SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 3
Baixar para ler offline
Teoria da Contabilidade II                                                                                                                   Prof. Moreira 
     
                                                      
                                                EXERCÍCIOS 
                                              Passivo (gabarito) 
                                                        
1) Defina o que é Passivo. 
   Passivo  é  o  resultado  econômico  a  ser  sacrificado  no  futuro  em  função  de  dívida  e/ou  obrigações 
   contraídas  perante  terceiros.  Ou  ainda,  em  outras  palavras,  são  as  obrigações  de  uma  entidade 
   perante terceiros. 
    
2) Compare  a  definição  de  Passivo  do  Iasb  com  a  definição  dada  pela  Deliberação  CVM  nº  539  de 
   14.03.2008. 
   Não há diferenças. As definições são praticamente idênticas. 
 
3) Um passivo normalmente é resultante de uma transação em que uma entidade obtém um recurso 
   econômico. Cite exemplos de passivos que podem surgir sem a contraprestação deste benefício. 
   Impostos, Contingências trabalhistas. 
 
4) É  necessária  a  existência  de  uma  base  contratual  para  o  reconhecimento  de  um  passivo? 
   Justifique. 
   Não. Apesar de existirem diversos passivos que originam de contratos assinados (empréstimos), 
   a  existência  de  uma  base  contratual  não  é  necessária,  pois  nem  todo  passivo  nasce  de  um 
   documento jurídico. Alguns passivos podem surgir das operações normais de uma entidade que 
   não  necessitam  de  um  contrato,  como  é  o  caso  da  compra  de  mercadorias  a  prazo  de  um 
   fornecedor habitual da entidade.  
    
5) Quais as formas de liquidação de uma exigibilidade? 
   Pagamento em dinheiro; Transferência de outros ativos; Prestação de serviços; Substituição de 
   uma obrigação por outra; Conversão de uma obrigação em capital. 
    
6) Qual a diferença entre Passivo Oneroso e Passivo não Oneroso? 
   Passivo  Oneroso  é  aquele  que  está  custando  à  empresa,  mensalmente,  juros  e  encargos 
   bancários: Financiamentos, Empréstimos Bancários etc. 
   Passivo  não  Oneroso  é  aquele  com  o  qual  a  empresa  não  paga  encargos  financeiros:  Salários, 
   Fornecedores etc. 
    
7) Qual a diferença entre uma exigibilidade normal e uma exigibilidade contingente? 
   Exigibilidade  normal:  passivo  cujo  montante  e  data  de  vencimento  são  conhecidos.  Exigibilidade 
   contingente: passivo que será confirmado por um evento posterior, e cujo montante exato ou data 
   de vencimento são desconhecidos.  
 
8) Existe diferença entre uma provisão e uma contingência? Justifique. 
   Sim.  Provisão:  passivo  incerto  quanto  à  quantia  ou  data  de  vencimento.  Contingência:  passivo  que 
   será confirmado por um evento posterior. 
 
9) A  provisão  corresponde  a  um  passivo  com  montante  ou  tempo  incerto.  Algumas  provisões  são 
   apresentadas como passivo, mas outras são um ativo, com sinal  negativo. Cite exemplos de provisão 
   classificada do lado do passivo e do lado do ativo. 
   Do  lado  do  passivo,  uma  provisão  para  pagamento  de  um  tributo,  férias,  13º  Terceiro.  Do  lado  do 
   ativo, a provisão para crédito de liquidação duvidosa. 
    
                                                                                                                 1 
    
Teoria da Contabilidade II                                                                                                                    Prof. Moreira 
     
10) Um  correntista  ganhou  uma  ação  milionária  contra  o  Bradesco.  O  juiz  determinou  que  o  valor  a  ser 
    pago fosse corrigido pela taxa de juros que esta instituição financeira utilizou para o cheque especial 
    dos seus clientes, o que levou a uma estimativa de pagamento de R$ 2 bilhões. 
     
         a) Qual  o  valor  que  deveria  estar  registrado  no  passivo  do  Bradesco  após  o  julgamento,  que 
              resultou numa sentença de R$ 2 bilhões?  
              Se o banco tiver intenção de entrar com recurso numa outra instância, pode‐se determinar o 
              valor esperado diante da possibilidade (pequena) do correntista continuar ganhando a ação 
              com esse valor. Assim, o banco não precisaria registrar um passivo de R$ 2 bilhões. 
         b) Considere que o Bradesco entrou com um recurso para reduzir o valor a ser pago. Qual o valor 
              que deveria constar do passivo do banco? Qual seria a contrapartida para registro do passivo? 
              A  alternativa  anterior  continua  válida.  A  contrapartida  do  registro  seria  uma  conta  de 
              resultado. 
     
