SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 54
OEvangelhoSegundoLucas
OEvangelhoSegundoLucas
“Para que conheças a certeza das coisas
de que já estás informado.”
Lc 1.4
OEvangelhoSegundoLucas
“O Cristão possui uma fé divinamente
revelada e historicamente bem
fundamentada.”
OEvangelhoSegundoLucas
Apresentar um panorama do
Evangelho de Lucas
OEvangelhoSegundoLucas
Após esta aula, o aluno deverá estar
apto a:
 Apresentar o terceiro Evangelho;
 Conhecer os fundamentos e
historicidade da fé cristã;
 Afirmar a universalidade da fé cristã;
 Expor a identidade de Jesus, o Messias
esperado.
OEvangelhoSegundoLucas
I – O TERCEIRO EVANGELHO
1. Autoria e data.
2. A obra.
3. Os destinatários originais.
II – OS FUNDAMENTOS E HISTORICIDADE DA FÉ CRISTÃ
1. O Cristianismo no seu contexto histórico.
2. Discipulado através dos fatos.
III – A UNIVERSALIDADE DA SALVAÇÃO
1. A história da salvação.
2. A salvação em seu aspecto universal.
IV – A IDENTIDADE DE JESUS, O MESSIAS ESPERADO
1. Jesus, o homem perfeito.
2. O Messias e o Espírito Santo.
OEvangelhoSegundoLucas
O plano da salvação do
cristianismo pode ser
localizado com precisão
dentro da história.
OEvangelhoSegundoLucas
o O Evangelho de Lucas é um dos livros
mais belos e fascinantes do mundo.
o De fato, o terceiro Evangelho se
distingue pelo seu estilo literário, pelo
seu vocabulário e uso que faz do
grego, considerado pelos eruditos
como o mais refinado do Novo
Testamento.
o Mas a sua maior beleza está em narrar
a história da salvação (Lc 19.10).
OEvangelhoSegundoLucas
o O autor procura mostrar, sempre de forma
bem documentada, que o plano de Deus em
salvar a humanidade, revelado através da
história, cumpriu-se cabalmente em Cristo
quando Ele se deu como sacrifício expiador
pelos pecadores (Jo 10.11).
o Deus continua sendo Senhor da história e o
advento do Messias para estabelecer o seu
Reino é a prova disso. Lucas mostra que é
através do Espírito Santo, primeiramente
operando no ministério de Jesus e,
posteriormente na Igreja, que esse propósito
se efetiva.
OEvangelhoSegundoLucas
1. Autoria e Data.
2. A Obra.
3. Os destinatários originais.
OEvangelhoSegundoLucas
o Lucas, “o médico amado” (Cl
4.14), a quem é atribuída a
autoria do terceiro Evangelho, é
citado no Novo Testamento três
vezes.
o Todas as citações estão nas
epístolas paulinas e são usadas
no contexto do aprisionamento
do apóstolo Paulo (Cl 4.14; Fm
24; 2 Tm 4.11).
1. Autoria e data
OEvangelhoSegundoLucas
o Embora o autor do terceiro
Evangelho não se identifique pelo
nome, isso não depõe contra a
autoria lucana.
o Desde os seus primórdios, a igreja
Cristã atribui a Lucas a autoria
do terceiro Evangelho.
o A crítica contra a autoria de Lucas
não tem conseguido apresentar
argumentos sólidos para demover a
igreja de sua posição.
1. Autoria e data
OEvangelhoSegundoLucas
o A erudição conservadora assegura que Lucas
escreveu a sua obra (aproximadamente) no início
dos anos sessenta do primeiro século da era
cristã.
1. Autoria e data
Período
Interbíblico
400 a 4 a.C.
Ministério de
Cristo
2 a.C. a 29 D.C.
60 D.C. 70 D.C.
OEvangelhoSegundoLucas
OEvangelhoSegundoLucas
o Lucas era historiador e médico.
Ele escreveu sua obra em dois
volumes (Lc 1.1-4; At 1.1,2).
2. A Obra
O terceiro Evangelho Atos dos Apóstolos
É a primeira parte desse
trabalho
Compõem a segunda parte
É uma narrativa da vida e obra
de Jesus
Narram o caminhar espiritual
dos primeiros cristãos da
Igreja Primitiva.
A salvação se cumpre A salvação é proclamada
OEvangelhoSegundoLucas
o O doutor Lucas endereçou seu
Evangelho a Teófilo, certamente
uma pessoa importante que devia
ocupar uma alta posição social,
sendo citado como “excelentíssimo”.
o Pode se dizer que além deste ilustre
destinatário, Lucas também
escreveu aos gentios.
3. Os destinatários originais
OEvangelhoSegundoLucas
OEvangelhoSegundoLucas
o O terceiro Evangelho pode ser
classificado como sendo de
natureza soteriológica e
carismática.
o Soteriológica, porque narra o
plano da salvação, e carismática
porque dá amplo destaque ao papel
do Espírito Santo como capacitador
do ministério de Jesus Cristo.
3. Os destinatários originais
OEvangelhoSegundoLucas
SINOPSE DO TÓPICO (1)
Lucas, o médico amado, é o autor
do terceiro Evangelho, que foi
endereçado a Teófilo, um gentio.
OEvangelhoSegundoLucas
“A Fé Cristã não se trata de uma
lenda ou fábula engenhosamente
inventada. São fatos históricos.“
OEvangelhoSegundoLucas
Como o Evangelho de Lucas Retrata a Cristo.
“No Evangelho de Lucas, Cristo é retratado como o
homem perfeito e de grande empatia. A
genealogia é rastreada desde Davi e Abraão até
Adão, nosso antepassado comum, apresentando-o,
deste modo, como alguém da nossa raça”.
OEvangelhoSegundoLucas
1. O Cristianismo no seu contexto histórico
2. Discipulado através dos fatos
OEvangelhoSegundoLucas
o Lucas mostra com riqueza da
detalhes sob que circunstâncias
históricas se deram os fatos por
ele narrados.
1. O Cristianismo no seu contexto histórico.
OEvangelhoSegundoLucas
o “E, no ano quinze do império de Tibério César,
sendo Pôncio Pilatos governador da Judeia, e
Herodes, tetrarca da Galileia, e seu irmão
Filipe, tetrarca da Itureia e da província de
Traconites, e Lisânias, tetrarca de Abilene,
sendo Anás e Caifás sumos sacerdotes, veio no
deserto a palavra de Deus a João, filho de
Zacarias” (Lc 3.1,2).
1. O Cristianismo no seu contexto histórico.
OEvangelhoSegundoLucas
Esses dados têm um propósito claro:
Mostrar que o plano da salvação no cristianismo
pode ser localizado com precisão dentro da
história.
1. O Cristianismo no seu contexto histórico.
OEvangelhoSegundoLucas
o A palavra grega katecheo,
traduzida como “informado” ou
“instruído” no versículo 4, deu
origem à palavra portuguesa
catequese. Esse vocábulo significa
também: doutrinar, ensinar e
convencer.
2. Discipulado através dos fatos
OEvangelhoSegundoLucas
o Nesse contexto possui o sentido de
“discipular”. Lucas escreveu o seu
Evangelho para formar discípulos.
o O discipulado, para ser autêntico,
deve fundamentar-se na veracidade
dos fatos da fé cristã.
2. Discipulado através dos fatos
