (Mammalia,Chiroptera) em
três unidades de conservação do Amapá, Brasil
 Taxonomia molecular de Plagioscion Heckel (Perciformes, Sciaenidae) e
evidências de marcadores moleculares RFLPs de mtDNA para uma
espécie invasora no rio Paraná, Sul do Brasil
 Segundo Linnaeus:
 Objetos naturais que crescem, vivem e sentem.
 Plantas: crescem, vivem, mas não sentem.
 Minerais:Crescem, mas não vivem e não sentem.
 Segundo a literatura:
 Eucariontes;
 Heterótrofos;
 Multicelulares;
 Potencialmente móveis;
 Providos de células gaméticas;
 Providos de tecidos distintos;
 Capazes de sintetizar colágeno.
 De acordo com a literatura, nos seguintes filos:
 Porifera (5500)
 Placozoa (1)
 Monoblastozoa (1)
 Rhombozoa (70)
 Orthonecitda (20)
 Cnidaria (10 mil)
 Ctenophora (100)
 Platyhelmintes (20 mil)
 Nemertea (900)
 Rotifera (1800)
 Gastrotricha (450)
 Kinorhynca (150)
 Nematoda (25 mil)
 Nematomorpha (320)
 Acantocephala (1100)
 Entoprocta (150)
 Gnathostomulida (80)
 Priapula (16)
 Loricifera (10)
 Cycliophara (1)
 Sipuncula (320)
 Echiura (135)
 Annelida (16500)
 Onycophora (110)
 Tardigrada (800)
 Arthropoda (1.100.000)
 Mollusca (90 mil)
 Phoronida (20)
 Ectoprocta (4500)
 Brachiopoda (335)
 Echinodermata (7 mil)
 Chaetognatha (100)
 Hemichordata (85)
 Chordata (50 mil)
Pergunta importante
Da mesma forma que famílias são agrupadas
em ordens, que ordens são agrupadas em
classes , etc., filos não podem ser
agrupados em categorias superiores???
árvore
 Eucarionte;
 Multicelular;
 Heterótrofo;
 Potencialmente móvel;
 Provido de células gaméticas;
 Provido de tecidos distintos;
 E????
 Literalmente: DESPROVIDO DEVÉRTEBRAS!!!
1. Porifera (5500)
2. Placozoa (1)
3. Monoblastozoa (1)
4. Rhombozoa (70)
5. Orthonecitda (20)
6. Cnidaria (10 mil)
7. Ctenophora (100)
8. Platyhelmintes (20 mil)
9. Nemertea (900)
10. Rotifera (1800)
11. Gastrotricha (450)
12. Kinorhynca (150)
13. Nematoda (25 mil)
14. Nematomorpha (320)
15. Acantocephala (1100)
16. Entoprocta (150)
17. Gnathostomulida (80)
18. Priapula (16)
19. Loricifera (10)
20. Cycliophara (1)
21. Sipuncula (320)
22. Echiura (135)
23. Annelida (16500)
24. Onycophora (110)
25. Tardigrada (800)
26. Arthropoda (1.100.000)
27. Mollusca (90 mil)
28. Phoronida (20)
29. Ectoprocta (4500)
30. Brachiopoda (335)
31. Echinodermata (7 mil)
32. Chaetognatha (100)
33. Hemichordata (85)
34. Chordata (50 mil)
*“invertebrados”
1. Porifera (5500)*
2. Placozoa (1)*
3. Monoblastozoa (1)*
4. Rhombozoa (70)*
5. Orthonecitda (20)*
6. Cnidaria (10 mil)*
7. Ctenophora (100)*
8. Platyhelmintes (20 mil)*
9. Nemertea (900)*
10. Rotifera (1800)*
11. Gastrotricha (450)*
12. Kinorhynca (150)*
13. Nematoda (25 mil)*
14. Nematomorpha (320)*
15. Acantocephala (1100)*
16. Entoprocta (150)*
17. Gnathostomulida (80)*
18. Priapula (16)*
19. Loricifera (10)*
20. Cycliophara (1)*
21. Sipuncula (320)*
22. Echiura (135)*
23. Annelida (16500)*
24. Onycophora (110)*
25. Tardigrada (800)*
26. Arthropoda (1.100.000)*
27. Mollusca (90 mil)*
28. Phoronida (20)*
29. Ectoprocta (4500)*
30. Brachiopoda (335)*
31. Echinodermata (7 mil)*
32. Chaetognatha (100)*
33. Hemichordata (85)*
34. Chordata (50 mil)
*“invertebrados”
Pergunta importante
Será que eu posso caracterizar um
organismo pela ausência de uma ou
mais características???
Pergunta importante
E porque os invertebrados não
possuem uma categoria
taxonômica???
Total de espécies animais
~1.350.000
Ou seja
1.350.000 – 50.000
= 1.300.000 espécies de
“invertebrados”
 96% das espécies animais são
“invertebrados”!
 Mas será que 1.300.000 espécies refletem a
realidade??
 Estimativas variam de 10 a 30 milhões até
100 a 300 milhões de espécies ainda não
descritas!
 Mas e quanto à diversidade dos metazoários
quando comparada a outros organismos?
Bactérias.... 5.000
Algas.... 27.000
Fungos.... 69.000
Plantas.... 250.000
“Protozoários”.... 80.000
1. Introdução
 Breve histórico.
 Arqueano ~4.5 bilhões de anos
 Proterozóico (Pré-cambriano) ~3.5 bilhões de
anos
 Fanerozóico ~570 milhões de anos
▪ Paleozóico ~570 ma
▪ Mesozóico ~250 ma
▪ Cenozóico ~65 ma
 Pré-Cambriano:
