SlideShare uma empresa Scribd logo
Bibliotecas de hoje e do futuro:
entendendo a revolução informacional em curso
WORKSHOP - 7 de julho de 2013 - Sala 15 – das 9h00 às 13h00
Moderadora: Suely de Brito Clemente Soares
Mestre em Educação, Ciência e Tecnologia (FE, UNICAMP)
Ministra disciplina Bibliotecas Digitais no
MBA Gestão de Unidades de Informação da UNICEP, São Carlos, SP
Profa. de EaD desde 2000, Palestrante, Consultora em OJS/SEER
Sócia da Content Mind Capacitação Profissional Ltda.
suelybcs@contentmind.com.br – http://slideshare.net/suelybcs
Bibliotecas de hoje e do futuro:
entendendo a revolução informacional em curso
Profa. MSc. Suely de Brito Clemente Soares
A internet é a revolução que está provocando mudanças radicais no sistema informacional
vertical vigente há séculos, especialmente após a globalização do uso cotidiano da web por
pessoas comuns. A web abre o mundo para as pessoas. A informação não é mais distribuída
de forma vertical. Estamos vivenciando a horizontalização da informação a partir das redes
sociais, de movimentos como acesso aberto à informação científica, entre outros. O sistema
informacional vertical está se tornando horizontal. Como esta revolução informacional afeta
as bibliotecas de hoje? Seus serviços e produtos? Até que ponto os profissionais estão
preparados para a biblioteca do futuro? Quais as tendências da biblioteca do futuro?
SOARES, S. B. C., 7julho2013
Apresentação licenciada por uma licença Creative Commons
Na sua visão, como será a biblioteca do futuro ?
Escreva os tópicos principais no bloco que recebeu
Sua visão sobre biblioteca do futuro
INFRAESTRUTURA PEOPLEWARE PRODUTOS/SERVIÇOS
1 Revolução em curso
2 Tecnologias digitais
3 Contexto informacional atual
4 Bibliotecas de hoje
5 Bibliotecas do futuro
1 Revolução em curso
2 Tecnologias digitais
3 Contexto informacional atual
4 Bibliotecas de hoje
5 Bibliotecas do futuro
O que é uma revolução informacional?
Estamos vivenciando uma evolução ou revolução?
Marque características em tópicos
EVOLUÇÃO TECNOLÓGICA REVOLUÇÃO TECNOLÓGICA
“2.0” = compartilhar é um privilégio
• Somos seres sociais = dependemos uns dos outros
• Dependência se resolve
com comunicação
• Comunicação poderá gerar um documento
[sonoro, textual, audiovisual]
• Documentos hipermídia
compartilhados
em redes
não de máquinas
mas de pessoas
COMUNICAÇÃO MEDIATIZADA PELAS TIC
séc XX:
De 1 para muitos (Rádio – TV – web 1.0)
De 1 para 1 - via de mão dupla (telefone)
séc XXI: hipermídia
Wifi - online - tátil - móvel
e de muitos para muitos
(web 2.0, 3.0, 4.0)
Redes Sociais
SOMOS PRIVILEGIADOS!
Revolução: Espaço > Tempo > Velocidade > Quantidade
Revolução informacional > Ruptura 2.0
Estamos vivenciando + 1 Revolução aqui e agora!
Sistema informacional vertical (x) ou (+) ? horizontal
3 grandes revoluções informacionais
Escrita (4 mil a.C.) > Imprensa (séc XV) > Internet/web (séc XX-)
Horizontalização da informação > mídias sociais
produção/distribuição/armazenamento/recuperação/preservação
RUPTURA 2.0 > revolução nos filtros de informação
homem na lua > NASA
Terremoto/Tsunami no Japão > pessoas comuns – Manifestações (redes sociais)
Paradigma informacional vertical
Paradigma informacional horizontal
http://vimeo.com/69417938# ENXAMEAMENTO = SWARMING
http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2013/06/130627_snowden_wikileaks_gm.shtml
http://www.anonymousbrasil.com/brasil/
http://olhardigital.uol.com.br/jovem/redes_sociais/noticias/twitter-encabeca-transformacao-do-idioma-ingles
As forças policiais também podem reconhecer manifestantes sem os ver. Alguns
policiais, nos Estados Unidos, têm um kit que consegue registrar o código de
identificação de todos os telefones celulares de uma determinada área e os policiais
também podem pedir, ou apreender, os dados das próprias operadoras telefônicas
Nesse meio tempo, a tecnologia também pode ser usada pelos poderosos.
Manifestantes na Turquia e no Brasil dizem que seu acesso móvel à internet foi
asfixiado mas a culpa pode ser da congestão, e não de censura. As instruções
enviadas pelas redes sociais são facilmente monitoradas pela polícia. Imagens feitas
por amadores fornecem às autoridades os registros visuais dos participantes
Fonte:http://www.observatoriodaimprensa.com.br/ Quinta-feira, 4Jul2013 Ano 17, nº 753
“As redes sociais são a pior ameaça à sociedade”, disse Recep Tayyip
Erdogan, primeiro-ministro da Turquia, no dia 2 de junho. Esses temores deliciam os
dissidentes. No Brasil, cartazes dos manifestantes provocam as autoridades com
frases como “Saímos do Facebook”
Assim, ainda que a audiência seja massivamente
dirigida ao mainstream da mídia tradicional, o
fenômeno do jornalismo cooperativo ganha mais
credibilidade, porque seus agentes atuam no meio da
multidão, postando imediatamente as imagens e
entrevistas, sem edição. Essa “mídia sem filtro” tem
como principal paradigma o movimento conhecido como
NINJA, denominação para Narrativas
Independentes, Jornalismo e Ação, um coletivo de
jornalistas, estudantes e outros profissionais que
produzem documentários, reportagens e coberturas
diretas de eventos que não estão necessariamente na
pauta da imprensa tradicional. O movimento, ainda
recente, tem chamado a atenção de pesquisadores e
representa um fenômeno a ser observado no contexto
