SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 28
Baixar para ler offline
MARIA MONTESSORI
Método.
"A primeira ideia que uma
criança precisa ter é a da
diferença entre bem e o
mal. E a principal função
do educador é cuidar para
que ela não confunda o
bem com a passividade e o
mal com a atividade."
Maria Montessori
PEDAGOGIA MONTESSORIANA
A pedagogia Montessori
possui qualidades muito
positivas se comparada às
escolas tradicionais. Há um
respeito pela criança e um
encorajamento de sua
autonomia, liberdade e
natural interesse em
aprender, levando-a a
cultivar uma atitude de
aprendizado ativo, e não
passivo, como faz a maioria
das escolas.
A Escola Maria Montessori
foi fundada há mais de 40
anos. Onde o educando é
educador de si mesmo,
tendo a possibilidade de
escolher o seu trabalho,
de se mover por conta
própria, de se tornar
responsável pelo seu
progresso e crescimento.
Pelo método o educando caminha para a independência
e liberdade numa atitude autodirigida. A integração da
criança com o ambiente, com o material montessoriano
e com o professor, resulta na aprendizagem significativa
e individualizada. A cada fase do desenvolvimento
vivenciada pelo educando, ele está autoconstruindo,
internalizando conceitos e valores sociais, de forma
segura e de acordo com o momento histórico atual.
De acordo com Maria Montessori, o ponto mais importante do método é,
não tanto seu material ou sua prática, mas a possibilidade criada pela
utilização dele de se libertar a verdadeira natureza do indivíduo, para que
esta possa ser observada, compreendida, e para que a educação se
desenvolva com base na evolução da criança, e não o contrário.
Montessori escreveu que o
desenvolvimento se dá em
“períodos sensíveis”, de
forma que em cada época
da vida predominam certas
características e
sensibilidades específicas.
Sem deixar de considerar o
que há de individual em
cada criança, Montessori
pode traçar perfis gerais de
comportamento e de
possibilidades de
aprendizado para cada faixa
etária, com base em anos de
observação.
A compreensão mais completa do desenvolvimento
permite a utilização dos recursos mais adequados a cada
fase e, claro, a cada criança em seu momento, já que as
fases não são estanques e nem têm datas exatas para
começar e terminar.
●
Autoeducação;
●
Conhecimento como ciência;
●
Educação Cósmica;
●
Ambiente Preparado;
●
Adulto Preparado;
●
Criança Equilibrada.
Assim, os seis pilares educacionais
de Montessori são:
1. Autoeducação é a capacidade inata da
criança para aprender. Por desejar absorver
todo o mundo à sua volta e compreendê-lo, a
criança o explora, investiga e pesquisa. O
método Montessori proporciona o ambiente
adequado e os materiais mais interessantes
para que a criança possa se desenvolver por
seus próprios esforços, no seu ritmo e
seguindo seus interesses.
2. Educação Cósmica é a melhor forma de
auxiliar a criança a compreender o mundo. De
acordo com este princípio, o educador deve
levar o conhecimento à criança de forma
organizada – cosmos significa ordem, em
oposição a caos -, estimulando sua
imaginação e evidenciando que tudo no
universo tem sua tarefa e que o ser humano
deve ser consciente de seu papel na
manutenção e melhora do mundo.
3. Educação como Ciência é a maneira de
compreender a criança e o fenômeno
educativo de acordo com Montessori, e
defendida pela ciência de hoje. Em
Montessori, o professor utiliza o método
científico de observações, hipóteses e teorias
para entender a melhor forma de ensinar cada
criança e para verificar a eficácia de seu
trabalho no dia a dia.
4. Ambiente Preparado é o local onde a
criança desenvolve sua autonomia e
compreende sua liberdade em escolas e lares
montessorianos. O ambiente preparado é
construído para a criança, atendendo às suas
necessidades biológicas e psicológicas. Em
ambientes preparados encontram-se mobília
de tamanho adequado e materiais de
desenvolvimento para a livre utilização da
criança.
5. Adulto Preparado é o nome que damos,
em Montessori, para o profissional que
auxilia a criança em seu desenvolvimento
completo. Esse adulto deve conhecer
cientificamente as fases do desenvolvimento
infantil e, por meio da observação e do
domínio de ferramentas educativas de
eficiência comprovada, guiar a criança em
seu desabrochar, de forma que este se dê
nas melhores condições possíveis.