 Evidência do surgimento dos primeiros seres vivos
– fósseis de cianobactérias (organismos
fotossintetizantes) há 3,5 bi;
 As rochas mais antigas conhecidas (3.8
bi), contudo, já contêm depósitos de carbono que
indicam a presença de vida.
 Pré-Cambriano:
 Surgimento dos Eucariontes – fusão simbionte de dois
(animais) ou três (vegetais) genomas independentes;
▪ Mitocôndrias derivadas de um ancestral similar à protobactéria.
▪ Cloroplastos derivados de cianobactérias.
 1,4 bi: primeiro possível eucarionte, algas unicelulares.
 0,9 bi: primeira evidência inquestionável.
 1,3 bi: primeiro possível organismo multicelular.
 0,9 bi: primeira evidência inquestionável (algas).
Qual a importância da presença de
organismos fotossintetizantes para o
surgimento dos animais?
 Pré-Cambriano:
 A presença de organismos fotossintetizantes
gradualmente aumentou a concentração de
oxigênio na atmosfera;
▪ Nível moderado há 2,3 bi, grande incremento há cerca
de 700 mi.
▪ Há aumento também no nível de ozônio, reduzindo o
fluxo de raios UV.
 Pré-Cambriano:
 Origem dos animais!
 ~1,0 bi: primeiras evidências fósseis: buracos no
sedimento.
 640 mi: primeira evidência inquestionável – A fauna de
Ediacara.
▪ Animais de corpo mole, aparentemente achatados e bentônicos.
▪ A grande maioria em nada se assemelha aos filos atuais.
A Fauna de Ediacara
A Fauna de Ediacara
 Ao final do Pré-cambriano a maior parte dessa
fauna foi extinta!
 Paleozóico: diversificação dos filos animais atuais
e alguns extintos ainda no Cambriano;
 Ao final do Paleozóico, Permiano, ocorre a maior
extinção em massa na história daTerra (85% das
spp marinhas e 70% das spp terrestres)...
 Três hipóteses... com uma coisa em comum:
▪ Origem a partir de um ou mais protistas!
 Inclui:
 organismos heterotróficos, unicelulares, tradicionalmente classificados como
Protozários;
 organismos autotróficos, unicelulares, coloniais, ou multicelulares, denominados Algas;
 organismos unicelulares ou multicelulares semelhantes a fungos.
 Apesar de alguns serem multicelulares, carecem de especialização célula-tecido e
não passam pelo processo de formação dos folhetos embrionários que ocorre em
Metazoa e Plantae;
 Inclui:
 organismos heterotróficos, unicelulares, tradicionalmente classificados como
Protozoários;
 organismos autotróficos, unicelulares, coloniais, ou multicelulares, denominados Algas;
 organismos unicelulares ou multicelulares semelhantes a fungos.
 Apesar de alguns serem multicelulares, carecem de especialização célula-tecido e
não passam pelo processo de formação dos folhetos embrionários que ocorre em
Metazoa e Plantae;
 Inclui:
 organismos heterotróficos, unicelulares, tradicionalmente classificados como
Protozoários;
 organismos autotróficos, unicelulares, coloniais, ou multicelulares, denominados Algas;
 organismos unicelulares ou multicelulares semelhantes a fungos.
 Apesar de alguns serem multicelulares, carecem de especialização célula-tecido e
não passam pelo processo de formação dos folhetos embrionários que ocorre em
Metazoa e Plantae;
 Inclui:
 organismos heterotróficos, unicelulares, tradicionalmente classificados como
Protozoários;
 organismos autotróficos, unicelulares, coloniais, ou multicelulares, denominados Algas;
 organismos unicelulares ou multicelulares semelhantes a fungos.
 Apesar de alguns serem multicelulares, carecem de especialização célula-tecido e
não passam pelo processo de formação dos folhetos embrionários que ocorre em
Metazoa e Plantae;
 Atualmente são considerados apenas como um agrupamento
parafilético de ORGANISMOS EUCARIONTESQUE NÃO APRESENTAM
O NÍVEL DE ORGANIZAÇÃOTECIDUALOBSERVADO NAS
PLANTAS,ANIMAIS E FUNGOS;
 Essencialmente... São organismos que não podem ser classificados em
nenhum outro reino!
http://www.ucmp.berkeley.edu/alllife/eukaryotasy.html
http://www.ucmp.berkeley.edu/alllife/eukaryotasy.html
PROTISTA
 Três hipóteses... com uma coisa em comum:
▪ Origem a partir de um ou mais protistas!
 Colonial;
 Sincicial;
 Simbiótica.
O que são protistas
O que são protistas
O que são protistas

