08/10/2012
1
Curso de Passes
Alice, Fernanda e Roberto
2a Aula
Pai Nosso
"Pai nosso..." - Jesus. (MATEUS, 6:9).
A grandeza...
08/10/2012
2
Pai Nosso
É necessário começar e continuar em Deus,
associando nossos impulsos ao plano divino, a
fim de que ...
08/10/2012
3
Pai Nosso
O erro de um irmão, examinado nos
fundamentos, é igualmente nosso, porque somos
componentes imperfe...
08/10/2012
4
Entender os
mecanismos e os
atores do passe
OBJETIVO
7
8
08/10/2012
5
Centros de
Força e os
Plexos
9
Corpo Físico
CENTROS DE FORÇA E PLEXOSCENTROS DE FORÇA E PLEXOS
Plexos Nervoso...
08/10/2012
6
“Os pontos de contato do“Os pontos de contato do
Perispírito com o corpo físico sãoPerispírito com o corpo fí...
08/10/2012
7
Para o aplicador de passes é
muito importante ter sempre
em mente que os centros
vitais captam energias,
tran...
08/10/2012
8
Sensibilidade Global
Sensibilidade Magnética
Mutabilidade
↓
Passista
↓
Fluidos →
EquilibrioEquilibrio
Harmoni...
08/10/2012
9
PRECE
Prece é uma invocação,
mediante a qual o homem entra,
pelo pensamento, em
comunicação com o ser a quem
...
08/10/2012
10
IMPORTÂNCIA DA PRECE
Vigiai e orai para que não entreis em tentação.
(Mt.26:41)
20
08/10/2012
11
TodaToda doençadoença temtem origemorigem nono EspíritoEspírito
porqueporque aa açãoação moralmoral desequil...
08/10/2012
12
[...] consiste, principalmente, no dom que
possuem certas pessoas de curar pelo simples
toque, pelo olhar, m...
08/10/2012
13
Depende:
Poder do fluido magnético do médium
Vontade do médium
Influência dos Espíritos
Intenção daquele que...
08/10/2012
14
27
As energias fluídicas vitais
transmitidas pelo passista
dependem do equilíbrio
físico, moral e espiritual...
08/10/2012
15
Mecânica do PasseMecânica do Passe
• Os princípios fundamentais
para a transmissão de
energias através dos p...
08/10/2012
16
Mecânica do PasseMecânica do Passe
A capacidade as coloca em
condições de transmitirem esse
potencial de ene...
08/10/2012
17
Abastecido com essa carga
de energia, a transmite
através da imposição das
mão sobre a cabeça do
paciente, s...
08/10/2012
18
Mecânica do PasseMecânica do Passe
• As forças fluídicas vitaisforças fluídicas vitais (psíquicas)
dependem ...
08/10/2012
19
MagnetizaçãoMagnetização
• Animal
– aquela em que fluidos medicamentosos são adicionados
na água por ação ma...
08/10/2012
20
39
40
08/10/2012
21
41
Passista Paciente
Ambiente
08/10/2012
22
O aplicador de passes que
desempenha suas atividades
com assiduidade e
responsabilidade, estabelece
uma sint...
08/10/2012
23
Requisitos necessários
Estudo das Técnicas
Estudo do Evangelho
Sem vícios: álcool, fumo, drogas, ...
Sem def...
08/10/2012
24
Preparação para tarefa:
Alimentação Repouso físico
Vestuário Adereços
Higiene Sexo
Disciplina Equilíbrio
“ R...
08/10/2012
25
A capacidade de doação fluídica de cada um
tem limites que devem ser rigorosamente
observados, para não comp...
08/10/2012
26
Condições necessárias para a receptividade
Fé
Confiança
Prece
Esforço
O estado de receptividade se estabelec...
08/10/2012
27
Para os resultados serem satisfatórios é
importante que o assistido seja induzido a
acreditar que vai melhor...
08/10/2012
28
Se o assistido cultiva comportamento frívolo e
desequilibrado, a ação benéfica dissipa-se rapidamente
por co...
08/10/2012
29
Casa Espírita
Confortável
Reservado
Limpo
Silêncioso
O mobiliário deve ser o mais simples possível.
