O Patinho Feio e o Mito de Narciso POR HELEN BETANE E ANDRÉ PEREZ
Eco e Narciso <ul><li>Eco era uma ninfa teimosa que “falava pelos cotovelos”. </li></ul><ul><li>Ela distraía Hera, esposa ...
<ul><li>Eco jamais voltaria a falar. Apenas repetiria as últimas palavras que escutasse. </li></ul><ul><li>Nos belos campo...
<ul><li>Eco imediatamente se apaixona por Narciso. </li></ul><ul><li>Narciso a ignora. </li></ul><ul><li>Eco, por não cons...
<ul><li>Os Deuses resolvem punir Narciso por sua prepotência. </li></ul><ul><li>Narciso, pela primeira vez na vida, vê-se ...
<ul><li>Narciso nunca conseguiu deixar de olhar para sua própria imagem e acabou padecendo de amor por si mesmo. </li></ul>
Eco e Narciso
O Patinho feio <ul><li>O patinho é diferente dos demais e considerado feio pela própria “mãe”. </li></ul><ul><li>Ele quer ...
<ul><li>Como o monstro de Frankenstein, o patinho feio não vê outra alternativa senão fugir, isolar-se de seu grupo social...
<ul><li>No final, o patinho feio vê sua imagem refletida no lago e enxerga a verdade sobre si mesmo: não é um pato, mas si...
 
 
<ul><li>Como podemos relacionar o mito de Narciso e a história do patinho feio? </li></ul><ul><li>O patinho feio quer ser ...
<ul><li>2. Nas duas histórias o lago é o espelho de ambos os personagens; </li></ul><ul><li>3. O espelho liberta o patinho...
<ul><li>4.O espelho, no mito de Narciso, reflete uma mentira. Narciso pensa que a imagem refletida é uma ninfa do lago. A ...
 
<ul><li>Século XVIII -> a idade da razão. </li></ul><ul><li>É nesse período que surgem alguns dos grandes clássico da lite...
<ul><li>A idade da razão é contestada pelo  movimento Gótico : “Contra a razão, a favor do sentimento.” </li></ul><ul><li>...
<ul><li>Nesse contexto, surgem livros, como “Drácula de Bram Stoker”, que pregam o amor numa atmosfera lúgubre, permeada d...
 
 
 
<ul><li>A Saga Crepúsculo, por exemplo, é a retomada desse movimento que vai e vem na história da humanidade através das a...
 
 
<ul><li>Na música, um forte representante do estilo Gótico é a banda Evanescence. </li></ul><ul><li>Evanescence significa ...
<ul><li>Crítica à sociedade mascarada em que vivemos (aparência x essência); </li></ul><ul><li>A personagem do clipe age c...
<ul><li>ELE  (seu amado) é a razão de sua existência; </li></ul><ul><li>Ela nada mais é do que uma morta-viva, a sombra do...
<ul><li>ELE  a deixa “morrer”, como Narciso fez com Eco-> amor como perversão, como autodestruição. </li></ul><ul><li>Como...
<ul><li>Sybil Vane cometeu suicídio (desapareceu); </li></ul><ul><li>Dorian a amava como atriz. Ele amava o glamour que a ...
 
<ul><li>Dorian é totalmente narcisista, ou seja, alguém que gosta de falsas representações, de superficialidades e que se ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

1. o patinho feio , narciso e evanescence

1.946 visualizações

Publicada em

Análise do livro "O Retrato de Dorian Gray" by Oscar Wilde

Publicada em: Educação, Tecnologia
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.946
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
72
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
20
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