11) No final do ano milhares de consumidores comprar vale‐presente. Estes vales podem ser trocados nas 
    lojas  por  mercadorias  como  livros,  DVDs  e  outros.  Entretanto,  uma  parte  significativa  dos  vales‐
    presentes não é trocada pelos clientes. Considere uma loja que vende um “vale‐presente” e que 10% 
    das vendas não são trocadas. O vale‐presente enquadra‐se na definição de passivo? Qual o valor que 
    deveria ser reconhecido pela loja?  
    Enquadra‐se na definição de passivo. A loja já deve considerar que algumas pessoas não irão trocar o 
    vale presente. Nesse caso, deve constar do passivo somente 90% dos vales vendidos. 
     
12) Segundo  a  Lei  6.404/76  todos  os  encargos  e  custos  reconhecidos  e  calculáveis  devem  ser 
    provisionados.  Contudo,  as  autoridades  não  reconhecem  como  dedutíveis  determinadas  provisões, 
    conforme a legislação do Imposto de Renda. Assinale a alternativa correspondente aos procedimentos 
    contábeis adequados nessas circunstâncias: 
     
    a) Contabilizar somente as provisões aceitas como dedutíveis pelo Fisco. 
    b) Ajustas as provisões não dedutíveis nos livros fiscais. 
    c) Ajustar as provisões dedutíveis nos livros contábeis 
    d) Ajustar as provisões dedutíveis nos livros fiscais. 
    e) Ajustar as provisões não dedutíveis nos livros contábeis. 
 
13) Uma  empresa  prestadora  de  serviços  recolhe,  desde  o  início  de  suas  atividades,  o  Imposto  sobre 
    Serviço  à  alíquota  de  2%.  Em  30/07/X0  foi  fiscalizada  e  autuada,  visto  que  o  auditor  da  receita 
    municipal  entende  que  o  referido  imposto  era  devido  à  alíquota  de  5%.  A  empresa  em  questão 
    recorreu  da  autuação,  por  estar  fundamentada  em  pareceres  e  estudos  técnicos  de  seus  advogados 
    tributaristas. Considerando que o valor em questão é significativo, qual é a providência a ser tomada a 
    fim  de  refletir  esse  fato  adequadamente  nas  demonstrações  financeiras  do  exercício  a  ser  encerrado 
    em 31/12/X0? 
     
    a) Proceder ao pagamento da notificação da fiscalização. 
    b) Constituir uma provisão para contingências. 
    c) Constituir uma reserva para contingências. 
    d) Provisionar  o  valor  a  pagar  no  exigível  a  longo  prazo,  em  virtude  da  morosidade  desse  tipo  de 
         decisão. 
    e) Divulgar o fato no relatório da administração e não efetuar qualquer registro na contabilidade. 
 
14) A empresa Merck lançou em 1999 o antiinflamatório Vioxx. O medicamento teve uma grande aceitação 
    entre  os  médicos  no  tratamento  da  artrite.  Em  2004,  a  empresa  retirou  o  medicamento  do  mercado 
    em virtude do risco de ataque cardíaco. Inúmeros pacientes e familiares entraram com ação na justiça, 
    solicitando uma indenização. Como você classificaria o litígio para a empresa? 
    Deve ser classificado como uma Contingência. 
                                                                                                                                                            2 
     
Teoria da Contabilidade II                                                                                                               Prof. Moreira 
     
15) O pagamento de assinatura de revistas, recebido antecipadamente, é contabilizado como: 
     
    a) Contra‐conta de assinaturas de revista a receber, no lado do ativo no balanço. 
    b) Receita diferida no lado do passivo no balanço. 
    c) Receita diferida na seção de patrimônio líquido no balanço. 
    d) Receita de assinaturas de revista na demonstração do resultado do período em que é recebida. 
 
  
 
     
      




                                                                                                                                                      3 
    

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Exercicios contabilidade principios e convencoes
Exercicios contabilidade  principios e convencoesExercicios contabilidade  principios e convencoes
Exercicios contabilidade principios e convencoescapitulocontabil
 
Contabilidade geral ii slides escrituracao
Contabilidade geral ii slides escrituracaoContabilidade geral ii slides escrituracao
Contabilidade geral ii slides escrituracaocapitulocontabil
 
Aula 07 contabilidade
Aula 07 contabilidadeAula 07 contabilidade
Aula 07 contabilidadecontacontabil
 
Contabilidade aula 03 debito credito saldo
Contabilidade aula 03 debito credito saldoContabilidade aula 03 debito credito saldo
Contabilidade aula 03 debito credito saldocapitulocontabil
 
Contabilidade de custos exercicios revisao
Contabilidade de custos exercicios revisaoContabilidade de custos exercicios revisao
Contabilidade de custos exercicios revisaocustos contabil
 