OEvangelhoSegundoLucas
o Nos primeiros versículos do seu
Evangelho, Lucas revela, portanto,
quais seriam as razões da sua obra
(Lucas 1.1-4).
o O terceiro Evangelho foi escrito para
mostrar os fundamentos das
verdades nas quais os cristãos são
instruídos.
2. Discipulado através dos fatos
OEvangelhoSegundoLucas
SINOPSE DO TÓPICO (2)
A veracidade dos fatos narrados por
Lucas pode ser comprovada pela
história.
OEvangelhoSegundoLucas
“Lucas presta bastante atenção aos eventos que
ocorreram antes do nascimento de Jesus, uma
atenção maior que aquela que os outros
evangelistas dedicaram ao assunto” (RICHARDS,
Lawrence O. Comentário Histórico-Cultural do
Novo Testamento. 1.ed. Rio de Janeiro: CPAD,
2007, p. 134).
OEvangelhoSegundoLucas
“O discipulado, para ser autêntico, deve
fundamentar-se na veracidade dos fatos da fé
cristã.“
OEvangelhoSegundoLucas
1. A história da salvação.
2. A salvação em seu aspecto universal.
OEvangelhoSegundoLucas
o A teologia cristã destaca que Lucas
divide a história da salvação em
três estágios.
1. A história da salvação
O tempo do
Antigo
Testamento
O tempo de
Jesus
O tempo da
Igreja
Evangelho de Lucas Atos dos
Apóstolos
OEvangelhoSegundoLucas
1. A história da salvação
O tempo do
Antigo
Testamento
O tempo de
Jesus
O tempo da
Igreja
(Lc 16.16). No
contexto de Lucas a
expressão a “Lei e
os Profetas” é uma
referência ao Antigo
Testamento, onde é
narrado o plano de
Deus para o povo
de Israel.
A frase “anunciado
o Reino de Deus” se
refere ao tempo de
Jesus que, através
do Espírito Santo,
realiza e manifesta
o Reino de Deus.
O Tempo da Igreja
ocorre quando o
Espírito Santo, que
estava sobre Jesus,
é derramado sobre
todos os crentes.
OEvangelhoSegundoLucas
o O aspecto universal da
salvação, revelado no
terceiro Evangelho
pode ser facilmente
observado pelo seu
amplo destaque dado
aos gentios.
o O próprio Lucas
endereça a sua obra a
um gentio, Teófilo (Lc
1.1,2).
2. A salvação em seu aspecto universal.
OEvangelhoSegundoLucas
o A descendência de Cristo, o
Messias prometido, vai até
Adão, o pai de todos, e não
apenas até Abraão, o pai dos
judeus (Lc 3.23-38).
o Fica, portanto, revelado que
os gentios, e não somente os
judeus, estão incluídos no
plano salvífico de Deus (Lc
2.32; 24.47).
2. A salvação em seu aspecto universal.
OEvangelhoSegundoLucas
o Destaque especial é dado para os samaritanos (Lc
9.51-56; 10.25-37; 17.11-19). Há ainda outras
particularidades do Evangelho de Lucas que
mostram o interesse de Deus por toda a
humanidade, especialmente os pobres e excluídos
(Lc 19.1-10; 7.36-50; 23.39-43; 18.9-14).
2. A salvação em seu aspecto universal.
OEvangelhoSegundoLucas
SINOPSE DO TÓPICO (3)
Todos estão incluídos no plano
salvífico de Deus: gentios e judeus.
OEvangelhoSegundoLucas
“A descendência de Cristo, o Messias prometido,
vai até Adão, o pai de todos, e não apenas até
Abraão, o pai dos judeus. “
OEvangelhoSegundoLucas
1. Jesus, o homem perfeito.
2. O Messias e o Espírito Santo.
OEvangelhoSegundoLucas
o No Evangelho de Lucas, Jesus
aparece como:
1. O “Filho de Deus” (Lc 1.35) e
2. “Filho do Homem” (Lc 5.24).
o São expressões messiânicas
que revelam a deidade de
Jesus.
1. Jesus, o homem perfeito.
OEvangelhoSegundoLucas
1. Jesus, o homem perfeito.
•A primeira expressão
mostra Jesus como
verdadeiro Deus
Filho de
Deus
•A segunda, ocorre 25
vezes no terceiro
Evangelho, mostra-o
como verdadeiro
homem.
Filho do
Homem
OEvangelhoSegundoLucas
o Como Filho do Homem:
1. Ele é o Homem perfeito.
2. Jesus era obediente a seus
pais. Todavia, estava
consciente de sua natureza
divina (Lc 2.4-52).
3. Jesus enfrenta, e derrota,
Satanás na tentação do
deserto (Lc 4.1-13).
1. Jesus, o homem perfeito.
Ao usar o título “Filho
do Homem” para si
mesmo, Jesu evita ser
confundido com o
Messias político
esperado pelos Judeus.
OEvangelhoSegundoLucas
2. O Messias e o Espírito Santo
Lucas revela Jesus, o
Messias, como Homem
Perfeito, dependia do
Espírito Santo no
desempenho do seu
ministério (Lc 4.18).
OEvangelhoSegundoLucas
2. O Messias e o Espírito Santo
Isaías, o profeta
messiânico, mostra
a estreita relação
que o Messias
manteria com o
Espírito Santo do
Senhor (Is
11.1,2;42.1).
OEvangelhoSegundoLucas
2. O Messias e o Espírito Santo
O Messias seria
aquele sobre quem
repousaria o Espírito
do Senhor, tal como
profetizara Isaías e
Jesus aplicara a si, na
sinagoga em Nazaré (Lc
4.16-19; Is 61.1).
OEvangelhoSegundoLucas
SINOPSE DO TÓPICO (4)
Lucas apresenta Jesus como o Filho
do Homem, ressaltando tanto a sua
humanidade quanto a sua divindade.
OEvangelhoSegundoLucas
Conclusão
o O terceiro Evangelho é considerado a coroa dos
Evangelhos sinóticos. Enquanto o Evangelho de Mateus
enfoca a realeza do Messias e Marcos o poder, Lucas
enfatiza o amor de Deus. Lucas é o Evangelho do
Homem Perfeito; da alegria (Lc 1.28; 2.11; 19.37;
24.53); da misericórdia (Lc 1.78,79); do perdão (7.36-
50; 19.1-10); da oração (Lc 6.12; 11.1; 22.39-45); dos
pobres e necessitados (Lc 4.18) e do poder e da força
do Espírito Santo (Lc 1.15,35; 3.22; 4.1; 4.14; 4.17-
20; 10.21; 11.13; 24.49). Lucas é, portanto, o
Evangelho do crente que quer conhecer melhor o seu
Senhor e ser cheio do Espírito Santo.
OEvangelhoSegundoLucas
Perguntas
A autoria é atribuída a Lucas, o
médico amado.
A quem é atribuída a autoria do terceiro Evangelho?
OEvangelhoSegundoLucas
Perguntas
O vocábulo significa também
“doutrinar”, “ensinar” e “convencer”.
Como devemos entender o termo “informado” usado
por Lucas no capítulo 1 do seu Evangelho?
OEvangelhoSegundoLucas
Perguntas
Ele é revelado como “Filho de Deus”
e “Filho do Homem”.
Como Jesus é revelado no Evangelho de Lucas?
OEvangelhoSegundoLucas
Perguntas
Devem ser entendidas como expressões que
mostram o relacionamento de Jesus com a
humanidade.
As expressões “Filho do Homem” devem ser
entendidas em que sentindo no terceiro Evangelho?
OEvangelhoSegundoLucas
Perguntas
Ele é considerado a coroa dos Evangelhos
Sinóticos.
De acordo com a lição, como é considerado o
terceiro Evangelho?
OEvangelhoSegundoLucas
Próxima aula
Lição 2
O Nascimento de Jesus

