SlideShare uma empresa Scribd logo
IMPORTÂNCIA DO ESTUDO DE
ECOLOGIA
• Necessidade de se conhecer a estrutura e
funcionamento da natureza para manter o
equilíbrio ambiental.
Matéria prima Produtos
Recursos
naturais
resíduos
energia
IMPORTÂNCIA DA ECOLOGIA
• ECOLOGIA (“oikos” = casa; logos = estudo)
Palavra criada por Ernest Haeckel no sec XIX.
A Ecologia é a ciência que estuda as
interações entre os organismos e seu ambiente,
ou seja, é o estudo científico da distribuição e
abundância dos seres vivos e
das interações que determinam a sua
distribuição.
• Ecologia e Revolução Industrial
Ecologia e problemas ambientais
- Aquecimento global
- Desmatamentos
- Extinção de animais
- Chuva ácida
- Poluição
- Superpopulação: fome,
violência, falta de espaço
ECOSSISTEMA : UNIDADE DE ESTUDO DA ECOLOGIA
SISTEMA DE RELAÇÕES ENTRE SERES
VIVOS E FATORES FÍSICOS E QUÍMICOS
DO MEIO
FATORES
BIÓTICOS
FATORES
ABIÓTICOS
=
Sem 2
ECOSSISTEMAS
Os ecossistemas são formados pela união de
dois fatores:
FATORES BIÓTICOS + FATORES ABIÓTICOS
ECOSSITEMAS
Fatores abióticos - o conjunto de todos
os fatores físicos que podem incidir
sobre as comunidades de uma certa
região.
LUZ
TEMPERATURA UMIDADE
ÁGUA
ECOSSITEMAS
• Fatores bióticos - conjunto de todos
seres vivos e que interagem uma certa
região e que poderão ser chamados de
biocenose, comunidade ou de biota
VEGETAIS
MICRORGANISMOS
ANIMAIS
NÍVEIS DE ORGANIZAÇÃO DOS
SERES VIVOS
NÍVEIS DE ESTUDO DA
ECOLOGIA
TERMOS UTILIZADOS EM
ECOLOGIA
• POPULAÇAO: seres vivos
da mesma espécie que
habitam a mesma região
COMUNIDADE (BIOCENOSE
OU BIOTA) : conjunto de
todos os seres vivos que
habitam um determinado
ambiente e mantêm entre si,
relações de interdependência
TERMOS UTILIZADOS EM
ECOLOGIA
ECOSSISTEMA: conjunto
formado pela associação
entre os seres vivos e seu
meio ambiente
BIOSFERA:
conjunto de todos
os ecossistemas da
Terra; corresponde
a todas as regiões
da Terra onde a
vida é possível de
forma permanente
TERMOS UTILIZADOS EM
ECOLOGIA
• BIÓTOPO - Espaço limitado,
com características
ambientais determinadas, onde
vive uma biocenose.
No exemplo da floresta, o
biótopo
é a área que contém o solo (com
seus minerais e água) e a
atmosfera (com seus gases,
umidade, temperatura, grau de
luminosidade etc.).
TERMOS UTILIZADOS EM
ECOLOGIA
• HABITAT - é o lugar específico onde uma
espécie pode ser encontrada, isto é, o seu
"ENDEREÇO" dentro do ecossistema.
• Exemplo: Uma planta pode ser o habitat de
um inseto, o leão pode ser encontrado nas
savanas africanas, etc.
TERMOS UTILIZADOS EM
ECOLOGIA
• NICHO ECOLÓGICO - é o papel que o
organismo desempenha no
ecossistema, isto é, a "PROFISSÃO" do
organismo no ecossistema. 0 nicho
informa às custas de que se alimenta, a
quem serve de alimento, como se
reproduz, etc.
Nichos ecológicos
TERMOS UTILIZADOS EM
ECOLOGIA
• ECÓTONO - É a transição entre
ecossistemas.
campo / floresta - rio / mar -
montanha / planície
TERMOS UTILIZADOS EM
ECOLOGIA
• BIODIVERSIDADE - É a riqueza
biológica de uma região, de um
ecossistema ou da biosfera. Leva-se em
consideração a abundancia de cada
espécie e a heterogeneidade da
composição da comunidade.
Ambientes com maior Biodiversidade
do Planeta :
MANGUEZAIS
RECIFES DE CORAIS
FLORESTAS TROPICAIS
TERMOS UTILIZADOS EM
ECOLOGIA
• CONTROLE BIOLÓGICO - As medidas naturais
utilizadas para o controle de pragas e restabelecimento
para de ecossistemas são chamados controles
biológicos. Podemos citar como exemplo de controle
biológico:
• peixes no controle da esquistossomose
• peixes no controle de larvas de Aedes aegypti
• besouros o controle da mosca do chifre
• bactérias e vírus no controle de pragas e insetos
O besouro “rola- bosta” é
usado no controle biológico
da mosca-dos-chifres
TERMOS UTILIZADOS EM
ECOLOGIA
HOMEOSTASE - propriedade auto-reguladora de
um sistema ou organismo que lhe permite
manter o seu estado de equilíbrio.
No estágio de equilíbrio crescerá, na existência
de espaço e alimento; crescendo, reduz-se o
espaço e o alimento por indivíduo, o que
determina um declínio numérico que abre
disponibilidade de espaço e alimento para um
novo crescimento.
COMPONENTES BIÓTICOS DO
ECOSSISTEMA
Produtores (são todos autótrofos)
MATÉRIA INORGÂNICA → MATÉRIA ORGÂNICA
(fotossíntese ou quimiossíntese)
-bactérias clorofiladas, cianobactérias, algas e vegetais
clorofilados
Consumidores (heterótrofos):
animais, fungos, protozoários
- Consumidor primário - alimenta-se do
produtor
- Consumidor secundário – alimenta-se do
consumidor primário
- Consumidor terciário – alimenta-se do
consumidor secundário
Os consumidores podem ser herbívoros,
carnívoros, onívoros ou detritívoros.
Decompositores (heterótrofos) – saprófitos
ou saprofágicos – fungos e bactérias
MATÉRIA ORGÂNICA →MATÉRIA INORGÂNICA
Importantes na ciclagem da matéria
CADEIAS ALIMENTARES
TEIAS ALIMENTARES
CICLO DA MATÉRIA
(CICLAGEM)
A MATÉRIA PODE SER REAPROVEITADA PELOS SERES VIVOS
FLUXO DE ENERGIA
(Fluxo unidirecional)
A ENERGIA DIMINUI AO PASSAR DE UM NÍVEL TRÓFICO PARA OUTRO
A ENERGIA NÃO PODE SER REAPROVEITADA

