SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 22
ASCONFERENCIASEMDEFESADOMEIOAMBIENTE
CAPÍTULO 12
Professora Ana Paula
Colégio Auxiliadora – 2016
1. INTERFERENCIAS HUMANAS NOS ECOSSISTEMAS
Desde os antepassados do Homo Sapiens, existe uma
transformação na natureza;
No Início, irrelevante:
Poucos habitantes
A sedentarização
O cultivo
Domesticação de animais
Posterior, a população quadruplicou, surgiu a Revolução Industrial e o
crescimento acelerado que deu origem a:
• Grandes impactos ambientais
• Aumento da capacidade de transformação
• Novos modelos de consumo
Obs: Analisar as págs. 246 e 247 (Evolução das técnicas de transformação do espaço geográfico)
• As Conferências da ONU sobre o clima,
conhecidas como (COPs –
Conferências das Partes da
Convenção-Quadro da ONU sobre
Mudanças Climáticas) ocorreram a
partir de 1995, mas esses acordos vem
sendo feitos desde 1972.
• Foi em 1972 que ocorreu a conferência
de Estocolmo, com o objetivo de criar
um documento que norteasse a conduta
dos países com relação as emissões de
gases do efeito estufa e também sobre
um novo comportamento sustentável.
2. A IMPORTANCIA DA QUESTÃO AMBIENTAL
• Ao final da década de 1960, o mundo
dividido em dois blocos antagônicos(1º
mundo e 2º mundo);
• Surgem os problemas ambientais do 1º
mundo com grandes impactos
ambientais;
• Os de 2º mundo buscavam acelerar o
seu processo de industrialização;
• Os de 3º mundo, maioria capitalista,
também imperava um modelo agressivo
ao meio ambiente.
• 1970 – Surgiram correntes de pensamentos sobre as causas da
degradação e da explosão demográfica;
• 1971 – Publicação do estudo chamado “Limites de Crescimento” com
intensão de estudar os problemas mundiais;
• O Grupo de estudo: Clube de Roma:
5 variáveis:
Tecnologia, População, Nutrição, Recursos Naturais, Meio ambiente
Conclusão do estudo: Colapso no ano 2000 se continuar o consumo.
Ler: pág. 248 – 3º ¶
3. A INVIABILIDADE DO MODELO
CONSUMISTA DE DESENVOLVIMENTO
Exemplo: China
• Aumento do desenvolvimento industrial;
• Aumento econômico;
• Aumento na produção de resíduos;
• 2008 – maior emissor de dióxido de carbono na atmosfera;
A preservação só reduziria a competitividade
Busca energia renovável
Para atingir um modelo de desenvolvimento social e ecologicamente,
teríamos que possuir um novo modelo de sociedade.
4. ESTOCOLMO - 72
• Conferencia das Nações
Unidas sobre o Homem e o
Meio Ambiente – Estocolmo
(Suécia) de 5 a 16 de junho
de 1972;
• Discutidas as polêmicas
sobre o antagonismo entre
desenvolvimento X Meio
Ambiente apresentada em
1971 no Clube de Roma;
• Foram elaboradas 26 princípios com ações para resolver os conflitos
entre preservação ambiental e crescimento econômico;
• Criação da Pnuma – Programa das Nações unidas para o Meio
Ambiente
• Dia 05 de junho – Dia Internacional do Meio Ambiente
5. O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL
• Em 1983, publicado o Relatório Brundtland (Estudo
denominado “Nosso Estudo Comum”);
• Foi publicado pelo comissão mundial sobre o Meio
Ambiente e o Desenvolvimento da ONU;
Esse estudo:
Buscava um equilíbrio entre as posições antagônicas
surgidas em Estocolmo 72;
Criou a noção de Desenvolvimento Sustentável
A constituição promulgada em 1988 já proporcionou em seu texto o
conceito de Desenvolvimento Sustentável, a primeira da história do
Brasil a dedicar um capítulo ao Meio Ambiente.
6. RIO -
92• Eco 92 ou Cúpula daTerra;
• Reuniram-se 178 países;
• A partir do relatório Brundtland
Objetivo: minimizar os impactos ambientais no
planeta, garantindo o futuro das próximas
gerações.
Foram elaboradas duas convenções: Uma sobre a
Biodiversidade outra sobre as mudanças climáticas;
Uma declaração de princípios relativos às florestas
e um plano de ação.
Ver quadro pág. 254
7. RIO +
10
• Em Johanesburgo, África do Sul, 2002, 191
países;
• Objetivo: Realizar um balanço dos resultados
práticos obtidos depois da Rio 92.
Discutidos 4 temas:
Erradicação da Pobreza;
Mudanças do padrão de produção e consumo;
Utilização Sustentável dos Recursos Naturais;
Possibilidades de se compatibilizar os efeitos
de globalização com a do desenvolvimento
sustentável.
• Porém, a agenda 21 acabou se
restringindo a um conjunto de
diretrizes que cada país pode ou
não realizar na prática;
• Cada país transforma em lei para
garantir a sua realização.
8. RIO + 20
• Em Junho de 2012, no Rio de Janeiro;
• Conceito de EconomiaVerde surge mas não se chega a um
consenso.;
• Analisar quadro pág. 256
O documento “O Futuro que Queremos” não
apresentou nenhum avanço teórico ou político
em relação as conferencias anteriores;
Adiado para o próximo encontro
• A criação de um mecanismo de
financiamento de Desenvolvimento
Sustentável
• Acordo para a proteção Alto-mar
As conferencias em defesa do meio ambiente
As conferencias em defesa do meio ambiente
As conferencias em defesa do meio ambiente
As conferencias em defesa do meio ambiente
As conferencias em defesa do meio ambiente