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Evangelho segundo-lucas
Evangelho segundo-lucasEvangelho segundo-lucas
Evangelho segundo-lucasSérgio Ira
 
O Evangelho segundo Lucas
O Evangelho segundo LucasO Evangelho segundo Lucas
O Evangelho segundo LucasAilton da Silva
 
Estudos os evangelhos
Estudos os evangelhosEstudos os evangelhos
Estudos os evangelhosAndré Rocha
 
Escola de profetas - Lucas, o Médico Amado
Escola de profetas - Lucas, o Médico AmadoEscola de profetas - Lucas, o Médico Amado
Escola de profetas - Lucas, o Médico AmadoEvangelista Oliveira
 
Jesus no evangelho de marcos pe. bonifácio
Jesus no evangelho de marcos   pe. bonifácioJesus no evangelho de marcos   pe. bonifácio
Jesus no evangelho de marcos pe. bonifácioClarisse Kopp
 
Guia de Estudos no Evangelho de Lucas - ABUB
Guia de Estudos no Evangelho de Lucas - ABUBGuia de Estudos no Evangelho de Lucas - ABUB
Guia de Estudos no Evangelho de Lucas - ABUBPaulo Zanin Júnior
 
Aula 4 - Marcos
Aula 4 - MarcosAula 4 - Marcos
Aula 4 - Marcosibrdoamor
 
EBD - Evangelho de Marcos - aula 01
EBD - Evangelho de Marcos - aula 01EBD - Evangelho de Marcos - aula 01
EBD - Evangelho de Marcos - aula 01Geversom Sousa
 
Estudo sobre o evangelho de Marcos
Estudo sobre o evangelho de MarcosEstudo sobre o evangelho de Marcos
Estudo sobre o evangelho de MarcosRODRIGO FERREIRA
 
Estudo - Evangelho de Marcos - Introdução
Estudo - Evangelho de Marcos - IntroduçãoEstudo - Evangelho de Marcos - Introdução
Estudo - Evangelho de Marcos - IntroduçãoAlexandre Rodrigues
 
Evangelho segundo Marcos
Evangelho segundo MarcosEvangelho segundo Marcos
Evangelho segundo MarcosRamon Gimenez
 
115 estudo panoramico-da_biblia-o_evangelho_de_marcos_parte_2
115 estudo panoramico-da_biblia-o_evangelho_de_marcos_parte_2115 estudo panoramico-da_biblia-o_evangelho_de_marcos_parte_2
115 estudo panoramico-da_biblia-o_evangelho_de_marcos_parte_2Robson Tavares Fernandes
 

Mais procurados (20)

Evangelho segundo-lucas
Evangelho segundo-lucasEvangelho segundo-lucas
Evangelho segundo-lucas
 
O Evangelho segundo Lucas
O Evangelho segundo LucasO Evangelho segundo Lucas
O Evangelho segundo Lucas
 
5. O Evangelho de Lucas
5. O Evangelho de Lucas5. O Evangelho de Lucas
5. O Evangelho de Lucas
 
LIÇÃO 1 - O EVANGELHO DE LUCAS
LIÇÃO 1 - O EVANGELHO DE LUCASLIÇÃO 1 - O EVANGELHO DE LUCAS
LIÇÃO 1 - O EVANGELHO DE LUCAS
 
4. O Evangelho Segundo Marcos
4. O Evangelho Segundo Marcos4. O Evangelho Segundo Marcos
4. O Evangelho Segundo Marcos
 
Evangelho de marcos lição 2
Evangelho de marcos lição 2Evangelho de marcos lição 2
Evangelho de marcos lição 2
 
Estudos os evangelhos
Estudos os evangelhosEstudos os evangelhos
Estudos os evangelhos
 
Escola de profetas - Lucas, o Médico Amado
Escola de profetas - Lucas, o Médico AmadoEscola de profetas - Lucas, o Médico Amado
Escola de profetas - Lucas, o Médico Amado
 
Jesus no evangelho de marcos pe. bonifácio
Jesus no evangelho de marcos   pe. bonifácioJesus no evangelho de marcos   pe. bonifácio
Jesus no evangelho de marcos pe. bonifácio
 
Os 5 Evangelhos
Os 5 EvangelhosOs 5 Evangelhos
Os 5 Evangelhos
 
Guia de Estudos no Evangelho de Lucas - ABUB
Guia de Estudos no Evangelho de Lucas - ABUBGuia de Estudos no Evangelho de Lucas - ABUB
Guia de Estudos no Evangelho de Lucas - ABUB
 
Panorama do NT - Marcos
Panorama do NT - MarcosPanorama do NT - Marcos
Panorama do NT - Marcos
 
Aula 4 - Marcos
Aula 4 - MarcosAula 4 - Marcos
Aula 4 - Marcos
 
Panorama do NT - Lucas
Panorama do NT - LucasPanorama do NT - Lucas
Panorama do NT - Lucas
 
EBD - Evangelho de Marcos - aula 01
EBD - Evangelho de Marcos - aula 01EBD - Evangelho de Marcos - aula 01
EBD - Evangelho de Marcos - aula 01
 
Estudo sobre o evangelho de Marcos
Estudo sobre o evangelho de MarcosEstudo sobre o evangelho de Marcos
Estudo sobre o evangelho de Marcos
 
Estudo - Evangelho de Marcos - Introdução
Estudo - Evangelho de Marcos - IntroduçãoEstudo - Evangelho de Marcos - Introdução
Estudo - Evangelho de Marcos - Introdução
 
