SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 15
PERÍODO COLONIAL
Mato Grosso
1
Informações
 Alunos: Amanda, Geice, Kelly, Lais, Larissa, Rafaela e Yukari
 Escola: Escola Estadual Paulo Freire
 Professora: Lidia Rafa
 Série: 2º ano E.M
 Matéria: História
2
O início do período colonial
 Ocupação Indígena
 2000 índios
 50 000 pessoas
 Kuhikugu
 Aldeias cercadas por fossos e paliçadas
 Grupos linguísticos: tupi, macro-jê, aruaque e
caribe
3
Expedições de origem europeia
 1525
 Entradas e as bandeiras
 Portugal
4
5
Mapa do século XVIII da "Chapada das Minas" durante a corrida do ouro na região
Bandeirantes
Escravização indígena e exploração do ouro
 Período colonial – Século XVI – XVIII
 Entradas ou Bandeiras
 Missões Jesuíticas
6
7
Bandeirantes
 Lei do Quinto e Santo do Pau-Oco
 Jerônimo Leitão
 Bartolomeu Bueno da Veiga (Anhanguera)
 Alvarenga
 Antônio Pedroso
 14 de novembro
8
 w
A fundação de Cuiabá: Tensões politicas entre os fundadores
e a administração colonial
9
A fundação de Vila Bela da Santíssima Trindade
 Primeira Capital de Mato Grosso
 Fundação 19 de março de 1752
10Localização de Vila Bela da Santíssima Trindade
Criação da capitania de Mato Grosso
 Criada pela Coroa Portuguesa em 9 de maio
de 1748
 Capital foi Vila Bela da Santíssima Trindade
de 1752 á 1815
 Em 28 de fevereiro de 1821, ás vésperas da
Independência do Brasil, a região tornou-se
província
11
A escravidão negra em Mato Grosso
 Prisioneiros de guerra e endividados
 Escravidão de índios e negros (africanos)
 Forquilha, Lavras do Sutil e São Paulo
 Angola e Guiné
 Quilombos
12
Os Tratados de Fronteira entre Portugal e Espanha
 Tratado de Toledo (1480)
 Bula Inter Coetera (1493)
 Tratado de Tordesilhas (1494)
 Tratado de Madrid (1750)
 Tratado de Santo Ildefonso (1777)
13
Os Capitães-Generais e suas principais
realizações
 Antônio Rolim de Moura Tavares (1751-1765)
 João Pedro da Câmara (1764-1769)
 Luís Pinto de Sousa Coutinho (1769-1772)
 Luís de Albuquerque de Melo Pereira e
Cáceres1772-1789)
 João de Albuquerque de Melo Pereira e Cáceres
(1789-1796)
 Caetano Pinto de Miranda Montenegro (1796-
1802)
14
Fim do período colonial
15

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Administração colonial
Administração colonialAdministração colonial
Administração colonial
Lucas Reis
 
A expansão territorial na américa portuguesa
A expansão territorial na américa portuguesaA expansão territorial na américa portuguesa
A expansão territorial na américa portuguesa
Vitor Ferreira
 
Brasil colônia
Brasil colôniaBrasil colônia
Brasil colônia
erivonaldo
 
colonização portuguesa
colonização portuguesacolonização portuguesa
colonização portuguesa
Gabriel Pedro
 
Processo de colonização da America pelos portugueses
Processo de colonização da America pelos portuguesesProcesso de colonização da America pelos portugueses
Processo de colonização da America pelos portugueses
Thayana Andrade
 

Mais procurados (20)

A administração na américa portuguesa
A administração na américa portuguesaA administração na américa portuguesa
A administração na américa portuguesa
 
A Formação do Território Brasileiro - 7º Ano (2017)
A Formação do Território Brasileiro - 7º Ano (2017)A Formação do Território Brasileiro - 7º Ano (2017)
A Formação do Território Brasileiro - 7º Ano (2017)
 
Formação do espaço brasileiro
Formação do espaço brasileiroFormação do espaço brasileiro
Formação do espaço brasileiro
 
Expansão territorial da colônia
Expansão territorial da colôniaExpansão territorial da colônia
Expansão territorial da colônia
 
Administração colonial
Administração colonialAdministração colonial
Administração colonial
 
Capitanias Hereditárias
Capitanias HereditáriasCapitanias Hereditárias
Capitanias Hereditárias
 