de mudanças trazidas pelo desenvolvimento das
tecnologias digitais
Fonte: http://www.observatoriodaimprensa.com.br/news/view/a_midia_sem_filtro
http://oglobo.globo.com/infograficos/bigdata/
1 Revolução em curso
2 Tecnologias digitais
3 Contexto informacional atual
4 Bibliotecas de hoje
5 Bibliotecas do futuro
Quais tecnologias digitais vc utiliza diariamente?
Vc sabe diferenciar tecnologias cognitivas
das não cognitivas?
Fonte: http://www.slideshare.net/cnepomuceno/formigas-17207707?from_search=16
Fonte: http://www.slideshare.net/cnepomuceno/formigas-17207707?from_search=16
Fonte: http://www.slideshare.net/cnepomuceno/formigas-17207707?from_search=16
Fonte: http://www.slideshare.net/cnepomuceno/formigas-17207707?from_search=16
Impresso (e/ou) digital/on-line > multi...
Móvel Tátil Sem fio
Como o movimento ruptura 2.0 impactou
a nossa vida profissional ?
Quais as principais características do
sistema informacional horizontal ?
HÍBRIDO
DESTERRITORIALIZADO
ATEMPORAL
RASTREÁVEL
Personalizável
CONECTADO
SÍNCRONO
COLABORATIVO
customizável
interoperável
embed > “embedável”?
compartilhável
autodidata
móvel
hipertextual
tátil
hipemídia
interativo
“Tagueável?”
“curtível?”
http://www.contentmind.com.br
Skype agora é da Microsoft e “aposentou” o MSN
1 Revolução em curso
2 Tecnologias digitais
3 Contexto informacional atual
4 Bibliotecas de hoje
5 Bibliotecas do futuro
Vc passa a maior parte do seu dia
conectado ou desconectado? Por quê?
http://agencia.fapesp.br/17463
Interoperabilidade entre redes sociais
Facebook ou Google+: qual é melhor?
Ainda que os números apontem grandes diferenças, a batalha é de
gigantes. De um lado, a rede de Mark Zuckerberg, com cerca de 1
bilhão de usuários; do outro, a segunda maior rede social do
planeta, o Google+, que vem conquistando e agradando cada vez
mais usuários - alguns, inclusive, “roubados” do Facebook.
https://plus.google.com
Como assistir a um vídeo do YouTube legendado?
Clique dentro do vídeo. Depois clique, no rodapé do vídeo, no ícone
em vermelho cc. Depois clique em traduzir legenda. Role a barra
de rolagem à direita da lista de idiomas e escolha português.
http://youtu.be/azIW1xjSTCo
Do you
love
Google
Por que Google é um dos símbolos da época em que estamos vivendo?
Porque vc fala/entende/compartilha a linguagem que Google representa
Geração Google = nascidos 1993+
Do you
hate
Google ?
Do you
Speak
Google?
Do you
ignore
Google?
What do you
think about
Google?
Google celular > para rastrear?
Google Street View
http://www.exploreostreetview.com.br/
Google Drive
Google Drive é um serviço de armazenamento e sincronização de arquivos
Incorporou o DOCS - Google Drive dá ao usuário 5GB grátis
Requer pagamento Não (paga-se comprando mais espaço)
Cadastro Público
Gênero Serviço de hospedagem e backup de arquivos
País de origem Múltiplos
Idiomas Múltiplos
Lançamento 24 de abril de 2012
Desenvolvedor Google
Proprietário Google
URL https://drive.google.com
Portal Tecnologias da informação
SkyDrive da Microsoft
http://itunes.apple.com/br/app/skydrive/id477537958?ls=1&mt=8
https://www.dropbox.com/
1 Revolução em curso
2 Tecnologias digitais
3 Contexto informacional atual
4 Bibliotecas de hoje
5 Bibliotecas do futuro
Presenciais
Digitais
Híbridas
Como vc diferencia produtos e serviços das
bibliotecas presenciais, digitais e híbridas?
http://www.tempresto.com.br
http://www.simplissimo.com.br/
http://www.nuvemdelivros.com.br/vivo
http://livroaberto.ibict.br/about/sobre.jsp
http://books.google.com.br/
https://www.facebook.com/pages/Biblioth%C3%A8ques-du-Monde/460771047292565
Biblioteca Nacional, Rio de Janeiro
http://bibliotecadesaopaulo.org.br/2012/09/24/livros-bebes-e-muito-mais/
http://bibliotecadesaopaulo.org.br/
Biblioteca e Centro Cultural – Vennesla – Noruega
Essa é a Biblioteca e Centro Cultural construído em Vennesla, na Noruega.
Esse projeto foi realizado pelo escritório Helen e Hard , vencedores do concurso
realizado em 2009. A nova biblioteca de Vennesla, na Noruega, inclui – além do
espaço da biblioteca propriamente dita – um café, espaços de reunião e convívio
e áreas administrativas e está conectada a um centro comunitário já existente
no local. Com o objetivo de criar um espaço convidativo, todas as funções
públicas do programa foram reunidas em um único e generoso espaço, no qual a
estrutura – que é ao mesmo tempo mobiliário e elemento que permite múltiplas
interfaces espaciais – se torna visível a partir dos diversos espaços internos e
também a partir do exterior. A grande abertura da entrada e a integração visual
dos espaços trazem a vida da cidade para o interior do edifício, adequando o
projeto ao programa do concurso, que demandava da nova edificação a facilidade
de acesso e a integração com o tecido urbano existente. Essa integração foi
alcançada por meio de uma ampla fachada de vidro e de uma galeria no espaço
de entrada, oferecendo um ambiente protegido de transição entre o exterior e o
interior (que inclui bancos e ambiente de convivência).
Fontes dos 4 slides a seguir:
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=505158876165657&set=a.505158816165663.132024.202933813054833&type=3&theater
http://concursosdeprojeto.org/2012/02/23/biblioteca-e-centro-cultural-vennesla-noruega/
Bibliotheca Alexandrina
Construída em homenagem a Biblioteca de
Alexandria, destruída na antiguidade.
