SlideShare uma empresa Scribd logo
TOULOUSE-LAUTREC



      Ana Pedro Carvalho nº5
Introdução
      Henri Toulouse-Lautrec, um pintor da
vida boémia de Paris, que esteve próximo dos
 impressionistas, mas que nunca partilhou o
        gosto pela pintura ao ar livre.
     Conheceu e conviveu com alguns artistas
 impressionistas como Van Gogh e Degas de
quem teve influências de temas para muitos
              dos seus quadros.
- Henri Toulouse-Lautrec nasceu a 24
  de Novembro de 1864;
- Filho da Condessa Adéle
  Tapié de Céleyran do Conde
  Alphonse de Toulouse-
  Lautrec-Monfa ;
- Em 1867 nasce o seu irmão
  Richard-Constantine que
  morre passado um ano de
  vida;
- Henri sofria de uma
  doença óssea
  hereditária, chamada
  picnodisostose;
- Sua mãe tentou curas e
  outras terapias que
  não tiveram qualquer
  resultado;
- E desde os seus 13, 14
  anos de idade não
  passou de 1 metro e 52;
Formação
-A condessa Adèle foi a
referência mais importante
na sua formação;

-Foi iniciado nos
conhecimentos elementares
da pintura por René
Princeteau, pintor amigo de
                              Estribeiro com dois cavalos, 1880
                              A mãe do artista, condessa Adèle de
seu pai;                      Toulouse-Lautrec, c. de 1881-1883
                              Óleo sobre cartão, 32.5x23.8cm
                              Óleo museutela, 93.5x81cm
                              Albi, sobre toulouse.lautrec
                              Albi, Museu Toulouse-Lautrec
-Em 1882 ingressou no
atelier do pintor Léon
Bonnat, que disse:
 “ A sua pintura não é
nada má, isto é notável,
mesmo nada má, mas o
seu desenho é
medonho”;

O jovem Routy em Céleyran, 1882
Óleo sobre tela, 61x51cm
Albi, Museu Toulouse-Lautrec
-Encontrou Fernand
Cormon, que gostava
sobretudo dos desenhos
de Henri;

- Mas a influência de
Princeteau, John Lewis
Brown e Jean-Louis
Forain, amigos de seu pai
e os impressionistas,
foram muito mais
                            Auto-retrato frente a um espelho c. 1880
importantes;                Óleo sobre cartão, 40.3x32.4cm
                            Albi, Museu Toulouse-Lautrec
-Com 23 anos faz, com
suaves traços, o retrato
de Van Gogh, num
café de Paris;
conhecem-se por volta
de Fevereiro de 1886;

-Eram colegas no
atelier de Fernand
Cormon;
                           Retrato de Vincent Van Gogh, 1887
                           Pastel sobre cartão, 54x45cm
                           Amesterdão, Museu Vincent Van Gogh
No Circo Fernando: a amazona, 1888
Óleo sobre tela, 100.3x161.3cm
Chicago, The Art Institute of Chicago
Para Lautrec, Degas foi
quem mais influenciou
entre os contemporâneos
mais velhos.
Alguns dos temas de
Henri são devido a
Degas.


                          Edgar Degas
                          Marie Dihau ao piano, c.de 1869-1872
                          Óleo sobre tela, 39x42cm
                          Paris, Musée d’Orsay
Mademoiselle Marie Dihau ao Piano, 1890
Óleo sobre cartão, 69x49cm
Albi, museu Toulouse-Lautrec
« A La Mie», 1891
Óleo e guache sobre cartão, 53.5x68cm
Boston, Museum of Fine Arts
Para Lautrec o que mais
o fascinava eram os
cabarés.
Ao inicio captou a vida
colorida dos «viciados do
divertimento».



                            O actor Henry Samary, 1889
                            Óleo sobre cartão, 75x52cm
                            Paris, Musée d’Orsay
Na sala de baile do moulin de la galette, 1889
Oleo sobre tela, 88.9x101.3
Chicago, the art institute of chicago
Cartazes
Em Outubro de 1891,
Lautrec torna-se célebre
de um dia para o outro,
com a afixação deste
cartaz.
Lautrec inaugurou a sua
produção de gravuras de
modo ecoante.
                           Moulin rouge: la goulue, 1891
                           Litografia a cores (cartaz), 191x117cm
                           Milão, Cívica Raccolta di Stampe Bertarelli
- Para o cançonetista
Aristede Bruant;
- Tentativa de renovação
do conjunto com letras
próprias;
- Lautrec conheceu
Bruant uns anos antes no
seu cabaré de
Montmartre, Le
Mirliton;
Ambassadeurs: Aristide Brutant, 1892
Litografia a cores (cartaz), 150x100cm
Colecção particular
- Pintou também a
cantora Yvette Guilbert;
- Lautrec estilizou a sua
«silhueta»;
- A relação entre
Lautrec e Yvette é típica
da reacção de repulsa ;



Yvette Guilbert c. de o publico,
Divam Guilbert,saúda1892/1893 1894
       jaronais, 1894
Guache sobre cartão, 48x28cm
Carvão, retocado a cores, 80.8x60.8cm
Litografia a cores (cartaz), 186x93cm
Albi, museu Toulouse-Lautrec
Albi museu Toulouse
Colecção particular Lautrec
Elsa, a Vieninse,1897
Litografia a cores,58x40.5cm   Jane avril, no jardim de paris, 1893
                                           1899
                                    Avril dançando, 1893
Albi, museu Toulouse-Lautrec   Estudo para o cartaz Jardin de Paris
                                                            91x63.5cm
                               Litografia a cores (cartaz), 130x95cm
                               Colecção particular 99x71cm
                               Guache sobre cartão,
                               Paris, Colecção Stavros Niarchos
- A partir de 1884 passou a
viver na fonte dos temas
dos seus quadros;
- A sua condição física
dava-lhe pouco êxito com
as mulheres;
- Olhava para o mundo
dos homens saudáveis
numa perspectiva
marginal por lutarem por
«carne fresca»;
A Goulue entrando no Moulin Rouge
(acompanhada por duas mulheres), 1892
Óleo sobre cartão, 79.4x59cm
Nova Irque, The Museum of Moderb Art
No Moulin Rouge: as valsistas, 1892
        Óleo sobre cartão, 93x80cm
        Praga, Národní Galerie




