SlideShare uma empresa Scribd logo
Armazenagem de Carga nos
Portos
Aula 3
O Porto como Plataforma Logística
Zona delimitada no interior da qual se exercem, por
diferentes operadores, todas as atividades relativas ao
transporte, à logística e à distribuição de mercadorias,
tanto para o trânsito nacional, como para o internacional.
(Europlatforms -1992)
Tipologia das Plataformas Logísticas
Plataformas
mono modais
Nó de abastecimento / atacadista
Centros de transporte terrestre
Área logística de distribuição
Plataformas de
intercâmbio
modal
Centro de carga aérea
Zona de atividades logística portuárias
Porto Seco
Plataformas
Multimodais
Plataforma logística multimodal
Fonte: ALG
Tipologia das Plataformas Logísticas
NÓS DE ABASTECIMENTO / ATACADO
Âmbito local
Próximas a centros urbanos
Finalidade de abastecimento
Fornecedores de produtos e
Distribuidores atacadistas
Mercabana (Barcelona)
CEAGESP – São Paulo
Tipologia das Plataformas Logísticas
CENTROS DE TRANSPORTE TERRESTRE
Plataformas centradas no
transporte rodoviário ;
Âmbito regional ;
Fornecimento de serviços às
empresas de transporte ;
Áreas de armazenagem e logística.
Tipologia das Plataformas Logísticas
ÁREA LOGÍSTICA DE DISTRIBUIÇÃO
Plataformas nacionais ;
Desenvolvem atividades logísticas ;
Presença de empresas industriais.
Park Logisticis (UK)
Tipologia das Plataformas Logísticas
CENTROS DE CARGA AÉREA
Plataformas especializadas na transferência do modal ar-terra ;
Transformação de cargas aéreas ;
Atividades de agenciamento de cargas.
Centro de Carga Aérea - Madri
Tipologia das Plataformas Logísticas
PORTO SECO
Plataformas Intermodais ;
Localizado no interior (zona secundária) ;
Link direto com o porto marítimo ;
Operações de movimentação, armazenagem e controle aduaneiro ;
Proposta pela Receita Federal no Brasil (há interesse na melhora da
logística?).
Portos Secos de Anápolis
(GO) e Uruguaiana (RS)
Tipologia das Plataformas Logísticas
ZONA DE ATIVIDADES
LOGÍSTICAS PORTUÁRIAS (ZAL)
Plataformas logísticas ligadas aos
portos marítimos ;
Atividades do porto de acolhimento da
segunda e terceira linha portuária ;
Ligada as atividades logísticas de
mercadorias marítimas.
ZAL X Porto Seco
•Vocação para as atividades logísticas
(distribuição, consolidação e agregação de valor)
•Presença de empresas industriais ou de
serviços
•Situada junto à entrocamentos rodoviários,
ferroviários, hidroviários e/ou aeroviários
As áreas de negócio com mercado identificado para a ZAL se
confirmam por terrenos logísticos, um truck center, um
service center, anteporto e potenciais terminais multimodais
Desenho funcional de uma plataforma tipo
Instalaciones logísticas
modulares compartidas
Instalaciones logísticas en
parcelas propias
Intercambio
ferroviario
Ce
ntro
d
e
ne
g
o
c
io
s
Ce
ntro
d
e
a
te
nc
ió
n
a
l
c
a
m
ió
n
y
tra
nsp
o
rtista
Área Multimodal
Intercambio
marítimo DIAN
Zona aduanera
Área
de
Servicios
Áreas de Logística
Via
le
s
y
a
c
c
e
so
s
Ap
a
rc
a
-
m
ie
nto
s
y
d
e
p
o
ts
Zo
na
d
e
e
q
uip
a
m
ie
nto
s
Área
s
de
Apoyo
ADUANA
Instalaciones logísticas
modulares compartidas
Instalaciones logísticas en
parcelas propias
Intercambio
ferroviario
Ce
ntro
d
e
ne
g
o
c
io
s
Ce
ntro
d
e
a
te
nc
ió
n
a
l
c
a
m
ió
n
y
tra
nsp
o
rtista
Área Multimodal
Intercambio
marítimo DIAN
Zona aduanera
Área
de
Servicios
Áreas de Logística
Via
le
s
y
a
c
c
e
so
s
Ap
a
rc
a
-
m
ie
nto
s
y
d
e
p
o
ts
Zo
na
d
e
e
q
uip
a
m
ie
nto
s
Área
s
de
Apoyo
ADUANA
• As diferentes zonas são opcionais, dependendo da orientação funcional da plataforma (é opcional a inclusão de uma zona aduaneira para um centro de
distribuição urbana; a existência de uma zona de intercâmbio modal está condicionada à possibilidade de vincular o centro com os diferentes modos,
etc.)
Alfândega
Tipologia das Plataformas Logísticas
PLATAFORMAS LOGÍSTICAS
MULTIMODAIS
Plataformas de maior complexidade
funcional ;
Diversas áreas funcionais.
Áreas intermodais:
ferrovia-rodovia
avião-rodovia
hidrovia-rodovia
Plataforma Logística de
Zaragoza (Plaza)
Tipologia das Plataformas Logísticas
PARQUE INDUSTRIAL
Agrupamento de atividades industriais ;
Podem ou não ter relação entre si ;
Disponibilização de serviços públicos
comuns ;
Voltadas para produção. Complexo Industrial de
Suape (PE)
Tipologia das Plataformas Logísticas
PARQUE TECNOLÓGICO
Concentração de empresas e instituições
(empresas, universidades, centros de
pesquisa e investidores) ;
Ambiente favorável à criação tecnológica.
Parque Tecnológico de São
José dos Campos (SP)
Parque Tecnológico de
Andalucía – Málaga (ES)
Tipologia das Plataformas Logísticas
ZONA FRANCA
Zonas Geográficas fora do território
aduaneiro de um país ;
Produtos podem ser armazenados,
processados e fabricados sem pagamento
de tarifas alfandegárias.
Zona Franca de Manaus
Zona Franca do Panamá
Benefícios da Implantação de Plataformas
Logísticas
 Redução de custos de fretes e da produção em geral ;
 Melhora do fluxo de cargas entre cidades atendidas pela
Plataforma ;
 Proporciona toda infraestrutura necessária para agilizar as
importações e exportações ;
 Instalações físicas adequadas para atender cada perfil de
usuário ;
 Geração de mais empregos ;
 Novos postos de trabalhos especializados, demandando o
aumento de cursos técnicos e superior para formação de mão-
de-obra.
Conclusão
• Nesta aula vimos:
O Porto como Plataforma Logística ;
Tipologia das Plataformas Logísticas ;
Benefícios da Implantação de Plataformas
Logísticas.