Cap 4 fontes de financiamento
Cap 4   fontes de financiamentoCap 4   fontes de financiamento
Cap 4 fontes de financiamentoFEARP/USP
 
Exercicios resolvidos contabilidade aula 08 cathedra icms-rj
Exercicios resolvidos contabilidade   aula 08 cathedra icms-rjExercicios resolvidos contabilidade   aula 08 cathedra icms-rj
Exercicios resolvidos contabilidade aula 08 cathedra icms-rjcontacontabil
 
Banco do brasil escrituário
Banco do brasil escrituárioBanco do brasil escrituário
Banco do brasil escrituárioPaulo Junior
 
Exercicios resolvidos contabilidade geral aula 14 cathedra
Exercicios resolvidos contabilidade geral   aula 14 cathedraExercicios resolvidos contabilidade geral   aula 14 cathedra
Exercicios resolvidos contabilidade geral aula 14 cathedracontacontabil
 
Apostila 03 metodo das partidas dobradas
Apostila 03   metodo das partidas dobradasApostila 03   metodo das partidas dobradas
Apostila 03 metodo das partidas dobradaszeramento contabil
 
Apostila contabilidade mod.iv
Apostila contabilidade mod.ivApostila contabilidade mod.iv
Apostila contabilidade mod.ivsimuladocontabil
 

Mais procurados (19)

Aula escrituração
Aula   escrituraçãoAula   escrituração
Aula escrituração
 
Exercicios contabilidade principios e convencoes
Exercicios contabilidade  principios e convencoesExercicios contabilidade  principios e convencoes
Exercicios contabilidade principios e convencoes
 
Metodo partidas dobradas
Metodo partidas dobradasMetodo partidas dobradas
Metodo partidas dobradas
 
Contabilidade geral ii slides escrituracao
Contabilidade geral ii slides escrituracaoContabilidade geral ii slides escrituracao
Contabilidade geral ii slides escrituracao
 
Aula 07 contabilidade
Aula 07 contabilidadeAula 07 contabilidade
Aula 07 contabilidade
 
Contabilidade aula 03 debito credito saldo
Contabilidade aula 03 debito credito saldoContabilidade aula 03 debito credito saldo
Contabilidade aula 03 debito credito saldo
 
Contabilidade de custos exercicios revisao
Contabilidade de custos exercicios revisaoContabilidade de custos exercicios revisao
Contabilidade de custos exercicios revisao
 
Cap 4 fontes de financiamento
Cap 4   fontes de financiamentoCap 4   fontes de financiamento
Cap 4 fontes de financiamento
 
Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00
 
Exercicios resolvidos contabilidade aula 08 cathedra icms-rj
Exercicios resolvidos contabilidade   aula 08 cathedra icms-rjExercicios resolvidos contabilidade   aula 08 cathedra icms-rj
Exercicios resolvidos contabilidade aula 08 cathedra icms-rj
 
Banco do brasil escrituário
Banco do brasil escrituárioBanco do brasil escrituário
Banco do brasil escrituário
 
Conceito de factoring
Conceito de factoringConceito de factoring
Conceito de factoring
 
Exercicios resolvidos contabilidade geral aula 14 cathedra
Exercicios resolvidos contabilidade geral   aula 14 cathedraExercicios resolvidos contabilidade geral   aula 14 cathedra
Exercicios resolvidos contabilidade geral aula 14 cathedra
 
Ativo circulante
Ativo circulanteAtivo circulante
Ativo circulante
 
Factoring
Factoring Factoring
Factoring
 
Factoring e sua contabilizacao
Factoring e sua contabilizacaoFactoring e sua contabilizacao
Factoring e sua contabilizacao
 
Recurso%20 Iss Rj
Recurso%20 Iss RjRecurso%20 Iss Rj
Recurso%20 Iss Rj
 
Apostila 03 metodo das partidas dobradas
Apostila 03   metodo das partidas dobradasApostila 03   metodo das partidas dobradas
Apostila 03 metodo das partidas dobradas
 
Apostila contabilidade mod.iv
Apostila contabilidade mod.ivApostila contabilidade mod.iv
Apostila contabilidade mod.iv
 

Destaque

123eWireless 123-1DMDM-35-PA
123eWireless 123-1DMDM-35-PA123eWireless 123-1DMDM-35-PA
123eWireless 123-1DMDM-35-PAsavomir
 
The Kajmak GI system, by Marguerite Paus and Magali Estève (Agridea) (English)
The Kajmak GI system, by Marguerite Paus and Magali Estève (Agridea) (English)The Kajmak GI system, by Marguerite Paus and Magali Estève (Agridea) (English)
The Kajmak GI system, by Marguerite Paus and Magali Estève (Agridea) (English)ExternalEvents
 
Enfoques metodologicos
Enfoques metodologicosEnfoques metodologicos
Enfoques metodologicosMauro Alfonzo
 
