SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 8
Texto Avestruz
Grupo 2
1) Ativação de conhecimento de mundo; antecipação ou
predição; checagem de hipóteses.
O professor coloca o título na lousa e inicia um diálogo com os alunos:
-Vocês já viram um avestruz?
- Como ele é? Com qual animal se parece?
- Ele pode ser um animal de estimação?
-Você conhece a expressão “Fulano tem estômago de avestruz?”
- Antes da leitura do texto questionar os alunos sobre o que eles
acham que será abordado no texto.
2) Localização de informações; comparação de
informações; generalizações
- Após a leitura compartilhada, o professor,
juntamente com os alunos, compara as
informações prévias com as retiradas do texto.
3) Produção de inferências locais; produção de
inferências globais.
O professor pede para que os alunos encontrem o nome
científico do avestruz no texto.
Após a localização, o professor questiona:
- Vocês sabem por que os animais têm nome científico?
- Por que o garoto desistiu de ter avestruz e se interessou
por 5 gaivotas e 1 urubu?
4) Recuperação do contexto de produção; definição de
finalidades e metas da atividade da leitura.
O professor dará breves explicações sobre o gênero
Crônica e onde geralmente são publicadas.
Após uma nova leitura do texto o professor questiona:
-Quem lê este tipo de texto?
- Quais elementos do textos confirmam o gênero
Crônica.
5) Percepção das relações de intertextualidade;
percepção das relações de interdiscursividade.
O aluno deverá:
-Fazer um levantamento das informações referentes às
características do avestruz.
- Fazer a leitura da letra da música “Avestruz” – De Di
Paula e Zé Henrique.
-Comparar as informações da letra com as informações do
texto.
-Apontar as semelhanças entre os textos
6) Percepção de outras linguagens; elaboração de
apreciações estéticas e/ou afetivas; elaboração de
apreciações relativas e valores éticos e/ou políticos.
- Elaborar um debate com os seguintes
questionamentos:
- É normal o pedido do garoto?
- Os pais devem atender a todos os pedidos dos
filhos ou devem impor limites?
- Você já fez algum pedido incomum aos seus
pais?
Grupo 2
- Escola Capitão Alberto Graf:
Maria Cilsa Camargo
Priscila B Neves Souza
Sonia Leme
Viviane Q Lima
- Escola Albino Fiore:
Ivani Pereira de Souza
-Escola Alfred Teodor Weiszflog:
Mayra Karlla Santos da Silva

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Melhor gestão turma j - evilázio
Melhor gestão   turma j - evilázioMelhor gestão   turma j - evilázio
Melhor gestão turma j - evilázioSamyDeMarinis
 
Crônica avestruz
Crônica avestruzCrônica avestruz
Crônica avestruzJane2013
 
Grupo 1 avestruz fernando dhm (5)
Grupo 1 avestruz fernando   dhm (5)Grupo 1 avestruz fernando   dhm (5)
Grupo 1 avestruz fernando dhm (5)Navedasletras
 
Sequência didática
Sequência didáticaSequência didática
Sequência didáticaLucianaProf
 
Sequência didática – trabalho do curso (1)
Sequência didática – trabalho do curso (1)Sequência didática – trabalho do curso (1)
Sequência didática – trabalho do curso (1)SamyDeMarinis
 
Situação de aprendizagem texto avestruz mário prata
Situação de aprendizagem texto avestruz   mário prataSituação de aprendizagem texto avestruz   mário prata
Situação de aprendizagem texto avestruz mário pratameyreperon
 

Mais procurados (11)

Avestruz
AvestruzAvestruz
Avestruz
 
Melhor gestão turma j - evilázio
Melhor gestão   turma j - evilázioMelhor gestão   turma j - evilázio
Melhor gestão turma j - evilázio
 
Crônica avestruz
Crônica avestruzCrônica avestruz
Crônica avestruz
 
Oficina 02 e 03 silvana
Oficina 02 e 03   silvanaOficina 02 e 03   silvana
Oficina 02 e 03 silvana
 
Oficina 02 e 03 silvana (2)
Oficina 02 e 03   silvana (2)Oficina 02 e 03   silvana (2)
Oficina 02 e 03 silvana (2)
 
Perfil
Perfil Perfil
Perfil
 
Grupo 1 avestruz fernando dhm (5)
Grupo 1 avestruz fernando   dhm (5)Grupo 1 avestruz fernando   dhm (5)
Grupo 1 avestruz fernando dhm (5)
 
Sequência didática
Sequência didáticaSequência didática
Sequência didática
 
Avestruz
AvestruzAvestruz
Avestruz
 
Sequência didática – trabalho do curso (1)
Sequência didática – trabalho do curso (1)Sequência didática – trabalho do curso (1)
Sequência didática – trabalho do curso (1)
 