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Armazenagem de Carga nos Portos - 3.pptx

Gestao-Portuaria-2.ppt
Gestao-Portuaria-2.pptGestao-Portuaria-2.ppt
Gestao-Portuaria-2.ppt
Marcos Boaventura
 
Modais de transporte aula 4
Modais de transporte aula 4Modais de transporte aula 4
Modais de transporte aula 4
Luis Gustavo Lomi
 
2ªaula de logística da uninov ev2
2ªaula de logística da uninov ev22ªaula de logística da uninov ev2
2ªaula de logística da uninov ev2
Eduardo Facchini
 
Sines Logística Automóvel e Aeronáutica
Sines  Logística Automóvel e AeronáuticaSines  Logística Automóvel e Aeronáutica
Aula Aberta Tecnologia e Software nos Transportes e Logística - IPS - ESCE - ...
Aula Aberta Tecnologia e Software nos Transportes e Logística - IPS - ESCE - ...Aula Aberta Tecnologia e Software nos Transportes e Logística - IPS - ESCE - ...
Aula Aberta Tecnologia e Software nos Transportes e Logística - IPS - ESCE - ...
Hugo Duarte da Fonseca
 
Seminario Transportes de Mercadorias e Logística - IST 2016 Engenharia Civil ...
Seminario Transportes de Mercadorias e Logística - IST 2016 Engenharia Civil ...Seminario Transportes de Mercadorias e Logística - IST 2016 Engenharia Civil ...
Seminario Transportes de Mercadorias e Logística - IST 2016 Engenharia Civil ...
Hugo Duarte da Fonseca
 