Foi inaugurada em 2002, próximo ao local da
antiga biblioteca em Alexandria, Egito
http://www.bibalex.org/Library/main_en.aspx
http://www.bibalex.org/libraries/presentation/static/15310.aspx
http://www.youtube.com/watch?v=BzL8MHbBtiY
Armazenamento
Busca e Entrega
robotizados
http://youtu.be/ESCxYchCaWI
Armazenamento e Recuperação robotizados
http://youtu.be/ESCxYchCaWI
Livros etc. são armazenados por tamanho
http://oglobo.globo.com/blogs/largman/posts/2011/06/01/tecnologia-
inovadora-agiliza-servicos-em-biblioteca-de-chicago-383276.asp
1 Revolução em curso
2 Tecnologias digitais
3 Contexto informacional atual
4 Bibliotecas de hoje
5 Bibliotecas do futuro
Bibliotecas do futuro
Algumas tendências
http://www.slideshare.net/socialbiblio/social-biblio-dmfgvisin2030conceptosprospectivabibliotecas
http://www.wiziq.com/online-class/1257566-visi%C3%B3n-2030-conceptos-de-prospectiva-aplicados-al-futuro-de-biblioteca
http://www.socialbiblio.com/materiales-de-vision-2030-conceptos-de-prospectiva-aplicados-al-futuro-de-biblioteca/
http://www.wiziq.com/online-class/1257566-visi%C3%B3n-2030-conceptos-de-prospectiva-aplicados-al-futuro-de-biblioteca
“People have always been curious about what
lies over the horizon or around the next corner.
Books that speculate about the shape of things
to come, especially those that make precise or
easily digestible predictions, are consistently
popular. But lately, the number of books
seeking to uncover or explain the future has
exploded. The reason for this
which, ironically, no futurist appears to have
foreseen is that rapid technological change and
historic political and economic events have
combined to create a climate that is
characterized by uncertainty, and there is
much anxiety about how civilization may
develop. ”Futurevision: scenarios for the world in 2040” Watson &
http://mundobibliotecario.wordpress.com/2011/10/12/congresso-
internacional-sibiusp-30-anos-o-futuro-do-conhecimento-universal-i/
http://200.144.189.88/30anos/?cat=13
http://techland.time.com/2013/06/25/the-future-of-libraries-short-on-books-long-on-tech/
Espaço de convivência
Ponto de encontro
Filtro de informação
Mediação
Uso gratuito de
recursos e dispositivos
Informação + PRAZER = 5 sentidos
Google Glass
http://youtu.be/V6Tsrg_EQMw
http://youtu.be/7K-4ZF0x5ic
What digital natives want from their library
http://youtu.be/7_zzPBbXjWs
http://youtu.be/DHCxsPeLyQk
E agora? Como está sua visão sobre biblioteca do futuro?
INFRAESTRUTURA PEOPLEWARE PRODUTOS/SERVIÇOS
Leituras recomendadas
BRAGA, Gilda Maria; PINHEIRO, Lena Vania Ribeiro (Org.). Desafios do impresso ao digital: questões contemporâneas
de informação e conhecimento. Brasília: UNESCO; IBICT, 2009. 428 p., il. Disponível em:
http://livroaberto.ibict.br/handle/1/761 Acesso em: 5 jul. 2013.
SOARES, S.B.C. (Org.) STRAUD 2002: tutoriais de acesso às bases de dados on-line, referências e outros recursos
informacionais. São Paulo: Coordenadoria Geral de Bibliotecas - UNESP, 2002. 1 CD-ROM. Apresentações em
PowerPoint.
SOARES, S.B.C.; SANTOS, G.C.; SACRINI, M.; CAMARINHA, R.B. Abordagem conceitual de usabilidade na TVDI =
Conceptual approach to usability in TVDI. In: AMARAL, S.F.; SANTOS, G.C. (ed.) Desenvolvimento de conteúdo para tv
digital: caderno da disciplina PE 221. Campinas, SP: Grupo de Pesquisa LANTEC/FE/UNICAMP, 2005. ISBN: 85-7713-
017-7. Disponível em: http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?code=52708&opt=1 Acesso em: 10 out.
2012.
SOARES, S.B.C. CiberEduc: construção e desenvolvimento de uma comunidade virtual de aprendizagem colaborativa
das TICS, aplicadas ao fazer diário de bibliotecários de referência de universidades brasileiras. 2006. 267 p. Dissertação
(Mestrado em Educação, Ciência e Tecnologia) - Faculdade de Educação, Universidade Estadual de
Campinas, Campinas, SP, 2006. Disponível em: http://libdigi.unicamp.br/document/?code=vtls000384508 . Acesso em:
10 out. 2006.
SOARES, S.B.C; SENEDA, R.M.; FERREIRA, A.; CARVALHO, S.G. Biblioteca digital interativa do campus de Rio Claro -
UNESP: ações idealizadas e em andamento. In: SEMINÁRIO INTERNACIONAL DE BIBLIOTECAS DIGITAIS
BRASIL, 4., 2007, São Paulo. Palestras. São Paulo, CRUESP Bibliotecas, 2007. Disponível em:
http://libdigi.unicamp.br/document/?code=23463 . Acesso em: 30 set. 2007.
SOARES, S.B.C. Pesquisas escolares na internet. Educont: Educação Continuada em Revista, Rio Claro, v. 1, n. 2, 2008.
Disponível em: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/educont/article/view/1695 Acesso em: 31
jan. 2009. [cadastro gratuito obrigatório para acesso ao texto completo]
SOARES, S.B.C. Scholarly communication in the web 2.0 environment: why not?. J. Venom. Anim. Toxins incl. Trop.
Dis, Botucatu, v. 15, n. 1, 2009. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1678-
91992009000100001&lng=pt&nrm=iso . Acesso em: 24 abr. 2011. doi: http://dx.doi.org/10.1590/S1678-
91992009000100001
Fontes de informação validadas
http://nepo.com.br
http://escoladeredes.net/
http://www.shirky.com/
http://olhardigital.uol.com.br/home.php
http://webinsider.com.br/
Grata pela oportunidade
e atenção!
Profa. MSc. Suely de Brito Clemente Soares
SOARES, S. B. C., 7julho2013
Apresentação licenciada por uma licença Creative Commons
suelybcs@contentmind.com.br – http://slideshare.net/suelybcs

