SlideShare uma empresa Scribd logo
A Semana da Arte Moderna
LEITOR:  ESTÁ FUNDADO O DESVAIRISMO. (Mário de Andrade) Poética Estou farto do lirismo comedido Do lirismo bem comportado Do lirismo funcionário público com livro de ponto [expediente protocolo e manifestações  [de apreço ao Sr. diretor. Estou farto do lirismo que pára e vai averiguar no  [dicionário o cunho vernáculo* de um vocábulo. Abaixo os puristas* Todas as palavras sobretudo os barbarismos* universais  Todas as construções sobretudo as sintaxes de exceção Todos os ritmos sobretudo as inumeráveis” Mário de Andrade
“ O Modernismo” Embora as primeiras manifestações modernistas já viessem surgindo em São Paulo desde 1911, é somente na década de 1920, principalmente a partir da Semana de Arte Moderna (1922). Que o Modernismo se difunde e se solidifica em nosso país .
A Semana da Arte Moderna
O Modernismo início com a Semana da Arte Moderna.  Foi realizado no Teatro Municipal de São Paulo.
Realizado nos dias: 13, 15 e 17 de Fevereiro de 1922. Seu objetivo pretendia colocar a cultura brasileira a par das correntes de vanguarda do pensamento Europeu. Pregava a tomada de consciência.
Influência sobre a Sociedade A Semana da Arte Moderna deve ser vista não só como um movimento artístico, mas também como um movimento político e social.  O movimento modernista foi o prenunciador o preparador por muitas vezes o criador de um estado de espírito nacional .
Os senhores rurais voltam ao poder  fortalecidos pela economia do café que girava em torno de  São Paulo e Minas Gerais.  A partir do governo de Campos Sales foi instituída  “política dos governadores”, beneficiando grandes propriedades rurais que  revezavam no poder,  a Política do Café com Leite.
A Sociedade na Época A Primeira Guerra Mundial foi a responsável pelo surto de industrialização e conseqüente urbanização, causando o surgimento da burguesia industrial forte mas marginalizada. Aumento do número de imigrantes Europeus
A Sociedade na Época Era um Brasil divido entre o rural e o urbano. Nesta época em São Paulo encontrava-se todos os tipos de pessoas com diferentes profissões. “ paulicéia desvairada”, palco ideal para  a realização de um evento que mostrou uma arte inovadora, a romper com velhas estruturas
A Semana de Arte Moderna apresentou uma lado político de ataque à aristocracia à burguesia.
 