Situação de aprendizagem texto avestruz mário prata
Situação de aprendizagem texto avestruz   mário prataSituação de aprendizagem texto avestruz   mário prata
Situação de aprendizagem texto avestruz mário prata
 

Destaque

Investor Club Presentation
Investor Club PresentationInvestor Club Presentation
Investor Club PresentationR.A.S
 
Kayleigh Helton Resume 1
Kayleigh Helton Resume 1Kayleigh Helton Resume 1
Kayleigh Helton Resume 1Kayleigh Helton
 
B-Club | Moscow's real estate market | November 2016
B-Club | Moscow's real estate market | November 2016B-Club | Moscow's real estate market | November 2016
B-Club | Moscow's real estate market | November 2016Billion Estate
 
Restaurant point of sale software asap foodz
Restaurant point of sale software asap foodzRestaurant point of sale software asap foodz
Restaurant point of sale software asap foodzPawan Kumar Shukla
 
Html project on website of mobile store
Html project on website of mobile storeHtml project on website of mobile store
Html project on website of mobile storeMonika Kadam
 
Netop Remote Control Security Overview
Netop Remote Control Security OverviewNetop Remote Control Security Overview
Netop Remote Control Security OverviewNetop
 
Mesos: A State-of-the-art Container Orchestrator
Mesos: A State-of-the-art Container OrchestratorMesos: A State-of-the-art Container Orchestrator
Mesos: A State-of-the-art Container OrchestratorC4Media
 
Buzzon - креатив для фильма "Заговор оберона"
Buzzon - креатив для фильма "Заговор оберона"Buzzon - креатив для фильма "Заговор оберона"
Buzzon - креатив для фильма "Заговор оберона"Raim Dadybayev
 
Patrimonio Cultural
Patrimonio CulturalPatrimonio Cultural
Patrimonio CulturalIris Moreno
 
Mapa conceptual del proceso de comunicación
Mapa conceptual del proceso de comunicaciónMapa conceptual del proceso de comunicación
Mapa conceptual del proceso de comunicaciónMaitte Arias
 
5 c model of hrm impact
5 c model of hrm impact5 c model of hrm impact
5 c model of hrm impactsurbhi mathur
 
NGO-Meter 2015: Ergebnisse der Online-Fundraising-Umfrage
NGO-Meter 2015: Ergebnisse der Online-Fundraising-UmfrageNGO-Meter 2015: Ergebnisse der Online-Fundraising-Umfrage
NGO-Meter 2015: Ergebnisse der Online-Fundraising-Umfragebetterplace lab
 
Friday Youth Night
Friday Youth NightFriday Youth Night
Friday Youth Nightabdulg99
 

Destaque (17)

Investor Club Presentation
Investor Club PresentationInvestor Club Presentation
Investor Club Presentation
 
Kayleigh Helton Resume 1
Kayleigh Helton Resume 1Kayleigh Helton Resume 1
Kayleigh Helton Resume 1
 
Rodson's resume
Rodson's resumeRodson's resume
Rodson's resume
 
Colegio y formas de saludar
Colegio y formas de saludarColegio y formas de saludar
Colegio y formas de saludar
 
B-Club | Moscow's real estate market | November 2016
B-Club | Moscow's real estate market | November 2016B-Club | Moscow's real estate market | November 2016
B-Club | Moscow's real estate market | November 2016
 
Restaurant point of sale software asap foodz
Restaurant point of sale software asap foodzRestaurant point of sale software asap foodz
Restaurant point of sale software asap foodz
 
PROYECTO DE GRADO
PROYECTO DE GRADO PROYECTO DE GRADO
PROYECTO DE GRADO
 
Html project on website of mobile store
Html project on website of mobile storeHtml project on website of mobile store
Html project on website of mobile store
 
Netop Remote Control Security Overview
Netop Remote Control Security OverviewNetop Remote Control Security Overview
Netop Remote Control Security Overview
 
Mesos: A State-of-the-art Container Orchestrator
Mesos: A State-of-the-art Container OrchestratorMesos: A State-of-the-art Container Orchestrator
Mesos: A State-of-the-art Container Orchestrator
 
Buzzon - креатив для фильма "Заговор оберона"
Buzzon - креатив для фильма "Заговор оберона"Buzzon - креатив для фильма "Заговор оберона"
Buzzon - креатив для фильма "Заговор оберона"
 
Patrimonio Cultural
Patrimonio CulturalPatrimonio Cultural
Patrimonio Cultural
 
Mapa conceptual del proceso de comunicación
Mapa conceptual del proceso de comunicaciónMapa conceptual del proceso de comunicación
Mapa conceptual del proceso de comunicación
 
5 c model of hrm impact
5 c model of hrm impact5 c model of hrm impact
5 c model of hrm impact
 