5 Governo Geral
5 Governo Geral5 Governo Geral
5 Governo Geral
 
A colonização portuguesa
A colonização portuguesaA colonização portuguesa
A colonização portuguesa
 
A Administração colonial Portuguesa Portuguesa no Brasil
A Administração colonial Portuguesa Portuguesa no BrasilA Administração colonial Portuguesa Portuguesa no Brasil
A Administração colonial Portuguesa Portuguesa no Brasil
 
Capitanias hereditárias e Governos-gerais
Capitanias hereditárias e Governos-geraisCapitanias hereditárias e Governos-gerais
Capitanias hereditárias e Governos-gerais
 
A expansão territorial na américa portuguesa
A expansão territorial na américa portuguesaA expansão territorial na américa portuguesa
A expansão territorial na américa portuguesa
 
Brasil colônia
Brasil colôniaBrasil colônia
Brasil colônia
 
Formação do território brasileiro
Formação do território brasileiroFormação do território brasileiro
Formação do território brasileiro
 
colonização holandesa e entradas e bandeiras
colonização holandesa e entradas e bandeirascolonização holandesa e entradas e bandeiras
colonização holandesa e entradas e bandeiras
 
Grandes navegações e brasil colônia1
Grandes navegações e brasil colônia1Grandes navegações e brasil colônia1
Grandes navegações e brasil colônia1
 
colonização portuguesa
colonização portuguesacolonização portuguesa
colonização portuguesa
 
Governos Gerais
Governos GeraisGovernos Gerais
Governos Gerais
 
Expansão colonial na américa portuguesa
Expansão colonial na américa portuguesaExpansão colonial na américa portuguesa
Expansão colonial na américa portuguesa
 
Processo de colonização da America pelos portugueses
Processo de colonização da America pelos portuguesesProcesso de colonização da America pelos portugueses
Processo de colonização da America pelos portugueses
 
Colonização do Brasil
Colonização do BrasilColonização do Brasil
Colonização do Brasil
 

Semelhante a Período Colonial

Apontamentos HistóRia 8º Ano
Apontamentos HistóRia 8º AnoApontamentos HistóRia 8º Ano
Apontamentos HistóRia 8º Ano
turma8bjoaofranco
 
III Atividade Avaliativa de História 4º e 5º ano pdf
III Atividade Avaliativa de História 4º e 5º ano pdfIII Atividade Avaliativa de História 4º e 5º ano pdf
III Atividade Avaliativa de História 4º e 5º ano pdf
André Moraes
 
Rafael 1 De Dezembro
Rafael 1 De DezembroRafael 1 De Dezembro
Rafael 1 De Dezembro
guest9ca549
 
Rafael 1 De Dezembro
Rafael 1 De DezembroRafael 1 De Dezembro
Rafael 1 De Dezembro
guest9ca549
 
Rafael 1 De Dezembro
Rafael 1 De DezembroRafael 1 De Dezembro
Rafael 1 De Dezembro
guest9ca549
 
História do Brasil Aroldo
História do Brasil   AroldoHistória do Brasil   Aroldo
História do Brasil Aroldo
aroudus
 
Histria de-portugal-1222350041054449-9
Histria de-portugal-1222350041054449-9Histria de-portugal-1222350041054449-9
Histria de-portugal-1222350041054449-9
Annarrocha
 

Semelhante a Período Colonial (20)

Apontamentos HistóRia 8º Ano
Apontamentos HistóRia 8º AnoApontamentos HistóRia 8º Ano
Apontamentos HistóRia 8º Ano
 
Uniaoiberica
UniaoibericaUniaoiberica
Uniaoiberica
 
A_Maçonaria_na_História_do_Brasil,_a_visão_de_Tito_Lívio_Ferreira.pdf
A_Maçonaria_na_História_do_Brasil,_a_visão_de_Tito_Lívio_Ferreira.pdfA_Maçonaria_na_História_do_Brasil,_a_visão_de_Tito_Lívio_Ferreira.pdf
A_Maçonaria_na_História_do_Brasil,_a_visão_de_Tito_Lívio_Ferreira.pdf
 
1º de dezembro
1º de dezembro1º de dezembro
1º de dezembro
 
União ibérica & restauração
União ibérica & restauraçãoUnião ibérica & restauração
União ibérica & restauração
 
III Atividade Avaliativa de História 4º e 5º ano pdf
III Atividade Avaliativa de História 4º e 5º ano pdfIII Atividade Avaliativa de História 4º e 5º ano pdf
III Atividade Avaliativa de História 4º e 5º ano pdf
 