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

EvoluçãO Dos Invertebrados
EvoluçãO Dos InvertebradosEvoluçãO Dos Invertebrados
EvoluçãO Dos InvertebradosThiago Faria
 
Zoologia invertebrados
Zoologia invertebradosZoologia invertebrados
Zoologia invertebradosJamille Nunez
 
Aula 1 caracteristicas gerais dos animais
Aula 1   caracteristicas gerais dos animaisAula 1   caracteristicas gerais dos animais
Aula 1 caracteristicas gerais dos animaisGrupo UNIASSELVI
 
Zoologia dos Invertebrados
Zoologia dos InvertebradosZoologia dos Invertebrados
Zoologia dos InvertebradosCarlos Priante
 
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Zoologia dos Invertebrados
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Zoologia dos InvertebradosSlides da aula de Biologia (Renato) sobre Zoologia dos Invertebrados
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Zoologia dos InvertebradosTurma Olímpica
 
www.EquarparaEnsinoMedio.com.br - Biologia - Platelmintos
www.EquarparaEnsinoMedio.com.br - Biologia -  Platelmintoswww.EquarparaEnsinoMedio.com.br - Biologia -  Platelmintos
www.EquarparaEnsinoMedio.com.br - Biologia - PlatelmintosAnnalu Jannuzzi
 
Bilateria / Animais Bilaterais
Bilateria / Animais BilateraisBilateria / Animais Bilaterais
Bilateria / Animais BilateraisRafael Nunes
 
Características gerais dos animais
Características gerais dos animaisCaracterísticas gerais dos animais
Características gerais dos animaisEldon Clayton
 
Aula 7º ano - Reino Animalia (invertebrados)
Aula 7º ano - Reino Animalia (invertebrados)Aula 7º ano - Reino Animalia (invertebrados)
Aula 7º ano - Reino Animalia (invertebrados)Leonardo Kaplan
 
Metazoários, poríferos, cnidários...
Metazoários, poríferos, cnidários...Metazoários, poríferos, cnidários...
Metazoários, poríferos, cnidários...Roberto Bagatini
 
Aula completa reino animal filo poriferos e cnidários
Aula completa reino animal filo poriferos e cnidários Aula completa reino animal filo poriferos e cnidários
Aula completa reino animal filo poriferos e cnidários nielimaia
 
2EM #01 Diversidade dos invertebrados
2EM #01 Diversidade dos invertebrados2EM #01 Diversidade dos invertebrados
2EM #01 Diversidade dos invertebradosProfessô Kyoshi
 
www.EquarparaEnsinoMedio.com.br - Biologia - Características Gerais dos Animais
www.EquarparaEnsinoMedio.com.br - Biologia -  Características Gerais dos Animaiswww.EquarparaEnsinoMedio.com.br - Biologia -  Características Gerais dos Animais
www.EquarparaEnsinoMedio.com.br - Biologia - Características Gerais dos AnimaisAnnalu Jannuzzi
 
Platelmintos & Nematódeos
Platelmintos & NematódeosPlatelmintos & Nematódeos
Platelmintos & NematódeosLeandro Mota
 
Aula Ensino Médio Zoologia de invertebrados I (Diversidade animal I - Porífer...
Aula Ensino Médio Zoologia de invertebrados I (Diversidade animal I - Porífer...Aula Ensino Médio Zoologia de invertebrados I (Diversidade animal I - Porífer...
Aula Ensino Médio Zoologia de invertebrados I (Diversidade animal I - Porífer...Ronaldo Santana
 
Roteiros de Ciências 7º ano do CCM
Roteiros de Ciências  7º ano do CCMRoteiros de Ciências  7º ano do CCM
Roteiros de Ciências 7º ano do CCMMabio Vieira
 

Mais procurados (20)

EvoluçãO Dos Invertebrados
EvoluçãO Dos InvertebradosEvoluçãO Dos Invertebrados
EvoluçãO Dos Invertebrados
 
Zoologia invertebrados
Zoologia invertebradosZoologia invertebrados
Zoologia invertebrados
 
Aula 1 caracteristicas gerais dos animais
Aula 1   caracteristicas gerais dos animaisAula 1   caracteristicas gerais dos animais
Aula 1 caracteristicas gerais dos animais
 
Zoologia dos Invertebrados
Zoologia dos InvertebradosZoologia dos Invertebrados
Zoologia dos Invertebrados
 
3EM #17 Reino animal
3EM #17 Reino animal3EM #17 Reino animal
3EM #17 Reino animal
 
Zoologia 01
Zoologia 01Zoologia 01
Zoologia 01
 
Metazoa
MetazoaMetazoa
Metazoa
 
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Zoologia dos Invertebrados
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Zoologia dos InvertebradosSlides da aula de Biologia (Renato) sobre Zoologia dos Invertebrados
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Zoologia dos Invertebrados
 
www.EquarparaEnsinoMedio.com.br - Biologia - Platelmintos
www.EquarparaEnsinoMedio.com.br - Biologia -  Platelmintoswww.EquarparaEnsinoMedio.com.br - Biologia -  Platelmintos
www.EquarparaEnsinoMedio.com.br - Biologia - Platelmintos
 
Bilateria / Animais Bilaterais
Bilateria / Animais BilateraisBilateria / Animais Bilaterais
Bilateria / Animais Bilaterais
 
Características gerais dos animais
Características gerais dos animaisCaracterísticas gerais dos animais
Características gerais dos animais
 
Aula 7º ano - Reino Animalia (invertebrados)
Aula 7º ano - Reino Animalia (invertebrados)Aula 7º ano - Reino Animalia (invertebrados)
Aula 7º ano - Reino Animalia (invertebrados)
 
Metazoários, poríferos, cnidários...
Metazoários, poríferos, cnidários...Metazoários, poríferos, cnidários...
Metazoários, poríferos, cnidários...
 
