SlideShare uma empresa Scribd logo
Processo e Desenvolvimento de 
Software 
Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de sistemas 
Faculdade JK Santa Maria 
Professor : George Mendonça 
Alunos : Edinaldo Mendes 
Ronilda Mendes 
Tiago Machado
Metodologias Ágeis 
Introdução 
Nesta apresentação iremos falar um pouco sobre métodos ágeis; 
. Como surgiu; 
. Por que surgiu; 
. Quem desenvolveu esse novo método; 
. Quem usa atualmente; 
. Vantagens e desvantagens; 
. Exemplo de algumas metodologias ágeis.
Metodologias Ágeis 
Definição 
Abordagem ágil ou metodologia ágil é um conjunto 
de processos para desenvolvimento de software, ou 
seja, é uma coleção de metodologias baseada na 
prática para modelagem efetiva de sistemas 
baseados em software.
Metodologias Ágeis 
• As metodologias ágeis tem a função de minimizar 
os riscos da “não entrega” do software no período 
estipulado, no qual é chamado de interações 
(entrega da parte do projeto) e essas interações tem 
um tempo muito curto para serem criados, os quais 
gastam normalmente de uma até quatro semanas.
Projetos de software quase sempre falham
Metodologias ágeis 
•Temos projetos que sempre falham… 
• A maioria das funcionalidades nunca serão usadas pelo 
usuário. 
• Nos projetos com sucesso, apenas 42% das 
funcionalidades previstas no início estavam no produto final, 
Qual será o RESULTADO? 
Cliente Insatisfeito!.
Metodologias ágeis 
Como surgiu os Métodos Ágeis? 
As Metodologias Ágeis tornaram-se popular a 
partir de 2001 quando um grupo de dezessete 
especialistas em processos de desenvolvimento de 
software decidiu se reunir nos EUA, para discutir 
maneiras de melhorar o desempenho de seus 
projetos.
Metodologias ágeis 
Como surgiu os Métodos Ágeis? 
Através dessa reunião se criou o manifesto ágil que 
também ficou conhecido como ''Software 
Development Alliance'', comprometida com o 
avanço e princípios de desenvolvimento e práticas 
ágeis.
Manifesto Ágil 
VALORES DO MANIFESTO ÁGIL: 
INDIVÍDUOS E ITERAÇÕES mais que 
Ferramentas e Processos 
• SOFTWARE FUNCIONANDO mais que 
Documentação Abrangente 
• COLABORAÇÃO COM O CLIENTE mais que 
Negociação de Contratos 
• RESPONDER A MUDANÇAS mais que 
Seguir um Plano 
• Ou seja, mesmo havendo valor nos item à direita, valorizamos mais os itens à esquerda."
Manifesto Ágil 
• VALORES DO MANIFESTO ÁGIL: 
O Manifesto Ágil deixa bem claro que os 
processos, ferramentas, documentação, a 
negociação de contratos ou o planejamento, têm 
importância secundária quando comparado com os 
indivíduos e interações, com o software 
funcionando, com a colaboração com o cliente e as 
respostas rápidas a mudanças e alterações.
Manifesto Ágil 
• PARA QUÊ SURGIU OS METODOS ÁGEIS? 
Os Métodos Ágeis são Orientados a pessoas e não 
a processos: os processos de desenvolvimento de 
software tem função de funcionar 
independentemente de quem os executa. Já os 
métodos Ágeis levam em consideração os 
indivíduos, sendo elaborados para auxiliá-los.
12 principios do manifesto Ágil 
● Nossa maior prioridade é satisfazer o cliente, 
através da entrega adiantada e contínua de software 
de valor. 
● Aceitar mudanças de requisitos, mesmo no fim do 
desenvolvimento. Processos ágeis se adequam a 
mudanças, para que o cliente possa tirar vantagens 
competitivas. 
● Entregar software funcionando com freqüencia, na 
escala de semanas até meses, com preferência aos 
períodos mais curtos. 
● Pessoas relacionadas à negócios e 
desenvolvedores devem trabalhar em conjunto e 
diáriamente, durante todo o curso do projeto.
12 principios do manifesto Ágil 
● Construir projetos ao redor de indivíduos motivados. 
Dando a eles o ambiente e suporte necessário, e 
confiar que farão seu trabalho. 
● O Método mais eficiente e eficaz de transmitir 
informações para, e por dentro de um time de 
desenvolvimento, é através de uma conversa cara a 
cara. 
● Software funcional é a medida primária de progresso. 
● Processos ágeis promovem um ambiente 
sustentável. Os patrocinadores, desenvolvedores e 
usuários, devem ser capazes de manter 
indefinidamente, passos constantes.
12 principios do manifesto Ágil 
● Contínua atenção à excelência técnica e bom 
design, aumenta a agilidade. 
● Simplicidade: a arte de maximizar a quantidade de 
trabalho que não precisou ser feito. 
● As melhores arquiteturas, requisitos e designs 
emergem de times auto-organizáveis. 
● Em intervalos regulares, o time reflete em como 
ficar mais efetivo, então, se ajustam e otimizam 
seu comportamento de acordo. 
Fonte:maifestoagil.com.br/princípios
Metodologias Ágeis 
Quais as empresas que usam atualmente os métodos ágeis: 
● Google 
● Microsoft 
● Yahoo 
● Siemens 
● Nokia 
● Philips 
● Amazon.com 
● HP 
● Intel 
● Xerox 
● Uol 
● Globo.com
VANTAGENS 
●Redução do tempo de entrega da primeira versão do 
software pedido. 
● o número de projetos falhados por não 
corresponderem aos desejos do cliente é muito 
reduzido. 
● Os ‘Métodos Ágeis’ seguem um processo iterativo de 
desenvolvimento e de sucessivas entregas ao cliente.
Vantagens 
● Equipes pequenas, auto organizadas e altamente 
motivadas. 
● Rapidez no desenvolvimento com um grande índice 
de satisfação por parte do cliente. 
● Prioridades podem ser alteradas.
Desvantagens 
● Falta de planejamento do escopo. 
● Prazo – Como a qualidade é mais importante do que o resultado, pode ser que 
os prazos não sejam estipulados de forma coerente. 
● Desordem nas funções – a presença de papéis indefinidos nas funções 
presentes no projeto podem dar alguns problemas relacionados a 
comunicação interna e deixar os programadores confusos quanto as suas 
tarefas. 
● Ausência de documentação –A falta de documentações sobre o andamento 
do projeto pode ser um grande problema. Por isso é importante documentar 
aspectos que sejam verdadeiramente importantes 
Fonte: PORTAL EDUCAÇÃO .
Exemplos de metodologias ágeis 
● Extreme Programming (XP) 
● Scrum 
● Feature Driven Development ( FDD ) 
● Dynamic Systems Development Method (DSDM)
Links relacionados 
• www.blogti.microcampsp.com.br 
• www.portaleducacao.com.br 
• http://pt.wikipedia.org/wiki/Desenvolvimento_ 
%C3%A1gil_de_software 
• www.ibm.com/developerworks
FINALIZANDO 
MUITO OBRIGADO PELA 
ATENÇÃO! TENHAM UMA 
BOA NOITE.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Metodologia Ágil
Metodologia ÁgilMetodologia Ágil
Metodologia Ágil
Alex Vieira, MBA
 