Apresentação Comercial - em validação final
Apresentação Comercial - em validação finalApresentação Comercial - em validação final
Apresentação Comercial - em validação final
Elog Logística
 
Logística em Comércio Exterior - Oportunidades Profissionais
Logística em Comércio Exterior - Oportunidades ProfissionaisLogística em Comércio Exterior - Oportunidades Profissionais
Logística em Comércio Exterior - Oportunidades Profissionais
ABRACOMEX
 
Portos secos, desafios e potencialidades
Portos secos, desafios e potencialidadesPortos secos, desafios e potencialidades
Portos secos, desafios e potencialidades
Feliciana Monteiro
 
MBA em Gestão de Logística Internacional
MBA em Gestão de Logística InternacionalMBA em Gestão de Logística Internacional
MBA em Gestão de Logística Internacional
ABRACOMEX
 
Logistica internacional material de apoio
Logistica internacional material de apoioLogistica internacional material de apoio
Logistica internacional material de apoio
Anderson Azevedo
 
Inversiones oficar, c
Inversiones oficar, cInversiones oficar, c
Inversiones oficar, c
oficar2302
 
Circuito de compras antp2011 v3
Circuito de compras antp2011 v3Circuito de compras antp2011 v3
Circuito de compras antp2011 v3
trans_smt
 
Aula 6 logística internacional
Aula 6   logística internacionalAula 6   logística internacional
Aula 6 logística internacional
Valeria Carneiro de Mangiacone
 
Planejamento da logística para empresas de comércio exterior - 21 08
Planejamento da logística para empresas de comércio exterior - 21 08Planejamento da logística para empresas de comércio exterior - 21 08
Planejamento da logística para empresas de comércio exterior - 21 08
ABRACOMEX
 
Logistica Urbana na Baixa de Lisboa - Uma Solução Inteligente_ Apresentação P...
Logistica Urbana na Baixa de Lisboa - Uma Solução Inteligente_ Apresentação P...Logistica Urbana na Baixa de Lisboa - Uma Solução Inteligente_ Apresentação P...
Logistica Urbana na Baixa de Lisboa - Uma Solução Inteligente_ Apresentação P...
Luis Neto
 
Palestra guará logística internacional nov
Palestra guará logística internacional   novPalestra guará logística internacional   nov
Palestra guará logística internacional nov
Valeria Carneiro de Mangiacone
 
Autoestradas do Mar - Mobilidade e Comunicação 2
Autoestradas do Mar - Mobilidade e Comunicação 2Autoestradas do Mar - Mobilidade e Comunicação 2
Autoestradas do Mar - Mobilidade e Comunicação 2
Idalina Leite
 
Apresentação logistica escolas
Apresentação logistica escolasApresentação logistica escolas
Apresentação logistica escolas
Walter Garrote
 
Transporte de Mercadorias - Intermodalidade
Transporte de Mercadorias - IntermodalidadeTransporte de Mercadorias - Intermodalidade
Transporte de Mercadorias - Intermodalidade
jorgecarneiroformacao
 

Semelhante a Armazenagem de Carga nos Portos - 3.pptx (20)

Gestao-Portuaria-2.ppt
Gestao-Portuaria-2.pptGestao-Portuaria-2.ppt
Gestao-Portuaria-2.ppt
 
Modais de transporte aula 4
Modais de transporte aula 4Modais de transporte aula 4
Modais de transporte aula 4
 
2ªaula de logística da uninov ev2
2ªaula de logística da uninov ev22ªaula de logística da uninov ev2
2ªaula de logística da uninov ev2
 
Sines Logística Automóvel e Aeronáutica
Sines  Logística Automóvel e AeronáuticaSines  Logística Automóvel e Aeronáutica
Sines Logística Automóvel e Aeronáutica
 
Aula Aberta Tecnologia e Software nos Transportes e Logística - IPS - ESCE - ...
Aula Aberta Tecnologia e Software nos Transportes e Logística - IPS - ESCE - ...Aula Aberta Tecnologia e Software nos Transportes e Logística - IPS - ESCE - ...
Aula Aberta Tecnologia e Software nos Transportes e Logística - IPS - ESCE - ...
 
