SlideShare uma empresa Scribd logo
Uma dose de
autoconhecimento
ACESSE SUA MELHOR VERSÃO E SEJA FELIZ!
@LUDMILAFORTS (31) 9.9191 8659
Por uma vida com equilíbrio.
Apresentação
VIDA E CARREIRA
O QUE VOCÊ TERÁ AQUI?
- Autoconhecimento
- Consciência
- Identificando seus valores
- Convite Webnário (gratuito)
Ludmila Fortes
Equilíbrio
Meu nome é Ludmila Fortes.
Sou mentora empresarial e orientadora profissional,
quero ajudar você a construir uma nova perspectiva da
sua vida, trazendo mais consciência para suas escolhas
profissionais, com o objetivo de equilibrar a sua vida.
Possuo 14 anos de experiência corporativa em médias e
grandes empresas nacionais e multinacionais, nos
estados de MG e SP.
Foi através da minha busca quase que incessante por
autoconhecimento que descobri maneiras e técnicas
mais assertivas que podem ajudar você a diminuir a
distância de onde está para aonde gostaria de chegar.
Após trilhar este caminho de transição de carreira, ter
consciência sobre minhas escolhas, percebi que poderia
repassar este caminho pra você e assim me tornar uma
facilitadora no seu processo de autoconhecimento e
planejamento da sua carreira!
Encontrei o meu ponto de equilíbrio e também o meu
propósito de vida, querer ajudar os outros a percorrer
esta jornada da busca pelo autoconhecimento de forma
mais saudável e assertiva possível, trazendo equilíbrio
para a sua trajetória profissional.
Depois de estudar bastante e fazer muitas
especializações, atender clientes individualmente e falar
sobre o tema, resolvido consolidar informações e
compartilhar com vocês através deste e-book.
Apresento um novo caminho, um novo olhar para
comportamentos que temos no dia a dia e que não
percebemos e que afetam todas as áreas da vida,
afetando seu poder decisão e comportamento.
Possuo formação em Administração, Leader Coaching
Training, Coaching e PNL (Programação
Neurolinguística), MBA em Gestão de Projetos e
Inovação e outros.
Apresentação
VEM COMIGO!
Autoconhecimento.
Sim, e eu já ouvi perguntas como:
“mas o que é e como conseguir alcançar esse tal de autoconhecimento Lud?’’
Acredito que a base para se conhecer esteja na arte de fazer perguntas para si
mesmo. E talvez, muitas vezes usamos as perguntas erradas ou simplesmente
não usamos, começamos com justificativas para os nossos comportamentos com
a intenção de nos convencermos pelo fato de estar realizando algo.
“Porque estou fazendo o que
estou fazendo?”
Qual a base de tudo?
Exemplo prático de justificativas que damos para nós mesmos constantemente:
“_vou fazer isso pra minha mãe, porque se eu não fizer ela vai ficar chateada.” ou
“_ ai meu Deus, porque eu disse sim para fulano. Eu acho que se falasse não,
ele ficaria bravo comigo, ele já esperava isso....”
E assim seguimos, com uma lista infinita de justificativas INTERNAS.
Porque estou fazendo o que estou fazendo?
Neste exato momento, o que você estava fazendo ai do outro lado e porquê?
Se você encontrar uma resposta que não faça o menor sentido pra você, já
começou a puxar aquele fio solto que estamos buscando.
Acredite, tenho certeza que irá se surpreender com as suas resposta.
Certamente perceberá que muitas das tarefas que lhe foram atribuídas
(as vezes por você mesmo) e que acabam sendo um “fardo”, estão diretamente
ligadas aos pensamentos que criamos e cultivamos diariamente, baseado em nossa
história ou crença.
Tentamos e as vezes conseguimos, impor coisas, tarefas e sentimentos para nós e
para os outros sem perceber constantemente.
Baseado em nossa história, nossas experiências e até em nossa expectativa.
“Tentamos e as vezes conseguimos,
impor coisas, tarefas e sentimentos
para nós e para os outros sem
perceber constantemente.
Dizemos pra nós mesmos, “tenho que fazer isso!”, "não consigo fazer isso", "disse sim
para isso, mas não era bem o que eu gostaria"... e assim vai, uma lista infinita de
pensamentos e que no final, acabamos ficando presos em suprir a expectativa
irrealista de algo ou de alguém, porque imaginamos que deveria ser assim.
Criamos de fato um conceito que somos obrigados a realizar algo. “Tenho que...”
Agir com consciência e presença
Muitas vezes falamos por impulso, no automático sem estar consciente de fato com
o momento presente.
Ou fazemos algo simplesmente, por fazer, sem entender a fundo o sentido pelo qual
realizamos alguma coisa.
Talvez mentalmente você esteja me questionando;
“que isso? Eu sei o que quis dizer”.
Então, vamos lá!
Agir com consciência é você perceber e saber que as suas experiências passadas
podem te influenciar, mas não são elas que devem ditar o seu comportamento no
momento presente.
Nossas memórias servem como bagagem, para acessar e buscar
automaticamente experiências parecidas, porém, você precisa ter a liberdade de
agir diferente (caso queira) no momento presente com consciência.
...consciência e presença
Todos nós temos núcleos de conflitos internos, situações profissionais, familiares e
etc. Estar consciente significa exercitar a presença e saber que suas questões mal
resolvidas ou passadas podem te influenciar de alguma forma como você enxerga o
mundo a sua volta.
Estar consciente é você estar nesse lugar de presença ciente sobre estas questões
dentro de você, mas estar em constante observação na sua tomada de decisão e
comportamento, porque as suas histórias sempre irão influenciar na forma com que
você enxerga o mundo a sua volta e em consequência o seu comportamento.
