Semana de Arte Moderna de 1922

2.024 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.024
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
49
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Semana de Arte Moderna de 1922

  1. 1. Semana de Arte Moderna de 1922 Realizada em São Paulo, no Teatro Municipal, de 11 a 18 de fevereiro, teve como principal propósito renovar, transformar o contexto artístico e cultural urbano, tanto na literatura, quanto nas artes plásticas, na arquitetura e na música.
  2. 2. Objetivo Mudar, subverter uma produção artística, criar uma arte essencialmente brasileira, embora em sintonia com as novas tendências européias, essa era basicamente a intenção dos modernistas.
  3. 3. Nos Cartazes lia-se coisas como "Carlos Gomes é um Burro", ou "Coelho Neto não lava os pés", ou ainda "Almeida Júnior não pagava o padeiro." Chopin era chamado de tocador de berimbau. Para a época, isso era muita ousadia.
  4. 4. O que foi? Foi a ebulição de novas ideias totalmente libertadas, nacionalista em busca de uma identidade própria e de uma maneira mais livre de expressão. Não tinha porém, um programa definido: sentia-se muito mais um desejo de experimentar diferentes caminhos do que definir um ideal moderno.
  5. 5. Renovação da linguagem; Ruptura com o passado; Novas ideias e conceitos nas artes; Nova poesia através da declamação; Música através de concertos; Artes plásticas (pinturas, esculturas e maquetes de arquitetura).
  6. 6. Temas apresentados Poesia Música Esculturas Pinturas
  7. 7. Artistas Brasileiros • ARTES PLÁSTICAS: Vítor Brecheret, Anita Malfatti, Di Cavalcante, Vicente de Rego Monteiro, Tarcila do Amaral. • ESCRITORES: Mário de Andrade, Oswald de Andrade, Ronald de Carvalho. • MÚSICOS: Villa-Lobos, Guiomar Novaes, Ernâni Braga, Frutuoso Viana. • ARQUITETOS: Antônio Garcia Moya, George Pryzrembel.
  8. 8. Mario de Andrade Foi um poeta, romancista, crítico de arte e musiólogo. Produziu grande impacto na renovação literária e artística do país. Foi um dos participantes mais ativos da Semana de 22. “Garoa do meu São Paulo, -Timbre triste de martírios; Um negro vem vindo, é branco! Só bem perto fica negro, Passa e volta a ficar branco.” (Garoa de São Paulo)
  9. 9. Oswald de Andrade Foi um escritor, ensaísta e dramaturgo. Um dos grandes promotores da Semana de 22. Se tornou um dos grandes nomes do modernismo literário brasileiro. Foi considerado pela crítica como o elemento mais rebelde do grupo. “Para dizerem milho dizem mio Para dizer melhor dizem mió Para pior pió Para telha dizem teia Para telhado dizem teiado E vão fazendo seus telhados” (Erro de português)
  10. 10. Manuel Bandeira Poeta, crítico literário e de arte, professor de literatura e tradutor. O seu poema Os Sapos foi o abre alas da Semana de Arte Moderna. “Enfunando os sapos, Saem da penumbra, Aos pulos, os sapos. A luz os deslumbra”. Em ronco que aterra, Berra o sapo-boi: -’Meu pai foi a guerra!’ -’Não foi!’ –’Foi!’ –’Não foi!’ (Os sapos)
  11. 11. Tarcila do Amaral - ABAPORU Abaporu vem dos termos em tupi aba (homem), po ra (gente) e ú (comer), significando "homem que come gente”. O nome é uma referência à antropofagia modernista, que se propunha a deglutir a cultura estrangeira e adaptá-la ao Brasil.
  12. 12. Anita Malfatti - O homem de sete cores Tanto nas paisagens quanto nos retratos, a cor é o seu principal instrumento. Suas obras revelam essa preocupação intensa.
  13. 13. Principal compositor • Heitor Villa-Lobos: Maestro e compositor brasileiro. Foi responsável pela linguagem peculiarmente brasileira na música do modernismo brasileiro. Algumas Obras  Bachianas Brasileiras No. 5;  Hino a Santo Agostinho;  Melodia Sentimental;  Trenzinho Caipira;  Veleiro.
  14. 14. Trenzinho Caipira - Heitor Villa Lobos Lá vai o trem com o menino Lá vai a vida a rodar Lá vai ciranda e destino Cidade e noite a girar Lá vai o trem sem destino Pro dia novo encontrar Correndo vai pela terra Vai pela serra Vai pelo mar Cantando pela serra do luar Correndo entre as estrelas a voar No ar no ar no ar no ar no ar...
  15. 15. Principal escultor • Victor Brecheret: Escultor ítalo-brasileiro considerado um dos mais importantes do país.
  16. 16. Brecheret - Monumento às Bandeiras
  17. 17. Discussão sobre o tema • Faça uma pesquisa na internet sobre o assunto que mais gostou sobre a Semana de 22. • Foi criado um grupo no Facebook para discussão sobre a Semana de Arte Moderna. • Lá você pode compartilhar suas dúvidas e suas descobertas (vídeos, imagens, textos, poemas, músicas) com seus colegas do grupo.

×