Aula - Metodologias Ágeis
Aula - Metodologias ÁgeisAula - Metodologias Ágeis
Aula - Metodologias Ágeis
Mauricio Cesar Santos da Purificação
 
Princípios ágeis - UFRGS 2013
Princípios ágeis - UFRGS 2013Princípios ágeis - UFRGS 2013
Princípios ágeis - UFRGS 2013
Lourenco P Soares
 
Métodos ágeis de desenvolvimento de software
Métodos ágeis de desenvolvimento de softwareMétodos ágeis de desenvolvimento de software
Métodos ágeis de desenvolvimento de software
Jerônimo Medina Madruga
 
Uma abordagem às Metodologias Ágeis em Gerência de Projetos
Uma abordagem às Metodologias Ágeis em Gerência de ProjetosUma abordagem às Metodologias Ágeis em Gerência de Projetos
Uma abordagem às Metodologias Ágeis em Gerência de Projetos
Giovani Elísio Silva
 
Manifesto Ágil
Manifesto ÁgilManifesto Ágil
Manifesto Ágil
Serge Rehem
 
Princípios Ágeis
Princípios ÁgeisPrincípios Ágeis
Princípios Ágeis
Lourenco P Soares
 
Agile
AgileAgile
Palestra Métodos Ágeis SERPRO
Palestra Métodos Ágeis SERPROPalestra Métodos Ágeis SERPRO
Palestra Métodos Ágeis SERPRO
Wildtech
 
Valores e principios das metodologias ágeis
Valores e principios das metodologias ágeisValores e principios das metodologias ágeis
Valores e principios das metodologias ágeis
Karol Oliveira
 
Agilidade - Palestra -Prodabel
Agilidade - Palestra -ProdabelAgilidade - Palestra -Prodabel
Agilidade - Palestra -Prodabel
Yoris Linhares
 
Formação de Equipes de Alto Desempenho para Desenvolvimento de Software: O Pa...
Formação de Equipes de Alto Desempenho para Desenvolvimento de Software: O Pa...Formação de Equipes de Alto Desempenho para Desenvolvimento de Software: O Pa...
Formação de Equipes de Alto Desempenho para Desenvolvimento de Software: O Pa...
Alejandro Olchik
 