Antecedentes da Semana 1912- Oswald de Andrade introduz a novidades futurísticas; 1913- exposição do pintor Lasar Sagall; 1914- Anita Malfatti exibi pintura expressionista; 1915- marco inicial do Modernismo em Portugal; 1916- primeira Redação de Memórias sentimentais de João Miramar, Oswald de Andrade; 1917- Oswald de Andrade fica amigo de Mario de Andrade;
Antecedentes da Semana 1918 – Guilherme de Almeida publica Missidor e Manuel Bandeira publica Carnaral; 1920 – o grupo de modernistas descobre Victor Brecheret.
A Realização do Evento As primeiras informações da Semana da Arte Moderna foram divulgados pela imprensa paulista em 29 de janeiro de 1922. O Correio Paulistano relaciona todos os participantes do evento. Mario Brito diz :”... A Semana de Arte Moderna representa as mais modernas correntes artísticas ...”
A Realização do Evento Muitas notícias criam um clima de expectativa. Várias pinturas esculturas são espalhadas pela região do Teatro, e provocaram reações de espanto e repúdio. Os trabalhos de Victor Brecheret e Anita Malfatti eram os mais usados .
A Realização do Evento A emoção Epitética na Arte Moderna acompanhada da música de Ernoni Braga e da poesia de Ronald de Carvalho e de Guilherme de Almeida foi o primeiro espetáculo de 13 de fevereiro. Pintura e Escultura de Ronald de Carvalho ,solos de piano de Ernoni Braga e três danças africanas de Villa Lobos. No segundo espetáculo do dia 15 de fevereiro  anunciava,
A Realização do Evento a atração foi uma conferência de Menotti Del Picchia sobre arte e estética. Leitura de textos de Oswald de Andrade,Mário de Andrade e Plínio Salgado. Durante o intervalo, Mário de Andrade lê das escadas do teatro,trechos de “ A escrava que não é Isaura”.
A Realização do Evento Em 17 de fevereiro realizou-se o terceiro ultimo grande festival da SAM. Apresentação de músicas de Villa Lobos. O maestro Villa Lobos entra em cena de casaca e chinelos... O público interpretou a atitude como futurista e vaiou.
Documentação A SAM foi documentada em muitos jornais e telejornais da  época: - A Gazeta (SP) - Folha do Norte (SP) -O Estado de São Paulo (SP) -Correio Paulistano (SP)
Organizadores Os organizadores foram: Manuel Bandeira; Mário de Andrade; Guilherme de Almeida; Paulo Prado; Gofredo Silva Telles; Oswald de Andrade.
“ A semana foi ganhando aos poucos grande importância histórica, representou a confluência das várias tendências de renovação que vinham ocorrendo na arte e na cultura brasileira. o Modernismo no Brasil foi como uma raptura, foi um abandono de princípios e técnicas conseqüentes, foi uma revolta contra o que era a Inteligência nacional”.
Curiosidades
Mário de Andrade, com suas conferências, leituras de poemas e publicações em jornais foi uma das personalidades mais ativas da Semana.   Oswald de Andrade talvez fosse um dos artistas que melhor representavam o clima de ruptura que o evento procurava criar.  Manuel Bandeira, mesmo distante, provocou inúmeras reações de agrado e de ódio devido a seu poema "Os Sapos", que fazia uma sátira do Parnasianismo, esse poema que foi lido durante o evento
Anunciava "coleções de disparates" como "aquele Gênio supliciado, aquele homem amarelo, aquele carnaval alucinante, aquela paisagem invertida" são temas da exposição plástica da semana,  - "uma poesia liberta, uma música extravagante, mas transcendente" que iriam "revoltar aqueles que reagem movidos pelas forças do Passado." A música estava representada por autores consagrados, como Villa-Lobos, Guiomar Novais, Ernani Braga e Frutuoso Viana.
São Paulo dos anos 20 era a cidade que melhor apresentava condições para a realização de tal evento.  Era uma próspera cidade, que recebia grande número de imigrantes europeus e modernizava-se rapidamente. Era,uma cidade favorável a ser transformada num centro cultural da época, abrigando vários jovens artistas. 
Logo após a realização da Semana, alguns artistas fundamentais que dela participaram acabam voltando para a Europa dificultando a continuidade do processo que se iniciara.  Por outro lado, outros artistas igualmente importantes chegavam após estudos no continente, como Tarsila do Amaral, um dos grandes pilares do Modernismo Brasileiro.
Programação da Semana
.Sonata II  de violoncelo e piano - (1916) 2.  Trio Segundo : violino, violoncelo e piano - (1916) 3. Solos de piano: Ernani Braga 4 Otteto - ( Três danças africanas ): 5. Solos de piano: Guiomar Novaes: 6. Canto e piano 7.  Quarteto Terceiro  (cordas 1916) 8.  Trio Terceiro  - violino, violoncelo e piano - (1918)  9. Canto e piano: Mario Emma e Lucília Villa Lobos. 10)  Sonata Segunda  - violino e piano - (1914)  11)  Quarteto Simbólico  - Impressões da vida mundana) - flauta,1 saxofônico, celesta e harpa ou piano
 
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Semana de arte moderna
Semana de arte modernaSemana de arte moderna
Semana de arte moderna
Robson Oliveira
 
A semana de arte moderna (1922) apresentação
A semana de arte moderna (1922) apresentaçãoA semana de arte moderna (1922) apresentação
A semana de arte moderna (1922) apresentação
Zenia Ferreira
 
Semana de arte moderna de 1922, conflitos e confrontos.
Semana de arte moderna de 1922, conflitos e confrontos.Semana de arte moderna de 1922, conflitos e confrontos.
Semana de arte moderna de 1922, conflitos e confrontos.
Grupo Educacional Opet
 
TEATRO (Conceito; História; Gêneros e principais atores e atrizes)
TEATRO (Conceito; História; Gêneros e principais atores e atrizes)  TEATRO (Conceito; História; Gêneros e principais atores e atrizes)
TEATRO (Conceito; História; Gêneros e principais atores e atrizes)
Wellinton Augusto
 
Semana da arte moderna 1992
Semana da arte moderna 1992Semana da arte moderna 1992
Semana da arte moderna 1992
GabrielaLimaPereira
 
Modernismo
Modernismo Modernismo
Modernismo
Cláudia Heloísa
 
Vanguarda europeia
Vanguarda europeiaVanguarda europeia
Vanguarda europeia
Ana Batista
 
Teatro brasileiro
Teatro brasileiroTeatro brasileiro
Teatro brasileiro
VIVIAN TROMBINI
 
Semana de arte moderna 1922
Semana de arte moderna 1922Semana de arte moderna 1922
Semana de arte moderna 1922
seixasmarianas
 
Semana de arte moderna
Semana de arte modernaSemana de arte moderna
Semana de arte moderna
Ana Batista
 
100 anos da Semana de Arte Moderna no Brasil (1).pptx
100 anos da Semana de Arte Moderna no Brasil (1).pptx100 anos da Semana de Arte Moderna no Brasil (1).pptx
100 anos da Semana de Arte Moderna no Brasil (1).pptx
TATE9
 
Semana da Arte Moderna
Semana da Arte ModernaSemana da Arte Moderna
Semana da Arte Moderna
Rejane Medeiros
 
Semana de arte moderna
Semana de arte modernaSemana de arte moderna
Semana de arte moderna
Lucas Nascimento
 