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Reprodução sexuada
Reprodução sexuadaReprodução sexuada
Reprodução sexuada
andreepinto
 
Aula Biologia: Bases da Ecologia [1° Ano do Ensino Médio]
Aula Biologia: Bases da Ecologia [1° Ano do Ensino Médio]Aula Biologia: Bases da Ecologia [1° Ano do Ensino Médio]
Aula Biologia: Bases da Ecologia [1° Ano do Ensino Médio]
Ronaldo Santana
 
Reino Animal
Reino AnimalReino Animal
Níveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivosNíveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivos
Fatima Comiotto
 
Aula completa reino protista
Aula completa reino protistaAula completa reino protista
Aula completa reino protista
Nelson Costa
 
Tipos de reprodução
Tipos de reproduçãoTipos de reprodução
Tipos de reprodução
URCA
 
Classificação dos seres vivos.
Classificação dos seres vivos.Classificação dos seres vivos.
Classificação dos seres vivos.
Lara Lídia
 
Bactérias 7º Ano
Bactérias 7º Ano Bactérias 7º Ano
Bactérias 7º Ano
guest3519e1
 
Reprodução
ReproduçãoReprodução
Reprodução
Werner Mendoza Blanco
 
Os cinco Grandes Reinos- classificação dos seres vivos.
Os cinco Grandes Reinos- classificação dos seres vivos. Os cinco Grandes Reinos- classificação dos seres vivos.
Os cinco Grandes Reinos- classificação dos seres vivos.
Silvana Sanches
 
