SlideShare uma empresa Scribd logo
Realismo  A palavra  realismo  designa uma maneira de agir, de interpretar a realidade. Esse comportamento caracteriza-se pela objetividade, por uma atitude racional das coisas e pode ocorrer em qualquer tempo da história.   O termo  Realismo  significa um estilo de época que predominou na segunda metade do século XIX. 
Realismo nas artes São características gerais: * o cientificismo; * a valorização do objeto; * o sóbrio e o minucioso; * a expressão da realidade e dos aspectos  descritivos.
Pintura O pai do movimento realista foi Gustave Courbet  ( 1819 - 1877 ).  Ele insistiu que "a pintura é essencialmente uma arte concreta e tem de ser aplicada às coisas reais e existentes". Quando lhe pediram que pintasse anjos, respondeu: "Nunca vi anjos. Se me mostrarem um, eu pinto ".
Características da Pintura Realista 1.   O artista utiliza todo o  conhecimento sobre perspectiva para criar a ilusão de espaço, inclusive a  aérea, dando uma nova visão da paisagem ou da cena . 2.   Os volumes são muito bem representados, devido à gradação de cor, de luz e sombra. Há preocupação de representar a textura, a aparência real do objeto. O desenho e a técnica para representar o corpo humano são perfeitas. 5.  Desejo de representar a realidade tal e qual ela se apresenta.
E stá sempre associado a retratos de trabalhadores rurais arando, semeando e colhendo.  Disse uma vez que desejava "fazer com que o trivial servisse para exprimir o sublime". Antes dele, os camponeses eram invariavelmente retratados como estúpidos. Millet  deu-lhes  dignidade.   Jean François Milllet  ( 1814 - 75 )
Honoré Daumier ( 1808 - 1879 ) Preocupa-se  em trazer à pintura uma atmosfera irreal. Há sempre um espaço aéreo luminoso, mas é como uma foto desfocada, sem contornos nítidos. Dom Quixote e Sancho Pança
Arquitetura  Os arquitetos e engenheiros procuram responder  às novas necessidades urbanas, criadas pela industrialização.  As cidades não exigem mais ricos palácios e templos, precisam de fábricas, estações, ferroviárias, armazéns, lojas, bibliotecas, escolas, hospitais e moradias, tanto para os operários quanto para a nova burguesia.
Em 1889, Gustavo Eiffel levanta, em Paris, a Torre Eiffel, hoje logotipo da "Cidade Luz".
Construída em 1889 para representar o desenvolvimento tecnológico durante a Exposição Mundial.  Também foi construída para comemorar os cem anos da  Revolução Francesa ;  Este monumento possui 317 metros de altura e, aproximadamente, 10 mil toneladas de metal;  Na parte inferior, abriga museu, restaurante e lojas;  É um dos pontos turísticos mais visitados da Europa.
O Palácio de Cristal, de Joseph Paxton, 1854.  THE CRYSTAL PALACE WAS COMPLETELY DESTROYED AFTER BEING BURNED DOWN BY A FIRE IN 1936 - NEARLY 90 YEARS AFTER IT WAS BUILT.
Diálogos com o Palácio de Cristal  Palácio de Cristal Cidade do Porto – Portugal  - Demolido
Palácio de Cristal – Madrid – Espanha – 1887. (Foto de Fernando A. Gonçalves )
Palácio de Cristal – Petrópolis – RJ. (1884)
Jardim Botânico em Curitiba  - inaugurado em 1991.
Os escultores preferiam os temas contemporâneos, assumindo muitas vezes uma intenção política em suas obras.  Obras destacadas:  O Beijo e O Pensador. Escultura
Pensador é uma das mais famosas esculturas de bronze do escultor francês Auguste Rodin. Característica fundamental: a fixação do momento significativo de um gesto humano. Chamado de O Poeta, O Pensador , foi baseado,  originalmente , em Dante  - A Divina Comédia – de Dante Alighieri, em frente aos Portões do Inferno, ponderando seu grande poema. A escultura está nua,  porque Rodin queria uma figura heróica à la Michelangelo para representar o pensamento assim como a poesia.   O Pensador
Pensadores Dante Alighieri  Drummond
Curiosidades...
Hiper-realismo -Foto ou Pintura? É incrível como a evolução da técnica na pintura, chegou a um ponto em que fica extremamente difícil diferenciar entre foto e pintura  (talvez, até, entre realidade e imaginação).
Ralph Goings
A pintura hiper-realista de Jerry Ott