Aula completa reino animal filo poriferos e cnidários
Aula completa reino animal filo poriferos e cnidários Aula completa reino animal filo poriferos e cnidários
Aula completa reino animal filo poriferos e cnidários
 
2EM #01 Diversidade dos invertebrados
2EM #01 Diversidade dos invertebrados2EM #01 Diversidade dos invertebrados
2EM #01 Diversidade dos invertebrados
 
www.EquarparaEnsinoMedio.com.br - Biologia - Características Gerais dos Animais
www.EquarparaEnsinoMedio.com.br - Biologia -  Características Gerais dos Animaiswww.EquarparaEnsinoMedio.com.br - Biologia -  Características Gerais dos Animais
www.EquarparaEnsinoMedio.com.br - Biologia - Características Gerais dos Animais
 
Platelmintos & Nematódeos
Platelmintos & NematódeosPlatelmintos & Nematódeos
Platelmintos & Nematódeos
 
Aula Ensino Médio Zoologia de invertebrados I (Diversidade animal I - Porífer...
Aula Ensino Médio Zoologia de invertebrados I (Diversidade animal I - Porífer...Aula Ensino Médio Zoologia de invertebrados I (Diversidade animal I - Porífer...
Aula Ensino Médio Zoologia de invertebrados I (Diversidade animal I - Porífer...
 
Roteiros de Ciências 7º ano do CCM
Roteiros de Ciências  7º ano do CCMRoteiros de Ciências  7º ano do CCM
Roteiros de Ciências 7º ano do CCM
 
Revisao zoologia
Revisao zoologiaRevisao zoologia
Revisao zoologia
 

Destaque

Deuterostômios 1ª parte
Deuterostômios   1ª parteDeuterostômios   1ª parte
Deuterostômios 1ª parteMarcia Bantim
 
Deuterostomos
DeuterostomosDeuterostomos
DeuterostomosRocío
 
A historia da biologia
A historia da biologiaA historia da biologia
A historia da biologiaIsabela Asher
 
Revisão: átomos e moléculas
Revisão: átomos e moléculasRevisão: átomos e moléculas
Revisão: átomos e moléculasEstude Mais
 
Exercícios de português
Exercícios de portuguêsExercícios de português
Exercícios de portuguêsEstude Mais
 
117 picaduras por artropodos
117 picaduras por artropodos117 picaduras por artropodos
117 picaduras por artropodosEsaulito25
 
Aula gastrulação
Aula gastrulaçãoAula gastrulação
Aula gastrulaçãoPedro Lopes
 
Animais invertebrados (versão para aula)
Animais invertebrados (versão para aula)Animais invertebrados (versão para aula)
Animais invertebrados (versão para aula)Mario Leonel Rodrigues
 
Sistemas de orientação - exercicios
Sistemas de orientação - exerciciosSistemas de orientação - exercicios
Sistemas de orientação - exerciciosEstude Mais
 
Morfofisiologia (sistema nervoso)
Morfofisiologia (sistema nervoso)Morfofisiologia (sistema nervoso)
Morfofisiologia (sistema nervoso)bioalvarenga
 
Reino animalia pdf
Reino animalia pdfReino animalia pdf
Reino animalia pdfValck Silva
 
Zoologia dos invertebrados-resumo
Zoologia dos invertebrados-resumoZoologia dos invertebrados-resumo
Zoologia dos invertebrados-resumoCarlos Priante
 
Revisao de biologia para o enem
Revisao de biologia para o enemRevisao de biologia para o enem
Revisao de biologia para o enemEstude Mais
 

Destaque (20)

Animais
AnimaisAnimais
Animais
 
Deuterostômios 1ª parte
Deuterostômios   1ª parteDeuterostômios   1ª parte
Deuterostômios 1ª parte
 
Deuterostomos
DeuterostomosDeuterostomos
Deuterostomos
 
Zoologia
ZoologiaZoologia
Zoologia
 
A historia da biologia
A historia da biologiaA historia da biologia
A historia da biologia
 
Revisão: átomos e moléculas
Revisão: átomos e moléculasRevisão: átomos e moléculas
Revisão: átomos e moléculas
 
Polychaeta e Chaetognata
Polychaeta e ChaetognataPolychaeta e Chaetognata
Polychaeta e Chaetognata
 
Exercícios de português
Exercícios de portuguêsExercícios de português
Exercícios de português
 
117 picaduras por artropodos
117 picaduras por artropodos117 picaduras por artropodos
117 picaduras por artropodos
 
Aula gastrulação
Aula gastrulaçãoAula gastrulação
Aula gastrulação
 
Animais invertebrados (versão para aula)
Animais invertebrados (versão para aula)Animais invertebrados (versão para aula)
Animais invertebrados (versão para aula)
 
Filos do Reino Animalia
Filos do Reino AnimaliaFilos do Reino Animalia
Filos do Reino Animalia
 
Filo chordata
Filo chordataFilo chordata
Filo chordata
 
Sistemas de orientação - exercicios
Sistemas de orientação - exerciciosSistemas de orientação - exercicios
Sistemas de orientação - exercicios
 
