O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.
Divulgação científica:Divulgação científica:
jornalismo e prática cidadãjornalismo e prática cidadã
Por Isabela Pimentel, ...
Ciência para quem?Ciência para quem?
 Visão extendida de ciênciaVisão extendida de ciência
– Não basta divulgar, é– Não b...
A pesquisaA pesquisa
 Escolha uma pesquisa científica e cujoEscolha uma pesquisa científica e cujo
tema seja de interesse...
Mãos à obra: entrevistaMãos à obra: entrevista
 Procure especialistas na áreaProcure especialistas na área
 Tenha humild...
Produção da matériaProdução da matéria
 Eleja a angulação que dará à suaEleja a angulação que dará à sua
reportagemreport...
Missão do jornalismo científicoMissão do jornalismo científico
““Há uma dimensão ética da divulgação científicaHá uma dime...
A publicaçãoA publicação
 Considere se sua publicação estáConsidere se sua publicação está
adequada ao público e ao tom d...
ImpactosImpactos
 Divulgação de pesquisasDivulgação de pesquisas
 Compartilhamento de informaçõesCompartilhamento de inf...
ReferênciaReferência
http://www.museudavida.fiocruz.br/brasiliana/mehttp://www.museudavida.fiocruz.br/brasiliana/me
Caso tenha qualquer dúvida, crítica ouCaso tenha qualquer dúvida, crítica ou
sugestão, envie um email parasugestão, envie ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

3

Compartilhar

Baixar para ler offline

Divulgação científica: jornalismo e prática cidadã

Baixar para ler offline

Como o jornalismo pode tornar a ciência uma prática cidadã?

Audiolivros relacionados

Gratuito durante 30 dias do Scribd

Ver tudo

Divulgação científica: jornalismo e prática cidadã

  1. 1. Divulgação científica:Divulgação científica: jornalismo e prática cidadãjornalismo e prática cidadã Por Isabela Pimentel, jornalista especializadaPor Isabela Pimentel, jornalista especializada em Comunicação Integrada, ESPMem Comunicação Integrada, ESPM
  2. 2. Ciência para quem?Ciência para quem?  Visão extendida de ciênciaVisão extendida de ciência – Não basta divulgar, é– Não basta divulgar, é preciso ir além dapreciso ir além da informação, é necessárioinformação, é necessário comunicarcomunicar  O público não é passivo, jáO público não é passivo, já tem experiências prévias,tem experiências prévias, então a ciência dosentão a ciência dos especialistas precisa “falar”especialistas precisa “falar” a língua do público.a língua do público.
  3. 3. A pesquisaA pesquisa  Escolha uma pesquisa científica e cujoEscolha uma pesquisa científica e cujo tema seja de interesse público para setema seja de interesse público para se transformar na sua pautatransformar na sua pauta  Levante um histórico do tema e suaLevante um histórico do tema e sua abordagem na mídiaabordagem na mídia  É viável ter fontes e especialistas paraÉ viável ter fontes e especialistas para falar do tema?falar do tema?
  4. 4. Mãos à obra: entrevistaMãos à obra: entrevista  Procure especialistas na áreaProcure especialistas na área  Tenha humildade de perguntar o que nãoTenha humildade de perguntar o que não sabesabe  Não escreva se tiver dúvidasNão escreva se tiver dúvidas  Peça explicações e exemplos que sePeça explicações e exemplos que se relacionem com a realidade do leitorrelacionem com a realidade do leitor  Saiba que seu público não é deSaiba que seu público não é de especialistas.especialistas.
  5. 5. Produção da matériaProdução da matéria  Eleja a angulação que dará à suaEleja a angulação que dará à sua reportagemreportagem  Considere o impacto social doConsidere o impacto social do fato e sua importância públicafato e sua importância pública  Escreva de forma simples,Escreva de forma simples, atraente, em linguagem acessívelatraente, em linguagem acessível  Não escreva em tom deNão escreva em tom de professor, ensinando a quem nãoprofessor, ensinando a quem não sabe nada: considere asabe nada: considere a experiência prévia do leitor e seuexperiência prévia do leitor e seu universo. Seja um tradutor dosuniverso. Seja um tradutor dos fatos científicos.fatos científicos.
  6. 6. Missão do jornalismo científicoMissão do jornalismo científico ““Há uma dimensão ética da divulgação científicaHá uma dimensão ética da divulgação científica na qual eu gostaria de me deter: a circulaçãona qual eu gostaria de me deter: a circulação das idéias e dos resultados de pesquisas édas idéias e dos resultados de pesquisas é fundamental para avaliar o seu impacto social efundamental para avaliar o seu impacto social e cultural, como também para recuperar, por meiocultural, como também para recuperar, por meio do livre debate e confronto de idéias, osdo livre debate e confronto de idéias, os vínculos e valores culturais que a descoberta dovínculos e valores culturais que a descoberta do novo,muitas vezes, rompe ou fere”.novo,muitas vezes, rompe ou fere”. Luisa MassaraniLuisa Massarani
  7. 7. A publicaçãoA publicação  Considere se sua publicação estáConsidere se sua publicação está adequada ao público e ao tom do veículoadequada ao público e ao tom do veículo  Revise seu texto e veja se está comRevise seu texto e veja se está com linguagem claralinguagem clara  Apure com mais de uma fonteApure com mais de uma fonte  Pense como quem vai te lerPense como quem vai te ler
  8. 8. ImpactosImpactos  Divulgação de pesquisasDivulgação de pesquisas  Compartilhamento de informaçõesCompartilhamento de informações  Produção de conhecimentosProdução de conhecimentos  Articulação de saberesArticulação de saberes
  9. 9. ReferênciaReferência http://www.museudavida.fiocruz.br/brasiliana/mehttp://www.museudavida.fiocruz.br/brasiliana/me
  10. 10. Caso tenha qualquer dúvida, crítica ouCaso tenha qualquer dúvida, crítica ou sugestão, envie um email parasugestão, envie um email para isabeladpimentel@gmail.comisabeladpimentel@gmail.com
  • laerciogoes

    Oct. 21, 2020
  • mcdest

    May. 6, 2014
  • pauloschueler

    May. 5, 2014

Como o jornalismo pode tornar a ciência uma prática cidadã?

Vistos

Vistos totais

866

No Slideshare

0

De incorporações

0

Número de incorporações

17

Ações

Baixados

13

Compartilhados

0

Comentários

0

Curtir

3

×