SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 13
Baixar para ler offline
Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado – FECAP | www.fecap.br
Método do Caso como Recurso Pedagógico:
Benefícios e Utilização
29º ENANGRAD
25 de agosto de 2018
Prof. Artur Mo<a
artur.mo<a@fecap.br – (11) 98262-5432
1
Artur M. Motta – 29º ENANGRAD– Ago.2018
Obje%vo
Nessa oficina iremos trabalhar um caso de ensino do ponto de vista do docente, discutindo:
üBenefícios e dificuldades
üPreparação prévia
üDinâmica de aula
üReações discentes
üOutros aspectos levantados pelos participantes da oficina.
Artur M. Mo)a – 29º ENANGRAD– Ago.2018
O que é um caso
üAdotado desde 1924 nos cursos de administração e negócios de Harvard
ü“Representação verbal da realidade que coloca o leitor no papel de um participante na situação”.
ü“Uma das alternativas mais adequadas para desenvolver as competências requeridas por líderes e
administradores.”
üAs situações expostas são reais, enfrentadas por executivos com suas visões distorcidas, informações
incompletas, variáveis controláveis e não controláveis, dados externos e internos. Muitas vezes inexiste
uma única alternativa correta ou de comprovação garantida.
3
ATENÇÃO
ü Podem ser de sucesso ou fracasso
ü ArVgo cienWfico não é caso
ü Método de Caso ≠ Estudo de Caso
ü Não possui um formato único
Artur M. Motta – 29º ENANGRAD– Ago.2018
Vantagens do Método
üOs alunos se identificam com as situações reais
üOs aluno são protagonista nas aulas
üOs alunos se sentem confortáveis a expressar a opinião pois não há “gabarito”
üOs alunos têm liberdade para a tomada de decisão
4
ATITUDE POSITIVA
+
MOTIVAÇÃO
üAnálises e inferências são feitas por analogias de situações
üAprendemos com os alunos
üAs aulas são completamente disMntas
üMelhor uso do espaço da sala de aula
Artur M. Mo)a – 29º ENANGRAD– Ago.2018
Desafios do Método
üExige grande preparo prévio
üContexto brasileiro ≠ contexto Harvard
üVulnerável a audiência
üConJnuidade entre aulas
üAchar o caso ideal!
üAvaliação individual dos alunos
üCondução do debate
5
Artur M. Motta – 29º ENANGRAD– Ago.2018
Caso Groupon
6
Artur M. Mo)a – 29º ENANGRAD– Ago.2018
Etapas do Estudo do Caso (Harvard)
üPreparação docente
üAnálise individual
üDiscussões em pequenos grupos
üDiscussão em classe
üFinalização do caso
12
Artur M. Motta – 29º ENANGRAD– Ago.2018
Preparação docente
üIden;ficar: dados (personagens, datas), contexto, situação + problemas, alterna;vas
üSelecionar os principais temas que devem ser discu;dos: roteirizar o debate, questões de condução, teorias
üEstudar Teaching Notes
üCobrir tópicos periféricos ao obje;vo principal, mas que por estarem no caso podem chamar a atenção dos
alunos e serem objeto de debate
üMateriais complementares: fomentar o debate, reconduzir, atualização do caso, fechamento do caso
“O caso que requer duas ou três horas de estudo do aluno pode requerer 20 horas do
professor, pelo menos na primeira vez em que é ensinado. (ROIG, 1977, p. 40)”
13
Artur M. Mo)a – 29º ENANGRAD– Ago.2018
Condução
üPrimeiros casos
• Leitura em voz aula com o professor auxiliando na organização das ideias, observação de pontos críLcos e
incenLvando quesLonamentos sobre o relato do caso
• InsLgar e fortalecer a postura proaLva do aluno
üA contribuição dos alunos deve ser fortemente incenLvada
üNão responder questões mas conduzi-las entre os parLcipantes
üEnvolver o grupo todo aLvamente
üContribuições da experiência profissional devem ser solicitadas
üSolicitar a uLlização de termos técnicos da administração ao invés de expressões populares
üResgate teorias e modelos vistos no curso para o caso demonstrando a aplicabilidade
“É fácil fazer a ligação do caso com teorias e conceitos” com concordância de
56% dos graduandos (Ikeda, Veludo-de-Oliveira & Campomar, 2007)
14
Artur M. Motta – 29º ENANGRAD– Ago.2018
Fechamento
üReforce os principais aprendizados
üColete feedbacks
üFaça um fechamento!
• Não apresente uma solução ou a sua opinião
üAnote pontos de melhoria
15
Artur M. Mo)a – 29º ENANGRAD– Ago.2018
Minha abordagem
üLeitura individual em sala de aula
üCasos nacionais e com empresas conhecidas geram maior engajamento
üAtualizo os temas e os casos periodicamente
üUHlizo perguntas alternaHvas as sugeridas pelo caso
• Não forneço “gabarito” para as questões
üTrabalhos em grupos ocorrem após o debate
• UHlização de modelos teóricos
• Aprofundamento de temas adicionais relacionados ao caso
• Novos exemplos de empresas (dia-a-dia dos alunos)
16
Artur M. Motta – 29º ENANGRAD– Ago.2018
Bases para Aquisição de Casos
üGVcasos – Revista Brasileira de Casos de Ensino em Administração
hFp://fgv.br/gvcasos
üCasoteca de Gestão Pública – ENAP (Escola Nacional de Administração Pública)
hFp://casoteca.enap.gov.br/
üCentral de cases ESPM
hFp://www.espm.br/CONHECAAESPM/PUBLICACOES/CENTRALDECASES/Pages/default.aspx
üColeção de Casos Insper
hFp://www.insper.edu.br/casos
üCongressos e Seminários
17
Artur M. Mo)a – 29º ENANGRAD– Ago.2018
Obrigado
Entre em contato comigo para receber cópia dessa apresentação
artur.mo)a@fecap.br
(11) 98262-5432
arturmo)a
arturmo)a
18