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula11 - social media
Aula11 - social mediaAula11 - social media
Aula11 - social media
Marcio Nunes
 
Aula1 2012-1
Aula1   2012-1Aula1   2012-1
Aula1 2012-1
Marco Pinheiro
 
Terminologias
TerminologiasTerminologias
Web 2 0 Nas Organizacoes
Web 2 0 Nas OrganizacoesWeb 2 0 Nas Organizacoes
Web 2 0 Nas Organizacoes
crquevedos
 
Informação e participação
Informação e participaçãoInformação e participação
Informação e participação
Daniel Meirinho
 
A cibercultura e suas leis
A cibercultura e suas leisA cibercultura e suas leis
Módulo 1 cultura digital
Módulo 1   cultura digitalMódulo 1   cultura digital
Módulo 1 cultura digital
Thiago Skárnio
 
Mídias Sociais: A web 2.0 como plataforma de interação e negócios
Mídias Sociais: A web 2.0 como plataforma de interação e negóciosMídias Sociais: A web 2.0 como plataforma de interação e negócios
Mídias Sociais: A web 2.0 como plataforma de interação e negócios
LikeMe.dia
 
Aula1 2012-2
Aula1   2012-2Aula1   2012-2
Aula1 2012-2
Marco Pinheiro
 
Laboratório Audivisual Hipermedia Aula4 22 03
Laboratório Audivisual Hipermedia Aula4 22 03Laboratório Audivisual Hipermedia Aula4 22 03
Laboratório Audivisual Hipermedia Aula4 22 03
Pedro Tavares
 
Sociedade da Informação Uma quase teologia da revolução
Sociedade da InformaçãoUma quase teologia da revoluçãoSociedade da InformaçãoUma quase teologia da revolução
Sociedade da Informação Uma quase teologia da revolução
Luis Borges Gouveia
 
Apresent_enc_bibliotecas sem fronteiras
Apresent_enc_bibliotecas sem fronteirasApresent_enc_bibliotecas sem fronteiras
Apresent_enc_bibliotecas sem fronteiras
Teresa Pombo
 
Cibercultura e sociedade em rede
Cibercultura e sociedade em redeCibercultura e sociedade em rede
Cibercultura e sociedade em rede
Eduardo Matheus
 
Acessibilidade x usabilidade
Acessibilidade x usabilidadeAcessibilidade x usabilidade
Acessibilidade x usabilidade
Domingos Andrade
 
As três gerações do jornalismo na internet
As três gerações do jornalismo na internetAs três gerações do jornalismo na internet
As três gerações do jornalismo na internet
Claudio Toldo
 
Gestão estratégica de serviços informacionais na Web 2.0
Gestão estratégica de serviços informacionais na Web 2.0Gestão estratégica de serviços informacionais na Web 2.0
Gestão estratégica de serviços informacionais na Web 2.0
Index3i
 
A Cultura Digital e Suas Ferramentas
A Cultura Digital e Suas FerramentasA Cultura Digital e Suas Ferramentas
Linguagens e Tecnologias na Educação
Linguagens e Tecnologias na EducaçãoLinguagens e Tecnologias na Educação
Linguagens e Tecnologias na Educação
novafaculdade
 
Patrimônio na Era Digital
Patrimônio na Era DigitalPatrimônio na Era Digital
Patrimônio na Era Digital
Gilberto Cysneiros
 
Redes tecnologicas dr4 stc.
Redes tecnologicas dr4 stc.Redes tecnologicas dr4 stc.
Redes tecnologicas dr4 stc.
IsabelSatierf
 

Mais procurados (20)

Aula11 - social media
Aula11 - social mediaAula11 - social media
Aula11 - social media
 
Aula1 2012-1
Aula1   2012-1Aula1   2012-1
Aula1 2012-1
 
Terminologias
TerminologiasTerminologias
Terminologias
 
Web 2 0 Nas Organizacoes
Web 2 0 Nas OrganizacoesWeb 2 0 Nas Organizacoes
Web 2 0 Nas Organizacoes
 
Informação e participação
Informação e participaçãoInformação e participação
Informação e participação
 
A cibercultura e suas leis
A cibercultura e suas leisA cibercultura e suas leis
A cibercultura e suas leis
 
Módulo 1 cultura digital
Módulo 1   cultura digitalMódulo 1   cultura digital
Módulo 1 cultura digital
 
Mídias Sociais: A web 2.0 como plataforma de interação e negócios
Mídias Sociais: A web 2.0 como plataforma de interação e negóciosMídias Sociais: A web 2.0 como plataforma de interação e negócios
Mídias Sociais: A web 2.0 como plataforma de interação e negócios
 
Aula1 2012-2
Aula1   2012-2Aula1   2012-2
Aula1 2012-2
 
Laboratório Audivisual Hipermedia Aula4 22 03
Laboratório Audivisual Hipermedia Aula4 22 03Laboratório Audivisual Hipermedia Aula4 22 03
Laboratório Audivisual Hipermedia Aula4 22 03
 
Sociedade da Informação Uma quase teologia da revolução
Sociedade da InformaçãoUma quase teologia da revoluçãoSociedade da InformaçãoUma quase teologia da revolução
Sociedade da Informação Uma quase teologia da revolução
 
Apresent_enc_bibliotecas sem fronteiras
Apresent_enc_bibliotecas sem fronteirasApresent_enc_bibliotecas sem fronteiras
Apresent_enc_bibliotecas sem fronteiras
 
Cibercultura e sociedade em rede
Cibercultura e sociedade em redeCibercultura e sociedade em rede
Cibercultura e sociedade em rede
 