O que é um Processo Ágil? | BRUNO FERNANDES CHIMIESKI
O que é um Processo Ágil? | BRUNO FERNANDES CHIMIESKIO que é um Processo Ágil? | BRUNO FERNANDES CHIMIESKI
O que é um Processo Ágil? | BRUNO FERNANDES CHIMIESKI
Bruno Fernandes Chimieski
 
Palestra Do AS IS ao TO BE em 5 dias
Palestra Do AS IS ao TO BE em 5 diasPalestra Do AS IS ao TO BE em 5 dias
Palestra Do AS IS ao TO BE em 5 dias
Jonas Beto Rompkovski
 
Leds zeppellin infraestrutura de apoio ao desenvolvimento
Leds zeppellin   infraestrutura de apoio ao desenvolvimentoLeds zeppellin   infraestrutura de apoio ao desenvolvimento
Leds zeppellin infraestrutura de apoio ao desenvolvimento
ledsifes
 
Gerenciamento de equipes no desenvolvimento de software
Gerenciamento de equipes no desenvolvimento de softwareGerenciamento de equipes no desenvolvimento de software
Gerenciamento de equipes no desenvolvimento de software
Roberto Brandini
 
Scrum - Gerenciamento de Projetos
Scrum - Gerenciamento de ProjetosScrum - Gerenciamento de Projetos
Scrum - Gerenciamento de Projetos
William Lima
 
Manifesto Agil
Manifesto AgilManifesto Agil
Manifesto Agil
Saulo Arruda
 
Métodos Ágeis para Desenvolvimento de Software
Métodos Ágeis para Desenvolvimento de SoftwareMétodos Ágeis para Desenvolvimento de Software
Métodos Ágeis para Desenvolvimento de Software
alexandre_malaquias
 

Mais procurados (19)

Metodologia Ágil
Metodologia ÁgilMetodologia Ágil
Metodologia Ágil
 
Aula - Metodologias Ágeis
Aula - Metodologias ÁgeisAula - Metodologias Ágeis
Aula - Metodologias Ágeis
 
Princípios ágeis - UFRGS 2013
Princípios ágeis - UFRGS 2013Princípios ágeis - UFRGS 2013
Princípios ágeis - UFRGS 2013
 
Métodos ágeis de desenvolvimento de software
Métodos ágeis de desenvolvimento de softwareMétodos ágeis de desenvolvimento de software
Métodos ágeis de desenvolvimento de software
 
Uma abordagem às Metodologias Ágeis em Gerência de Projetos
Uma abordagem às Metodologias Ágeis em Gerência de ProjetosUma abordagem às Metodologias Ágeis em Gerência de Projetos
Uma abordagem às Metodologias Ágeis em Gerência de Projetos
 
Manifesto Ágil
Manifesto ÁgilManifesto Ágil
Manifesto Ágil
 
Princípios Ágeis
Princípios ÁgeisPrincípios Ágeis
Princípios Ágeis
 
Agile
AgileAgile
Agile
 
Palestra Métodos Ágeis SERPRO
Palestra Métodos Ágeis SERPROPalestra Métodos Ágeis SERPRO
Palestra Métodos Ágeis SERPRO
 
Valores e principios das metodologias ágeis
Valores e principios das metodologias ágeisValores e principios das metodologias ágeis
Valores e principios das metodologias ágeis
 
Agilidade - Palestra -Prodabel
Agilidade - Palestra -ProdabelAgilidade - Palestra -Prodabel
Agilidade - Palestra -Prodabel
 
Formação de Equipes de Alto Desempenho para Desenvolvimento de Software: O Pa...
Formação de Equipes de Alto Desempenho para Desenvolvimento de Software: O Pa...Formação de Equipes de Alto Desempenho para Desenvolvimento de Software: O Pa...
Formação de Equipes de Alto Desempenho para Desenvolvimento de Software: O Pa...
 
O que é um Processo Ágil? | BRUNO FERNANDES CHIMIESKI
O que é um Processo Ágil? | BRUNO FERNANDES CHIMIESKIO que é um Processo Ágil? | BRUNO FERNANDES CHIMIESKI
O que é um Processo Ágil? | BRUNO FERNANDES CHIMIESKI
 
Palestra Do AS IS ao TO BE em 5 dias
Palestra Do AS IS ao TO BE em 5 diasPalestra Do AS IS ao TO BE em 5 dias
Palestra Do AS IS ao TO BE em 5 dias
 
Leds zeppellin infraestrutura de apoio ao desenvolvimento
Leds zeppellin   infraestrutura de apoio ao desenvolvimentoLeds zeppellin   infraestrutura de apoio ao desenvolvimento
Leds zeppellin infraestrutura de apoio ao desenvolvimento
 
Gerenciamento de equipes no desenvolvimento de software
Gerenciamento de equipes no desenvolvimento de softwareGerenciamento de equipes no desenvolvimento de software
Gerenciamento de equipes no desenvolvimento de software
 
