Ipc1111

377 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
377
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ipc1111

  1. 1. . Governo do Estado do ParáInstituto de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Pará Diretoria de Estatística e de Tecnologia e Gestão da Informação Novembro/2011 IPC / RMB ÍNDICE DE PREÇOS AO CONSUMIDOR DA REGIÃO METROPOLITANA DE BELÉM
  2. 2. GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ Simão Robison Oliveira Jatene VICE-GOVERNADOR Helenilson Pontes SECRETARIA EXECUTIVA DE ESTADO DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E FINANÇAS – Sepof Sérgio Roberto Bacury de LiraINSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO, SOCIAL E AMBIENTAL DO PARÁ - Idesp Maria Adelina Guglioti Braglia DIRETORIA DE ESTUDOS E PESQUISAS SOCIOECONÔMICAS E ANÁLISE CONJUNTURAL Cassiano Figueiredo Ribeiro DIRETORIA DE ESTATÍSTICA, TECNOLOGIA DE GESTÃO DE INFORMAÇÃO Sérgio Castro Gomes EQUIPE EXECUTORA Maria Augusta Esteves Pereira - Coordenadora Pablo Damasceno Reis José Luiz dos Santos Lobato Nilceli Figueiredo Montalvão COLETADORES DE CAMPOAndré Anderson Marcias Vale, Antônia Nádia Pereira de Almeida, Dalila Ferreira da Silva,Edson da Silva, Emmanuel Oliveira da Silva, Everaldo Tavares Ferreira, Flávia Lorena CostaSilva, Leonardo Antônio Vera da Costa, Maurício dos Santos Lobato, Sheila Ramos Luz Andrade,Suellen Cristina Figueiredo da Rocha, Suzana de Paula Barbosa da Costa Diniz. O objetivo principal é mensurar através da média aritmética, pelo método de Laspeyres com base modificada, as variações de preços médios que compõem a cesta básica de consumo dos bens e serviços dos belenenses, considerando os intervalos de rendimentos entre 1 e 8 e 1 e 40 salários mínimos.
  3. 3. Governo do Estado do Pará Instituto de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Pará Diretoria de Estatística, Tecnologia e Gestão de Informação Inflação volta a pressionar na RMB com taxa de 0,77% em novembro/11 O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) da Região Metropolitana de Belém (RMB),elaborado mensalmente pelo Instituto de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental doPará (IDESP), da Diretoria de Estatística, Tecnologia e Gestão da Informação tem a finalidadede mensurar as variações de preços dos bens e serviços que compõem o orçamento dasfamílias residentes na RMB. Em novembro de 2011, registrou-se a taxa média de 0,77%contra 0,57% em outubro passado e de 1,54% em novembro de 2010, considerando ointervalo de rendimento entre um e oito salários mínimos, registrou. A variação acumulada doIPC/IDESP relativo aos últimos doze meses (Dez/10-Nov/11) ficou em 8,62% e no ano(Jan/11-Nov/11), acumula a taxa de 7,51%. O resultado da inflação de novembro, na RMB, foi obtido através da comparação dospreços médios do produto/serviços pesquisados do primeiro ao último dia útil do mês, com ospreços coletados no mesmo período do mês anterior. Dos nove grupos de despesas, cinco apresentaram variações superiores ao ÍndiceGeral: Saúde e Cuidados Pessoais (3,47%), Móveis e Equipamentos Domésticos (3,23%),Vestuário (2,02%), Despesa e Serviços Pessoais (1,22%) e Alimentação e Bebidas (1,10%).Educação e Leitura e Papelaria ficou abaixo da média com a taxa de 0,06%. Os demaisgrupos de despesas apresentaram taxas negativas como: Comunicação (1,26%), Habitação(1,51%) e Transportes (2,78%).
  4. 4. IPC – Variação Mensal e Acumulada no ano – Novembro e Outubro/2011. Variação Mensal (%) Variação Acumulada (%) Grupos Nov/11 Out/11 Nov/11 Out/11 Índice geral 0,77 0,57 7,51 6,69Alimentação e Bebidas 1,10 0,41 4,62 3,48Vestuário 2,02 1,61 14,92 12,65Habitação -1,51 -1,62 8,79 10,46Móveis e Equipamentos Domésticos 3,26 1,85 12,72 9,16Saúde e Cuidados Pessoais 3,47 1,72 12,52 8,74Transporte -2,78 1,13 9,30 12,43Despesas e Serviços Pessoais 1,22 1,00 028 -0,93Educação, Leitura e Papelaria 0,06 -1,59 1,73 1,66Comunicação -1,26 -0,25 -3,12 -1,89Fonte: IDESPSAÚDE E CUIDADOS PESSOAIS: Entre os grupos que compõem a estrutura do IPC, estefoi o que registrou a maior taxa de crescimento (3,47%) em seus preços médios. Como osconsumidores da faixa de renda com um a oito salários mínimos, destinam 10,56% doorçamento familiar para aquisição de produtos/serviços, específicos do setor Saúde. Osreajustes nos itens Óculos /Lentes (12,19%), Higiene Pessoal (4,98%) e Medicamentos(1,75%), representaram significativos impactos sobre o orçamento doméstico. Os preços dedespesas hospitalares, consultas médicas e exames de laboratório, itens de suma relevânciapara o grupo, registraram preços médios estáveis, atenuando o resultado final.MÓVEIS E EQUIPAMENTOS DOMÉSTICOS: O grupo registrou a segunda maior variaçãopercentual (3,26%) no mês em análise. O comportamento ascendente do grupo demonstra,mais uma vez, que a demanda de bens duráveis encontra-se aquecida. Justificam-se estesreajustes, em parte, primeiro pelo incremento de volume monetário, advindo de uma parcelado décimo terceiro salário, as facilidades no crédito e permanência no emprego. Um dos itensque mais influenciou neste resultado foi o Mobiliário (5,5%), com destaque para: colchão(8,62%) guarda-roupa (8,52%), armário, copa e cozinha (9,91%), rede (6,73%), e comanda dequarto (6,46%). Outros itens importantes foram Equipamentos Eletrônicos– ressaltando- semicrocomputador (24,11%), DVD (2,97%) impressora, (5,25%) e forno microondas (0,65%)- ;Utensílio de copa e Cozinha e Outros (8,16%); Roupa de Cama, Mesa e Banho (5,01%) eUtensílios, Enfeites e Decoração (9,59%). Outros subitens que também tiveram participaçãoimportante no resultado do grupo foram os “Serviços” que contribuíram em 1,49 pontospercentuais – com destaque para manutenção de aparelho doméstico (13,83%), conserto deeletro-eletrônico (4,50%)
