SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 35
IMUNOLOGIA
Características Gerais do Sistema
Imune Humano
Curso: Fisioterapia
Histórico 1883 – Ellie Methnikoff
1796 – Edward Jenner
HEMATOPOIESE
Sistema Linfático Humano
Tecidos e órgãos linfoides humanos
Órgãos Linfoides Primários: local em que as células do sistema imune nascem e
amadurecem (Medula Óssea e Timo).
Órgãos Linfoides Secundários: linfonodos, baço, tecido linfoide associado à
mucosas (MALT) e no Trato Intestinal o tecido linfoide associado à mucosas é
chamado GALT.
Órgãos linfoides primário
Órgãos Linfoides Secundários:Linfonodos e Baço
Organização da Resposta Imune
• Respostas da Imunidade Inata ou Natural ;
• Respostas da Imunidade Adquirida ou Específica;
Componentes:
Barreiras Físicas e Químicas;
 Moléculas circulantes efetoras;
 Células da resposta imune (Leucócitos).
Característica da Resposta Imune
• Especificidade e tolerância ao próprio (MHC);
• Diversidade e especialização;
• Memória Imunológica (Imunidade Adquirida);
• Reconhecimento de estruturas não-próprias;
•Regulação ou homeostasia;
COMPONENTES:
Físico-químicos:
Molecular: moléculas presentes nos líquidos biológicos (proteínas plasmáticas,
enzimas, glicolipídios, citocinas, etc.);
Células: Fagócitos, células NK, Eosinófilos...
Células apresentadoras de antígenos
Enzimas antimicrobianas, Inflamação,
Sistema Complemento, Citocinas , PRRS
Imunidade Inata ou Natural
Primeira linha de defesa (epitélios)
Lágrima e saliva  Fosfolipases A, Lisozima
Trato instestinal  Criptidinas ou -defensinas (Células de
Paneth)
Trato respiratório, geniturinário, pele e língua  -defensinas
Proteínas solúveis da imunidade inata
Reconhecem e atacam micro-organismos patogênicos;
Efeitos (opsonização de Ags, digestão de parede celular bacteriana, ativação de
proteínas do Sistema Complemento, propiciam ligação de proteínas antigênicas
de micro-organismos a receptores celulares);
Proteínas solúveis da Imunidade Inata: Lisozima, Proteína de ligação da
manose, Proteína C-reativa, Proteína P amiloide sérica, Proteína de ligação do
LPS, CD 14 solúvel e Proteína C3 do Complemento.
 Receptores de Reconhecimento dos Padrões Moleculares (PRR)
reconhecem os PAMPs (Padrões Moleculares Associados aos
Patógenos);
 O sistema imune inato reconhece os DAMPS
Células
Sistema Complemento
Citocinas
CITOCINAS
IMUNIDADE INATA:
TNF-α, IL-1, IL-12, IFN-γ.
FONTES CELULARES: Mácrófagos,
Células NK, etc.
IMUNIDADE ADAPTATIVA:
IL-2, IL-4, IL-5, IFN-γ.
FONTES CELULARES: Linfócitos.
Fagocitose
Inflamação
Células Apresentadores de Antígenos
Eventos realizados durante a Apresentação de antígenos:
IMUNIDADE
ESPECÍFICA
Propriedades da Imunidade Adquirida
• Facilita os mecanismos protetores da imunidade inata
• Fase Tardia
• Acrescenta um alto grau de diversidade, especialização e especificidade
• O sistema imune específico possui Memória Imunológica.
• Células envolvidas: linfócitos T e linfócitos B
- imunidade celular – defesa intracelular
- imunidade humoral – defesa extracelular
Interação APC X Linfócito T
Principais vias de entrada de micro-organismos
• Oral ou Enteral:
• Pele e mucosas:
• Sexual:
• Parenteral:
Indução da Resposta Imune
Antígenos: substâncias (solúvel, celular, particulada) que se ligam
especificamente a anticorpos ou a receptores de antígenos dos Linfócitos T, sendo
capazes de induzir uma resposta imune. Podem ser microbianos ou não
Determinantes antigênicos ou Epítopos
Imunização ativa e passiva
Resposta Imune
Reconhecimento, captura, processamento e apresentação de antígenos.
Fisioterapeuta Intensivista (Respiratória e Motora), atuando em
UTI desde 2010, com domínio pleno em pré e pós operatório
ortopédico, diminuição dos movimentos e dores articulares,
trabalhando com equipamentos qualificados para alívio de dor.