Seminario Transportes de Mercadorias e Logística - IST 2016 Engenharia Civil ...
Seminario Transportes de Mercadorias e Logística - IST 2016 Engenharia Civil ...Seminario Transportes de Mercadorias e Logística - IST 2016 Engenharia Civil ...
Seminario Transportes de Mercadorias e Logística - IST 2016 Engenharia Civil ...
 
Apresentação Comercial - em validação final
Apresentação Comercial - em validação finalApresentação Comercial - em validação final
Apresentação Comercial - em validação final
 
Logística em Comércio Exterior - Oportunidades Profissionais
Logística em Comércio Exterior - Oportunidades ProfissionaisLogística em Comércio Exterior - Oportunidades Profissionais
Logística em Comércio Exterior - Oportunidades Profissionais
 
Portos secos, desafios e potencialidades
Portos secos, desafios e potencialidadesPortos secos, desafios e potencialidades
Portos secos, desafios e potencialidades
 
MBA em Gestão de Logística Internacional
MBA em Gestão de Logística InternacionalMBA em Gestão de Logística Internacional
MBA em Gestão de Logística Internacional
 
Logistica internacional material de apoio
Logistica internacional material de apoioLogistica internacional material de apoio
Logistica internacional material de apoio
 
Inversiones oficar, c
Inversiones oficar, cInversiones oficar, c
Inversiones oficar, c
 
Circuito de compras antp2011 v3
Circuito de compras antp2011 v3Circuito de compras antp2011 v3
Circuito de compras antp2011 v3
 
Aula 6 logística internacional
Aula 6   logística internacionalAula 6   logística internacional
Aula 6 logística internacional
 
Planejamento da logística para empresas de comércio exterior - 21 08
Planejamento da logística para empresas de comércio exterior - 21 08Planejamento da logística para empresas de comércio exterior - 21 08
Planejamento da logística para empresas de comércio exterior - 21 08
 
Logistica Urbana na Baixa de Lisboa - Uma Solução Inteligente_ Apresentação P...
Logistica Urbana na Baixa de Lisboa - Uma Solução Inteligente_ Apresentação P...Logistica Urbana na Baixa de Lisboa - Uma Solução Inteligente_ Apresentação P...
Logistica Urbana na Baixa de Lisboa - Uma Solução Inteligente_ Apresentação P...
 
Palestra guará logística internacional nov
Palestra guará logística internacional   novPalestra guará logística internacional   nov
Palestra guará logística internacional nov
 
Autoestradas do Mar - Mobilidade e Comunicação 2
Autoestradas do Mar - Mobilidade e Comunicação 2Autoestradas do Mar - Mobilidade e Comunicação 2
Autoestradas do Mar - Mobilidade e Comunicação 2
 
Apresentação logistica escolas
Apresentação logistica escolasApresentação logistica escolas
Apresentação logistica escolas
 
Transporte de Mercadorias - Intermodalidade
Transporte de Mercadorias - IntermodalidadeTransporte de Mercadorias - Intermodalidade
Transporte de Mercadorias - Intermodalidade
 

Mais de Marcos Boaventura

Estatistica_______________Inferencial.pdf
Estatistica_______________Inferencial.pdfEstatistica_______________Inferencial.pdf
Estatistica_______________Inferencial.pdf
Marcos Boaventura
 
686343010-PLANEJAMENTO-OPERACIONAL-PORTUARIO.pdf
686343010-PLANEJAMENTO-OPERACIONAL-PORTUARIO.pdf686343010-PLANEJAMENTO-OPERACIONAL-PORTUARIO.pdf
686343010-PLANEJAMENTO-OPERACIONAL-PORTUARIO.pdf
Marcos Boaventura
 
ANÁLISE DA PRODUTIVIDADE E EFICIÊNCIA EM TERMINAIS.pdf
ANÁLISE DA PRODUTIVIDADE E EFICIÊNCIA EM TERMINAIS.pdfANÁLISE DA PRODUTIVIDADE E EFICIÊNCIA EM TERMINAIS.pdf
ANÁLISE DA PRODUTIVIDADE E EFICIÊNCIA EM TERMINAIS.pdf
Marcos Boaventura
 
5486262-Terminales de carga seca a granel.pdf
5486262-Terminales de carga seca a granel.pdf5486262-Terminales de carga seca a granel.pdf
5486262-Terminales de carga seca a granel.pdf
Marcos Boaventura
 