Acessibilidade x usabilidade
Acessibilidade x usabilidadeAcessibilidade x usabilidade
Acessibilidade x usabilidade
 
As três gerações do jornalismo na internet
As três gerações do jornalismo na internetAs três gerações do jornalismo na internet
As três gerações do jornalismo na internet
 
Gestão estratégica de serviços informacionais na Web 2.0
Gestão estratégica de serviços informacionais na Web 2.0Gestão estratégica de serviços informacionais na Web 2.0
Gestão estratégica de serviços informacionais na Web 2.0
 
A Cultura Digital e Suas Ferramentas
A Cultura Digital e Suas FerramentasA Cultura Digital e Suas Ferramentas
A Cultura Digital e Suas Ferramentas
 
Linguagens e Tecnologias na Educação
Linguagens e Tecnologias na EducaçãoLinguagens e Tecnologias na Educação
Linguagens e Tecnologias na Educação
 
Patrimônio na Era Digital
Patrimônio na Era DigitalPatrimônio na Era Digital
Patrimônio na Era Digital
 
Redes tecnologicas dr4 stc.
Redes tecnologicas dr4 stc.Redes tecnologicas dr4 stc.
Redes tecnologicas dr4 stc.
 

Semelhante a Bibliotecas de hoje e do futuro::como entender e vivenciar a atual revolução informacional

Unidade 2 navegação, pesquisa na internet e segurança na rede.
Unidade 2  navegação, pesquisa na internet e segurança na rede.Unidade 2  navegação, pesquisa na internet e segurança na rede.
Unidade 2 navegação, pesquisa na internet e segurança na rede.
betzandonadi
 
Serviços de informação na web 2.0 e 3.0
Serviços de informação na web 2.0 e 3.0Serviços de informação na web 2.0 e 3.0
Serviços de informação na web 2.0 e 3.0
Miguel Angel Mardero Arellano
 
Comunicação educacional na era da multimédia
Comunicação educacional na era da multimédiaComunicação educacional na era da multimédia
Comunicação educacional na era da multimédia
analucia1900
 
Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação - Prof.Ms.Vicente Willians
Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação - Prof.Ms.Vicente WilliansTecnologias de Informação e Comunicação na Educação - Prof.Ms.Vicente Willians
Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação - Prof.Ms.Vicente Willians
vicente nunes
 
Palestra Inclusao Digital[1]
 Palestra   Inclusao Digital[1] Palestra   Inclusao Digital[1]
Palestra Inclusao Digital[1]
jamillerodrigues
 
Ai ad aula 1
Ai ad aula 1Ai ad aula 1
Ai ad aula 1
aiadufmg
 
Aula 01
Aula 01Aula 01
Aula 01
Andrea Alves
 
Aline proinfo 2
Aline proinfo 2Aline proinfo 2
Aline proinfo 2
Aline Rodrigues
 
Comunicação Via Web - TIC's
Comunicação Via Web - TIC'sComunicação Via Web - TIC's
Comunicação Via Web - TIC's
ClaudiaOrena
 
O momento da Transformação digital
O momento da Transformação digitalO momento da Transformação digital
O momento da Transformação digital
Luis Borges Gouveia
 
Rumo à biblioteconomia 2.0
Rumo à biblioteconomia 2.0Rumo à biblioteconomia 2.0
Rumo à biblioteconomia 2.0
Bruno Felipe Melo Silva
 
Tarefasemana4alinedaltrolago
Tarefasemana4alinedaltrolagoTarefasemana4alinedaltrolago
Tarefasemana4alinedaltrolago
Aline Daltro Lago
 
Cibercultura e educação em tempos de mobilidade: conversando com os cotidianos
Cibercultura e educação em tempos de mobilidade: conversando com os cotidianosCibercultura e educação em tempos de mobilidade: conversando com os cotidianos
Cibercultura e educação em tempos de mobilidade: conversando com os cotidianos
Edmea Santos
 
Biblioteca 2.0: o cliente digital [novas redes, novos suportes]
Biblioteca 2.0: o cliente digital [novas redes, novos suportes]Biblioteca 2.0: o cliente digital [novas redes, novos suportes]
Biblioteca 2.0: o cliente digital [novas redes, novos suportes]
Pedro Príncipe
 
Web 2.0: Das promessas tecnológicas aos desafios sociais
Web 2.0: Das promessas tecnológicas aos desafios sociaisWeb 2.0: Das promessas tecnológicas aos desafios sociais
Web 2.0: Das promessas tecnológicas aos desafios sociais
Luis Borges Gouveia
 
Ousar e fazer nas (e com) redes sociais
Ousar e fazer nas (e com) redes sociaisOusar e fazer nas (e com) redes sociais
Ousar e fazer nas (e com) redes sociais
Luis Borges Gouveia
 
O Ciberespaço e suas Oportunidades
O Ciberespaço e suas OportunidadesO Ciberespaço e suas Oportunidades
O Ciberespaço e suas Oportunidades
João Paulo Lacerda
 
Informática na educação - 3
Informática na educação - 3Informática na educação - 3
Informática na educação - 3
rafael_neves
 
As transformações na era digital
As transformações na era digitalAs transformações na era digital
As transformações na era digital
Ricardo Henrique Roson
 
Trabalho 4bi-final
Trabalho 4bi-finalTrabalho 4bi-final
Trabalho 4bi-final
Ricardo Zacharias
 

Semelhante a Bibliotecas de hoje e do futuro::como entender e vivenciar a atual revolução informacional (20)

Unidade 2 navegação, pesquisa na internet e segurança na rede.
Unidade 2  navegação, pesquisa na internet e segurança na rede.Unidade 2  navegação, pesquisa na internet e segurança na rede.
Unidade 2 navegação, pesquisa na internet e segurança na rede.
 
