Preparação Técnica no Vôlei
Marco Gutemberg - 3° Período
 Habilidade técnica: É a capacidade técnica de resolver
certas situações problemas de maneira diferente da
tradicional en...
 A prática dos fundamentos com naturalidade deve ser
meta em todo treinamento, pois só assim será possível a
evolução do ...
 Alguns estudiosos apontam uma divisão dos
fundamentos técnicos de modo a tê-los em suas funções
ofensivas e defensivas; ...
 Na primeira versão, os fundamentos são classificados
em treinos específicos, conforme sua origem tática.
Ofensivos e Def...
 Já na segunda versão, os fundamentos são divididos pela
complexidade de execução e temos a seguinte
apresentação.
Básico...
 Essas tendências em classificar os fundamentos apenas
orientam os treinadores sobre a maneira como serão
conduzidos os p...
 O primeiro passo para a periodização do treinamento é a
escolha dos exercícios e a carga dos mesmos a serem
desempenhado...
 Na literatura não existe nada que afirme o tempo
adequado para a periodização da preparação técnica,
para tal definição ...
Qualidade da equipe Objetivo Competições
Objetivo dentro da
competição
Idade fase de maturação
Intervalo entre as
competiç...
 Você já reparou que para a maioria dos alunos ou atletas
que sessões de treinamentos técnicos são desagradáveis?
 Isso ...
 Variação de atividades de repetição de movimento para
aprimoramento da técnica.
 Atividades de caráter lúdico e recreat...
É dever do treinador coordenar a melhora desempenho do
atleta, para isso ele deve:
 Não deixar que o atleta automatize a ...
 O professor deve estruturar um planejamento onde o
mesmo deve conter uma evolução de exercícios e em
sua complexidade pa...
 A natureza da aprendizagem se divide em 4 pontos para
que possamos analisar, observar para poder provar uma
melhora está...
 A curva de aprendizagem vai mostrar ao treinador a
partir do seu resultado se houve ou não aprendizado
através do desemp...
 É a fase em que o indivíduo pensa que não está
aprendendo, não está evoluindo, quando na verdade ele
esta numa fase de t...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Preparação técnica no vôlei

688 visualizações

Publicada em

Preparação técnica no voleibol para iniciação !

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
688
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
21
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Preparação técnica no vôlei

  1. 1. Preparação Técnica no Vôlei Marco Gutemberg - 3° Período
  2. 2.  Habilidade técnica: É a capacidade técnica de resolver certas situações problemas de maneira diferente da tradicional encontrada na literatura.  Técnica: é o movimento perfeito de acordo com a literatura para a realização de uma tarefa. É o movimento que os teóricos julgam ser mais eficiente. Conceitos
  3. 3.  A prática dos fundamentos com naturalidade deve ser meta em todo treinamento, pois só assim será possível a evolução do atleta e do time como um todo. Preparação técnica
  4. 4.  Alguns estudiosos apontam uma divisão dos fundamentos técnicos de modo a tê-los em suas funções ofensivas e defensivas; outros sugerem sua divisão em básicos e complementares. Como começar?
  5. 5.  Na primeira versão, os fundamentos são classificados em treinos específicos, conforme sua origem tática. Ofensivos e Defensivos Ofensivos Defensivos Saque Recepção Levantamento Bloqueio Ataque Defesa
  6. 6.  Já na segunda versão, os fundamentos são divididos pela complexidade de execução e temos a seguinte apresentação. Básicos e Complementares Básicos Complementares Toque Cortada Manchete Bloqueio Saque Mergulhos - Rolamentos
  7. 7.  Essas tendências em classificar os fundamentos apenas orientam os treinadores sobre a maneira como serão conduzidos os processos pedagógicos, diante de seus objetivos educacionais. Não incidem na qualidade do trabalho, nem no resultado temporal da aquisição de habilidade para um ou outro gesto.
  8. 8.  O primeiro passo para a periodização do treinamento é a escolha dos exercícios e a carga dos mesmos a serem desempenhados pelos atletas. De acordo com as escolhas do treinador os atletas sofrerão adaptações no desempenho da prática esportiva, positivas ou negativas. Periodização do Treinamento
  9. 9.  Na literatura não existe nada que afirme o tempo adequado para a periodização da preparação técnica, para tal definição o treinador tem uma série de fatores a analisar.
  10. 10. Qualidade da equipe Objetivo Competições Objetivo dentro da competição Idade fase de maturação Intervalo entre as competições Iniciação Alto nível Tempo disponível para treinos diários evolução Período de descanso Fatores que influenciam a preparação técnica
  11. 11.  Você já reparou que para a maioria dos alunos ou atletas que sessões de treinamentos técnicos são desagradáveis?  Isso ocorre porque o aluno ainda está em uma fase que ele não intende a importância do aprimoramento técnico para um jogo de melhor nível. Cuidado!
  12. 12.  Variação de atividades de repetição de movimento para aprimoramento da técnica.  Atividades de caráter lúdico e recreativo.  Evitar o maior número de regras possíveis para maior andamento do treinamento. Soluções
  13. 13. É dever do treinador coordenar a melhora desempenho do atleta, para isso ele deve:  Não deixar que o atleta automatize a habilidade técnica de maneira incorreta.  Manter o atleta motivado.  Possibilitar o atleta ao maior numero de experimentações possíveis. Missão do treinador
  14. 14.  O professor deve estruturar um planejamento onde o mesmo deve conter uma evolução de exercícios e em sua complexidade para que o atleta possa progredir baseado nos treinos por ele frequentado.  Sem deixar de lado a hipótese de que o planejamento é um objeto flexível, e que a turma, equipe, alunos com quem ele trabalha, necessita ter melhora no desenvolvimento a partir do mesmo. A Prática
  15. 15.  A natureza da aprendizagem se divide em 4 pontos para que possamos analisar, observar para poder provar uma melhora estável de desempenho.  Velocidade  Precisão  Magnitude  Latência da resposta Natureza da Aprendizagem
  16. 16.  A curva de aprendizagem vai mostrar ao treinador a partir do seu resultado se houve ou não aprendizado através do desempenho de cada atleta, nas tarefas desempenhadas como parâmetro de análise. Curva de Aprendizagem
  17. 17.  É a fase em que o indivíduo pensa que não está aprendendo, não está evoluindo, quando na verdade ele esta numa fase de transição da fase associativa, para a automática.  Fatores que influenciam o platô: 1. Passagem de uma parte simples para uma mais complexa da tarefa 2. Fadiga 3. Desmotivação 4. Falha do professor Platô de Aprendizagem

×