Aula 01 a 06 - TILHA 3 COLONIZAÇÃO NA AMÉRICA PORTUGUESA Estrutura política, ...
Aula 01 a 06 - TILHA 3 COLONIZAÇÃO NA AMÉRICA PORTUGUESA Estrutura política, ...Aula 01 a 06 - TILHA 3 COLONIZAÇÃO NA AMÉRICA PORTUGUESA Estrutura política, ...
Aula 01 a 06 - TILHA 3 COLONIZAÇÃO NA AMÉRICA PORTUGUESA Estrutura política, ...
 
171 ab brasil colonial 1530 1580 inicio da colonização e administração colonial
171 ab brasil colonial 1530 1580 inicio da colonização e administração colonial171 ab brasil colonial 1530 1580 inicio da colonização e administração colonial
171 ab brasil colonial 1530 1580 inicio da colonização e administração colonial
 
Brasil colônia 2014
Brasil colônia 2014Brasil colônia 2014
Brasil colônia 2014
 
Rafael 1 De Dezembro
Rafael 1 De DezembroRafael 1 De Dezembro
Rafael 1 De Dezembro
 
Rafael 1 De Dezembro
Rafael 1 De DezembroRafael 1 De Dezembro
Rafael 1 De Dezembro
 
Rafael 1 De Dezembro
Rafael 1 De DezembroRafael 1 De Dezembro
Rafael 1 De Dezembro
 
História do Brasil - do período colonial até Era Vargas
História do Brasil - do período colonial até Era VargasHistória do Brasil - do período colonial até Era Vargas
História do Brasil - do período colonial até Era Vargas
 
História do Brasil Aroldo
História do Brasil   AroldoHistória do Brasil   Aroldo
História do Brasil Aroldo
 
1º reinado 2º reinado no brasil
1º reinado 2º reinado no brasil1º reinado 2º reinado no brasil
1º reinado 2º reinado no brasil
 
Texto introdutório 2c aline 19.04
Texto introdutório 2c aline 19.04Texto introdutório 2c aline 19.04
Texto introdutório 2c aline 19.04
 
História de portugal1
História de portugal1História de portugal1
História de portugal1
 
Brasil colônia
Brasil colônia Brasil colônia
Brasil colônia
 
Histria de-portugal-1222350041054449-9
Histria de-portugal-1222350041054449-9Histria de-portugal-1222350041054449-9
Histria de-portugal-1222350041054449-9
 
Histria de-portugal-1222350041054449-9
Histria de-portugal-1222350041054449-9Histria de-portugal-1222350041054449-9
Histria de-portugal-1222350041054449-9
 

Mais de Kelly Gonzatto

Mais de Kelly Gonzatto (19)

Espaço Geográfico - trabalho de Geografia
Espaço Geográfico - trabalho de GeografiaEspaço Geográfico - trabalho de Geografia
Espaço Geográfico - trabalho de Geografia
 
Razão e Lógica
Razão e LógicaRazão e Lógica
Razão e Lógica
 
Sais Minerais e Vitaminas
Sais Minerais e VitaminasSais Minerais e Vitaminas
Sais Minerais e Vitaminas
 
Karl Marx e suas ideias
Karl Marx e suas ideiasKarl Marx e suas ideias
Karl Marx e suas ideias
 
Biomas
Biomas Biomas
Biomas
 
Islamismo
IslamismoIslamismo
Islamismo
 
Infarto
InfartoInfarto
Infarto
 
Vice reinado da Nova Espanha
Vice reinado da Nova EspanhaVice reinado da Nova Espanha
Vice reinado da Nova Espanha
 
Chuva ácida
Chuva ácidaChuva ácida
Chuva ácida
 
Sniffers de rede
Sniffers de redeSniffers de rede
Sniffers de rede
 
Francisco Franco
Francisco FrancoFrancisco Franco
Francisco Franco
 
Governo constitucional
Governo constitucionalGoverno constitucional
Governo constitucional
 
Ondas de rádio
Ondas de rádioOndas de rádio
Ondas de rádio
 
Segurança da Informação
Segurança da InformaçãoSegurança da Informação
Segurança da Informação
 
Contrato de Prestação de Serviço
Contrato de Prestação de ServiçoContrato de Prestação de Serviço
Contrato de Prestação de Serviço
 