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Conferências ambientais
Conferências ambientaisConferências ambientais
Conferências ambientaisArtur Lara
 
01 geopolítica
01 geopolítica01 geopolítica
01 geopolíticaedsonluz
 
Revisão de geografia europa - 9º ano
Revisão de geografia   europa - 9º anoRevisão de geografia   europa - 9º ano
Revisão de geografia europa - 9º anoSimone Aguiar
 
A indústria no brasil
A indústria no brasilA indústria no brasil
A indústria no brasilProfessor
 
Climatologia - fatores e elementos do clima, fenômenos climáticos e classific...
Climatologia - fatores e elementos do clima, fenômenos climáticos e classific...Climatologia - fatores e elementos do clima, fenômenos climáticos e classific...
Climatologia - fatores e elementos do clima, fenômenos climáticos e classific...Saulo Lucena
 
Industrialização brasil
Industrialização brasilIndustrialização brasil
Industrialização brasiledsonluz
 
Urbanização brasileira
Urbanização brasileiraUrbanização brasileira
Urbanização brasileiraAbner de Paula
 
Organizações internacionais mundiais
Organizações internacionais mundiaisOrganizações internacionais mundiais
Organizações internacionais mundiaisJane Mary Lima Castro
 
IDH - Índice de Desenvolvimento Humano
IDH - Índice de Desenvolvimento HumanoIDH - Índice de Desenvolvimento Humano
IDH - Índice de Desenvolvimento HumanoIdalina Leite
 
Conferencias Do Clima
Conferencias Do ClimaConferencias Do Clima
Conferencias Do Climavallmachado
 
fatores e elementos climáticos
 fatores e elementos climáticos fatores e elementos climáticos
fatores e elementos climáticosCarolina Corrêa
 

Mais procurados (20)

Conferências ambientais
Conferências ambientaisConferências ambientais
Conferências ambientais
 
Populaçao mundial
Populaçao mundialPopulaçao mundial
Populaçao mundial
 
01 geopolítica
01 geopolítica01 geopolítica
01 geopolítica
 
Revisão de geografia europa - 9º ano
Revisão de geografia   europa - 9º anoRevisão de geografia   europa - 9º ano
Revisão de geografia europa - 9º ano
 
Onu
OnuOnu
Onu
 
A indústria no brasil
A indústria no brasilA indústria no brasil
A indústria no brasil
 
Climatologia - fatores e elementos do clima, fenômenos climáticos e classific...
Climatologia - fatores e elementos do clima, fenômenos climáticos e classific...Climatologia - fatores e elementos do clima, fenômenos climáticos e classific...
Climatologia - fatores e elementos do clima, fenômenos climáticos e classific...
 