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
Paulo Fonseca
 
Naturalismo, realismo
Naturalismo, realismo Naturalismo, realismo
Naturalismo, realismo
Ana Barreiros
 
O Realismo
O RealismoO Realismo
O Realismo
MissBlackBerryBush
 
Realismo em portugal
Realismo em portugalRealismo em portugal
Realismo em portugal
Lucélia Rodrigues
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
Francisco Silva
 
As artes na atualidade
As artes na atualidadeAs artes na atualidade
As artes na atualidade
Ana Barreiros
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
Michele Pó
 
Pós-impressionismo
Pós-impressionismoPós-impressionismo
Pós-impressionismo
marta Maria
 
Naturalismo e Realismo na Pintura
Naturalismo e Realismo na PinturaNaturalismo e Realismo na Pintura
Naturalismo e Realismo na Pintura
Carlos Pinheiro
 
História da Cultura e das Artes - 12.º ano - Módulo 9
História da Cultura e das Artes - 12.º ano - Módulo 9História da Cultura e das Artes - 12.º ano - Módulo 9
História da Cultura e das Artes - 12.º ano - Módulo 9
Carlos Pinheiro
 
Arte Século XX
Arte Século XXArte Século XX
Arte Século XX
Carlos Vieira
 
Módulo 9 em portugal
Módulo 9  em portugalMódulo 9  em portugal
Módulo 9 em portugal
cattonia
 
Arte em Portugal finais seculo xix
Arte em Portugal finais seculo xixArte em Portugal finais seculo xix
Arte em Portugal finais seculo xix
Ana Barreiros
 
Módulo 8 contextualização histórica
Módulo 8   contextualização históricaMódulo 8   contextualização histórica
Módulo 8 contextualização histórica
Carla Freitas
 
O realismo na pintura
O realismo na pinturaO realismo na pintura
O realismo na pintura
Carlos Pinheiro
 
A arte nova
A arte novaA arte nova
A arte nova
Carlos Pinheiro
 
Slide realismo
Slide realismoSlide realismo
Slide realismo
JulianaBibiano
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
Inês Filipa
 
Arte - Realismo
Arte - RealismoArte - Realismo
Arte - Realismo
Maiara Giordani
 
A cultura do cinema
A cultura do cinema   A cultura do cinema
A cultura do cinema
Ana Barreiros
 

Mais procurados (20)

Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
 
Naturalismo, realismo
Naturalismo, realismo Naturalismo, realismo
Naturalismo, realismo
 
O Realismo
O RealismoO Realismo
O Realismo
 
Realismo em portugal
Realismo em portugalRealismo em portugal
Realismo em portugal
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
 
As artes na atualidade
As artes na atualidadeAs artes na atualidade
As artes na atualidade
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
 
Pós-impressionismo
Pós-impressionismoPós-impressionismo
Pós-impressionismo
 
Naturalismo e Realismo na Pintura
Naturalismo e Realismo na PinturaNaturalismo e Realismo na Pintura
Naturalismo e Realismo na Pintura
 
História da Cultura e das Artes - 12.º ano - Módulo 9
História da Cultura e das Artes - 12.º ano - Módulo 9História da Cultura e das Artes - 12.º ano - Módulo 9
História da Cultura e das Artes - 12.º ano - Módulo 9
 