Tipos de Cargas - Conhecendo suas Características e Classificações.pdf
Tipos de Cargas - Conhecendo suas Características e Classificações.pdfTipos de Cargas - Conhecendo suas Características e Classificações.pdf
Tipos de Cargas - Conhecendo suas Características e Classificações.pdf
Marcos Boaventura
 
518516521512562- portos-aula-4_compress.pdf
518516521512562- portos-aula-4_compress.pdf518516521512562- portos-aula-4_compress.pdf
518516521512562- portos-aula-4_compress.pdf
Marcos Boaventura
 
Tipos de Cargas - Conhecendo suas Características e Classificações.ppt
Tipos de Cargas - Conhecendo suas Características e Classificações.pptTipos de Cargas - Conhecendo suas Características e Classificações.ppt
Tipos de Cargas - Conhecendo suas Características e Classificações.ppt
Marcos Boaventura
 
Aula 5 - Transporte Hidroviário ou Aquaviário.ppt
Aula 5 - Transporte Hidroviário ou Aquaviário.pptAula 5 - Transporte Hidroviário ou Aquaviário.ppt
Aula 5 - Transporte Hidroviário ou Aquaviário.ppt
Marcos Boaventura
 
540203410-s09-s9-Material-Port-Terminals-and-Cargo-Operations-1.pptx
540203410-s09-s9-Material-Port-Terminals-and-Cargo-Operations-1.pptx540203410-s09-s9-Material-Port-Terminals-and-Cargo-Operations-1.pptx
540203410-s09-s9-Material-Port-Terminals-and-Cargo-Operations-1.pptx
Marcos Boaventura
 
6565165455566666665161-PORT-OPERATIONS.ppt
6565165455566666665161-PORT-OPERATIONS.ppt6565165455566666665161-PORT-OPERATIONS.ppt
6565165455566666665161-PORT-OPERATIONS.ppt
Marcos Boaventura
 
5245365485445633558 - Marketing Portuario.ppt
5245365485445633558 - Marketing Portuario.ppt5245365485445633558 - Marketing Portuario.ppt
5245365485445633558 - Marketing Portuario.ppt
Marcos Boaventura
 
ATIVIDADE 2 - Pós Eng. Port..docx
ATIVIDADE 2 - Pós Eng. Port..docxATIVIDADE 2 - Pós Eng. Port..docx
ATIVIDADE 2 - Pós Eng. Port..docx
Marcos Boaventura
 
PNV_3411_2017.ppt
PNV_3411_2017.pptPNV_3411_2017.ppt
PNV_3411_2017.ppt
Marcos Boaventura
 
6-teoria-de-filas-ppt.ppt
6-teoria-de-filas-ppt.ppt6-teoria-de-filas-ppt.ppt
6-teoria-de-filas-ppt.ppt
Marcos Boaventura
 
Diagramas de processo.pdf
Diagramas de processo.pdfDiagramas de processo.pdf
Diagramas de processo.pdf
Marcos Boaventura
 
Slides da aula de PPHO.pdf
Slides da aula de PPHO.pdfSlides da aula de PPHO.pdf
Slides da aula de PPHO.pdf
Marcos Boaventura
 
Slides da aula de PPHO.pdf
Slides da aula de PPHO.pdfSlides da aula de PPHO.pdf
Slides da aula de PPHO.pdf
Marcos Boaventura
 
AULA-11-REGRESSAO-LINEAR-pptx.pptx
AULA-11-REGRESSAO-LINEAR-pptx.pptxAULA-11-REGRESSAO-LINEAR-pptx.pptx
AULA-11-REGRESSAO-LINEAR-pptx.pptx
Marcos Boaventura
 
Linear Process Diagram by Slidesgo.pptx
Linear Process Diagram by Slidesgo.pptxLinear Process Diagram by Slidesgo.pptx
Linear Process Diagram by Slidesgo.pptx
Marcos Boaventura
 
Facebook Ads.pdf
Facebook Ads.pdfFacebook Ads.pdf
Facebook Ads.pdf
Marcos Boaventura
 

Mais de Marcos Boaventura (20)