Morfofisiologia (sistema nervoso)
Morfofisiologia (sistema nervoso)Morfofisiologia (sistema nervoso)
Morfofisiologia (sistema nervoso)
 
Eco marinho
Eco marinhoEco marinho
Eco marinho
 
Reino animalia pdf
Reino animalia pdfReino animalia pdf
Reino animalia pdf
 
Zoologia dos invertebrados-resumo
Zoologia dos invertebrados-resumoZoologia dos invertebrados-resumo
Zoologia dos invertebrados-resumo
 
Zoologia
ZoologiaZoologia
Zoologia
 
Revisao de biologia para o enem
Revisao de biologia para o enemRevisao de biologia para o enem
Revisao de biologia para o enem
 

Semelhante a O que são protistas

A.P.Point.Protistas.ProtozoáRios2007.Grav
A.P.Point.Protistas.ProtozoáRios2007.GravA.P.Point.Protistas.ProtozoáRios2007.Grav
A.P.Point.Protistas.ProtozoáRios2007.GravAlbano Novaes
 
Classificação dos Seres Vivos
Classificação dos Seres VivosClassificação dos Seres Vivos
Classificação dos Seres VivosJuliana Mendes
 
Apresentação para o 3ºano
Apresentação para o 3ºanoApresentação para o 3ºano
Apresentação para o 3ºanoGlauco Duarte
 
Zoologia dos invertebrados
Zoologia dos invertebradosZoologia dos invertebrados
Zoologia dos invertebradospaulogrillo
 
Organização dos seres vivos
Organização dos seres vivosOrganização dos seres vivos
Organização dos seres vivosEdimar Lopes
 
10 capitulo 07 chiroptera
10 capitulo 07   chiroptera10 capitulo 07   chiroptera
10 capitulo 07 chiropteraLetkristiane
 
classificação dos seres vivos e caracteristicas
classificação dos seres vivos e caracteristicasclassificação dos seres vivos e caracteristicas
classificação dos seres vivos e caracteristicasCelianeOliveira8
 
classificação dos seres vivos e caracteristicas
classificação dos seres vivos e caracteristicasclassificação dos seres vivos e caracteristicas
classificação dos seres vivos e caracteristicasCelianeOliveira8
 
MÓDULO-19-E-20-ARTRÓPODES-22.08.16.pdf
MÓDULO-19-E-20-ARTRÓPODES-22.08.16.pdfMÓDULO-19-E-20-ARTRÓPODES-22.08.16.pdf
MÓDULO-19-E-20-ARTRÓPODES-22.08.16.pdfKotomiUzumaki
 
Capítulo 10 – a origem de novas espécies
Capítulo 10 – a origem de novas espéciesCapítulo 10 – a origem de novas espécies
Capítulo 10 – a origem de novas espéciesLilian Nubia
 
Ciências - Reino Protista
Ciências - Reino ProtistaCiências - Reino Protista
Ciências - Reino ProtistaCAvancar
 

Semelhante a O que são protistas (20)

Resumo - Biologia II
Resumo - Biologia IIResumo - Biologia II
Resumo - Biologia II
 
Resumo - Biologia II
Resumo - Biologia IIResumo - Biologia II
Resumo - Biologia II
 
artropodes 2021(1).pptx
artropodes 2021(1).pptxartropodes 2021(1).pptx
artropodes 2021(1).pptx
 
A.P.Point.Protistas.ProtozoáRios2007.Grav
A.P.Point.Protistas.ProtozoáRios2007.GravA.P.Point.Protistas.ProtozoáRios2007.Grav
A.P.Point.Protistas.ProtozoáRios2007.Grav
 
Classificação dos Seres Vivos
Classificação dos Seres VivosClassificação dos Seres Vivos
Classificação dos Seres Vivos
 
8 parasitologia
8 parasitologia8 parasitologia
8 parasitologia
 
8 parasitologia
8 parasitologia8 parasitologia
8 parasitologia
 
Parasitologia
ParasitologiaParasitologia
Parasitologia
 
Apresentação para o 3ºano
Apresentação para o 3ºanoApresentação para o 3ºano
Apresentação para o 3ºano
 
Cladística 2o.médio 2011
Cladística 2o.médio 2011Cladística 2o.médio 2011
Cladística 2o.médio 2011
 
Zoologia dos invertebrados
Zoologia dos invertebradosZoologia dos invertebrados
Zoologia dos invertebrados
 
Artrópodes
ArtrópodesArtrópodes
Artrópodes
 
Organização dos seres vivos
Organização dos seres vivosOrganização dos seres vivos
Organização dos seres vivos
 
10 capitulo 07 chiroptera
10 capitulo 07   chiroptera10 capitulo 07   chiroptera
10 capitulo 07 chiroptera
 
classificação dos seres vivos e caracteristicas
classificação dos seres vivos e caracteristicasclassificação dos seres vivos e caracteristicas
classificação dos seres vivos e caracteristicas
 
classificação dos seres vivos e caracteristicas
classificação dos seres vivos e caracteristicasclassificação dos seres vivos e caracteristicas
classificação dos seres vivos e caracteristicas
 
MÓDULO-19-E-20-ARTRÓPODES-22.08.16.pdf
MÓDULO-19-E-20-ARTRÓPODES-22.08.16.pdfMÓDULO-19-E-20-ARTRÓPODES-22.08.16.pdf
MÓDULO-19-E-20-ARTRÓPODES-22.08.16.pdf
 
