SlideShare uma empresa Scribd logo
Os alimentos como
veículo de nutrientes
Importância da alimentação
O nosso organismo é constituído por diferentes materiais. Esses
materiais são fornecidos ao nosso organismo através da
alimentação
O que é um alimento?
Alimento é um produto natural ou fabricado que
fornece materiais para a:
• formação, crescimento e renovação de células
• para a obtenção de energia
• para a protecção do organismo.
Alimentos e nutrientes
Cada alimento é constituído por uma mistura de substâncias simples às
quais se dá o nome de nutrientes.
• Os nutrientes que os alimentos nos podem fornecer são:
- Lípidos ou gorduras
- Prótidos ou proteínas
- Vitaminas
- Sais minerais
- Fibras
- Água
- Hidratos de carbono ou glícidos
Os alimentos podem ser…
• Proteicos: ricos em proteínas;
• Lipídicos: ricos em lípidos;
• Vitamínicos: ricos em vitaminas
Alimentos versão nova
Função plástica / construção - fornecem substâncias
necessárias:
 ao crescimento
 para a formação de células e de tecidos
 para o desenvolvimento intelectual.
Encontram-se nos:
Prótidos
Lípidos
Minerais
Água
Função energética – fornecem energia
para:
 o funcionamento do organismo
 para a produção de trabalho
 para a manutenção da temperatura do
corpo.
Encontram-se nos:
Glícidos ou Hidratos de Carbono
Lípidos
Função protetora / reguladora
Contribuem para o bom funcionamento do
organismo, pois participam no controlo de
diversas funções vitais.
Encontram-se nos:
Minerais
Vitaminas
Fibras
Água
Os tipos de nutrientes que os alimentos
podem fornecer são:
Proteínas
Glícidos ou Hidratos de carbono
Lípidos ou gorduras
Vitaminas
Minerais
Água
Fibras
Necessários para a construção, renovação
e reparação das nossas células.
Estes nutrientes são essenciais para o
normal desenvolvimento físico e intelectual.
PRÓTIDOS / PROTEÍNAS
As proteínas são substâncias fundamentais para o
bom funcionamento do organismo.
São o material de construção necessário para o
crescimento, desenvolvimento e reparação das
células, tecidos e órgãos.
Diz-se por isso que têm uma função plástica.
As proteínas são responsáveis pelo crescimento,
aumento da resistência do corpo às doenças,
cicatrização de ferimentos, produção de enzimas,
hormonas e anticorpos.
Qual a função das proteínas?
As proteínas alimentares encontram-se
numa grande variedade de alimentos, tanto
de origem animal como vegetal.
As proteínas encontram-se em:
 produtos animais - leite e derivados, ovos,
carne, peixe.
 produtos vegetais - cereais, sementes e
leguminosas (feijão, lentilha, ervilha, fava, grão e
soja).
• O nosso corpo necessita de diferentes
tipos de proteínas, mas nenhum alimento os
contém todos; portanto devemos variar os
alimentos para termos todas as proteínas
de que necessitamos.
• Isto é importante especialmente para as
crianças e os jovens durante o crescimento
e para as mulheres que estão à espera
de um filho ou que estão a amamentar.
A carência de proteínas pode provocar:
- atrasos no crescimento
- anemia
- incapacidade de aprendizagem na idade escolar
- pouca resistência às doenças
- dificuldades de cicatrização de feridas
- diminuição da capacidade de defesa
Alimentos versão nova
O que são Hidratos de carbono?
Os Hidratos de carbono, glícidos ou
glúcidos estão presentes numa série de
alimentos, e são conhecidos habitualmente
por amidos ou açúcares.
Os Hidratos de carbono e gorduras fornecem a
energia necessárias para:
• desempenho das atividades físicas
• crescimento
• manutenção do funcionamento do organismo.
Os hidratos de carbono encontram-se em maior ou
menor quantidade em todos os alimentos de origem:
• vegetal - cereais, pão, massas, batatas, leguminosas
(feijão, grão, ervilhas, favas), arroz, fruta, mel, ….
• Animal - contêm poucos hidratos de carbono, com
excepção do leite, que apresenta um teor elevado de
lactose (o açúcar do leite).
Existem ainda hidratos de carbono em
grande quantidade noutros alimentos aos
quais são adicionados, como: bolos,
chocolates, doces, refrigerantes, etc...
Teor de Glícidos
por 100g de alimento
Os Hidratos de carbono e as cáries
Comer alimentos açucarados às refeições
não faz aumentar o risco de cárie dentária,
especialmente se se lavam os dentes depois de
comer.
Comer este tipo de alimentos entre
as refeições é outra questão. Parte do açúcar vai
pegar-se aos dentes conduzindo à formação de placa
bacteriana. A placa alimenta as bactérias da boca e
forma-se ácido que, por sua vez, ataca o esmalte dos
dentes e provoca a cárie.
O consumo excessivo de hidratos de carbono e
lípidos pode causar:
Obesidade (excesso de peso)
Doenças cardiovasculares
Diabetes (açúcar no sangue)
A carência de Hidratos de carbono pode provocar:
• fraqueza
• cansaço
Alimentos versão nova
São nutrientes fornecedores de energia,
ajudando o organismo a proteger-se do frio.
Têm também um importante papel na
construção de novas células e são necessários
para a absorção de algumas vitaminas.
Os lípidos existem tanto no reino
animal como no vegetal, e têm a
característica de serem insolúveis
em água.
• Gorduras de origem animal (manteiga,
banha, nata), devem ser consumidas em
menor quantidade.
• Gorduras de origem vegetal (azeite, óleos de
girassol, milho, soja, etc), devem ser
consumidas em maior quantidade.
A digestão das gorduras é complicada.
O fígado produz um líquido chamado bílis,
que quebra as moléculas de lípidos.
Por isso, é bom não encher a barriga de
alimentos muito "gordos".
Os alimentos deste grupo devem ser
consumidos com muita moderação, pois em
excesso podem causar:
• doenças cardiovasculares
• aumento de gordura corporal e
consequentemente aumento de peso
• aumento do colesterol sanguíneo, etc.
A carência de Lípidos pode provocar:
• emagrecimento
• diminuição da capacidade de
resistência ao frio
Alimentos versão nova
São nutrientes que, embora sejam necessários em pequenas
quantidades, são essenciais para a regulação de funções
vitais do nosso organismo.
Existem diferentes tipos de vitaminas, sendo, designadas
pelas letras A, B, C, D, E, K e PP.
As vitaminas são nutrientes importantes para o nosso
organismo. Permitem:
 o crescimento dos tecidos do corpo
 o bom funcionamento do organismo, principalmente
porque ajudam a evitar muitas doenças.
