ABRIL/2013
Governo do Estado do Pará
Simão Robison Oliveira Jatene
Governador
Helenilson Cunha Pontes
Vice-Governador / Secretário Es...
3
Expediente
Diretor de Estudos e Pesquisas Socioeconômicas e Análise Conjuntural:
Cassiano Figueiredo Ribeiro
Coordenador...
SUMÁRIO
APRESENTAÇÃO.........................................................................................................
5
APRESENTAÇÃO
O Instituto de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Pará (IDESP)
divulga informações sobre a Pr...
1. NOTAS METODOLÓGICAS
A análise da indústria paraense toma como referência os índices regionais da produção
física indust...
7
1.2 PRODUÇÃO FÍSICA INDUSTRIAL DO ESTADO DO PARÁ EM ABRIL DE 2013
A produção industrial3
brasileira avançou 1,8% em abri...
Ainda na série com ajuste sazonal, a evolução do índice de média móvel trimestral
brasileira mostrou variação positiva de ...
9
TABELA 1: Variação (%) dos índices de produção física industrial. Pará.
Atividades Industriais
Abr-2013/Mar-2013(Sem
aju...
REFERÊNCIAS
BRASIL. Ministério do Trabalho e Emprego. Programa de disseminação de Estatística do
trabalho. 2013. Disponíve...
11
PAINEL DE INDICADORES
P1. INDICADORES DA INDÚSTRIA PARAENSE
P1. 1 - Taxa de Crescimento (%) da Produção Física Industri...
P1. INDICADORES DA INDÚSTRIA PARAENSE
P1. 1 - Taxa de Crescimento (%) da Produção Física Industrial no Pará – Índice de Ba...
13
P1. 2 - Taxa de Crescimento (%) da Produção Física Industrial no Pará – Índice Mensal*
.
Mês/Ano
Atividades Industriais...
P1. 3 - Taxa de Crescimento (%) da Produção Física Industrial no Pará – Índice Acumulado no Ano*
.
Mês/Ano
Atividades Indu...
15
P1. 4 - Taxa de Crescimento (%) da Produção Física Industrial no Pará – Índice Acumulado de 12 Meses*
.
Mês/Ano
Ativida...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Boletim industria0413

386 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
386
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
53
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Boletim industria0413

  1. 1. ABRIL/2013
  2. 2. Governo do Estado do Pará Simão Robison Oliveira Jatene Governador Helenilson Cunha Pontes Vice-Governador / Secretário Especial de Estado de Gestão – Seges Instituto de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Pará Maria Adelina Guglioti Braglia Presidente Cassiano Figueiredo Ribeiro Diretor de Estudos e Pesquisas Socioeconômicas e Análise Conjuntural Sérgio Castro Gomes Diretor de Estatística, Tecnologia e Gestão da Informação Andrea dos Santos Coelho Diretor de Pesquisas e Estudos Ambientais Gracyette Raimunda Aguiar Ferreira da Silva Diretora de Planejamento, Administração e Finanças
  3. 3. 3 Expediente Diretor de Estudos e Pesquisas Socioeconômicas e Análise Conjuntural: Cassiano Figueiredo Ribeiro Coordenadoria Técnica de Estudos e Pesquisas Socioeconômicas: Celeste Ferreira Lourenço Coordenação de Núcleo de Análise Conjuntural: Rosinete das Graças Farias Nonato Navegantes Elaboração Técnica: David Costa Correia Silva Revisão Técnica: Cassiano Figueiredo Ribeiro Edson da Silva e Silva Hélio Santana Mairata Gomes Rosinete das Graças Farias Nonato Navegantes Normalização: Glauber da Silva Ribeiro Indústria: análise e conjuntura, 2013. Belém: Instituto de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Pará, 2013. Mensal 15 p. (Análise Idesp, 04) 1. Indústria Extrativa. 2. Indústria de Transformação. 3.Pará (Estado). I. Instituto de Desenvolvimento Econômico Social e Ambiental do Pará. II.Série CDD 338.98115
  4. 4. SUMÁRIO APRESENTAÇÃO........................................................................................................................ 5 1. NOTAS METODOLÓGICAS .................................................................................... 6 2 PRODUÇÃO FÍSICA INDUSTRIAL DO ESTADO DO PARÁ EM ABRIL DE 2013 7 REFERÊNCIAS................................................................................................................ 10 PAINEL DE INDICADORES .................................................................................................... 11 P1. INDICADORES DA INDÚSTRIA PARAENSE ...................................................... 11 P1. INDICADORES DA INDÚSTRIA PARAENSE ...................................................... 12