Serviços de informação na web 2.0 e 3.0
Serviços de informação na web 2.0 e 3.0Serviços de informação na web 2.0 e 3.0
Serviços de informação na web 2.0 e 3.0
 
Comunicação educacional na era da multimédia
Comunicação educacional na era da multimédiaComunicação educacional na era da multimédia
Comunicação educacional na era da multimédia
 
Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação - Prof.Ms.Vicente Willians
Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação - Prof.Ms.Vicente WilliansTecnologias de Informação e Comunicação na Educação - Prof.Ms.Vicente Willians
Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação - Prof.Ms.Vicente Willians
 
Palestra Inclusao Digital[1]
 Palestra   Inclusao Digital[1] Palestra   Inclusao Digital[1]
Palestra Inclusao Digital[1]
 
Ai ad aula 1
Ai ad aula 1Ai ad aula 1
Ai ad aula 1
 
Aula 01
Aula 01Aula 01
Aula 01
 
Aline proinfo 2
Aline proinfo 2Aline proinfo 2
Aline proinfo 2
 
Comunicação Via Web - TIC's
Comunicação Via Web - TIC'sComunicação Via Web - TIC's
Comunicação Via Web - TIC's
 
O momento da Transformação digital
O momento da Transformação digitalO momento da Transformação digital
O momento da Transformação digital
 
Rumo à biblioteconomia 2.0
Rumo à biblioteconomia 2.0Rumo à biblioteconomia 2.0
Rumo à biblioteconomia 2.0
 
Tarefasemana4alinedaltrolago
Tarefasemana4alinedaltrolagoTarefasemana4alinedaltrolago
Tarefasemana4alinedaltrolago
 
Cibercultura e educação em tempos de mobilidade: conversando com os cotidianos
Cibercultura e educação em tempos de mobilidade: conversando com os cotidianosCibercultura e educação em tempos de mobilidade: conversando com os cotidianos
Cibercultura e educação em tempos de mobilidade: conversando com os cotidianos
 
Biblioteca 2.0: o cliente digital [novas redes, novos suportes]
Biblioteca 2.0: o cliente digital [novas redes, novos suportes]Biblioteca 2.0: o cliente digital [novas redes, novos suportes]
Biblioteca 2.0: o cliente digital [novas redes, novos suportes]
 
Web 2.0: Das promessas tecnológicas aos desafios sociais
Web 2.0: Das promessas tecnológicas aos desafios sociaisWeb 2.0: Das promessas tecnológicas aos desafios sociais
Web 2.0: Das promessas tecnológicas aos desafios sociais
 
Ousar e fazer nas (e com) redes sociais
Ousar e fazer nas (e com) redes sociaisOusar e fazer nas (e com) redes sociais
Ousar e fazer nas (e com) redes sociais
 
O Ciberespaço e suas Oportunidades
O Ciberespaço e suas OportunidadesO Ciberespaço e suas Oportunidades
O Ciberespaço e suas Oportunidades
 
Informática na educação - 3
Informática na educação - 3Informática na educação - 3
Informática na educação - 3
 
As transformações na era digital
As transformações na era digitalAs transformações na era digital
As transformações na era digital
 
Trabalho 4bi-final
Trabalho 4bi-finalTrabalho 4bi-final
Trabalho 4bi-final
 

Mais de Suelybcs .

Curso on-line OJS 3 - Aula 2.5.1 DOI: como configurar/atribuir no OJS 3 e com...
Curso on-line OJS 3 - Aula 2.5.1 DOI: como configurar/atribuir no OJS 3 e com...Curso on-line OJS 3 - Aula 2.5.1 DOI: como configurar/atribuir no OJS 3 e com...
Curso on-line OJS 3 - Aula 2.5.1 DOI: como configurar/atribuir no OJS 3 e com...
Suelybcs .
 
Pesquisas Acadêmicas na Web: roteiro básico de pesquisa: principais funcional...
Pesquisas Acadêmicas na Web: roteiro básico de pesquisa: principais funcional...Pesquisas Acadêmicas na Web: roteiro básico de pesquisa: principais funcional...
Pesquisas Acadêmicas na Web: roteiro básico de pesquisa: principais funcional...
Suelybcs .
 
Como [e por quê] otimizar sua publicação em OJS
Como [e por quê] otimizar sua publicação em OJSComo [e por quê] otimizar sua publicação em OJS
Como [e por quê] otimizar sua publicação em OJS
Suelybcs .
 
ORCID para autores
ORCID para autoresORCID para autores
ORCID para autores
Suelybcs .
 
Profissão bibliotecário: tendências e (im)possibilidades
Profissão bibliotecário: tendências e (im)possibilidadesProfissão bibliotecário: tendências e (im)possibilidades
Profissão bibliotecário: tendências e (im)possibilidades
Suelybcs .
 
Cultura digital e editores científicos
Cultura digital e editores científicosCultura digital e editores científicos
Cultura digital e editores científicos
Suelybcs .
 
Como indexar seu Periódico no Google Acadêmico
Como indexar seu Periódico no Google AcadêmicoComo indexar seu Periódico no Google Acadêmico
Como indexar seu Periódico no Google Acadêmico
Suelybcs .
 
ORCID: o que é e por que usá-lo?
ORCID: o que é e por que usá-lo?ORCID: o que é e por que usá-lo?
ORCID: o que é e por que usá-lo?
Suelybcs .
 
ORCID: o que é e por que usá-lo?
ORCID: o que é e por que usá-lo?ORCID: o que é e por que usá-lo?
ORCID: o que é e por que usá-lo?
Suelybcs .
 
Uso do SEER - Curso XV ENEC - ABEC - Costão do Santinho, Florianópolis, 24nov...
Uso do SEER - Curso XV ENEC - ABEC - Costão do Santinho, Florianópolis, 24nov...Uso do SEER - Curso XV ENEC - ABEC - Costão do Santinho, Florianópolis, 24nov...
Uso do SEER - Curso XV ENEC - ABEC - Costão do Santinho, Florianópolis, 24nov...
Suelybcs .
 