1. o patinho feio , narciso e evanescence

  1. 1. O Patinho Feio e o Mito de Narciso POR HELEN BETANE E ANDRÉ PEREZ
  2. 2. Eco e Narciso <ul><li>Eco era uma ninfa teimosa que “falava pelos cotovelos”. </li></ul><ul><li>Ela distraía Hera, esposa de Zeus, enquanto este flertava com outras deusas. </li></ul><ul><li>Hera descobriu a traição de Eco e lançou-lhe uma maldição. </li></ul>
  3. 3. <ul><li>Eco jamais voltaria a falar. Apenas repetiria as últimas palavras que escutasse. </li></ul><ul><li>Nos belos campos da Grécia antiga, Eco encontra Narciso, o homem mais belo do reino. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>Eco imediatamente se apaixona por Narciso. </li></ul><ul><li>Narciso a ignora. </li></ul><ul><li>Eco, por não conseguir viver sem seu amado, desaparece. Apenas a sua voz, que até hoje repete a última palavra escutada, permaneceu. </li></ul>
  5. 5. <ul><li>Os Deuses resolvem punir Narciso por sua prepotência. </li></ul><ul><li>Narciso, pela primeira vez na vida, vê-se refletido nas águas do lago. Não reconhecendo a própria imagem, Narciso se apaixona pelo seu reflexo. </li></ul>
  6. 6. <ul><li>Narciso nunca conseguiu deixar de olhar para sua própria imagem e acabou padecendo de amor por si mesmo. </li></ul>
  7. 7. Eco e Narciso
  8. 8. O Patinho feio <ul><li>O patinho é diferente dos demais e considerado feio pela própria “mãe”. </li></ul><ul><li>Ele quer fazer parte do grupo, socializar-se, ser aceito, mas todos o rejeitam devido à sua aparência bizarra. </li></ul>
  9. 9. <ul><li>Como o monstro de Frankenstein, o patinho feio não vê outra alternativa senão fugir, isolar-se de seu grupo social. </li></ul><ul><li>Rejeitado por todos, o patinho sofre com a solidão, com o abandono. </li></ul>
  10. 10. <ul><li>No final, o patinho feio vê sua imagem refletida no lago e enxerga a verdade sobre si mesmo: não é um pato, mas sim um lindo cisne. </li></ul><ul><li>A história critica a hipocrisia da sociedade da época ( a mesma hipocrisia criticada por Oscar Wilde). </li></ul>
  11. 13. <ul><li>Como podemos relacionar o mito de Narciso e a história do patinho feio? </li></ul><ul><li>O patinho feio quer ser aceito, quer fazer parte da comunidade; Narciso não precisa de ninguém além de si mesmo; </li></ul>
  12. 14. <ul><li>2. Nas duas histórias o lago é o espelho de ambos os personagens; </li></ul><ul><li>3. O espelho liberta o patinho feio: “Conheça a verdade e a verdade vos libertará” (João 8:32) </li></ul>
  13. 15. <ul><li>4.O espelho, no mito de Narciso, reflete uma mentira. Narciso pensa que a imagem refletida é uma ninfa do lago. A mentira o aprisionou e o matou. </li></ul>
  14. 17. <ul><li>Século XVIII -> a idade da razão. </li></ul><ul><li>É nesse período que surgem alguns dos grandes clássico da literatura universal como “Frankenstein de Mary Shelly”, “O médico e o Monstro (Dr. Jackyl and Mr. Hyde), etc. </li></ul>
  15. 18. <ul><li>A idade da razão é contestada pelo movimento Gótico : “Contra a razão, a favor do sentimento.” </li></ul><ul><li>Gótico significa “harmonia com a escuridão”. </li></ul>
  16. 19. <ul><li>Nesse contexto, surgem livros, como “Drácula de Bram Stoker”, que pregam o amor numa atmosfera lúgubre, permeada de dor e sofrimento. </li></ul>
  17. 23. <ul><li>A Saga Crepúsculo, por exemplo, é a retomada desse movimento que vai e vem na história da humanidade através das artes (literatura, arquitetura-castelos medievais, atmosfera sombria, passagens secretas, calabouços- pintura, cinema, etc.) </li></ul>
  18. 26. <ul><li>Na música, um forte representante do estilo Gótico é a banda Evanescence. </li></ul><ul><li>Evanescence significa algo que desaparece gradualmente da vista ou da memória de alguém (como Eco e narciso desapareceram). </li></ul><ul><li>Clipe </li></ul>
  19. 27. <ul><li>Crítica à sociedade mascarada em que vivemos (aparência x essência); </li></ul><ul><li>A personagem do clipe age como uma sonâmbula; </li></ul><ul><li>A própria vida não vale nada para ela; </li></ul>
  20. 28. <ul><li>ELE (seu amado) é a razão de sua existência; </li></ul><ul><li>Ela nada mais é do que uma morta-viva, a sombra do homem amado. </li></ul><ul><li>Só ELE pode trazer vida para ela; </li></ul><ul><li>Contudo, ele não consegue salvá-la; </li></ul>
  21. 29. <ul><li>ELE a deixa “morrer”, como Narciso fez com Eco-> amor como perversão, como autodestruição. </li></ul><ul><li>Como podemos ver Eco no livro “O Retrato de Dorian Gray”? </li></ul>
  22. 30. <ul><li>Sybil Vane cometeu suicídio (desapareceu); </li></ul><ul><li>Dorian a amava como atriz. Ele amava o glamour que a profissão de Sybil representava; </li></ul>
  23. 32. <ul><li>Dorian é totalmente narcisista, ou seja, alguém que gosta de falsas representações, de superficialidades e que se importa apenas consigo. </li></ul>

×