  5. 5. 5 APRESENTAÇÃO O Instituto de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Pará (IDESP) divulga informações sobre a Produção Física Industrial do estado do Pará, além de dados sobre o Comportamento do Emprego na Indústria Paraense, publicando análises mensais sobre a evolução da industrial estadual. O objetivo é constituir um instrumento valioso de avaliação e entendimento da dinâmica do setor produtivo paraense. As informações disponibilizadas retratam o comportamento da indústria paraense, assim como destacam a capacidade de geração de empregos formais no Estado. Neste Boletim, será apresentada, inicialmente, uma nota metodológica acerca dos indicadores utilizados para analisar a dinâmica da indústria paraense; posteriormente à análise dos dados da Indústria do Pará (Produção Física e Movimentação da Mão de Obra) para o mês de abril de 2013, seguido de um painel de indicadores da indústria no Pará. As bases de dados utilizadas para a elaboração do presente boletim foram disponibilizadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE e pelo Ministério do Trabalho e Emprego – MTE.
  6. 6. 1. NOTAS METODOLÓGICAS A análise da indústria paraense toma como referência os índices regionais da produção física industrial do Estado divulgados na Pesquisa Industrial Mensal – Produção Física (PIM- PF), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), e os dados sobre movimentação do emprego formal no setor industrial paraense do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), publicados pelo Ministério do Trabalho (MTE). Os procedimentos metodológicos utilizados na análise mensal da indústria estadual estão assim definidos. Na primeira seção, que trata da Produção Física Industrial do Estado do Pará, quatro índices são investigados para a compreensão da dinâmica da produção industrial no Estado: Índice de mês/mêst-1: é a relação entre a produção do mês de referência do índice a produção do mês imediatamente anterior calculado a partir do índice de base fixa mensal1 ; Índice de média móvel trimestral: média móvel aritmética do índice mês/mês-1 calculada no período de três meses; Índice acumulado no ano: é a relação entre a produção acumulada no ano, de janeiro ao mês de referência do índice, e a produção de igual período do ano anterior; Índice acumulado nos últimos 12 meses: é a relação entre a produção acumulada nos últimos 12 meses de referência do índice e a produção de igual período imediatamente anterior. Todos os índices aqui analisados são ajustados sazonalmente2 . A fórmula de cálculo dos índices adotada pela Gerência de Análise e Gerência de Pesquisas Mensais do IBGE é uma adaptação do Índice de Laspeyres, tendo a base fixa em cadeia e atualização de pesos. 1 Um dos índices disponibilizados na PIM-PF/IBGE. O índice de base fixa mensal com ajuste sazonal (base: média de 2002 = 100) é o indicador que confronta a produção do mês de referência do índice com a média mensal produzida no ano base. Pelo fato de oferecer informações apenas para a Indústria Geral das diferentes regiões brasileiras, este índice não é analisado neste Boletim. 2 O ajuste sazonal é o método utilizado para descontar a flutuação no volume de produção, vendas e receitas que ocorre em determinado período do ano. Cada indústria tem suas características sazonais, por exemplo, a indústria de cerveja no Brasil está fortemente sujeita a variações no consumo de cerveja, com demanda acentuada nos meses de dezembro a janeiro e queda nos meses de julho e agosto. Além dos efeitos sazonais, o ajuste sazonal implica na correção de dias úteis para feriados móveis (carnaval e páscoa).