A ilumin...
08/10/2012
30
Para transmitir essas
energias, o passista impõe
as mãos sobre a cabeça do
receptor, sem a
necessidade de to...
08/10/2012
31
Assistido e aplicador deverão
manter os olhos fechados, para
tornar mais fácil a concentração.
O aplicador d...
08/10/2012
32
63
“ O aplicador de passes não é um ser de outro planeta,
mas para se dizer terráqueo, não precisa assimilar...
08/10/2012
33
65
Roque Jacinto
08/10/2012
34
Wenefledo de Toledo
A Imposição das Mãos
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Curso de passe-2012-aula -2-06.10.12

148 visualizações

Publicada em

CURSO DE PASSE 2ª AULA

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
148
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Curso de passe-2012-aula -2-06.10.12

  1. 1. 08/10/2012 1 Curso de Passes Alice, Fernanda e Roberto 2a Aula Pai Nosso "Pai nosso..." - Jesus. (MATEUS, 6:9). A grandeza da prece dominical nunca será devidamente compreendida por nós que lhe recebemos as lições divinas. Cada palavra, dentro dela, tem a fulguração de sublime luz. De início, o Mestre Divino lança-lhe os fundamentos em Deus, ensinando que o Supremo Doador da Vida deve constituir, para nós todos, o princípio e a finalidade de nossas tarefas. 2 Emanuel
  2. 2. 08/10/2012 2 Pai Nosso É necessário começar e continuar em Deus, associando nossos impulsos ao plano divino, a fim de que nosso trabalho não se perca no movimento ruinoso ou inútil. O Espírito Universal do Pai há de presidir-nos o mais humilde esforço, na ação de pensar e falar, ensinar e fazer. Em seguida, com um simples pronome possessivo, o Mestre exalta a comunidade. Depois de Deus, a Humanidade será o tema fundamental de nossas vidas. 3 Emanuel Pai Nosso Compreenderemos as necessidades e as aflições, os males e as lutas de todos os que nos cercam ou estaremos segregados no egoísmo primitivista. Todos os triunfos e fracassos que iluminam e obscurecem a Terra pertencem-nos, de algum modo. Os soluços de um hemisfério repercutem no outro. A dor do vizinho é uma advertência para a nossa casa. 4 Emanuel
  3. 3. 08/10/2012 3 Pai Nosso O erro de um irmão, examinado nos fundamentos, é igualmente nosso, porque somos componentes imperfeitos de uma sociedade menos perfeita, gerando causas perigosas e, por isso, tragédias e falhas dos outros afetam-nos por dentro. Quando entendemos semelhante realidade o "império do eu" passa a incorporar-se por célula bendita à vida santificante. Sem amor a Deus e à Humanidade, não estamos suficientemente seguros na oração. 5 Emanuel Pai Nosso Pai nosso... - disse Jesus para começar. Pai do Universo... Nosso mundo... Sem nos associarmos aos propósitos do Pai, na pequenina tarefa que nos foi permitido executar, nossa prece será, muitas vezes, simples repetição do "eu quero", invariavelmente cheio de desejos, mas quase sempre vazio de sensatez e de amor. Do livro Fonte Viva. Psicografia de Francisco Cândido Xavier. 6 Emanuel
  4. 4. 08/10/2012 4 Entender os mecanismos e os atores do passe OBJETIVO 7 8
  5. 5. 08/10/2012 5 Centros de Força e os Plexos 9 Corpo Físico CENTROS DE FORÇA E PLEXOSCENTROS DE FORÇA E PLEXOS Plexos Nervosos Perispirito Centros de Força