  5. 5. VESTUÁRIO: Registrou taxa de incremento de 2,02%, superior ao Índice Geral. Os reajustesneste grupo podem ser explicados, em grande medida, pela recuperação da alta estima doconsumidor devido ao aumento na massa salarial e pelas facilidades de crédito quecorroboraram para a elevação dos preços médios acima da média do mercado. Os itens quemais influenciaram neste mês foram: Roupas de Crianças (6,28%), Roupas Femininas(2,20%), Acessório Feminino e Masculino (1,56%), Tecidos e Artigos de Armarinho (4,50%),Calçados Femininos (4,63%) e Calçados Infantis (1,83%).DESPESAS E SEVIÇOS PESSOAIS: Apresentou uma taxa de 1,22% com uma variaçãomédia de 1,00% em relação ao mês de outubro/11. Este crescimento foi em decorrência dosreajustes verificados nos subitens Serviços Pessoais (1,64%) – em destaque: manicure epedicure (6,41%) e cabeleireiro (1,05%) –; Artigo de Recreação (2,89%) – brinquedos ejogos (14,89%). Os demais itens que possuem ponderação significante se mantiveraminalterados como: cigarro, emprego doméstico e cerimônia familiar e práticas religiosas.ALIMENTAÇÃO E BEBIDAS: Registrou uma variação média na ordem de 1,10% emacréscimo de 0,69 pontos percentuais em relação ao mês de outubro/11, quando a mesma foide 0,41%. Os produtos alimentícios costumam influenciar no resultado final do índice, devidoa sua expressiva participação no orçamento familiar (34,10%). Esta elevação ocorre emvirtude dos aumentos nos preços de algum produto de grande relevância para o consumidor,como as Carnes Bovinas que tiveram seus preços médios majorados, fato explicado, emparte, pela especulação dos grandes centros produtores e também por encontrar-se no picoda entressafra do gado. Na qual restringe a quantidade de alimentos para o gado e a própriadisponibilidade do mesmo para o abate, desta maneira, os preços são pressionados semprepara mais, com destaque: cabeça de lombo (4,12%), chã de dentro (3,16%) lagarto redondo(3,04%), músculo de boi (2,74%), contrafilé (1,87%) e pá (1,72%). Com o aumento da CarneBovina, outras carnes e outros produtos substitutos tendem a ter seus preços médiosreajustados, como no caso do frango abatido (4,17%), frango congelado (3,36%), pirarucu,(11,41%), os Peixes e Crustáceos (3,07%) – tainha (12,85%), piramutaba (9,66%), caranguejo(5,22%) e camarão fresco regional (0,57%). Essa movimentação ascendente de preçostambém foi verificada nos Cereais, Legumes e Oleaginosas - feijão jalo (1,86%), feijão preto(0,76%) e arroz polido (0,54%) –, nas Hortaliças, Legumes e Verduras – tomate (12,32%) ecouve (4,26%). Ainda no âmbito alimentar foram constatados aumentos nos preços médiosdos produtos como: farinha de mandioca (3,02%) e açaí (5,48%), importantes na alimentaçãodo belenense, que juntos contribuem com 2,96% do índice médio de Alimentação e Bebidas.
  6. 6. EDUCAÇÃO, LEITURA E PAPELARIA: Pode-se dizer que a taxa de 0,06%, ocomportamento dos preços do grupo foram quase estáveis. Mesmo assim, alguns subitensmerecem enfoque como: uniforme escolar (10,36%), outros artigos de papelaria (2,38%) elivro escolar do primeiro e segundo grau (0,40%). Vale ressaltar que outros itens de grandeparticipação no grupo permanecem constantes como é o caso de: cursos diversos, livros erevistas técnicas, jornal e fotocópias, o que contribuiu para amenizar o impacto dos aumentosdos demais itens que compõe o grupo.COMUNICAÇÃO A taxa negativa representada para o grupo de 1,26% foi pressionada pelositens que também tiveram seus preços médios majorados abaixo dos preços de mercadocomo: TV por assinatura (-1,26%), aparelho de telefone celular (-8,57%) - este devido àsgrandes promoções entre as operadoras – e as taxas constantes nas tarifas de telefone fixoresidencial e telefone público.HABITAÇÃO: A taxa negativa de 1,51% continua a ser influenciada pela redução no gás debujão (-3,73%), resultado este provocado pela grande concorrência entre as distribuidoras naRMB, que veio contribuir significativamente para o consumidor belenense, por ser um item degrande consumo. Outros itens que também tiveram sua participação na redução da taxaforam: material de pintura em geral (-1,99%), tinta para casa (-12,50%) e material elétrico emgeral (-18,37%).TRANSPORTE: A taxa negativa de 2,78% foi em função de alguns itens como: Motocicleta (-22,80%); Combustível para Veiculo (-1,34%) e automóvel usado (-3,19%) e ainda as tarifasconstantes nos maiores itens de ponderação dentro da estrutura de consumo do grupo: astarifas das passagens de ônibus urbano intermunicipal, interestadual, transporte alternativo eemplacamento de auto. Entretanto, outros itens tiveram seus preços médios majorados acimado Índice Geral como: câmera de pneu (5,22%), lavagem e lubrificação (2,56%) e outraspeças e acessórios (0,21%). ÍNDICE DE PREÇO AO CONSUMIDOR – IPC NA REGIÃO METROPOLITANA DE BELÉM – RMBTAXA MENSAL DE NOVEMBRO DE 2011 REFERENTE A 1 A 8 SALÁRIOS MÍNIMOS.