Poríferos e cnidários
Poríferos e cnidáriosPoríferos e cnidários
Poríferos e cnidários
Fabiano Reis
 
Aula ecologia.
Aula ecologia.Aula ecologia.
Aula ecologia.
Gov. Estado do Paraná
 
Biodiversidade
BiodiversidadeBiodiversidade
Biodiversidade
PIBID Joel Job
 
II. 1 As células
II. 1 As célulasII. 1 As células
II. 1 As células
Rebeca Vale
 
Caracteristicas gerais dos seres vivos
Caracteristicas gerais dos seres vivosCaracteristicas gerais dos seres vivos
Caracteristicas gerais dos seres vivos
César Milani
 
Cadeia e teias alimentares
Cadeia e teias alimentaresCadeia e teias alimentares
Cadeia e teias alimentares
Gabriela de Lima
 
Reprodução assexuada e sexuada
Reprodução assexuada  e sexuadaReprodução assexuada  e sexuada
Reprodução assexuada e sexuada
Matheus Faria do Valle
 
Adaptações dos seres vivos
Adaptações dos seres vivosAdaptações dos seres vivos
Adaptações dos seres vivos
Andrea Barreto
 
Reino Monera
Reino MoneraReino Monera
Reino Monera
profatatiana
 
9 ano origem da vida
9  ano origem da vida9  ano origem da vida
9 ano origem da vida
Jane Jeiza
 

Mais procurados (20)

Reprodução sexuada
Reprodução sexuadaReprodução sexuada
Reprodução sexuada
 
Aula Biologia: Bases da Ecologia [1° Ano do Ensino Médio]
Aula Biologia: Bases da Ecologia [1° Ano do Ensino Médio]Aula Biologia: Bases da Ecologia [1° Ano do Ensino Médio]
Aula Biologia: Bases da Ecologia [1° Ano do Ensino Médio]
 
Reino Animal
Reino AnimalReino Animal
Reino Animal
 
Níveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivosNíveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivos
 
Aula completa reino protista
Aula completa reino protistaAula completa reino protista
Aula completa reino protista
 
Tipos de reprodução
Tipos de reproduçãoTipos de reprodução
Tipos de reprodução
 
Classificação dos seres vivos.
Classificação dos seres vivos.Classificação dos seres vivos.
Classificação dos seres vivos.
 
Bactérias 7º Ano
Bactérias 7º Ano Bactérias 7º Ano
Bactérias 7º Ano
 
Reprodução
ReproduçãoReprodução
Reprodução
 
Os cinco Grandes Reinos- classificação dos seres vivos.
Os cinco Grandes Reinos- classificação dos seres vivos. Os cinco Grandes Reinos- classificação dos seres vivos.
Os cinco Grandes Reinos- classificação dos seres vivos.
 
Poríferos e cnidários
Poríferos e cnidáriosPoríferos e cnidários
Poríferos e cnidários
 
Aula ecologia.
Aula ecologia.Aula ecologia.
Aula ecologia.
 
Biodiversidade
BiodiversidadeBiodiversidade
Biodiversidade
 
II. 1 As células
II. 1 As célulasII. 1 As células
II. 1 As células
 
Caracteristicas gerais dos seres vivos
Caracteristicas gerais dos seres vivosCaracteristicas gerais dos seres vivos
Caracteristicas gerais dos seres vivos
 
Cadeia e teias alimentares
Cadeia e teias alimentaresCadeia e teias alimentares
Cadeia e teias alimentares
 
Reprodução assexuada e sexuada
Reprodução assexuada  e sexuadaReprodução assexuada  e sexuada
Reprodução assexuada e sexuada
 
Adaptações dos seres vivos
Adaptações dos seres vivosAdaptações dos seres vivos
Adaptações dos seres vivos
 
Reino Monera
Reino MoneraReino Monera
Reino Monera
 
9 ano origem da vida
9  ano origem da vida9  ano origem da vida
9 ano origem da vida
 