Scrum - Gerenciamento de Projetos
Scrum - Gerenciamento de ProjetosScrum - Gerenciamento de Projetos
Scrum - Gerenciamento de Projetos
 
Manifesto Agil
Manifesto AgilManifesto Agil
Manifesto Agil
 
Métodos Ágeis para Desenvolvimento de Software
Métodos Ágeis para Desenvolvimento de SoftwareMétodos Ágeis para Desenvolvimento de Software
Métodos Ágeis para Desenvolvimento de Software
 

Destaque

Metodologias ágeis de desenvolvimento
Metodologias ágeis de desenvolvimento Metodologias ágeis de desenvolvimento
Metodologias ágeis de desenvolvimento
Paulo Ricardo Dalmagro Vinck
 
Framework para Integração de Metodologias Ágeis com o Controle Estatístico de...
Framework para Integração de Metodologias Ágeis com o Controle Estatístico de...Framework para Integração de Metodologias Ágeis com o Controle Estatístico de...
Framework para Integração de Metodologias Ágeis com o Controle Estatístico de...
Ana Pavan
 
Flavours of agile software engineering
Flavours of agile software engineeringFlavours of agile software engineering
Flavours of agile software engineering
Zeeshan Masood S
 
Scrum - Fundamentos, teorias e práticas!
Scrum - Fundamentos, teorias e práticas!Scrum - Fundamentos, teorias e práticas!
Scrum - Fundamentos, teorias e práticas!
Annelise Gripp
 
Gestão da qualidade metodologia ágil v01 (2)
Gestão da qualidade   metodologia ágil v01 (2)Gestão da qualidade   metodologia ágil v01 (2)
Gestão da qualidade metodologia ágil v01 (2)
Sabrina Mariana
 
Apresentação Scrum, Xp e Kanban
Apresentação Scrum, Xp e KanbanApresentação Scrum, Xp e Kanban
Apresentação Scrum, Xp e Kanban
Manoela Oliveira
 
Tenha Valores e Principios (Manifesto Agil)
Tenha Valores e Principios  (Manifesto Agil)Tenha Valores e Principios  (Manifesto Agil)
Tenha Valores e Principios (Manifesto Agil)
Fábio Aguiar
 
Metodologias Ágeis para Gestão e Planejamento de Projetos Scrum - XP - Kanban
Metodologias Ágeis para Gestão e Planejamento de Projetos Scrum - XP - KanbanMetodologias Ágeis para Gestão e Planejamento de Projetos Scrum - XP - Kanban
Metodologias Ágeis para Gestão e Planejamento de Projetos Scrum - XP - Kanban
Matheus Costa
 
eXtreme Programming (XP)
eXtreme Programming (XP)eXtreme Programming (XP)
eXtreme Programming (XP)
Carlos Henrique Martins da Silva
 
Extreme programming (xp) - Resumo
Extreme programming (xp) - ResumoExtreme programming (xp) - Resumo
Extreme programming (xp) - Resumo
Daniel Brandão
 
Entendendo Scrum, Kanban e Programação Extrema
Entendendo Scrum, Kanban e Programação ExtremaEntendendo Scrum, Kanban e Programação Extrema
Entendendo Scrum, Kanban e Programação Extrema
Dairton Bassi
 
Requisitos ageis paulofurtado_2014
Requisitos ageis paulofurtado_2014Requisitos ageis paulofurtado_2014
Requisitos ageis paulofurtado_2014
Paulo Furtado
 

Destaque (12)

Metodologias ágeis de desenvolvimento
Metodologias ágeis de desenvolvimento Metodologias ágeis de desenvolvimento
Metodologias ágeis de desenvolvimento
 
Framework para Integração de Metodologias Ágeis com o Controle Estatístico de...
Framework para Integração de Metodologias Ágeis com o Controle Estatístico de...Framework para Integração de Metodologias Ágeis com o Controle Estatístico de...
Framework para Integração de Metodologias Ágeis com o Controle Estatístico de...
 
Flavours of agile software engineering
Flavours of agile software engineeringFlavours of agile software engineering
Flavours of agile software engineering
 
Scrum - Fundamentos, teorias e práticas!
Scrum - Fundamentos, teorias e práticas!Scrum - Fundamentos, teorias e práticas!
Scrum - Fundamentos, teorias e práticas!
 
