SlideShare uma empresa Scribd logo
Esculturas de Miguel Ângelo - Marina Sequeira - Patrícia
  Pequena Biografia   Miguel Ângelo di Ludovico Buonarroti Simoni  foi um pintor ,escultor, poeta e arquitecto renascentista italiano. Poucas actividades das artes, em vários campos fez com que rivalizasse com Leonardo da Vinci no título de ícone da Renascença.  Recebeu tarefas diplomáticas. Duas biografias foram escritas sobre ele ainda em vida . Também era apelidado de  Il Divino . Duas de suas mais famosas obras (a Pietá e o David) foram realizadas antes de seus trinta anos.  Para Miguel a escultura era o espelho da alma, adorava trabalhar em mármore , foi quem descobriu a solução para o problema vários da posição do corpo (Ex.: de Cristo).
Características das  obras mais importantes Pietá Pietá  foi a única escultura acabada e assinada. Beleza da escultura  deriva do classicismo ,tem como tema a mãe com o seu filho morto  nos braços . Representa momentos de angustia , serenidade, composição triangular, principalmente na postura de Maria. Acabamento polido e a superfície  branca da pedra contribui  para a anatomia do corpo de Cristo.
Madonna e a criança Esta é a única obra de Miguel Ângelo originalmente colocada fora de itálica  e está  na catedral de notre-dame .
David David  foi uma obra que transformou-se num símbolo de Florença, foi esculpida em 1501. A figura está tensa ,mostra acção em suspenso,  Pés são mais pequenos que o resto do corpo, a cabeça é maior .
Moisés Moisés  - Foi projectada como uma escultura do papa Júlio ,esta  escultura tem grande realismo.  - Revela uma personagem que os contemporâneos chamam de “Terribitá”,ou senhor de si. - Os  chifres na cabeça representam o símbolo da eminência da elevação ,do poder.
Tumba de Júlio Tumba de Júlio   -  Foi chamada de “tragédia do túmulo “ a obra demorou cerca de  32 anos a ser construída e desse projecto restou apenas Moisés ( escultura secundária). - Os rompimentos e reatamentos dos contratos em torno dessa obra tornaram-se um suplicio para os artistas daquela época.
Outras Obras Túmulo de Giuliano de Medici
Túmulo de Lorenzo de Medici
Pietà   Rondanini
Escravo Atlas   Escravo Moribundo Escravo Rebelde
Planificação Miguel Ângelo trabalhava em pedra , fazia com que não se pudesse modifica-la.  A figura era trabalhada directamente “dentro da rocha”. Algumas esculturas estão inacabadas como Pietà e escravos. Depois deste processos as obras tinham de ser limpas para não deixar restos de cinzel.
Técnicas utilizadas Embora pintasse, composse-se poemas e projectasse em arquitectura, Miguel Ângelo adorava a escultura em mármore. Utilizava equipamentos da talha em pedra cinzéis . Miguel escolhia os blocos  de pedra até ao esmerado polimento final. Exemplo: rosto de Cristo
Análise do estilo Miguel sempre foi um génio ,dono de uma criatividade  inexplicável,  foi o paradigma da personalidade reverenciada pelos românticos século XIX. Utilizava técnicas neurasténicas, masoquistas. Criou  obras que chegou ás raias do sobre-humano.
Conclusão  Este trabalho ajuda-nos a conhecer o melhor de Miguel Ângelo ao nível da escultura . Perceber as técnicas as influencias que ele sofreu de outros artistas.
bibliografia www.auladearte.com.br/hitoria/Miguel.htm Livro -Miguel Ângelo www.pitoresca.com.br/universal/miguel.htm

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Arte gótica
Arte gótica Arte gótica
Arte gótica
kyzinha
 
Biografia miguel angelo
Biografia miguel angeloBiografia miguel angelo
Biografia miguel angelo
Pedro Maciel
 
A cultura da catedral escultura e pintura
A cultura da catedral   escultura e pinturaA cultura da catedral   escultura e pintura
A cultura da catedral escultura e pintura
cattonia
 