Então durante o dia, quando algo confrontar com isso, você precisa estar atento
e entender que o que você esta sentindo talvez seja por conta da sua história,
não necessariamente este será o fator da sua decisão.
Trazer o que você deseja para o seu consciente e observar o que você faz em cada
momento, te deixa atendo e te mantem no caminho do seu objetivo.
Devido a isso, temos a tendência de enxergar as situações usando a “lente” das
nossas experiências. E isso é bom, muito bom, quando utilizamos com consciência.
Se você tem alguma questão mal resolvida ou uma experiência ruim com o seu gestor,
com seu funcionário ou com seu marido em um determinado tema ou situação, caso algo
parecido volte a se repetir, terá a tendência de agir automaticamente como agiu no
passado.
E se alguém vier lhe pedir um conselho em um tema parecido, você irá associar as
suas experiências passadas para "aconselhar" esta pessoa, contaminando a
experiência do outro, pois os acontecimentos e experiências do outro, não são as
mesmas experiências que as suas. Os anseios e a necessidade do outro são
diferentes das suas, por isso precisamos ter cuidado na hora de dar ou pedir
"conselhos".
É preciso olhar a situação no presente sem vincular ao passado.
Não deixe que as experiências passadas
ditem o seu comportamento presente”.
Trabalhar a autoresponsabilidade, agir com consciência e presença, exige de nós um
exercício diário.
Exige observar o nosso comportamento, o que pensamos e como gostaríamos de
fato de agir, se livrando das amarras do passado, caso queira.
Se agirmos de forma inconsciente, deixaremos que o inconsciente escolha, baseado
nas experiências passadas que podem ser ou não ruins.
Com consciência e presença escolhemos baseado em nossa real intensão.
“Se agirmos de forma inconsciente, deixaremos que o
inconsciente escolha, baseado nas experiências passadas.
Com consciência e presença escolhemos baseado em nossa
real intensão em prol do nosso objetivo de fato”.
Autoconhecimento é um grande facilitador
no relacionamento com a gente mesmo.
O que pensamos sobre quem somos, pode influenciar em todas as áreas da
nossa vida.
Observe seu conceito sobre autoconfiança, autoimagem, autoestima,
autoresponsabilidade, que tem por base o que você pensa sobre si mesmo,
além de afetar também a forma como nos tratamos, nos cobramos e
lidamos com nosso sucesso ou frustrações.
Todo este contexto, impacta também a relação que temos conosco, onde
podemos ser ou não mais cruéis com o nosso nível de cobrança, com a
exigência pessoal e a forma como lidamos com os nossos erros e com as
expectativas que depositamos em nós ou que são colocadas através de
alguém.
Como você lida com suas frustrações?
Como esta o seu nível de autoaceitação, por que você é?
Autoconhecimento
Reconhecer em nós quem de fato somos, trabalhando as nossas
características, valorizando a nossa história, nossos valores e colhendo as
nossas qualidades e defeitos de forma clara, pode nos levar muito mais além,
pode nos desprender das expectativas alheias e surreais,.
O equilíbrio pessoal esta relacionado 100% em acolher quem de fato somos,
onde estamos, quais escolhas devemos fazer, trazendo para o consciente para
assim de fato começar a caminhar para as mudanças.
...autoconhecimento
Neste processo você se aceita como de fato é, se colocando livre para ser quem é.
Quem cumpre nossas necessidades somos nós mesmos, não devemos depositar
no outro a projeção de ser quem ele não é.
Se existe em você uma necessidade de cumprir uma expectativa de outro alguém,
você esta no caminho oposto ao do autoconhecimento. Se existe a necessidade de
agir diferente do seu natural para suprir expectativas alheias, você perderá o seu
próprio EU.
As mudanças certamente irão ocorrer no processo de autoconhecimento, mas não
com o objetivo de suprir expectativas alheias e sim em se encontrar e entrar em
estado de aceitação consigo mesmo e não para cumprir um papel para ser aceito
em um grupo, relação, sociedade e afins.
O autoconhecimento é um processo que pode levar uma vida inteira, e quando se
aprende aos poucos a olhar para si, respeitando suas características como
individuo, seus limites, entendendo e aprendendo tudo aquilo que te faz bem, te
levando para um estado de aceitação e transformação pessoal para que você entre
em contato com realmente o que faz sentido para sua vida, seu propósito, isso
pode se tornar libertador.
É possível criar expectativa realista, adequada, com metas alcançáveis, com
sonhos possíveis juntamente com um plano, para que haja uma real satisfação.
Onde o caminho também deve ser prazeroso, o trajeto também deve lhe trazer
felicidade. Não basta acreditar que quando alcançar isso ou aquilo, terá valido todo
o esforço.
A vida é muito curta e rápida, não podemos perdê-la vivendo o sonho e os anseios
de outras pessoas. A gente paga sempre um preço pelas coisas que fazemos,
portanto é preciso ter sensibilidade para perceber e refazer a rota sempre que
necessário.
Por que você faz o que você faz?
Como anda o seu relacionamento consigo mesmo?
Agora que você já sabe a importância de desenvolver o seu autoconhecimento, auto
responsabilidade e também tomar decisões com mais consciência e presença,
Finalizando
Vamos para o próximo passo?
Equilibrar a sua vida e carreira?
Quer participar do meu próximo webnário, totalmente gratuito,
para falarmos mais sobre este assunto?
Entre em contato via whatsApp (31) 9.9191 8659
e entre na próxima turma @ludmilaforts