6. Criança Equilibrada é qualquer criança em
seu desenvolvimento natural. Por meio da.
utilização correta do ambiente e da ajuda do
adulto preparado, as crianças expressam
características que lhes são inatas. Entre
outras, encontram-se o amor pelo silêncio,
pelo trabalho e pela ordem. Todas as crianças
nascem com estas características e as
desenvolvem melhor entre zero e seis anos.
Todos os princípios do método Montessori devem
funcionar em união, para que a criança se desenvolva de
forma completa e equilibrada. É necessário compreender
a criança para identificar nela os sinais da eficiência
daquilo que lhe está sendo oferecido. De acordo com
Montessori, “uma das provas da correção do processo
educacional é a felicidade da criança”.
O método Montessori tem sido utilizado
em escolas por todo o mundo, desde
o berçário até o Ensino Médio.
Além disso, aplica-se Montessori em
escolas especiais, clínicas de psicopeda-
gogia e lares mundo afora.
Clínicas de repouso
aproveitam características do método
montessoriano para o tratamento de
demência e Alzheimer e iniciativas
empresariais aplicam princípios do
método para o melhor desenvolvimento
de seus negócios.
O material criado por Montessori tem papel
preponderante no seu trabalho educativo pois
pressupõem a compreensão das coisas a partir delas
mesmas, tendo como função a estimular e desenvolver
na criança, um impulso interior que se manifesta no
trabalho espontâneo do intelecto.
O Material Dourado é um
dos materiais criado por
Maria Montessori. Este
material baseia-se nas
regras do sistema de
numeração, inclusive para
o trabalho com múltiplos,
sendo confeccionado em
madeira, é composto por:
cubos, placas, barras e
cubinhos.
O aluno usa (individualmente) os materiais a
medida de sua necessidade e por ser
autocorretivo faz sua auto-avaliação. Os
professores são auxiliares de aprendizagem e
o sistema peca pelo individualismo.
Ainda que suas posições
fossem avançadíssimas
para sua época, algumas
das concepções de
Montessori foram
criticadas por educadores
(entre eles, Freinet), que
apontavam o risco de
promover um trabalho
excessivamente diretivo e
isolado do contexto
cultural das crianças.
ALGUMAS OBRAS DE MONTESSORI
Maria Montessori defende o respeito às necessidades de
cada estudante, segundo a sua faixa etária. Mesmo
porque as crianças são capazes de conduzir o próprio
aprendizado e ao professor caberia acompanhar esse
processo. “Ela acreditava que a educação é uma
conquista da criança, pois percebeu que já nascemos
com a capacidade de ensinar a nós mesmos, se nos
forem dadas as condições”
Para tornar esse processo o mais rico possível, a
educadora italiana desenvolveu os materiais didáticos que
constituem um dos aspectos mais conhecidos de seu
trabalho.
Como se introduz um novo
conceito?
A Educação Infantil enfatiza a manipulação de peças de
tamanhos, formas, texturas e cores diferentes. Na
alfabetização, com a ajuda de objetos como o alfabeto
móvel, utiliza-se o método fonético, em que o
aprendizado parte do som da letra para se construir a
palavra e depois o texto. Devido principalmente, às
exigências do vestibular, a pedagogia montessoriana
raramente é aplicada no Ensino Médio.
Que tipo de indivíduo pretende
formar?
Individualidade, atividade e liberdade do aluno são as
bases da teoria, com ênfase para o conceito de indivíduo
como, simultaneamente, sujeito e objeto do ensino.
Montessori defendia uma concepção de educação que
se estende além dos limites do acúmulo de informações.
O objetivo da escola é a formação integral do jovem,
uma “educação para a vida”. A filosofia e os métodos
elaborados pela médica italiana procuram desenvolver o
potencial criativo desde a primeira infância, associando-o
à vontade de aprender – conceito que ela considerava
inerente a todos os seres humanos.
A linha montessoriana valoriza a educação pelos
sentidos e pelo movimento, para estimular a
concentração e as percepções sensório-motoras da
criança.
Maria Montessori foi uma educadora, médica
e feminista italiana conhecida pelo método
educativo que desenvolveu. Seu método
educacional é usado hoje em dia em escolas
públicas e privadas mundo afora.
Feito por: Nayanne Sena e Thaynara
Seehausen,
Da turma 3002, pedido pela professora Ruth.
FIM!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