  7. 7. IPC – ÍNDICE DE PREÇO AO CONSUMIDOR E IPCA – ÍNDICE DE PREÇO AO CONSUMIDOR AMPLO (%) (%) IPC/IDESP/PA Novembro/11 Outubro/11 Novembro/10 Outubro/10 Mensal 0,77 0,57 1,54 0,88 Acumulado no ano 7,51 6,69 9,54 7,87 Acumulado em seis meses 4,46 3,83 3,75 3,28 Acumulado em doze meses 8,62 9,45 10,09 8,78 IPCA/IDESP/PA Mensal 1,14 0,39 1,57 0,76 Acumulado no ano 7,91 6,69 9,14 7,45 Acumulado em seis meses 4,62 3,54 3,66 3,20 Acumulado em doze meses 8,77 9,23 9,48 8,42FONTE: IDESPOBS: IPC referente à faixa de renda entre 1 e 8 salários mínimos. IPCA referente à faixa de renda entre 1 a 40 salários mínimos.
  8. 8. CESTA BÁSICA DA RMB REGISTRA A TAXA DE 2,16% EM NOVEMBRO/2011 A Cesta Básica do mês de novembro/11 foi de R$ 207,66 (Duzentos e sete reais esessenta e seis centavos), correspondendo a 38,10% do salário mínimo vigente, de R$545,00 (Quinhentos e quarenta e cinco reais), apresentando variação de 2,16 % em relaçãoao mês de outubro/11, quando registrou taxa de -0,73%. Dos produtos que compõem a Cesta Básica, seis apresentaram taxa positiva: leite in-natura (5,12%), arroz polido (0,60%), tomate (12,32%), café moído (2,47%), farinha demandioca (3,02%) e carne de 2ª (1,73 %). Os que apresentaram taxas negativas foram:banana prata (-4,60%), feijão rajado (-3,08%), e manteiga (-0,59%). Os produtos queapresentaram seus preços inalterados foram o pão comum e óleo de soja e o açúcar refinado. Para adquirir os produtos da Cesta Básica em novembro/11, o trabalhador precisoucumprir uma jornada de trabalho de 91 horas e 29 minutos. CESTA BÁSICA* – OUTUBRO/2011
  9. 9. Tabela 1: Gastos Mensais e Variação. Gastos em Gastos em Produtos Quantidade Variação Novembro/11 Outubro/11 Mensal (R$) (R$) Carne de 2ª 4,5 Kg 34,61 34,02 1,73 Leite in natura 6,0 Lt 16,02 15,24 5,12 Arroz polido 3,6 Kg 6,66 6,62 0,60 Feijão rajado 4,5 Kg 14,18 14,63 -3,08 Farinha de mandioca 3,0 Kg 8,19 7,95 3,02 Tomate 12,0 Kg 37,20 33,12 12,32 Pão comum 6,0 Kg 45,90 45,90 0,00 Café moído 300 G 3,73 3,64 2,47 Banana prata 7,5 Dz. 18,68 19,58 -4,60 Açúcar refinado 3,0 Kg 7,53 7,53 0,00 Manteiga 750 g 11,83 11,90 -0,59 Óleo de Soja 900 Ml 3,13 3,13 0,00 Gasto total mensal/R$ 207,66 203,26 2,16 Gasto salarial (%) 38,10% 37,3037 37,30% Salário mínimo/R$ 545,00 545,00 Horas trabalhadas 91h e 29min 89h e 33min Fonte: IDESP (*) A Cesta Básica representa os gastos com alimentação de um trabalhador adulto, (Decreto Lei nº399/38 de 30.04.1938).Tabela 2: Gastos Mensais, Taxas mensais, Taxas acumuladas no ano. (Cesta Básica*) 2011 2010 Gasto Taxa TaxaMês Taxa Gasto Taxa Mensal Acumulada no Acumulada no Mensal (%) Mensal (R$) Mensal (%) (R$) Ano (%) Ano (%)Janeiro 203,35 1,13 1,13 195,60 1,31 1,31Fevereiro 207,39 1,99 3,14 199,47 1,98 3,32Março 210,35 1,43 4,62 206,57 3,56 6,99Abril 205,53 -2,29 2,22 219,78 6,40 13,84Maio 205,17 -0,18 2,04 214,71 -2,31 11,21Junho 207,37 1,08 3,14 210,48 -1,97 9,02Julho 203,10 -2,06 ,, 1,02 207,92 -1,22 7,69Agosto 204,33 0,60 1,62 200,67 -3,49 3,94Setembro 204,76 0,21 1,83 194,72 -2,96 0,86 Outubro 203,26 203,26 -0,73 -0,73 1,09 1,09 199,98 199,98 2,70 2,70 3,58 3,58 203,26 Novembro 207,66 203,26 2,16 -0,73 3,27 1,09 201,89 199,98 0,95 2,70 4,56 3,58Fonte: IDESP(*) A Cesta Básica representa os gastos com alimentação de um trabalhador adulto, (Decreto Lei nº399/38 de 30.04.1938).