Destaque

Avaliação global de ciências 6º ano abril
Avaliação global de ciências 6º ano abrilAvaliação global de ciências 6º ano abril
Avaliação global de ciências 6º ano abril
Moesio Alves
 
Livro projeto telaris capitulo 3 ciencias 6º ano
Livro projeto telaris capitulo 3 ciencias 6º anoLivro projeto telaris capitulo 3 ciencias 6º ano
Livro projeto telaris capitulo 3 ciencias 6º ano
Renan Silva
 
Livro projeto telaris capitulo 12 ciencias 6º ano
Livro projeto telaris capitulo 12 ciencias 6º anoLivro projeto telaris capitulo 12 ciencias 6º ano
Livro projeto telaris capitulo 12 ciencias 6º ano
Renan Silva
 
Livro projeto telaris capitulo 1 ciencias 6 ano
Livro projeto telaris capitulo 1 ciencias 6 anoLivro projeto telaris capitulo 1 ciencias 6 ano
Livro projeto telaris capitulo 1 ciencias 6 ano
Renan Silva
 
Plano de aula 1
Plano de aula 1Plano de aula 1
Plano de aula 1
familiaestagio
 
Cadeia alimentar
Cadeia alimentarCadeia alimentar
Cadeia alimentar
Andrea Barreto
 
Fatores bióticos e abióticos
Fatores bióticos e abióticosFatores bióticos e abióticos
Fatores bióticos e abióticos
mmbbss
 
Prova ciencias ecossistemas
Prova ciencias ecossistemasProva ciencias ecossistemas
Prova ciencias ecossistemas
Atividades Diversas Cláudia
 
Ecologia para 6º ano
Ecologia para 6º anoEcologia para 6º ano
Ecologia para 6º ano
Jéssica Lamblet
 
Ecologia
Ecologia Ecologia
Ecologia
BIOGERALDO
 

Destaque (10)

Avaliação global de ciências 6º ano abril
Avaliação global de ciências 6º ano abrilAvaliação global de ciências 6º ano abril
Avaliação global de ciências 6º ano abril
 
Livro projeto telaris capitulo 3 ciencias 6º ano
Livro projeto telaris capitulo 3 ciencias 6º anoLivro projeto telaris capitulo 3 ciencias 6º ano
Livro projeto telaris capitulo 3 ciencias 6º ano
 
Livro projeto telaris capitulo 12 ciencias 6º ano
Livro projeto telaris capitulo 12 ciencias 6º anoLivro projeto telaris capitulo 12 ciencias 6º ano
Livro projeto telaris capitulo 12 ciencias 6º ano
 
Livro projeto telaris capitulo 1 ciencias 6 ano
Livro projeto telaris capitulo 1 ciencias 6 anoLivro projeto telaris capitulo 1 ciencias 6 ano
Livro projeto telaris capitulo 1 ciencias 6 ano
 
Plano de aula 1
Plano de aula 1Plano de aula 1
Plano de aula 1
 
Cadeia alimentar
Cadeia alimentarCadeia alimentar
Cadeia alimentar
 
Fatores bióticos e abióticos
Fatores bióticos e abióticosFatores bióticos e abióticos
Fatores bióticos e abióticos
 
Prova ciencias ecossistemas
Prova ciencias ecossistemasProva ciencias ecossistemas
Prova ciencias ecossistemas
 
Ecologia para 6º ano
Ecologia para 6º anoEcologia para 6º ano
Ecologia para 6º ano
 
Ecologia
Ecologia Ecologia
Ecologia
 

Semelhante a 6 ano a b -c

3 4 intro ecologia
3 4 intro ecologia3 4 intro ecologia
3 4 intro ecologia
professorfabiovalente
 
Ed amb aula-ecologia-aula-03
Ed amb aula-ecologia-aula-03Ed amb aula-ecologia-aula-03
Ed amb aula-ecologia-aula-03
Lunna01
 
conceitos em ecologia
conceitos em ecologiaconceitos em ecologia
conceitos em ecologia
Chiara Lubich
 