Medicina
MedicinaMedicina
Medicina
 
Terapia gênica
Terapia gênica Terapia gênica
Terapia gênica
 
Risco de câncer no Brasil
Risco de câncer no BrasilRisco de câncer no Brasil
Risco de câncer no Brasil
 
Depressão na adolescência
Depressão na adolescênciaDepressão na adolescência
Depressão na adolescência
 

Último

PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
carlaOliveira438
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Pastor Robson Colaço
 
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaclubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
LuanaAlves940822
 
Plano de aula ensino fundamental escola pública
Plano de aula ensino fundamental escola públicaPlano de aula ensino fundamental escola pública
Plano de aula ensino fundamental escola pública
anapsuls
 

Último (20)

O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditivaO que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
 
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco LeiteOs Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
Os Padres de Assaré - CE. Prof. Francisco Leite
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
Atividade com a música Xote da Alegria - Falamansa
Atividade com a música Xote  da  Alegria    -   FalamansaAtividade com a música Xote  da  Alegria    -   Falamansa
Atividade com a música Xote da Alegria - Falamansa
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorial
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
 
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptxSão Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativos
 
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.pptAula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
 
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaclubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
 
Plano de aula ensino fundamental escola pública
Plano de aula ensino fundamental escola públicaPlano de aula ensino fundamental escola pública
Plano de aula ensino fundamental escola pública
 
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdfPlanejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
 
Slide - HIV (1) edit.pptx hiv em crianças
Slide - HIV (1) edit.pptx hiv em criançasSlide - HIV (1) edit.pptx hiv em crianças
Slide - HIV (1) edit.pptx hiv em crianças
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
 

Período Colonial

  • 2. Informações  Alunos: Amanda, Geice, Kelly, Lais, Larissa, Rafaela e Yukari  Escola: Escola Estadual Paulo Freire  Professora: Lidia Rafa  Série: 2º ano E.M  Matéria: História 2
  • 3. O início do período colonial  Ocupação Indígena  2000 índios  50 000 pessoas  Kuhikugu  Aldeias cercadas por fossos e paliçadas  Grupos linguísticos: tupi, macro-jê, aruaque e caribe 3
  • 4. Expedições de origem europeia  1525  Entradas e as bandeiras  Portugal 4
  • 5. 5 Mapa do século XVIII da "Chapada das Minas" durante a corrida do ouro na região
  • 6. Bandeirantes Escravização indígena e exploração do ouro  Período colonial – Século XVI – XVIII  Entradas ou Bandeiras  Missões Jesuíticas 6
  • 7. 7
  • 8. Bandeirantes  Lei do Quinto e Santo do Pau-Oco  Jerônimo Leitão  Bartolomeu Bueno da Veiga (Anhanguera)  Alvarenga  Antônio Pedroso  14 de novembro 8
  • 9.  w A fundação de Cuiabá: Tensões politicas entre os fundadores e a administração colonial 9
  • 10. A fundação de Vila Bela da Santíssima Trindade  Primeira Capital de Mato Grosso  Fundação 19 de março de 1752 10Localização de Vila Bela da Santíssima Trindade
  • 11. Criação da capitania de Mato Grosso  Criada pela Coroa Portuguesa em 9 de maio de 1748  Capital foi Vila Bela da Santíssima Trindade de 1752 á 1815  Em 28 de fevereiro de 1821, ás vésperas da Independência do Brasil, a região tornou-se província 11
  • 12. A escravidão negra em Mato Grosso  Prisioneiros de guerra e endividados  Escravidão de índios e negros (africanos)  Forquilha, Lavras do Sutil e São Paulo  Angola e Guiné  Quilombos 12
  • 13. Os Tratados de Fronteira entre Portugal e Espanha  Tratado de Toledo (1480)  Bula Inter Coetera (1493)  Tratado de Tordesilhas (1494)  Tratado de Madrid (1750)  Tratado de Santo Ildefonso (1777) 13
  • 14. Os Capitães-Generais e suas principais realizações  Antônio Rolim de Moura Tavares (1751-1765)  João Pedro da Câmara (1764-1769)  Luís Pinto de Sousa Coutinho (1769-1772)  Luís de Albuquerque de Melo Pereira e Cáceres1772-1789)  João de Albuquerque de Melo Pereira e Cáceres (1789-1796)  Caetano Pinto de Miranda Montenegro (1796- 1802) 14
  • 15. Fim do período colonial 15