Montessori
MontessoriMontessori
Montessori
 
Curiosidades sobre o método montessoriano
Curiosidades sobre o método montessorianoCuriosidades sobre o método montessoriano
Curiosidades sobre o método montessoriano
 
Maria montessori
Maria montessoriMaria montessori
Maria montessori
 
OVIDE DECROLY
OVIDE DECROLYOVIDE DECROLY
OVIDE DECROLY
 
Método Educacional Montessori
Método Educacional MontessoriMétodo Educacional Montessori
Método Educacional Montessori
 
Montessori
MontessoriMontessori
Montessori
 
Biografia e contribuições pedagógicas de Froebel
Biografia e contribuições pedagógicas de FroebelBiografia e contribuições pedagógicas de Froebel
Biografia e contribuições pedagógicas de Froebel
 
Slides Tendência Pedagógica Renovada Progressivista
Slides Tendência Pedagógica Renovada Progressivista Slides Tendência Pedagógica Renovada Progressivista
Slides Tendência Pedagógica Renovada Progressivista
 
Celestin Freinet
Celestin FreinetCelestin Freinet
Celestin Freinet
 
Metodologias Ativas
Metodologias AtivasMetodologias Ativas
Metodologias Ativas
 
Pestalozzi Final
Pestalozzi   FinalPestalozzi   Final
Pestalozzi Final
 
Freinet
FreinetFreinet
Freinet
 
Teorias contemporaneas em educacao
Teorias contemporaneas em educacao Teorias contemporaneas em educacao
Teorias contemporaneas em educacao
 
Educação segundo a metodologia de Pestalozzi
Educação segundo a metodologia de PestalozziEducação segundo a metodologia de Pestalozzi
Educação segundo a metodologia de Pestalozzi
 
Maria montessori
Maria montessoriMaria montessori
Maria montessori
 
Johann Friedrich Herbart
Johann Friedrich HerbartJohann Friedrich Herbart
Johann Friedrich Herbart
 
Processo de Aprendizagem
Processo de AprendizagemProcesso de Aprendizagem
Processo de Aprendizagem
 
Jonh Dewey
Jonh DeweyJonh Dewey
Jonh Dewey
 
Movimento da Escola Moderna
Movimento da Escola ModernaMovimento da Escola Moderna
Movimento da Escola Moderna
 
PESTALOZZI
PESTALOZZI PESTALOZZI
PESTALOZZI
 

Semelhante a Pedagogia montessoriana - Características e curiosidades.

O Método Montessori.pptx É um método pedagógico criado pela Dra. Maria Montes...
O Método Montessori.pptx É um método pedagógico criado pela Dra. Maria Montes...O Método Montessori.pptx É um método pedagógico criado pela Dra. Maria Montes...
O Método Montessori.pptx É um método pedagógico criado pela Dra. Maria Montes...SaraGomes174938
 
Grupo 2 tendências pedagógicas
Grupo 2 tendências pedagógicasGrupo 2 tendências pedagógicas
Grupo 2 tendências pedagógicasBeatrizBalanga
 
Maria Montessori e o Método Montessori.pptx
Maria Montessori e o Método Montessori.pptxMaria Montessori e o Método Montessori.pptx
Maria Montessori e o Método Montessori.pptxMariaVictriaCagiano
 
Maria Montessori e o Método Montessori.pptx
Maria Montessori e o Método Montessori.pptxMaria Montessori e o Método Montessori.pptx
Maria Montessori e o Método Montessori.pptxMariaVictriaCagiano
 
As Principais Correntes Pedagógicas
As Principais Correntes PedagógicasAs Principais Correntes Pedagógicas
As Principais Correntes PedagógicasJessica Nuvens
 
METODOLOGIAS DE ENSINO: O USO DA LUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL E O APRENDEN...
METODOLOGIAS DE ENSINO: O USO DA LUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL E O APRENDEN...METODOLOGIAS DE ENSINO: O USO DA LUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL E O APRENDEN...
METODOLOGIAS DE ENSINO: O USO DA LUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL E O APRENDEN...Pamy May
 