02 pintura renascentista
02 pintura renascentista02 pintura renascentista
02 pintura renascentista
Vítor Santos
 
A arte românica
A arte românicaA arte românica
A arte românica
becresforte
 
Módulo 9 em portugal
Módulo 9  em portugalMódulo 9  em portugal
Módulo 9 em portugal
cattonia
 
A cultura da gare
A cultura da gareA cultura da gare
A cultura da gare
Ana Barreiros
 
A arte nova
A arte novaA arte nova
A arte nova
Carlos Pinheiro
 
Pintura barroca
Pintura barrocaPintura barroca
Pintura barroca
Ana Barreiros
 
Arte do Renascimento - Pintura
Arte do Renascimento - PinturaArte do Renascimento - Pintura
Arte do Renascimento - Pintura
Carlos Vieira
 
A Itália do Renascimento
A Itália do RenascimentoA Itália do Renascimento
A Itália do Renascimento
Carlos Vieira
 
MODERNISMO EM PORTUGAL
MODERNISMO EM PORTUGALMODERNISMO EM PORTUGAL
MODERNISMO EM PORTUGAL
luisant
 
Pintura renascentista
Pintura renascentistaPintura renascentista
Pintura renascentista
Karyn XP
 
03 escultura e pintura gótica
03 escultura e pintura gótica03 escultura e pintura gótica
03 escultura e pintura gótica
Vítor Santos
 
Palácio de Mafra
Palácio de MafraPalácio de Mafra
Palácio de Mafra
hcaslides
 
Pintura e escultura neoclássica
Pintura e escultura neoclássicaPintura e escultura neoclássica
Pintura e escultura neoclássica
Ana Barreiros
 
Idade Média: Gótico
Idade Média: GóticoIdade Média: Gótico
Idade Média: Gótico
João Lima
 
O romantismo na arquitetura e na pintura
O romantismo na arquitetura e na pinturaO romantismo na arquitetura e na pintura
O romantismo na arquitetura e na pintura
Carlos Pinheiro
 
Maneirismo
ManeirismoManeirismo
Maneirismo
cattonia
 
Pintura e escultura em Portugal nos finais do século XIX
Pintura e escultura em Portugal nos finais do século XIXPintura e escultura em Portugal nos finais do século XIX
Pintura e escultura em Portugal nos finais do século XIX
Carlos Pinheiro
 

Mais procurados (20)

Arte gótica
Arte gótica Arte gótica
Arte gótica
 
Biografia miguel angelo
Biografia miguel angeloBiografia miguel angelo
Biografia miguel angelo
 
A cultura da catedral escultura e pintura
A cultura da catedral   escultura e pinturaA cultura da catedral   escultura e pintura
A cultura da catedral escultura e pintura
 
02 pintura renascentista
02 pintura renascentista02 pintura renascentista
02 pintura renascentista
 
A arte românica
A arte românicaA arte românica
A arte românica
 
Módulo 9 em portugal
Módulo 9  em portugalMódulo 9  em portugal
Módulo 9 em portugal
 
A cultura da gare
A cultura da gareA cultura da gare
A cultura da gare
 
A arte nova
A arte novaA arte nova
A arte nova
 
Pintura barroca
Pintura barrocaPintura barroca
Pintura barroca
 
Arte do Renascimento - Pintura
Arte do Renascimento - PinturaArte do Renascimento - Pintura
Arte do Renascimento - Pintura
 
A Itália do Renascimento
A Itália do RenascimentoA Itália do Renascimento
A Itália do Renascimento
 
MODERNISMO EM PORTUGAL
MODERNISMO EM PORTUGALMODERNISMO EM PORTUGAL
MODERNISMO EM PORTUGAL
 
Pintura renascentista
Pintura renascentistaPintura renascentista
Pintura renascentista
 
03 escultura e pintura gótica
03 escultura e pintura gótica03 escultura e pintura gótica
03 escultura e pintura gótica
 