Estatistica_______________Inferencial.pdf
Estatistica_______________Inferencial.pdfEstatistica_______________Inferencial.pdf
Estatistica_______________Inferencial.pdf
 
686343010-PLANEJAMENTO-OPERACIONAL-PORTUARIO.pdf
686343010-PLANEJAMENTO-OPERACIONAL-PORTUARIO.pdf686343010-PLANEJAMENTO-OPERACIONAL-PORTUARIO.pdf
686343010-PLANEJAMENTO-OPERACIONAL-PORTUARIO.pdf
 
ANÁLISE DA PRODUTIVIDADE E EFICIÊNCIA EM TERMINAIS.pdf
ANÁLISE DA PRODUTIVIDADE E EFICIÊNCIA EM TERMINAIS.pdfANÁLISE DA PRODUTIVIDADE E EFICIÊNCIA EM TERMINAIS.pdf
ANÁLISE DA PRODUTIVIDADE E EFICIÊNCIA EM TERMINAIS.pdf
 
5486262-Terminales de carga seca a granel.pdf
5486262-Terminales de carga seca a granel.pdf5486262-Terminales de carga seca a granel.pdf
5486262-Terminales de carga seca a granel.pdf
 
Tipos de Cargas - Conhecendo suas Características e Classificações.pdf
Tipos de Cargas - Conhecendo suas Características e Classificações.pdfTipos de Cargas - Conhecendo suas Características e Classificações.pdf
Tipos de Cargas - Conhecendo suas Características e Classificações.pdf
 
518516521512562- portos-aula-4_compress.pdf
518516521512562- portos-aula-4_compress.pdf518516521512562- portos-aula-4_compress.pdf
518516521512562- portos-aula-4_compress.pdf
 
Tipos de Cargas - Conhecendo suas Características e Classificações.ppt
Tipos de Cargas - Conhecendo suas Características e Classificações.pptTipos de Cargas - Conhecendo suas Características e Classificações.ppt
Tipos de Cargas - Conhecendo suas Características e Classificações.ppt
 
Aula 5 - Transporte Hidroviário ou Aquaviário.ppt
Aula 5 - Transporte Hidroviário ou Aquaviário.pptAula 5 - Transporte Hidroviário ou Aquaviário.ppt
Aula 5 - Transporte Hidroviário ou Aquaviário.ppt
 
540203410-s09-s9-Material-Port-Terminals-and-Cargo-Operations-1.pptx
540203410-s09-s9-Material-Port-Terminals-and-Cargo-Operations-1.pptx540203410-s09-s9-Material-Port-Terminals-and-Cargo-Operations-1.pptx
540203410-s09-s9-Material-Port-Terminals-and-Cargo-Operations-1.pptx
 
6565165455566666665161-PORT-OPERATIONS.ppt
6565165455566666665161-PORT-OPERATIONS.ppt6565165455566666665161-PORT-OPERATIONS.ppt
6565165455566666665161-PORT-OPERATIONS.ppt
 
5245365485445633558 - Marketing Portuario.ppt
5245365485445633558 - Marketing Portuario.ppt5245365485445633558 - Marketing Portuario.ppt
5245365485445633558 - Marketing Portuario.ppt
 
ATIVIDADE 2 - Pós Eng. Port..docx
ATIVIDADE 2 - Pós Eng. Port..docxATIVIDADE 2 - Pós Eng. Port..docx
ATIVIDADE 2 - Pós Eng. Port..docx
 
PNV_3411_2017.ppt
PNV_3411_2017.pptPNV_3411_2017.ppt
PNV_3411_2017.ppt
 
6-teoria-de-filas-ppt.ppt
6-teoria-de-filas-ppt.ppt6-teoria-de-filas-ppt.ppt
6-teoria-de-filas-ppt.ppt
 
Diagramas de processo.pdf
Diagramas de processo.pdfDiagramas de processo.pdf
Diagramas de processo.pdf
 
Slides da aula de PPHO.pdf
Slides da aula de PPHO.pdfSlides da aula de PPHO.pdf
Slides da aula de PPHO.pdf
 
Slides da aula de PPHO.pdf
Slides da aula de PPHO.pdfSlides da aula de PPHO.pdf
Slides da aula de PPHO.pdf
 