Cada vitamina tem um papel específico e a sua falta leva ao
aparecimento de doenças – avitaminoses.
VITAMINAS
Avitaminoses
• Carência de vitamina B: Beribéri (provoca
fraqueza muscular e dificuldades respiratórias).
• Carência de vitamina C: Escorbuto
• Carência de vitamina D: Raquitismo
A carência de vitaminas no organismo pode causar
avitaminoses
AVITAMINOSES
Raquitismo
(falta de vitamina D)
Beribéri
(falta de vitamina B)
Escorbuto
(falta de vitamina C)
Pelagra
(falta de vitamina PP)
Xeroftalmia
(falta de vitamina A)
Existem dois tipos de vitaminas:
 liposolúveis (solúveis em lípidos)
 hidrosolúveis (solúveis em água).
Vitaminas liposolúveis: Vitaminas A, D, E e K
Vitaminas hidrosolúveis: Complexo B e
Vitamina C
Função das Vitaminas
Apesar de necessitarmos de pequenas
quantidades de vitaminas na nossa alimentação,
nem por isso elas são menos essenciais.
Interferem em processos vitais, como por exemplo:
- Crescimento e desenvolvimento
- Fixa o cálcio nos ossos e dentes
- Combate de infeções
- Benéfica ao funcionamento do sistema nervoso,
muscular e do coração
- Regula o funcionamento dos órgãos humanos.
Como detetar uma deficiência
vitamínica?
• falta de apetite
• predisposição aumentada para infeções
• fadiga
• irritabilidade
• perda de concentração
• insónias
Estes poderão ser alguns dos sintomas de
deficiência de vitaminas.
A carência de Vitaminas pode provocar:
• Atraso no crescimento
• Menor resistência a infeções
• Perturbações ósseas (falta de cálcio nos ossos)
• Fadiga / cansaço / perda de forças
• Hemorragias e cicatrização difícil
• Distúrbios nervosos e cardiovasculares
FIBRAS
São nutrientes que não são absorvidas pelo
organismo, mas são fundamentais para o seu normal
funcionamento, pois regulam o funcionamento do
intestino, evitando a prisão de ventre.
Minerais e água
Responsáveis pela construção de certas estruturas do nosso
organismo (como o cálcio).
Outros minerais têm função de regulação ou protecção (como o
iodo).
Cada mineral tem um papel específico.
Minerais
• Cálcio e fósforo
• Ferro
• Sódio, potássio, cloro
• Iodo
• Flúor
Intervém na formação dos ossos e dentes
Cálcio e fósforo
A sua carência provoca descalcificação, fadiga e
fraqueza do sistema nervoso
Ferro
Intervêm no transporte de oxigénio até às células
e na formação de glóbulos vermelhos do sangue
A sua carência provoca anemia
Sódio, potássio e cloro
Contribui para o bom funcionamento do sistema
nervoso, do coração e dos músculos
O seu excesso provoca aumento da tensão arterial
Contribui para o bom funcionamento da
glândula tiróide
Iodo
A sua carência provoca bócio
Flúor
Contribui para o aumento da
resistência dos dentes à
cárie
A carência e excesso de minerais pode provocar…
• Cálcio: carência - descalcificação nos ossos;
excesso - calcificação em locais não próprios;
• Sódio: carência - desidratação; fraqueza muscular;
excesso - hipertensão;
• Iodo: carência – bócio;
• Ferro: carência - anemia;
• Flúor: carência - cárie dentária;
• Magnésio: carência - dores musculares
A Roda dos Alimentos
Hortícolas
Frutas
Gorduras
Lacticínios
Carne, pescado e
ovos
Leguminosas
Cereais, derivados de
cereais e tubérculos
Como devemos escolher os nossos alimentos?
• Roda dos alimentos;
• Pirâmide alimentar.
Piramide alimentar
Alimentação
equilibrada
É aquela que fornece ao organismo todos os
nutrientes necessários à vida e nas
quantidades adequadas
Como praticar uma alimentação
saudável
• Escolher, pelo menos, um alimento de cada
setor  alimentação completa
• Variar o mais possível os alimentos dentro de
cada setor  alimentação variada
• Comer em maior quantidade os alimentos dos
setores com maior área da roda e em menor
quantidade os alimentos dos setores com
menor área  alimentação equilibrada
Pirâmide alimentar
 Distingue as gorduras
boas das más
 Distingue os hidratos de
carbono bons dos
maus, aconselhando os
cereais integrais
 Inclui as carnes
vermelhas no vértice,
tal como a batata,
doces e manteiga
 Inclui o exercício físico e
o controlo de peso
Como fazer uma alimentação saudável
• Tomar sempre o pequeno almoço
• Não passar mais de 3 horas sem comer
• Aumentar o consumo de produtos hortículas, frutas e leite
• Fazer uma alimentação variada
• Não comer em excesso
• Não abusar do sal, bebidas alcoólicas, das gorduras e doces
Factores que podem influenciar as
necessidades alimentares de um
indivíduo
• Idade
• Sexo
• Estado de saúde
• Clima da região onde vive
• Actividade profissional
• …
Conservação dos alimentos
• Congelação
• Pasteurização
• Adição de conservantes
• Vácuo
• Salga
• Seca processos tradicionais
• fumagem
Vamos rever os setores da roda…
Hortícolas
Frutas
Gorduras
Lacticínios
Carne, pescado e
ovos
Leguminosas
Cereais, derivados de
cereais e tubérculos
Cereais, derivados de cereais e tubérculos
(ex.: trigo, centeio, arroz, pão, massas alimentícias, batatas)
constituem importantes fontes de hidratos de carbono,
vitaminas (complexo B e E) e fibras alimentares.
Hortícolas
(ex.: couve, agrião, cenoura, alho, abóbora,
feijão verde):
• são muito ricos em vitaminas (A e C), sais
minerais (cálcio, ferro e fósforo) e fibras
alimentares.
Frutos
(ex.: maçã, laranja, pêssego, pêra, morango,
banana)
• são ricos em vitaminas (A e C) e sais minerais
(sobretudo potássio).
Quando as cascas são consumíveis, desde que
bem lavadas, tornam-se importantes
fornecedores de fibras alimentares.
Lacticínios
(ex.: leite, queijo, iogurte, requeijão)
• São fontes preciosas de proteínas, vitaminas (A,
complexo B e D) e sais minerais (sobretudo cálcio).
Carnes, pescado e ovos
(ex.: bife, pescada, polvo, ovos):
• fornecem generosas quantidades de proteínas,
vitaminas do complexo B e sais minerais
(fósforo, ferro, iodo).
Leguminosas
(ex.: feijão, ervilha, fava, grão-de-bico, lentilha,
soja):
• importantes fontes de glícidos, proteínas, fibras
alimentares, vitaminas (B e C) e sais minerais
(cálcio, fósforo e zinco).
Gorduras
ex.: óleo, azeite, manteiga:
• fornecedores de lípidos.
A água
• encontra-se representada no centro do
esquema por fazer parte da constituição de
todos os alimentos e por ser indispensável,
em abundância, no regime alimentar de
qualquer pessoa.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Vitamina D
Vitamina DVitamina D
Vitamina D
Luciana Camilo
 