NGO-Meter 2015: Ergebnisse der Online-Fundraising-Umfrage
NGO-Meter 2015: Ergebnisse der Online-Fundraising-UmfrageNGO-Meter 2015: Ergebnisse der Online-Fundraising-Umfrage
NGO-Meter 2015: Ergebnisse der Online-Fundraising-Umfrage
 
Herramientas en línea para crear reportajes multimedia
Herramientas en línea para crear reportajes multimediaHerramientas en línea para crear reportajes multimedia
Herramientas en línea para crear reportajes multimedia
 
Friday Youth Night
Friday Youth NightFriday Youth Night
Friday Youth Night
 

Semelhante a Texto avestruz priscila

Semelhante a Texto avestruz priscila (20)

Avestruz
AvestruzAvestruz
Avestruz
 
Avestruz
AvestruzAvestruz
Avestruz
 
Avestruz
AvestruzAvestruz
Avestruz
 
Situaodeaprendizagemtexto avestruz-
Situaodeaprendizagemtexto avestruz-Situaodeaprendizagemtexto avestruz-
Situaodeaprendizagemtexto avestruz-
 
Avestruz
AvestruzAvestruz
Avestruz
 
Estratégias de leitura sequência didática - texto avestruz- ok
Estratégias de leitura   sequência didática - texto avestruz- okEstratégias de leitura   sequência didática - texto avestruz- ok
Estratégias de leitura sequência didática - texto avestruz- ok
 
Sequência Didática
Sequência  DidáticaSequência  Didática
Sequência Didática
 
Situação de aprendizagem texto avestruz
Situação de aprendizagem texto   avestruzSituação de aprendizagem texto   avestruz
Situação de aprendizagem texto avestruz
 
Situação de aprendizagem avestruz
Situação de aprendizagem  avestruzSituação de aprendizagem  avestruz
Situação de aprendizagem avestruz
 
Situação de aprendizagem avestruz
Situação de aprendizagem  avestruzSituação de aprendizagem  avestruz
Situação de aprendizagem avestruz
 
Edilça
  Edilça  Edilça
Edilça
 
Situação de aprendizagem avestruz
Situação de aprendizagem  avestruzSituação de aprendizagem  avestruz
Situação de aprendizagem avestruz
 
Avestruz
AvestruzAvestruz
Avestruz
 
Avestruz ii
Avestruz iiAvestruz ii
Avestruz ii
 
Avestruz ii
Avestruz iiAvestruz ii
Avestruz ii
 
Avestruz
Avestruz Avestruz
Avestruz
 
Avestruz ii
Avestruz iiAvestruz ii
Avestruz ii
 
Avestruz ii
Avestruz iiAvestruz ii
Avestruz ii
 
Avestruz ii
Avestruz iiAvestruz ii
Avestruz ii
 
Sequência Didática - Avestruz
Sequência Didática - AvestruzSequência Didática - Avestruz
Sequência Didática - Avestruz
 

Mais de Regina da Silva

Capacidades de leitura aaa mara
Capacidades de leitura aaa  maraCapacidades de leitura aaa  mara
Capacidades de leitura aaa maraRegina da Silva
 
Capacidades de apreciação e de réplica do leitor final mara
Capacidades de apreciação e de réplica do leitor final maraCapacidades de apreciação e de réplica do leitor final mara
Capacidades de apreciação e de réplica do leitor final maraRegina da Silva
 
Intertextualidade e interdiscursividade 1(1) Mara
Intertextualidade e interdiscursividade  1(1) MaraIntertextualidade e interdiscursividade  1(1) Mara
Intertextualidade e interdiscursividade 1(1) MaraRegina da Silva
 
Meu primeiro beijo antônio barreto Rosana
Meu primeiro beijo  antônio barreto RosanaMeu primeiro beijo  antônio barreto Rosana
Meu primeiro beijo antônio barreto RosanaRegina da Silva
 
Meu primeiro beijo antônio barreto rosana
Meu primeiro beijo  antônio barreto rosanaMeu primeiro beijo  antônio barreto rosana
Meu primeiro beijo antônio barreto rosanaRegina da Silva
 

Mais de Regina da Silva (7)

Capacidades de leitura aaa mara
Capacidades de leitura aaa  maraCapacidades de leitura aaa  mara
Capacidades de leitura aaa mara
 
Capacidades de apreciação e de réplica do leitor final mara
Capacidades de apreciação e de réplica do leitor final maraCapacidades de apreciação e de réplica do leitor final mara
Capacidades de apreciação e de réplica do leitor final mara
 
Intertextualidade e interdiscursividade 1(1) Mara
Intertextualidade e interdiscursividade  1(1) MaraIntertextualidade e interdiscursividade  1(1) Mara
Intertextualidade e interdiscursividade 1(1) Mara
 
