Correção da Ficha de Avaliação 2

15.853 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
1 comentário
24 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
15.853
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
10
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
1
Gostaram
24
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Correção da Ficha de Avaliação 2

  1. 1. Escola E/B 2,3 de Valadares Ficha de Avaliação História e Geografia de Portugal – 5 º anoNome: ________________________________________________________________ Nº__ T ª ___ Data __/__/__Classificação ________________________ Prof.: _______________ Enc. de Educação : ___________________Na tua ficha de avaliação revelaste: Muitas dificuldades em adquirir e compreender os diferentes conhecimentos. Ainda dificuldades em adquirir, compreender, aplicar e relacionar os diferentes conhecimentos. Alguma facilidade em adquirir, compreender, aplicar e relacionar os diferentes conhecimentos. Facilidade em adquirir, compreender, aplicar e relacionar os diferentes conhecimentos. Muita facilidade em adquirir e compreender os diferentes conhecimentos.Por isso: estuda mais para superar as tuas dificuldades presta mais atenção às aulas continua a estudar melhora o teu comportamento GRUPO I - As primeiras comunidades recoletoras Fig. 1 – Comunidade recoletora 1. Como sabes, há muitos milhares de anos, a Península Ibérica já era habitada. Observa as figuras 1. 1.1Completa, corretamente, o texto que se segue. Comunidades recoletoras Os homens e mulheres destas comunidades tinham de lutar duramente pela sua sobrevivência, pois tinham dificuldade em suportar o frio intenso e proteger-se dos animais ferozes. Dedicavam-se à caça, à pesca e à recoleção. Abrigavam-se nas grutas e abrigos naturais. Alimentavam-se de carne, peixe, moluscos e frutos silvestres. Fabricavam instrumentos feitos em vários materiais como: osso e pedra. Gravavam e pintavam cenas de caça nas paredes das grutas. 1|P ági na
  2. 2. 2. Identifica as seguintes imagens legendando-as. imagens, C Arpão A Biface B Ponta de flecha2.1 Para que serviam estes instrumentos. O biface servia para esquartejar os animais; a ponta de flecha servia para caçar e o arpão servia para pescar.3. Por que é que chamamos nómadas às comunidades recoletoras? Chamamos nómadas às comunidades recoletoras pois, como tinham que se deslocar de região em região em busca de alimentos não viviam sempre no mesmo lugar.4. Preenche o esquema se seguinte: Cozinhar os alimentos Iluminar as cavernas Vantagens do fogo para as comunidades recoletoras Afastar os animais ferozes Aquecer as grutas nos dias frios5. Que nome dás ao tipo de arte representado na figura 2? Justifica. Fig. 2 Ao tipo de arte representado na figura 2 dou o nome de arte rupestre. Porque representa um tipo de pintura que as comunidades recoletoras faziam nas paredes das grutas em que representavam, por exemplo, os animais que caçavam. caçavam 2|P ági na
  3. 3. GRUPO II – As comunidades agro-pastoris Fig. 1 – Comunidade agro-pastoril 1.1Completa, corretamente, o texto que se segue. Comunidades agro-pastoris Estas comunidades foram abandonando, gradualmente, as grutas e foram melhorando a sua forma de vida. Passaram a dedicar-se: à agricultura, à pastorícia e à domesticação de animais. Como passaram a não precisar de se deslocar continuamente à procura de alimentos, podiam viver sempre no mesmo local. Por isso, dizemos que eram sedentárias. 2. Preenche, corretamente, o quadro que se segue. INSTRUMENTOS/TÉCNICAS FUNÇÃO Vasos de cerâmica / cerâmica Para transportar e guardar alimentos Tear /tecelagem Para fabricar o vestuário Foice Para cortar os cereais Para transportar e guardar Cestos / cestaria alimentos Mó / moagem Para triturar os cereais 3|P ági na