Os alimentos como veículos de nutrientes
Os alimentos como veículos de nutrientesOs alimentos como veículos de nutrientes
Os alimentos como veículos de nutrientes
Sonia Azevedo
 
Módulo 6 – alimentos e nutrientes.alpha.2015
Módulo 6 – alimentos e nutrientes.alpha.2015Módulo 6 – alimentos e nutrientes.alpha.2015
Módulo 6 – alimentos e nutrientes.alpha.2015
Alpha Colégio e Vestibulares
 
Vitamina D
Vitamina DVitamina D
Vitamina D
Luiza Sampaio
 
Alimentos e nutrientes 1
Alimentos e nutrientes 1Alimentos e nutrientes 1
Alimentos e nutrientes 1
celiasantos75
 
Cálcio e fósforo
Cálcio e fósforoCálcio e fósforo
Cálcio e fósforo
Lucimar Tamiko Passos Miyata
 
Sais minerais
Sais mineraisSais minerais
Sais minerais
URCA
 
Minerais e água
Minerais e águaMinerais e água
Minerais e água
Renilson Souza
 
Sais minerais bioquimica
Sais minerais bioquimicaSais minerais bioquimica
Sais minerais bioquimica
Amaury Xavier
 
Módulo 6 – alimentos e nutrientes
Módulo 6 – alimentos e nutrientesMódulo 6 – alimentos e nutrientes
Módulo 6 – alimentos e nutrientes
Alpha Colégio e Vestibulares
 