Arte Século XX
Arte Século XXArte Século XX
Arte Século XX
 
Módulo 9 em portugal
Módulo 9  em portugalMódulo 9  em portugal
Módulo 9 em portugal
 
Arte em Portugal finais seculo xix
Arte em Portugal finais seculo xixArte em Portugal finais seculo xix
Arte em Portugal finais seculo xix
 
Módulo 8 contextualização histórica
Módulo 8   contextualização históricaMódulo 8   contextualização histórica
Módulo 8 contextualização histórica
 
O realismo na pintura
O realismo na pinturaO realismo na pintura
O realismo na pintura
 
A arte nova
A arte novaA arte nova
A arte nova
 
Slide realismo
Slide realismoSlide realismo
Slide realismo
 
Expressionismo
ExpressionismoExpressionismo
Expressionismo
 
Arte - Realismo
Arte - RealismoArte - Realismo
Arte - Realismo
 
A cultura do cinema
A cultura do cinema   A cultura do cinema
A cultura do cinema
 

Semelhante a Realismo

Introdução ao Realismo
Introdução ao RealismoIntrodução ao Realismo
Introdução ao Realismo
CrisBiagio
 
2c16 Realismo e Museu Hermitage, São Petersburgo, Rússia 2012
2c16 Realismo e Museu Hermitage, São Petersburgo, Rússia 20122c16 Realismo e Museu Hermitage, São Petersburgo, Rússia 2012
2c16 Realismo e Museu Hermitage, São Petersburgo, Rússia 2012
www.historiadasartes.com
 
10 realismo 2020
10 realismo 202010 realismo 2020
10 realismo 2020
CLEBER LUIS DAMACENO
 
Realismo 2019
Realismo 2019Realismo 2019
Realismo 2019
CLEBER LUIS DAMACENO
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
Sara Cristina Alves Vale
 
Aula arte realista
Aula   arte realistaAula   arte realista
Aula arte realista
Abrahão Costa de Freitas
 
Apresenta o - realismo
Apresenta  o - realismoApresenta  o - realismo
Apresenta o - realismo
Arielly Winchester
 
Realismo
RealismoRealismo
Realismo
Cristiane Seibt
 
História da arte II: Realismo
História da arte II: RealismoHistória da arte II: Realismo
História da arte II: Realismo
Paula Poiet
 
Realismo
RealismoRealismo
Realismo
Thaynara Ferraz
 
Realismo
RealismoRealismo
Realismo
Equipemundi2014
 
Aula 2 objetivo
Aula 2 objetivoAula 2 objetivo
Aula 2 objetivo
CLEBER LUIS DAMACENO
 
Realismo
RealismoRealismo
Realismo
Auriene
 
Aula realismo
Aula realismoAula realismo
Aula realismo
Engelis Oliveira
 
10 hist da art arte neoclássi
10 hist da art   arte neoclássi10 hist da art   arte neoclássi
10 hist da art arte neoclássi
André Figundio
 
Trabalho De Historia
Trabalho De HistoriaTrabalho De Historia
Trabalho De Historia
guest2932aa
 
Trabalho De Historia
Trabalho De HistoriaTrabalho De Historia
Trabalho De Historia
rita margarida
 
Impressionismo
Impressionismo Impressionismo
Impressionismo
Ellen_Assad
 
Impressionismo
Impressionismo Impressionismo
Impressionismo
Ellen_Assad
 
Modernismo
ModernismoModernismo

Semelhante a Realismo (20)

Introdução ao Realismo
Introdução ao RealismoIntrodução ao Realismo
Introdução ao Realismo
 
2c16 Realismo e Museu Hermitage, São Petersburgo, Rússia 2012
2c16 Realismo e Museu Hermitage, São Petersburgo, Rússia 20122c16 Realismo e Museu Hermitage, São Petersburgo, Rússia 2012
2c16 Realismo e Museu Hermitage, São Petersburgo, Rússia 2012
 