Palácio de Mafra
Palácio de MafraPalácio de Mafra
Palácio de Mafra
 
Pintura e escultura neoclássica
Pintura e escultura neoclássicaPintura e escultura neoclássica
Pintura e escultura neoclássica
 
Idade Média: Gótico
Idade Média: GóticoIdade Média: Gótico
Idade Média: Gótico
 
O romantismo na arquitetura e na pintura
O romantismo na arquitetura e na pinturaO romantismo na arquitetura e na pintura
O romantismo na arquitetura e na pintura
 
Maneirismo
ManeirismoManeirismo
Maneirismo
 
Pintura e escultura em Portugal nos finais do século XIX
Pintura e escultura em Portugal nos finais do século XIXPintura e escultura em Portugal nos finais do século XIX
Pintura e escultura em Portugal nos finais do século XIX
 

Destaque

Pintura e escultura michelangelo
Pintura e escultura michelangeloPintura e escultura michelangelo
Pintura e escultura michelangelo
Nome Sobrenome
 
Michelangelo - vida e obra
Michelangelo - vida e obraMichelangelo - vida e obra
Michelangelo - vida e obra
Nya13
 
Miguel Ângelo- Pieta
Miguel Ângelo- Pieta Miguel Ângelo- Pieta
Miguel Ângelo- Pieta
Maria Gomes
 
A Pieta - Miguelangelo
A Pieta - MiguelangeloA Pieta - Miguelangelo
A Pieta - Miguelangelo
site curiosidades
 
Miguel âNgelo
Miguel âNgeloMiguel âNgelo
Miguel âNgelo
Sílvia Mendonça
 
Pieta miguelangelo
Pieta miguelangeloPieta miguelangelo
Pieta miguelangelo
Marquês de Pombal
 
Michelangelo
MichelangeloMichelangelo
Pieta by michelangelo and Donatello
Pieta by michelangelo and DonatelloPieta by michelangelo and Donatello
Pieta by michelangelo and Donatello
Emanuel
 
Pieta Miguelangelo
Pieta MiguelangeloPieta Miguelangelo
Pieta Miguelangelo
preciosidade
 
Michelângelo Slide
Michelângelo SlideMichelângelo Slide
Michelângelo Slide
richard_romancini
 
Classe de palavras
Classe de palavrasClasse de palavras
Classe de palavras
Ana Arminda Moreira
 

Destaque (11)

Pintura e escultura michelangelo
Pintura e escultura michelangeloPintura e escultura michelangelo
Pintura e escultura michelangelo
 
Michelangelo - vida e obra
Michelangelo - vida e obraMichelangelo - vida e obra
Michelangelo - vida e obra
 
Miguel Ângelo- Pieta
Miguel Ângelo- Pieta Miguel Ângelo- Pieta
Miguel Ângelo- Pieta
 
A Pieta - Miguelangelo
A Pieta - MiguelangeloA Pieta - Miguelangelo
A Pieta - Miguelangelo
 
Miguel âNgelo
Miguel âNgeloMiguel âNgelo
Miguel âNgelo
 
Pieta miguelangelo
Pieta miguelangeloPieta miguelangelo
Pieta miguelangelo
 
Michelangelo
MichelangeloMichelangelo
Michelangelo
 
Pieta by michelangelo and Donatello
Pieta by michelangelo and DonatelloPieta by michelangelo and Donatello
Pieta by michelangelo and Donatello
 
Pieta Miguelangelo
Pieta MiguelangeloPieta Miguelangelo
Pieta Miguelangelo
 
Michelângelo Slide
Michelângelo SlideMichelângelo Slide
Michelângelo Slide
 
Classe de palavras
Classe de palavrasClasse de palavras
Classe de palavras
 

Semelhante a Miguel Ângelo

Trabalho de artes
Trabalho de artesTrabalho de artes
Trabalho de artes
Gustavoxa1
 
Trabalho de artes
Trabalho de artesTrabalho de artes
Trabalho de artes
Gustavoxa1
 
Trabalho de artes
Trabalho de artesTrabalho de artes
Trabalho de artes
Gustavoxa1
 