Atos dos apostolos
Atos dos apostolos Atos dos apostolos
Atos dos apostolos
 
Evangelho segundo Marcos
Evangelho segundo MarcosEvangelho segundo Marcos
Evangelho segundo Marcos
 
115 estudo panoramico-da_biblia-o_evangelho_de_marcos_parte_2
115 estudo panoramico-da_biblia-o_evangelho_de_marcos_parte_2115 estudo panoramico-da_biblia-o_evangelho_de_marcos_parte_2
115 estudo panoramico-da_biblia-o_evangelho_de_marcos_parte_2
 

Destaque (12)

LIÇÃO 1- O EVANGELIO DE LUCAS
LIÇÃO 1- O EVANGELIO DE LUCASLIÇÃO 1- O EVANGELIO DE LUCAS
LIÇÃO 1- O EVANGELIO DE LUCAS
 
Evangelho de Lucas 1
Evangelho de Lucas 1Evangelho de Lucas 1
Evangelho de Lucas 1
 
Evangelho de Lucas
Evangelho de LucasEvangelho de Lucas
Evangelho de Lucas
 
Evangelho de lucas liçao 11
Evangelho de lucas liçao 11Evangelho de lucas liçao 11
Evangelho de lucas liçao 11
 
Lucas, o evangelho do homem perfeito
Lucas, o evangelho do homem perfeitoLucas, o evangelho do homem perfeito
Lucas, o evangelho do homem perfeito
 
Escola de profetas - Mateus, o Apóstolo Improvável
Escola de profetas - Mateus, o Apóstolo ImprovávelEscola de profetas - Mateus, o Apóstolo Improvável
Escola de profetas - Mateus, o Apóstolo Improvável
 
Evangelho de mateus
Evangelho de mateusEvangelho de mateus
Evangelho de mateus
 
Evangelho de São Mateus
Evangelho de São MateusEvangelho de São Mateus
Evangelho de São Mateus
 
O evangelho de mateus
O evangelho de mateusO evangelho de mateus
O evangelho de mateus
 
Os Quatro Evangelhos
Os Quatro EvangelhosOs Quatro Evangelhos
Os Quatro Evangelhos
 
3. O Evangelho Segundo Mateus
3. O Evangelho Segundo Mateus3. O Evangelho Segundo Mateus
3. O Evangelho Segundo Mateus
 
LIÇÃO 12 - QUEM AMA CUMPRE PLENAMENTE A LEI DIVINA
LIÇÃO 12 - QUEM AMA CUMPRE PLENAMENTE A LEI DIVINALIÇÃO 12 - QUEM AMA CUMPRE PLENAMENTE A LEI DIVINA
LIÇÃO 12 - QUEM AMA CUMPRE PLENAMENTE A LEI DIVINA
 

Semelhante a A Salvação para Todos em Lucas

Lição 1 - Lucas e seu Evangelho
Lição 1 - Lucas e seu EvangelhoLição 1 - Lucas e seu Evangelho
Lição 1 - Lucas e seu EvangelhoÉder Tomé
 
O Evangelho Segundo Lucas
O Evangelho Segundo LucasO Evangelho Segundo Lucas
O Evangelho Segundo Lucasebddenice
 
2º bimestre 2015
2º bimestre 20152º bimestre 2015
2º bimestre 2015admni
 
LIÇÃO 01 - EBD
LIÇÃO 01 - EBDLIÇÃO 01 - EBD
LIÇÃO 01 - EBDcemaeumadeb
 
ATOS DOS APSTOLOS ATUALIZADO Reparado.pdf
ATOS DOS APSTOLOS  ATUALIZADO Reparado.pdfATOS DOS APSTOLOS  ATUALIZADO Reparado.pdf
ATOS DOS APSTOLOS ATUALIZADO Reparado.pdfEduardadaRochaCunhaM
 
-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA/AGROPECUÁRIA E ESTUDANTE DE DIR...
-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA/AGROPECUÁRIA E ESTUDANTE DE DIR...-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA/AGROPECUÁRIA E ESTUDANTE DE DIR...
-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA/AGROPECUÁRIA E ESTUDANTE DE DIR...ANTONIO INACIO FERRAZ
 
Marcos pastor gustavo
Marcos  pastor gustavoMarcos  pastor gustavo
Marcos pastor gustavoaproge
 
-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA/AGROPECUÁRIA E ESTUDANTE DE DIR...
-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA/AGROPECUÁRIA E ESTUDANTE DE DIR...-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA/AGROPECUÁRIA E ESTUDANTE DE DIR...
-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA/AGROPECUÁRIA E ESTUDANTE DE DIR...ANTONIO INACIO FERRAZ
 
-antonio inacio ferraz, técnico em eletronica/agropecuária e estudante de die...
-antonio inacio ferraz, técnico em eletronica/agropecuária e estudante de die...-antonio inacio ferraz, técnico em eletronica/agropecuária e estudante de die...
-antonio inacio ferraz, técnico em eletronica/agropecuária e estudante de die...ANTONIO INACIO FERRAZ
 
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.ANTONIO INACIO FERRAZ
 
Estudo sobre os evangelhos
Estudo sobre os evangelhosEstudo sobre os evangelhos
Estudo sobre os evangelhosmarquione ban
 
Biblia 09-a-nova-alianca
Biblia 09-a-nova-aliancaBiblia 09-a-nova-alianca
Biblia 09-a-nova-aliancaRicardo Neves
 

Semelhante a A Salvação para Todos em Lucas (20)

Lição 1 - Lucas e seu Evangelho
Lição 1 - Lucas e seu EvangelhoLição 1 - Lucas e seu Evangelho
Lição 1 - Lucas e seu Evangelho
 
O Evangelho Segundo Lucas
O Evangelho Segundo LucasO Evangelho Segundo Lucas
O Evangelho Segundo Lucas
 
2º bimestre 2015
2º bimestre 20152º bimestre 2015
2º bimestre 2015
 
2º bimestre
2º bimestre2º bimestre
2º bimestre
 
LIÇÃO 01 - EBD
LIÇÃO 01 - EBDLIÇÃO 01 - EBD
LIÇÃO 01 - EBD
 
Os_Evangelhos_Lucas.pdf
Os_Evangelhos_Lucas.pdfOs_Evangelhos_Lucas.pdf
Os_Evangelhos_Lucas.pdf
 
ATOS DOS APSTOLOS ATUALIZADO Reparado.pdf
ATOS DOS APSTOLOS  ATUALIZADO Reparado.pdfATOS DOS APSTOLOS  ATUALIZADO Reparado.pdf
ATOS DOS APSTOLOS ATUALIZADO Reparado.pdf
 
-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA/AGROPECUÁRIA E ESTUDANTE DE DIR...
-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA/AGROPECUÁRIA E ESTUDANTE DE DIR...-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA/AGROPECUÁRIA E ESTUDANTE DE DIR...
-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA/AGROPECUÁRIA E ESTUDANTE DE DIR...
 