Função dos nutrientes 1
Função dos nutrientes 1Função dos nutrientes 1
Função dos nutrientes 1
zfatima123
 
Alimentação / Nutrientes e suas funções
Alimentação / Nutrientes e suas funçõesAlimentação / Nutrientes e suas funções
Alimentação / Nutrientes e suas funções
Rosa Pereira
 
Alimentos e Nutrientes
Alimentos e NutrientesAlimentos e Nutrientes
Alimentos e Nutrientes
MariaJoão Agualuza
 
Alimentos e Nutrientes - Alimentação Humana
Alimentos e Nutrientes - Alimentação Humana Alimentos e Nutrientes - Alimentação Humana
Alimentos e Nutrientes - Alimentação Humana
Isabella Neves Silva
 
Alimentos, nutrientes e saúde
Alimentos, nutrientes e saúdeAlimentos, nutrientes e saúde
Alimentos, nutrientes e saúde
Cristiane Koch
 
Vitaminas lipossolúveis
Vitaminas lipossolúveisVitaminas lipossolúveis
Vitaminas lipossolúveis
Camila Martins
 
Alimentação
AlimentaçãoAlimentação
Alimentação
Marco Oliveira
 
Os alimentos como veículo de nutrientes
Os alimentos como veículo de nutrientesOs alimentos como veículo de nutrientes
Os alimentos como veículo de nutrientes
marcommendes
 
Saúde - nutrição e nutrientes 4
Saúde - nutrição e nutrientes 4Saúde - nutrição e nutrientes 4
Saúde - nutrição e nutrientes 4
Helena Rocha
 
SaúDe Na AlimentaçãO
SaúDe Na AlimentaçãOSaúDe Na AlimentaçãO
SaúDe Na AlimentaçãO
Iuri
 

Mais procurados (20)

Vitamina D
Vitamina DVitamina D
Vitamina D
 
Os alimentos como veículos de nutrientes
Os alimentos como veículos de nutrientesOs alimentos como veículos de nutrientes
Os alimentos como veículos de nutrientes
 
Módulo 6 – alimentos e nutrientes.alpha.2015
Módulo 6 – alimentos e nutrientes.alpha.2015Módulo 6 – alimentos e nutrientes.alpha.2015
Módulo 6 – alimentos e nutrientes.alpha.2015
 
Vitamina D
Vitamina DVitamina D
Vitamina D
 
Alimentos e nutrientes 1
Alimentos e nutrientes 1Alimentos e nutrientes 1
Alimentos e nutrientes 1
 
Cálcio e fósforo
Cálcio e fósforoCálcio e fósforo
Cálcio e fósforo
 
Sais minerais
Sais mineraisSais minerais
Sais minerais
 
Minerais e água
Minerais e águaMinerais e água
Minerais e água
 
Sais minerais bioquimica
Sais minerais bioquimicaSais minerais bioquimica
Sais minerais bioquimica
 
Módulo 6 – alimentos e nutrientes
Módulo 6 – alimentos e nutrientesMódulo 6 – alimentos e nutrientes
Módulo 6 – alimentos e nutrientes
 
Função dos nutrientes 1
Função dos nutrientes 1Função dos nutrientes 1
Função dos nutrientes 1
 
Alimentação / Nutrientes e suas funções
Alimentação / Nutrientes e suas funçõesAlimentação / Nutrientes e suas funções
Alimentação / Nutrientes e suas funções
 
Alimentos e Nutrientes
Alimentos e NutrientesAlimentos e Nutrientes
Alimentos e Nutrientes
 
Alimentos e Nutrientes - Alimentação Humana
Alimentos e Nutrientes - Alimentação Humana Alimentos e Nutrientes - Alimentação Humana
Alimentos e Nutrientes - Alimentação Humana
 
Alimentos, nutrientes e saúde
Alimentos, nutrientes e saúdeAlimentos, nutrientes e saúde
Alimentos, nutrientes e saúde
 
Vitaminas lipossolúveis
Vitaminas lipossolúveisVitaminas lipossolúveis
Vitaminas lipossolúveis
 
Alimentação
AlimentaçãoAlimentação
Alimentação
 
Os alimentos como veículo de nutrientes
Os alimentos como veículo de nutrientesOs alimentos como veículo de nutrientes
Os alimentos como veículo de nutrientes
 
Saúde - nutrição e nutrientes 4
Saúde - nutrição e nutrientes 4Saúde - nutrição e nutrientes 4
Saúde - nutrição e nutrientes 4
 
SaúDe Na AlimentaçãO
SaúDe Na AlimentaçãOSaúDe Na AlimentaçãO
SaúDe Na AlimentaçãO
 

Semelhante a Alimentos versão nova

alimentação equilibrada e segura.pptx
alimentação equilibrada e segura.pptxalimentação equilibrada e segura.pptx
alimentação equilibrada e segura.pptx
Helena Borralho
 
Nutrição
NutriçãoNutrição
Nutrição
lyviamorais
 
Nutrientes - Sistema Digestivo
Nutrientes - Sistema DigestivoNutrientes - Sistema Digestivo
Nutrientes - Sistema Digestivo
Patrícia Santos
 