Michelangelo uma obra genial (1)
Michelangelo  uma obra genial (1)Michelangelo  uma obra genial (1)
Michelangelo uma obra genial (1)
Rachel Paula
 
Michelangelo - Biografia e trabalhos.pptx
Michelangelo - Biografia e trabalhos.pptxMichelangelo - Biografia e trabalhos.pptx
Michelangelo - Biografia e trabalhos.pptx
DanielGomes586649
 
Michelangelo - Prof. Altair Aguilar
Michelangelo - Prof. Altair AguilarMichelangelo - Prof. Altair Aguilar
Michelangelo - Prof. Altair Aguilar
Altair Moisés Aguilar
 
Miguel Ângelo
Miguel ÂngeloMiguel Ângelo
Miguel Ângelo
Eduardo Batista
 
Concepção Estética de Miguel Ângelo
Concepção Estética de Miguel ÂngeloConcepção Estética de Miguel Ângelo
Concepção Estética de Miguel Ângelo
Arlindo Nascimento Rocha - "Oficina Acadêmica"
 
Artes Visuais
Artes VisuaisArtes Visuais
Artes Visuais
Fabio Vanussi
 
FáBio Querido
FáBio QueridoFáBio Querido
FáBio Querido
Fabio100
 
História da Arte - A Última ceia
História da Arte - A Última ceiaHistória da Arte - A Última ceia
História da Arte - A Última ceia
Lorrayne Linhares
 
Renascimento Parte 1
Renascimento Parte 1 Renascimento Parte 1
Renascimento Parte 1
lucas_12
 
Arte renascentista
Arte renascentistaArte renascentista
Arte renascentista
Isaque Marques Pascoal
 
Pré-renascimento - 1201-1399
Pré-renascimento - 1201-1399Pré-renascimento - 1201-1399
Pré-renascimento - 1201-1399
Professor Gilson Nunes
 
Arte renascimento 2
Arte renascimento 2Arte renascimento 2
Arte renascimento 2
Carla Teixeira
 
Os Grandes Mestres da Pintura
Os Grandes Mestres da PinturaOs Grandes Mestres da Pintura
Os Grandes Mestres da Pintura
Helder Martinho
 
Historia da arte - período Renascimento - resumo
Historia da arte - período Renascimento - resumoHistoria da arte - período Renascimento - resumo
Historia da arte - período Renascimento - resumo
Andrea Dressler
 
Arte Renascentistas: Mestres renascentistas
Arte Renascentistas: Mestres renascentistasArte Renascentistas: Mestres renascentistas
Arte Renascentistas: Mestres renascentistas
Anna Caroline
 
Quinhentismo
QuinhentismoQuinhentismo
Quinhentismo
Bruno Conti
 
Leonardo da Vinci, Galileu, Giotto...
Leonardo da Vinci, Galileu, Giotto...Leonardo da Vinci, Galileu, Giotto...
Leonardo da Vinci, Galileu, Giotto...
Elsa Giraldo
 

Semelhante a Miguel Ângelo (20)

Trabalho de artes
Trabalho de artesTrabalho de artes
Trabalho de artes
 
Trabalho de artes
Trabalho de artesTrabalho de artes
Trabalho de artes
 
Trabalho de artes
Trabalho de artesTrabalho de artes
Trabalho de artes
 
Michelangelo uma obra genial (1)
Michelangelo  uma obra genial (1)Michelangelo  uma obra genial (1)
Michelangelo uma obra genial (1)
 
Michelangelo - Biografia e trabalhos.pptx
Michelangelo - Biografia e trabalhos.pptxMichelangelo - Biografia e trabalhos.pptx
Michelangelo - Biografia e trabalhos.pptx
 
Michelangelo - Prof. Altair Aguilar
Michelangelo - Prof. Altair AguilarMichelangelo - Prof. Altair Aguilar
Michelangelo - Prof. Altair Aguilar
 
Miguel Ângelo
Miguel ÂngeloMiguel Ângelo
Miguel Ângelo
 
Concepção Estética de Miguel Ângelo
Concepção Estética de Miguel ÂngeloConcepção Estética de Miguel Ângelo
Concepção Estética de Miguel Ângelo
 