Subsidios ao professor
Subsidios ao professorSubsidios ao professor
Subsidios ao professor
 
Marcos pastor gustavo
Marcos  pastor gustavoMarcos  pastor gustavo
Marcos pastor gustavo
 
Iconografia de lucas
Iconografia de lucasIconografia de lucas
Iconografia de lucas
 
O Novo Testamento I
O Novo Testamento IO Novo Testamento I
O Novo Testamento I
 
-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA/AGROPECUÁRIA E ESTUDANTE DE DIR...
-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA/AGROPECUÁRIA E ESTUDANTE DE DIR...-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA/AGROPECUÁRIA E ESTUDANTE DE DIR...
-ANTONIO INACIO FERRAZ, TÉCNICO EM ELETRONICA/AGROPECUÁRIA E ESTUDANTE DE DIR...
 
-antonio inacio ferraz, técnico em eletronica/agropecuária e estudante de die...
-antonio inacio ferraz, técnico em eletronica/agropecuária e estudante de die...-antonio inacio ferraz, técnico em eletronica/agropecuária e estudante de die...
-antonio inacio ferraz, técnico em eletronica/agropecuária e estudante de die...
 
LUCAS-ANTONIO INACIO FERRAZ
LUCAS-ANTONIO INACIO FERRAZLUCAS-ANTONIO INACIO FERRAZ
LUCAS-ANTONIO INACIO FERRAZ
 
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
ANTONIO INACIO FERRAZ-ESTUDANTE DE FARMÁCIA EM CAMPINAS SP.
 
Atos
AtosAtos
Atos
 
O nascimento de jesus 2
O nascimento de jesus  2O nascimento de jesus  2
O nascimento de jesus 2
 
Estudo sobre os evangelhos
Estudo sobre os evangelhosEstudo sobre os evangelhos
Estudo sobre os evangelhos
 
Biblia 09-a-nova-alianca
Biblia 09-a-nova-aliancaBiblia 09-a-nova-alianca
Biblia 09-a-nova-alianca
 

Mais de Wander Sousa

Lição 40 O perigo das obras da carne
Lição 40   O perigo das obras da carneLição 40   O perigo das obras da carne
Lição 40 O perigo das obras da carneWander Sousa
 
Lição 39 Integridade em tempos de crise
Lição 39   Integridade em tempos de criseLição 39   Integridade em tempos de crise
Lição 39 Integridade em tempos de criseWander Sousa
 
Lição 38 Ídolos
Lição 38   ÍdolosLição 38   Ídolos
Lição 38 ÍdolosWander Sousa
 
Lição 37 O fruto do Espírito — a plenitude de Cristo na vida do crente
Lição 37   O fruto do Espírito — a plenitude de Cristo na vida do crenteLição 37   O fruto do Espírito — a plenitude de Cristo na vida do crente
Lição 37 O fruto do Espírito — a plenitude de Cristo na vida do crenteWander Sousa
 
Lição 36 as limitações dos discípulos
Lição 36   as limitações dos discípulosLição 36   as limitações dos discípulos
Lição 36 as limitações dos discípulosWander Sousa
 
Lição 35 o cuidado com a língua
Lição 35   o cuidado com a línguaLição 35   o cuidado com a língua
Lição 35 o cuidado com a línguaWander Sousa
 
Lição 34 O propósito da tentação
Lição 34   O propósito da tentaçãoLição 34   O propósito da tentação
Lição 34 O propósito da tentaçãoWander Sousa
 
Lição 33 Desafios de um casamento
Lição 33   Desafios de um casamentoLição 33   Desafios de um casamento
Lição 33 Desafios de um casamentoWander Sousa
 
Lição 32 Fé em meio às injustiças
Lição 32   Fé em meio às injustiçasLição 32   Fé em meio às injustiças
Lição 32 Fé em meio às injustiçasWander Sousa
 
Lição 31 As consequências das escolhas precipitadas
Lição 31   As consequências das escolhas precipitadasLição 31   As consequências das escolhas precipitadas
Lição 31 As consequências das escolhas precipitadasWander Sousa
 
Dons Ministeriais | Três aulas
Dons Ministeriais | Três aulasDons Ministeriais | Três aulas
Dons Ministeriais | Três aulasWander Sousa
 
Lição 29 Os dons espirituais
Lição 29   Os dons espirituaisLição 29   Os dons espirituais
Lição 29 Os dons espirituaisWander Sousa
 
Lição 28 O poder da evangelização na família
Lição 28   O poder da evangelização na famíliaLição 28   O poder da evangelização na família
Lição 28 O poder da evangelização na famíliaWander Sousa
 
Lição 27 Jesus e a felicidade
Lição 27   Jesus e a felicidadeLição 27   Jesus e a felicidade
Lição 27 Jesus e a felicidadeWander Sousa
 
Lição 26 Os falsos profetas
Lição 26   Os falsos profetasLição 26   Os falsos profetas
Lição 26 Os falsos profetasWander Sousa
 
Lição 25 Cuidado com as pequenas coisas
Lição 25   Cuidado com as pequenas coisasLição 25   Cuidado com as pequenas coisas
Lição 25 Cuidado com as pequenas coisasWander Sousa
 
Lição 24 Desafios de um Casamento
Lição 24   Desafios de um CasamentoLição 24   Desafios de um Casamento
Lição 24 Desafios de um CasamentoWander Sousa
 
Lição 23 Depressão, a doença da alma
Lição 23   Depressão, a doença da almaLição 23   Depressão, a doença da alma
Lição 23 Depressão, a doença da almaWander Sousa
 
Lição 22 Terceira idade
Lição 22   Terceira idadeLição 22   Terceira idade
Lição 22 Terceira idadeWander Sousa
 
Lição 21 Rebelião
Lição 21   RebeliãoLição 21   Rebelião
Lição 21 RebeliãoWander Sousa
 

Mais de Wander Sousa (20)

Lição 40 O perigo das obras da carne
Lição 40   O perigo das obras da carneLição 40   O perigo das obras da carne
Lição 40 O perigo das obras da carne
 
Lição 39 Integridade em tempos de crise
Lição 39   Integridade em tempos de criseLição 39   Integridade em tempos de crise
Lição 39 Integridade em tempos de crise
 
Lição 38 Ídolos
Lição 38   ÍdolosLição 38   Ídolos
Lição 38 Ídolos
 
Lição 37 O fruto do Espírito — a plenitude de Cristo na vida do crente
Lição 37   O fruto do Espírito — a plenitude de Cristo na vida do crenteLição 37   O fruto do Espírito — a plenitude de Cristo na vida do crente
Lição 37 O fruto do Espírito — a plenitude de Cristo na vida do crente
 
Lição 36 as limitações dos discípulos
Lição 36   as limitações dos discípulosLição 36   as limitações dos discípulos
Lição 36 as limitações dos discípulos
 