Newmar PM-18-4.5
Newmar PM-18-4.5Newmar PM-18-4.5
Newmar PM-18-4.5savomir
 
Elit 17 class 9n richard iii
Elit 17 class 9n richard iiiElit 17 class 9n richard iii
Elit 17 class 9n richard iiijordanlachance
 
Presentation of the case of Spanish wines, by Maria Loureiro (University of S...
Presentation of the case of Spanish wines, by Maria Loureiro (University of S...Presentation of the case of Spanish wines, by Maria Loureiro (University of S...
Presentation of the case of Spanish wines, by Maria Loureiro (University of S...ExternalEvents
 
Mis metas muñoz
Mis metas muñozMis metas muñoz
Mis metas muñozarengas
 
Characteristics of Non Fluent aphasia
Characteristics of Non Fluent aphasiaCharacteristics of Non Fluent aphasia
Characteristics of Non Fluent aphasiaArooba Dev
 
La consideración del concepto de cadena agroalimentaria en los procesos de id...
La consideración del concepto de cadena agroalimentaria en los procesos de id...La consideración del concepto de cadena agroalimentaria en los procesos de id...
La consideración del concepto de cadena agroalimentaria en los procesos de id...ExternalEvents
 
Ñengo florero
Ñengo floreroÑengo florero
Ñengo floreroDawnofwar
 
KurtPortelliMastersDissertation
KurtPortelliMastersDissertationKurtPortelliMastersDissertation
KurtPortelliMastersDissertationKurt Portelli
 

Destaque (16)

123eWireless 123-1DMDM-35-PA
123eWireless 123-1DMDM-35-PA123eWireless 123-1DMDM-35-PA
123eWireless 123-1DMDM-35-PA
 
The Kajmak GI system, by Marguerite Paus and Magali Estève (Agridea) (English)
The Kajmak GI system, by Marguerite Paus and Magali Estève (Agridea) (English)The Kajmak GI system, by Marguerite Paus and Magali Estève (Agridea) (English)
The Kajmak GI system, by Marguerite Paus and Magali Estève (Agridea) (English)
 
Enfoques metodologicos
Enfoques metodologicosEnfoques metodologicos
Enfoques metodologicos
 
Pinceladas.
Pinceladas.Pinceladas.
Pinceladas.
 
Newmar PM-18-4.5
Newmar PM-18-4.5Newmar PM-18-4.5
Newmar PM-18-4.5
 
Números reales
Números realesNúmeros reales
Números reales
 
Elit 17 class 9n richard iii
Elit 17 class 9n richard iiiElit 17 class 9n richard iii
Elit 17 class 9n richard iii
 
Dehesa [autoguardado]
Dehesa [autoguardado]Dehesa [autoguardado]
Dehesa [autoguardado]
 
Que es un LMS
Que es un LMSQue es un LMS
Que es un LMS
 
Presentation of the case of Spanish wines, by Maria Loureiro (University of S...
Presentation of the case of Spanish wines, by Maria Loureiro (University of S...Presentation of the case of Spanish wines, by Maria Loureiro (University of S...
Presentation of the case of Spanish wines, by Maria Loureiro (University of S...
 
Mis metas muñoz
Mis metas muñozMis metas muñoz
Mis metas muñoz
 
Characteristics of Non Fluent aphasia
Characteristics of Non Fluent aphasiaCharacteristics of Non Fluent aphasia
Characteristics of Non Fluent aphasia
 
Anna Krzyzanowska - Head of Broadband Unit, DG Connect, European Commission
Anna Krzyzanowska - Head of Broadband Unit, DG Connect, European CommissionAnna Krzyzanowska - Head of Broadband Unit, DG Connect, European Commission
Anna Krzyzanowska - Head of Broadband Unit, DG Connect, European Commission
 
La consideración del concepto de cadena agroalimentaria en los procesos de id...
La consideración del concepto de cadena agroalimentaria en los procesos de id...La consideración del concepto de cadena agroalimentaria en los procesos de id...
La consideración del concepto de cadena agroalimentaria en los procesos de id...
 