10 realismo 2020
10 realismo 202010 realismo 2020
10 realismo 2020
 
Realismo 2019
Realismo 2019Realismo 2019
Realismo 2019
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
 
Aula arte realista
Aula   arte realistaAula   arte realista
Aula arte realista
 
Apresenta o - realismo
Apresenta  o - realismoApresenta  o - realismo
Apresenta o - realismo
 
Realismo
RealismoRealismo
Realismo
 
História da arte II: Realismo
História da arte II: RealismoHistória da arte II: Realismo
História da arte II: Realismo
 
Realismo
RealismoRealismo
Realismo
 
Realismo
RealismoRealismo
Realismo
 
Aula 2 objetivo
Aula 2 objetivoAula 2 objetivo
Aula 2 objetivo
 
Realismo
RealismoRealismo
Realismo
 
Aula realismo
Aula realismoAula realismo
Aula realismo
 
10 hist da art arte neoclássi
10 hist da art   arte neoclássi10 hist da art   arte neoclássi
10 hist da art arte neoclássi
 
Trabalho De Historia
Trabalho De HistoriaTrabalho De Historia
Trabalho De Historia
 
Trabalho De Historia
Trabalho De HistoriaTrabalho De Historia
Trabalho De Historia
 
Impressionismo
Impressionismo Impressionismo
Impressionismo
 
Impressionismo
Impressionismo Impressionismo
Impressionismo
 
Modernismo
ModernismoModernismo
Modernismo
 

Mais de CrisBiagio

Revisão para a UFSC.pptx
Revisão para a UFSC.pptxRevisão para a UFSC.pptx
Revisão para a UFSC.pptx
CrisBiagio
 
Vanguardas Europeias - 2022 - Atualizada.pptx
Vanguardas Europeias - 2022 - Atualizada.pptxVanguardas Europeias - 2022 - Atualizada.pptx
Vanguardas Europeias - 2022 - Atualizada.pptx
CrisBiagio
 
Formação de Palavras.pptx
Formação de Palavras.pptxFormação de Palavras.pptx
Formação de Palavras.pptx
CrisBiagio
 
Texto argumentativo - Citação direta e Citação Indireta.pptx
Texto argumentativo - Citação direta e Citação Indireta.pptxTexto argumentativo - Citação direta e Citação Indireta.pptx
Texto argumentativo - Citação direta e Citação Indireta.pptx
CrisBiagio
 
Discurso direto, indireto e indireto livre.pptx
Discurso direto, indireto e indireto livre.pptxDiscurso direto, indireto e indireto livre.pptx
Discurso direto, indireto e indireto livre.pptx
CrisBiagio
 
As imagens e a Sociedade.pptx
As imagens e a Sociedade.pptxAs imagens e a Sociedade.pptx
As imagens e a Sociedade.pptx
CrisBiagio
 
intertextualidade-interdiscursividade 2022 - atualizada.pptx
intertextualidade-interdiscursividade 2022 - atualizada.pptxintertextualidade-interdiscursividade 2022 - atualizada.pptx
intertextualidade-interdiscursividade 2022 - atualizada.pptx
CrisBiagio
 
Poema tirado de uma notícia de jornal, Manuel Bandeira.pptx
Poema tirado de uma notícia de jornal, Manuel Bandeira.pptxPoema tirado de uma notícia de jornal, Manuel Bandeira.pptx
Poema tirado de uma notícia de jornal, Manuel Bandeira.pptx
CrisBiagio
 
Redação - Textos argumentativos 2022.pptx
Redação - Textos argumentativos 2022.pptxRedação - Textos argumentativos 2022.pptx
Redação - Textos argumentativos 2022.pptx
CrisBiagio
 