  6. 6. 08/10/2012 6 “Os pontos de contato do“Os pontos de contato do Perispírito com o corpo físico sãoPerispírito com o corpo físico são os nervos, o córtex motoros nervos, o córtex motor e ose os lobos frontaislobos frontais, que constituem, que constituem regulares pontos de transmissãoregulares pontos de transmissão entre a organização perispiritualentre a organização perispiritual e o aparelho físico.”e o aparelho físico.” André Luiz, No Mundo MaiorAndré Luiz, No Mundo Maior PERISPÍRITO E PLEXOSPERISPÍRITO E PLEXOS O Sistema Nervoso tem por função a percepção, recepção e transmissão dos estímulos a diversas partes do corpo. Através do sistema nervoso se conduzem os estímulos energéticos vindos do espírito para o corpo. 12 PLEXOS E GLÂNDULAS PRINCIPAISPLEXOS E GLÂNDULAS PRINCIPAIS PastorinoPastorino I F G E E D C BA H 1 2 3 4 5 6 7 A – Corpo pineal B – Hipofise C – Tireoide D – Timo E – (vermelho) Coracao E – (azul) Baco F – Pancreas G – Supra-renal H – Ovarios (na mulher) I – Testiculos (no homem) 1– Plexos carotideo e cavernoso 2 – Plexos cervical e laringeo 3 – Plexos braquial 4 – Plexo cardiaco 5 – Plexo solar (epigastrico) 6 – Plexo lombar 7 – Plexo sacro
  7. 7. 08/10/2012 7 Para o aplicador de passes é muito importante ter sempre em mente que os centros vitais captam energias, transferindo-as ao corpo físico e também que todos eles encontram-se em constante permuta energética entre si, fazendo com que qualquer desequilíbrio em um deles reflita-se automaticamente em todo o conjunto e, por conseqüência, em todo o corpo físico.
  8. 8. 08/10/2012 8 Sensibilidade Global Sensibilidade Magnética Mutabilidade ↓ Passista ↓ Fluidos → EquilibrioEquilibrio HarmoniaHarmonia SaúdeSaúde 16
  9. 9. 08/10/2012 9 PRECE Prece é uma invocação, mediante a qual o homem entra, pelo pensamento, em comunicação com o ser a quem se dirige. (Evangelho Segundo o Espiritismo) Prece é vibração, energia, poder. (André Luiz – Missionários da Luz) Podem as preces que por nós mesmos fizermos, mudar a natureza das nossas provas e desviar-lhes o curso? Eficácia da prece
  10. 10. 08/10/2012 10 IMPORTÂNCIA DA PRECE Vigiai e orai para que não entreis em tentação. (Mt.26:41) 20
  11. 11. 08/10/2012 11 TodaToda doençadoença temtem origemorigem nono EspíritoEspírito porqueporque aa açãoação moralmoral desequilibradadesequilibrada dodo indivíduoindivíduo afetaafeta oo seuseu perispíritoperispírito.. ComoComo oo perispíritoperispírito dodo encarnadoencarnado estáestá intimamenteintimamente ligadoligado aoao seuseu corpocorpo físico,físico, oo desajustedesajuste vibratóriovibratório dede umum afetaafeta oo outro,outro, produzindo,produzindo, emem consequênciaconsequência,, asas doençasdoenças.. 21 “[...] se opera mediante a substituição de uma molécula malsã por uma molécula sã. O poder curativo estará, pois, na razão direta da pureza da substancia inoculada; mas, depende também da energia da vontade que, quanto maior for, tanto mais abundante emissão fluídica provocará e tanto maior força de penetração dará ao fluido”. KARDEC, Allan. A Gênese, cap 14, item 31 22
  12. 12. 08/10/2012 12 [...] consiste, principalmente, no dom que possuem certas pessoas de curar pelo simples toque, pelo olhar, mesmo por um gesto, sem o concurso de qualquer medicação. [...] Todos os magnetizadores são mais ou menos aptos a curar, desde que saibam conduzir-se convenientemente, ao passo que nos médiuns curadores a faculdade é espontânea e alguns até a possuem sem jamais terem ouvido falar de magnetismo. Kardec, A. O Livro dos Médiuns, Segunda parte, Cap 14, item 175 23 Para conseguir os benefícios tem que ter fé, merecimento e necessidade O pensamento influi na ação curadora “O passe aplicado a reduzida distância penetra a aura do doente gerando modificações” (NDM) Passe a distância: (a mente e a prece)
  13. 13. 08/10/2012 13 Depende: Poder do fluido magnético do médium Vontade do médium Influência dos Espíritos Intenção daquele que se quer curar Fatores de fracasso: Descrença Desarmonia do ambiente Falta por parte do doente de (equilíbrio, disciplina e moral) Médium desequilibrado (físico / psíquico) Transfusão de energias vitais e psíquicas de um indivíduo para outro, pela ação da vontade. Absorvemos e metabolizamos energias do ambiente, automaticamente.