Gestão da qualidade metodologia ágil v01 (2)
Gestão da qualidade   metodologia ágil v01 (2)Gestão da qualidade   metodologia ágil v01 (2)
Gestão da qualidade metodologia ágil v01 (2)
 
Apresentação Scrum, Xp e Kanban
Apresentação Scrum, Xp e KanbanApresentação Scrum, Xp e Kanban
Apresentação Scrum, Xp e Kanban
 
Tenha Valores e Principios (Manifesto Agil)
Tenha Valores e Principios  (Manifesto Agil)Tenha Valores e Principios  (Manifesto Agil)
Tenha Valores e Principios (Manifesto Agil)
 
Metodologias Ágeis para Gestão e Planejamento de Projetos Scrum - XP - Kanban
Metodologias Ágeis para Gestão e Planejamento de Projetos Scrum - XP - KanbanMetodologias Ágeis para Gestão e Planejamento de Projetos Scrum - XP - Kanban
Metodologias Ágeis para Gestão e Planejamento de Projetos Scrum - XP - Kanban
 
eXtreme Programming (XP)
eXtreme Programming (XP)eXtreme Programming (XP)
eXtreme Programming (XP)
 
Extreme programming (xp) - Resumo
Extreme programming (xp) - ResumoExtreme programming (xp) - Resumo
Extreme programming (xp) - Resumo
 
Entendendo Scrum, Kanban e Programação Extrema
Entendendo Scrum, Kanban e Programação ExtremaEntendendo Scrum, Kanban e Programação Extrema
Entendendo Scrum, Kanban e Programação Extrema
 
Requisitos ageis paulofurtado_2014
Requisitos ageis paulofurtado_2014Requisitos ageis paulofurtado_2014
Requisitos ageis paulofurtado_2014
 

Semelhante a Trabalho pds libre office 2

1MA5591D-desenvolvimento agil_alunos.pdf
1MA5591D-desenvolvimento agil_alunos.pdf1MA5591D-desenvolvimento agil_alunos.pdf
1MA5591D-desenvolvimento agil_alunos.pdf
suporteredework1
 
O Gerenciamento de Projetos de Software Desenvolvidos à Luz das Metodologias ...
O Gerenciamento de Projetos de Software Desenvolvidos à Luz das Metodologias ...O Gerenciamento de Projetos de Software Desenvolvidos à Luz das Metodologias ...
O Gerenciamento de Projetos de Software Desenvolvidos à Luz das Metodologias ...
Ivo M Michalick Vasconcelos, PMP, PMI-SP, CPCC
 
Grupo 3 - Gestão Ágil (3).pptx
Grupo 3 - Gestão Ágil (3).pptxGrupo 3 - Gestão Ágil (3).pptx
Grupo 3 - Gestão Ágil (3).pptx
ssuser064821
 
Princípios Ágeis
Princípios ÁgeisPrincípios Ágeis
Princípios Ágeis
PedroLuizMartinsCruz
 
Metodologia Ágil
Metodologia ÁgilMetodologia Ágil
Metodologia Ágil
Elaine Cecília Gatto
 
Metodos ageis
Metodos ageisMetodos ageis
Metodos ageis
Fábio Giordani
 
Manifesto Ágil.pdf
Manifesto Ágil.pdfManifesto Ágil.pdf
Manifesto Ágil.pdf
LeonardoCristianoQui
 
Scrum uma metodologia ágil paragestão e planejamento de projetos de software
Scrum uma metodologia ágil paragestão e planejamento de projetos de softwareScrum uma metodologia ágil paragestão e planejamento de projetos de software
Scrum uma metodologia ágil paragestão e planejamento de projetos de software
Thiago Reis da Silva
 
Lean Thinking e Agile para desenvolvimento de software
Lean Thinking e Agile para desenvolvimento de softwareLean Thinking e Agile para desenvolvimento de software
Lean Thinking e Agile para desenvolvimento de software
Tiago França
 
Lean software
Lean software Lean software
Lean software
Sergio Crespo
 
SeminarioGerenciamentoAgil (1).ppt
SeminarioGerenciamentoAgil (1).pptSeminarioGerenciamentoAgil (1).ppt
SeminarioGerenciamentoAgil (1).ppt
DavidMaciel34
 
Desenvolvimento ágil de software
Desenvolvimento ágil de softwareDesenvolvimento ágil de software
Desenvolvimento ágil de software
diogenes.araujo
 
anhanguera _ gestao de projetos _ u4 s2 _ projetos ágeis.pptx
anhanguera _ gestao de projetos _ u4 s2 _ projetos ágeis.pptxanhanguera _ gestao de projetos _ u4 s2 _ projetos ágeis.pptx
anhanguera _ gestao de projetos _ u4 s2 _ projetos ágeis.pptx
Alisson Batista
 
Processos Ágeis
Processos Ágeis Processos Ágeis
Processos Ágeis
ProfThiagoAAlves
 
Agile User Experience
Agile User ExperienceAgile User Experience
Agile User Experience
Lógica Digital
 
GESTÃO DE PROJETOS ÁGIL.pptx
GESTÃO DE PROJETOS ÁGIL.pptxGESTÃO DE PROJETOS ÁGIL.pptx
GESTÃO DE PROJETOS ÁGIL.pptx
JooVicthorThemistocl
 