AULA-11-REGRESSAO-LINEAR-pptx.pptx
AULA-11-REGRESSAO-LINEAR-pptx.pptxAULA-11-REGRESSAO-LINEAR-pptx.pptx
AULA-11-REGRESSAO-LINEAR-pptx.pptx
 
Linear Process Diagram by Slidesgo.pptx
Linear Process Diagram by Slidesgo.pptxLinear Process Diagram by Slidesgo.pptx
Linear Process Diagram by Slidesgo.pptx
 
Facebook Ads.pdf
Facebook Ads.pdfFacebook Ads.pdf
Facebook Ads.pdf
 

Último

Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCCEstudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Paulo Emerson Pereira
 
O legado democrático de Portugal no Brasil, enfatizando sua contribuição para...
O legado democrático de Portugal no Brasil, enfatizando sua contribuição para...O legado democrático de Portugal no Brasil, enfatizando sua contribuição para...
O legado democrático de Portugal no Brasil, enfatizando sua contribuição para...
Paulo Dalla Nora Macedo
 
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfilApostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Carlos Eduardo Coan Junior
 
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
Paulo Emerson Pereira
 
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMETRESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
rihabkorbi24
 
Informativo Agronômico n11 v1.0 - Seringueira (ppt).pdf
Informativo Agronômico n11 v1.0 - Seringueira (ppt).pdfInformativo Agronômico n11 v1.0 - Seringueira (ppt).pdf
Informativo Agronômico n11 v1.0 - Seringueira (ppt).pdf
edsonfrancojunior99
 

Último (6)

Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCCEstudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
 
O legado democrático de Portugal no Brasil, enfatizando sua contribuição para...
O legado democrático de Portugal no Brasil, enfatizando sua contribuição para...O legado democrático de Portugal no Brasil, enfatizando sua contribuição para...
O legado democrático de Portugal no Brasil, enfatizando sua contribuição para...
 
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfilApostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
 
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
 
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMETRESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
 
Informativo Agronômico n11 v1.0 - Seringueira (ppt).pdf
Informativo Agronômico n11 v1.0 - Seringueira (ppt).pdfInformativo Agronômico n11 v1.0 - Seringueira (ppt).pdf
Informativo Agronômico n11 v1.0 - Seringueira (ppt).pdf
 