Artes Visuais
Artes VisuaisArtes Visuais
Artes Visuais
 
FáBio Querido
FáBio QueridoFáBio Querido
FáBio Querido
 
História da Arte - A Última ceia
História da Arte - A Última ceiaHistória da Arte - A Última ceia
História da Arte - A Última ceia
 
Renascimento Parte 1
Renascimento Parte 1 Renascimento Parte 1
Renascimento Parte 1
 
Arte renascentista
Arte renascentistaArte renascentista
Arte renascentista
 
Pré-renascimento - 1201-1399
Pré-renascimento - 1201-1399Pré-renascimento - 1201-1399
Pré-renascimento - 1201-1399
 
Arte renascimento 2
Arte renascimento 2Arte renascimento 2
Arte renascimento 2
 
Os Grandes Mestres da Pintura
Os Grandes Mestres da PinturaOs Grandes Mestres da Pintura
Os Grandes Mestres da Pintura
 
Historia da arte - período Renascimento - resumo
Historia da arte - período Renascimento - resumoHistoria da arte - período Renascimento - resumo
Historia da arte - período Renascimento - resumo
 
Arte Renascentistas: Mestres renascentistas
Arte Renascentistas: Mestres renascentistasArte Renascentistas: Mestres renascentistas
Arte Renascentistas: Mestres renascentistas
 
Quinhentismo
QuinhentismoQuinhentismo
Quinhentismo
 
Leonardo da Vinci, Galileu, Giotto...
Leonardo da Vinci, Galileu, Giotto...Leonardo da Vinci, Galileu, Giotto...
Leonardo da Vinci, Galileu, Giotto...
 

Mais de Carlos Vieira

Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
Carlos Vieira
 
Abstracionismo
AbstracionismoAbstracionismo
Abstracionismo
Carlos Vieira
 
O Patriota
O PatriotaO Patriota
O Patriota
Carlos Vieira
 
As sufragistas
As sufragistasAs sufragistas
As sufragistas
Carlos Vieira
 
Madame bovary
Madame bovaryMadame bovary
Madame bovary
Carlos Vieira
 
Cavalo de guerra
Cavalo de guerraCavalo de guerra
Cavalo de guerra
Carlos Vieira
 
Danton
DantonDanton
Cultura do Salão – Lisboa pombalina
Cultura do Salão – Lisboa pombalinaCultura do Salão – Lisboa pombalina
Cultura do Salão – Lisboa pombalina
Carlos Vieira
 
Cultura do Salão – Introdução ao Neoclassico
Cultura do Salão – Introdução ao NeoclassicoCultura do Salão – Introdução ao Neoclassico
Cultura do Salão – Introdução ao Neoclassico
Carlos Vieira
 
Cultura do Salão – Pintura do rococó
Cultura do Salão – Pintura do rococóCultura do Salão – Pintura do rococó
Cultura do Salão – Pintura do rococó
Carlos Vieira
 
Cultura do Salão – Rococo internacional
Cultura do Salão – Rococo internacionalCultura do Salão – Rococo internacional
Cultura do Salão – Rococo internacional
Carlos Vieira
 
Cultura do Salão – Escultura do rococo
Cultura do Salão – Escultura do rococoCultura do Salão – Escultura do rococo
Cultura do Salão – Escultura do rococo
Carlos Vieira
 
Cultura do Salão - Origens do rococo
Cultura do Salão - Origens do rococoCultura do Salão - Origens do rococo
Cultura do Salão - Origens do rococo
Carlos Vieira
 
Cultura do Palco - Barroco em Portugal
Cultura do Palco - Barroco em Portugal Cultura do Palco - Barroco em Portugal
Cultura do Palco - Barroco em Portugal
Carlos Vieira
 
Cultura do Palco - Pintura barroca internacional
Cultura do Palco - Pintura barroca internacional Cultura do Palco - Pintura barroca internacional
Cultura do Palco - Pintura barroca internacional
Carlos Vieira
 