Ecologia socorro
Ecologia socorroEcologia socorro
Ecologia socorro
Flávia Fernandes
 
Biologia 6 mais ecologia.ppt
Biologia 6 mais ecologia.pptBiologia 6 mais ecologia.ppt
Biologia 6 mais ecologia.ppt
RomaldeDanielRomalde
 
Aula de ecologia 01
Aula de ecologia 01Aula de ecologia 01
Aula de ecologia 01
Ilsoflavio
 
Biologia - Luciana.pdf
Biologia - Luciana.pdfBiologia - Luciana.pdf
Biologia - Luciana.pdf
RogrioArajo31
 
A infinita variedade da vida
A infinita variedade da vidaA infinita variedade da vida
A infinita variedade da vida
Romualdo Caetano Barros
 
Ecologia
EcologiaEcologia
Ecologia
Ecologia Ecologia
Ecologia.pdfEcologiaEcologiaEcologiaEcologia
Ecologia.pdfEcologiaEcologiaEcologiaEcologiaEcologia.pdfEcologiaEcologiaEcologiaEcologia
Ecologia.pdfEcologiaEcologiaEcologiaEcologia
alessandraoliveira324
 
Aula de ecologia
Aula de ecologiaAula de ecologia
Aula de ecologia
Ilsoflavio
 
Aula de ecologia curso completo
Aula de ecologia   curso completoAula de ecologia   curso completo
Aula de ecologia curso completo
Marcionedes De Souza
 
Nt4
Nt4Nt4
Nt4
dcl3007
 
Nt6
Nt6Nt6
Nt6
dcl3007
 
Ecologiaintroducao
EcologiaintroducaoEcologiaintroducao
Ecologiaintroducao
Hélder Raposo
 
Ecologia
EcologiaEcologia
Ecologia
Alinehl
 
1 agroecossistemas e propriedades estruturais de comunidades
1 agroecossistemas e propriedades estruturais de comunidades1 agroecossistemas e propriedades estruturais de comunidades
1 agroecossistemas e propriedades estruturais de comunidades
igor-oliveira
 
Apostila de ecologia
Apostila de ecologiaApostila de ecologia
Apostila de ecologia
Paulo Lobo
 
Aula 1 ecologia conceitos fundamentaisok
Aula 1 ecologia conceitos fundamentaisokAula 1 ecologia conceitos fundamentaisok
Aula 1 ecologia conceitos fundamentaisok
luanarodriguessh
 

Semelhante a 6 ano a b -c (20)

3 4 intro ecologia
3 4 intro ecologia3 4 intro ecologia
3 4 intro ecologia
 
Ed amb aula-ecologia-aula-03
Ed amb aula-ecologia-aula-03Ed amb aula-ecologia-aula-03
Ed amb aula-ecologia-aula-03
 
conceitos em ecologia
conceitos em ecologiaconceitos em ecologia
conceitos em ecologia
 
Ecologia socorro
Ecologia socorroEcologia socorro
Ecologia socorro
 
Biologia 6 mais ecologia.ppt
Biologia 6 mais ecologia.pptBiologia 6 mais ecologia.ppt
Biologia 6 mais ecologia.ppt
 
Aula de ecologia 01
Aula de ecologia 01Aula de ecologia 01
Aula de ecologia 01
 
Biologia - Luciana.pdf
Biologia - Luciana.pdfBiologia - Luciana.pdf
Biologia - Luciana.pdf
 
A infinita variedade da vida
A infinita variedade da vidaA infinita variedade da vida
A infinita variedade da vida
 
Ecologia
EcologiaEcologia
Ecologia
 
Ecologia
Ecologia Ecologia
Ecologia
 
Ecologia.pdfEcologiaEcologiaEcologiaEcologia
Ecologia.pdfEcologiaEcologiaEcologiaEcologiaEcologia.pdfEcologiaEcologiaEcologiaEcologia
Ecologia.pdfEcologiaEcologiaEcologiaEcologia
 