No Moulin Rouge: começo da quadrilha, 1892
Óleo sobre cartão, 80x60.5cm
Washington DC, National Gallery
No Moulin Rouge, 1892
Óleo sobre tela, 123x140.5cm
Chicago, The Art Institute of Chicago
- Lautrec tinha êxito com os seus retratos,
quando conhecia bem as pessoas que
representava;
- Nos primeiros anos como pintor, pintava
modelos que lhe chamassem a atenção;
- Ainda nos anos de 1880, executou retratos de
Cármen Gaudin, de Hélène Vary e Suzanne
Valadon;
- Lautrec tinha graves
problemas com o álcool,
que em 1899 teve uma
crise violenta e é
internado durante 3
meses numa casa de
saúde, em Neuilly;
- Embora
constantemente vigiado
recomeça a beber cada
vez mais;
                          No Rat Mort, cerca no Havre,1899
                            A Inglesa do Star de 1899/1900
                          Óleo sobre tela, 55x45cm
                            Óleo sobre madeira,41x32.8cm
                          Londres, Courtauld Institute Galleries
                            Albi, museu Toulouse-Lautrec
- No ano a seguir tem
                               problemas financeiros
                               com a família e faz uma
                               longa e repousante
                               estadia á beira-mar
                               durante o verão



A modista, 1900
Óleo sobre cartão, 61x49.5cm
Albi, museu Toulouse-Lautrec
- Em 1901 assiste a
espectáculos no teatro de
Bordéus, fazendo 6
quadros dedicados a
Messalina;




                            Messalina entre duas figurantes, c. de 1900/1901
                            Óleo sobre tela, 92.5x68cm
                            Zurique, Colecção E. G. Bührle
- Nesse ano fica
paralisado e regressa
para a beira-mar;
- Tem um ataque de
apoplexia, seguido de
hemiplegia;
- No dia 20 de Agosto é
levado para Malromé
onde morre a 9 de
Setembro;
Camarim no teatro, 1896       Jane Avril saindo do Moulin Rouge, 1892
Óleo sobre cartão, 55.5x47.5cm   Óleo e guache sobre cartão, 84.3x63.4cm
      Colecção particular        Hartford (Conn.), Wadsworth Atheneum
A lavadeira, 1884             A toilette, 1896
Óleo sobre tela, 93x75cm     Óleo sobre tela, 64x54cm
Paris, colecção particular     Paris, Musée d’Orsay
A palhaça Cha-u-kao no Moulin Rouge,1895          O inglês no Moulin Rouge, 1892
        Óleo sobre tela, 75x55cm              Óleo e guache sobre cartão, 85.7x66cm
   Winterthur, colecção Oskar Reinhart     Nova Iorque, The Metropolitan Museum of Art
Chocolat a dançar no Irish and American Bar 1896                 Confetti, 1894
Tinta-da-china, giz e guache sobre papel, 65x50cm   Litografia a cores (cartaz), 54.5x39cm
          Albi, museu Toulouse-Lautrec                        Colecção particular
Madame Poupoule na toilette, 1898   Mulher nua diante do espelho, 1897
 Óleo sobre madeira, 60.8x49.6cm       Óleo sobre cartão, 63x48cm
   Albi, museu Toulouse-Lautrec       Nova Iorque, Colecção Haupt
O bar, 1898             Mulher a puxar as meias,1894
Óleo sobre cartão, 81.5x60cm   Guache sobre cartão, 61.5x44.5cm
     Zurique, Kunsthaus          Albi, museu Toulouse-Lautrec
Mme. Lily Grenier, 1888     Ruhendes Modell, 1896
   Óleo sobre tela, 55.5x46cm        Óleo sobre tela
Nova Iorque, Modern Art Museum     Colecção particular
O leito, c.1893
Óleo sobre cartão,54x70.5cm
Paris, Musée d’Orsay
O beijo, 1892
Óleo sobre cartão, 60x80cm
    Colecção particular
Monsieur, madame e o cão (casal de
arrendatários de um bordel), 1893
Óleo sobre tela, 48x60cm
Albi, museu Toulouse-Lautrec
Mulher na sua toilette, 1889
Óleo sobre cartão, 45x54cm
Colecção particular
Ruiva de costas, 1891      Mulher a apertar o seu colete, 1896
Óleo sobre cartão, 78x60cm         Óleo sobre tela, 103x65cm
Albi, museu Toulouse-Lautrec   Museu de Los Agustinos de Toulouse
Trapezista ajustando a meias, 1890   Yvette Guilbert cantando, 1894
   Óleo sobre cartão, 68x52cm         Óleo sobre cartão, 57x42cm
   Albi, museu Toulouse-Lautrec         Moscovo, museu Pushkin
Ruiva sentada no sofá, 1897        Mulher sentada, 1893
Óleo sobre cartão, 58.5x48cm   Óleo sobre cartão, 57x44cm
     Colecção particular       Albi, museu Toulouse-Lautrec
A inspecção médica, 1894       Monsieur Boileau no café, 1893
Óleo sobre cartão, 83.5x61.4cm         Tempera, 80x65cm
Washington DC, National Gallery       Museu de Cleveland
Ballet de Papa Chrysanthème, 1892
    Óleo sobre cartão, 65x58cm
   Albi, museu Toulouse-Lautrec
Mademoiselle Polaire, 1895
Óleo sobre cartão, 56 x 41 cm   Woman Curling her Hair 1896
O jóquei, 1899
Litografia, óleo e aguarela, 51.5x36.3cm
            Colecção particular
L’artisan Moderne, 1894                   Reine de Joie, 1892
Litografia a cores (cartaz)   Litografia a cores (cartaz), 136.5x93.3cm
                                    Albi, museu Toulouse-Lautrec
Curiosidades
   No filme Moulin Rouge uma das personagens
secundárias, é a representação de Toulouse-Lautrec.
Curiosidades
Outro filme também com o nome “Moulin Rouge”, de
 1952, com Zsa Zsa Gabor e Mcgregor, é uma história
  resumida da vida de Toulouse-Lautrec, onde tem
         momentos idênticos aos seus quadros.
Bibliografia
  - Livro Toulouse-Lautrec,
de Matthias Arnold, TACHEN;