Problemas globais do meio ambiente
Problemas globais do meio ambienteProblemas globais do meio ambiente
Problemas globais do meio ambiente
 
Organizações internacionais
Organizações internacionaisOrganizações internacionais
Organizações internacionais
 
Industrialização brasil
Industrialização brasilIndustrialização brasil
Industrialização brasil
 
Populaçao brasileira
Populaçao brasileiraPopulaçao brasileira
Populaçao brasileira
 
Urbanização brasileira
Urbanização brasileiraUrbanização brasileira
Urbanização brasileira
 
Onu
OnuOnu
Onu
 
Organizações internacionais mundiais
Organizações internacionais mundiaisOrganizações internacionais mundiais
Organizações internacionais mundiais
 
IDH - Índice de Desenvolvimento Humano
IDH - Índice de Desenvolvimento HumanoIDH - Índice de Desenvolvimento Humano
IDH - Índice de Desenvolvimento Humano
 
Modulo 06 - O quadro natural da Europa
Modulo 06 - O quadro natural da EuropaModulo 06 - O quadro natural da Europa
Modulo 06 - O quadro natural da Europa
 
Conferencias ambientais-e-cops.
Conferencias ambientais-e-cops.Conferencias ambientais-e-cops.
Conferencias ambientais-e-cops.
 
Conferencias Do Clima
Conferencias Do ClimaConferencias Do Clima
Conferencias Do Clima
 
fatores e elementos climáticos
 fatores e elementos climáticos fatores e elementos climáticos
fatores e elementos climáticos
 
Economia asiática
Economia asiáticaEconomia asiática
Economia asiática
 

Destaque

Conferencias ambientais
Conferencias ambientaisConferencias ambientais
Conferencias ambientaisrsaloes
 
El comportamiento animal consecuente al cambio climático aaa
El comportamiento animal consecuente al cambio climático aaaEl comportamiento animal consecuente al cambio climático aaa
El comportamiento animal consecuente al cambio climático aaaISMAIL SUHARIZ
 
PORTAFOLIO DE CONFERENCIAS CONTABLE Y JURIDICO S.A.S
PORTAFOLIO DE CONFERENCIAS CONTABLE Y JURIDICO S.A.SPORTAFOLIO DE CONFERENCIAS CONTABLE Y JURIDICO S.A.S
PORTAFOLIO DE CONFERENCIAS CONTABLE Y JURIDICO S.A.SContableyJuridico
 
Cap 7 a natureza e o tempo
Cap 7 a natureza e o tempoCap 7 a natureza e o tempo
Cap 7 a natureza e o tempoSarah Lemes
 
Construções sustentáveis
Construções sustentáveisConstruções sustentáveis
Construções sustentáveisHeitor Moniva
 
Meio ambiente apresentacao final
Meio ambiente  apresentacao finalMeio ambiente  apresentacao final
Meio ambiente apresentacao finalneto Serafim
 
4.ii conferências do meio ambiente
4.ii conferências do meio ambiente4.ii conferências do meio ambiente
4.ii conferências do meio ambienteRoney Gusmão
 
As grandes conferências internacionais
As grandes conferências internacionaisAs grandes conferências internacionais
As grandes conferências internacionaisAlmir
 
Aula Geografia QuestäEs Ambientais
Aula Geografia QuestäEs AmbientaisAula Geografia QuestäEs Ambientais
Aula Geografia QuestäEs AmbientaisPedro Ferraz'
 
Análise Ambiental
Análise AmbientalAnálise Ambiental
Análise AmbientalProjetoCRP
 
BAB 1 Flora dan Fauna (Geografi kelas XI)
BAB 1 Flora dan Fauna (Geografi kelas XI)BAB 1 Flora dan Fauna (Geografi kelas XI)
BAB 1 Flora dan Fauna (Geografi kelas XI)fadillahsalsa
 