Alimentação Equilibrada
Alimentação EquilibradaAlimentação Equilibrada
Alimentação Equilibrada
EB23VendaPinheiro
 
Especialidade de nutricao basica
Especialidade de nutricao basicaEspecialidade de nutricao basica
Especialidade de nutricao basica
Ed Wilson Santos
 
Slides sobre alimentação
Slides sobre alimentaçãoSlides sobre alimentação
Slides sobre alimentação
thayscler
 
Nutrição e dietética.pptx
Nutrição e dietética.pptxNutrição e dietética.pptx
Nutrição e dietética.pptx
cissizinha
 
6a série os nutrientes
6a série   os nutrientes6a série   os nutrientes
6a série os nutrientes
SESI 422 - Americana
 
Vitaminas
Vitaminas Vitaminas
Vitaminas
Patricia Nunes
 
Roda Alimentos
Roda AlimentosRoda Alimentos
Roda Alimentos
Maria Neto
 
A Alimentação
A AlimentaçãoA Alimentação
A Alimentação
Joaquim André
 
Importância de uma alimentação equilibrada e segura (1).pptx
Importância de uma alimentação equilibrada e segura (1).pptxImportância de uma alimentação equilibrada e segura (1).pptx
Importância de uma alimentação equilibrada e segura (1).pptx
mariafbrito0808
 
Importância de uma alimentação equilibrada e segura.pptx
Importância de uma alimentação equilibrada e segura.pptxImportância de uma alimentação equilibrada e segura.pptx
Importância de uma alimentação equilibrada e segura.pptx
mariagrave
 
AULA 10 BIOQUIMICA BÁSICA - VITAMINAS E MINERAIS.pptx
AULA 10 BIOQUIMICA BÁSICA - VITAMINAS E MINERAIS.pptxAULA 10 BIOQUIMICA BÁSICA - VITAMINAS E MINERAIS.pptx
AULA 10 BIOQUIMICA BÁSICA - VITAMINAS E MINERAIS.pptx
LanaMonteiro8
 
Supremus, o complexo Vitamínico Oficial do medalhista Olímpico Fernando Scher...
Supremus, o complexo Vitamínico Oficial do medalhista Olímpico Fernando Scher...Supremus, o complexo Vitamínico Oficial do medalhista Olímpico Fernando Scher...
Supremus, o complexo Vitamínico Oficial do medalhista Olímpico Fernando Scher...
Supremus Vit® Juiz de Fora
 
Aula 8º ano - Os alimentos
Aula 8º ano - Os alimentosAula 8º ano - Os alimentos
Aula 8º ano - Os alimentos
Leonardo Kaplan
 
Beatriz caetano rotulo nutricional.pptxok
Beatriz caetano rotulo nutricional.pptxokBeatriz caetano rotulo nutricional.pptxok
Beatriz caetano rotulo nutricional.pptxok
Francini Domingues
 
Vitaminas
VitaminasVitaminas
Vitaminas
Jamille Nunez
 
Vitaminas
VitaminasVitaminas
2 alimentacaoe saude 09-10
2  alimentacaoe saude 09-102  alimentacaoe saude 09-10
2 alimentacaoe saude 09-10
gloriacampossilva
 

Semelhante a Alimentos versão nova (20)

alimentação equilibrada e segura.pptx
alimentação equilibrada e segura.pptxalimentação equilibrada e segura.pptx
alimentação equilibrada e segura.pptx
 
Nutrição
NutriçãoNutrição
Nutrição
 
Nutrientes - Sistema Digestivo
Nutrientes - Sistema DigestivoNutrientes - Sistema Digestivo
Nutrientes - Sistema Digestivo
 
Alimentação Equilibrada
Alimentação EquilibradaAlimentação Equilibrada
Alimentação Equilibrada
 
Especialidade de nutricao basica
Especialidade de nutricao basicaEspecialidade de nutricao basica
Especialidade de nutricao basica
 
Slides sobre alimentação
Slides sobre alimentaçãoSlides sobre alimentação
Slides sobre alimentação
 
Nutrição e dietética.pptx
Nutrição e dietética.pptxNutrição e dietética.pptx
Nutrição e dietética.pptx
 
6a série os nutrientes
6a série   os nutrientes6a série   os nutrientes
6a série os nutrientes
 
Vitaminas
Vitaminas Vitaminas
Vitaminas
 
Roda Alimentos
Roda AlimentosRoda Alimentos
Roda Alimentos
 
A Alimentação
A AlimentaçãoA Alimentação
A Alimentação
 
Importância de uma alimentação equilibrada e segura (1).pptx
Importância de uma alimentação equilibrada e segura (1).pptxImportância de uma alimentação equilibrada e segura (1).pptx
Importância de uma alimentação equilibrada e segura (1).pptx
 
Importância de uma alimentação equilibrada e segura.pptx
Importância de uma alimentação equilibrada e segura.pptxImportância de uma alimentação equilibrada e segura.pptx
Importância de uma alimentação equilibrada e segura.pptx
 
AULA 10 BIOQUIMICA BÁSICA - VITAMINAS E MINERAIS.pptx
AULA 10 BIOQUIMICA BÁSICA - VITAMINAS E MINERAIS.pptxAULA 10 BIOQUIMICA BÁSICA - VITAMINAS E MINERAIS.pptx
AULA 10 BIOQUIMICA BÁSICA - VITAMINAS E MINERAIS.pptx
 
Supremus, o complexo Vitamínico Oficial do medalhista Olímpico Fernando Scher...
Supremus, o complexo Vitamínico Oficial do medalhista Olímpico Fernando Scher...Supremus, o complexo Vitamínico Oficial do medalhista Olímpico Fernando Scher...
Supremus, o complexo Vitamínico Oficial do medalhista Olímpico Fernando Scher...
 