1 diversidade da vida
1 diversidade da vida1 diversidade da vida
1 diversidade da vida
 
Capítulo 10 – a origem de novas espécies
Capítulo 10 – a origem de novas espéciesCapítulo 10 – a origem de novas espécies
Capítulo 10 – a origem de novas espécies
 
Ciências - Reino Protista
Ciências - Reino ProtistaCiências - Reino Protista
Ciências - Reino Protista
 

Mais de EdigleumaThatiany Menezes (11)

Carta apresentação
Carta apresentaçãoCarta apresentação
Carta apresentação
 
Acabamento de costura
Acabamento de costuraAcabamento de costura
Acabamento de costura
 
Modelo de laudo-tecnico
Modelo de laudo-tecnicoModelo de laudo-tecnico
Modelo de laudo-tecnico
 
Lei 8112 90
Lei 8112 90Lei 8112 90
Lei 8112 90
 
Administracao publica 2
Administracao publica 2Administracao publica 2
Administracao publica 2
 
Plano de desenvolvimento institucional (pdi) ufpa assist.tec.
Plano de desenvolvimento institucional (pdi) ufpa assist.tec.Plano de desenvolvimento institucional (pdi) ufpa assist.tec.
Plano de desenvolvimento institucional (pdi) ufpa assist.tec.
 
Exercicio basa funcionarios enviar
Exercicio basa funcionarios enviarExercicio basa funcionarios enviar
Exercicio basa funcionarios enviar
 
Apostila informatica basa funcionarios
Apostila informatica basa funcionariosApostila informatica basa funcionarios
Apostila informatica basa funcionarios
 
Informatica.3 exercicio
Informatica.3 exercicioInformatica.3 exercicio
Informatica.3 exercicio
 
Basa 2012 apost cb - mód. 02-02
Basa 2012   apost cb - mód. 02-02Basa 2012   apost cb - mód. 02-02
Basa 2012 apost cb - mód. 02-02
 
Conhec.bancários.parte i
Conhec.bancários.parte iConhec.bancários.parte i
Conhec.bancários.parte i
 

Último

AULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptx
AULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptxAULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptx
AULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptxrenatacolbeich1
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfIedaGoethe
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024SamiraMiresVieiradeM
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfaulasgege
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdfCarlosRodrigues832670
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira partecoletivoddois
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024GleyceMoreiraXWeslle
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfIedaGoethe
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?MrciaRocha48
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptxErivaldoLima15
 
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdfPLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdfProfGleide
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASEdinardo Aguiar
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptAlineSilvaPotuk
 

Último (20)

AULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptx
AULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptxAULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptx
AULA 7 - REFORMA PROTESTANTE SIMPLES E BASICA.pptx
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
 
(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..
(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..
(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
 
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdfPLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
 
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppttreinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
 