Gestao de projetos, inovacao e sustentabilidade na comunicacao cientifica
Gestao de projetos, inovacao e sustentabilidade na comunicacao cientificaGestao de projetos, inovacao e sustentabilidade na comunicacao cientifica
Gestao de projetos, inovacao e sustentabilidade na comunicacao cientifica
Suelybcs .
 
Roda de Conversa sobre: “Para além do trabalho: vivendo em biblioteca”
Roda de Conversa sobre: “Para além do trabalho: vivendo em biblioteca”Roda de Conversa sobre: “Para além do trabalho: vivendo em biblioteca”
Roda de Conversa sobre: “Para além do trabalho: vivendo em biblioteca”
Suelybcs .
 
NBR-6023: Referências em consulta pública
NBR-6023: Referências em consulta públicaNBR-6023: Referências em consulta pública
NBR-6023: Referências em consulta pública
Suelybcs .
 
Oficina ORCID: gere o seu código junto conosco e aprenda mais sobre o ORCID |...
Oficina ORCID: gere o seu código junto conosco e aprenda mais sobre o ORCID |...Oficina ORCID: gere o seu código junto conosco e aprenda mais sobre o ORCID |...
Oficina ORCID: gere o seu código junto conosco e aprenda mais sobre o ORCID |...
Suelybcs .
 
Curadoria digital dos dados pessoais
Curadoria digital dos dados pessoaisCuradoria digital dos dados pessoais
Curadoria digital dos dados pessoais
Suelybcs .
 
"Fontes de indexação para periódicos científicos", Palestra de Gildenir Carol...
"Fontes de indexação para periódicos científicos", Palestra de Gildenir Carol..."Fontes de indexação para periódicos científicos", Palestra de Gildenir Carol...
"Fontes de indexação para periódicos científicos", Palestra de Gildenir Carol...
Suelybcs .
 
Cultura digital mobile: serviços e aplicativos para uso pessoal e profissiona...
Cultura digital mobile: serviços e aplicativos para uso pessoal e profissiona...Cultura digital mobile: serviços e aplicativos para uso pessoal e profissiona...
Cultura digital mobile: serviços e aplicativos para uso pessoal e profissiona...
Suelybcs .
 
OJS/SEER: demonstração de uma revista hipermídia na versão 2.4.6
OJS/SEER: demonstração de uma revista hipermídia na versão 2.4.6OJS/SEER: demonstração de uma revista hipermídia na versão 2.4.6
OJS/SEER: demonstração de uma revista hipermídia na versão 2.4.6
Suelybcs .
 
Palestra SNBU 2010 Prof. Murilo Bastos da Cunha
Palestra SNBU 2010 Prof. Murilo Bastos da CunhaPalestra SNBU 2010 Prof. Murilo Bastos da Cunha
Palestra SNBU 2010 Prof. Murilo Bastos da Cunha
Suelybcs .
 
GPS informacional alerta: recalculando...
GPS informacional alerta: recalculando...GPS informacional alerta: recalculando...
GPS informacional alerta: recalculando...
Suelybcs .
 

Mais de Suelybcs . (20)

Curso on-line OJS 3 - Aula 2.5.1 DOI: como configurar/atribuir no OJS 3 e com...
Curso on-line OJS 3 - Aula 2.5.1 DOI: como configurar/atribuir no OJS 3 e com...Curso on-line OJS 3 - Aula 2.5.1 DOI: como configurar/atribuir no OJS 3 e com...
Curso on-line OJS 3 - Aula 2.5.1 DOI: como configurar/atribuir no OJS 3 e com...
 
Pesquisas Acadêmicas na Web: roteiro básico de pesquisa: principais funcional...
Pesquisas Acadêmicas na Web: roteiro básico de pesquisa: principais funcional...Pesquisas Acadêmicas na Web: roteiro básico de pesquisa: principais funcional...
Pesquisas Acadêmicas na Web: roteiro básico de pesquisa: principais funcional...
 
Como [e por quê] otimizar sua publicação em OJS
Como [e por quê] otimizar sua publicação em OJSComo [e por quê] otimizar sua publicação em OJS
Como [e por quê] otimizar sua publicação em OJS
 
ORCID para autores
ORCID para autoresORCID para autores
ORCID para autores
 
Profissão bibliotecário: tendências e (im)possibilidades
Profissão bibliotecário: tendências e (im)possibilidadesProfissão bibliotecário: tendências e (im)possibilidades
Profissão bibliotecário: tendências e (im)possibilidades
 
Cultura digital e editores científicos
Cultura digital e editores científicosCultura digital e editores científicos
Cultura digital e editores científicos
 
Como indexar seu Periódico no Google Acadêmico
Como indexar seu Periódico no Google AcadêmicoComo indexar seu Periódico no Google Acadêmico
Como indexar seu Periódico no Google Acadêmico
 
ORCID: o que é e por que usá-lo?
ORCID: o que é e por que usá-lo?ORCID: o que é e por que usá-lo?
ORCID: o que é e por que usá-lo?
 
ORCID: o que é e por que usá-lo?
ORCID: o que é e por que usá-lo?ORCID: o que é e por que usá-lo?
ORCID: o que é e por que usá-lo?
 
Uso do SEER - Curso XV ENEC - ABEC - Costão do Santinho, Florianópolis, 24nov...
Uso do SEER - Curso XV ENEC - ABEC - Costão do Santinho, Florianópolis, 24nov...Uso do SEER - Curso XV ENEC - ABEC - Costão do Santinho, Florianópolis, 24nov...
Uso do SEER - Curso XV ENEC - ABEC - Costão do Santinho, Florianópolis, 24nov...
 