Ñengo florero
Ñengo floreroÑengo florero
Ñengo florero
 
KurtPortelliMastersDissertation
KurtPortelliMastersDissertationKurtPortelliMastersDissertation
KurtPortelliMastersDissertation
 

Semelhante a Gabarito exercicios passivo

Teoria da contabilidade ii exercicios passivo
Teoria da contabilidade ii exercicios passivoTeoria da contabilidade ii exercicios passivo
Teoria da contabilidade ii exercicios passivogabaritocontabil
 
Contabilidade geral i cap 11 gabarito - pfc
Contabilidade geral i cap 11   gabarito - pfcContabilidade geral i cap 11   gabarito - pfc
Contabilidade geral i cap 11 gabarito - pfcgabaritocontabil
 
Apostila contabilidade exercicios ii
Apostila contabilidade exercicios iiApostila contabilidade exercicios ii
Apostila contabilidade exercicios iicapitulocontabil
 
Apostila contabilidade exercicios ii
Apostila contabilidade exercicios iiApostila contabilidade exercicios ii
Apostila contabilidade exercicios iiapostilacontabil
 
Exercicios resolvidos contabilidade geral aula 14 cathedra
Exercicios resolvidos contabilidade geral   aula 14 cathedraExercicios resolvidos contabilidade geral   aula 14 cathedra
Exercicios resolvidos contabilidade geral aula 14 cathedracathedracontabil
 
Balanço patrimonial passivo e pl vf lfg
Balanço patrimonial passivo e pl vf lfgBalanço patrimonial passivo e pl vf lfg
Balanço patrimonial passivo e pl vf lfgLane78
 
Comun 046 2012 associados anexo informativo notícias cecafé - 3ª edicao
Comun 046 2012 associados anexo informativo notícias cecafé - 3ª edicaoComun 046 2012 associados anexo informativo notícias cecafé - 3ª edicao
Comun 046 2012 associados anexo informativo notícias cecafé - 3ª edicaoLuiz Valeriano
 
Empréstimos e financiamentos contabilidade
Empréstimos e financiamentos contabilidadeEmpréstimos e financiamentos contabilidade
Empréstimos e financiamentos contabilidadezeramento contabil
 
Títulos caucionados contabeis
Títulos caucionados contabeisTítulos caucionados contabeis
Títulos caucionados contabeiszeramento contabil
 
A2 cco6 laboratorio_de_gestao_contabil_tema_1_impressao
A2 cco6 laboratorio_de_gestao_contabil_tema_1_impressaoA2 cco6 laboratorio_de_gestao_contabil_tema_1_impressao
A2 cco6 laboratorio_de_gestao_contabil_tema_1_impressaoRoberta Faria
 

Semelhante a Gabarito exercicios passivo (20)

Teoria da contabilidade ii exercicios passivo
Teoria da contabilidade ii exercicios passivoTeoria da contabilidade ii exercicios passivo
Teoria da contabilidade ii exercicios passivo
 
Contabilidade geral i cap 11 gabarito - pfc
Contabilidade geral i cap 11   gabarito - pfcContabilidade geral i cap 11   gabarito - pfc
Contabilidade geral i cap 11 gabarito - pfc
 
Exercicios contabeis 04
Exercicios contabeis 04Exercicios contabeis 04
Exercicios contabeis 04
 
Recurso iss rj
Recurso iss rjRecurso iss rj
Recurso iss rj
 
Duplicatas descontadas
Duplicatas descontadasDuplicatas descontadas
Duplicatas descontadas
 
Apostila contabilidade exercicios ii
Apostila contabilidade exercicios iiApostila contabilidade exercicios ii
Apostila contabilidade exercicios ii
 
Apostila contabilidade exercicios ii
Apostila contabilidade exercicios iiApostila contabilidade exercicios ii
Apostila contabilidade exercicios ii
 
Classifique os custos 15
Classifique os custos 15Classifique os custos 15
Classifique os custos 15
 
Exercont adm3
Exercont adm3Exercont adm3
Exercont adm3
 
Exercicios resolvidos contabilidade geral aula 14 cathedra
Exercicios resolvidos contabilidade geral   aula 14 cathedraExercicios resolvidos contabilidade geral   aula 14 cathedra
Exercicios resolvidos contabilidade geral aula 14 cathedra
 
Balanço patrimonial passivo e pl vf lfg
Balanço patrimonial passivo e pl vf lfgBalanço patrimonial passivo e pl vf lfg
Balanço patrimonial passivo e pl vf lfg
 
Comun 046 2012 associados anexo informativo notícias cecafé - 3ª edicao
Comun 046 2012 associados anexo informativo notícias cecafé - 3ª edicaoComun 046 2012 associados anexo informativo notícias cecafé - 3ª edicao
Comun 046 2012 associados anexo informativo notícias cecafé - 3ª edicao
 
Empréstimos e financiamentos contabilidade
Empréstimos e financiamentos contabilidadeEmpréstimos e financiamentos contabilidade
Empréstimos e financiamentos contabilidade
 
Exercicios contabeis 01
Exercicios contabeis 01Exercicios contabeis 01
Exercicios contabeis 01
 
Exercicios contabilidade
Exercicios contabilidadeExercicios contabilidade
Exercicios contabilidade
 