Estilística.pptx
Estilística.pptxEstilística.pptx
Estilística.pptx
CrisBiagio
 
Inferências - Intertextualidade e Hipertexto 2022.pptx
Inferências - Intertextualidade e Hipertexto 2022.pptxInferências - Intertextualidade e Hipertexto 2022.pptx
Inferências - Intertextualidade e Hipertexto 2022.pptx
CrisBiagio
 
Mar Português, de Fernando Pessoa - Vozes d'África, de Castro Alves e Diáspor...
Mar Português, de Fernando Pessoa - Vozes d'África, de Castro Alves e Diáspor...Mar Português, de Fernando Pessoa - Vozes d'África, de Castro Alves e Diáspor...
Mar Português, de Fernando Pessoa - Vozes d'África, de Castro Alves e Diáspor...
CrisBiagio
 
Quinhentismo Brasileiro - Literatura informativa e jesuítica 2022.pptx
Quinhentismo Brasileiro - Literatura informativa e jesuítica 2022.pptxQuinhentismo Brasileiro - Literatura informativa e jesuítica 2022.pptx
Quinhentismo Brasileiro - Literatura informativa e jesuítica 2022.pptx
CrisBiagio
 
Fazenda Modelo - Chico Buarque - Considerações.pptx
Fazenda Modelo  - Chico Buarque  - Considerações.pptxFazenda Modelo  - Chico Buarque  - Considerações.pptx
Fazenda Modelo - Chico Buarque - Considerações.pptx
CrisBiagio
 
Crônicas para jovens, Clarice Lispector.pptx
Crônicas para jovens,  Clarice Lispector.pptxCrônicas para jovens,  Clarice Lispector.pptx
Crônicas para jovens, Clarice Lispector.pptx
CrisBiagio
 
Cinema, música e teatro atualizada em 2022.pptx
Cinema, música e teatro atualizada em 2022.pptxCinema, música e teatro atualizada em 2022.pptx
Cinema, música e teatro atualizada em 2022.pptx
CrisBiagio
 
Funções da Linguagem 2022.pptx
Funções da Linguagem 2022.pptxFunções da Linguagem 2022.pptx
Funções da Linguagem 2022.pptx
CrisBiagio
 
Interpretação de texto a arte e suas funções
Interpretação de texto   a arte e suas funçõesInterpretação de texto   a arte e suas funções
Interpretação de texto a arte e suas funções
CrisBiagio
 
Aulão Enem 2021
Aulão Enem 2021Aulão Enem 2021
Aulão Enem 2021
CrisBiagio
 
O pagador de promessas, de Dias Gomes
O pagador de promessas, de Dias GomesO pagador de promessas, de Dias Gomes
O pagador de promessas, de Dias Gomes
CrisBiagio
 

Mais de CrisBiagio (20)

Revisão para a UFSC.pptx
Revisão para a UFSC.pptxRevisão para a UFSC.pptx
Revisão para a UFSC.pptx
 
Vanguardas Europeias - 2022 - Atualizada.pptx
Vanguardas Europeias - 2022 - Atualizada.pptxVanguardas Europeias - 2022 - Atualizada.pptx
Vanguardas Europeias - 2022 - Atualizada.pptx
 
Formação de Palavras.pptx
Formação de Palavras.pptxFormação de Palavras.pptx
Formação de Palavras.pptx
 
Texto argumentativo - Citação direta e Citação Indireta.pptx
Texto argumentativo - Citação direta e Citação Indireta.pptxTexto argumentativo - Citação direta e Citação Indireta.pptx
Texto argumentativo - Citação direta e Citação Indireta.pptx
 
Discurso direto, indireto e indireto livre.pptx
Discurso direto, indireto e indireto livre.pptxDiscurso direto, indireto e indireto livre.pptx
Discurso direto, indireto e indireto livre.pptx
 