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a 1Visão Geral Sist Imune.ppt

3. celulas e orgaos do sist imune
3. celulas e orgaos do sist imune3. celulas e orgaos do sist imune
3. celulas e orgaos do sist imune
FAMENE 2018.2b
 
Sistema imunitário parte i
Sistema imunitário   parte iSistema imunitário   parte i
Sistema imunitário parte i
Luciana Pietro
 
Celulas do sistema imunológico[1]
Celulas do sistema imunológico[1]Celulas do sistema imunológico[1]
Celulas do sistema imunológico[1]
Gildo Crispim
 
Aula 3 imunidade_inata-_enf-2_2011[1]
Aula 3 imunidade_inata-_enf-2_2011[1]Aula 3 imunidade_inata-_enf-2_2011[1]
Aula 3 imunidade_inata-_enf-2_2011[1]
mfernandamb
 

Semelhante a 1Visão Geral Sist Imune.ppt (20)

A resposta imune 20130325000503
A resposta imune 20130325000503A resposta imune 20130325000503
A resposta imune 20130325000503
 
15 Imun NãO Esp
15 Imun NãO Esp15 Imun NãO Esp
15 Imun NãO Esp
 
3. celulas e orgaos do sist imune
3. celulas e orgaos do sist imune3. celulas e orgaos do sist imune
3. celulas e orgaos do sist imune
 
Sistema imunitário parte i
Sistema imunitário   parte iSistema imunitário   parte i
Sistema imunitário parte i
 
Aula Imunologia Geral Conceitos história
Aula Imunologia Geral Conceitos históriaAula Imunologia Geral Conceitos história
Aula Imunologia Geral Conceitos história
 
Revisão de imunologia
Revisão de imunologiaRevisão de imunologia
Revisão de imunologia
 
Plantas medicinais e fitoterápicos no sistema respiratório 2014
Plantas medicinais e fitoterápicos no sistema respiratório 2014Plantas medicinais e fitoterápicos no sistema respiratório 2014
Plantas medicinais e fitoterápicos no sistema respiratório 2014
 
inunologia_1_aula_02.pdf_inata_e_adaptativa.pdf
inunologia_1_aula_02.pdf_inata_e_adaptativa.pdfinunologia_1_aula_02.pdf_inata_e_adaptativa.pdf
inunologia_1_aula_02.pdf_inata_e_adaptativa.pdf
 
Sistema Imunológico Humano: características
Sistema Imunológico Humano: característicasSistema Imunológico Humano: características
Sistema Imunológico Humano: características
 
Células e Tecidos
Células e TecidosCélulas e Tecidos
Células e Tecidos
 
Imunidade Inata Adaptativa
Imunidade Inata AdaptativaImunidade Inata Adaptativa
Imunidade Inata Adaptativa
 
ICS – A46 Imunologia Básica - 2010-1
ICS – A46 Imunologia Básica - 2010-1ICS – A46 Imunologia Básica - 2010-1
ICS – A46 Imunologia Básica - 2010-1
 
introdução a imunologia - conceitos básicos
introdução a imunologia - conceitos básicosintrodução a imunologia - conceitos básicos
introdução a imunologia - conceitos básicos
 
Aula 1 Introdução à imunologia.pptx
Aula 1 Introdução à imunologia.pptxAula 1 Introdução à imunologia.pptx
Aula 1 Introdução à imunologia.pptx
 
Celulas do sistema imunológico[1]
Celulas do sistema imunológico[1]Celulas do sistema imunológico[1]
Celulas do sistema imunológico[1]
 
Aula 3 imunidade_inata-_enf-2_2011[1]
Aula 3 imunidade_inata-_enf-2_2011[1]Aula 3 imunidade_inata-_enf-2_2011[1]
Aula 3 imunidade_inata-_enf-2_2011[1]
 
Imunologia thaís benetti
Imunologia thaís benettiImunologia thaís benetti
Imunologia thaís benetti
 
Aula imunidade-inata-20-03-20121
Aula imunidade-inata-20-03-20121Aula imunidade-inata-20-03-20121
Aula imunidade-inata-20-03-20121
 
ICS – A46 Imunologia Básica - 2010-1
ICS – A46 Imunologia Básica - 2010-1ICS – A46 Imunologia Básica - 2010-1
ICS – A46 Imunologia Básica - 2010-1
 
16 Imun Esp.B T
16 Imun Esp.B T16 Imun Esp.B T
16 Imun Esp.B T
 

Último

Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
profbrunogeo95
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
WelitaDiaz1
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
azulassessoria9
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
GisellySobral
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Eró Cunha
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Kelly Mendes
 