  7. 7. 7 1.2 PRODUÇÃO FÍSICA INDUSTRIAL DO ESTADO DO PARÁ EM ABRIL DE 2013 A produção industrial3 brasileira avançou 1,8% em abril comparativamente ao mês imediatamente anterior, na série com ajustes sazonais. No confronto com igual mês do ano anterior, o total da indústria apontou crescimento de 8,4% em abril de 2013, taxa mais elevada nesse tipo de comparação desde agosto de 2010 (8,6%). Com isso, no índice para o fechamento do primeiro quadrimestre de 2013, o setor industrial avançou 1,6% e reverteu a queda de 1,1% assinalada nos quatro últimos meses do ano passado, ambas as comparações contra iguais períodos do ano anterior. A taxa anualizada, indicador acumulado nos últimos doze meses, ao recuar 1,1% em abril de 2013, mostrou redução no ritmo de queda frente às marcas registradas em janeiro (-2,0%), fevereiro (-1,9%) e março (-2,0%). A produção industrial paraense que já havia registrado resultados negativos em março, pelo terceiro mês consecutivo apresentou queda na atividade, novamente obteve o pior resultado entre os 13 estados pesquisados, tendo em abril registrado queda de 1,42% (ver Gráfico 1). GRÁFICO 1: Variação do índice (mês atual/mês t-1) de Produção física industrial. Série com Ajuste Sazonal. Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística/ PIM-PF. Elaboração: Instituto de Desenvolvimento Econômico, Ambiental e Social do Pará. 3 Segundo dados da Pesquisa Industrial Mensal – PIM, publicada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE. -2,00 -1,00 0,00 1,00 2,00 3,00 Pará Goiás Rio de Janeiro Amazonas Ceará Paraná Rio Grande do Sul Santa Catarina Espírito Santo São Paulo Brasil Pernambuco Bahia Minas Gerais -1,42 -1,23 -0,43 -0,39 -0,03 0,14 0,21 0,25 0,65 1,02 1,83 2,34 2,48 2,83
  8. 8. Ainda na série com ajuste sazonal, a evolução do índice de média móvel trimestral brasileira mostrou variação positiva de 1,6% no quadrimestre encerrado em abril frente ao nível do mês anterior, após também registrar taxas de 0,00% em fevereiro e 0,30% em março. Em termos regionais, ainda em relação a esse índice, o Estado do Pará registrou variação negativa de 3,14%, contrariando o resultado nacional (Gráfico 2). GRÁFICO 2: Variação do índice de média móvel trimestral da produção física industrial. Série com ajuste sazonal. Brasil e Pará. Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística/ PIM-PF. Elaboração: Instituto de Desenvolvimento Econômico, Ambiental e Social do Pará. Na análise do índice mensal da produção industrial, na série sem ajustes sazonais, em abril de 2013 o setor industrial no estado apresentou variação de -2,64% frente a março de desse ano. Assim, o desempenho do setor no Pará é explicado pelas variações negativas em 10,24% na indústria extrativa e de 3,91% na indústria de transformação (Tabela 1). Segmentando a indústria de transformação em abril de 2013 (em relação ao mês anterior) observa-se que, com exceção da atividade minerais não metálicos, que apresentou variação negativa de 10,99%, os demais segmentos