Aula de ecologia
Aula de ecologiaAula de ecologia
Aula de ecologia
 
Aula de ecologia curso completo
Aula de ecologia   curso completoAula de ecologia   curso completo
Aula de ecologia curso completo
 
Nt4
Nt4Nt4
Nt4
 
Nt6
Nt6Nt6
Nt6
 
Ecologiaintroducao
EcologiaintroducaoEcologiaintroducao
Ecologiaintroducao
 
Ecologia
EcologiaEcologia
Ecologia
 
1 agroecossistemas e propriedades estruturais de comunidades
1 agroecossistemas e propriedades estruturais de comunidades1 agroecossistemas e propriedades estruturais de comunidades
1 agroecossistemas e propriedades estruturais de comunidades
 
Apostila de ecologia
Apostila de ecologiaApostila de ecologia
Apostila de ecologia
 
Aula 1 ecologia conceitos fundamentaisok
Aula 1 ecologia conceitos fundamentaisokAula 1 ecologia conceitos fundamentaisok
Aula 1 ecologia conceitos fundamentaisok
 

Último

REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
sjcelsorocha
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
ProfessoraTatianaT
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
AlessandraRibas7
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃOAUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
FernandaOliveira758273
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
ElinarioCosta
 
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdfUFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
Manuais Formação
 
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdfAula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Marília Pacheco
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
WELTONROBERTOFREITAS
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
AdrianoMontagna1
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdfConcurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
TathyLopes1
 

Último (20)

REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
 
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃOAUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
 
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdfUFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
 
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdfAula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdfConcurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
 