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Autoconhecimento e realização pessoal
Autoconhecimento e realização pessoalAutoconhecimento e realização pessoal
Autoconhecimento e realização pessoalBruno Carrasco
 
Apostila tratamento da dependência química
Apostila   tratamento da dependência químicaApostila   tratamento da dependência química
Apostila tratamento da dependência químicakarol_ribeiro
 
A importância do amor próprio
A importância do amor próprioA importância do amor próprio
A importância do amor próprioTeresa Batista
 
PALESTRA : A energia transformadora do autoconhecimento e da auto estima -fai
PALESTRA : A energia transformadora do autoconhecimento e da auto estima -faiPALESTRA : A energia transformadora do autoconhecimento e da auto estima -fai
PALESTRA : A energia transformadora do autoconhecimento e da auto estima -faiEdson Salgado Ávella
 
Dicas para a saúde emocional
Dicas para a saúde emocionalDicas para a saúde emocional
Dicas para a saúde emocionalBruno Carrasco
 
Ansiedade - como reduzir?
Ansiedade - como reduzir?Ansiedade - como reduzir?
Ansiedade - como reduzir?Bruno Carrasco
 
Dicas para melhorar o relacionamento interpessoal
Dicas para melhorar o relacionamento interpessoalDicas para melhorar o relacionamento interpessoal
Dicas para melhorar o relacionamento interpessoalKarol Oliveira
 
Workshop Autoestima
Workshop Autoestima Workshop Autoestima
Workshop Autoestima Cinara Aline
 
Guia de Tratamento para Dependentes Químicos
Guia de Tratamento para Dependentes QuímicosGuia de Tratamento para Dependentes Químicos
Guia de Tratamento para Dependentes QuímicosNucleo Nacional
 

Mais procurados (20)

Como Aplicar Técnicas de Dinâmicas de Grupo para Dependentes Químicos?
Como Aplicar Técnicas de Dinâmicas de Grupo para Dependentes Químicos?Como Aplicar Técnicas de Dinâmicas de Grupo para Dependentes Químicos?
Como Aplicar Técnicas de Dinâmicas de Grupo para Dependentes Químicos?
 