As imagens e a Sociedade.pptx
As imagens e a Sociedade.pptxAs imagens e a Sociedade.pptx
As imagens e a Sociedade.pptx
 
intertextualidade-interdiscursividade 2022 - atualizada.pptx
intertextualidade-interdiscursividade 2022 - atualizada.pptxintertextualidade-interdiscursividade 2022 - atualizada.pptx
intertextualidade-interdiscursividade 2022 - atualizada.pptx
 
Poema tirado de uma notícia de jornal, Manuel Bandeira.pptx
Poema tirado de uma notícia de jornal, Manuel Bandeira.pptxPoema tirado de uma notícia de jornal, Manuel Bandeira.pptx
Poema tirado de uma notícia de jornal, Manuel Bandeira.pptx
 
Redação - Textos argumentativos 2022.pptx
Redação - Textos argumentativos 2022.pptxRedação - Textos argumentativos 2022.pptx
Redação - Textos argumentativos 2022.pptx
 
Estilística.pptx
Estilística.pptxEstilística.pptx
Estilística.pptx
 
Inferências - Intertextualidade e Hipertexto 2022.pptx
Inferências - Intertextualidade e Hipertexto 2022.pptxInferências - Intertextualidade e Hipertexto 2022.pptx
Inferências - Intertextualidade e Hipertexto 2022.pptx
 
Mar Português, de Fernando Pessoa - Vozes d'África, de Castro Alves e Diáspor...
Mar Português, de Fernando Pessoa - Vozes d'África, de Castro Alves e Diáspor...Mar Português, de Fernando Pessoa - Vozes d'África, de Castro Alves e Diáspor...
Mar Português, de Fernando Pessoa - Vozes d'África, de Castro Alves e Diáspor...
 
Quinhentismo Brasileiro - Literatura informativa e jesuítica 2022.pptx
Quinhentismo Brasileiro - Literatura informativa e jesuítica 2022.pptxQuinhentismo Brasileiro - Literatura informativa e jesuítica 2022.pptx
Quinhentismo Brasileiro - Literatura informativa e jesuítica 2022.pptx
 
Fazenda Modelo - Chico Buarque - Considerações.pptx
Fazenda Modelo  - Chico Buarque  - Considerações.pptxFazenda Modelo  - Chico Buarque  - Considerações.pptx
Fazenda Modelo - Chico Buarque - Considerações.pptx
 
Crônicas para jovens, Clarice Lispector.pptx
Crônicas para jovens,  Clarice Lispector.pptxCrônicas para jovens,  Clarice Lispector.pptx
Crônicas para jovens, Clarice Lispector.pptx
 
Cinema, música e teatro atualizada em 2022.pptx
Cinema, música e teatro atualizada em 2022.pptxCinema, música e teatro atualizada em 2022.pptx
Cinema, música e teatro atualizada em 2022.pptx
 
Funções da Linguagem 2022.pptx
Funções da Linguagem 2022.pptxFunções da Linguagem 2022.pptx
Funções da Linguagem 2022.pptx
 
Interpretação de texto a arte e suas funções
Interpretação de texto   a arte e suas funçõesInterpretação de texto   a arte e suas funções
Interpretação de texto a arte e suas funções
 
Aulão Enem 2021
Aulão Enem 2021Aulão Enem 2021
Aulão Enem 2021
 
O pagador de promessas, de Dias Gomes
O pagador de promessas, de Dias GomesO pagador de promessas, de Dias Gomes
O pagador de promessas, de Dias Gomes
 