O Ambiente de Marketing
O Ambiente de MarketingO Ambiente de Marketing
O Ambiente de MarketingKarina Rocha
 
Macro ambiente
Macro ambienteMacro ambiente
Macro ambienteIsadora
 
História da questão ambiental
História da questão ambientalHistória da questão ambiental
História da questão ambientaldemervalm
 

Destaque (17)

Conferencias ambientais
Conferencias ambientaisConferencias ambientais
Conferencias ambientais
 
El comportamiento animal consecuente al cambio climático aaa
El comportamiento animal consecuente al cambio climático aaaEl comportamiento animal consecuente al cambio climático aaa
El comportamiento animal consecuente al cambio climático aaa
 
PORTAFOLIO DE CONFERENCIAS CONTABLE Y JURIDICO S.A.S
PORTAFOLIO DE CONFERENCIAS CONTABLE Y JURIDICO S.A.SPORTAFOLIO DE CONFERENCIAS CONTABLE Y JURIDICO S.A.S
PORTAFOLIO DE CONFERENCIAS CONTABLE Y JURIDICO S.A.S
 
Agua y Cambio Climático
Agua y Cambio ClimáticoAgua y Cambio Climático
Agua y Cambio Climático
 
Cap 7 a natureza e o tempo
Cap 7 a natureza e o tempoCap 7 a natureza e o tempo
Cap 7 a natureza e o tempo
 
Meio ambiente
Meio ambienteMeio ambiente
Meio ambiente
 
Construções sustentáveis
Construções sustentáveisConstruções sustentáveis
Construções sustentáveis
 
Meio ambiente apresentacao final
Meio ambiente  apresentacao finalMeio ambiente  apresentacao final
Meio ambiente apresentacao final
 
4.ii conferências do meio ambiente
4.ii conferências do meio ambiente4.ii conferências do meio ambiente
4.ii conferências do meio ambiente
 
As grandes conferências internacionais
As grandes conferências internacionaisAs grandes conferências internacionais
As grandes conferências internacionais
 
Conferências sobre meio ambiente
Conferências sobre meio ambienteConferências sobre meio ambiente
Conferências sobre meio ambiente
 
Aula Geografia QuestäEs Ambientais
Aula Geografia QuestäEs AmbientaisAula Geografia QuestäEs Ambientais
Aula Geografia QuestäEs Ambientais
 
Análise Ambiental
Análise AmbientalAnálise Ambiental
Análise Ambiental
 
BAB 1 Flora dan Fauna (Geografi kelas XI)
BAB 1 Flora dan Fauna (Geografi kelas XI)BAB 1 Flora dan Fauna (Geografi kelas XI)
BAB 1 Flora dan Fauna (Geografi kelas XI)
 
O Ambiente de Marketing
O Ambiente de MarketingO Ambiente de Marketing
O Ambiente de Marketing
 
Macro ambiente
Macro ambienteMacro ambiente
Macro ambiente
 
História da questão ambiental
História da questão ambientalHistória da questão ambiental
História da questão ambiental
 

Semelhante a As conferencias em defesa do meio ambiente

Ecologia e relações internacionais
Ecologia e relações internacionaisEcologia e relações internacionais
Ecologia e relações internacionaisAlmir
 
Meio ambiente
Meio ambienteMeio ambiente
Meio ambientetsocio
 
Meio ambiente e desenvolvimento sustentvel
Meio ambiente e desenvolvimento sustentvelMeio ambiente e desenvolvimento sustentvel
Meio ambiente e desenvolvimento sustentveljaneibe
 
Meio ambiente e desenvolvimento sustentável conhecimentos gerais - história...
Meio ambiente e desenvolvimento sustentável   conhecimentos gerais - história...Meio ambiente e desenvolvimento sustentável   conhecimentos gerais - história...
Meio ambiente e desenvolvimento sustentável conhecimentos gerais - história...História Pensante
 
Conferências Internacionais sobre Mudanças Climáticas
Conferências Internacionais sobre Mudanças ClimáticasConferências Internacionais sobre Mudanças Climáticas
Conferências Internacionais sobre Mudanças Climáticasdela28
 