  10. 10. PARTICIPAÇÃO NO ORÇAMENTO FAMILIAR – NOVEMBRO/2011 Participação relativa no orçamento familiar, variação no mês, do Índice de Preços ao Consumidorda Região Metropolitana de Belém, segundo grupos de consumo, na faixa de rendimento familiar entre:Tabela 1: 1 e 8 Salários Mínimos Contribuição Participação no Variação no Grupos em pontos Orçamento mês (%) percentuais GERAL 100,0000 Alimentação e Bebidas 34,1035 1,10 0,37 Vestuário 9,7721 2,02 0,20 Habitação 12,0788 -1,51 -0,18 Móveis e Equipamentos Domésticos 7,8599 3,26 0,26 Saúde e Cuidados Pessoais 10,5623 3,47 0,37 Transporte 11,1953 -2,78 -0,31 Despesas e Serviços Pessoais 8,3406 1,22 0,10 Educação, Leitura e Papelaria 2,9512 0,06 1,77 Comunicação 3,1363 -1,26 -0,04 Fonte: IDESP Tabela 2: 1 e 40 Salários Mínimos Contribuição Participação no Variação no Grupos em pontos Orçamento mês (%) percentuais GERAL 100,0000 Alimentação e Bebidas 30,8024 1,29 0,40 Vestuário 9,2880 1,87 0,17 Habitação 11,5427 -1,46 -0,17 Móveis e Equipamentos Domésticos 6,9599 3,10 0,22 Saúde e Cuidados Pessoais 11,1358 2,99 0,33 Transporte 13,8161 0,70 0,10 Despesas e Serviços Pessoais 9,1831 1,18 0,11 Educação, Leitura e Papelaria. 3,4621 0,67 0,02 Comunicação 3,8099 -1,02 -0,04 Fonte: IDESP
  11. 11. ÍNDICE DE PREÇOS AO CONSUMIDOR DA REGIÃO METROPOLITANA DE BELÉM, SEGUNDO FAIXAS DE RENDIMENTOS FAMILIARES, CONSIDERANDO O ÍNDICE GERAL E ALIMENTAÇÃO E BEBIDAS. NOVEMBRO/2011ÍNDICES MENSAIS Base: Ago/94 = 100 1 a 8 salários Mínimos 1 a 40 Salários Mínimos Período Geral Alimentação Geral Alimentação e Bebidas e Bebidas 2009 Jan 486,94 420,97 553,82 410,01 Fev 489,47 425,90 558,26 414,77 Mar 492,60 425,72 561,16 415,17 Abr 493,68 422,83 562,73 413,18 Mai 495,01 425,96 563,85 416,77 Jun 498,43 428,52 567,46 418,60 Jul 500,77 422,65 571,15 412,61 Ago 505,63 421,30 576,69 411,70 Set 506,93 414,43 577,96 405,15 Out 507,14 418,57 578,94 408,92 Nov 508,81 421,50 582,36 411,74 Dez 511,40 429,13 584,16 419,52 2010 Jan 518,51 438,79 594,15 430,55 Fev 527,22 452,92 601,76 443,64 Mar 531,81 456,90 608,02 447,37 Abr 534,15 463,71 608,26 452,33 Mai 539,92 471,83 615,07 460,16 Jun 541,70 467,35 616,36 454,50 Jul 545,12 471,13 621,78 458,86 Ago 545,88 462,13 621,53 450,19 Set 546,86 464,72 622,96 451,93 Out 551,67 582,76 627,51 463,86 Nov 560,17 606,07 637,36 482,79 Dez 565,94 617,22 642,46 491,58 2011 Jan 576,18 632,77 653,12 499,74 Fev 576,87 623,78 654,62 494,14 Mar 581,54 632,21 662,02 498,98 Abr 582,47 633,54 662,62 501,03 Mai 586,61 626,51 663,73 495,97 Jun 587,84 624,63 666,40 493,04 Jul 591,60 625,19 671,93 493,73 Ago 597,34 628,00 677,76 496,40 Set 600,39 636,10 682,78 502,41 Out 603,81 638,71 685,44 504,52 Nov 608,46 645,74 693,25 511,03Fonte: IDESP