Realismo

  • 1. Realismo A palavra realismo designa uma maneira de agir, de interpretar a realidade. Esse comportamento caracteriza-se pela objetividade, por uma atitude racional das coisas e pode ocorrer em qualquer tempo da história. O termo Realismo significa um estilo de época que predominou na segunda metade do século XIX. 
  • 2. Realismo nas artes São características gerais: * o cientificismo; * a valorização do objeto; * o sóbrio e o minucioso; * a expressão da realidade e dos aspectos descritivos.
  • 3. Pintura O pai do movimento realista foi Gustave Courbet ( 1819 - 1877 ). Ele insistiu que "a pintura é essencialmente uma arte concreta e tem de ser aplicada às coisas reais e existentes". Quando lhe pediram que pintasse anjos, respondeu: "Nunca vi anjos. Se me mostrarem um, eu pinto ".
  • 4. Características da Pintura Realista 1. O artista utiliza todo o conhecimento sobre perspectiva para criar a ilusão de espaço, inclusive a aérea, dando uma nova visão da paisagem ou da cena . 2. Os volumes são muito bem representados, devido à gradação de cor, de luz e sombra. Há preocupação de representar a textura, a aparência real do objeto. O desenho e a técnica para representar o corpo humano são perfeitas. 5. Desejo de representar a realidade tal e qual ela se apresenta.
  • 5. E stá sempre associado a retratos de trabalhadores rurais arando, semeando e colhendo. Disse uma vez que desejava "fazer com que o trivial servisse para exprimir o sublime". Antes dele, os camponeses eram invariavelmente retratados como estúpidos. Millet deu-lhes dignidade. Jean François Milllet ( 1814 - 75 )
  • 6. Honoré Daumier ( 1808 - 1879 ) Preocupa-se em trazer à pintura uma atmosfera irreal. Há sempre um espaço aéreo luminoso, mas é como uma foto desfocada, sem contornos nítidos. Dom Quixote e Sancho Pança
  • 7. Arquitetura Os arquitetos e engenheiros procuram responder às novas necessidades urbanas, criadas pela industrialização. As cidades não exigem mais ricos palácios e templos, precisam de fábricas, estações, ferroviárias, armazéns, lojas, bibliotecas, escolas, hospitais e moradias, tanto para os operários quanto para a nova burguesia.
  • 8. Em 1889, Gustavo Eiffel levanta, em Paris, a Torre Eiffel, hoje logotipo da "Cidade Luz".
  • 9. Construída em 1889 para representar o desenvolvimento tecnológico durante a Exposição Mundial. Também foi construída para comemorar os cem anos da Revolução Francesa ; Este monumento possui 317 metros de altura e, aproximadamente, 10 mil toneladas de metal; Na parte inferior, abriga museu, restaurante e lojas; É um dos pontos turísticos mais visitados da Europa.
  • 10. O Palácio de Cristal, de Joseph Paxton, 1854. THE CRYSTAL PALACE WAS COMPLETELY DESTROYED AFTER BEING BURNED DOWN BY A FIRE IN 1936 - NEARLY 90 YEARS AFTER IT WAS BUILT.
  • 11. Diálogos com o Palácio de Cristal Palácio de Cristal Cidade do Porto – Portugal - Demolido
  • 12. Palácio de Cristal – Madrid – Espanha – 1887. (Foto de Fernando A. Gonçalves )
  • 13. Palácio de Cristal – Petrópolis – RJ. (1884)
  • 14. Jardim Botânico em Curitiba - inaugurado em 1991.
  • 15. Os escultores preferiam os temas contemporâneos, assumindo muitas vezes uma intenção política em suas obras. Obras destacadas: O Beijo e O Pensador. Escultura
  • 16. Pensador é uma das mais famosas esculturas de bronze do escultor francês Auguste Rodin. Característica fundamental: a fixação do momento significativo de um gesto humano. Chamado de O Poeta, O Pensador , foi baseado, originalmente , em Dante - A Divina Comédia – de Dante Alighieri, em frente aos Portões do Inferno, ponderando seu grande poema. A escultura está nua, porque Rodin queria uma figura heróica à la Michelangelo para representar o pensamento assim como a poesia. O Pensador
  • 19. Hiper-realismo -Foto ou Pintura? É incrível como a evolução da técnica na pintura, chegou a um ponto em que fica extremamente difícil diferenciar entre foto e pintura (talvez, até, entre realidade e imaginação).
  • 21. A pintura hiper-realista de Jerry Ott