Autoconhecimento e realização pessoal
Autoconhecimento e realização pessoalAutoconhecimento e realização pessoal
Autoconhecimento e realização pessoal
 
Motivação no tratamento da dependência química
Motivação no tratamento da dependência químicaMotivação no tratamento da dependência química
Motivação no tratamento da dependência química
 
Apostila tratamento da dependência química
Apostila   tratamento da dependência químicaApostila   tratamento da dependência química
Apostila tratamento da dependência química
 
A importância do amor próprio
A importância do amor próprioA importância do amor próprio
A importância do amor próprio
 
PALESTRA : A energia transformadora do autoconhecimento e da auto estima -fai
PALESTRA : A energia transformadora do autoconhecimento e da auto estima -faiPALESTRA : A energia transformadora do autoconhecimento e da auto estima -fai
PALESTRA : A energia transformadora do autoconhecimento e da auto estima -fai
 
PNL - Crenças
PNL - CrençasPNL - Crenças
PNL - Crenças
 
Motivação Escolar
Motivação EscolarMotivação Escolar
Motivação Escolar
 
Mitos e verdades - setembro amarelo
Mitos e verdades  -  setembro amareloMitos e verdades  -  setembro amarelo
Mitos e verdades - setembro amarelo
 
Comunicação Não Violenta
Comunicação Não ViolentaComunicação Não Violenta
Comunicação Não Violenta
 
Como lidar com_mudancas_e_enfretar_desafios
Como lidar com_mudancas_e_enfretar_desafiosComo lidar com_mudancas_e_enfretar_desafios
Como lidar com_mudancas_e_enfretar_desafios
 
Dicas para a saúde emocional
Dicas para a saúde emocionalDicas para a saúde emocional
Dicas para a saúde emocional
 
Emoções
EmoçõesEmoções
Emoções
 
Como cuidar da minha saúde mental?
Como cuidar da minha saúde mental?Como cuidar da minha saúde mental?
Como cuidar da minha saúde mental?
 
Ansiedade - como reduzir?
Ansiedade - como reduzir?Ansiedade - como reduzir?
Ansiedade - como reduzir?
 
Motivação e auto estima
Motivação e auto estimaMotivação e auto estima
Motivação e auto estima
 
Dicas para melhorar o relacionamento interpessoal
Dicas para melhorar o relacionamento interpessoalDicas para melhorar o relacionamento interpessoal
Dicas para melhorar o relacionamento interpessoal
 
Workshop Autoestima
Workshop Autoestima Workshop Autoestima
Workshop Autoestima
 
Comunicação não-violenta
Comunicação não-violentaComunicação não-violenta
Comunicação não-violenta
 
Guia de Tratamento para Dependentes Químicos
Guia de Tratamento para Dependentes QuímicosGuia de Tratamento para Dependentes Químicos
Guia de Tratamento para Dependentes Químicos
 

Semelhante a Autoconhecimento e autoestima

11 passos de autoconfianca
11 passos de autoconfianca11 passos de autoconfianca
11 passos de autoconfiancafetchsawt
 
11passosdeautoconfianca-150120033054-conversion-gate01.pdf
11passosdeautoconfianca-150120033054-conversion-gate01.pdf11passosdeautoconfianca-150120033054-conversion-gate01.pdf
11passosdeautoconfianca-150120033054-conversion-gate01.pdfSIMONEANDRADE78
 
A missao de ser voce mesma
A missao de ser voce mesmaA missao de ser voce mesma
A missao de ser voce mesmaRose Oliveira
 
Os 5 passos para criar seu Plano de Metas e definir ropósitos de Vida
Os 5 passos para criar seu Plano de Metas e definir ropósitos de VidaOs 5 passos para criar seu Plano de Metas e definir ropósitos de Vida
Os 5 passos para criar seu Plano de Metas e definir ropósitos de VidaVinícius Rangel
 
Definir metas e bjectivos
Definir metas e bjectivosDefinir metas e bjectivos
Definir metas e bjectivosZacarias Xavier
 