  12. 12. PREÇOS MÉDIOS E VARIAÇÃO PERCENTUAL DE ALGUNS PRODUTOS/SERVIÇOS COMPONENTES DA CESTA DE CONSUMO DO IPC/BELÉM NOVEMBRO/2011Descrição Nov/11 Out/11 Variação (%) Descrição Nov/11 Out/11 Variação (%)ARROZ POLIDO 1,85 1,84 0,54 MORTADELA 4,74 4,74 0,00FEIJÃO PRETO 2,64 2,62 0,76 CAMARÃO SECO 27,48 27,51 -0,11FEIJÃO JALO 3,78 3,71 1,89 PIRARUCU 30,85 30,42 1,41FEIJÃO RAJADO 3,15 3,25 -3,08 SALSICHA (VAREJO) 5,27 5,39 -2,23CREME DE ARROZ 2,47 2,48 -0,40 PRESUNTO DE QUALQUER TIPO 11,21 11,27 -0,53FUBÁ DE MILHO 2,00 2,14 -6,54 FRANGO ABATIDO 5,00 4,80 4,17FARINHA DE TRIGO 2,19 2,21 -0,90 FRANGO CONGELADO 4,00 3,87 3,36FARINHA DE MANDIOCA 2,73 2,65 3,02 OVO DE GALINHA 3,53 3,56 -0,84FÉCULA DE MANDIOCA (GOMA) 2,71 2,76 -1,81 PEITO DE FRANGO 8,44 8,34 1,20FARINHA LÁCTEA 6,18 6,27 -1,44 LEITE IN NATURA (CAIXA ) 2,67 2,54 5,12MACARRÃO SEM OVOS 1,90 1,86 2,15 LEITE EM PÓ INTEGRAL 6,85 6,77 1,18MACARRÃO COM OVOS 2,61 2,64 -1,14 LEITE CONDENSADO 2,59 2,56 1,17BATATA INGLESA 2,34 2,35 -0,43 CREME DE LEITE 2,01 1,95 3,08CENOURA 2,45 2,45 0,00 IOGURTE DE QUALQUER SABOR 2,12 2,17 -2,30CEBOLA 2,14 2,05 4,39 MANTEIGA COM SAL 15,77 15,86 -0,57COUVE 0,98 0,94 4,26 QUEIJO PRATO 22,49 22,26 1,03REPOLHO 1,98 2,00 -1,00 QUEIJO MUSSARELA 21,69 21,12 2,70CHEIRO VERDE 1,10 1,04 5,77 PÃO FRANCÊS 1,53 1,53 0,00TOMATE 3,10 2,76 12,32 BISCOITO SALGADO 2,42 2,38 1,68ALFACE 1,52 1,44 5,56 BISCOITO DOCE 1,63 1,56 4,49PIMENTÃO 3,67 3,55 3,38 ÓLEO DE SOJA 3,13 3,13 0,00BANANA PRATA 2,49 2,61 -4,60 MARGARINA VEGETAL COM SAL 3,17 3,06 3,59LARANJA PÊRA 1,74 1,70 2,35 REFRIGERANTE 3,94 3,83 2,87LIMÃO COMUM 2,92 3,15 -7,30 SUCO DE FRUTAS (ENGARRAFADO) 2,47 2,56 -3,52MACA 3,69 3,63 1,65 SUCO DE FRUTAS (ARTIFICIAL) 0,66 0,65 1,54MAMÃO 2,78 2,82 -1,42 CAFÉ MOÍDO 3,11 3,03 2,64MELANCIA 1,42 1,38 2,90 CAFÉ SOLÚVEL 5,59 5,63 -0,71UVA 6,82 6,47 5,41 AÇAÍ (EMULSÃO) 10,39 9,85 5,48CUPUAÇU 4,00 3,83 4,44 CERVEJA 1,94 1,89 2,65COCO SECO DA BAHIA 3,96 3,74 5,88 VINHO 5,76 5,64 2,13FILE MIGNON 30,21 28,10 7,51 AÇÚCAR REFINADO 2,51 2,51 0,00CONTRAFILÉ 15,78 15,49 1,87 AÇUCAR CRISTAL 2,36 2,40 -1,67 CHOCOLATE EM PÓ DE QUALQUERALCATRA 16,10 15,83 1,71 MARCA 3,60 3,32 8,43CHÁ DE DENTRO 14,70 14,25 3,16 BOMBOM DE QUALQUER MARCA 3,56 4,22 -15,64CABEÇA DE LOMBO 13,89 13,34 4,12 PATÊ DE CARNE EM CONSERVA 2,59 2,90 -10,69LAGARTO REDONDO 13,91 13,50 3,04 CARNE DE BOI EM CONSERVA 2,88 2,87 0,35AGULHA 7,30 7,39 -1,22 SALSICHA EM CONSERVA 1,55 1,55 0,00PÁ 7,69 7,56 1,72 SARDINHA 2,15 2,21 -2,71MÚSCULO DE BOI 10,88 10,59 2,74 AZEITONA 3,95 3,94 0,25PEITO (DE BOI) 7,51 7,70 -2,47 SAL REFINADO 0,80 0,80 0,00 TEMPERO MISTO INDUSTRIALIZADOCOSTELA DE BOI 7,09 7,17 -1,12 (ALHO+SAL,ETC 1,46 1,48 -1,35CARNE MOÍDA DE PRIMEIRA 13,70 13,82 -0,87 COLORAU 0,45 0,41 9,76BUCHO DE BOI 7,51 7,61 -1,31 VINAGRE DE ÁLCOOL 1,66 1,63 1,84FÍGADO DE BOI 9,29 9,30 -0,11 MAIONESE 1,92 1,81 6,08TAINHA 8,78 7,78 12,85 ALHO 18,99 18,51 2,59 ALIMENTOS PREPARADOS OU SEMI-SERRA 8,13 8,37 -2,87 PREPARADOS 5,86 5,92 -1,01PESCADA 12,66 12,86 -1,56 FRANGO ASSADO 13,50 13,19 2,35 MASSAS PRONTAS (PREPARADAS PARAPIRAMUTABA 8,63 7,87 9,66 CONSUMO) 8,53 8,49 0,47CAMARÃO FRESCO (REGIONAL) 15,91 15,82 0,57 ALMOÇO E JANTAR 34,87 35,75 -2,46CARANGUEJO 1,41 1,34 5,22 LEITE,CAFÉ COM LEITE,CHOCOLATE,ETC, 1,92 1,82 5,49FILHOTE 14,27 13,52 5,55 PÃO COM MANTEIGA 1,05 0,95 10,53DOURADA 11,02 10,17 8,36 SANDUÍCHE 3,32 3,25 2,15