     Webgrafia
 - www.artehistoria.com
  - www.artsregion.com
Toulouse Lautrec

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Módulo 8 - Do impressionismo ao Pós-impressionismo
Módulo 8 - Do impressionismo ao Pós-impressionismoMódulo 8 - Do impressionismo ao Pós-impressionismo
Módulo 8 - Do impressionismo ao Pós-impressionismo
Carla Freitas
 
Surrealismo
SurrealismoSurrealismo
Surrealismo
Silmara Nogueira
 
Gustave Courbet
Gustave CourbetGustave Courbet
Gustave Courbet
hcaslides
 
Pintura Neoclássica
Pintura NeoclássicaPintura Neoclássica
Pintura Neoclássica
Hca Faro
 
A arte do rococó
A arte do rococóA arte do rococó
A arte do rococó
Guilherme Malta
 
Pierre Auguste-Renoir
Pierre  Auguste-Renoir Pierre  Auguste-Renoir
Pierre Auguste-Renoir
Carlos Vieira
 
Ingres
IngresIngres
Ingres
hcaslides
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
Paulo Fonseca
 
Pós-impressionismo
Pós-impressionismoPós-impressionismo
Pós-impressionismo
marta Maria
 
Pintura e escultura neoclássica
Pintura e escultura neoclássicaPintura e escultura neoclássica
Pintura e escultura neoclássica
Ana Barreiros
 
Auguste Rodin
Auguste RodinAuguste Rodin
Auguste Rodin
Joaquim Almeida
 
Arte Século XX
Arte Século XXArte Século XX
Arte Século XX
Carlos Vieira
 
Gustave Eiffel
Gustave EiffelGustave Eiffel
Gustave Eiffel
Feliciano Novo
 
História da arte - Romantismo e Realismo - resumo
História da arte - Romantismo e Realismo - resumoHistória da arte - Romantismo e Realismo - resumo
História da arte - Romantismo e Realismo - resumo
Andrea Dressler
 
07 arte portuguesa
07 arte portuguesa07 arte portuguesa
07 arte portuguesa
Vítor Santos
 
Neoclassicismo
Neoclassicismo  Neoclassicismo
Neoclassicismo
Isabella Silva
 
Francois Boucher
Francois BoucherFrancois Boucher
Francois Boucher
hcaslides
 
Van Gogh
Van GoghVan Gogh
Van Gogh
Carlos Vieira
 
HISTÓRIA DA ARTE - Século XIX na Europa - Impressionismo e Pontilhismo
HISTÓRIA DA ARTE - Século XIX na Europa - Impressionismo e PontilhismoHISTÓRIA DA ARTE - Século XIX na Europa - Impressionismo e Pontilhismo
HISTÓRIA DA ARTE - Século XIX na Europa - Impressionismo e Pontilhismo
Maiara Giordani
 
Bauhaus
BauhausBauhaus
Bauhaus
turmaweb2010
 

Mais procurados (20)

Módulo 8 - Do impressionismo ao Pós-impressionismo
Módulo 8 - Do impressionismo ao Pós-impressionismoMódulo 8 - Do impressionismo ao Pós-impressionismo
Módulo 8 - Do impressionismo ao Pós-impressionismo
 
Surrealismo
SurrealismoSurrealismo
Surrealismo
 
Gustave Courbet
Gustave CourbetGustave Courbet
Gustave Courbet
 
Pintura Neoclássica
Pintura NeoclássicaPintura Neoclássica
Pintura Neoclássica
 
A arte do rococó
A arte do rococóA arte do rococó
A arte do rococó
 
Pierre Auguste-Renoir
Pierre  Auguste-Renoir Pierre  Auguste-Renoir
Pierre Auguste-Renoir
 
Ingres
IngresIngres
Ingres
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
 
Pós-impressionismo
Pós-impressionismoPós-impressionismo
Pós-impressionismo
 
Pintura e escultura neoclássica
Pintura e escultura neoclássicaPintura e escultura neoclássica
Pintura e escultura neoclássica
 
Auguste Rodin
Auguste RodinAuguste Rodin
Auguste Rodin
 
Arte Século XX
Arte Século XXArte Século XX
Arte Século XX
 
Gustave Eiffel
Gustave EiffelGustave Eiffel
Gustave Eiffel
 
História da arte - Romantismo e Realismo - resumo
História da arte - Romantismo e Realismo - resumoHistória da arte - Romantismo e Realismo - resumo
História da arte - Romantismo e Realismo - resumo
 
07 arte portuguesa
07 arte portuguesa07 arte portuguesa
07 arte portuguesa
 
Neoclassicismo
Neoclassicismo  Neoclassicismo
Neoclassicismo
 
Francois Boucher
Francois BoucherFrancois Boucher
Francois Boucher
 
Van Gogh
Van GoghVan Gogh
Van Gogh
 
HISTÓRIA DA ARTE - Século XIX na Europa - Impressionismo e Pontilhismo
HISTÓRIA DA ARTE - Século XIX na Europa - Impressionismo e PontilhismoHISTÓRIA DA ARTE - Século XIX na Europa - Impressionismo e Pontilhismo
HISTÓRIA DA ARTE - Século XIX na Europa - Impressionismo e Pontilhismo
 
Bauhaus
BauhausBauhaus
Bauhaus
 

Destaque

Toulouse Lautrec
Toulouse LautrecToulouse Lautrec
Toulouse Lautrec
fabianesalume
 
Toulouse lautrec o cartaz publicitário
Toulouse lautrec o cartaz publicitárioToulouse lautrec o cartaz publicitário
Toulouse lautrec o cartaz publicitário
Paul John Vicente
 
Toulouse lautrec
Toulouse lautrecToulouse lautrec
Toulouse lautrec
Fernando
 
Toulouse Lautrec
Toulouse LautrecToulouse Lautrec
Toulouse Lautrec
RoShio
 
Henri de toulouse lautrec
Henri de toulouse lautrecHenri de toulouse lautrec
Henri de toulouse lautrec
Blancalicia Martínez
 
Pós-impressionismo
Pós-impressionismoPós-impressionismo
Pós-impressionismo
Germana Araujo
 
Lautrec
LautrecLautrec
Lautrec
Douce Nieto
 
Impressionismo, neo-impressionismo e pós-impressionismo
Impressionismo, neo-impressionismo e pós-impressionismoImpressionismo, neo-impressionismo e pós-impressionismo
Impressionismo, neo-impressionismo e pós-impressionismo
Carlos Pinheiro
 