pesquisados na indústria de transformação apresentaram variações positivas (ver Tabela 1), a saber: alimentos e bebidas (18,74%); madeireira (8,75%); celulose, papel e produtos de papel (5,94%) e metalúrgica básica (1,90%). -8,00 -6,00 -4,00 -2,00 0,00 2,00 4,00 6,00 abr/12 mai/12 jun/12 jul/12 ago/12 set/12 out/12 nov/12 dez/12 jan/13 fev/13 mar/13 abr/13 abr/12 mai/12 jun/12 jul/12 ago/12 set/12 out/12 nov/12 dez/12 jan/13 fev/13 mar/13 abr/13 Brasil 0,02 -0,71 -0,38 -6,21 0,75 0,40 0,30 -0,40 -0,10 0,40 0,00 0,30 1,60 Pará 4,09 3,72 1,80 -1,14 -3,32 -0,52 2,39 0,41 0,34 -2,35 -1,07 -2,59 -3,14
  9. 9. 9 TABELA 1: Variação (%) dos índices de produção física industrial. Pará. Atividades Industriais Abr-2013/Mar-2013(Sem ajuste sazonal) Acumulado no ano Acumulado de 12 meses INDÚSTRIA GERAL -2,64 -1,52 -2,87 INDÚSTRIA EXTRATIVA -10,24 -2,57 -7,28 INDÚSTRIA DE TRANSFORMAÇÃO 3,91 -0,46 1,2 Alimentos e Bebidas 18,74 -0,23 2,81 Madeira 8,75 2,74 6,26 Celulose, Papel e Produtos de Papel 5,24 -1,63 1,85 Minerais não Metálicos -10,99 -1,67 -2,51 Metalúrgica Básica 1,9 -0,43 0,84 Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística/ PIM-PF. Elaboração: Instituto de Desenvolvimento Econômico, Ambiental e Social do Pará. Em relação ao índice acumulado nos três primeiros meses do ano4 (ver Tabela 1), a indústria paraense experimentou variação negativa de 1,52%, em decorrência das variações negativas de 2,57% na indústria extrativa e 0,46% na indústria de transformação. O desempenho da indústria de transformação é explicado pelas variações (2,74%) madeira; (-1,67%) minerais não metálicos; (-1,63%) celulose, papel e produtos de papel; (- 0,43%) metalúrgica básica; e (-0,23%) alimentos e bebidas. Na taxa anualizada, índice acumulado de 12 meses5 , observou-se que a economia industrial no estado do Pará variou em -2,87%, em virtude da variação negativa de -7,28% na indústria extrativa e de -1,20% na indústria de transformação. Nesse período, o segmento madeireiro alcançou o maior crescimento: 6,26%, seguido de alimentos e bebidas: 2,81%; indústria de celulose, papel e produtos de papel: 1,85%; e a metalúrgica básica: 0,84%, ao passo que o único a registrar resultado negativo foi o setor mineral não metálico: (-2,51%). 4 Este índice estabelece a relação entre a produção acumulada no ano, de janeiro ao mês de referência do índice, e a produção de igual período do ano anterior. 5 É a relação entre a produção acumulada nos últimos 12 meses de referência do índice e a produção de igual período imediatamente anterior.
  10. 10. REFERÊNCIAS BRASIL. Ministério do Trabalho e Emprego. Programa de disseminação de Estatística do trabalho. 2013. Disponível em: <http://www.mte.gov.br/pdet/index.asp>. Acesso em: Mai. 2013. ______. Evolução de Emprego do CAGED. 2013. Disponível em: <http://www.mte.gov.br/pdet/pages/consultas>. Acesso em: Mai. 2013. IBGE. Sistema IBGE de recuperação automática SIDRA, 2013. Disponível em: <http://www.sidra.ibge.gov.br/bda/> Acesso em: Mai. 2013.