O que são protistas

  • 1.
  • 2. O que é Zoologia? Quais são as características de um animal? E de um “invertebrado”? Quem são os animais? De que forma os animais estão classificados? Qual a diversidade dos animais? Com relação a eles e aos outros organismos. Quando e como surgiram?
  • 3.  Segundo a literatura:  É o ramo da Biologia que estuda os animais sob os mais variados aspectos, entre eles:  “Estrutura, fisiologia e classificação”  “Diferentes formas do corpo, seu funcionamento e suas relações com o meio ambiente”  “morfologia, sistemática, evolução e ecologia, funcionamento dos animais, constituintes químicos dos tecidos, formação e desenvolvimento, propriedades e funções celulares”  ... entre outros
  • 4.  A diversidade dos animais e dos ramos da Zoologia:  Acarologia  Aracnologia  Cetologia  Malacologia  Entomologia  Etologia  Ictiologia  Mastozoologia  Mirmecologia  Ornitologia  Paleozoologia  Herpetologia
  • 5. Revista Brasileira de Zoologia v.23 n.4 Curitiba dez. 2006  Redescrição do canto de anúncio de Aplastodiscus arildae (Cruz & Peixoto) e descrição do canto de Aplastodiscus weygoldti (Cruz & Peixoto) com notas morfológicas sobre o gênero no Sudeste Brasileiro (Anura, Hylidae)  Diversidade de morcegos (Mammalia, Chiroptera) do Complexo Aporé- Sucuriú, Mato Grosso do Sul, Brasil  Padrões de parasitismo por Eutrombicula alfreddugesi (Oudemans) (Acari,Trombiculidae) em três espécies de Tropidurus Wied (Squamata,Tropiduridae) do Cerrado brasileiro
  • 6. Revista Brasileira de Zoologia v.23 n.4 Curitiba dez. 2006  Borboletas (Lepidoptera, Papilionoidea e Hesperioidea) do Parque Estadual do Espinilho e entorno, Rio Grande do Sul, Brasil  Desenvolvimento de Myrmeleon brasiliensis (Navás) (Neuroptera, Myrmeleontidae), em laboratório, com diferentes dietas naturais  Três espécies novas de Heteragrion Selys do Brasil com redescrição do holótipo de H. dorsale Selys (Odonata, Megapodagrionidae)  Dieta de Micoureus demerarae (Thomas) (Mammalia, Didelphidae) associada às florestas contíguas de mangue e terra firme em Bragança, Pará, Brasil
  • 7. Revista Brasileira de Zoologia v.23 n.4 Curitiba dez. 2006  Influência da urbanização sobre as assembléias de peixes em três córregos de Maringá, Paraná  Dinâmica do desenvolvimento gonadal de Aegla platensis Schmitt (Decapoda,Anomura,Aeglidae)  Inventários biológicos rápidos de morcegos (Mammalia,Chiroptera) em três unidades de conservação do Amapá, Brasil  Taxonomia molecular de Plagioscion Heckel (Perciformes, Sciaenidae) e evidências de marcadores moleculares RFLPs de mtDNA para uma espécie invasora no rio Paraná, Sul do Brasil
  • 8.  Segundo Linnaeus:  Objetos naturais que crescem, vivem e sentem.  Plantas: crescem, vivem, mas não sentem.  Minerais:Crescem, mas não vivem e não sentem.
  • 9.  Segundo a literatura:  Eucariontes;  Heterótrofos;  Multicelulares;  Potencialmente móveis;  Providos de células gaméticas;  Providos de tecidos distintos;  Capazes de sintetizar colágeno.
  • 10.
  • 11.
  • 12.  De acordo com a literatura, nos seguintes filos:  Porifera (5500)  Placozoa (1)  Monoblastozoa (1)  Rhombozoa (70)  Orthonecitda (20)  Cnidaria (10 mil)  Ctenophora (100)  Platyhelmintes (20 mil)  Nemertea (900)  Rotifera (1800)
  • 13.  Gastrotricha (450)  Kinorhynca (150)  Nematoda (25 mil)  Nematomorpha (320)  Acantocephala (1100)  Entoprocta (150)  Gnathostomulida (80)  Priapula (16)  Loricifera (10)  Cycliophara (1)
  • 14.  Sipuncula (320)  Echiura (135)  Annelida (16500)  Onycophora (110)  Tardigrada (800)  Arthropoda (1.100.000)  Mollusca (90 mil)  Phoronida (20)  Ectoprocta (4500)  Brachiopoda (335)
  • 15.  Echinodermata (7 mil)  Chaetognatha (100)  Hemichordata (85)  Chordata (50 mil)
  • 16. Pergunta importante Da mesma forma que famílias são agrupadas em ordens, que ordens são agrupadas em classes , etc., filos não podem ser agrupados em categorias superiores???
  • 18.  Eucarionte;  Multicelular;  Heterótrofo;  Potencialmente móvel;  Provido de células gaméticas;  Provido de tecidos distintos;  E????  Literalmente: DESPROVIDO DEVÉRTEBRAS!!!
  • 19. 1. Porifera (5500) 2. Placozoa (1) 3. Monoblastozoa (1) 4. Rhombozoa (70) 5. Orthonecitda (20) 6. Cnidaria (10 mil) 7. Ctenophora (100) 8. Platyhelmintes (20 mil) 9. Nemertea (900) 10. Rotifera (1800) 11. Gastrotricha (450) 12. Kinorhynca (150) 13. Nematoda (25 mil) 14. Nematomorpha (320) 15. Acantocephala (1100) 16. Entoprocta (150) 17. Gnathostomulida (80) 18. Priapula (16) 19. Loricifera (10) 20. Cycliophara (1) 21. Sipuncula (320) 22. Echiura (135) 23. Annelida (16500) 24. Onycophora (110) 25. Tardigrada (800) 26. Arthropoda (1.100.000) 27. Mollusca (90 mil) 28. Phoronida (20) 29. Ectoprocta (4500) 30. Brachiopoda (335) 31. Echinodermata (7 mil) 32. Chaetognatha (100) 33. Hemichordata (85) 34. Chordata (50 mil) *“invertebrados”
  • 20. 1. Porifera (5500)* 2. Placozoa (1)* 3. Monoblastozoa (1)* 4. Rhombozoa (70)* 5. Orthonecitda (20)* 6. Cnidaria (10 mil)* 7. Ctenophora (100)* 8. Platyhelmintes (20 mil)* 9. Nemertea (900)* 10. Rotifera (1800)* 11. Gastrotricha (450)* 12. Kinorhynca (150)* 13. Nematoda (25 mil)* 14. Nematomorpha (320)* 15. Acantocephala (1100)* 16. Entoprocta (150)* 17. Gnathostomulida (80)* 18. Priapula (16)* 19. Loricifera (10)* 20. Cycliophara (1)* 21. Sipuncula (320)* 22. Echiura (135)* 23. Annelida (16500)* 24. Onycophora (110)* 25. Tardigrada (800)* 26. Arthropoda (1.100.000)* 27. Mollusca (90 mil)* 28. Phoronida (20)* 29. Ectoprocta (4500)* 30. Brachiopoda (335)* 31. Echinodermata (7 mil)* 32. Chaetognatha (100)* 33. Hemichordata (85)* 34. Chordata (50 mil) *“invertebrados”