Contexto educativo
Contexto educativoContexto educativo
Contexto educativoXana Santos
 
Mario montessor icomp.
Mario montessor icomp.Mario montessor icomp.
Mario montessor icomp.enelmajose
 
Universidade federal da fronteira sul – uffs
Universidade federal da fronteira sul – uffsUniversidade federal da fronteira sul – uffs
Universidade federal da fronteira sul – uffsportecmasp
 
A importancia do_ludico_na_educacao_infantil
A importancia do_ludico_na_educacao_infantilA importancia do_ludico_na_educacao_infantil
A importancia do_ludico_na_educacao_infantilAna Teresa
 

Semelhante a Pedagogia montessoriana - Características e curiosidades. (20)

O Método Montessori.pptx É um método pedagógico criado pela Dra. Maria Montes...
O Método Montessori.pptx É um método pedagógico criado pela Dra. Maria Montes...O Método Montessori.pptx É um método pedagógico criado pela Dra. Maria Montes...
O Método Montessori.pptx É um método pedagógico criado pela Dra. Maria Montes...
 
Montessori
MontessoriMontessori
Montessori
 
Teoria motenssoriana
Teoria motenssorianaTeoria motenssoriana
Teoria motenssoriana
 
Grupo 2 tendências pedagógicas
Grupo 2 tendências pedagógicasGrupo 2 tendências pedagógicas
Grupo 2 tendências pedagógicas
 
Maria montessori
Maria montessoriMaria montessori
Maria montessori
 
Apres SemináRio Modelo
Apres SemináRio ModeloApres SemináRio Modelo
Apres SemináRio Modelo
 
Maria Montessori e o Método Montessori.pptx
Maria Montessori e o Método Montessori.pptxMaria Montessori e o Método Montessori.pptx
Maria Montessori e o Método Montessori.pptx
 
Maria Montessori e o Método Montessori.pptx
Maria Montessori e o Método Montessori.pptxMaria Montessori e o Método Montessori.pptx
Maria Montessori e o Método Montessori.pptx
 
Resumo da aula do dia 23 de abril
Resumo da aula do dia 23 de abrilResumo da aula do dia 23 de abril
Resumo da aula do dia 23 de abril
 
resumo da aula do dia 23 de abril
resumo da aula do dia 23 de abrilresumo da aula do dia 23 de abril
resumo da aula do dia 23 de abril
 
As Principais Correntes Pedagógicas
As Principais Correntes PedagógicasAs Principais Correntes Pedagógicas
As Principais Correntes Pedagógicas
 
Resumo da aula tecnologia digital e educação
Resumo da aula tecnologia digital e educaçãoResumo da aula tecnologia digital e educação
Resumo da aula tecnologia digital e educação
 
METODOLOGIAS DE ENSINO: O USO DA LUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL E O APRENDEN...
METODOLOGIAS DE ENSINO: O USO DA LUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL E O APRENDEN...METODOLOGIAS DE ENSINO: O USO DA LUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL E O APRENDEN...
METODOLOGIAS DE ENSINO: O USO DA LUDICIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL E O APRENDEN...
 
Contexto educativo
Contexto educativoContexto educativo
Contexto educativo
 
Mario montessor icomp.
Mario montessor icomp.Mario montessor icomp.
Mario montessor icomp.
 
Universidade federal da fronteira sul – uffs
Universidade federal da fronteira sul – uffsUniversidade federal da fronteira sul – uffs
Universidade federal da fronteira sul – uffs
 
A+pedagogia+critico+social
A+pedagogia+critico+social A+pedagogia+critico+social
A+pedagogia+critico+social
 
A+pedagogia+critico+social
A+pedagogia+critico+social A+pedagogia+critico+social
A+pedagogia+critico+social
 
A+pedagogia+critico+social
A+pedagogia+critico+social A+pedagogia+critico+social
A+pedagogia+critico+social
 
A importancia do_ludico_na_educacao_infantil
A importancia do_ludico_na_educacao_infantilA importancia do_ludico_na_educacao_infantil
A importancia do_ludico_na_educacao_infantil
 

Pedagogia montessoriana - Características e curiosidades.