Metodologias Ágeis: case de sucesso
Metodologias Ágeis: case de sucessoMetodologias Ágeis: case de sucesso
Metodologias Ágeis: case de sucesso
IETEC - Instituto de Educação Tecnológica
 
Métodos Ágeis de Gestão de Projetos aplicados à Gestão do Conhecimento
Métodos Ágeis de Gestão de Projetos aplicados à Gestão do ConhecimentoMétodos Ágeis de Gestão de Projetos aplicados à Gestão do Conhecimento
Métodos Ágeis de Gestão de Projetos aplicados à Gestão do Conhecimento
Claudia Hofart Guzzo
 
Desenvolvimento Ágil: um survey baseado em experiências profissionais @ CONIC...
Desenvolvimento Ágil: um survey baseado em experiências profissionais @ CONIC...Desenvolvimento Ágil: um survey baseado em experiências profissionais @ CONIC...
Desenvolvimento Ágil: um survey baseado em experiências profissionais @ CONIC...
André Luis Celestino
 
JORNADA DE TRANSFORMAÇÃO ÁGIL NAS EMPRESAS
JORNADA DE TRANSFORMAÇÃO ÁGIL NAS EMPRESAS JORNADA DE TRANSFORMAÇÃO ÁGIL NAS EMPRESAS
JORNADA DE TRANSFORMAÇÃO ÁGIL NAS EMPRESAS
Conselho Regional de Administração de São Paulo
 

Semelhante a Trabalho pds libre office 2 (20)

1MA5591D-desenvolvimento agil_alunos.pdf
1MA5591D-desenvolvimento agil_alunos.pdf1MA5591D-desenvolvimento agil_alunos.pdf
1MA5591D-desenvolvimento agil_alunos.pdf
 
O Gerenciamento de Projetos de Software Desenvolvidos à Luz das Metodologias ...
O Gerenciamento de Projetos de Software Desenvolvidos à Luz das Metodologias ...O Gerenciamento de Projetos de Software Desenvolvidos à Luz das Metodologias ...
O Gerenciamento de Projetos de Software Desenvolvidos à Luz das Metodologias ...
 
Grupo 3 - Gestão Ágil (3).pptx
Grupo 3 - Gestão Ágil (3).pptxGrupo 3 - Gestão Ágil (3).pptx
Grupo 3 - Gestão Ágil (3).pptx
 
Princípios Ágeis
Princípios ÁgeisPrincípios Ágeis
Princípios Ágeis
 
Metodologia Ágil
Metodologia ÁgilMetodologia Ágil
Metodologia Ágil
 
Metodos ageis
Metodos ageisMetodos ageis
Metodos ageis
 
Manifesto Ágil.pdf
Manifesto Ágil.pdfManifesto Ágil.pdf
Manifesto Ágil.pdf
 
Scrum uma metodologia ágil paragestão e planejamento de projetos de software
Scrum uma metodologia ágil paragestão e planejamento de projetos de softwareScrum uma metodologia ágil paragestão e planejamento de projetos de software
Scrum uma metodologia ágil paragestão e planejamento de projetos de software
 
Lean Thinking e Agile para desenvolvimento de software
Lean Thinking e Agile para desenvolvimento de softwareLean Thinking e Agile para desenvolvimento de software
Lean Thinking e Agile para desenvolvimento de software
 
Lean software
Lean software Lean software
Lean software
 
SeminarioGerenciamentoAgil (1).ppt
SeminarioGerenciamentoAgil (1).pptSeminarioGerenciamentoAgil (1).ppt
SeminarioGerenciamentoAgil (1).ppt
 
Desenvolvimento ágil de software
Desenvolvimento ágil de softwareDesenvolvimento ágil de software
Desenvolvimento ágil de software
 
anhanguera _ gestao de projetos _ u4 s2 _ projetos ágeis.pptx
anhanguera _ gestao de projetos _ u4 s2 _ projetos ágeis.pptxanhanguera _ gestao de projetos _ u4 s2 _ projetos ágeis.pptx
anhanguera _ gestao de projetos _ u4 s2 _ projetos ágeis.pptx
 
Processos Ágeis
Processos Ágeis Processos Ágeis
Processos Ágeis
 
Agile User Experience
Agile User ExperienceAgile User Experience
Agile User Experience
 
GESTÃO DE PROJETOS ÁGIL.pptx
GESTÃO DE PROJETOS ÁGIL.pptxGESTÃO DE PROJETOS ÁGIL.pptx
GESTÃO DE PROJETOS ÁGIL.pptx
 
Metodologias Ágeis: case de sucesso
Metodologias Ágeis: case de sucessoMetodologias Ágeis: case de sucesso
Metodologias Ágeis: case de sucesso
 
Métodos Ágeis de Gestão de Projetos aplicados à Gestão do Conhecimento
Métodos Ágeis de Gestão de Projetos aplicados à Gestão do ConhecimentoMétodos Ágeis de Gestão de Projetos aplicados à Gestão do Conhecimento
Métodos Ágeis de Gestão de Projetos aplicados à Gestão do Conhecimento
 
Desenvolvimento Ágil: um survey baseado em experiências profissionais @ CONIC...
Desenvolvimento Ágil: um survey baseado em experiências profissionais @ CONIC...Desenvolvimento Ágil: um survey baseado em experiências profissionais @ CONIC...
Desenvolvimento Ágil: um survey baseado em experiências profissionais @ CONIC...
 
