Brasil colônia 2014

972 visualizações

Publicada em

Aula desenvolvida para meus alunos da 1ª série do Médio

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
972
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
13
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Brasil colônia 2014

  1. 1. AMÉRICA PORTUGUESA A História da colonização brasileira (1500 a 1822)
  2. 2. Os povos indígenas do Brasil em 1500
  3. 3. Os povos indígenas do Brasil Calcula-se que antes da chegada dos europeus à América havia só em território brasileiro 5 milhões de nativos. Estes índios estavam divididos em tribos, de acordo com o tronco linguístico ao qual pertenciam: tupi-guaranis (região do litoral), macro-jê ou tapuias (região do Planalto Central), aruaques (Amazônia) e caraíbas (Amazônia).
  4. 4. Entre os indígenas não havia classes sociais. A terra pertence a todos e quando um índio caça, costuma dividir com os habitantes de sua tribo. Apenas os instrumentos de trabalho (machado, arcos, flechas, arpões) são de propriedade individual. O trabalho na tribo é realizado por todos, porém possui uma divisão por sexo e idade. Duas figuras importantes na organização das tribos são o pajé, sacerdote da tribo e curandeiro e o cacique, chefe que organiza e orienta a tribo. A educação indígena é bem pratica e vinculada a realidade da vida da tribo indígena. Quando atinge os 13 os 14 anos, o jovem passa por um teste e uma cerimônia para ingressar na vida adulta.
  5. 5. Características Gerais Viviam da caça, da pesca e da agricultura rudimentar de milho, amendoim, feijão, abóbora, bata-doce e principalmente mandioca. Os índios domesticavam animais de pequeno porte como, por exemplo, porco do mato e capivara. As tribos indígenas possuíam uma relação baseada em regras sociais, políticas e religiosas. O contato entre as tribos acontecia em momentos de guerras, casamentos, cerimônias de enterro e também no momento de estabelecer alianças contra um inimigo comum. Hans Staden
  6. 6. Povos indígenas na atualidade https://www.flickr.com/photos/resarmento/sets/ 72157629517927456/ https://www.flickr.com/photos/resarmento/sets/ 72157626443998181/
  7. 7. O PERÍODO PRÉ-COLONIAL (1500-1530) Neste período o Brasil não apresentou atrativos para os portugueses, sendo assim serviu somente para “escalas marítimas”; Foi realizada a exploração do Pau-Brasil: Função: usado para tingir de roupas e na fabricação de móveis; Explorações Particulares; Principal explorador: Fernão de Noronha. Uso do escambo;
  8. 8.  Feitorias (Cabo Frio – 1503);  Expedições Exploradoras: Função: reconhecimento de litoral; 1501: Gaspar de Lemos; 1502: Américo Vespúcio; 1503: Gonçalo Coelho;  Expedições Guarda-Costas: 1516 e 1526: Cristóvão Jacques
  9. 9. Expedição de Martin Afonso de Souza (1530) Iniciar a povoação da terra com a lavoura de cana-de- açúcar e a criação de gado; Continuar a defesa do litoral; Pessoas que vieram com ele: soldados, degredados e colonos; Fundação da primeira vila no Brasil: São Vicente em 1532
  10. 10. II. O PERÍODO COLONIAL A- Motivos que levaram Portugal a colonizar o Brasil: Lavoura de Cana-de-Açúcar (substituição das especiarias pela cana); Ocupação definitiva do litoral.
  11. 11. AGROMANUFATURA AÇUCAREIRA
  12. 12. B- As Capitanias Hereditárias Sistema que havia dado bons resultados nas ilhas de Cabo Verde e nos Açores; Divisão do Brasil em quinze capitanias, doadas a doze donatários; Capitanias que prosperaram: São Vicente (Martin Afonso de Souza) e Pernambuco (de Duarte Coelho)
  13. 13. C- Causas que levaram as Capitanias ao fracasso: Grande extensão dos lotes de terra; Ataque dos índios; Falta de recursos dos donatários; O pau-brasil pertencia ao governo português; Desinteresse de alguns donatários; Ataque tupinikim à aldeia Tupinambá.
  14. 14. D- O Governo Geral (1548): Assinatura do Regimento Real
  15. 15. 1- Tomé de Souza (1549-1553) Fundação de Salvador (1ª capital do Brasil); Vinda dos primeiros Jesuítas; Vinda do primeiro bispo: Dom Pero Fernandes Sardinha; Distribuição de sesmarias.
  16. 16. 2- Duarte da Costa (1554-1558) Governo cheio de dificuldades; Revolta dos índios contra os colonos; Vinda de José de Anchieta; Fundação do Colégio de São Paulo; Morte de Dom Pero Fernandes Sardinha; Invasão dos franceses no Rio de Janeiro (“França Antártica” - 1555);
  17. 17. 3- Mem de Sá (1558-1572) Fundação da cidade de São Sebastião (RJ – 1565); Expulsão dos franceses em 1567 (ajuda de Estácio de Sá); Desenvolvimento da catequese.
  18. 18. E- Divisão do Brasil em dois governos Norte: Luís de Brito; Sul: Antônio Salena;
  19. 19. F- O domínio espanhol (1580-1640): Morte do rei português Dom Sebastião tendo o governo de Portugal passado às mãos da Espanha – União Ibérica; O Brasil, como colônia de Portugal, fica sob o domínio espanhol; Invasões e domínio holandês no nordeste brasileiro – Pernambuco.
  20. 20. G- As câmaras municipais Cuidavam da administração das vilas; Eram compostas por um juiz-presidente e quatro oficiais; Contavam com a participação dos “homens bons”; Possuíam propriedades e rendas.
  21. 21. Fim do domínio espanhol Dinastia Bragança governa em Portugal O açúcar brasileiro em crise – concorrência com a Holanda. O Tratado de Methuem: panos e vinhos assinado entre Portugal e Inglaterra A ação da entradas e bandeiras: captura de índios e busca pelo ouro Expansão territorial: ocupação do interior
  22. 22. Fim do século XVII – Ouro no Brasil Guerra dos Emboabas –1708 a 1709 Explosão demográfica na região das Minas Gerais após a descoberta do ouro. Fenômeno da urbanização. Mudança da capital para o Rio de Janeiro -1763 Intendência de Minas Datas, lavras e faiscadores Impostos: o Quinto e as Casas de Fundição.
  23. 23. Rebeliões Revolta de Vila Rica ou Felipe dos Santos - 1720 1759 – extinção do sistema de capitanias hereditárias Criação do Conselho Ultramarino -1762
  24. 24. Barras de ouro da Casa de Fundição de Vila Rica, Ouro faz brotar do chão uma história Produção de ouro nas Minas Gerais 1697 1699 1705 1715 1739 1744 1754 1764 115 Kg 725 Kg 1,5 Ton 6,5 Ton 10 Ton 9,7 Ton 8,8 Ton 7,6 Ton
  25. 25. Marques de Pombal 1771 – Junta de Administração Geral dos Diamantes - Monopólio da exploração de diamantes do Distrito Diamantino. Inconfidência Mineira – 1789 –Esgotamento do ouro (aluvião) –Insatisfação popular : Derrama –Opressão lusitana –Ideário iluminista

×