  11. 11. 11 PAINEL DE INDICADORES P1. INDICADORES DA INDÚSTRIA PARAENSE P1. 1 - Taxa de Crescimento (%) da Produção Física Industrial no Pará – Índice de Base Fixa Mensal (sem ajuste sazonal)*. __________________________________________ 12 P1. 2 - Taxa de Crescimento (%) da Produção Física Industrial no Pará – Índice Mensal*. ______________________________________________________________________ 13 P1. 3 - Taxa de Crescimento (%) da Produção Física Industrial no Pará – Índice Acumulado no Ano*._____________________________________________________ 14 P1. 4 - Taxa de Crescimento (%) da Produção Física Industrial no Pará – Índice Acumulado de 12 Meses*._________________________________________________ 15
  12. 12. P1. INDICADORES DA INDÚSTRIA PARAENSE P1. 1 - Taxa de Crescimento (%) da Produção Física Industrial no Pará – Índice de Base Fixa Mensal (sem ajuste sazonal)* . Mês/Ano Atividades Industriais Indústria Geral Indústria Extrativa Indústria de Transformação Total Alimentos e bebidas Madeira Celulose, papel e produtos de papel Minerais não metálicos Metalurgia básica abr/12 1,46 6,92 -6,09 0,50 -10,31 -11,73 0,69 -9,09 mai/12 13,49 14,52 11,86 24,29 0,34 19,05 -0,60 9,19 jun/12 -1,10 3,26 -5,42 -0,47 -21,43 -4,54 -4,26 -5,98 jul/12 3,68 5,51 0,69 2,33 19,62 5,70 -1,81 -5,36 ago/12 -0,72 -3,80 4,57 16,67 -36,06 1,05 3,36 6,41 set/12 -3,93 -5,02 -2,22 -10,00 23,08 -7,71 -3,13 6,68 out/12 8,73 11,69 4,21 1,82 -3,30 11,31 8,94 -1,09 nov/12 -7,60 -5,53 -10,99 -6,64 17,06 -10,67 -12,04 -16,85 dez/12 10,13 13,07 5,02 12,57 -10,04 0,82 5,52 4,79 jan/13 -16,52 -20,91 -8,33 -22,20 -13,32 -23,69 7,63 6,14 fev/13 -17,79 -19,41 -15,19 -12,09 5,40 -37,00 -13,00 -7,86 mar/13 5,94 0,60 11,27 6,20 -1,89 28,53 22,46 1,05 abr/13 -2,64 -10,24 3,91 18,74 8,75 5,24 -10,99 1,90 Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE/PIM-PF. Elaboração: Instituto de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Pará – IDESP. Nota: * O índice de base fixa mensal sem ajuste sazonal é o indicador que compara a produção do mês de referência do índice com a média mensal produzida no ano base (2002).
  13. 13. 13 P1. 2 - Taxa de Crescimento (%) da Produção Física Industrial no Pará – Índice Mensal* . Mês/Ano Atividades Industriais Indústria Geral Indústria Extrativa Indústria de Transformação Total Alimentos e bebidas Madeira Celulose, papel e produtos de papel Minerais não metálicos Metalurgia básica abr/12 -2,34 -1,46 -3,28 11,10 13,14 3,67 12,19 -12,26 mai/12 3,05 1,87 1,61 5,62 9,12 8,72 -14,38 5,21 jun/12 -2,48 -7,93 3,23 -6,68 35,28 0,11 0,33 -3,37 jul/12 -2,80 -6,61 0,76 -1,38 25,65 3,98 -11,26 -13,36 ago/12 -5,75 -1,63 -9,86 8,31 -43,41 -12,17 1,56 8,48 set/12 8,04 2,71 13,08 -16,59 26,64 34,27 26,50 5,13 out/12 0,16 10,35 -8,59 11,82 -26,22 -21,61 -7,18 2,41 nov/12 -0,17 -8,16 8,10 -8,74 108,51 -0,41 -14,32 -9,09 dez/12 -3,45 8,58 -14,03 -5,05 -45,51 1,90 1,35 -7,37 jan/13 8,16 12,40 3,49 8,71 -17,65 -2,18 17,91 7,76 fev/13 -14,06 -17,90 -9,41 -9,05 35,14 -47,40 -12,05 2,59 mar/13 2,86 0,60 4,89 1,87 -1,89 28,53 22,46 1,05 abr/13 -2,03 -16,03 11,79 18,15 21,30 19,23 -9,09 12,09 Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE/PIM-PF. Elaboração: Instituto de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Pará – IDESP. Nota: * Índice que compara a produção do mês de referência do índice com a produção de igual mês do ano anterior.