Aula08
Aula08Aula08
Aula08
 
CONTABILIDADE PÚBLICA
CONTABILIDADE PÚBLICA CONTABILIDADE PÚBLICA
CONTABILIDADE PÚBLICA
 
Títulos caucionados contabeis
Títulos caucionados contabeisTítulos caucionados contabeis
Títulos caucionados contabeis
 
Aula 05 _contabilidade_comercial
Aula 05 _contabilidade_comercialAula 05 _contabilidade_comercial
Aula 05 _contabilidade_comercial
 
A2 cco6 laboratorio_de_gestao_contabil_tema_1_impressao
A2 cco6 laboratorio_de_gestao_contabil_tema_1_impressaoA2 cco6 laboratorio_de_gestao_contabil_tema_1_impressao
A2 cco6 laboratorio_de_gestao_contabil_tema_1_impressao
 

Mais de gabaritocontabil

Matematica slides descontos
Matematica slides descontosMatematica slides descontos
Matematica slides descontosgabaritocontabil
 
Matematica slides porcentagem
Matematica slides porcentagemMatematica slides porcentagem
Matematica slides porcentagemgabaritocontabil
 
Matematica slides habitacional2
Matematica slides habitacional2Matematica slides habitacional2
Matematica slides habitacional2gabaritocontabil
 
Matematica slides capitalizacao composta
Matematica slides capitalizacao compostaMatematica slides capitalizacao composta
Matematica slides capitalizacao compostagabaritocontabil
 
Matematica slides amortizacao2
Matematica slides amortizacao2Matematica slides amortizacao2
Matematica slides amortizacao2gabaritocontabil
 
Matematica slides amortizacao3
Matematica slides amortizacao3Matematica slides amortizacao3
Matematica slides amortizacao3gabaritocontabil
 
Matematica slides taxas ii
Matematica slides taxas iiMatematica slides taxas ii
Matematica slides taxas iigabaritocontabil
 
Matematica slides inflacao i
Matematica slides inflacao iMatematica slides inflacao i
Matematica slides inflacao igabaritocontabil
 
Matematica slides amortiza o_ii
Matematica slides amortiza o_iiMatematica slides amortiza o_ii
Matematica slides amortiza o_iigabaritocontabil
 
Matematica gabarito revisao
Matematica gabarito revisaoMatematica gabarito revisao
Matematica gabarito revisaogabaritocontabil
 
Apostila matematica aplicada
Apostila matematica aplicadaApostila matematica aplicada
Apostila matematica aplicadagabaritocontabil
 
Apostila matematica basica
Apostila matematica basicaApostila matematica basica
Apostila matematica basicagabaritocontabil
 
Matematica exercicios lista amortiza_o_i_gabarito2
Matematica exercicios lista amortiza_o_i_gabarito2Matematica exercicios lista amortiza_o_i_gabarito2
Matematica exercicios lista amortiza_o_i_gabarito2gabaritocontabil
 
Matematica lista 7 -_amortiza_o_ii__gabarito
Matematica lista 7 -_amortiza_o_ii__gabaritoMatematica lista 7 -_amortiza_o_ii__gabarito
Matematica lista 7 -_amortiza_o_ii__gabaritogabaritocontabil
 

Mais de gabaritocontabil (20)

Matematica slides descontos
Matematica slides descontosMatematica slides descontos
Matematica slides descontos
 
Matematica slides porcentagem
Matematica slides porcentagemMatematica slides porcentagem
Matematica slides porcentagem
 
Matematica basica i
Matematica basica iMatematica basica i
Matematica basica i
 
Matematica slides habitacional2
Matematica slides habitacional2Matematica slides habitacional2
Matematica slides habitacional2
 
Matematica slides capitalizacao composta
Matematica slides capitalizacao compostaMatematica slides capitalizacao composta
Matematica slides capitalizacao composta
 
Matematica slides amortizacao2
Matematica slides amortizacao2Matematica slides amortizacao2
Matematica slides amortizacao2
 
Matematica slides amortizacao3
Matematica slides amortizacao3Matematica slides amortizacao3
Matematica slides amortizacao3
 
Matematica slides taxas ii
Matematica slides taxas iiMatematica slides taxas ii
Matematica slides taxas ii
 
Matematica uniformes
Matematica uniformesMatematica uniformes
Matematica uniformes
 
Matematica slides taxas
Matematica slides taxasMatematica slides taxas
Matematica slides taxas
 
Matematica slides taxas2
Matematica slides taxas2Matematica slides taxas2
Matematica slides taxas2
 
Matematica slides inflacao i
Matematica slides inflacao iMatematica slides inflacao i
Matematica slides inflacao i
 
Matematica slides amortiza o_ii
Matematica slides amortiza o_iiMatematica slides amortiza o_ii
Matematica slides amortiza o_ii
 
Matematica discreta
Matematica discretaMatematica discreta
Matematica discreta
 
Matematica gabarito revisao
Matematica gabarito revisaoMatematica gabarito revisao
Matematica gabarito revisao
 