Aula 8º ano - Os alimentos
Aula 8º ano - Os alimentosAula 8º ano - Os alimentos
Aula 8º ano - Os alimentos
 
Beatriz caetano rotulo nutricional.pptxok
Beatriz caetano rotulo nutricional.pptxokBeatriz caetano rotulo nutricional.pptxok
Beatriz caetano rotulo nutricional.pptxok
 
Vitaminas
VitaminasVitaminas
Vitaminas
 
Vitaminas
VitaminasVitaminas
Vitaminas
 
2 alimentacaoe saude 09-10
2  alimentacaoe saude 09-102  alimentacaoe saude 09-10
2 alimentacaoe saude 09-10
 

Último

Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
DirceuSilva26
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
C4io99
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Falcão Brasil
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CristviaFerreira
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
marcos oliveira
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
TEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da química
TEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da químicaTEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da química
TEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da química
VictorEmanoel37
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.pptNR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
Vanessa F. Rezende
 
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdfOficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
beathrizalves131
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
TEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da química
TEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da químicaTEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da química
TEORIAS UECE.pdf química geral nome de cientistas famosos da química
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.pptNR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
NR-12-Treinamento-Maquinas-Rotativas.ppt
 
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdfOficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
 

Alimentos versão nova

  • 2. Importância da alimentação O nosso organismo é constituído por diferentes materiais. Esses materiais são fornecidos ao nosso organismo através da alimentação
  • 3. O que é um alimento? Alimento é um produto natural ou fabricado que fornece materiais para a: • formação, crescimento e renovação de células • para a obtenção de energia • para a protecção do organismo.
  • 4. Alimentos e nutrientes Cada alimento é constituído por uma mistura de substâncias simples às quais se dá o nome de nutrientes. • Os nutrientes que os alimentos nos podem fornecer são: - Lípidos ou gorduras - Prótidos ou proteínas - Vitaminas - Sais minerais - Fibras - Água - Hidratos de carbono ou glícidos
  • 5. Os alimentos podem ser… • Proteicos: ricos em proteínas; • Lipídicos: ricos em lípidos; • Vitamínicos: ricos em vitaminas
  • 7. Função plástica / construção - fornecem substâncias necessárias:  ao crescimento  para a formação de células e de tecidos  para o desenvolvimento intelectual. Encontram-se nos: Prótidos Lípidos Minerais Água
  • 8. Função energética – fornecem energia para:  o funcionamento do organismo  para a produção de trabalho  para a manutenção da temperatura do corpo. Encontram-se nos: Glícidos ou Hidratos de Carbono Lípidos
  • 9. Função protetora / reguladora Contribuem para o bom funcionamento do organismo, pois participam no controlo de diversas funções vitais. Encontram-se nos: Minerais Vitaminas Fibras Água
  • 10. Os tipos de nutrientes que os alimentos podem fornecer são: Proteínas Glícidos ou Hidratos de carbono Lípidos ou gorduras Vitaminas Minerais Água Fibras
  • 11. Necessários para a construção, renovação e reparação das nossas células. Estes nutrientes são essenciais para o normal desenvolvimento físico e intelectual. PRÓTIDOS / PROTEÍNAS
  • 12. As proteínas são substâncias fundamentais para o bom funcionamento do organismo. São o material de construção necessário para o crescimento, desenvolvimento e reparação das células, tecidos e órgãos. Diz-se por isso que têm uma função plástica. As proteínas são responsáveis pelo crescimento, aumento da resistência do corpo às doenças, cicatrização de ferimentos, produção de enzimas, hormonas e anticorpos. Qual a função das proteínas?
  • 13. As proteínas alimentares encontram-se numa grande variedade de alimentos, tanto de origem animal como vegetal. As proteínas encontram-se em:  produtos animais - leite e derivados, ovos, carne, peixe.  produtos vegetais - cereais, sementes e leguminosas (feijão, lentilha, ervilha, fava, grão e soja).
  • 14. • O nosso corpo necessita de diferentes tipos de proteínas, mas nenhum alimento os contém todos; portanto devemos variar os alimentos para termos todas as proteínas de que necessitamos. • Isto é importante especialmente para as crianças e os jovens durante o crescimento e para as mulheres que estão à espera de um filho ou que estão a amamentar.