Lição 35 o cuidado com a língua
Lição 35   o cuidado com a línguaLição 35   o cuidado com a língua
Lição 35 o cuidado com a língua
 
Lição 34 O propósito da tentação
Lição 34   O propósito da tentaçãoLição 34   O propósito da tentação
Lição 34 O propósito da tentação
 
Lição 33 Desafios de um casamento
Lição 33   Desafios de um casamentoLição 33   Desafios de um casamento
Lição 33 Desafios de um casamento
 
Lição 32 Fé em meio às injustiças
Lição 32   Fé em meio às injustiçasLição 32   Fé em meio às injustiças
Lição 32 Fé em meio às injustiças
 
Lição 31 As consequências das escolhas precipitadas
Lição 31   As consequências das escolhas precipitadasLição 31   As consequências das escolhas precipitadas
Lição 31 As consequências das escolhas precipitadas
 
Dons Ministeriais | Três aulas
Dons Ministeriais | Três aulasDons Ministeriais | Três aulas
Dons Ministeriais | Três aulas
 
Lição 29 Os dons espirituais
Lição 29   Os dons espirituaisLição 29   Os dons espirituais
Lição 29 Os dons espirituais
 
Lição 28 O poder da evangelização na família
Lição 28   O poder da evangelização na famíliaLição 28   O poder da evangelização na família
Lição 28 O poder da evangelização na família
 
Lição 27 Jesus e a felicidade
Lição 27   Jesus e a felicidadeLição 27   Jesus e a felicidade
Lição 27 Jesus e a felicidade
 
Lição 26 Os falsos profetas
Lição 26   Os falsos profetasLição 26   Os falsos profetas
Lição 26 Os falsos profetas
 
Lição 25 Cuidado com as pequenas coisas
Lição 25   Cuidado com as pequenas coisasLição 25   Cuidado com as pequenas coisas
Lição 25 Cuidado com as pequenas coisas
 
Lição 24 Desafios de um Casamento
Lição 24   Desafios de um CasamentoLição 24   Desafios de um Casamento
Lição 24 Desafios de um Casamento
 
Lição 23 Depressão, a doença da alma
Lição 23   Depressão, a doença da almaLição 23   Depressão, a doença da alma
Lição 23 Depressão, a doença da alma
 
Lição 22 Terceira idade
Lição 22   Terceira idadeLição 22   Terceira idade
Lição 22 Terceira idade
 
Lição 21 Rebelião
Lição 21   RebeliãoLição 21   Rebelião
Lição 21 Rebelião
 

Último

LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semanaLIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semanaWillemarSousa1
 
2024 - PPT_Sermֶo 01 - Quartas de Poder - PT.pptx
2024 - PPT_Sermֶo 01 - Quartas de Poder - PT.pptx2024 - PPT_Sermֶo 01 - Quartas de Poder - PT.pptx
2024 - PPT_Sermֶo 01 - Quartas de Poder - PT.pptxhenrygabrielsilvarib
 
Gestos e Posturas na Santa Missa_20240414_055304_0000.pptx
Gestos e Posturas na Santa Missa_20240414_055304_0000.pptxGestos e Posturas na Santa Missa_20240414_055304_0000.pptx
Gestos e Posturas na Santa Missa_20240414_055304_0000.pptxSebastioFerreira34
 
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 EGÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 EMicheleRosa39
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pãoSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pãoRicardo Azevedo
 
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...silvana30986
 
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptxLição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptxCelso Napoleon
 
10 Orações Para Honrar São José Operário
10 Orações Para Honrar São José Operário10 Orações Para Honrar São José Operário
10 Orações Para Honrar São José OperárioNilson Almeida
 
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns EsclarecedoresEvangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns EsclarecedoresAntonino Silva
 
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica DominicalLIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica DominicalAmaroJunior21
 
07 - SINAIS DA VOLTA DE JESUS.ppt.IASD>JA
07 - SINAIS DA VOLTA DE JESUS.ppt.IASD>JA07 - SINAIS DA VOLTA DE JESUS.ppt.IASD>JA
07 - SINAIS DA VOLTA DE JESUS.ppt.IASD>JAhenrygabrielsilvarib
 

Último (12)

Fluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
Fluido Cósmico Universal e Perispírito.pptFluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
Fluido Cósmico Universal e Perispírito.ppt
 
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semanaLIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
 
2024 - PPT_Sermֶo 01 - Quartas de Poder - PT.pptx
2024 - PPT_Sermֶo 01 - Quartas de Poder - PT.pptx2024 - PPT_Sermֶo 01 - Quartas de Poder - PT.pptx
2024 - PPT_Sermֶo 01 - Quartas de Poder - PT.pptx
 
Gestos e Posturas na Santa Missa_20240414_055304_0000.pptx
Gestos e Posturas na Santa Missa_20240414_055304_0000.pptxGestos e Posturas na Santa Missa_20240414_055304_0000.pptx
Gestos e Posturas na Santa Missa_20240414_055304_0000.pptx
 
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 EGÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
GÊNESIS A-2.pptx ESTUDO INTEGRADO DE CAPITULO 1 E
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pãoSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 129 - Ao partir do pão
 
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus:  Verdadeira Pureza , ...
Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus: Verdadeira Pureza , ...
 
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptxLição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
Lição 3 - O céu - o Destino do Cristão.pptx
 
10 Orações Para Honrar São José Operário
10 Orações Para Honrar São José Operário10 Orações Para Honrar São José Operário
10 Orações Para Honrar São José Operário
 
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns EsclarecedoresEvangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
Evangeliza - Diálogo com os Espíritos - Médiuns Esclarecedores
 
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica DominicalLIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
LIÇÃO 02 - JOVENS - Escola Bíblica Dominical
 
07 - SINAIS DA VOLTA DE JESUS.ppt.IASD>JA
07 - SINAIS DA VOLTA DE JESUS.ppt.IASD>JA07 - SINAIS DA VOLTA DE JESUS.ppt.IASD>JA
07 - SINAIS DA VOLTA DE JESUS.ppt.IASD>JA
 