Cenario internacional do_meio_ambiente_resumido_
Cenario internacional do_meio_ambiente_resumido_Cenario internacional do_meio_ambiente_resumido_
Cenario internacional do_meio_ambiente_resumido_Danilo De Albuquerque Sousa
 
Seminário A Sustentabilidade no Jornalismo Brasileiro - Programa RSE na Mídia...
Seminário A Sustentabilidade no Jornalismo Brasileiro - Programa RSE na Mídia...Seminário A Sustentabilidade no Jornalismo Brasileiro - Programa RSE na Mídia...
Seminário A Sustentabilidade no Jornalismo Brasileiro - Programa RSE na Mídia...institutoethos
 
Aula 6 histórico movimentos ambientais e desenvolvimento sustentável
Aula 6 histórico movimentos ambientais e desenvolvimento sustentávelAula 6 histórico movimentos ambientais e desenvolvimento sustentável
Aula 6 histórico movimentos ambientais e desenvolvimento sustentávelcrislcardoso
 
Direito ambiental _aula_2__slides
Direito ambiental _aula_2__slidesDireito ambiental _aula_2__slides
Direito ambiental _aula_2__slidesLuis Olavo
 
Desenvolvimento sustentavel slides
Desenvolvimento sustentavel slidesDesenvolvimento sustentavel slides
Desenvolvimento sustentavel slidesdanieleaguiar18
 
Aula 01- A evolucao da questao ambiental e suas repercussoes no ambiente empr...
Aula 01- A evolucao da questao ambiental e suas repercussoes no ambiente empr...Aula 01- A evolucao da questao ambiental e suas repercussoes no ambiente empr...
Aula 01- A evolucao da questao ambiental e suas repercussoes no ambiente empr...gomezzeduardo88
 
Principais conferencias e cimeiras Links completos no final
Principais conferencias e cimeiras Links completos no finalPrincipais conferencias e cimeiras Links completos no final
Principais conferencias e cimeiras Links completos no finaljoschaves20
 

Semelhante a As conferencias em defesa do meio ambiente (20)

Eco 92
Eco   92Eco   92
Eco 92
 
Planejamentogestaoambiental
PlanejamentogestaoambientalPlanejamentogestaoambiental
Planejamentogestaoambiental
 
Ecologia e relações internacionais
Ecologia e relações internacionaisEcologia e relações internacionais
Ecologia e relações internacionais
 
Trabalho de didática
Trabalho de didáticaTrabalho de didática
Trabalho de didática
 
Meio ambiente
Meio ambienteMeio ambiente
Meio ambiente
 
Meio ambiente - Resumo
Meio ambiente - ResumoMeio ambiente - Resumo
Meio ambiente - Resumo
 
Meio ambiente e desenvolvimento sustentvel
Meio ambiente e desenvolvimento sustentvelMeio ambiente e desenvolvimento sustentvel
Meio ambiente e desenvolvimento sustentvel
 
Meio ambiente e desenvolvimento sustentável conhecimentos gerais - história...
Meio ambiente e desenvolvimento sustentável   conhecimentos gerais - história...Meio ambiente e desenvolvimento sustentável   conhecimentos gerais - história...
Meio ambiente e desenvolvimento sustentável conhecimentos gerais - história...
 
Conferências Internacionais sobre Mudanças Climáticas
Conferências Internacionais sobre Mudanças ClimáticasConferências Internacionais sobre Mudanças Climáticas
Conferências Internacionais sobre Mudanças Climáticas
 
Cenario internacional do_meio_ambiente_resumido_
Cenario internacional do_meio_ambiente_resumido_Cenario internacional do_meio_ambiente_resumido_
Cenario internacional do_meio_ambiente_resumido_
 
A sustentabilidade para além dos muros da universidade
A sustentabilidade para além dos muros da universidadeA sustentabilidade para além dos muros da universidade
A sustentabilidade para além dos muros da universidade
 
Seminário A Sustentabilidade no Jornalismo Brasileiro - Programa RSE na Mídia...
Seminário A Sustentabilidade no Jornalismo Brasileiro - Programa RSE na Mídia...Seminário A Sustentabilidade no Jornalismo Brasileiro - Programa RSE na Mídia...
Seminário A Sustentabilidade no Jornalismo Brasileiro - Programa RSE na Mídia...
 