  4. 4. 3. A figura 2 representa um dos monumentos construídos pelas comunidades agro agro--pastoris. Fig. 2 3.1Refere o nome deste tipo de monumento. Refere Este tipo de monumento chama-se anta ou dólmen. chama 3.1.1 Qual era a sua função? A sua função era enterrar os mortos.4. Os povos do Norte e Oeste da Península Ibérica viviam em povoações chamadas«castros ou citânias». Baseando na figura que se segue, indica duas características dos Baseando-tecastros. De acordo com a figura 3, os castros caracterizavam-se por ter casas em forma circular e os telhados ser erem cobertos de colmo. Fig. 3 – Citânia de Briteiros - Guimarães5. Preenche os espaços em branco. “As armas e instrumentos dos Celtas feitos em ferro, eram mais resistentes do que os feitos ,em madeira.” “Os povos do Sul e Sudeste da Península Ibérica eram mais evoluídos do que os do Norte,porque comercializavam com os Fenícios, Gregos e Cartagineses.6. Preenche o esquema, indicando três produtos trazidos para a Península Ibérica e três produtos levados da Península Ibérica. POVOS DO MEDITERRÂNEO 1. Ouro; 2. Prata 3. Cobre ⊳1. Objetos de vidro 2. Adornos 3. Tecidos de cor vidro; púrpura 4|P ági na
  5. 5. GRUPO III – Os Romanos na Península Ibérica 1. Lê o documento com atenção e responde. DOC. 1 «(…) são hábeis na luta de guerrilhas e em armar emboscadas. Usam um pequeno escudo redondo suspenso do pescoço por correias e um punhal ou espada. Usam, como as mulheres, o cabelo comprido que, durante o combate, prendem com uma faixa atada na testa.(…)» Estrabão, “Geografia” 1.1 Diz o nome do povo, descrito no documento 1, conhecido por ter resistido à invasão dos Romanos na Península Ibérica. O povo, descrito no documento 1, conhecido por ter resistido à invasão dos Romanos na Península Ibérica era o povo Lusitano. 2. Observa o mapa da figura 1. Fig. 1 – Mapa do Império Romano no século I d. C. 2.1 Indica uma das razões que terá levado os Romanos a invadir a Península Ibérica. Uma das razões que terá levado os Romanos a invadir a Península Ibérica foi as riquezas que existiam na Península Ibérica. 2.2 Por que razão os Romanos chamavam ao mar Mediterrâneo «mare nostrum»? Porque como conquistaram todos os territórios à volta do mar Mediterrâneo, passaram a controlar a navegação e o comércio que ali se fazia. Consideravam, assim, que o mar era deles e, por isso, nenhum outro povo podia aí navegar sem a sua autorização. 5|P ági na
  6. 6. 3. Das afirmações que se seguem escolhe aquela que define, corretamente, o conceito de Romanização. a) Utilização de um forte e organizado exército para conquistar muitos territórios. b) Transformações das paisagens e do modo de vida dos povos peninsulares, por influência dos Romanos. c) Designa os povos que passaram a falar a língua dos Romanos. d) Designa o tipo de construções feitas pelos Romanos.4. Preenche o crucigrama que se segue com as informações pedidas. 1. Construíram-nas para unir as cidades mais importantes e permitir uma ligação rápida a Roma. (A) 2. Língua falada pelos Romanos que passou a ser falada na Península Ibérica. 3. Construções romanas destinada a espetáculos como lutas entre gladiadores. (B) 4. O mesmo que balneários públicos. (C) 5. Construções romanas destinadas a levar a água às cidades. (D) 6. Construções romanas destinadas à adoração dos deuses. (E) 7. Construções romanas para comemorar os feitos dos seus heróis. (F) 8/9/10. Três produtos agrícolas muito explorados, na Península Ibérica, pelos romanos. A C B D E F 1. E S T R A D A S 2. L A T I M 3. T E A T R O S 4. T E R M A S 5. A Q U E D U T O S 6. T E M P L O S 7. M O N U M E N T O S 8. V I N H O 9. A Z E I T E Bom trabalho! 10. T R I G O A professora: Carla Martins 6|P ági na

×