A Salvação para Todos em Lucas

  • 2. OEvangelhoSegundoLucas “Para que conheças a certeza das coisas de que já estás informado.” Lc 1.4
  • 3. OEvangelhoSegundoLucas “O Cristão possui uma fé divinamente revelada e historicamente bem fundamentada.”
  • 5. OEvangelhoSegundoLucas Após esta aula, o aluno deverá estar apto a:  Apresentar o terceiro Evangelho;  Conhecer os fundamentos e historicidade da fé cristã;  Afirmar a universalidade da fé cristã;  Expor a identidade de Jesus, o Messias esperado.
  • 6. OEvangelhoSegundoLucas I – O TERCEIRO EVANGELHO 1. Autoria e data. 2. A obra. 3. Os destinatários originais. II – OS FUNDAMENTOS E HISTORICIDADE DA FÉ CRISTÃ 1. O Cristianismo no seu contexto histórico. 2. Discipulado através dos fatos. III – A UNIVERSALIDADE DA SALVAÇÃO 1. A história da salvação. 2. A salvação em seu aspecto universal. IV – A IDENTIDADE DE JESUS, O MESSIAS ESPERADO 1. Jesus, o homem perfeito. 2. O Messias e o Espírito Santo.
  • 7. OEvangelhoSegundoLucas O plano da salvação do cristianismo pode ser localizado com precisão dentro da história.
  • 8. OEvangelhoSegundoLucas o O Evangelho de Lucas é um dos livros mais belos e fascinantes do mundo. o De fato, o terceiro Evangelho se distingue pelo seu estilo literário, pelo seu vocabulário e uso que faz do grego, considerado pelos eruditos como o mais refinado do Novo Testamento. o Mas a sua maior beleza está em narrar a história da salvação (Lc 19.10).
  • 9. OEvangelhoSegundoLucas o O autor procura mostrar, sempre de forma bem documentada, que o plano de Deus em salvar a humanidade, revelado através da história, cumpriu-se cabalmente em Cristo quando Ele se deu como sacrifício expiador pelos pecadores (Jo 10.11). o Deus continua sendo Senhor da história e o advento do Messias para estabelecer o seu Reino é a prova disso. Lucas mostra que é através do Espírito Santo, primeiramente operando no ministério de Jesus e, posteriormente na Igreja, que esse propósito se efetiva.
  • 10. OEvangelhoSegundoLucas 1. Autoria e Data. 2. A Obra. 3. Os destinatários originais.
  • 11. OEvangelhoSegundoLucas o Lucas, “o médico amado” (Cl 4.14), a quem é atribuída a autoria do terceiro Evangelho, é citado no Novo Testamento três vezes. o Todas as citações estão nas epístolas paulinas e são usadas no contexto do aprisionamento do apóstolo Paulo (Cl 4.14; Fm 24; 2 Tm 4.11). 1. Autoria e data
  • 12. OEvangelhoSegundoLucas o Embora o autor do terceiro Evangelho não se identifique pelo nome, isso não depõe contra a autoria lucana. o Desde os seus primórdios, a igreja Cristã atribui a Lucas a autoria do terceiro Evangelho. o A crítica contra a autoria de Lucas não tem conseguido apresentar argumentos sólidos para demover a igreja de sua posição. 1. Autoria e data
  • 13. OEvangelhoSegundoLucas o A erudição conservadora assegura que Lucas escreveu a sua obra (aproximadamente) no início dos anos sessenta do primeiro século da era cristã. 1. Autoria e data Período Interbíblico 400 a 4 a.C. Ministério de Cristo 2 a.C. a 29 D.C. 60 D.C. 70 D.C.
  • 15. OEvangelhoSegundoLucas o Lucas era historiador e médico. Ele escreveu sua obra em dois volumes (Lc 1.1-4; At 1.1,2). 2. A Obra O terceiro Evangelho Atos dos Apóstolos É a primeira parte desse trabalho Compõem a segunda parte É uma narrativa da vida e obra de Jesus Narram o caminhar espiritual dos primeiros cristãos da Igreja Primitiva. A salvação se cumpre A salvação é proclamada
  • 16. OEvangelhoSegundoLucas o O doutor Lucas endereçou seu Evangelho a Teófilo, certamente uma pessoa importante que devia ocupar uma alta posição social, sendo citado como “excelentíssimo”. o Pode se dizer que além deste ilustre destinatário, Lucas também escreveu aos gentios. 3. Os destinatários originais
  • 18. OEvangelhoSegundoLucas o O terceiro Evangelho pode ser classificado como sendo de natureza soteriológica e carismática. o Soteriológica, porque narra o plano da salvação, e carismática porque dá amplo destaque ao papel do Espírito Santo como capacitador do ministério de Jesus Cristo. 3. Os destinatários originais
  • 19. OEvangelhoSegundoLucas SINOPSE DO TÓPICO (1) Lucas, o médico amado, é o autor do terceiro Evangelho, que foi endereçado a Teófilo, um gentio.
  • 20. OEvangelhoSegundoLucas “A Fé Cristã não se trata de uma lenda ou fábula engenhosamente inventada. São fatos históricos.“
  • 21. OEvangelhoSegundoLucas Como o Evangelho de Lucas Retrata a Cristo. “No Evangelho de Lucas, Cristo é retratado como o homem perfeito e de grande empatia. A genealogia é rastreada desde Davi e Abraão até Adão, nosso antepassado comum, apresentando-o, deste modo, como alguém da nossa raça”.
  • 22. OEvangelhoSegundoLucas 1. O Cristianismo no seu contexto histórico 2. Discipulado através dos fatos
  • 23. OEvangelhoSegundoLucas o Lucas mostra com riqueza da detalhes sob que circunstâncias históricas se deram os fatos por ele narrados. 1. O Cristianismo no seu contexto histórico.
  • 24. OEvangelhoSegundoLucas o “E, no ano quinze do império de Tibério César, sendo Pôncio Pilatos governador da Judeia, e Herodes, tetrarca da Galileia, e seu irmão Filipe, tetrarca da Itureia e da província de Traconites, e Lisânias, tetrarca de Abilene, sendo Anás e Caifás sumos sacerdotes, veio no deserto a palavra de Deus a João, filho de Zacarias” (Lc 3.1,2). 1. O Cristianismo no seu contexto histórico.
  • 25. OEvangelhoSegundoLucas Esses dados têm um propósito claro: Mostrar que o plano da salvação no cristianismo pode ser localizado com precisão dentro da história. 1. O Cristianismo no seu contexto histórico.
  • 26. OEvangelhoSegundoLucas o A palavra grega katecheo, traduzida como “informado” ou “instruído” no versículo 4, deu origem à palavra portuguesa catequese. Esse vocábulo significa também: doutrinar, ensinar e convencer. 2. Discipulado através dos fatos
  • 27. OEvangelhoSegundoLucas o Nesse contexto possui o sentido de “discipular”. Lucas escreveu o seu Evangelho para formar discípulos. o O discipulado, para ser autêntico, deve fundamentar-se na veracidade dos fatos da fé cristã. 2. Discipulado através dos fatos