Iso 14000 resumo
Iso 14000   resumoIso 14000   resumo
Iso 14000 resumo
 
Aula 6 histórico movimentos ambientais e desenvolvimento sustentável
Aula 6 histórico movimentos ambientais e desenvolvimento sustentávelAula 6 histórico movimentos ambientais e desenvolvimento sustentável
Aula 6 histórico movimentos ambientais e desenvolvimento sustentável
 
Direito ambiental _aula_2__slides
Direito ambiental _aula_2__slidesDireito ambiental _aula_2__slides
Direito ambiental _aula_2__slides
 
Desenvolvimento sustentavel slides
Desenvolvimento sustentavel slidesDesenvolvimento sustentavel slides
Desenvolvimento sustentavel slides
 
Aula 01- A evolucao da questao ambiental e suas repercussoes no ambiente empr...
Aula 01- A evolucao da questao ambiental e suas repercussoes no ambiente empr...Aula 01- A evolucao da questao ambiental e suas repercussoes no ambiente empr...
Aula 01- A evolucao da questao ambiental e suas repercussoes no ambiente empr...
 
Principais conferencias e cimeiras Links completos no final
Principais conferencias e cimeiras Links completos no finalPrincipais conferencias e cimeiras Links completos no final
Principais conferencias e cimeiras Links completos no final
 
Eco rio 92
Eco rio 92Eco rio 92
Eco rio 92
 
conferências
conferênciasconferências
conferências
 

Último

Teatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioTeatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioWyngDaFelyzitahLamba
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...Eró Cunha
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfGisellySobral
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na Áfricajuekfuek
 
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!Centro Jacques Delors
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMary Alvarenga
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilMariaHelena293800
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptxnelsontobontrujillo
 
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da CapivaraPré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivararambomarcos
 
VIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdf
VIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdfVIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdf
VIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdfbragamoysesaline
 
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaApresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaCentro Jacques Delors
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024azulassessoria9
 
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOSINTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOSPedro Luis Moraes
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresAna Isabel Correia
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdfCarinaSofiaDiasBoteq
 
ESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da prova
ESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da provaESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da prova
ESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da provaANNAPAULAAIRESDESOUZ
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEblogdoelvis
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfAndersonW5
 
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestreFilosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestreLeandroLima265595
 

Último (20)

Teatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioTeatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundario
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
 
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
 
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da CapivaraPré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
 
VIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdf
VIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdfVIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdf
VIDA E OBRA , PRINCIPAIS ESTUDOS ARISTOTELES.pdf
 
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaApresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
 
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOSINTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
 
ESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da prova
ESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da provaESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da prova
ESPANHOL PARA O ENEM (2).pdf questões da prova
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestreFilosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
 