JORNADA DE TRANSFORMAÇÃO ÁGIL NAS EMPRESAS
JORNADA DE TRANSFORMAÇÃO ÁGIL NAS EMPRESAS JORNADA DE TRANSFORMAÇÃO ÁGIL NAS EMPRESAS
JORNADA DE TRANSFORMAÇÃO ÁGIL NAS EMPRESAS
 

Último

Qualidade do Ar interior nas escolas.pptx
Qualidade do Ar interior nas escolas.pptxQualidade do Ar interior nas escolas.pptx
Qualidade do Ar interior nas escolas.pptx
MariaJooSilva58
 
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
Marcelo Botura
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Falcão Brasil
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LEDPlano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
luggio9854
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
ArapiracaNoticiasFat
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Falcão Brasil
 
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdfgestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
Maria das Graças Machado Rodrigues
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
MariaJooSilva58
 
Correio Aéreo Nacional (CAN) e Aviação de Transporte na FAB.pdf
Correio Aéreo Nacional (CAN) e Aviação de Transporte na FAB.pdfCorreio Aéreo Nacional (CAN) e Aviação de Transporte na FAB.pdf
Correio Aéreo Nacional (CAN) e Aviação de Transporte na FAB.pdf
Falcão Brasil
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Falcão Brasil
 
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
Manuais Formação
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

Qualidade do Ar interior nas escolas.pptx
Qualidade do Ar interior nas escolas.pptxQualidade do Ar interior nas escolas.pptx
Qualidade do Ar interior nas escolas.pptx
 
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LEDPlano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
 
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdfgestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
 
Festa dos Finalistas .
Festa dos Finalistas                    .Festa dos Finalistas                    .
Festa dos Finalistas .
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
 
Correio Aéreo Nacional (CAN) e Aviação de Transporte na FAB.pdf
Correio Aéreo Nacional (CAN) e Aviação de Transporte na FAB.pdfCorreio Aéreo Nacional (CAN) e Aviação de Transporte na FAB.pdf
Correio Aéreo Nacional (CAN) e Aviação de Transporte na FAB.pdf
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
 
Elogio da Saudade .
Elogio da Saudade                          .Elogio da Saudade                          .
Elogio da Saudade .
 