Pós impressionismo
Pós impressionismoPós impressionismo
Pós impressionismo
Professor Gilson Nunes
 
Vida y obra del pintor Tolouse Lautrec
Vida y obra del pintor Tolouse LautrecVida y obra del pintor Tolouse Lautrec
Vida y obra del pintor Tolouse Lautrec
Kenneth Chavarría Valverde
 
Trabajo html
Trabajo htmlTrabajo html
Trabajo html
Jonathan Cely
 
Toulouse Lautrec
Toulouse LautrecToulouse Lautrec
Toulouse Lautrec
nocoltrinoparty
 
Eliseu syl
Eliseu sylEliseu syl
Eliseu syl
gutaschimidt2011
 
Micro sculpture in lead pencil
Micro sculpture in lead pencilMicro sculpture in lead pencil
Micro sculpture in lead pencil
gutaschimidt2011
 
Henri de Toulouse-Lautrec - carteles - trabajos (litografía.)
Henri de Toulouse-Lautrec - carteles - trabajos (litografía.)Henri de Toulouse-Lautrec - carteles - trabajos (litografía.)
Henri de Toulouse-Lautrec - carteles - trabajos (litografía.)
Graphic Design
 
Henri de toulouse lautrec
Henri de toulouse lautrecHenri de toulouse lautrec
Henri de toulouse lautrec
Liceo Scientifico Charles Darwin
 
Artes - Henri de Toulouse-Lautrec
Artes - Henri de Toulouse-LautrecArtes - Henri de Toulouse-Lautrec
Artes - Henri de Toulouse-Lautrec
Felipe Cabral
 
Toulouse Lautrec
Toulouse LautrecToulouse Lautrec
Toulouse LautrecBiaEsteves
 
Toulouse lautrec
Toulouse lautrecToulouse lautrec
Toulouse lautrec
espeferga
 
Henri de Toulouse-Lautrec
Henri de Toulouse-LautrecHenri de Toulouse-Lautrec
Henri de Toulouse-Lautrec
Denis Papy
 

Destaque (20)

Toulouse Lautrec
Toulouse LautrecToulouse Lautrec
Toulouse Lautrec
 
Toulouse lautrec o cartaz publicitário
Toulouse lautrec o cartaz publicitárioToulouse lautrec o cartaz publicitário
Toulouse lautrec o cartaz publicitário
 
Toulouse lautrec
Toulouse lautrecToulouse lautrec
Toulouse lautrec
 
Toulouse Lautrec
Toulouse LautrecToulouse Lautrec
Toulouse Lautrec
 
Henri de toulouse lautrec
Henri de toulouse lautrecHenri de toulouse lautrec
Henri de toulouse lautrec
 
Pós-impressionismo
Pós-impressionismoPós-impressionismo
Pós-impressionismo
 
Lautrec
LautrecLautrec
Lautrec
 
Impressionismo, neo-impressionismo e pós-impressionismo
Impressionismo, neo-impressionismo e pós-impressionismoImpressionismo, neo-impressionismo e pós-impressionismo
Impressionismo, neo-impressionismo e pós-impressionismo
 
Pós impressionismo
Pós impressionismoPós impressionismo
Pós impressionismo
 
Vida y obra del pintor Tolouse Lautrec
Vida y obra del pintor Tolouse LautrecVida y obra del pintor Tolouse Lautrec
Vida y obra del pintor Tolouse Lautrec
 
Trabajo html
Trabajo htmlTrabajo html
Trabajo html
 
Toulouse Lautrec
Toulouse LautrecToulouse Lautrec
Toulouse Lautrec
 
Eliseu syl
Eliseu sylEliseu syl
Eliseu syl
 
Micro sculpture in lead pencil
Micro sculpture in lead pencilMicro sculpture in lead pencil
Micro sculpture in lead pencil
 
Henri de Toulouse-Lautrec - carteles - trabajos (litografía.)
Henri de Toulouse-Lautrec - carteles - trabajos (litografía.)Henri de Toulouse-Lautrec - carteles - trabajos (litografía.)
Henri de Toulouse-Lautrec - carteles - trabajos (litografía.)
 
Henri de toulouse lautrec
Henri de toulouse lautrecHenri de toulouse lautrec
Henri de toulouse lautrec
 
Artes - Henri de Toulouse-Lautrec
Artes - Henri de Toulouse-LautrecArtes - Henri de Toulouse-Lautrec
Artes - Henri de Toulouse-Lautrec
 
Toulouse Lautrec
Toulouse LautrecToulouse Lautrec
Toulouse Lautrec
 
Toulouse lautrec
Toulouse lautrecToulouse lautrec
Toulouse lautrec
 
Henri de Toulouse-Lautrec
Henri de Toulouse-LautrecHenri de Toulouse-Lautrec
Henri de Toulouse-Lautrec
 

Semelhante a Toulouse Lautrec

Aula 4 Impressionismo
Aula 4   ImpressionismoAula 4   Impressionismo
Aula 4 Impressionismo
Aline Okumura
 
1 fauvismo
1 fauvismo1 fauvismo
Seurat
SeuratSeurat
Berthe Morisot
Berthe MorisotBerthe Morisot
Berthe Morisot
Carlos Vieira
 
5 História da arte II: Os pormenores do século xix
5  História da arte II: Os pormenores do século xix 5  História da arte II: Os pormenores do século xix
5 História da arte II: Os pormenores do século xix
Paula Poiet
 
Impressionismo 1874 1886
Impressionismo  1874   1886Impressionismo  1874   1886
Impressionismo 1874 1886
Professor Gilson Nunes
 
História da arte II: Realismo
História da arte II: RealismoHistória da arte II: Realismo
História da arte II: Realismo
Paula Poiet
 
Arte Moderna - Vanguardas
Arte Moderna - VanguardasArte Moderna - Vanguardas
Arte Moderna - Vanguardas
Luciano Dias
 
Impressionismo e macrofotografias.pdf
Impressionismo  e macrofotografias.pdfImpressionismo  e macrofotografias.pdf
Impressionismo e macrofotografias.pdf
KERLEYFERNANDESDUART
 
9o. ano final do século xix na europa
9o. ano  final do século xix na europa9o. ano  final do século xix na europa
9o. ano final do século xix na europa
ArtesElisa
 