As conferencias em defesa do meio ambiente

  • 2. 1. INTERFERENCIAS HUMANAS NOS ECOSSISTEMAS Desde os antepassados do Homo Sapiens, existe uma transformação na natureza; No Início, irrelevante: Poucos habitantes A sedentarização O cultivo Domesticação de animais
  • 3. Posterior, a população quadruplicou, surgiu a Revolução Industrial e o crescimento acelerado que deu origem a: • Grandes impactos ambientais • Aumento da capacidade de transformação • Novos modelos de consumo Obs: Analisar as págs. 246 e 247 (Evolução das técnicas de transformação do espaço geográfico)
  • 4.
  • 5.
  • 6. • As Conferências da ONU sobre o clima, conhecidas como (COPs – Conferências das Partes da Convenção-Quadro da ONU sobre Mudanças Climáticas) ocorreram a partir de 1995, mas esses acordos vem sendo feitos desde 1972. • Foi em 1972 que ocorreu a conferência de Estocolmo, com o objetivo de criar um documento que norteasse a conduta dos países com relação as emissões de gases do efeito estufa e também sobre um novo comportamento sustentável.
  • 7. 2. A IMPORTANCIA DA QUESTÃO AMBIENTAL • Ao final da década de 1960, o mundo dividido em dois blocos antagônicos(1º mundo e 2º mundo); • Surgem os problemas ambientais do 1º mundo com grandes impactos ambientais; • Os de 2º mundo buscavam acelerar o seu processo de industrialização; • Os de 3º mundo, maioria capitalista, também imperava um modelo agressivo ao meio ambiente.
  • 8. • 1970 – Surgiram correntes de pensamentos sobre as causas da degradação e da explosão demográfica; • 1971 – Publicação do estudo chamado “Limites de Crescimento” com intensão de estudar os problemas mundiais; • O Grupo de estudo: Clube de Roma: 5 variáveis: Tecnologia, População, Nutrição, Recursos Naturais, Meio ambiente Conclusão do estudo: Colapso no ano 2000 se continuar o consumo. Ler: pág. 248 – 3º ¶
  • 9. 3. A INVIABILIDADE DO MODELO CONSUMISTA DE DESENVOLVIMENTO Exemplo: China • Aumento do desenvolvimento industrial; • Aumento econômico; • Aumento na produção de resíduos; • 2008 – maior emissor de dióxido de carbono na atmosfera; A preservação só reduziria a competitividade Busca energia renovável Para atingir um modelo de desenvolvimento social e ecologicamente, teríamos que possuir um novo modelo de sociedade.
  • 10. 4. ESTOCOLMO - 72 • Conferencia das Nações Unidas sobre o Homem e o Meio Ambiente – Estocolmo (Suécia) de 5 a 16 de junho de 1972; • Discutidas as polêmicas sobre o antagonismo entre desenvolvimento X Meio Ambiente apresentada em 1971 no Clube de Roma;
  • 11. • Foram elaboradas 26 princípios com ações para resolver os conflitos entre preservação ambiental e crescimento econômico; • Criação da Pnuma – Programa das Nações unidas para o Meio Ambiente • Dia 05 de junho – Dia Internacional do Meio Ambiente
  • 12. 5. O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL • Em 1983, publicado o Relatório Brundtland (Estudo denominado “Nosso Estudo Comum”); • Foi publicado pelo comissão mundial sobre o Meio Ambiente e o Desenvolvimento da ONU; Esse estudo: Buscava um equilíbrio entre as posições antagônicas surgidas em Estocolmo 72; Criou a noção de Desenvolvimento Sustentável
  • 13. A constituição promulgada em 1988 já proporcionou em seu texto o conceito de Desenvolvimento Sustentável, a primeira da história do Brasil a dedicar um capítulo ao Meio Ambiente.
  • 14. 6. RIO - 92• Eco 92 ou Cúpula daTerra; • Reuniram-se 178 países; • A partir do relatório Brundtland Objetivo: minimizar os impactos ambientais no planeta, garantindo o futuro das próximas gerações. Foram elaboradas duas convenções: Uma sobre a Biodiversidade outra sobre as mudanças climáticas; Uma declaração de princípios relativos às florestas e um plano de ação. Ver quadro pág. 254
  • 15. 7. RIO + 10 • Em Johanesburgo, África do Sul, 2002, 191 países; • Objetivo: Realizar um balanço dos resultados práticos obtidos depois da Rio 92. Discutidos 4 temas: Erradicação da Pobreza; Mudanças do padrão de produção e consumo; Utilização Sustentável dos Recursos Naturais; Possibilidades de se compatibilizar os efeitos de globalização com a do desenvolvimento sustentável.
  • 16. • Porém, a agenda 21 acabou se restringindo a um conjunto de diretrizes que cada país pode ou não realizar na prática; • Cada país transforma em lei para garantir a sua realização.
  • 17. 8. RIO + 20 • Em Junho de 2012, no Rio de Janeiro; • Conceito de EconomiaVerde surge mas não se chega a um consenso.; • Analisar quadro pág. 256 O documento “O Futuro que Queremos” não apresentou nenhum avanço teórico ou político em relação as conferencias anteriores; Adiado para o próximo encontro • A criação de um mecanismo de financiamento de Desenvolvimento Sustentável • Acordo para a proteção Alto-mar