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 

Trabalho pds libre office 2

  • 1. Processo e Desenvolvimento de Software Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de sistemas Faculdade JK Santa Maria Professor : George Mendonça Alunos : Edinaldo Mendes Ronilda Mendes Tiago Machado
  • 2. Metodologias Ágeis Introdução Nesta apresentação iremos falar um pouco sobre métodos ágeis; . Como surgiu; . Por que surgiu; . Quem desenvolveu esse novo método; . Quem usa atualmente; . Vantagens e desvantagens; . Exemplo de algumas metodologias ágeis.
  • 3. Metodologias Ágeis Definição Abordagem ágil ou metodologia ágil é um conjunto de processos para desenvolvimento de software, ou seja, é uma coleção de metodologias baseada na prática para modelagem efetiva de sistemas baseados em software.
  • 4. Metodologias Ágeis • As metodologias ágeis tem a função de minimizar os riscos da “não entrega” do software no período estipulado, no qual é chamado de interações (entrega da parte do projeto) e essas interações tem um tempo muito curto para serem criados, os quais gastam normalmente de uma até quatro semanas.
  • 5. Projetos de software quase sempre falham
  • 6. Metodologias ágeis •Temos projetos que sempre falham… • A maioria das funcionalidades nunca serão usadas pelo usuário. • Nos projetos com sucesso, apenas 42% das funcionalidades previstas no início estavam no produto final, Qual será o RESULTADO? Cliente Insatisfeito!.
  • 7. Metodologias ágeis Como surgiu os Métodos Ágeis? As Metodologias Ágeis tornaram-se popular a partir de 2001 quando um grupo de dezessete especialistas em processos de desenvolvimento de software decidiu se reunir nos EUA, para discutir maneiras de melhorar o desempenho de seus projetos.
  • 8. Metodologias ágeis Como surgiu os Métodos Ágeis? Através dessa reunião se criou o manifesto ágil que também ficou conhecido como ''Software Development Alliance'', comprometida com o avanço e princípios de desenvolvimento e práticas ágeis.
  • 9. Manifesto Ágil VALORES DO MANIFESTO ÁGIL: INDIVÍDUOS E ITERAÇÕES mais que Ferramentas e Processos • SOFTWARE FUNCIONANDO mais que Documentação Abrangente • COLABORAÇÃO COM O CLIENTE mais que Negociação de Contratos • RESPONDER A MUDANÇAS mais que Seguir um Plano • Ou seja, mesmo havendo valor nos item à direita, valorizamos mais os itens à esquerda."
  • 10. Manifesto Ágil • VALORES DO MANIFESTO ÁGIL: O Manifesto Ágil deixa bem claro que os processos, ferramentas, documentação, a negociação de contratos ou o planejamento, têm importância secundária quando comparado com os indivíduos e interações, com o software funcionando, com a colaboração com o cliente e as respostas rápidas a mudanças e alterações.
  • 11. Manifesto Ágil • PARA QUÊ SURGIU OS METODOS ÁGEIS? Os Métodos Ágeis são Orientados a pessoas e não a processos: os processos de desenvolvimento de software tem função de funcionar independentemente de quem os executa. Já os métodos Ágeis levam em consideração os indivíduos, sendo elaborados para auxiliá-los.
  • 12. 12 principios do manifesto Ágil ● Nossa maior prioridade é satisfazer o cliente, através da entrega adiantada e contínua de software de valor. ● Aceitar mudanças de requisitos, mesmo no fim do desenvolvimento. Processos ágeis se adequam a mudanças, para que o cliente possa tirar vantagens competitivas. ● Entregar software funcionando com freqüencia, na escala de semanas até meses, com preferência aos períodos mais curtos. ● Pessoas relacionadas à negócios e desenvolvedores devem trabalhar em conjunto e diáriamente, durante todo o curso do projeto.
  • 13. 12 principios do manifesto Ágil ● Construir projetos ao redor de indivíduos motivados. Dando a eles o ambiente e suporte necessário, e confiar que farão seu trabalho. ● O Método mais eficiente e eficaz de transmitir informações para, e por dentro de um time de desenvolvimento, é através de uma conversa cara a cara. ● Software funcional é a medida primária de progresso. ● Processos ágeis promovem um ambiente sustentável. Os patrocinadores, desenvolvedores e usuários, devem ser capazes de manter indefinidamente, passos constantes.
  • 14. 12 principios do manifesto Ágil ● Contínua atenção à excelência técnica e bom design, aumenta a agilidade. ● Simplicidade: a arte de maximizar a quantidade de trabalho que não precisou ser feito. ● As melhores arquiteturas, requisitos e designs emergem de times auto-organizáveis. ● Em intervalos regulares, o time reflete em como ficar mais efetivo, então, se ajustam e otimizam seu comportamento de acordo. Fonte:maifestoagil.com.br/princípios
  • 15. Metodologias Ágeis Quais as empresas que usam atualmente os métodos ágeis: ● Google ● Microsoft ● Yahoo ● Siemens ● Nokia ● Philips ● Amazon.com ● HP ● Intel ● Xerox ● Uol ● Globo.com
  • 16. VANTAGENS ●Redução do tempo de entrega da primeira versão do software pedido. ● o número de projetos falhados por não corresponderem aos desejos do cliente é muito reduzido. ● Os ‘Métodos Ágeis’ seguem um processo iterativo de desenvolvimento e de sucessivas entregas ao cliente.
  • 17. Vantagens ● Equipes pequenas, auto organizadas e altamente motivadas. ● Rapidez no desenvolvimento com um grande índice de satisfação por parte do cliente. ● Prioridades podem ser alteradas.
  • 18. Desvantagens ● Falta de planejamento do escopo. ● Prazo – Como a qualidade é mais importante do que o resultado, pode ser que os prazos não sejam estipulados de forma coerente. ● Desordem nas funções – a presença de papéis indefinidos nas funções presentes no projeto podem dar alguns problemas relacionados a comunicação interna e deixar os programadores confusos quanto as suas tarefas. ● Ausência de documentação –A falta de documentações sobre o andamento do projeto pode ser um grande problema. Por isso é importante documentar aspectos que sejam verdadeiramente importantes Fonte: PORTAL EDUCAÇÃO .
  • 19. Exemplos de metodologias ágeis ● Extreme Programming (XP) ● Scrum ● Feature Driven Development ( FDD ) ● Dynamic Systems Development Method (DSDM)
  • 20. Links relacionados • www.blogti.microcampsp.com.br • www.portaleducacao.com.br • http://pt.wikipedia.org/wiki/Desenvolvimento_ %C3%A1gil_de_software • www.ibm.com/developerworks
  • 21. FINALIZANDO MUITO OBRIGADO PELA ATENÇÃO! TENHAM UMA BOA NOITE.