Apostila matematica aplicada
Apostila matematica aplicadaApostila matematica aplicada
Apostila matematica aplicada
 
Apostila matematica basica
Apostila matematica basicaApostila matematica basica
Apostila matematica basica
 
Matematica lista revisao
Matematica lista revisaoMatematica lista revisao
Matematica lista revisao
 
Matematica exercicios lista amortiza_o_i_gabarito2
Matematica exercicios lista amortiza_o_i_gabarito2Matematica exercicios lista amortiza_o_i_gabarito2
Matematica exercicios lista amortiza_o_i_gabarito2
 
Matematica lista 7 -_amortiza_o_ii__gabarito
Matematica lista 7 -_amortiza_o_ii__gabaritoMatematica lista 7 -_amortiza_o_ii__gabarito
Matematica lista 7 -_amortiza_o_ii__gabarito
 

Último

Testes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfTestes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfCsarBaltazar1
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdfaulasgege
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdfCarinaSofiaDiasBoteq
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialDouglasVasconcelosMa
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...Eró Cunha
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...marioeugenio8
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaHenrique Santos
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"Ilda Bicacro
 
472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...
472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...
472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...GisellySobral
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxIlda Bicacro
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfAndersonW5
 
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxIlda Bicacro
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxprofbrunogeo95
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxKeslleyAFerreira
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASAPRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASricardo644666
 
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdfApostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdflbgsouza
 

Último (20)

Testes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfTestes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de Infância
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...
472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...
472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.
 
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASAPRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
 
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdfApostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
 