  • 28. OEvangelhoSegundoLucas o Nos primeiros versículos do seu Evangelho, Lucas revela, portanto, quais seriam as razões da sua obra (Lucas 1.1-4). o O terceiro Evangelho foi escrito para mostrar os fundamentos das verdades nas quais os cristãos são instruídos. 2. Discipulado através dos fatos
  • 29. OEvangelhoSegundoLucas SINOPSE DO TÓPICO (2) A veracidade dos fatos narrados por Lucas pode ser comprovada pela história.
  • 30. OEvangelhoSegundoLucas “Lucas presta bastante atenção aos eventos que ocorreram antes do nascimento de Jesus, uma atenção maior que aquela que os outros evangelistas dedicaram ao assunto” (RICHARDS, Lawrence O. Comentário Histórico-Cultural do Novo Testamento. 1.ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2007, p. 134).
  • 31. OEvangelhoSegundoLucas “O discipulado, para ser autêntico, deve fundamentar-se na veracidade dos fatos da fé cristã.“
  • 32. OEvangelhoSegundoLucas 1. A história da salvação. 2. A salvação em seu aspecto universal.
  • 33. OEvangelhoSegundoLucas o A teologia cristã destaca que Lucas divide a história da salvação em três estágios. 1. A história da salvação O tempo do Antigo Testamento O tempo de Jesus O tempo da Igreja Evangelho de Lucas Atos dos Apóstolos
  • 34. OEvangelhoSegundoLucas 1. A história da salvação O tempo do Antigo Testamento O tempo de Jesus O tempo da Igreja (Lc 16.16). No contexto de Lucas a expressão a “Lei e os Profetas” é uma referência ao Antigo Testamento, onde é narrado o plano de Deus para o povo de Israel. A frase “anunciado o Reino de Deus” se refere ao tempo de Jesus que, através do Espírito Santo, realiza e manifesta o Reino de Deus. O Tempo da Igreja ocorre quando o Espírito Santo, que estava sobre Jesus, é derramado sobre todos os crentes.
  • 35. OEvangelhoSegundoLucas o O aspecto universal da salvação, revelado no terceiro Evangelho pode ser facilmente observado pelo seu amplo destaque dado aos gentios. o O próprio Lucas endereça a sua obra a um gentio, Teófilo (Lc 1.1,2). 2. A salvação em seu aspecto universal.
  • 36. OEvangelhoSegundoLucas o A descendência de Cristo, o Messias prometido, vai até Adão, o pai de todos, e não apenas até Abraão, o pai dos judeus (Lc 3.23-38). o Fica, portanto, revelado que os gentios, e não somente os judeus, estão incluídos no plano salvífico de Deus (Lc 2.32; 24.47). 2. A salvação em seu aspecto universal.
  • 37. OEvangelhoSegundoLucas o Destaque especial é dado para os samaritanos (Lc 9.51-56; 10.25-37; 17.11-19). Há ainda outras particularidades do Evangelho de Lucas que mostram o interesse de Deus por toda a humanidade, especialmente os pobres e excluídos (Lc 19.1-10; 7.36-50; 23.39-43; 18.9-14). 2. A salvação em seu aspecto universal.
  • 38. OEvangelhoSegundoLucas SINOPSE DO TÓPICO (3) Todos estão incluídos no plano salvífico de Deus: gentios e judeus.
  • 39. OEvangelhoSegundoLucas “A descendência de Cristo, o Messias prometido, vai até Adão, o pai de todos, e não apenas até Abraão, o pai dos judeus. “
  • 40. OEvangelhoSegundoLucas 1. Jesus, o homem perfeito. 2. O Messias e o Espírito Santo.
  • 41. OEvangelhoSegundoLucas o No Evangelho de Lucas, Jesus aparece como: 1. O “Filho de Deus” (Lc 1.35) e 2. “Filho do Homem” (Lc 5.24). o São expressões messiânicas que revelam a deidade de Jesus. 1. Jesus, o homem perfeito.
  • 42. OEvangelhoSegundoLucas 1. Jesus, o homem perfeito. •A primeira expressão mostra Jesus como verdadeiro Deus Filho de Deus •A segunda, ocorre 25 vezes no terceiro Evangelho, mostra-o como verdadeiro homem. Filho do Homem
  • 43. OEvangelhoSegundoLucas o Como Filho do Homem: 1. Ele é o Homem perfeito. 2. Jesus era obediente a seus pais. Todavia, estava consciente de sua natureza divina (Lc 2.4-52). 3. Jesus enfrenta, e derrota, Satanás na tentação do deserto (Lc 4.1-13). 1. Jesus, o homem perfeito. Ao usar o título “Filho do Homem” para si mesmo, Jesu evita ser confundido com o Messias político esperado pelos Judeus.
  • 44. OEvangelhoSegundoLucas 2. O Messias e o Espírito Santo Lucas revela Jesus, o Messias, como Homem Perfeito, dependia do Espírito Santo no desempenho do seu ministério (Lc 4.18).
  • 45. OEvangelhoSegundoLucas 2. O Messias e o Espírito Santo Isaías, o profeta messiânico, mostra a estreita relação que o Messias manteria com o Espírito Santo do Senhor (Is 11.1,2;42.1).
  • 46. OEvangelhoSegundoLucas 2. O Messias e o Espírito Santo O Messias seria aquele sobre quem repousaria o Espírito do Senhor, tal como profetizara Isaías e Jesus aplicara a si, na sinagoga em Nazaré (Lc 4.16-19; Is 61.1).
  • 47. OEvangelhoSegundoLucas SINOPSE DO TÓPICO (4) Lucas apresenta Jesus como o Filho do Homem, ressaltando tanto a sua humanidade quanto a sua divindade.
  • 48. OEvangelhoSegundoLucas Conclusão o O terceiro Evangelho é considerado a coroa dos Evangelhos sinóticos. Enquanto o Evangelho de Mateus enfoca a realeza do Messias e Marcos o poder, Lucas enfatiza o amor de Deus. Lucas é o Evangelho do Homem Perfeito; da alegria (Lc 1.28; 2.11; 19.37; 24.53); da misericórdia (Lc 1.78,79); do perdão (7.36- 50; 19.1-10); da oração (Lc 6.12; 11.1; 22.39-45); dos pobres e necessitados (Lc 4.18) e do poder e da força do Espírito Santo (Lc 1.15,35; 3.22; 4.1; 4.14; 4.17- 20; 10.21; 11.13; 24.49). Lucas é, portanto, o Evangelho do crente que quer conhecer melhor o seu Senhor e ser cheio do Espírito Santo.
  • 49. OEvangelhoSegundoLucas Perguntas A autoria é atribuída a Lucas, o médico amado. A quem é atribuída a autoria do terceiro Evangelho?
  • 50. OEvangelhoSegundoLucas Perguntas O vocábulo significa também “doutrinar”, “ensinar” e “convencer”. Como devemos entender o termo “informado” usado por Lucas no capítulo 1 do seu Evangelho?
  • 51. OEvangelhoSegundoLucas Perguntas Ele é revelado como “Filho de Deus” e “Filho do Homem”. Como Jesus é revelado no Evangelho de Lucas?
  • 52. OEvangelhoSegundoLucas Perguntas Devem ser entendidas como expressões que mostram o relacionamento de Jesus com a humanidade. As expressões “Filho do Homem” devem ser entendidas em que sentindo no terceiro Evangelho?
  • 53. OEvangelhoSegundoLucas Perguntas Ele é considerado a coroa dos Evangelhos Sinóticos. De acordo com a lição, como é considerado o terceiro Evangelho?