  • 15. A carência de proteínas pode provocar: - atrasos no crescimento - anemia - incapacidade de aprendizagem na idade escolar - pouca resistência às doenças - dificuldades de cicatrização de feridas - diminuição da capacidade de defesa
  • 17. O que são Hidratos de carbono? Os Hidratos de carbono, glícidos ou glúcidos estão presentes numa série de alimentos, e são conhecidos habitualmente por amidos ou açúcares.
  • 18. Os Hidratos de carbono e gorduras fornecem a energia necessárias para: • desempenho das atividades físicas • crescimento • manutenção do funcionamento do organismo.
  • 19. Os hidratos de carbono encontram-se em maior ou menor quantidade em todos os alimentos de origem: • vegetal - cereais, pão, massas, batatas, leguminosas (feijão, grão, ervilhas, favas), arroz, fruta, mel, …. • Animal - contêm poucos hidratos de carbono, com excepção do leite, que apresenta um teor elevado de lactose (o açúcar do leite).
  • 20. Existem ainda hidratos de carbono em grande quantidade noutros alimentos aos quais são adicionados, como: bolos, chocolates, doces, refrigerantes, etc...
  • 21. Teor de Glícidos por 100g de alimento
  • 22. Os Hidratos de carbono e as cáries Comer alimentos açucarados às refeições não faz aumentar o risco de cárie dentária, especialmente se se lavam os dentes depois de comer. Comer este tipo de alimentos entre as refeições é outra questão. Parte do açúcar vai pegar-se aos dentes conduzindo à formação de placa bacteriana. A placa alimenta as bactérias da boca e forma-se ácido que, por sua vez, ataca o esmalte dos dentes e provoca a cárie.
  • 23. O consumo excessivo de hidratos de carbono e lípidos pode causar: Obesidade (excesso de peso) Doenças cardiovasculares Diabetes (açúcar no sangue)
  • 24. A carência de Hidratos de carbono pode provocar: • fraqueza • cansaço
  • 26. São nutrientes fornecedores de energia, ajudando o organismo a proteger-se do frio. Têm também um importante papel na construção de novas células e são necessários para a absorção de algumas vitaminas. Os lípidos existem tanto no reino animal como no vegetal, e têm a característica de serem insolúveis em água.
  • 27. • Gorduras de origem animal (manteiga, banha, nata), devem ser consumidas em menor quantidade. • Gorduras de origem vegetal (azeite, óleos de girassol, milho, soja, etc), devem ser consumidas em maior quantidade.
  • 28. A digestão das gorduras é complicada. O fígado produz um líquido chamado bílis, que quebra as moléculas de lípidos. Por isso, é bom não encher a barriga de alimentos muito "gordos".
  • 29. Os alimentos deste grupo devem ser consumidos com muita moderação, pois em excesso podem causar: • doenças cardiovasculares • aumento de gordura corporal e consequentemente aumento de peso • aumento do colesterol sanguíneo, etc.
  • 30. A carência de Lípidos pode provocar: • emagrecimento • diminuição da capacidade de resistência ao frio
  • 32. São nutrientes que, embora sejam necessários em pequenas quantidades, são essenciais para a regulação de funções vitais do nosso organismo. Existem diferentes tipos de vitaminas, sendo, designadas pelas letras A, B, C, D, E, K e PP. As vitaminas são nutrientes importantes para o nosso organismo. Permitem:  o crescimento dos tecidos do corpo  o bom funcionamento do organismo, principalmente porque ajudam a evitar muitas doenças. Cada vitamina tem um papel específico e a sua falta leva ao aparecimento de doenças – avitaminoses. VITAMINAS
  • 33. Avitaminoses • Carência de vitamina B: Beribéri (provoca fraqueza muscular e dificuldades respiratórias). • Carência de vitamina C: Escorbuto • Carência de vitamina D: Raquitismo A carência de vitaminas no organismo pode causar avitaminoses
  • 34. AVITAMINOSES Raquitismo (falta de vitamina D) Beribéri (falta de vitamina B) Escorbuto (falta de vitamina C) Pelagra (falta de vitamina PP) Xeroftalmia (falta de vitamina A)
  • 35. Existem dois tipos de vitaminas:  liposolúveis (solúveis em lípidos)  hidrosolúveis (solúveis em água). Vitaminas liposolúveis: Vitaminas A, D, E e K Vitaminas hidrosolúveis: Complexo B e Vitamina C
  • 36. Função das Vitaminas Apesar de necessitarmos de pequenas quantidades de vitaminas na nossa alimentação, nem por isso elas são menos essenciais. Interferem em processos vitais, como por exemplo: - Crescimento e desenvolvimento - Fixa o cálcio nos ossos e dentes - Combate de infeções - Benéfica ao funcionamento do sistema nervoso, muscular e do coração - Regula o funcionamento dos órgãos humanos.
  • 37. Como detetar uma deficiência vitamínica? • falta de apetite • predisposição aumentada para infeções • fadiga • irritabilidade • perda de concentração • insónias Estes poderão ser alguns dos sintomas de deficiência de vitaminas.