Gabarito exercicios passivo

  • 1. Teoria da Contabilidade II                                                                                                 Prof. Moreira      EXERCÍCIOS  Passivo (gabarito)    1) Defina o que é Passivo.  Passivo  é  o  resultado  econômico  a  ser  sacrificado  no  futuro  em  função  de  dívida  e/ou  obrigações  contraídas  perante  terceiros.  Ou  ainda,  em  outras  palavras,  são  as  obrigações  de  uma  entidade  perante terceiros.    2) Compare  a  definição  de  Passivo  do  Iasb  com  a  definição  dada  pela  Deliberação  CVM  nº  539  de  14.03.2008.  Não há diferenças. As definições são praticamente idênticas.    3) Um passivo normalmente é resultante de uma transação em que uma entidade obtém um recurso  econômico. Cite exemplos de passivos que podem surgir sem a contraprestação deste benefício.  Impostos, Contingências trabalhistas.    4) É  necessária  a  existência  de  uma  base  contratual  para  o  reconhecimento  de  um  passivo?  Justifique.  Não. Apesar de existirem diversos passivos que originam de contratos assinados (empréstimos),  a  existência  de  uma  base  contratual  não  é  necessária,  pois  nem  todo  passivo  nasce  de  um  documento jurídico. Alguns passivos podem surgir das operações normais de uma entidade que  não  necessitam  de  um  contrato,  como  é  o  caso  da  compra  de  mercadorias  a  prazo  de  um  fornecedor habitual da entidade.     5) Quais as formas de liquidação de uma exigibilidade?  Pagamento em dinheiro; Transferência de outros ativos; Prestação de serviços; Substituição de  uma obrigação por outra; Conversão de uma obrigação em capital.    6) Qual a diferença entre Passivo Oneroso e Passivo não Oneroso?  Passivo  Oneroso  é  aquele  que  está  custando  à  empresa,  mensalmente,  juros  e  encargos  bancários: Financiamentos, Empréstimos Bancários etc.  Passivo  não  Oneroso  é  aquele  com  o  qual  a  empresa  não  paga  encargos  financeiros:  Salários,  Fornecedores etc.    7) Qual a diferença entre uma exigibilidade normal e uma exigibilidade contingente?  Exigibilidade  normal:  passivo  cujo  montante  e  data  de  vencimento  são  conhecidos.  Exigibilidade  contingente: passivo que será confirmado por um evento posterior, e cujo montante exato ou data  de vencimento são desconhecidos.     8) Existe diferença entre uma provisão e uma contingência? Justifique.  Sim.  Provisão:  passivo  incerto  quanto  à  quantia  ou  data  de  vencimento.  Contingência:  passivo  que  será confirmado por um evento posterior.    9) A  provisão  corresponde  a  um  passivo  com  montante  ou  tempo  incerto.  Algumas  provisões  são  apresentadas como passivo, mas outras são um ativo, com sinal  negativo. Cite exemplos de provisão  classificada do lado do passivo e do lado do ativo.  Do  lado  do  passivo,  uma  provisão  para  pagamento  de  um  tributo,  férias,  13º  Terceiro.  Do  lado  do  ativo, a provisão para crédito de liquidação duvidosa.    1   
  • 2. Teoria da Contabilidade II                                                                                                 Prof. Moreira    10) Um  correntista  ganhou  uma  ação  milionária  contra  o  Bradesco.  O  juiz  determinou  que  o  valor  a  ser  pago fosse corrigido pela taxa de juros que esta instituição financeira utilizou para o cheque especial  dos seus clientes, o que levou a uma estimativa de pagamento de R$ 2 bilhões.    a) Qual  o  valor  que  deveria  estar  registrado  no  passivo  do  Bradesco  após  o  julgamento,  que  resultou numa sentença de R$ 2 bilhões?   Se o banco tiver intenção de entrar com recurso numa outra instância, pode‐se determinar o  valor esperado diante da possibilidade (pequena) do correntista continuar ganhando a ação  com esse valor. Assim, o banco não precisaria registrar um passivo de R$ 2 bilhões.  b) Considere que o Bradesco entrou com um recurso para reduzir o valor a ser pago. Qual o valor  que deveria constar do passivo do banco? Qual seria a contrapartida para registro do passivo?  A  alternativa  anterior  continua  válida.  A  contrapartida  do  registro  seria  uma  conta  de  resultado.    11) No final do ano milhares de consumidores comprar vale‐presente. Estes vales podem ser trocados nas  lojas  por  mercadorias  como  livros,  DVDs  e  outros.  Entretanto,  uma  parte  significativa  dos  vales‐ presentes não é trocada pelos clientes. Considere uma loja que vende um “vale‐presente” e que 10%  das vendas não são trocadas. O vale‐presente enquadra‐se na definição de passivo? Qual o valor que  deveria ser reconhecido pela loja?   Enquadra‐se na definição de passivo. A loja já deve considerar que algumas pessoas não irão trocar o  vale presente. Nesse caso, deve constar do passivo somente 90% dos vales vendidos.    12) Segundo  a  Lei  6.404/76  todos  os  encargos  e  custos  reconhecidos  e  calculáveis  devem  ser  provisionados.  Contudo,  as  autoridades  não  reconhecem  como  dedutíveis  determinadas  provisões,  conforme a legislação do Imposto de Renda. Assinale a alternativa correspondente aos procedimentos  contábeis adequados nessas circunstâncias:    a) Contabilizar somente as provisões aceitas como dedutíveis pelo Fisco.  b) Ajustas as provisões não dedutíveis nos livros fiscais.  c) Ajustar as provisões dedutíveis nos livros contábeis  d) Ajustar as provisões dedutíveis nos livros fiscais.  e) Ajustar as provisões não dedutíveis nos livros contábeis.    13) Uma  empresa  prestadora  de  serviços  recolhe,  desde  o  início  de  suas  atividades,  o  Imposto  sobre  Serviço  à  alíquota  de  2%.  Em  30/07/X0  foi  fiscalizada  e  autuada,  visto  que  o  auditor  da  receita  municipal  entende  que  o  referido  imposto  era  devido  à  alíquota  de  5%.  A  empresa  em  questão  recorreu  da  autuação,  por  estar  fundamentada  em  pareceres  e  estudos  técnicos  de  seus  advogados  tributaristas. Considerando que o valor em questão é significativo, qual é a providência a ser tomada a  fim  de  refletir  esse  fato  adequadamente  nas  demonstrações  financeiras  do  exercício  a  ser  encerrado  em 31/12/X0?    a) Proceder ao pagamento da notificação da fiscalização.  b) Constituir uma provisão para contingências.  c) Constituir uma reserva para contingências.  d) Provisionar  o  valor  a  pagar  no  exigível  a  longo  prazo,  em  virtude  da  morosidade  desse  tipo  de  decisão.  e) Divulgar o fato no relatório da administração e não efetuar qualquer registro na contabilidade.    14) A empresa Merck lançou em 1999 o antiinflamatório Vioxx. O medicamento teve uma grande aceitação  entre  os  médicos  no  tratamento  da  artrite.  Em  2004,  a  empresa  retirou  o  medicamento  do  mercado  em virtude do risco de ataque cardíaco. Inúmeros pacientes e familiares entraram com ação na justiça,  solicitando uma indenização. Como você classificaria o litígio para a empresa?  Deve ser classificado como uma Contingência.  2   
  • 3. Teoria da Contabilidade II                                                                                                 Prof. Moreira    15) O pagamento de assinatura de revistas, recebido antecipadamente, é contabilizado como:    a) Contra‐conta de assinaturas de revista a receber, no lado do ativo no balanço.  b) Receita diferida no lado do passivo no balanço.  c) Receita diferida na seção de patrimônio líquido no balanço.  d) Receita de assinaturas de revista na demonstração do resultado do período em que é recebida.              3