Palestra Crença de Heroi
Palestra Crença de Heroi Palestra Crença de Heroi
Palestra Crença de Heroi Edhyr Motta
 
Seu primeiro amor - Andre Ferreira.pdf.PDF
Seu primeiro amor - Andre Ferreira.pdf.PDFSeu primeiro amor - Andre Ferreira.pdf.PDF
Seu primeiro amor - Andre Ferreira.pdf.PDFRosiMedeiros1
 
e-book-autoestima-ansiedade-crencas-limitantes.pptx
e-book-autoestima-ansiedade-crencas-limitantes.pptxe-book-autoestima-ansiedade-crencas-limitantes.pptx
e-book-autoestima-ansiedade-crencas-limitantes.pptxAugustoBatista19
 
9 passos para aprender a se amar
9 passos para aprender a se amar9 passos para aprender a se amar
9 passos para aprender a se amarOgum
 
Profissão: como decidir a minha?
Profissão: como decidir a minha?Profissão: como decidir a minha?
Profissão: como decidir a minha?Renata Lapetina
 
Conceito de relacionamento intrapessoal
Conceito de relacionamento intrapessoalConceito de relacionamento intrapessoal
Conceito de relacionamento intrapessoalProfessorRogerioSant
 
8 pilares para uma vida extraordinária - ebook
8 pilares para uma vida extraordinária - ebook8 pilares para uma vida extraordinária - ebook
8 pilares para uma vida extraordinária - ebookPriscila Stuani
 
PROJETO DE VIDA.pptx- identidade-visão -autetiicidade
PROJETO DE VIDA.pptx- identidade-visão -autetiicidadePROJETO DE VIDA.pptx- identidade-visão -autetiicidade
PROJETO DE VIDA.pptx- identidade-visão -autetiicidadeadrianaduartesoares
 
PROJETO DE VIDA.pptx0 identidade- autenticidade- verdade
PROJETO DE VIDA.pptx0 identidade- autenticidade- verdadePROJETO DE VIDA.pptx0 identidade- autenticidade- verdade
PROJETO DE VIDA.pptx0 identidade- autenticidade- verdadeadrianaduartesoares
 
PROJETO DE VIDA[1].pptx- visão-verdade- beleza
PROJETO DE VIDA[1].pptx- visão-verdade- belezaPROJETO DE VIDA[1].pptx- visão-verdade- beleza
PROJETO DE VIDA[1].pptx- visão-verdade- belezaadrianaduartesoares
 

Semelhante a Autoconhecimento e autoestima (20)

Autoconhecimento
AutoconhecimentoAutoconhecimento
Autoconhecimento
 
11 passos de autoconfianca
11 passos de autoconfianca11 passos de autoconfianca
11 passos de autoconfianca
 
11passosdeautoconfianca-150120033054-conversion-gate01.pdf
11passosdeautoconfianca-150120033054-conversion-gate01.pdf11passosdeautoconfianca-150120033054-conversion-gate01.pdf
11passosdeautoconfianca-150120033054-conversion-gate01.pdf
 
A missao de ser voce mesma
A missao de ser voce mesmaA missao de ser voce mesma
A missao de ser voce mesma
 
Os 5 passos para criar seu Plano de Metas e definir ropósitos de Vida
Os 5 passos para criar seu Plano de Metas e definir ropósitos de VidaOs 5 passos para criar seu Plano de Metas e definir ropósitos de Vida
Os 5 passos para criar seu Plano de Metas e definir ropósitos de Vida
 
Definir metas e bjectivos
Definir metas e bjectivosDefinir metas e bjectivos
Definir metas e bjectivos
 
Palestra Crença de Heroi
Palestra Crença de Heroi Palestra Crença de Heroi
Palestra Crença de Heroi
 
Seu primeiro amor - Andre Ferreira.pdf.PDF
Seu primeiro amor - Andre Ferreira.pdf.PDFSeu primeiro amor - Andre Ferreira.pdf.PDF
Seu primeiro amor - Andre Ferreira.pdf.PDF
 
janeiro branco.pptx
janeiro branco.pptxjaneiro branco.pptx
janeiro branco.pptx
 
11 passos
11 passos11 passos
11 passos
 
e-book-autoestima-ansiedade-crencas-limitantes.pptx
e-book-autoestima-ansiedade-crencas-limitantes.pptxe-book-autoestima-ansiedade-crencas-limitantes.pptx
e-book-autoestima-ansiedade-crencas-limitantes.pptx
 
Documento de ma (4)
Documento de ma (4)Documento de ma (4)
Documento de ma (4)
 
9 passos para aprender a se amar
9 passos para aprender a se amar9 passos para aprender a se amar
9 passos para aprender a se amar
 
Profissão: como decidir a minha?
Profissão: como decidir a minha?Profissão: como decidir a minha?
Profissão: como decidir a minha?
 