  • 1. MARIA MONTESSORI Método. "A primeira ideia que uma criança precisa ter é a da diferença entre bem e o mal. E a principal função do educador é cuidar para que ela não confunda o bem com a passividade e o mal com a atividade." Maria Montessori
  • 2. PEDAGOGIA MONTESSORIANA A pedagogia Montessori possui qualidades muito positivas se comparada às escolas tradicionais. Há um respeito pela criança e um encorajamento de sua autonomia, liberdade e natural interesse em aprender, levando-a a cultivar uma atitude de aprendizado ativo, e não passivo, como faz a maioria das escolas.
  • 3. A Escola Maria Montessori foi fundada há mais de 40 anos. Onde o educando é educador de si mesmo, tendo a possibilidade de escolher o seu trabalho, de se mover por conta própria, de se tornar responsável pelo seu progresso e crescimento.
  • 4. Pelo método o educando caminha para a independência e liberdade numa atitude autodirigida. A integração da criança com o ambiente, com o material montessoriano e com o professor, resulta na aprendizagem significativa e individualizada. A cada fase do desenvolvimento vivenciada pelo educando, ele está autoconstruindo, internalizando conceitos e valores sociais, de forma segura e de acordo com o momento histórico atual.
  • 5. De acordo com Maria Montessori, o ponto mais importante do método é, não tanto seu material ou sua prática, mas a possibilidade criada pela utilização dele de se libertar a verdadeira natureza do indivíduo, para que esta possa ser observada, compreendida, e para que a educação se desenvolva com base na evolução da criança, e não o contrário.
  • 6. Montessori escreveu que o desenvolvimento se dá em “períodos sensíveis”, de forma que em cada época da vida predominam certas características e sensibilidades específicas. Sem deixar de considerar o que há de individual em cada criança, Montessori pode traçar perfis gerais de comportamento e de possibilidades de aprendizado para cada faixa etária, com base em anos de observação.
  • 7. A compreensão mais completa do desenvolvimento permite a utilização dos recursos mais adequados a cada fase e, claro, a cada criança em seu momento, já que as fases não são estanques e nem têm datas exatas para começar e terminar.
  • 8. ● Autoeducação; ● Conhecimento como ciência; ● Educação Cósmica; ● Ambiente Preparado; ● Adulto Preparado; ● Criança Equilibrada. Assim, os seis pilares educacionais de Montessori são:
  • 9. 1. Autoeducação é a capacidade inata da criança para aprender. Por desejar absorver todo o mundo à sua volta e compreendê-lo, a criança o explora, investiga e pesquisa. O método Montessori proporciona o ambiente adequado e os materiais mais interessantes para que a criança possa se desenvolver por seus próprios esforços, no seu ritmo e seguindo seus interesses.
  • 10. 2. Educação Cósmica é a melhor forma de auxiliar a criança a compreender o mundo. De acordo com este princípio, o educador deve levar o conhecimento à criança de forma organizada – cosmos significa ordem, em oposição a caos -, estimulando sua imaginação e evidenciando que tudo no universo tem sua tarefa e que o ser humano deve ser consciente de seu papel na manutenção e melhora do mundo.
  • 11. 3. Educação como Ciência é a maneira de compreender a criança e o fenômeno educativo de acordo com Montessori, e defendida pela ciência de hoje. Em Montessori, o professor utiliza o método científico de observações, hipóteses e teorias para entender a melhor forma de ensinar cada criança e para verificar a eficácia de seu trabalho no dia a dia.
  • 12. 4. Ambiente Preparado é o local onde a criança desenvolve sua autonomia e compreende sua liberdade em escolas e lares montessorianos. O ambiente preparado é construído para a criança, atendendo às suas necessidades biológicas e psicológicas. Em ambientes preparados encontram-se mobília de tamanho adequado e materiais de desenvolvimento para a livre utilização da criança.
  • 13. 5. Adulto Preparado é o nome que damos, em Montessori, para o profissional que auxilia a criança em seu desenvolvimento completo. Esse adulto deve conhecer cientificamente as fases do desenvolvimento infantil e, por meio da observação e do domínio de ferramentas educativas de eficiência comprovada, guiar a criança em seu desabrochar, de forma que este se dê nas melhores condições possíveis.