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Método do Caso como Recurso Pedagógico: Benefícios e Utilização

Elaboraodeprovasenade 140423203328-phpapp02
Elaboraodeprovasenade 140423203328-phpapp02Elaboraodeprovasenade 140423203328-phpapp02
Elaboraodeprovasenade 140423203328-phpapp02Josafá Coelho
 
Como fazer um estudo de caso
Como fazer um estudo de casoComo fazer um estudo de caso
Como fazer um estudo de casoRosane Domingues
 
Estudo de Caso unir 2016
Estudo de Caso unir 2016Estudo de Caso unir 2016
Estudo de Caso unir 2016Simone Athayde
 
plano II de pesquisa 2022 PSIC EXPERIMENTAL.pptx
plano II de pesquisa 2022 PSIC EXPERIMENTAL.pptxplano II de pesquisa 2022 PSIC EXPERIMENTAL.pptx
plano II de pesquisa 2022 PSIC EXPERIMENTAL.pptxemerickvivian
 
Metodologias Ativas no Ensino de Matemática - Slides.pdf
Metodologias Ativas no Ensino de Matemática - Slides.pdfMetodologias Ativas no Ensino de Matemática - Slides.pdf
Metodologias Ativas no Ensino de Matemática - Slides.pdfClaudieneSantos8
 
Reunião sarem matemática
Reunião sarem matemática Reunião sarem matemática
Reunião sarem matemática Rosemary Batista
 
As oportunidades para os Engenheiros no ambiente competitivo atual
As oportunidades para os Engenheiros no ambiente competitivo atualAs oportunidades para os Engenheiros no ambiente competitivo atual
As oportunidades para os Engenheiros no ambiente competitivo atualClaudemir Oribe
 
matemática
matemáticamatemática
matemáticaEvelice
 
Aula0 apu tre_mg_45419
Aula0 apu tre_mg_45419Aula0 apu tre_mg_45419
Aula0 apu tre_mg_45419Evelice
 