  14. 14. P1. 3 - Taxa de Crescimento (%) da Produção Física Industrial no Pará – Índice Acumulado no Ano* . Mês/Ano Atividades Industriais Indústria Geral Indústria Extrativa Indústria de Transformação Total Alimentos e bebidas Madeira Celulose, papel e produtos de papel Minerais não metálicos Metalurgia básica abr/12 1,07 2,63 -0,23 2,14 2,19 -0,13 5,45 -2,31 mai/12 1,36 2,12 1,30 2,78 2,88 1,76 0,13 -0,40 jun/12 0,38 -0,24 1,02 0,42 6,12 1,10 0,13 -0,79 jul/12 -0,40 -1,33 0,55 0,07 8,01 1,40 -1,67 -2,60 ago/12 -0,75 -1,15 -0,35 1,27 -0,35 -0,74 -1,06 -0,96 set/12 0,16 -0,50 0,82 -1,40 1,95 2,56 1,71 -0,20 out/12 0,32 0,66 -0,01 0,17 -1,15 -0,21 0,76 0,09 nov/12 -0,03 -0,31 0,24 -0,75 4,69 -0,19 -0,78 -0,64 dez/12 -0,08 0,52 -0,67 -1,22 -0,22 0,00 -0,56 -1,21 jan/13 7,64 17,98 -2,59 -2,55 -16,81 -2,19 11,12 -5,95 fev/13 -7,31 -8,87 -5,42 -4,45 15,40 -25,84 -6,00 1,23 mar/13 -4,01 -6,41 -1,61 -1,10 2,76 -5,41 -0,25 -4,03 abr/13 -2,87 -7,28 1,20 2,81 6,26 1,85 -2,51 0,84 Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE/PIM-PF. Elaboração: Instituto de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Pará – IDESP. Nota: * Índice que compara a produção acumulada no ano, de janeiro até o mês de referência do índice, com a produção de igual período imediatamente anterior.
  15. 15. 15 P1. 4 - Taxa de Crescimento (%) da Produção Física Industrial no Pará – Índice Acumulado de 12 Meses* . Mês/Ano Atividades Industriais Indústria Geral Indústria Extrativa Indústria de Transformação Total Alimentos e bebidas Madeira Celulose, papel e produtos de papel Minerais não metálicos Metalurgia básica abr/12 0,19 -0,13 0,48 2,06 -1,91 -0,58 1,77 0,09 mai/12 -0,08 -0,71 0,27 1,36 -1,57 -0,72 1,10 0,50 jun/12 -0,27 -1,51 1,10 1,62 3,17 -0,63 1,35 0,65 jul/12 -0,90 -2,40 0,72 1,73 5,46 0,49 -0,80 -1,74 ago/12 -1,00 -1,70 -0,26 0,72 0,42 -1,20 -0,80 -0,33 set/12 -0,05 -0,97 0,89 -1,94 3,32 1,84 3,25 -1,01 out/12 -0,05 -0,14 0,04 0,94 -1,46 -0,92 1,58 -0,47 nov/12 0,12 -0,92 1,17 -0,31 9,73 -0,54 -0,45 -0,01 dez/12 -0,60 -0,55 -0,64 -2,69 1,67 -0,24 -0,27 -1,03 jan/13 1,03 -0,12 0,15 -0,57 1,46 2,00 -0,87 1,03 fev/13 -0,53 -1,01 -0,84 4,13 -4,91 0,22 -1,04 -0,53 mar/13 -1,02 -1,49 -0,54 -0,37 2,81 -2,49 -0,19 -2,49 abr/13 -1,52 -2,57 -0,46 -0,23 2,74 -1,63 -1,67 -0,43 Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE/PIM-PF. Elaboração: Instituto de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Pará – IDESP. Nota: * Índice que compara a produção dos últimos doze meses de referência do índice com a produção de igual período imediatamente anterior.

×