História da arte iv
História da arte ivHistória da arte iv
História da arte iv
Paula Poiet
 
Pierre Bonnard
Pierre BonnardPierre Bonnard
Pierre Bonnard
Carlos Vieira
 
Pierre Renoir
Pierre Renoir Pierre Renoir
Pierre Renoir
AndreiaAlmeida95
 
9o. Ano- Impressionismo - Pierre-Auguste Renoir
9o. Ano-  Impressionismo  - Pierre-Auguste Renoir9o. Ano-  Impressionismo  - Pierre-Auguste Renoir
9o. Ano- Impressionismo - Pierre-Auguste Renoir
ArtesElisa
 
6 História da arte II: Pré-rafaelitas, simbolismo e art nouveau
6  História da arte II: Pré-rafaelitas, simbolismo e art nouveau6  História da arte II: Pré-rafaelitas, simbolismo e art nouveau
6 História da arte II: Pré-rafaelitas, simbolismo e art nouveau
Paula Poiet
 
Arte Moderna - Cubismo
Arte Moderna - CubismoArte Moderna - Cubismo
Arte Moderna - Cubismo
Luciano Dias
 
Apresentação Powerpoint- Biografia "Van Gogh"
Apresentação Powerpoint- Biografia "Van Gogh"Apresentação Powerpoint- Biografia "Van Gogh"
Apresentação Powerpoint- Biografia "Van Gogh"
Dinarte de Abreu
 
Aula 08 fauvismo-expressionismo_futurismo_cubismo
Aula 08 fauvismo-expressionismo_futurismo_cubismoAula 08 fauvismo-expressionismo_futurismo_cubismo
Aula 08 fauvismo-expressionismo_futurismo_cubismo
Marcio Duarte
 
Realismo, Impressionismo, Pós_Impressionismo e Expressionismo
Realismo, Impressionismo, Pós_Impressionismo e ExpressionismoRealismo, Impressionismo, Pós_Impressionismo e Expressionismo
Realismo, Impressionismo, Pós_Impressionismo e Expressionismo
Vania Vieira
 
9o. Ano - Impressionismo -Claude Monet-
9o. Ano - Impressionismo -Claude Monet-9o. Ano - Impressionismo -Claude Monet-
9o. Ano - Impressionismo -Claude Monet-
ArtesElisa
 

Semelhante a Toulouse Lautrec (20)

Aula 4 Impressionismo
Aula 4   ImpressionismoAula 4   Impressionismo
Aula 4 Impressionismo
 
1 fauvismo
1 fauvismo1 fauvismo
1 fauvismo
 
Seurat
SeuratSeurat
Seurat
 
Berthe Morisot
Berthe MorisotBerthe Morisot
Berthe Morisot
 
5 História da arte II: Os pormenores do século xix
5  História da arte II: Os pormenores do século xix 5  História da arte II: Os pormenores do século xix
5 História da arte II: Os pormenores do século xix
 
Impressionismo 1874 1886
Impressionismo  1874   1886Impressionismo  1874   1886
Impressionismo 1874 1886
 
História da arte II: Realismo
História da arte II: RealismoHistória da arte II: Realismo
História da arte II: Realismo
 
Arte Moderna - Vanguardas
Arte Moderna - VanguardasArte Moderna - Vanguardas
Arte Moderna - Vanguardas
 
Impressionismo e macrofotografias.pdf
Impressionismo  e macrofotografias.pdfImpressionismo  e macrofotografias.pdf
Impressionismo e macrofotografias.pdf
 
9o. ano final do século xix na europa
9o. ano  final do século xix na europa9o. ano  final do século xix na europa
9o. ano final do século xix na europa
 
História da arte iv
História da arte ivHistória da arte iv
História da arte iv
 
Pierre Bonnard
Pierre BonnardPierre Bonnard
Pierre Bonnard
 
Pierre Renoir
Pierre Renoir Pierre Renoir
Pierre Renoir
 
9o. Ano- Impressionismo - Pierre-Auguste Renoir
9o. Ano-  Impressionismo  - Pierre-Auguste Renoir9o. Ano-  Impressionismo  - Pierre-Auguste Renoir
9o. Ano- Impressionismo - Pierre-Auguste Renoir
 
6 História da arte II: Pré-rafaelitas, simbolismo e art nouveau
6  História da arte II: Pré-rafaelitas, simbolismo e art nouveau6  História da arte II: Pré-rafaelitas, simbolismo e art nouveau
6 História da arte II: Pré-rafaelitas, simbolismo e art nouveau
 
Arte Moderna - Cubismo
Arte Moderna - CubismoArte Moderna - Cubismo
Arte Moderna - Cubismo
 
Apresentação Powerpoint- Biografia "Van Gogh"
Apresentação Powerpoint- Biografia "Van Gogh"Apresentação Powerpoint- Biografia "Van Gogh"
Apresentação Powerpoint- Biografia "Van Gogh"
 
Aula 08 fauvismo-expressionismo_futurismo_cubismo
Aula 08 fauvismo-expressionismo_futurismo_cubismoAula 08 fauvismo-expressionismo_futurismo_cubismo
Aula 08 fauvismo-expressionismo_futurismo_cubismo
 
Realismo, Impressionismo, Pós_Impressionismo e Expressionismo
Realismo, Impressionismo, Pós_Impressionismo e ExpressionismoRealismo, Impressionismo, Pós_Impressionismo e Expressionismo
Realismo, Impressionismo, Pós_Impressionismo e Expressionismo
 
9o. Ano - Impressionismo -Claude Monet-
9o. Ano - Impressionismo -Claude Monet-9o. Ano - Impressionismo -Claude Monet-
9o. Ano - Impressionismo -Claude Monet-
 

Mais de Carlos Vieira

Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
Carlos Vieira
 
Abstracionismo
AbstracionismoAbstracionismo
Abstracionismo
Carlos Vieira
 
O Patriota
O PatriotaO Patriota
O Patriota
Carlos Vieira
 
As sufragistas
As sufragistasAs sufragistas
As sufragistas
Carlos Vieira
 
Madame bovary
Madame bovaryMadame bovary
Madame bovary
Carlos Vieira
 
Cavalo de guerra
Cavalo de guerraCavalo de guerra
Cavalo de guerra
Carlos Vieira
 
Danton
DantonDanton
Cultura do Salão – Lisboa pombalina
Cultura do Salão – Lisboa pombalinaCultura do Salão – Lisboa pombalina
Cultura do Salão – Lisboa pombalina
Carlos Vieira
 