O que podemos aprender a partir de experimentos dentro e fora de sala de aula?
O que podemos aprender a partir de experimentos dentro e fora de sala de aula?O que podemos aprender a partir de experimentos dentro e fora de sala de aula?
O que podemos aprender a partir de experimentos dentro e fora de sala de aula?Matheus Albergaria
 
Roteiro referencial estudo de caso
Roteiro referencial estudo de casoRoteiro referencial estudo de caso
Roteiro referencial estudo de casoericasousa1
 
Roteiro referencial estudo de caso
Roteiro referencial estudo de casoRoteiro referencial estudo de caso
Roteiro referencial estudo de casoericasousa1
 
Roteiro referencial estudo de caso
Roteiro referencial estudo de casoRoteiro referencial estudo de caso
Roteiro referencial estudo de casoErica Sousa
 
Apresentação Programa Cursistas
Apresentação Programa CursistasApresentação Programa Cursistas
Apresentação Programa Cursistasguest7ce41de
 
Manual do professor empreendedorismo
Manual do professor empreendedorismoManual do professor empreendedorismo
Manual do professor empreendedorismojosedornelas
 
Slide de Apresentação da Disciplina de Gestão de Operações e Manufatura
Slide de Apresentação da Disciplina de Gestão de Operações e ManufaturaSlide de Apresentação da Disciplina de Gestão de Operações e Manufatura
Slide de Apresentação da Disciplina de Gestão de Operações e ManufaturaLabCEO UFF
 
Desafio pedagogia licenciaturas 7 - 2019.2
Desafio pedagogia licenciaturas 7 - 2019.2Desafio pedagogia licenciaturas 7 - 2019.2
Desafio pedagogia licenciaturas 7 - 2019.2Erlinda Panta
 

Semelhante a Método do Caso como Recurso Pedagógico: Benefícios e Utilização (20)

Elaboraodeprovasenade 140423203328-phpapp02
Elaboraodeprovasenade 140423203328-phpapp02Elaboraodeprovasenade 140423203328-phpapp02
Elaboraodeprovasenade 140423203328-phpapp02
 
Como fazer um estudo de caso
Como fazer um estudo de casoComo fazer um estudo de caso
Como fazer um estudo de caso
 
Estudo de Caso unir 2016
Estudo de Caso unir 2016Estudo de Caso unir 2016
Estudo de Caso unir 2016
 
Adaptacoes 09
Adaptacoes 09Adaptacoes 09
Adaptacoes 09
 
plano II de pesquisa 2022 PSIC EXPERIMENTAL.pptx
plano II de pesquisa 2022 PSIC EXPERIMENTAL.pptxplano II de pesquisa 2022 PSIC EXPERIMENTAL.pptx
plano II de pesquisa 2022 PSIC EXPERIMENTAL.pptx
 
Metodologias Ativas no Ensino de Matemática - Slides.pdf
Metodologias Ativas no Ensino de Matemática - Slides.pdfMetodologias Ativas no Ensino de Matemática - Slides.pdf
Metodologias Ativas no Ensino de Matemática - Slides.pdf
 
Reunião sarem matemática
Reunião sarem matemática Reunião sarem matemática
Reunião sarem matemática
 
Vera 4
Vera 4Vera 4
Vera 4
 
Aula 01-EI I-PUC-segunda
Aula 01-EI I-PUC-segundaAula 01-EI I-PUC-segunda
Aula 01-EI I-PUC-segunda
 
As oportunidades para os Engenheiros no ambiente competitivo atual
As oportunidades para os Engenheiros no ambiente competitivo atualAs oportunidades para os Engenheiros no ambiente competitivo atual
As oportunidades para os Engenheiros no ambiente competitivo atual
 
matemática
matemáticamatemática
matemática
 
Aula0 apu tre_mg_45419
Aula0 apu tre_mg_45419Aula0 apu tre_mg_45419
Aula0 apu tre_mg_45419
 
O que podemos aprender a partir de experimentos dentro e fora de sala de aula?
O que podemos aprender a partir de experimentos dentro e fora de sala de aula?O que podemos aprender a partir de experimentos dentro e fora de sala de aula?
O que podemos aprender a partir de experimentos dentro e fora de sala de aula?
 
