Professor João Luís
 No Crátilo (uma obra em forma de diálogo)
Platão trata de questões relativas à relação entre os
nomes e as coisas que os...
 Platão também é responsável pela explicação da
possibilidade do discurso sobre a falsidade e o não-ser;
 Falamos muitas...
 Filosofia da linguagem estuda a essência e a natureza dos
fenômenos linguísticos.
 Filosoficamente ela trata:
 do sign...
 Os filósofos da linguagem se ocupam muito com o que
significam palavras ou frases individuais ou o uso de
determinadas l...
 A fala é um ato individual de vontade e de inteligência;
 A linguagem está relacionada a uma coletividade e a
um proces...
 Os estudos da linguagem foram iniciados na Grécia
antiga.
 Segundo o mini dicionário Aurélio, a linguagem é
definida co...
 No dicionário linguístico:
“capacidade específica à espécie humana de
comunicar por meio de um sistema de signos vocais
...
 Para o alemão Edward Sapir:
“a linguagem chega a ser o meio de expressão de uma
sociedade, a tal ponto que o mundo real ...
 A linguagem pode ser caracterizada como a capacidade
viva que têm os falantes de produzir e entender
enunciados, e não c...
 Comunicação é o ato ou efeito de comunicar-se, a ação
de transmitir e receber mensagens por meio de
métodos e/ou process...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Slides da aula de Filosofia (João Luís) sobre O que é Linguagem?

591 visualizações

Publicada em

Slides da aula de Filosofia (João Luís) sobre O que é Linguagem?

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
591
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
24
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Slides da aula de Filosofia (João Luís) sobre O que é Linguagem?

  1. 1. Professor João Luís
  2. 2.  No Crátilo (uma obra em forma de diálogo) Platão trata de questões relativas à relação entre os nomes e as coisas que os mesmos designam.  Tal relação é natural ou convencional?  No final do diálogo ele admite que convenções sociais estão envolvidas na fixação dos nomes às coisas.
  3. 3.  Platão também é responsável pela explicação da possibilidade do discurso sobre a falsidade e o não-ser;  Falamos muitas coisas que não são, ou são falsas.
  4. 4.  Filosofia da linguagem estuda a essência e a natureza dos fenômenos linguísticos.  Filosoficamente ela trata:  do significado linguístico;  do uso;  compreensão e aprendizagem da linguagem;  da interpretação;  da tradução;  de aspectos linguísticos do pensamento e da experiência.
  5. 5.  Os filósofos da linguagem se ocupam muito com o que significam palavras ou frases individuais ou o uso de determinadas linguagens em contextos específicos, os chamados “jogos de linguagem”
  6. 6.  A fala é um ato individual de vontade e de inteligência;  A linguagem está relacionada a uma coletividade e a um processo cultural.
  7. 7.  Os estudos da linguagem foram iniciados na Grécia antiga.  Segundo o mini dicionário Aurélio, a linguagem é definida como: “uso da palavra como meio de expressão e de comunicação entre pessoas. Forma de expressão pela linguagem própria dum indivíduo, grupo e classe social”.
  8. 8.  No dicionário linguístico: “capacidade específica à espécie humana de comunicar por meio de um sistema de signos vocais ou língua, que coloca em jogo uma técnica corporal complexa e supõe a existência de uma função simbólica e de centro nervoso geneticamente especializado.
  9. 9.  Para o alemão Edward Sapir: “a linguagem chega a ser o meio de expressão de uma sociedade, a tal ponto que o mundo real é inconscientemente construído sobre os hábitos de linguagem do grupo.  Em grande parte, vemos, ouvimos e temos outras experiências porque os hábitos da linguagem da nossa comunidade predispõe certas escolhas de interpretação”.
  10. 10.  A linguagem pode ser caracterizada como a capacidade viva que têm os falantes de produzir e entender enunciados, e não com os produtos observáveis que resultam no ato de falar ou de escrever.  Ela é uma habilidade criadora e não um mero produto.  A linguagem também pode ser conceituada como meio de expressão dos sentimentos individuais que proporciona ao homem a comunicação coletiva.
  11. 11.  Comunicação é o ato ou efeito de comunicar-se, a ação de transmitir e receber mensagens por meio de métodos e/ou processos convencionais.

×