Conceito de relacionamento intrapessoal
Conceito de relacionamento intrapessoalConceito de relacionamento intrapessoal
Conceito de relacionamento intrapessoal
 
8 pilares para uma vida extraordinária - ebook
8 pilares para uma vida extraordinária - ebook8 pilares para uma vida extraordinária - ebook
8 pilares para uma vida extraordinária - ebook
 
PROJETO DE VIDA.pptx- identidade-visão -autetiicidade
PROJETO DE VIDA.pptx- identidade-visão -autetiicidadePROJETO DE VIDA.pptx- identidade-visão -autetiicidade
PROJETO DE VIDA.pptx- identidade-visão -autetiicidade
 
PROJETO DE VIDA.pptx0 identidade- autenticidade- verdade
PROJETO DE VIDA.pptx0 identidade- autenticidade- verdadePROJETO DE VIDA.pptx0 identidade- autenticidade- verdade
PROJETO DE VIDA.pptx0 identidade- autenticidade- verdade
 
PROJETO DE VIDA[1].pptx- visão-verdade- beleza
PROJETO DE VIDA[1].pptx- visão-verdade- belezaPROJETO DE VIDA[1].pptx- visão-verdade- beleza
PROJETO DE VIDA[1].pptx- visão-verdade- beleza
 
Onde Nascem Os Pensamentos
Onde Nascem Os PensamentosOnde Nascem Os Pensamentos
Onde Nascem Os Pensamentos
 