Roteiro referencial estudo de caso
Roteiro referencial estudo de casoRoteiro referencial estudo de caso
Roteiro referencial estudo de caso
 
Roteiro referencial estudo de caso
Roteiro referencial estudo de casoRoteiro referencial estudo de caso
Roteiro referencial estudo de caso
 
Roteiro referencial estudo de caso
Roteiro referencial estudo de casoRoteiro referencial estudo de caso
Roteiro referencial estudo de caso
 
Apresentação Programa Cursistas
Apresentação Programa CursistasApresentação Programa Cursistas
Apresentação Programa Cursistas
 
Manual do professor empreendedorismo
Manual do professor empreendedorismoManual do professor empreendedorismo
Manual do professor empreendedorismo
 
Slide de Apresentação da Disciplina de Gestão de Operações e Manufatura
Slide de Apresentação da Disciplina de Gestão de Operações e ManufaturaSlide de Apresentação da Disciplina de Gestão de Operações e Manufatura
Slide de Apresentação da Disciplina de Gestão de Operações e Manufatura
 
Desafio pedagogia licenciaturas 7 - 2019.2
Desafio pedagogia licenciaturas 7 - 2019.2Desafio pedagogia licenciaturas 7 - 2019.2
Desafio pedagogia licenciaturas 7 - 2019.2
 

Mais de ANGRAD

Novas técnicas organizacionais e as tecnologias aceleradas
Novas técnicas organizacionais e as tecnologias aceleradasNovas técnicas organizacionais e as tecnologias aceleradas
Novas técnicas organizacionais e as tecnologias aceleradasANGRAD
 
Carreira e Pós-Graduação Stricto Sensu
Carreira e Pós-Graduação Stricto SensuCarreira e Pós-Graduação Stricto Sensu
Carreira e Pós-Graduação Stricto SensuANGRAD
 
ENANGRAD 2018 - ENADE
ENANGRAD 2018 - ENADEENANGRAD 2018 - ENADE
ENANGRAD 2018 - ENADEANGRAD
 
Como o poder da visão e inteligência artificial pode trazer inclusão ao ambie...
Como o poder da visão e inteligência artificial pode trazer inclusão ao ambie...Como o poder da visão e inteligência artificial pode trazer inclusão ao ambie...
Como o poder da visão e inteligência artificial pode trazer inclusão ao ambie...ANGRAD
 
Assurance of Learning - The ECU Story
Assurance of Learning - The ECU StoryAssurance of Learning - The ECU Story
Assurance of Learning - The ECU StoryANGRAD
 
Gestão da evasão na EAD: discussão a partir de um modelo preditivo
Gestão da evasão na EAD: discussão a partir de um modelo preditivoGestão da evasão na EAD: discussão a partir de um modelo preditivo
Gestão da evasão na EAD: discussão a partir de um modelo preditivoANGRAD
 
Estado da Arte da EAD
Estado da Arte da EADEstado da Arte da EAD
Estado da Arte da EADANGRAD
 
ENANGRAD 2018 - Acreditação Internacional
ENANGRAD 2018 - Acreditação InternacionalENANGRAD 2018 - Acreditação Internacional
ENANGRAD 2018 - Acreditação InternacionalANGRAD
 
ENANGRAD 2019 - Apresentação ANAMBA
ENANGRAD 2019 - Apresentação ANAMBAENANGRAD 2019 - Apresentação ANAMBA
ENANGRAD 2019 - Apresentação ANAMBAANGRAD
 
Oficina sobre os ODS
Oficina sobre os ODSOficina sobre os ODS
Oficina sobre os ODSANGRAD
 