  13. 13. CORVINA 8,06 8,06 0,00 CAFEZINHO 1,16 0,99 17,17CARNE SECA 14,09 14,08 0,07 REFRIGERANTE 2,87 2,87 0,00 BOMBOM,CHICLETE,CHOCOLATE EMLINGÜIÇA (VAREJO) 9,31 9,35 -0,43 BARRA,PICOLÉ, 2,02 2,10 -3,81Fonte: IDESPDescrição Nov/11 Out/11 Variação (%) Descrição Nov/11 Out/11 Variação (%)TACACÁ 5,25 5,33 -1,50 RELÓGIO DE PULSO DE HOMEM 237,53 222,06 6,97SALGADINHO 2,74 2,74 0,00 RELÓGIO DE PULSO DE MULHER 193,42 165,02 17,21AGUARDENTE 5,30 5,33 -0,56 BIJUTERIA 27,12 28,93 -6,26CERVEJA 3,62 3,66 -1,09 ÓCULOS SEM GRAU ESPORTIVO 165,71 152,78 8,46ÁGUA MINERAL 1,31 1,44 -9,03 TECIDOS 11,03 11,03 0,00SUCO 2,55 2,45 4,08 ARTIGOS DE ARMARINHO 3,12 2,73 14,29 ALUGUEL DO IMÓVEL (DOMICILIOREFRIGERANTE 2,55 2,38 7,14 PRINCIPAL) 1864,74 1840,37 1,32BERMUDA (HOMEM) 59,59 60,74 -1,89 CONDOMÍNIO (DOMICILIO PRINCIPAL) 421,17 419,87 0,31SHORT (HOMEM) 40,55 42,24 -4,00 AGUA E ESGOTO (RESID) - 1 A 8 SM 1,60 1,60 0,00CALÇA COMPRIDA (HOMEM) 83,10 80,52 3,20 AGUA E ESGOTO (RESID) - 1 A 40 SM 3,34 3,34 0,00CAMISA (HOMEM) 49,18 49,51 -0,67 GÁS DE BUJÃO 34,33 35,66 -3,73 TX. DE ENERGIA ELETRICA(RESID.) - 1 ACAMISETA (HOMEM) 34,93 34,87 0,17 40 SM 333,02 333,02 0,00 TX. DE ENERGIA ELETRICA(RESID.) - 1 ACUECA (HOMEM) 20,60 19,83 3,88 8 SM 209,70 209,70 0,00MEIAS (HOMEM) 12,19 12,75 -4,39 TINTA PARA CASA 39,35 44,97 -12,50BERMUDA (MULHER) 56,96 56,13 1,48 MATERIAL DE PINTURA EM GERAL 7,87 8,03 -1,99SHORT (MULHER) 50,79 49,79 2,01 MATERIAL HIDRÁULICO 30,67 31,34 -2,14BLUSA (MULHER) 46,97 44,08 6,56 FERRAGENS 14,58 14,00 4,14CALÇA COMPRIDA (MULHER) 74,34 75,05 -0,95 MATERIAL ELÉTRICO EM GERAL 7,69 9,42 -18,37CALCINHA (MULHER) 15,63 15,55 0,51 ÁGUA SANITÁRIA 1,76 1,75 0,57SUTIEN (MULHER) 32,28 32,94 -2,00 ESPONJA DE LIMPEZA 2,47 2,45 0,82MAIÔ (MULHER) 58,25 56,08 3,87 VASSOURA DE QUALQUER TIPO 6,74 6,73 0,15BIQUÍNI (MULHER) 43,18 44,06 -2,00 DETERGENTE 1,14 1,14 0,00SAIA (MULHER) 61,36 60,05 2,18 SABÃO EM BARRA 3,58 3,53 1,42VESTIDO (MULHER) 78,58 76,39 2,87 SABÃO EM PÓ 5,10 5,02 1,59CONJUNTO DE SAIA E BLUSA(MULHER) 69,11 66,60 3,77 FÓSFOROS 1,56 1,56 0,00BERMUDA (CRIANÇA) 49,24 45,36 8,55 VELAS DE ILUMINAÇÃO 2,58 2,57 0,39SHORT (CRIANÇA) 33,52 34,57 -3,04 LÂMPADA 5,00 5,33 -6,19BLUSA (CRIANÇA) 36,22 33,38 8,51 PALHA DE AÇO 1,48 1,45 2,07CAMISA (CRIANÇA) 35,99 32,69 10,09 DESINFETANTE 2,04 2,11 -3,32CALÇA COMPRIDA 59,24 58,61 1,07 CONJUNTO ESTOFADO COMPLETO 1288,32 1402,51 -8,14CALCINHA (CRIANÇA) 11,25 10,70 5,14 ESTANTE PARA SALA 737,51 715,87 3,02CUECA (CRIANÇA) 13,39 13,12 2,06 SALA DE JANTAR 1490,92 1476,15 1,00FRALDA DESCARTÁVEL (CRIANÇA) 20,54 16,76 22,55 GUARDA - ROUPA 981,59 904,51 8,52FRALDA DE TECIDO (CRIANÇA) 21,55 25,92 -16,86 CAMA 428,88 429,78 -0,21SAIA (CRIANÇA) 44,16 43,30 1,99 COLCHÃO 483,31 444,96 8,62VESTIDO (CRIANÇA) 47,78 47,09 1,47 CÔMODA QUARTO 414,52 389,38 6,46CONJUNTO DE BERMUDA ECAMISA (CRIANÇA) 50,19 45,69 9,85 ARMÁRIO COPA E COZINHA 585,33 532,53 9,91CONJUNTO DE SAIA E BLUSA(CRIANÇA) 45,83 49,72 -7,82 MESA E CADEIRAS 624,43 620,82 0,58CARTEIRA DE HOMEM 77,14 73,91 4,37 REDE 34,25 32,09 6,73BOLSA DE MULHER 120,69 125,32 -3,69 MANUTENÇÃO DE MÓVEIS 153,89 166,67 -7,67CINTO DE HOMEM 40,20 45,92 -12,46 ROUPA DE CAMA 41,77 40,53 3,06CINTO DE MULHER 44,49 36,63 21,46 TOALHA DE BANHO 25,22 