Armazenagem de Carga nos Portos - 3.pptx

  • 1. Armazenagem de Carga nos Portos Aula 3
  • 2. O Porto como Plataforma Logística Zona delimitada no interior da qual se exercem, por diferentes operadores, todas as atividades relativas ao transporte, à logística e à distribuição de mercadorias, tanto para o trânsito nacional, como para o internacional. (Europlatforms -1992)
  • 3. Tipologia das Plataformas Logísticas Plataformas mono modais Nó de abastecimento / atacadista Centros de transporte terrestre Área logística de distribuição Plataformas de intercâmbio modal Centro de carga aérea Zona de atividades logística portuárias Porto Seco Plataformas Multimodais Plataforma logística multimodal Fonte: ALG
  • 4. Tipologia das Plataformas Logísticas NÓS DE ABASTECIMENTO / ATACADO Âmbito local Próximas a centros urbanos Finalidade de abastecimento Fornecedores de produtos e Distribuidores atacadistas Mercabana (Barcelona) CEAGESP – São Paulo
  • 5. Tipologia das Plataformas Logísticas CENTROS DE TRANSPORTE TERRESTRE Plataformas centradas no transporte rodoviário ; Âmbito regional ; Fornecimento de serviços às empresas de transporte ; Áreas de armazenagem e logística.
  • 6. Tipologia das Plataformas Logísticas ÁREA LOGÍSTICA DE DISTRIBUIÇÃO Plataformas nacionais ; Desenvolvem atividades logísticas ; Presença de empresas industriais. Park Logisticis (UK)
  • 7. Tipologia das Plataformas Logísticas CENTROS DE CARGA AÉREA Plataformas especializadas na transferência do modal ar-terra ; Transformação de cargas aéreas ; Atividades de agenciamento de cargas. Centro de Carga Aérea - Madri
  • 8. Tipologia das Plataformas Logísticas PORTO SECO Plataformas Intermodais ; Localizado no interior (zona secundária) ; Link direto com o porto marítimo ; Operações de movimentação, armazenagem e controle aduaneiro ; Proposta pela Receita Federal no Brasil (há interesse na melhora da logística?). Portos Secos de Anápolis (GO) e Uruguaiana (RS)
  • 9. Tipologia das Plataformas Logísticas ZONA DE ATIVIDADES LOGÍSTICAS PORTUÁRIAS (ZAL) Plataformas logísticas ligadas aos portos marítimos ; Atividades do porto de acolhimento da segunda e terceira linha portuária ; Ligada as atividades logísticas de mercadorias marítimas. ZAL X Porto Seco •Vocação para as atividades logísticas (distribuição, consolidação e agregação de valor) •Presença de empresas industriais ou de serviços •Situada junto à entrocamentos rodoviários, ferroviários, hidroviários e/ou aeroviários
  • 10. As áreas de negócio com mercado identificado para a ZAL se confirmam por terrenos logísticos, um truck center, um service center, anteporto e potenciais terminais multimodais Desenho funcional de uma plataforma tipo Instalaciones logísticas modulares compartidas Instalaciones logísticas en parcelas propias Intercambio ferroviario Ce ntro d e ne g o c io s Ce ntro d e a te nc ió n a l c a m ió n y tra nsp o rtista Área Multimodal Intercambio marítimo DIAN Zona aduanera Área de Servicios Áreas de Logística Via le s y a c c e so s Ap a rc a - m ie nto s y d e p o ts Zo na d e e q uip a m ie nto s Área s de Apoyo ADUANA Instalaciones logísticas modulares compartidas Instalaciones logísticas en parcelas propias Intercambio ferroviario Ce ntro d e ne g o c io s Ce ntro d e a te nc ió n a l c a m ió n y tra nsp o rtista Área Multimodal Intercambio marítimo DIAN Zona aduanera Área de Servicios Áreas de Logística Via le s y a c c e so s Ap a rc a - m ie nto s y d e p o ts Zo na d e e q uip a m ie nto s Área s de Apoyo ADUANA • As diferentes zonas são opcionais, dependendo da orientação funcional da plataforma (é opcional a inclusão de uma zona aduaneira para um centro de distribuição urbana; a existência de uma zona de intercâmbio modal está condicionada à possibilidade de vincular o centro com os diferentes modos, etc.) Alfândega
  • 11. Tipologia das Plataformas Logísticas PLATAFORMAS LOGÍSTICAS MULTIMODAIS Plataformas de maior complexidade funcional ; Diversas áreas funcionais. Áreas intermodais: ferrovia-rodovia avião-rodovia hidrovia-rodovia Plataforma Logística de Zaragoza (Plaza)
  • 12. Tipologia das Plataformas Logísticas PARQUE INDUSTRIAL Agrupamento de atividades industriais ; Podem ou não ter relação entre si ; Disponibilização de serviços públicos comuns ; Voltadas para produção. Complexo Industrial de Suape (PE)
  • 13. Tipologia das Plataformas Logísticas PARQUE TECNOLÓGICO Concentração de empresas e instituições (empresas, universidades, centros de pesquisa e investidores) ; Ambiente favorável à criação tecnológica. Parque Tecnológico de São José dos Campos (SP) Parque Tecnológico de Andalucía – Málaga (ES)
  • 14. Tipologia das Plataformas Logísticas ZONA FRANCA Zonas Geográficas fora do território aduaneiro de um país ; Produtos podem ser armazenados, processados e fabricados sem pagamento de tarifas alfandegárias. Zona Franca de Manaus Zona Franca do Panamá
  • 15. Benefícios da Implantação de Plataformas Logísticas  Redução de custos de fretes e da produção em geral ;  Melhora do fluxo de cargas entre cidades atendidas pela Plataforma ;  Proporciona toda infraestrutura necessária para agilizar as importações e exportações ;  Instalações físicas adequadas para atender cada perfil de usuário ;  Geração de mais empregos ;  Novos postos de trabalhos especializados, demandando o aumento de cursos técnicos e superior para formação de mão- de-obra.
  • 16. Conclusão • Nesta aula vimos: O Porto como Plataforma Logística ; Tipologia das Plataformas Logísticas ; Benefícios da Implantação de Plataformas Logísticas.