Último (20)

Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
 
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
 
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfUFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
 
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfUFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.pptnocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
 
Teatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioTeatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundario
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
 
13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 

1Visão Geral Sist Imune.ppt

  • 1. IMUNOLOGIA Características Gerais do Sistema Imune Humano Curso: Fisioterapia
  • 2. Histórico 1883 – Ellie Methnikoff 1796 – Edward Jenner
  • 3.
  • 6. Tecidos e órgãos linfoides humanos Órgãos Linfoides Primários: local em que as células do sistema imune nascem e amadurecem (Medula Óssea e Timo). Órgãos Linfoides Secundários: linfonodos, baço, tecido linfoide associado à mucosas (MALT) e no Trato Intestinal o tecido linfoide associado à mucosas é chamado GALT.
  • 9. Organização da Resposta Imune • Respostas da Imunidade Inata ou Natural ; • Respostas da Imunidade Adquirida ou Específica; Componentes: Barreiras Físicas e Químicas;  Moléculas circulantes efetoras;  Células da resposta imune (Leucócitos). Característica da Resposta Imune • Especificidade e tolerância ao próprio (MHC); • Diversidade e especialização; • Memória Imunológica (Imunidade Adquirida); • Reconhecimento de estruturas não-próprias; •Regulação ou homeostasia;
  • 10. COMPONENTES: Físico-químicos: Molecular: moléculas presentes nos líquidos biológicos (proteínas plasmáticas, enzimas, glicolipídios, citocinas, etc.); Células: Fagócitos, células NK, Eosinófilos... Células apresentadoras de antígenos Enzimas antimicrobianas, Inflamação, Sistema Complemento, Citocinas , PRRS Imunidade Inata ou Natural
  • 11.
  • 12. Primeira linha de defesa (epitélios) Lágrima e saliva  Fosfolipases A, Lisozima Trato instestinal  Criptidinas ou -defensinas (Células de Paneth) Trato respiratório, geniturinário, pele e língua  -defensinas
  • 13. Proteínas solúveis da imunidade inata Reconhecem e atacam micro-organismos patogênicos; Efeitos (opsonização de Ags, digestão de parede celular bacteriana, ativação de proteínas do Sistema Complemento, propiciam ligação de proteínas antigênicas de micro-organismos a receptores celulares); Proteínas solúveis da Imunidade Inata: Lisozima, Proteína de ligação da manose, Proteína C-reativa, Proteína P amiloide sérica, Proteína de ligação do LPS, CD 14 solúvel e Proteína C3 do Complemento.
  • 14.  Receptores de Reconhecimento dos Padrões Moleculares (PRR) reconhecem os PAMPs (Padrões Moleculares Associados aos Patógenos);
  • 15.
  • 16.  O sistema imune inato reconhece os DAMPS
  • 17.
  • 21. CITOCINAS IMUNIDADE INATA: TNF-α, IL-1, IL-12, IFN-γ. FONTES CELULARES: Mácrófagos, Células NK, etc. IMUNIDADE ADAPTATIVA: IL-2, IL-4, IL-5, IFN-γ. FONTES CELULARES: Linfócitos.
  • 25. Eventos realizados durante a Apresentação de antígenos:
  • 27. Propriedades da Imunidade Adquirida • Facilita os mecanismos protetores da imunidade inata • Fase Tardia • Acrescenta um alto grau de diversidade, especialização e especificidade • O sistema imune específico possui Memória Imunológica. • Células envolvidas: linfócitos T e linfócitos B - imunidade celular – defesa intracelular - imunidade humoral – defesa extracelular
  • 28.
  • 29. Interação APC X Linfócito T
  • 30. Principais vias de entrada de micro-organismos • Oral ou Enteral: • Pele e mucosas: • Sexual: • Parenteral:
  • 31. Indução da Resposta Imune Antígenos: substâncias (solúvel, celular, particulada) que se ligam especificamente a anticorpos ou a receptores de antígenos dos Linfócitos T, sendo capazes de induzir uma resposta imune. Podem ser microbianos ou não Determinantes antigênicos ou Epítopos
  • 33. Resposta Imune Reconhecimento, captura, processamento e apresentação de antígenos.
  • 34.
  • 35. Fisioterapeuta Intensivista (Respiratória e Motora), atuando em UTI desde 2010, com domínio pleno em pré e pós operatório ortopédico, diminuição dos movimentos e dores articulares, trabalhando com equipamentos qualificados para alívio de dor.