  14. 14. 08/10/2012 14 27 As energias fluídicas vitais transmitidas pelo passista dependem do equilíbrio físico, moral e espiritual deste. O passista necessita estar com saúde orgânica e espiritual. “Não se toca, não se“Não se toca, não se“Não se toca, não se“Não se toca, não se“Não se toca, não se“Não se toca, não se“Não se toca, não se“Não se toca, não se fala, não se faz ruído,fala, não se faz ruído,fala, não se faz ruído,fala, não se faz ruído,fala, não se faz ruído,fala, não se faz ruído,fala, não se faz ruído,fala, não se faz ruído, os movimentos sãoos movimentos sãoos movimentos sãoos movimentos sãoos movimentos sãoos movimentos sãoos movimentos sãoos movimentos são discretos, tudo ocorrediscretos, tudo ocorrediscretos, tudo ocorrediscretos, tudo ocorrediscretos, tudo ocorrediscretos, tudo ocorrediscretos, tudo ocorrediscretos, tudo ocorre pela ação da vontade”pela ação da vontade”pela ação da vontade”pela ação da vontade”pela ação da vontade”pela ação da vontade”pela ação da vontade”pela ação da vontade” ESQUEMA DOESQUEMA DO PASSEPASSE
  15. 15. 08/10/2012 15 Mecânica do PasseMecânica do Passe • Os princípios fundamentais para a transmissão de energias através dos passes baseiam-se no fenômenofenômeno magnéticomagnético que governa aa atraçãoatração dosdos elementoselementos fluídicosfluídicos entre as criaturas, suporte da lei de sintonia. Mecânica do PasseMecânica do Passe • Pessoas existem que têm uma capacidade de maior absorção e armazenamento de energias psíquicas e espirituais que emanam do Fluido Cósmico Universal e da própria intimidade do Espírito.
  16. 16. 08/10/2012 16 Mecânica do PasseMecânica do Passe A capacidade as coloca em condições de transmitirem esse potencial de energias a outras criaturas que eventualmente estejam necessitando. Mecânica do PasseMecânica do Passe • A aglutinação das energias se faz automaticamente, ou Pela prece, apelo do passista ao alto s. f. Ação ou efeito de aglutinar - v. tr. dir. Fazer aderir; colar, unir, reunir: grudar; soldar; (Do lat. agglutinare.)
  17. 17. 08/10/2012 17 Abastecido com essa carga de energia, a transmite através da imposição das mão sobre a cabeça do paciente, sem a necessidade de tocar-lhe o corpo, por que a força se projeta de uma para outra aura, estabelecendo uma verdadeira ponte de ligação. Mecânica do PasseMecânica do Passe Mecânica do PasseMecânica do Passe O fluxo energético se mantém e se projeta às custas da vontade do passista, como também de entidades espirituais desencarnadas que o auxiliam na composição dos fluídos, não havendo, portantonão havendo, portanto necessidade de incorporação mediúnicanecessidade de incorporação mediúnica.
  18. 18. 08/10/2012 18 Mecânica do PasseMecânica do Passe • As forças fluídicas vitaisforças fluídicas vitais (psíquicas) dependem do estado de saúde do passista. • As forças espirituaisforças espirituais dependem do grau de desenvolvimento moral do passista. • O passista deverá estar, o mais possível, em perfeito equilíbrio orgânico e moralequilíbrio orgânico e moral. MagnetismoMagnetismo Todo ser humano possui magnetismo, que é a forma de transformar o fluido vital em energia. Aliado ao hipnotismo, que é a ação sobre os centros nervosos, ele permite o reequilíbrio do corpo e a cura de doenças
  19. 19. 08/10/2012 19 MagnetizaçãoMagnetização • Animal – aquela em que fluidos medicamentosos são adicionados na água por ação magnética do encarnado, em especial, um médium dotado da mediunidade de cura, que coloca suas mãos sobre o recipiente com água e projeta seus próprios fluidos. • Espiritual – aquela na qual os espíritos aplicam fluidos, sem intermediários, diretamente sobre os frascos com água. – A água não recebe fluidos magnéticos do médium de cura, mas somente os trazidos pelos Espíritos. – A Fluidicação Espiritual é a mais comumente utilizada nos Centros Espíritas. • Mista MagnetizaçãoMagnetização • O processo é invisível aos olhos mortais, por isso, a confiança e a fé do paciente são partes essenciais nos efeitos do tratamento. • A água é um ótimo condutor de força eletro- magnética e absorverá os fluidos sobre ela projetados, conserva-los-á e os transmitirá ao organismo doente, quando ingerida. • As informações energéticas do medicamento ficariam gravadas na memória quântica da molécula da água...