  • 21. Pergunta importante Será que eu posso caracterizar um organismo pela ausência de uma ou mais características???
  • 22. Pergunta importante E porque os invertebrados não possuem uma categoria taxonômica???
  • 23.
  • 24. Total de espécies animais ~1.350.000 Ou seja 1.350.000 – 50.000 = 1.300.000 espécies de “invertebrados”
  • 25.
  • 26.
  • 27.  96% das espécies animais são “invertebrados”!  Mas será que 1.300.000 espécies refletem a realidade??  Estimativas variam de 10 a 30 milhões até 100 a 300 milhões de espécies ainda não descritas!
  • 28.
  • 29.  Mas e quanto à diversidade dos metazoários quando comparada a outros organismos?
  • 35.
  • 36.  Breve histórico.  Arqueano ~4.5 bilhões de anos  Proterozóico (Pré-cambriano) ~3.5 bilhões de anos  Fanerozóico ~570 milhões de anos ▪ Paleozóico ~570 ma ▪ Mesozóico ~250 ma ▪ Cenozóico ~65 ma
  • 37.
  • 38.  Pré-Cambriano:  Evidência do surgimento dos primeiros seres vivos – fósseis de cianobactérias (organismos fotossintetizantes) há 3,5 bi;  As rochas mais antigas conhecidas (3.8 bi), contudo, já contêm depósitos de carbono que indicam a presença de vida.
  • 39.  Pré-Cambriano:  Surgimento dos Eucariontes – fusão simbionte de dois (animais) ou três (vegetais) genomas independentes; ▪ Mitocôndrias derivadas de um ancestral similar à protobactéria. ▪ Cloroplastos derivados de cianobactérias.  1,4 bi: primeiro possível eucarionte, algas unicelulares.  0,9 bi: primeira evidência inquestionável.  1,3 bi: primeiro possível organismo multicelular.  0,9 bi: primeira evidência inquestionável (algas).
  • 40. Qual a importância da presença de organismos fotossintetizantes para o surgimento dos animais?
  • 41.
  • 42.  Pré-Cambriano:  A presença de organismos fotossintetizantes gradualmente aumentou a concentração de oxigênio na atmosfera; ▪ Nível moderado há 2,3 bi, grande incremento há cerca de 700 mi. ▪ Há aumento também no nível de ozônio, reduzindo o fluxo de raios UV.
  • 43.  Pré-Cambriano:  Origem dos animais!  ~1,0 bi: primeiras evidências fósseis: buracos no sedimento.  640 mi: primeira evidência inquestionável – A fauna de Ediacara. ▪ Animais de corpo mole, aparentemente achatados e bentônicos. ▪ A grande maioria em nada se assemelha aos filos atuais.
  • 44. A Fauna de Ediacara
  • 45. A Fauna de Ediacara
  • 46.  Ao final do Pré-cambriano a maior parte dessa fauna foi extinta!  Paleozóico: diversificação dos filos animais atuais e alguns extintos ainda no Cambriano;  Ao final do Paleozóico, Permiano, ocorre a maior extinção em massa na história daTerra (85% das spp marinhas e 70% das spp terrestres)...
  • 47.  Três hipóteses... com uma coisa em comum: ▪ Origem a partir de um ou mais protistas!
  • 48.
  • 49.  Inclui:  organismos heterotróficos, unicelulares, tradicionalmente classificados como Protozários;  organismos autotróficos, unicelulares, coloniais, ou multicelulares, denominados Algas;  organismos unicelulares ou multicelulares semelhantes a fungos.  Apesar de alguns serem multicelulares, carecem de especialização célula-tecido e não passam pelo processo de formação dos folhetos embrionários que ocorre em Metazoa e Plantae;
  • 50.  Inclui:  organismos heterotróficos, unicelulares, tradicionalmente classificados como Protozoários;  organismos autotróficos, unicelulares, coloniais, ou multicelulares, denominados Algas;  organismos unicelulares ou multicelulares semelhantes a fungos.  Apesar de alguns serem multicelulares, carecem de especialização célula-tecido e não passam pelo processo de formação dos folhetos embrionários que ocorre em Metazoa e Plantae;
  • 51.
  • 52.  Inclui:  organismos heterotróficos, unicelulares, tradicionalmente classificados como Protozoários;  organismos autotróficos, unicelulares, coloniais, ou multicelulares, denominados Algas;  organismos unicelulares ou multicelulares semelhantes a fungos.  Apesar de alguns serem multicelulares, carecem de especialização célula-tecido e não passam pelo processo de formação dos folhetos embrionários que ocorre em Metazoa e Plantae;
  • 53.
  • 54.  Inclui:  organismos heterotróficos, unicelulares, tradicionalmente classificados como Protozoários;  organismos autotróficos, unicelulares, coloniais, ou multicelulares, denominados Algas;  organismos unicelulares ou multicelulares semelhantes a fungos.  Apesar de alguns serem multicelulares, carecem de especialização célula-tecido e não passam pelo processo de formação dos folhetos embrionários que ocorre em Metazoa e Plantae;
  • 55.
  • 56.  Atualmente são considerados apenas como um agrupamento parafilético de ORGANISMOS EUCARIONTESQUE NÃO APRESENTAM O NÍVEL DE ORGANIZAÇÃOTECIDUALOBSERVADO NAS PLANTAS,ANIMAIS E FUNGOS;  Essencialmente... São organismos que não podem ser classificados em nenhum outro reino!
  • 59.  Três hipóteses... com uma coisa em comum: ▪ Origem a partir de um ou mais protistas!  Colonial;  Sincicial;  Simbiótica.