Cultura do Salão – Introdução ao Neoclassico
Cultura do Salão – Introdução ao NeoclassicoCultura do Salão – Introdução ao Neoclassico
Cultura do Salão – Introdução ao Neoclassico
Carlos Vieira
 
Cultura do Salão – Pintura do rococó
Cultura do Salão – Pintura do rococóCultura do Salão – Pintura do rococó
Cultura do Salão – Pintura do rococó
Carlos Vieira
 
Cultura do Salão – Rococo internacional
Cultura do Salão – Rococo internacionalCultura do Salão – Rococo internacional
Cultura do Salão – Rococo internacional
Carlos Vieira
 
Cultura do Salão – Escultura do rococo
Cultura do Salão – Escultura do rococoCultura do Salão – Escultura do rococo
Cultura do Salão – Escultura do rococo
Carlos Vieira
 
Cultura do Salão - Origens do rococo
Cultura do Salão - Origens do rococoCultura do Salão - Origens do rococo
Cultura do Salão - Origens do rococo
Carlos Vieira
 
Cultura do Palco - Barroco em Portugal
Cultura do Palco - Barroco em Portugal Cultura do Palco - Barroco em Portugal
Cultura do Palco - Barroco em Portugal
Carlos Vieira
 
Cultura do Palco - Pintura barroca internacional
Cultura do Palco - Pintura barroca internacional Cultura do Palco - Pintura barroca internacional
Cultura do Palco - Pintura barroca internacional
Carlos Vieira
 
Cultura do Palco - Pintura Barroca
Cultura do Palco - Pintura BarrocaCultura do Palco - Pintura Barroca
Cultura do Palco - Pintura Barroca
Carlos Vieira
 
Cultura do Palco - Escultura Barroca
Cultura do Palco - Escultura BarrocaCultura do Palco - Escultura Barroca
Cultura do Palco - Escultura Barroca
Carlos Vieira
 
Cultura do Palco - Arquitectura Barroca
Cultura do Palco - Arquitectura BarrocaCultura do Palco - Arquitectura Barroca
Cultura do Palco - Arquitectura Barroca
Carlos Vieira
 
Cultura do Barroco - Palácio de Versalhes
Cultura do Barroco - Palácio de VersalhesCultura do Barroco - Palácio de Versalhes
Cultura do Barroco - Palácio de Versalhes
Carlos Vieira
 
Cultura do Palácio - Renascimento e Maneirismo em Portugal
Cultura do Palácio - Renascimento e Maneirismo em PortugalCultura do Palácio - Renascimento e Maneirismo em Portugal
Cultura do Palácio - Renascimento e Maneirismo em Portugal
Carlos Vieira
 

Mais de Carlos Vieira (20)

Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
 
Abstracionismo
AbstracionismoAbstracionismo
Abstracionismo
 
O Patriota
O PatriotaO Patriota
O Patriota
 
As sufragistas
As sufragistasAs sufragistas
As sufragistas
 
Madame bovary
Madame bovaryMadame bovary
Madame bovary
 
Cavalo de guerra
Cavalo de guerraCavalo de guerra
Cavalo de guerra
 
Danton
DantonDanton
Danton
 
Cultura do Salão – Lisboa pombalina
Cultura do Salão – Lisboa pombalinaCultura do Salão – Lisboa pombalina
Cultura do Salão – Lisboa pombalina
 
Cultura do Salão – Introdução ao Neoclassico
Cultura do Salão – Introdução ao NeoclassicoCultura do Salão – Introdução ao Neoclassico
Cultura do Salão – Introdução ao Neoclassico
 
Cultura do Salão – Pintura do rococó
Cultura do Salão – Pintura do rococóCultura do Salão – Pintura do rococó
Cultura do Salão – Pintura do rococó
 
Cultura do Salão – Rococo internacional
Cultura do Salão – Rococo internacionalCultura do Salão – Rococo internacional
Cultura do Salão – Rococo internacional
 
Cultura do Salão – Escultura do rococo
Cultura do Salão – Escultura do rococoCultura do Salão – Escultura do rococo
Cultura do Salão – Escultura do rococo
 
Cultura do Salão - Origens do rococo
Cultura do Salão - Origens do rococoCultura do Salão - Origens do rococo
Cultura do Salão - Origens do rococo
 
Cultura do Palco - Barroco em Portugal
Cultura do Palco - Barroco em Portugal Cultura do Palco - Barroco em Portugal
Cultura do Palco - Barroco em Portugal
 
Cultura do Palco - Pintura barroca internacional
Cultura do Palco - Pintura barroca internacional Cultura do Palco - Pintura barroca internacional
Cultura do Palco - Pintura barroca internacional
 
Cultura do Palco - Pintura Barroca
Cultura do Palco - Pintura BarrocaCultura do Palco - Pintura Barroca
Cultura do Palco - Pintura Barroca
 
Cultura do Palco - Escultura Barroca
Cultura do Palco - Escultura BarrocaCultura do Palco - Escultura Barroca
Cultura do Palco - Escultura Barroca
 
Cultura do Palco - Arquitectura Barroca
Cultura do Palco - Arquitectura BarrocaCultura do Palco - Arquitectura Barroca
Cultura do Palco - Arquitectura Barroca
 
Cultura do Barroco - Palácio de Versalhes
Cultura do Barroco - Palácio de VersalhesCultura do Barroco - Palácio de Versalhes
Cultura do Barroco - Palácio de Versalhes
 
Cultura do Palácio - Renascimento e Maneirismo em Portugal
Cultura do Palácio - Renascimento e Maneirismo em PortugalCultura do Palácio - Renascimento e Maneirismo em Portugal
Cultura do Palácio - Renascimento e Maneirismo em Portugal
 

Último

Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Mary Alvarenga
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...
JakiraCosta
 
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
Pr Davi Passos - Estudos Bíblicos
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
geiseortiz1
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Centro Jacques Delors
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
TiagoLouro8
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdfConcurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
TathyLopes1
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
HelenStefany
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
AdrianoMontagna1
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
KarollayneRodriguesV1
 
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Nertan Dias
 
Atividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docxAtividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docx
MARCELARUBIAGAVA
 
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdfRazonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Demetrio Ccesa Rayme
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
AntonioAngeloNeves
 

Último (20)

Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...
 