22,64 11,40MOCHILA (EXCETO ESCOLAR) 92,35 97,85 -5,62 ROUPA DE MESA 31,44 31,72 -0,88SAPATO DE HOMEM 138,14 143,71 -3,88 FOGÃO 835,81 836,49 -0,08TÊNIS DE HOMEM 185,99 189,47 -1,84 FREEZER 1515,26 1549,27 -2,20SANDÁLIA DE HOMEM 57,89 56,54 2,39 GELADEIRA 1597,55 1633,47 -2,20SANDÁLIA DE MULHER 56,80 51,03 11,31 LIQUIDIFICADOR 113,68 116,77 -2,65SANDÁLIA DE BORRACHA 34,97 35,52 -1,55 FERRO ELÉTRICO 56,12 56,15 -0,05SAPATO DE MULHER 92,94 90,03 3,23 MAQUINA DE LAVAR ROUPAS 1162,16 1182,83 -1,75SANDÁLIA DE CRIANÇA 44,61 45,65 -2,28 VENTILADOR 110,57 108,24 2,15SAPATO DE CRIANÇA 58,32 57,12 2,10 MAQUINA DE COSTURA (ELÉTRICA) 643,00 639,89 0,49BOTA DE CRIANÇA 81,02 74,62 8,58 AR CONDICIONADO 909,71 915,27 -0,61
  14. 14. TÊNIS DE CRIANÇA 68,78 67,35 2,12 TELEVISÃO EM CORES 972,04 961,44 1,10JÓIAS 564,35 627,80 -10,11 DVD 206,02 200,08 2,97 Fonte: IDESP Variação VariaçãoDescrição Nov/11 Out/11 Descrição Nov/11 Out/11 (%) (%)CONJUNTO DE SOM 1080,02 1091,22 -1,03 BRONZEADOR 21,38 21,73 -1,61MICROCOMPUTADOR 1898,50 1529,74 24,11 ESMALTE,BASE,ACETONA,ETC, 2,21 2,16 2,31IMPRESSORA DE MICROCOMPUTADOR 327,50 311,16 5,25 HIDRATANTE 5,47 5,51 -0,73FORNO DE MICROONDAS 364,74 362,37 0,65 CRME DENTAL 1,91 1,87 2,14COPO COMUM DE VIDRO 4,39 3,88 13,14 ESCOVA DE DENTES 5,62 5,43 3,50PRATO DE LOUCA 8,02 6,65 20,60 SABONETE 1,06 1,10 -3,64FRIGIDEIRA,LEITEIRA,ETC, 35,79 35,42 1,04 SHAMPOO 4,69 4,64 1,08TALHERES 7,54 5,95 26,72 CONDICIONADOR 5,62 5,51 2,00UTENSÍLIOS DE PLÁSTICO 12,80 11,90 7,56 DESODORANTE 7,35 7,07 3,96GARRAFA TÉRMICA 32,64 32,49 0,46 LÂMINA DE BARBEAR 6,44 7,18 -10,31MANUTENÇÃO DE APARELHOS DOMÉSTICOS 32,43 28,49 13,83 ABSORVENTE HIGIÊNICO 2,60 2,54 2,36CONSERTO DE TELEVISÃO (PECA+MÃO-DE-OBRA) 70,00 70,00 0,00 PAPEL HIGIÊNICO 2,39 2,24 6,70CONSERTO DE MICROCOMPUTADOR (PEÇA+MDO) 143,04 127,00 12,63 TÁXI 6,34 6,34 0,00TAPETE 361,41 329,77 9,59 BARCO 17,32 17,32 0,00CORTINA PRONTA 96,99 100,62 -3,61 ÔNIBUS INTERMUNICIPAL 36,49 36,49 0,00ANTIINFECCIOSO 15,43 15,01 2,80 ÔNIBUS INTERESTADUAL 316,36 316,36 0,00 ÔNIBUS INTERMUNICIPALANALGÉSICO E ANTITERMICO 8,37 8,37 0,00 ESPECIAL 36,56 36,56 0,00ANTIINFLAMATÓRIO E ANTI-REUMATICO 19,73 19,73 0,00 ÔNIBUS URBANO ESPECIAL 3,30 3,30 0,00ANTIGRIPAL E ANTITUSSÍGENO 16,58 15,55 6,62 ÔNIBUS URBANO CONVENCIONAL 2,00 2,00 0,00ANTIALÉRGICO 16,18 16,18 0,00 TRANSPORTE ALTERNATIVO 2,08 2,08 0,00VASODILATADOR/PRESSÃO ARTERIAL 23,50 23,50 0,00 ÓLEO LUBRIFICANTE 23,93 23,93 0,00CALMANTE 15,39 13,56 13,50 IPVA 503,10 503,10 0,00PARA O FÍGADO (HEPÁTICO) 21,03 21,03 0,00 LAVAGEM (SEM LUBRIFICAÇÃO) 25,66 25,02 2,56PARA OS RINS (RENAL) 22,21 22,21 0,00 CAMERA E PNEU 247,08 234,82 5,22ANTIÁCIDO 7,69 7,69 0,00 CONSERTO (PECA+MÃO-DE-OBRA) 312,07 279,79 11,54ANTIANEMICO 18,00 16,73 7,59 OUTRAS PECAS E ACESSÓRIOS 85,83 85,65 0,21ANTICONCEPCIONAL 25,12 25,12 0,00 EMPLACAMENTO DE AUTOMÓVEL 129,52 129,52 0,00 AUTOMÓVEL DE PASSEIODERMATOLOGICO 15,29 15,19 0,66 NACIONAL (USADO) 26715,67 27826,61 -3,99VITAMINA (EXCETO B12) 19,30 18,50 4,32 MOTOCICLETA 7783,33 10081,84 -22,80ANTI-HELMINTICO (VERMÍFUGO) 12,37 12,37 0,00 PECA ELÉTRICA OU MECÂNICA 76,17 