Meu primeiro beijo antônio barreto Rosana
Meu primeiro beijo  antônio barreto RosanaMeu primeiro beijo  antônio barreto Rosana
Meu primeiro beijo antônio barreto Rosana
 
Sa Regina
Sa ReginaSa Regina
Sa Regina
 
Meu primeiro beijo antônio barreto rosana
Meu primeiro beijo  antônio barreto rosanaMeu primeiro beijo  antônio barreto rosana
Meu primeiro beijo antônio barreto rosana
 
Sa regina
Sa reginaSa regina
Sa regina
 

Último

livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorialNeuroppIsnayaLciaMar
 
Poema - Reciclar é preciso
Poema            -        Reciclar é precisoPoema            -        Reciclar é preciso
Poema - Reciclar é precisoMary Alvarenga
 
AULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptx
AULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptxAULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptx
AULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptxGraycyelleCavalcanti
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptxlucioalmeida2702
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteLeonel Morgado
 
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....LuizHenriquedeAlmeid6
 
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docx
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docxAtividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docx
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docxSolangeWaltre
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfrarakey779
 
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco LeiteOs Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leiteprofesfrancleite
 
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docx
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docxCONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docx
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docxEduardaMedeiros18
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...Manuais Formação
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfPastor Robson Colaço
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é precisoMary Alvarenga
 
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdfExercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdfRILTONNOGUEIRADOSSAN
 
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdfGRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdfrarakey779
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfLeandroTelesRocha2
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfssuserbb4ac2
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfManuais Formação
 
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdfedjailmax
 

Último (20)

livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorial
 
Poema - Reciclar é preciso
Poema            -        Reciclar é precisoPoema            -        Reciclar é preciso
Poema - Reciclar é preciso
 
AULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptx
AULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptxAULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptx
AULA Saúde e tradição-3º Bimestre tscqv.pptx
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
 
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptxSlides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Slides Lição 8, CPAD, Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
 
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
 
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docx
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docxAtividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docx
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docx
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
 
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco LeiteOs Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
 
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docx
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docxCONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docx
CONTO-3º-4º-E-5ºANO-A-PRINCESA-E-A-ERVILHA[1] (1).docx
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdfExercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
 
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdfGRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
GRAMÁTICA NORMATIVA DA LÍNGUA PORTUGUESA UM GUIA COMPLETO DO IDIOMA.pdf
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
5ca0e9_ea0307e5baa1478490e87a15cb4ee530.pdf
 

Texto avestruz priscila

  • 2. 1) Ativação de conhecimento de mundo; antecipação ou predição; checagem de hipóteses. O professor coloca o título na lousa e inicia um diálogo com os alunos: -Vocês já viram um avestruz? - Como ele é? Com qual animal se parece? - Ele pode ser um animal de estimação? -Você conhece a expressão “Fulano tem estômago de avestruz?” - Antes da leitura do texto questionar os alunos sobre o que eles acham que será abordado no texto.
  • 3. 2) Localização de informações; comparação de informações; generalizações - Após a leitura compartilhada, o professor, juntamente com os alunos, compara as informações prévias com as retiradas do texto.
  • 4. 3) Produção de inferências locais; produção de inferências globais. O professor pede para que os alunos encontrem o nome científico do avestruz no texto. Após a localização, o professor questiona: - Vocês sabem por que os animais têm nome científico? - Por que o garoto desistiu de ter avestruz e se interessou por 5 gaivotas e 1 urubu?
  • 5. 4) Recuperação do contexto de produção; definição de finalidades e metas da atividade da leitura. O professor dará breves explicações sobre o gênero Crônica e onde geralmente são publicadas. Após uma nova leitura do texto o professor questiona: -Quem lê este tipo de texto? - Quais elementos do textos confirmam o gênero Crônica.
  • 6. 5) Percepção das relações de intertextualidade; percepção das relações de interdiscursividade. O aluno deverá: -Fazer um levantamento das informações referentes às características do avestruz. - Fazer a leitura da letra da música “Avestruz” – De Di Paula e Zé Henrique. -Comparar as informações da letra com as informações do texto. -Apontar as semelhanças entre os textos
  • 7. 6) Percepção de outras linguagens; elaboração de apreciações estéticas e/ou afetivas; elaboração de apreciações relativas e valores éticos e/ou políticos. - Elaborar um debate com os seguintes questionamentos: - É normal o pedido do garoto? - Os pais devem atender a todos os pedidos dos filhos ou devem impor limites? - Você já fez algum pedido incomum aos seus pais?
  • 8. Grupo 2 - Escola Capitão Alberto Graf: Maria Cilsa Camargo Priscila B Neves Souza Sonia Leme Viviane Q Lima - Escola Albino Fiore: Ivani Pereira de Souza -Escola Alfred Teodor Weiszflog: Mayra Karlla Santos da Silva