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
 
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdfConcurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
 
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
 
Atividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docxAtividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docx
 
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdfRazonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
 

Toulouse Lautrec

  • 1. TOULOUSE-LAUTREC Ana Pedro Carvalho nº5
  • 2. Introdução Henri Toulouse-Lautrec, um pintor da vida boémia de Paris, que esteve próximo dos impressionistas, mas que nunca partilhou o gosto pela pintura ao ar livre. Conheceu e conviveu com alguns artistas impressionistas como Van Gogh e Degas de quem teve influências de temas para muitos dos seus quadros.
  • 3. - Henri Toulouse-Lautrec nasceu a 24 de Novembro de 1864; - Filho da Condessa Adéle Tapié de Céleyran do Conde Alphonse de Toulouse- Lautrec-Monfa ; - Em 1867 nasce o seu irmão Richard-Constantine que morre passado um ano de vida;
  • 4. - Henri sofria de uma doença óssea hereditária, chamada picnodisostose; - Sua mãe tentou curas e outras terapias que não tiveram qualquer resultado; - E desde os seus 13, 14 anos de idade não passou de 1 metro e 52;
  • 5. Formação -A condessa Adèle foi a referência mais importante na sua formação; -Foi iniciado nos conhecimentos elementares da pintura por René Princeteau, pintor amigo de Estribeiro com dois cavalos, 1880 A mãe do artista, condessa Adèle de seu pai; Toulouse-Lautrec, c. de 1881-1883 Óleo sobre cartão, 32.5x23.8cm Óleo museutela, 93.5x81cm Albi, sobre toulouse.lautrec Albi, Museu Toulouse-Lautrec
  • 6.
  • 7. -Em 1882 ingressou no atelier do pintor Léon Bonnat, que disse: “ A sua pintura não é nada má, isto é notável, mesmo nada má, mas o seu desenho é medonho”; O jovem Routy em Céleyran, 1882 Óleo sobre tela, 61x51cm Albi, Museu Toulouse-Lautrec
  • 8. -Encontrou Fernand Cormon, que gostava sobretudo dos desenhos de Henri; - Mas a influência de Princeteau, John Lewis Brown e Jean-Louis Forain, amigos de seu pai e os impressionistas, foram muito mais Auto-retrato frente a um espelho c. 1880 importantes; Óleo sobre cartão, 40.3x32.4cm Albi, Museu Toulouse-Lautrec
  • 9. -Com 23 anos faz, com suaves traços, o retrato de Van Gogh, num café de Paris; conhecem-se por volta de Fevereiro de 1886; -Eram colegas no atelier de Fernand Cormon; Retrato de Vincent Van Gogh, 1887 Pastel sobre cartão, 54x45cm Amesterdão, Museu Vincent Van Gogh
  • 10. No Circo Fernando: a amazona, 1888 Óleo sobre tela, 100.3x161.3cm Chicago, The Art Institute of Chicago
  • 11. Para Lautrec, Degas foi quem mais influenciou entre os contemporâneos mais velhos. Alguns dos temas de Henri são devido a Degas. Edgar Degas Marie Dihau ao piano, c.de 1869-1872 Óleo sobre tela, 39x42cm Paris, Musée d’Orsay
  • 12. Mademoiselle Marie Dihau ao Piano, 1890 Óleo sobre cartão, 69x49cm Albi, museu Toulouse-Lautrec
  • 13. « A La Mie», 1891 Óleo e guache sobre cartão, 53.5x68cm Boston, Museum of Fine Arts
  • 14. Para Lautrec o que mais o fascinava eram os cabarés. Ao inicio captou a vida colorida dos «viciados do divertimento». O actor Henry Samary, 1889 Óleo sobre cartão, 75x52cm Paris, Musée d’Orsay
  • 15. Na sala de baile do moulin de la galette, 1889 Oleo sobre tela, 88.9x101.3 Chicago, the art institute of chicago
  • 16. Cartazes Em Outubro de 1891, Lautrec torna-se célebre de um dia para o outro, com a afixação deste cartaz. Lautrec inaugurou a sua produção de gravuras de modo ecoante. Moulin rouge: la goulue, 1891 Litografia a cores (cartaz), 191x117cm Milão, Cívica Raccolta di Stampe Bertarelli
  • 17. - Para o cançonetista Aristede Bruant; - Tentativa de renovação do conjunto com letras próprias; - Lautrec conheceu Bruant uns anos antes no seu cabaré de Montmartre, Le Mirliton; Ambassadeurs: Aristide Brutant, 1892 Litografia a cores (cartaz), 150x100cm Colecção particular
  • 18. - Pintou também a cantora Yvette Guilbert; - Lautrec estilizou a sua «silhueta»; - A relação entre Lautrec e Yvette é típica da reacção de repulsa ; Yvette Guilbert c. de o publico, Divam Guilbert,saúda1892/1893 1894 jaronais, 1894 Guache sobre cartão, 48x28cm Carvão, retocado a cores, 80.8x60.8cm Litografia a cores (cartaz), 186x93cm Albi, museu Toulouse-Lautrec Albi museu Toulouse Colecção particular Lautrec
  • 19. Elsa, a Vieninse,1897 Litografia a cores,58x40.5cm Jane avril, no jardim de paris, 1893 1899 Avril dançando, 1893 Albi, museu Toulouse-Lautrec Estudo para o cartaz Jardin de Paris 91x63.5cm Litografia a cores (cartaz), 130x95cm Colecção particular 99x71cm Guache sobre cartão, Paris, Colecção Stavros Niarchos
  • 20. - A partir de 1884 passou a viver na fonte dos temas dos seus quadros; - A sua condição física dava-lhe pouco êxito com as mulheres; - Olhava para o mundo dos homens saudáveis numa perspectiva marginal por lutarem por «carne fresca»; A Goulue entrando no Moulin Rouge (acompanhada por duas mulheres), 1892 Óleo sobre cartão, 79.4x59cm Nova Irque, The Museum of Moderb Art