Cultura do Palco - Pintura Barroca
Cultura do Palco - Pintura BarrocaCultura do Palco - Pintura Barroca
Cultura do Palco - Pintura Barroca
Carlos Vieira
 
Cultura do Palco - Escultura Barroca
Cultura do Palco - Escultura BarrocaCultura do Palco - Escultura Barroca
Cultura do Palco - Escultura Barroca
Carlos Vieira
 
Cultura do Palco - Arquitectura Barroca
Cultura do Palco - Arquitectura BarrocaCultura do Palco - Arquitectura Barroca
Cultura do Palco - Arquitectura Barroca
Carlos Vieira
 
Cultura do Barroco - Palácio de Versalhes
Cultura do Barroco - Palácio de VersalhesCultura do Barroco - Palácio de Versalhes
Cultura do Barroco - Palácio de Versalhes
Carlos Vieira
 
Cultura do Palácio - Renascimento e Maneirismo em Portugal
Cultura do Palácio - Renascimento e Maneirismo em PortugalCultura do Palácio - Renascimento e Maneirismo em Portugal
Cultura do Palácio - Renascimento e Maneirismo em Portugal
Carlos Vieira
 

Mais de Carlos Vieira (20)

Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
 
Abstracionismo
AbstracionismoAbstracionismo
Abstracionismo
 
O Patriota
O PatriotaO Patriota
O Patriota
 
As sufragistas
As sufragistasAs sufragistas
As sufragistas
 
Madame bovary
Madame bovaryMadame bovary
Madame bovary
 
Cavalo de guerra
Cavalo de guerraCavalo de guerra
Cavalo de guerra
 
Danton
DantonDanton
Danton
 
Cultura do Salão – Lisboa pombalina
Cultura do Salão – Lisboa pombalinaCultura do Salão – Lisboa pombalina
Cultura do Salão – Lisboa pombalina
 
Cultura do Salão – Introdução ao Neoclassico
Cultura do Salão – Introdução ao NeoclassicoCultura do Salão – Introdução ao Neoclassico
Cultura do Salão – Introdução ao Neoclassico
 
Cultura do Salão – Pintura do rococó
Cultura do Salão – Pintura do rococóCultura do Salão – Pintura do rococó
Cultura do Salão – Pintura do rococó
 
Cultura do Salão – Rococo internacional
Cultura do Salão – Rococo internacionalCultura do Salão – Rococo internacional
Cultura do Salão – Rococo internacional
 
Cultura do Salão – Escultura do rococo
Cultura do Salão – Escultura do rococoCultura do Salão – Escultura do rococo
Cultura do Salão – Escultura do rococo
 
Cultura do Salão - Origens do rococo
Cultura do Salão - Origens do rococoCultura do Salão - Origens do rococo
Cultura do Salão - Origens do rococo
 
Cultura do Palco - Barroco em Portugal
Cultura do Palco - Barroco em Portugal Cultura do Palco - Barroco em Portugal
Cultura do Palco - Barroco em Portugal
 
Cultura do Palco - Pintura barroca internacional
Cultura do Palco - Pintura barroca internacional Cultura do Palco - Pintura barroca internacional
Cultura do Palco - Pintura barroca internacional
 
Cultura do Palco - Pintura Barroca
Cultura do Palco - Pintura BarrocaCultura do Palco - Pintura Barroca
Cultura do Palco - Pintura Barroca
 
Cultura do Palco - Escultura Barroca
Cultura do Palco - Escultura BarrocaCultura do Palco - Escultura Barroca
Cultura do Palco - Escultura Barroca
 
Cultura do Palco - Arquitectura Barroca
Cultura do Palco - Arquitectura BarrocaCultura do Palco - Arquitectura Barroca
Cultura do Palco - Arquitectura Barroca
 
Cultura do Barroco - Palácio de Versalhes
Cultura do Barroco - Palácio de VersalhesCultura do Barroco - Palácio de Versalhes
Cultura do Barroco - Palácio de Versalhes
 