6 ano a b -c

  • 1.
  • 2. IMPORTÂNCIA DO ESTUDO DE ECOLOGIA • Necessidade de se conhecer a estrutura e funcionamento da natureza para manter o equilíbrio ambiental. Matéria prima Produtos Recursos naturais resíduos energia
  • 3. IMPORTÂNCIA DA ECOLOGIA • ECOLOGIA (“oikos” = casa; logos = estudo) Palavra criada por Ernest Haeckel no sec XIX. A Ecologia é a ciência que estuda as interações entre os organismos e seu ambiente, ou seja, é o estudo científico da distribuição e abundância dos seres vivos e das interações que determinam a sua distribuição.
  • 4. • Ecologia e Revolução Industrial Ecologia e problemas ambientais - Aquecimento global - Desmatamentos - Extinção de animais - Chuva ácida - Poluição - Superpopulação: fome, violência, falta de espaço
  • 5. ECOSSISTEMA : UNIDADE DE ESTUDO DA ECOLOGIA SISTEMA DE RELAÇÕES ENTRE SERES VIVOS E FATORES FÍSICOS E QUÍMICOS DO MEIO FATORES BIÓTICOS FATORES ABIÓTICOS = Sem 2
  • 6. ECOSSISTEMAS Os ecossistemas são formados pela união de dois fatores: FATORES BIÓTICOS + FATORES ABIÓTICOS
  • 7. ECOSSITEMAS Fatores abióticos - o conjunto de todos os fatores físicos que podem incidir sobre as comunidades de uma certa região. LUZ TEMPERATURA UMIDADE ÁGUA
  • 8. ECOSSITEMAS • Fatores bióticos - conjunto de todos seres vivos e que interagem uma certa região e que poderão ser chamados de biocenose, comunidade ou de biota VEGETAIS MICRORGANISMOS ANIMAIS
  • 9. NÍVEIS DE ORGANIZAÇÃO DOS SERES VIVOS
  • 10. NÍVEIS DE ESTUDO DA ECOLOGIA
  • 11. TERMOS UTILIZADOS EM ECOLOGIA • POPULAÇAO: seres vivos da mesma espécie que habitam a mesma região COMUNIDADE (BIOCENOSE OU BIOTA) : conjunto de todos os seres vivos que habitam um determinado ambiente e mantêm entre si, relações de interdependência
  • 12. TERMOS UTILIZADOS EM ECOLOGIA ECOSSISTEMA: conjunto formado pela associação entre os seres vivos e seu meio ambiente BIOSFERA: conjunto de todos os ecossistemas da Terra; corresponde a todas as regiões da Terra onde a vida é possível de forma permanente
  • 13. TERMOS UTILIZADOS EM ECOLOGIA • BIÓTOPO - Espaço limitado, com características ambientais determinadas, onde vive uma biocenose. No exemplo da floresta, o biótopo é a área que contém o solo (com seus minerais e água) e a atmosfera (com seus gases, umidade, temperatura, grau de luminosidade etc.).
  • 14. TERMOS UTILIZADOS EM ECOLOGIA • HABITAT - é o lugar específico onde uma espécie pode ser encontrada, isto é, o seu "ENDEREÇO" dentro do ecossistema. • Exemplo: Uma planta pode ser o habitat de um inseto, o leão pode ser encontrado nas savanas africanas, etc.
  • 15. TERMOS UTILIZADOS EM ECOLOGIA • NICHO ECOLÓGICO - é o papel que o organismo desempenha no ecossistema, isto é, a "PROFISSÃO" do organismo no ecossistema. 0 nicho informa às custas de que se alimenta, a quem serve de alimento, como se reproduz, etc.
  • 17. TERMOS UTILIZADOS EM ECOLOGIA • ECÓTONO - É a transição entre ecossistemas. campo / floresta - rio / mar - montanha / planície
  • 18. TERMOS UTILIZADOS EM ECOLOGIA • BIODIVERSIDADE - É a riqueza biológica de uma região, de um ecossistema ou da biosfera. Leva-se em consideração a abundancia de cada espécie e a heterogeneidade da composição da comunidade. Ambientes com maior Biodiversidade do Planeta : MANGUEZAIS RECIFES DE CORAIS FLORESTAS TROPICAIS
  • 19. TERMOS UTILIZADOS EM ECOLOGIA • CONTROLE BIOLÓGICO - As medidas naturais utilizadas para o controle de pragas e restabelecimento para de ecossistemas são chamados controles biológicos. Podemos citar como exemplo de controle biológico: • peixes no controle da esquistossomose • peixes no controle de larvas de Aedes aegypti • besouros o controle da mosca do chifre • bactérias e vírus no controle de pragas e insetos O besouro “rola- bosta” é usado no controle biológico da mosca-dos-chifres
  • 20. TERMOS UTILIZADOS EM ECOLOGIA HOMEOSTASE - propriedade auto-reguladora de um sistema ou organismo que lhe permite manter o seu estado de equilíbrio. No estágio de equilíbrio crescerá, na existência de espaço e alimento; crescendo, reduz-se o espaço e o alimento por indivíduo, o que determina um declínio numérico que abre disponibilidade de espaço e alimento para um novo crescimento.
  • 21. COMPONENTES BIÓTICOS DO ECOSSISTEMA Produtores (são todos autótrofos) MATÉRIA INORGÂNICA → MATÉRIA ORGÂNICA (fotossíntese ou quimiossíntese) -bactérias clorofiladas, cianobactérias, algas e vegetais clorofilados
  • 22. Consumidores (heterótrofos): animais, fungos, protozoários - Consumidor primário - alimenta-se do produtor - Consumidor secundário – alimenta-se do consumidor primário - Consumidor terciário – alimenta-se do consumidor secundário Os consumidores podem ser herbívoros, carnívoros, onívoros ou detritívoros.
  • 23. Decompositores (heterótrofos) – saprófitos ou saprofágicos – fungos e bactérias MATÉRIA ORGÂNICA →MATÉRIA INORGÂNICA Importantes na ciclagem da matéria
  • 25. CICLO DA MATÉRIA (CICLAGEM) A MATÉRIA PODE SER REAPROVEITADA PELOS SERES VIVOS
  • 26. FLUXO DE ENERGIA (Fluxo unidirecional) A ENERGIA DIMINUI AO PASSAR DE UM NÍVEL TRÓFICO PARA OUTRO A ENERGIA NÃO PODE SER REAPROVEITADA