  • 14. 6. Criança Equilibrada é qualquer criança em seu desenvolvimento natural. Por meio da. utilização correta do ambiente e da ajuda do adulto preparado, as crianças expressam características que lhes são inatas. Entre outras, encontram-se o amor pelo silêncio, pelo trabalho e pela ordem. Todas as crianças nascem com estas características e as desenvolvem melhor entre zero e seis anos.
  • 15. Todos os princípios do método Montessori devem funcionar em união, para que a criança se desenvolva de forma completa e equilibrada. É necessário compreender a criança para identificar nela os sinais da eficiência daquilo que lhe está sendo oferecido. De acordo com Montessori, “uma das provas da correção do processo educacional é a felicidade da criança”.
  • 16. O método Montessori tem sido utilizado em escolas por todo o mundo, desde o berçário até o Ensino Médio. Além disso, aplica-se Montessori em escolas especiais, clínicas de psicopeda- gogia e lares mundo afora. Clínicas de repouso aproveitam características do método montessoriano para o tratamento de demência e Alzheimer e iniciativas empresariais aplicam princípios do método para o melhor desenvolvimento de seus negócios.
  • 17. O material criado por Montessori tem papel preponderante no seu trabalho educativo pois pressupõem a compreensão das coisas a partir delas mesmas, tendo como função a estimular e desenvolver na criança, um impulso interior que se manifesta no trabalho espontâneo do intelecto.
  • 18. O Material Dourado é um dos materiais criado por Maria Montessori. Este material baseia-se nas regras do sistema de numeração, inclusive para o trabalho com múltiplos, sendo confeccionado em madeira, é composto por: cubos, placas, barras e cubinhos.
  • 19. O aluno usa (individualmente) os materiais a medida de sua necessidade e por ser autocorretivo faz sua auto-avaliação. Os professores são auxiliares de aprendizagem e o sistema peca pelo individualismo.
  • 20. Ainda que suas posições fossem avançadíssimas para sua época, algumas das concepções de Montessori foram criticadas por educadores (entre eles, Freinet), que apontavam o risco de promover um trabalho excessivamente diretivo e isolado do contexto cultural das crianças.
  • 21. ALGUMAS OBRAS DE MONTESSORI
  • 22. Maria Montessori defende o respeito às necessidades de cada estudante, segundo a sua faixa etária. Mesmo porque as crianças são capazes de conduzir o próprio aprendizado e ao professor caberia acompanhar esse processo. “Ela acreditava que a educação é uma conquista da criança, pois percebeu que já nascemos com a capacidade de ensinar a nós mesmos, se nos forem dadas as condições”
  • 23. Para tornar esse processo o mais rico possível, a educadora italiana desenvolveu os materiais didáticos que constituem um dos aspectos mais conhecidos de seu trabalho.
  • 24. Como se introduz um novo conceito? A Educação Infantil enfatiza a manipulação de peças de tamanhos, formas, texturas e cores diferentes. Na alfabetização, com a ajuda de objetos como o alfabeto móvel, utiliza-se o método fonético, em que o aprendizado parte do som da letra para se construir a palavra e depois o texto. Devido principalmente, às exigências do vestibular, a pedagogia montessoriana raramente é aplicada no Ensino Médio.
  • 25. Que tipo de indivíduo pretende formar? Individualidade, atividade e liberdade do aluno são as bases da teoria, com ênfase para o conceito de indivíduo como, simultaneamente, sujeito e objeto do ensino. Montessori defendia uma concepção de educação que se estende além dos limites do acúmulo de informações. O objetivo da escola é a formação integral do jovem, uma “educação para a vida”. A filosofia e os métodos elaborados pela médica italiana procuram desenvolver o potencial criativo desde a primeira infância, associando-o à vontade de aprender – conceito que ela considerava inerente a todos os seres humanos.
  • 26. A linha montessoriana valoriza a educação pelos sentidos e pelo movimento, para estimular a concentração e as percepções sensório-motoras da criança.
  • 27. Maria Montessori foi uma educadora, médica e feminista italiana conhecida pelo método educativo que desenvolveu. Seu método educacional é usado hoje em dia em escolas públicas e privadas mundo afora.
  • 28. Feito por: Nayanne Sena e Thaynara Seehausen, Da turma 3002, pedido pela professora Ruth. FIM!