Gestao de projetos, inovacao e sustentabilidade na comunicacao cientifica
Gestao de projetos, inovacao e sustentabilidade na comunicacao cientificaGestao de projetos, inovacao e sustentabilidade na comunicacao cientifica
Gestao de projetos, inovacao e sustentabilidade na comunicacao cientifica
 
Roda de Conversa sobre: “Para além do trabalho: vivendo em biblioteca”
Roda de Conversa sobre: “Para além do trabalho: vivendo em biblioteca”Roda de Conversa sobre: “Para além do trabalho: vivendo em biblioteca”
Roda de Conversa sobre: “Para além do trabalho: vivendo em biblioteca”
 
NBR-6023: Referências em consulta pública
NBR-6023: Referências em consulta públicaNBR-6023: Referências em consulta pública
NBR-6023: Referências em consulta pública
 
Oficina ORCID: gere o seu código junto conosco e aprenda mais sobre o ORCID |...
Oficina ORCID: gere o seu código junto conosco e aprenda mais sobre o ORCID |...Oficina ORCID: gere o seu código junto conosco e aprenda mais sobre o ORCID |...
Oficina ORCID: gere o seu código junto conosco e aprenda mais sobre o ORCID |...
 
Curadoria digital dos dados pessoais
Curadoria digital dos dados pessoaisCuradoria digital dos dados pessoais
Curadoria digital dos dados pessoais
 
"Fontes de indexação para periódicos científicos", Palestra de Gildenir Carol...
"Fontes de indexação para periódicos científicos", Palestra de Gildenir Carol..."Fontes de indexação para periódicos científicos", Palestra de Gildenir Carol...
"Fontes de indexação para periódicos científicos", Palestra de Gildenir Carol...
 
Cultura digital mobile: serviços e aplicativos para uso pessoal e profissiona...
Cultura digital mobile: serviços e aplicativos para uso pessoal e profissiona...Cultura digital mobile: serviços e aplicativos para uso pessoal e profissiona...
Cultura digital mobile: serviços e aplicativos para uso pessoal e profissiona...
 
OJS/SEER: demonstração de uma revista hipermídia na versão 2.4.6
OJS/SEER: demonstração de uma revista hipermídia na versão 2.4.6OJS/SEER: demonstração de uma revista hipermídia na versão 2.4.6
OJS/SEER: demonstração de uma revista hipermídia na versão 2.4.6
 
Palestra SNBU 2010 Prof. Murilo Bastos da Cunha
Palestra SNBU 2010 Prof. Murilo Bastos da CunhaPalestra SNBU 2010 Prof. Murilo Bastos da Cunha
Palestra SNBU 2010 Prof. Murilo Bastos da Cunha
 
GPS informacional alerta: recalculando...
GPS informacional alerta: recalculando...GPS informacional alerta: recalculando...
GPS informacional alerta: recalculando...
 

Último

Gestão de dados: sua importância e benefícios
Gestão de dados: sua importância e benefíciosGestão de dados: sua importância e benefícios
Gestão de dados: sua importância e benefícios
Rafael Santos
 
Como fui de 0 a lead na gringa em 3 anos.pptx
Como fui de 0 a lead na gringa em 3 anos.pptxComo fui de 0 a lead na gringa em 3 anos.pptx
Como fui de 0 a lead na gringa em 3 anos.pptx
tnrlucas
 
PRATICANDO O SCRUM Scrum team, product owner
PRATICANDO O SCRUM Scrum team, product ownerPRATICANDO O SCRUM Scrum team, product owner
PRATICANDO O SCRUM Scrum team, product owner
anpproferick
 
Ferramentas e Técnicas para aplicar no seu dia a dia numa Transformação Digital!
Ferramentas e Técnicas para aplicar no seu dia a dia numa Transformação Digital!Ferramentas e Técnicas para aplicar no seu dia a dia numa Transformação Digital!
Ferramentas e Técnicas para aplicar no seu dia a dia numa Transformação Digital!
Annelise Gripp
 
Orientações para utilizar Drone no espaço Brasil
Orientações para utilizar Drone no espaço BrasilOrientações para utilizar Drone no espaço Brasil
Orientações para utilizar Drone no espaço Brasil
EliakimArajo2
 
Por que escolhi o Flutter - Campus Party Piauí.pdf
Por que escolhi o Flutter - Campus Party Piauí.pdfPor que escolhi o Flutter - Campus Party Piauí.pdf
Por que escolhi o Flutter - Campus Party Piauí.pdf
Ian Oliveira
 
Teoria de redes de computadores redes .doc
Teoria de redes de computadores redes .docTeoria de redes de computadores redes .doc
Teoria de redes de computadores redes .doc
anpproferick
 

Último (7)

Gestão de dados: sua importância e benefícios
Gestão de dados: sua importância e benefíciosGestão de dados: sua importância e benefícios
Gestão de dados: sua importância e benefícios
 
Como fui de 0 a lead na gringa em 3 anos.pptx
Como fui de 0 a lead na gringa em 3 anos.pptxComo fui de 0 a lead na gringa em 3 anos.pptx
Como fui de 0 a lead na gringa em 3 anos.pptx
 
PRATICANDO O SCRUM Scrum team, product owner
PRATICANDO O SCRUM Scrum team, product ownerPRATICANDO O SCRUM Scrum team, product owner
PRATICANDO O SCRUM Scrum team, product owner
 
Ferramentas e Técnicas para aplicar no seu dia a dia numa Transformação Digital!
Ferramentas e Técnicas para aplicar no seu dia a dia numa Transformação Digital!Ferramentas e Técnicas para aplicar no seu dia a dia numa Transformação Digital!
Ferramentas e Técnicas para aplicar no seu dia a dia numa Transformação Digital!
 
Orientações para utilizar Drone no espaço Brasil
Orientações para utilizar Drone no espaço BrasilOrientações para utilizar Drone no espaço Brasil
Orientações para utilizar Drone no espaço Brasil
 
Por que escolhi o Flutter - Campus Party Piauí.pdf
Por que escolhi o Flutter - Campus Party Piauí.pdfPor que escolhi o Flutter - Campus Party Piauí.pdf
Por que escolhi o Flutter - Campus Party Piauí.pdf
 
Teoria de redes de computadores redes .doc
Teoria de redes de computadores redes .docTeoria de redes de computadores redes .doc
Teoria de redes de computadores redes .doc
 

Bibliotecas de hoje e do futuro::como entender e vivenciar a atual revolução informacional