71,74 6,18LAXANTE E PURGATIVO 14,73 14,73 0,00 BATERIA 337,82 303,90 11,16ANTIASMÁTICO 8,27 8,27 0,00 TRANSPORTE ESCOLAR 201,33 201,33 0,00 PINTURA (MATERIAL+MÃO-DE-BRONCODILATADORES 17,48 17,48 0,00 OBRA) 934,58 799,83 16,85MATERIAL DE CURATIVO 2,32 2,32 0,00 EMPLACAMENTO DE MOTO 129,52 129,52 0,00PRESERVATIVO MASCULINO 3,50 3,50 0,00 CD PARA VEICULO 474,42 462,85 2,50 AUTOMÓVEL DE PASSEIOOFTALMOLÓGICO 12,30 12,30 0,00 NACIONAL (NOVO) 51486,59 44192,30 16,51PARA DIABETES 11,16 11,00 1,45 GASOLINA COMUM 2,76 2,80 -1,43REDUTOR DE COLESTEROL 45,00 45,00 0,00 ÓLEO DIESEL 2,18 2,18 0,00ANTIOSTEOPOROSE 64,31 64,31 0,00 ÁLCOOL 2,30 2,33 -1,29HORMÔNIO 34,52 34,52 0,00 EMPREGADO DOMÉSTICO 545,00 545,00 0,00ANTIULCEROSO 24,53 24,53 0,00 BARBEIRO 20,08 20,08 0,00ARMAÇÃO DE ÓCULOS 230,55 213,07 8,20 CABELEIREIRO 77,85 77,04 1,05LENTE DE ÓCULOS (DE GRAU) 228,33 201,71 13,20 MANICURE E PEDICURE 15,77 14,82 6,41CONSULTA MEDICA 195,14 195,14 0,00 SAPATEIRO 9,08 9,25 -1,84TRATAMENTO DENTÁRIO 223,24 226,62 -1,49 CARTÓRIO 113,92 113,92 0,00EXAME DE LABORATÓRIO 24,63 24,63 0,00 CINEMA 13,00 13,00 0,00HOSPITALIZAÇÃO 344,32 344,32 0,00 FUTEBOL 34,17 34,17 0,00PLANO/SEGURO-SAÚDE 311,32 311,32 0,00 CLUBE (MENSALIDADE E TAXA) 63,00 63,00 0,00ELETRODIAGNOSTICO 169,09 169,09 0,00 REVELAÇÃO DE FILME 16,58 17,06 -2,81RADIOGRAFIA 155,90 151,57 2,86 LOCAÇÃO DE DVD 6,21 6,20 0,16SERVIÇOS DE CIRURGIA 535,19 510,19 4,90 ALIMENTOS DE CÃES 10,35 10,00 3,50ESCOVA DE CABELOS E PENTE 9,79 10,42 -6,05 BOATE,DANCETERIA E DISCOTECA 17,00 17,00 0,00PERFUME 13,51 12,20 10,74 MOTEL 74,90 74,90 0,00TALCO 4,68 4,61 1,52 CD 20,00 20,02 -0,10ARTIGOS DE MAQUIAGEM 21,68 5,60 BICICLETA 388,36 388,36 -2,76
  15. 15. Fonte: IDESP VariaçãoDescrição Nov/11 Out/11 (%)BRINQUEDOS E JOGOS 77,76 67,68 14,89ACESSÓRIOS DE INSTRUMENTOS MUSICAIS 35,72 35,72 0,00MAQUINA FOTOGRÁFICA 517,60 561,60 -7,83LOTOMANIA 1,25 1,25 0,00MEGASENA 24,00 24,00 0,00FUNERAL 628,75 628,75 0,00CIGARRO 4,32 4,32 0,00FÓSFORO (FUMANTE) 0,16 0,17 -5,88MENSALIDADE / MATRICULA DE CURSO PRÉ-ESCOLA 523,14 523,14 0,00UNIFORME ESCOLAR 35,78 32,42 10,36PÓS-GRADUAÇÃO 378,13 385,48 -1,91CURSO DE FORMAÇÃO FUNDAMENTAL 521,05 521,05 0,00CURSO DE FORMAÇÃO MÉDIO 585,09 585,09 0,00CURSO DE NIVEL SUPERIOR 693,04 693,04 0,00INFORMÁTICA 239,00 239,00 0,00CURSO DE IDIOMA 126,01 108,11 16,56MENSALIDADE / MATRICULA 250,00 250,00 0,00LIVRO E REVISTA TÉCNICA E OUTROS LIVROSDIDÁTICOS 87,74 87,74 0,00JORNAL 1,69 1,69 0,00ASSINATURA PERIÓDICO 245,28 247,16 -0,76OUTRAS REVISTAS 9,59 9,77 -1,84LIVRO ESCOLAR DE PRIMEIRO E SEGUNDOGRAUS 111,08 110,64 0,40CADERNO 22,69 23,30 -2,62OUTROS ARTIGOS E PAPELARIAS 5,16 5,04 2,38OUTROS ARTIGOS E PAPELARIAS 2,89 2,92 -1,03LIVROS NÃO DIDÁTICOS 26,88 28,35 -5,19FOTOCÓPIA XEROX 0,13 0,13 0,00TV (ASSINATURA) 89,88 89,88 0,00LINHA DE TELEFONE RESIDENCIAL (TARIFA + 230Min) 46,44 46,44 0,00APARELHO TELEFÔNICO (CONVENCIONAL) 102,55 114,52 -10,45TELEFONE PUBLICO (CARTÃO) 0,12 0,12 0,00TELEFONE CELULAR (APARELHO) 304,68 333,24 -8,57TELEFONE CELULAR (LINHA) 146,50 146,11 0,27ACESSO A INTERNET 32,03 36,00 -11,03CORREIO 4,48 4,48 0,00Fonte: IDESP

×