Case prático: filiação e credenciamento da IMED
Case prático: filiação e credenciamento da IMEDCase prático: filiação e credenciamento da IMED
Case prático: filiação e credenciamento da IMEDANGRAD
 
Case: Saint Paul Escola de Negócios
Case: Saint Paul Escola de NegóciosCase: Saint Paul Escola de Negócios
Case: Saint Paul Escola de NegóciosANGRAD
 
O Estudante como protagonista do/no Processo de Aprendizagem
O Estudante como protagonista do/no Processo de AprendizagemO Estudante como protagonista do/no Processo de Aprendizagem
O Estudante como protagonista do/no Processo de AprendizagemANGRAD
 
Sinaes – INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO NAS MODALIDADES PRES...
Sinaes – INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO NAS MODALIDADES PRES...Sinaes – INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO NAS MODALIDADES PRES...
Sinaes – INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO NAS MODALIDADES PRES...ANGRAD
 
Iniciação Científica no Curso de Administração
Iniciação Científica no Curso de AdministraçãoIniciação Científica no Curso de Administração
Iniciação Científica no Curso de AdministraçãoANGRAD
 
Aprendizagem Significativa
Aprendizagem SignificativaAprendizagem Significativa
Aprendizagem SignificativaANGRAD
 
Aprendizagem Significativa em Administração
Aprendizagem Significativa em AdministraçãoAprendizagem Significativa em Administração
Aprendizagem Significativa em AdministraçãoANGRAD
 
5 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração
5 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração5 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração
5 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da AdministraçãoANGRAD
 
4 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração
4 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração4 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração
4 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da AdministraçãoANGRAD
 
2 - Apresentação ENANGRAD 2013 - Henrique
2  - Apresentação ENANGRAD 2013 - Henrique2  - Apresentação ENANGRAD 2013 - Henrique
2 - Apresentação ENANGRAD 2013 - HenriqueANGRAD
 

Mais de ANGRAD (20)

Novas técnicas organizacionais e as tecnologias aceleradas
Novas técnicas organizacionais e as tecnologias aceleradasNovas técnicas organizacionais e as tecnologias aceleradas
Novas técnicas organizacionais e as tecnologias aceleradas
 
Carreira e Pós-Graduação Stricto Sensu
Carreira e Pós-Graduação Stricto SensuCarreira e Pós-Graduação Stricto Sensu
Carreira e Pós-Graduação Stricto Sensu
 
ENANGRAD 2018 - ENADE
ENANGRAD 2018 - ENADEENANGRAD 2018 - ENADE
ENANGRAD 2018 - ENADE
 
Como o poder da visão e inteligência artificial pode trazer inclusão ao ambie...
Como o poder da visão e inteligência artificial pode trazer inclusão ao ambie...Como o poder da visão e inteligência artificial pode trazer inclusão ao ambie...
Como o poder da visão e inteligência artificial pode trazer inclusão ao ambie...
 
Assurance of Learning - The ECU Story
Assurance of Learning - The ECU StoryAssurance of Learning - The ECU Story
Assurance of Learning - The ECU Story
 
Gestão da evasão na EAD: discussão a partir de um modelo preditivo
Gestão da evasão na EAD: discussão a partir de um modelo preditivoGestão da evasão na EAD: discussão a partir de um modelo preditivo
Gestão da evasão na EAD: discussão a partir de um modelo preditivo
 
Estado da Arte da EAD
Estado da Arte da EADEstado da Arte da EAD
Estado da Arte da EAD
 
ENANGRAD 2018 - Acreditação Internacional
ENANGRAD 2018 - Acreditação InternacionalENANGRAD 2018 - Acreditação Internacional
ENANGRAD 2018 - Acreditação Internacional
 
ENANGRAD 2019 - Apresentação ANAMBA
ENANGRAD 2019 - Apresentação ANAMBAENANGRAD 2019 - Apresentação ANAMBA
ENANGRAD 2019 - Apresentação ANAMBA
 