  • 38. A carência de Vitaminas pode provocar: • Atraso no crescimento • Menor resistência a infeções • Perturbações ósseas (falta de cálcio nos ossos) • Fadiga / cansaço / perda de forças • Hemorragias e cicatrização difícil • Distúrbios nervosos e cardiovasculares
  • 39. FIBRAS São nutrientes que não são absorvidas pelo organismo, mas são fundamentais para o seu normal funcionamento, pois regulam o funcionamento do intestino, evitando a prisão de ventre.
  • 40. Minerais e água Responsáveis pela construção de certas estruturas do nosso organismo (como o cálcio). Outros minerais têm função de regulação ou protecção (como o iodo). Cada mineral tem um papel específico.
  • 41. Minerais • Cálcio e fósforo • Ferro • Sódio, potássio, cloro • Iodo • Flúor
  • 42. Intervém na formação dos ossos e dentes Cálcio e fósforo A sua carência provoca descalcificação, fadiga e fraqueza do sistema nervoso
  • 43. Ferro Intervêm no transporte de oxigénio até às células e na formação de glóbulos vermelhos do sangue A sua carência provoca anemia
  • 44. Sódio, potássio e cloro Contribui para o bom funcionamento do sistema nervoso, do coração e dos músculos O seu excesso provoca aumento da tensão arterial
  • 45. Contribui para o bom funcionamento da glândula tiróide Iodo A sua carência provoca bócio
  • 46. Flúor Contribui para o aumento da resistência dos dentes à cárie
  • 47. A carência e excesso de minerais pode provocar… • Cálcio: carência - descalcificação nos ossos; excesso - calcificação em locais não próprios; • Sódio: carência - desidratação; fraqueza muscular; excesso - hipertensão; • Iodo: carência – bócio; • Ferro: carência - anemia; • Flúor: carência - cárie dentária; • Magnésio: carência - dores musculares
  • 48. A Roda dos Alimentos Hortícolas Frutas Gorduras Lacticínios Carne, pescado e ovos Leguminosas Cereais, derivados de cereais e tubérculos
  • 49. Como devemos escolher os nossos alimentos? • Roda dos alimentos; • Pirâmide alimentar.
  • 51. Alimentação equilibrada É aquela que fornece ao organismo todos os nutrientes necessários à vida e nas quantidades adequadas
  • 52. Como praticar uma alimentação saudável • Escolher, pelo menos, um alimento de cada setor  alimentação completa • Variar o mais possível os alimentos dentro de cada setor  alimentação variada • Comer em maior quantidade os alimentos dos setores com maior área da roda e em menor quantidade os alimentos dos setores com menor área  alimentação equilibrada
  • 53. Pirâmide alimentar  Distingue as gorduras boas das más  Distingue os hidratos de carbono bons dos maus, aconselhando os cereais integrais  Inclui as carnes vermelhas no vértice, tal como a batata, doces e manteiga  Inclui o exercício físico e o controlo de peso
  • 54. Como fazer uma alimentação saudável • Tomar sempre o pequeno almoço • Não passar mais de 3 horas sem comer • Aumentar o consumo de produtos hortículas, frutas e leite • Fazer uma alimentação variada • Não comer em excesso • Não abusar do sal, bebidas alcoólicas, das gorduras e doces
  • 55. Factores que podem influenciar as necessidades alimentares de um indivíduo • Idade • Sexo • Estado de saúde • Clima da região onde vive • Actividade profissional • …
  • 56. Conservação dos alimentos • Congelação • Pasteurização • Adição de conservantes • Vácuo • Salga • Seca processos tradicionais • fumagem
  • 57. Vamos rever os setores da roda… Hortícolas Frutas Gorduras Lacticínios Carne, pescado e ovos Leguminosas Cereais, derivados de cereais e tubérculos
  • 58. Cereais, derivados de cereais e tubérculos (ex.: trigo, centeio, arroz, pão, massas alimentícias, batatas) constituem importantes fontes de hidratos de carbono, vitaminas (complexo B e E) e fibras alimentares.
  • 59. Hortícolas (ex.: couve, agrião, cenoura, alho, abóbora, feijão verde): • são muito ricos em vitaminas (A e C), sais minerais (cálcio, ferro e fósforo) e fibras alimentares.
  • 60. Frutos (ex.: maçã, laranja, pêssego, pêra, morango, banana) • são ricos em vitaminas (A e C) e sais minerais (sobretudo potássio). Quando as cascas são consumíveis, desde que bem lavadas, tornam-se importantes fornecedores de fibras alimentares.
  • 61. Lacticínios (ex.: leite, queijo, iogurte, requeijão) • São fontes preciosas de proteínas, vitaminas (A, complexo B e D) e sais minerais (sobretudo cálcio).
  • 62. Carnes, pescado e ovos (ex.: bife, pescada, polvo, ovos): • fornecem generosas quantidades de proteínas, vitaminas do complexo B e sais minerais (fósforo, ferro, iodo).
  • 63. Leguminosas (ex.: feijão, ervilha, fava, grão-de-bico, lentilha, soja): • importantes fontes de glícidos, proteínas, fibras alimentares, vitaminas (B e C) e sais minerais (cálcio, fósforo e zinco).
  • 64. Gorduras ex.: óleo, azeite, manteiga: • fornecedores de lípidos.
  • 65. A água • encontra-se representada no centro do esquema por fazer parte da constituição de todos os alimentos e por ser indispensável, em abundância, no regime alimentar de qualquer pessoa.