Cultura do Palácio - Renascimento e Maneirismo em Portugal
Cultura do Palácio - Renascimento e Maneirismo em PortugalCultura do Palácio - Renascimento e Maneirismo em Portugal
Cultura do Palácio - Renascimento e Maneirismo em Portugal
 

Miguel Ângelo

  • 1. Esculturas de Miguel Ângelo - Marina Sequeira - Patrícia
  • 2. Pequena Biografia Miguel Ângelo di Ludovico Buonarroti Simoni foi um pintor ,escultor, poeta e arquitecto renascentista italiano. Poucas actividades das artes, em vários campos fez com que rivalizasse com Leonardo da Vinci no título de ícone da Renascença. Recebeu tarefas diplomáticas. Duas biografias foram escritas sobre ele ainda em vida . Também era apelidado de Il Divino . Duas de suas mais famosas obras (a Pietá e o David) foram realizadas antes de seus trinta anos. Para Miguel a escultura era o espelho da alma, adorava trabalhar em mármore , foi quem descobriu a solução para o problema vários da posição do corpo (Ex.: de Cristo).
  • 3. Características das obras mais importantes Pietá Pietá foi a única escultura acabada e assinada. Beleza da escultura deriva do classicismo ,tem como tema a mãe com o seu filho morto nos braços . Representa momentos de angustia , serenidade, composição triangular, principalmente na postura de Maria. Acabamento polido e a superfície branca da pedra contribui para a anatomia do corpo de Cristo.
  • 4. Madonna e a criança Esta é a única obra de Miguel Ângelo originalmente colocada fora de itálica e está na catedral de notre-dame .
  • 5. David David foi uma obra que transformou-se num símbolo de Florença, foi esculpida em 1501. A figura está tensa ,mostra acção em suspenso, Pés são mais pequenos que o resto do corpo, a cabeça é maior .
  • 6. Moisés Moisés - Foi projectada como uma escultura do papa Júlio ,esta escultura tem grande realismo. - Revela uma personagem que os contemporâneos chamam de “Terribitá”,ou senhor de si. - Os chifres na cabeça representam o símbolo da eminência da elevação ,do poder.
  • 7. Tumba de Júlio Tumba de Júlio - Foi chamada de “tragédia do túmulo “ a obra demorou cerca de 32 anos a ser construída e desse projecto restou apenas Moisés ( escultura secundária). - Os rompimentos e reatamentos dos contratos em torno dessa obra tornaram-se um suplicio para os artistas daquela época.
  • 8. Outras Obras Túmulo de Giuliano de Medici
  • 9. Túmulo de Lorenzo de Medici
  • 10. Pietà Rondanini
  • 11. Escravo Atlas Escravo Moribundo Escravo Rebelde
  • 12. Planificação Miguel Ângelo trabalhava em pedra , fazia com que não se pudesse modifica-la. A figura era trabalhada directamente “dentro da rocha”. Algumas esculturas estão inacabadas como Pietà e escravos. Depois deste processos as obras tinham de ser limpas para não deixar restos de cinzel.
  • 13. Técnicas utilizadas Embora pintasse, composse-se poemas e projectasse em arquitectura, Miguel Ângelo adorava a escultura em mármore. Utilizava equipamentos da talha em pedra cinzéis . Miguel escolhia os blocos de pedra até ao esmerado polimento final. Exemplo: rosto de Cristo
  • 14. Análise do estilo Miguel sempre foi um génio ,dono de uma criatividade inexplicável, foi o paradigma da personalidade reverenciada pelos românticos século XIX. Utilizava técnicas neurasténicas, masoquistas. Criou obras que chegou ás raias do sobre-humano.
  • 15. Conclusão Este trabalho ajuda-nos a conhecer o melhor de Miguel Ângelo ao nível da escultura . Perceber as técnicas as influencias que ele sofreu de outros artistas.
  • 16. bibliografia www.auladearte.com.br/hitoria/Miguel.htm Livro -Miguel Ângelo www.pitoresca.com.br/universal/miguel.htm