Autoconhecimento e autoestima

  • 1. Uma dose de autoconhecimento ACESSE SUA MELHOR VERSÃO E SEJA FELIZ! @LUDMILAFORTS (31) 9.9191 8659 Por uma vida com equilíbrio.
  • 2. Apresentação VIDA E CARREIRA O QUE VOCÊ TERÁ AQUI? - Autoconhecimento - Consciência - Identificando seus valores - Convite Webnário (gratuito) Ludmila Fortes Equilíbrio
  • 3. Meu nome é Ludmila Fortes. Sou mentora empresarial e orientadora profissional, quero ajudar você a construir uma nova perspectiva da sua vida, trazendo mais consciência para suas escolhas profissionais, com o objetivo de equilibrar a sua vida. Possuo 14 anos de experiência corporativa em médias e grandes empresas nacionais e multinacionais, nos estados de MG e SP. Foi através da minha busca quase que incessante por autoconhecimento que descobri maneiras e técnicas mais assertivas que podem ajudar você a diminuir a distância de onde está para aonde gostaria de chegar. Após trilhar este caminho de transição de carreira, ter consciência sobre minhas escolhas, percebi que poderia repassar este caminho pra você e assim me tornar uma facilitadora no seu processo de autoconhecimento e planejamento da sua carreira! Encontrei o meu ponto de equilíbrio e também o meu propósito de vida, querer ajudar os outros a percorrer esta jornada da busca pelo autoconhecimento de forma mais saudável e assertiva possível, trazendo equilíbrio para a sua trajetória profissional. Depois de estudar bastante e fazer muitas especializações, atender clientes individualmente e falar sobre o tema, resolvido consolidar informações e compartilhar com vocês através deste e-book. Apresento um novo caminho, um novo olhar para comportamentos que temos no dia a dia e que não percebemos e que afetam todas as áreas da vida, afetando seu poder decisão e comportamento. Possuo formação em Administração, Leader Coaching Training, Coaching e PNL (Programação Neurolinguística), MBA em Gestão de Projetos e Inovação e outros. Apresentação VEM COMIGO!
  • 4. Autoconhecimento. Sim, e eu já ouvi perguntas como: “mas o que é e como conseguir alcançar esse tal de autoconhecimento Lud?’’ Acredito que a base para se conhecer esteja na arte de fazer perguntas para si mesmo. E talvez, muitas vezes usamos as perguntas erradas ou simplesmente não usamos, começamos com justificativas para os nossos comportamentos com a intenção de nos convencermos pelo fato de estar realizando algo. “Porque estou fazendo o que estou fazendo?” Qual a base de tudo?
  • 5. Exemplo prático de justificativas que damos para nós mesmos constantemente: “_vou fazer isso pra minha mãe, porque se eu não fizer ela vai ficar chateada.” ou “_ ai meu Deus, porque eu disse sim para fulano. Eu acho que se falasse não, ele ficaria bravo comigo, ele já esperava isso....” E assim seguimos, com uma lista infinita de justificativas INTERNAS. Porque estou fazendo o que estou fazendo? Neste exato momento, o que você estava fazendo ai do outro lado e porquê? Se você encontrar uma resposta que não faça o menor sentido pra você, já começou a puxar aquele fio solto que estamos buscando.
  • 6. Acredite, tenho certeza que irá se surpreender com as suas resposta. Certamente perceberá que muitas das tarefas que lhe foram atribuídas (as vezes por você mesmo) e que acabam sendo um “fardo”, estão diretamente ligadas aos pensamentos que criamos e cultivamos diariamente, baseado em nossa história ou crença. Tentamos e as vezes conseguimos, impor coisas, tarefas e sentimentos para nós e para os outros sem perceber constantemente. Baseado em nossa história, nossas experiências e até em nossa expectativa. “Tentamos e as vezes conseguimos, impor coisas, tarefas e sentimentos para nós e para os outros sem perceber constantemente.
  • 7. Dizemos pra nós mesmos, “tenho que fazer isso!”, "não consigo fazer isso", "disse sim para isso, mas não era bem o que eu gostaria"... e assim vai, uma lista infinita de pensamentos e que no final, acabamos ficando presos em suprir a expectativa irrealista de algo ou de alguém, porque imaginamos que deveria ser assim. Criamos de fato um conceito que somos obrigados a realizar algo. “Tenho que...”
  • 8. Agir com consciência e presença Muitas vezes falamos por impulso, no automático sem estar consciente de fato com o momento presente. Ou fazemos algo simplesmente, por fazer, sem entender a fundo o sentido pelo qual realizamos alguma coisa. Talvez mentalmente você esteja me questionando; “que isso? Eu sei o que quis dizer”. Então, vamos lá! Agir com consciência é você perceber e saber que as suas experiências passadas podem te influenciar, mas não são elas que devem ditar o seu comportamento no momento presente. Nossas memórias servem como bagagem, para acessar e buscar automaticamente experiências parecidas, porém, você precisa ter a liberdade de agir diferente (caso queira) no momento presente com consciência.
  • 9. ...consciência e presença Todos nós temos núcleos de conflitos internos, situações profissionais, familiares e etc. Estar consciente significa exercitar a presença e saber que suas questões mal resolvidas ou passadas podem te influenciar de alguma forma como você enxerga o mundo a sua volta. Estar consciente é você estar nesse lugar de presença ciente sobre estas questões dentro de você, mas estar em constante observação na sua tomada de decisão e comportamento, porque as suas histórias sempre irão influenciar na forma com que você enxerga o mundo a sua volta e em consequência o seu comportamento. Então durante o dia, quando algo confrontar com isso, você precisa estar atento e entender que o que você esta sentindo talvez seja por conta da sua história, não necessariamente este será o fator da sua decisão. Trazer o que você deseja para o seu consciente e observar o que você faz em cada momento, te deixa atendo e te mantem no caminho do seu objetivo.