Oficina sobre os ODS
Oficina sobre os ODSOficina sobre os ODS
Oficina sobre os ODS
 
Case prático: filiação e credenciamento da IMED
Case prático: filiação e credenciamento da IMEDCase prático: filiação e credenciamento da IMED
Case prático: filiação e credenciamento da IMED
 
Case: Saint Paul Escola de Negócios
Case: Saint Paul Escola de NegóciosCase: Saint Paul Escola de Negócios
Case: Saint Paul Escola de Negócios
 
O Estudante como protagonista do/no Processo de Aprendizagem
O Estudante como protagonista do/no Processo de AprendizagemO Estudante como protagonista do/no Processo de Aprendizagem
O Estudante como protagonista do/no Processo de Aprendizagem
 
Sinaes – INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO NAS MODALIDADES PRES...
Sinaes – INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO NAS MODALIDADES PRES...Sinaes – INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO NAS MODALIDADES PRES...
Sinaes – INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DE CURSOS DE GRADUAÇÃO NAS MODALIDADES PRES...
 
Iniciação Científica no Curso de Administração
Iniciação Científica no Curso de AdministraçãoIniciação Científica no Curso de Administração
Iniciação Científica no Curso de Administração
 
Aprendizagem Significativa
Aprendizagem SignificativaAprendizagem Significativa
Aprendizagem Significativa
 
Aprendizagem Significativa em Administração
Aprendizagem Significativa em AdministraçãoAprendizagem Significativa em Administração
Aprendizagem Significativa em Administração
 
5 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração
5 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração5 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração
5 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração
 
4 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração
4 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração4 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração
4 - Novas Tecnologias e Inovação no Ensino da Administração
 
2 - Apresentação ENANGRAD 2013 - Henrique
2  - Apresentação ENANGRAD 2013 - Henrique2  - Apresentação ENANGRAD 2013 - Henrique
2 - Apresentação ENANGRAD 2013 - Henrique
 