  20. 20. 08/10/2012 20 39 40
  21. 21. 08/10/2012 21 41 Passista Paciente Ambiente
  22. 22. 08/10/2012 22 O aplicador de passes que desempenha suas atividades com assiduidade e responsabilidade, estabelece uma sintonia, cada vez maior com o assistente desencarnado. O aplicador deve buscar as condições favoráveis para o trabalho, não obstante a assistência espiritual. O passista, aplicando a técnica apropriada acelera a absorção e metabolização das energias; movimenta, pela ação da sua vontade, as energias vitais e psíquicas para àquele que receberá o passe (receptor ou paciente);
  23. 23. 08/10/2012 23 Requisitos necessários Estudo das Técnicas Estudo do Evangelho Sem vícios: álcool, fumo, drogas, ... Sem defeitos: orgulho, egoísmo, maledicência, ... Idade: > adolescente < idoso Saúde física e mental Prece “Quando nos referimos às qualidades necessárias aos servidores desse campo de auxílio, a ninguém desejamos desencorajar, mas orientar as aspirações do trabalhador para que a sua tarefa cresça em valores positivos e eternos” Missionários da Luz, cap.19
  24. 24. 08/10/2012 24 Preparação para tarefa: Alimentação Repouso físico Vestuário Adereços Higiene Sexo Disciplina Equilíbrio “ Reconhece-se o verdadeiro espírita pela sua transformação moral e pelos esforços que emprega para domar suas inclinações más” O Evangelho Segundo o Espiritismo., cap XVII Elevado dispêndio de energia, porque libera grande quantidade de fluido vital durante o trabalho. Elevado dispêndio de energia, porque libera grande quantidade de fluido vital durante o trabalho. O desgaste é recuperado, desde que se trate de um organismo saudável e se cuide em ingerir uma alimentação adequada e repouso indispensável. O desgaste é recuperado, desde que se trate de um organismo saudável e se cuide em ingerir uma alimentação adequada e repouso indispensável.
  25. 25. 08/10/2012 25 A capacidade de doação fluídica de cada um tem limites que devem ser rigorosamente observados, para não comprometer o equilíbrio e a saúde do organismo. A capacidade de doação fluídica de cada um tem limites que devem ser rigorosamente observados, para não comprometer o equilíbrio e a saúde do organismo. Se a sessão de passes for muito exaustiva e o aplicador atingir seu limite de doação, sugere-se que se abstenha do trabalho por uma semana. Caso contrário poderá voltar a aplicar passes com dois ou três dias de intervalo. Se a sessão de passes for muito exaustiva e o aplicador atingir seu limite de doação, sugere-se que se abstenha do trabalho por uma semana. Caso contrário poderá voltar a aplicar passes com dois ou três dias de intervalo. O aplicador não está isento de desequilíbrios, nem das responsabilidades do pretérito. O aplicador pode ser assediado por Espíritos cobradores do passado. Inevitável a interrupção dos trabalhos do passe, passando este à condição de assistido.
  26. 26. 08/10/2012 26 Condições necessárias para a receptividade Fé Confiança Prece Esforço O estado de receptividade se estabelece a partir dos pensamentos e sentimentos no momento do passe. Se o pensamento vibrar em faixa de desequilíbrio, torna-se refratário à ação dos fluidos emitidos pelo aplicador.