  • 21. No Moulin Rouge: as valsistas, 1892 Óleo sobre cartão, 93x80cm Praga, Národní Galerie No Moulin Rouge: começo da quadrilha, 1892 Óleo sobre cartão, 80x60.5cm Washington DC, National Gallery
  • 22. No Moulin Rouge, 1892 Óleo sobre tela, 123x140.5cm Chicago, The Art Institute of Chicago
  • 23. - Lautrec tinha êxito com os seus retratos, quando conhecia bem as pessoas que representava; - Nos primeiros anos como pintor, pintava modelos que lhe chamassem a atenção; - Ainda nos anos de 1880, executou retratos de Cármen Gaudin, de Hélène Vary e Suzanne Valadon;
  • 24.
  • 25. - Lautrec tinha graves problemas com o álcool, que em 1899 teve uma crise violenta e é internado durante 3 meses numa casa de saúde, em Neuilly; - Embora constantemente vigiado recomeça a beber cada vez mais; No Rat Mort, cerca no Havre,1899 A Inglesa do Star de 1899/1900 Óleo sobre tela, 55x45cm Óleo sobre madeira,41x32.8cm Londres, Courtauld Institute Galleries Albi, museu Toulouse-Lautrec
  • 26. - No ano a seguir tem problemas financeiros com a família e faz uma longa e repousante estadia á beira-mar durante o verão A modista, 1900 Óleo sobre cartão, 61x49.5cm Albi, museu Toulouse-Lautrec
  • 27. - Em 1901 assiste a espectáculos no teatro de Bordéus, fazendo 6 quadros dedicados a Messalina; Messalina entre duas figurantes, c. de 1900/1901 Óleo sobre tela, 92.5x68cm Zurique, Colecção E. G. Bührle
  • 28. - Nesse ano fica paralisado e regressa para a beira-mar; - Tem um ataque de apoplexia, seguido de hemiplegia; - No dia 20 de Agosto é levado para Malromé onde morre a 9 de Setembro;
  • 29. Camarim no teatro, 1896 Jane Avril saindo do Moulin Rouge, 1892 Óleo sobre cartão, 55.5x47.5cm Óleo e guache sobre cartão, 84.3x63.4cm Colecção particular Hartford (Conn.), Wadsworth Atheneum
  • 30. A lavadeira, 1884 A toilette, 1896 Óleo sobre tela, 93x75cm Óleo sobre tela, 64x54cm Paris, colecção particular Paris, Musée d’Orsay
  • 31. A palhaça Cha-u-kao no Moulin Rouge,1895 O inglês no Moulin Rouge, 1892 Óleo sobre tela, 75x55cm Óleo e guache sobre cartão, 85.7x66cm Winterthur, colecção Oskar Reinhart Nova Iorque, The Metropolitan Museum of Art
  • 32. Chocolat a dançar no Irish and American Bar 1896 Confetti, 1894 Tinta-da-china, giz e guache sobre papel, 65x50cm Litografia a cores (cartaz), 54.5x39cm Albi, museu Toulouse-Lautrec Colecção particular
  • 33. Madame Poupoule na toilette, 1898 Mulher nua diante do espelho, 1897 Óleo sobre madeira, 60.8x49.6cm Óleo sobre cartão, 63x48cm Albi, museu Toulouse-Lautrec Nova Iorque, Colecção Haupt
  • 34. O bar, 1898 Mulher a puxar as meias,1894 Óleo sobre cartão, 81.5x60cm Guache sobre cartão, 61.5x44.5cm Zurique, Kunsthaus Albi, museu Toulouse-Lautrec
  • 35. Mme. Lily Grenier, 1888 Ruhendes Modell, 1896 Óleo sobre tela, 55.5x46cm Óleo sobre tela Nova Iorque, Modern Art Museum Colecção particular
  • 36. O leito, c.1893 Óleo sobre cartão,54x70.5cm Paris, Musée d’Orsay
  • 37. O beijo, 1892 Óleo sobre cartão, 60x80cm Colecção particular
  • 38. Monsieur, madame e o cão (casal de arrendatários de um bordel), 1893 Óleo sobre tela, 48x60cm Albi, museu Toulouse-Lautrec
  • 39. Mulher na sua toilette, 1889 Óleo sobre cartão, 45x54cm Colecção particular
  • 40. Ruiva de costas, 1891 Mulher a apertar o seu colete, 1896 Óleo sobre cartão, 78x60cm Óleo sobre tela, 103x65cm Albi, museu Toulouse-Lautrec Museu de Los Agustinos de Toulouse
  • 41. Trapezista ajustando a meias, 1890 Yvette Guilbert cantando, 1894 Óleo sobre cartão, 68x52cm Óleo sobre cartão, 57x42cm Albi, museu Toulouse-Lautrec Moscovo, museu Pushkin
  • 42. Ruiva sentada no sofá, 1897 Mulher sentada, 1893 Óleo sobre cartão, 58.5x48cm Óleo sobre cartão, 57x44cm Colecção particular Albi, museu Toulouse-Lautrec
  • 43. A inspecção médica, 1894 Monsieur Boileau no café, 1893 Óleo sobre cartão, 83.5x61.4cm Tempera, 80x65cm Washington DC, National Gallery Museu de Cleveland
  • 44. Ballet de Papa Chrysanthème, 1892 Óleo sobre cartão, 65x58cm Albi, museu Toulouse-Lautrec
  • 45. Mademoiselle Polaire, 1895 Óleo sobre cartão, 56 x 41 cm Woman Curling her Hair 1896
  • 46. O jóquei, 1899 Litografia, óleo e aguarela, 51.5x36.3cm Colecção particular
  • 47. L’artisan Moderne, 1894 Reine de Joie, 1892 Litografia a cores (cartaz) Litografia a cores (cartaz), 136.5x93.3cm Albi, museu Toulouse-Lautrec
  • 48.
  • 49. Curiosidades No filme Moulin Rouge uma das personagens secundárias, é a representação de Toulouse-Lautrec.
  • 50. Curiosidades Outro filme também com o nome “Moulin Rouge”, de 1952, com Zsa Zsa Gabor e Mcgregor, é uma história resumida da vida de Toulouse-Lautrec, onde tem momentos idênticos aos seus quadros.
  • 51. Bibliografia - Livro Toulouse-Lautrec, de Matthias Arnold, TACHEN; Webgrafia - www.artehistoria.com - www.artsregion.com