Método do Caso como Recurso Pedagógico: Benefícios e Utilização

  • 1. Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado – FECAP | www.fecap.br Método do Caso como Recurso Pedagógico: Benefícios e Utilização 29º ENANGRAD 25 de agosto de 2018 Prof. Artur Mo<a artur.mo<a@fecap.br – (11) 98262-5432 1
  • 2. Artur M. Motta – 29º ENANGRAD– Ago.2018 Obje%vo Nessa oficina iremos trabalhar um caso de ensino do ponto de vista do docente, discutindo: üBenefícios e dificuldades üPreparação prévia üDinâmica de aula üReações discentes üOutros aspectos levantados pelos participantes da oficina.
  • 3. Artur M. Mo)a – 29º ENANGRAD– Ago.2018 O que é um caso üAdotado desde 1924 nos cursos de administração e negócios de Harvard ü“Representação verbal da realidade que coloca o leitor no papel de um participante na situação”. ü“Uma das alternativas mais adequadas para desenvolver as competências requeridas por líderes e administradores.” üAs situações expostas são reais, enfrentadas por executivos com suas visões distorcidas, informações incompletas, variáveis controláveis e não controláveis, dados externos e internos. Muitas vezes inexiste uma única alternativa correta ou de comprovação garantida. 3 ATENÇÃO ü Podem ser de sucesso ou fracasso ü ArVgo cienWfico não é caso ü Método de Caso ≠ Estudo de Caso ü Não possui um formato único
  • 4. Artur M. Motta – 29º ENANGRAD– Ago.2018 Vantagens do Método üOs alunos se identificam com as situações reais üOs aluno são protagonista nas aulas üOs alunos se sentem confortáveis a expressar a opinião pois não há “gabarito” üOs alunos têm liberdade para a tomada de decisão 4 ATITUDE POSITIVA + MOTIVAÇÃO üAnálises e inferências são feitas por analogias de situações üAprendemos com os alunos üAs aulas são completamente disMntas üMelhor uso do espaço da sala de aula
  • 5. Artur M. Mo)a – 29º ENANGRAD– Ago.2018 Desafios do Método üExige grande preparo prévio üContexto brasileiro ≠ contexto Harvard üVulnerável a audiência üConJnuidade entre aulas üAchar o caso ideal! üAvaliação individual dos alunos üCondução do debate 5
  • 6. Artur M. Motta – 29º ENANGRAD– Ago.2018 Caso Groupon 6
  • 7. Artur M. Mo)a – 29º ENANGRAD– Ago.2018 Etapas do Estudo do Caso (Harvard) üPreparação docente üAnálise individual üDiscussões em pequenos grupos üDiscussão em classe üFinalização do caso 12
  • 8. Artur M. Motta – 29º ENANGRAD– Ago.2018 Preparação docente üIden;ficar: dados (personagens, datas), contexto, situação + problemas, alterna;vas üSelecionar os principais temas que devem ser discu;dos: roteirizar o debate, questões de condução, teorias üEstudar Teaching Notes üCobrir tópicos periféricos ao obje;vo principal, mas que por estarem no caso podem chamar a atenção dos alunos e serem objeto de debate üMateriais complementares: fomentar o debate, reconduzir, atualização do caso, fechamento do caso “O caso que requer duas ou três horas de estudo do aluno pode requerer 20 horas do professor, pelo menos na primeira vez em que é ensinado. (ROIG, 1977, p. 40)” 13
  • 9. Artur M. Mo)a – 29º ENANGRAD– Ago.2018 Condução üPrimeiros casos • Leitura em voz aula com o professor auxiliando na organização das ideias, observação de pontos críLcos e incenLvando quesLonamentos sobre o relato do caso • InsLgar e fortalecer a postura proaLva do aluno üA contribuição dos alunos deve ser fortemente incenLvada üNão responder questões mas conduzi-las entre os parLcipantes üEnvolver o grupo todo aLvamente üContribuições da experiência profissional devem ser solicitadas üSolicitar a uLlização de termos técnicos da administração ao invés de expressões populares üResgate teorias e modelos vistos no curso para o caso demonstrando a aplicabilidade “É fácil fazer a ligação do caso com teorias e conceitos” com concordância de 56% dos graduandos (Ikeda, Veludo-de-Oliveira & Campomar, 2007) 14
  • 10. Artur M. Motta – 29º ENANGRAD– Ago.2018 Fechamento üReforce os principais aprendizados üColete feedbacks üFaça um fechamento! • Não apresente uma solução ou a sua opinião üAnote pontos de melhoria 15
  • 11. Artur M. Mo)a – 29º ENANGRAD– Ago.2018 Minha abordagem üLeitura individual em sala de aula üCasos nacionais e com empresas conhecidas geram maior engajamento üAtualizo os temas e os casos periodicamente üUHlizo perguntas alternaHvas as sugeridas pelo caso • Não forneço “gabarito” para as questões üTrabalhos em grupos ocorrem após o debate • UHlização de modelos teóricos • Aprofundamento de temas adicionais relacionados ao caso • Novos exemplos de empresas (dia-a-dia dos alunos) 16
  • 12. Artur M. Motta – 29º ENANGRAD– Ago.2018 Bases para Aquisição de Casos üGVcasos – Revista Brasileira de Casos de Ensino em Administração hFp://fgv.br/gvcasos üCasoteca de Gestão Pública – ENAP (Escola Nacional de Administração Pública) hFp://casoteca.enap.gov.br/ üCentral de cases ESPM hFp://www.espm.br/CONHECAAESPM/PUBLICACOES/CENTRALDECASES/Pages/default.aspx üColeção de Casos Insper hFp://www.insper.edu.br/casos üCongressos e Seminários 17
  • 13. Artur M. Mo)a – 29º ENANGRAD– Ago.2018 Obrigado Entre em contato comigo para receber cópia dessa apresentação artur.mo)a@fecap.br (11) 98262-5432 arturmo)a arturmo)a 18