  27. 27. 08/10/2012 27 Para os resultados serem satisfatórios é importante que o assistido seja induzido a acreditar que vai melhorar. Recomendar ao assistido manter-se em oração durante todo o procedimento do passe. A duração que os efeitos benéficos do passe produzam no assistido, dependerá, em grande parte do teor vibratório que este venha a estabelecer posteriormente à aplicação.
  28. 28. 08/10/2012 28 Se o assistido cultiva comportamento frívolo e desequilibrado, a ação benéfica dissipa-se rapidamente por conta dos novos fluidos deletérios produzidos por ele, além dos que são captados do ambiente. Sendo assim os fluidos benéficos serão repelidos, restabelecendo-se a condição que antecedia ao atendimento aplicado. O passe pode ser aplicado com o paciente em qualquer posição que o deixe relaxado. Deitado, sentado e em pé são as mais comuns. No passe com o paciente sentado, devemos posicionar a cadeira de modo que o aplicador possa deslocar a mão. Atentar para que o assistido, se desvencilhe de objetos, tais como: bolsas, guarda-chuvas, pacotes, etc., coloque- se na posição indicada e fique o mais descontraído possível.
  29. 29. 08/10/2012 29 Casa Espírita Confortável Reservado Limpo Silêncioso O mobiliário deve ser o mais simples possível. A iluminação deve ser reduzida para favorecer o recolhimento e à concentração e por ser a luz, agente dispersante de fluidos. Fora da Casa Espírita Leitura do Evangelho Equipe de trabalhadores Em princípio deve ser evitado. Sempre insistir na ida do assistido a casa espírita por conta das condições físicas e fluídicas mais adequadas e ter sempre a assistência espiritual necessária. Se o passe fora da instituição for programado, é conveniente que se faça acompanhado; devendo o trabalho ser iniciado e concluído na instituição.
  30. 30. 08/10/2012 30 Para transmitir essas energias, o passista impõe as mãos sobre a cabeça do receptor, sem a necessidade de tocar-lhe o corpo, projetando as energias de aura para aura; O fluxo energético se mantém e se projeta pela ação da vontade do médium, não existindo passividade mediúnica nesse processo; Não há necessidade de falar, orar em voz alta ou sussurrada, gesticular, tocar ou de qualquer outra ação (estalidos) que não a de concentrar-se na vontade de servir, auxiliar e amar ao semelhante, mantendo assim o fluxo energético direcionado a quem recebe o passe; Não estabelecer diálogo com o assistido, se necessário alguma orientação mais prolongada, fazê- lo em outra oportunidade. A duração do passe deve ser de no mínimo 1 minuto
  31. 31. 08/10/2012 31 Assistido e aplicador deverão manter os olhos fechados, para tornar mais fácil a concentração. O aplicador deve manter os olhos abertos, para observar as reações do assistido quanto a sinais de incorporação; e nesta circunstância recomendá-lo a manter os olhos abertos devendo iniciar de imediato os processos indicados para tal fim. “As técnicas usadas na aplicação dos passes têm alguma influência nos seus resultados? - Toda técnica é um contributo especializado para mais rapidamente se alcançar uma finalidade.” Franco, D. P., Terapia pelos Passes, pag. 106
  32. 32. 08/10/2012 32 63 “ O aplicador de passes não é um ser de outro planeta, mas para se dizer terráqueo, não precisa assimilar os defeitos e equívocos da sociedade. Ajamos e vivamos o mais natural possível; usemos tudo o que a Natureza nos põe à disposição; busquemos uma harmonia integral. Para isso, importa não considerar: a matéria superior ao Espírito; a inferioridade como dependência natural do ser humano; o trabalho como uma punição. Aqui estamos tão-só para evoluir; ajudando, servindo, amando, perdoando, compreendendo, renunciando... Se erramos, isso não é condição de evolução; é tropeço que interessa seja superado. E se conhecemos nossos erros, não esperemos novas oportunidades de correção pois ela já existe, aqui, já! Afinal, quanto tempo já perdemos? Quão melhor já poderíamos vir servindo há mais tempo?” Jacob Melo
  33. 33. 08/10/2012 33 65 Roque Jacinto
  34. 34. 08/10/2012 34 Wenefledo de Toledo A Imposição das Mãos

×