  • 10. Devido a isso, temos a tendência de enxergar as situações usando a “lente” das nossas experiências. E isso é bom, muito bom, quando utilizamos com consciência. Se você tem alguma questão mal resolvida ou uma experiência ruim com o seu gestor, com seu funcionário ou com seu marido em um determinado tema ou situação, caso algo parecido volte a se repetir, terá a tendência de agir automaticamente como agiu no passado. E se alguém vier lhe pedir um conselho em um tema parecido, você irá associar as suas experiências passadas para "aconselhar" esta pessoa, contaminando a experiência do outro, pois os acontecimentos e experiências do outro, não são as mesmas experiências que as suas. Os anseios e a necessidade do outro são diferentes das suas, por isso precisamos ter cuidado na hora de dar ou pedir "conselhos". É preciso olhar a situação no presente sem vincular ao passado. Não deixe que as experiências passadas ditem o seu comportamento presente”.
  • 11. Trabalhar a autoresponsabilidade, agir com consciência e presença, exige de nós um exercício diário. Exige observar o nosso comportamento, o que pensamos e como gostaríamos de fato de agir, se livrando das amarras do passado, caso queira. Se agirmos de forma inconsciente, deixaremos que o inconsciente escolha, baseado nas experiências passadas que podem ser ou não ruins. Com consciência e presença escolhemos baseado em nossa real intensão. “Se agirmos de forma inconsciente, deixaremos que o inconsciente escolha, baseado nas experiências passadas. Com consciência e presença escolhemos baseado em nossa real intensão em prol do nosso objetivo de fato”.
  • 12. Autoconhecimento é um grande facilitador no relacionamento com a gente mesmo. O que pensamos sobre quem somos, pode influenciar em todas as áreas da nossa vida. Observe seu conceito sobre autoconfiança, autoimagem, autoestima, autoresponsabilidade, que tem por base o que você pensa sobre si mesmo, além de afetar também a forma como nos tratamos, nos cobramos e lidamos com nosso sucesso ou frustrações. Todo este contexto, impacta também a relação que temos conosco, onde podemos ser ou não mais cruéis com o nosso nível de cobrança, com a exigência pessoal e a forma como lidamos com os nossos erros e com as expectativas que depositamos em nós ou que são colocadas através de alguém. Como você lida com suas frustrações? Como esta o seu nível de autoaceitação, por que você é? Autoconhecimento
  • 13. Reconhecer em nós quem de fato somos, trabalhando as nossas características, valorizando a nossa história, nossos valores e colhendo as nossas qualidades e defeitos de forma clara, pode nos levar muito mais além, pode nos desprender das expectativas alheias e surreais,. O equilíbrio pessoal esta relacionado 100% em acolher quem de fato somos, onde estamos, quais escolhas devemos fazer, trazendo para o consciente para assim de fato começar a caminhar para as mudanças. ...autoconhecimento
  • 14. Neste processo você se aceita como de fato é, se colocando livre para ser quem é. Quem cumpre nossas necessidades somos nós mesmos, não devemos depositar no outro a projeção de ser quem ele não é. Se existe em você uma necessidade de cumprir uma expectativa de outro alguém, você esta no caminho oposto ao do autoconhecimento. Se existe a necessidade de agir diferente do seu natural para suprir expectativas alheias, você perderá o seu próprio EU. As mudanças certamente irão ocorrer no processo de autoconhecimento, mas não com o objetivo de suprir expectativas alheias e sim em se encontrar e entrar em estado de aceitação consigo mesmo e não para cumprir um papel para ser aceito em um grupo, relação, sociedade e afins.
  • 15. O autoconhecimento é um processo que pode levar uma vida inteira, e quando se aprende aos poucos a olhar para si, respeitando suas características como individuo, seus limites, entendendo e aprendendo tudo aquilo que te faz bem, te levando para um estado de aceitação e transformação pessoal para que você entre em contato com realmente o que faz sentido para sua vida, seu propósito, isso pode se tornar libertador. É possível criar expectativa realista, adequada, com metas alcançáveis, com sonhos possíveis juntamente com um plano, para que haja uma real satisfação. Onde o caminho também deve ser prazeroso, o trajeto também deve lhe trazer felicidade. Não basta acreditar que quando alcançar isso ou aquilo, terá valido todo o esforço. A vida é muito curta e rápida, não podemos perdê-la vivendo o sonho e os anseios de outras pessoas. A gente paga sempre um preço pelas coisas que fazemos, portanto é preciso ter sensibilidade para perceber e refazer a rota sempre que necessário. Por que você faz o que você faz? Como anda o seu relacionamento consigo mesmo?
  • 16. Agora que você já sabe a importância de desenvolver o seu autoconhecimento, auto responsabilidade e também tomar decisões com mais consciência e presença, Finalizando Vamos para o próximo passo? Equilibrar a sua vida e carreira? Quer participar do meu próximo webnário, totalmente gratuito, para falarmos mais sobre este assunto? Entre em contato via whatsApp (31) 9.9191 8659 e entre na próxima turma @ludmilaforts