O que é a arte
O que é a arteO que é a arte
O que é a arte
Ana Barreiros
 
A semana de arte moderna
A semana de arte modernaA semana de arte moderna
A semana de arte moderna
Cristiano Cordeiro
 
Movimentos artísticos
Movimentos artísticosMovimentos artísticos
Movimentos artísticos
Bruno Costa
 
Dadaísmo
DadaísmoDadaísmo
Dadaísmo
Luan Victor
 
Instalação Artística
Instalação ArtísticaInstalação Artística
Instalação Artística
Enzo Berger
 
Poesia de 30
Poesia de 30Poesia de 30
Poesia de 30
glicéria lima
 

Mais procurados (20)

Semana de arte moderna
Semana de arte modernaSemana de arte moderna
Semana de arte moderna
 
A semana de arte moderna (1922) apresentação
A semana de arte moderna (1922) apresentaçãoA semana de arte moderna (1922) apresentação
A semana de arte moderna (1922) apresentação
 
Semana de arte moderna de 1922, conflitos e confrontos.
Semana de arte moderna de 1922, conflitos e confrontos.Semana de arte moderna de 1922, conflitos e confrontos.
Semana de arte moderna de 1922, conflitos e confrontos.
 
TEATRO (Conceito; História; Gêneros e principais atores e atrizes)
TEATRO (Conceito; História; Gêneros e principais atores e atrizes)  TEATRO (Conceito; História; Gêneros e principais atores e atrizes)
TEATRO (Conceito; História; Gêneros e principais atores e atrizes)
 
Semana da arte moderna 1992
Semana da arte moderna 1992Semana da arte moderna 1992
Semana da arte moderna 1992
 
Modernismo
Modernismo Modernismo
Modernismo
 
Vanguarda europeia
Vanguarda europeiaVanguarda europeia
Vanguarda europeia
 
Teatro brasileiro
Teatro brasileiroTeatro brasileiro
Teatro brasileiro
 
Semana de arte moderna 1922
Semana de arte moderna 1922Semana de arte moderna 1922
Semana de arte moderna 1922
 
Semana de arte moderna
Semana de arte modernaSemana de arte moderna
Semana de arte moderna
 
100 anos da Semana de Arte Moderna no Brasil (1).pptx
100 anos da Semana de Arte Moderna no Brasil (1).pptx100 anos da Semana de Arte Moderna no Brasil (1).pptx
100 anos da Semana de Arte Moderna no Brasil (1).pptx
 
Semana da Arte Moderna
Semana da Arte ModernaSemana da Arte Moderna
Semana da Arte Moderna
 
Arte Conceitual
Arte ConceitualArte Conceitual
Arte Conceitual
 
Semana de arte moderna
Semana de arte modernaSemana de arte moderna
Semana de arte moderna
 
O que é a arte
O que é a arteO que é a arte
O que é a arte
 
A semana de arte moderna
A semana de arte modernaA semana de arte moderna
A semana de arte moderna
 
Movimentos artísticos
Movimentos artísticosMovimentos artísticos
Movimentos artísticos
 
Dadaísmo
DadaísmoDadaísmo
Dadaísmo
 
Instalação Artística
Instalação ArtísticaInstalação Artística
Instalação Artística
 
Poesia de 30
Poesia de 30Poesia de 30
Poesia de 30
 

Destaque

Webgincana da Semana de Arte Moderna de 1922
Webgincana da Semana de Arte Moderna de 1922Webgincana da Semana de Arte Moderna de 1922
Webgincana da Semana de Arte Moderna de 1922
tatalves
 
Arte moderna slide
Arte moderna slideArte moderna slide
Arte moderna slide
Isabel Aguiar
 
Semana de arte moderna
Semana de arte modernaSemana de arte moderna
Semana de arte moderna
Thiago José de Souza Oliveira
 
Semana da Arte Moderna e Modernismo
Semana da Arte Moderna e ModernismoSemana da Arte Moderna e Modernismo
Semana da Arte Moderna e Modernismo
Thanmires Quariniri
 
Mario de Andrade
Mario de AndradeMario de Andrade
Mario de Andrade
Maria Luisa Bonizio
 
Mario de Andrade
Mario de AndradeMario de Andrade
Mario de Andrade
Taís Melo
 
Ecossistemas em mudanca sucessao ecologica
Ecossistemas em mudanca   sucessao ecologicaEcossistemas em mudanca   sucessao ecologica
Ecossistemas em mudanca sucessao ecologica
Rita Pereira
 
Mário de Andrade
Mário de AndradeMário de Andrade
Mário de Andrade
Miguel D' Amorim
 
Associação de resistores em série 2
Associação de resistores em série 2Associação de resistores em série 2
Associação de resistores em série 2
Fabiana Gonçalves
 
Dinâmica de comunidades e ecossistemas 3ª aula
Dinâmica de comunidades e ecossistemas   3ª aulaDinâmica de comunidades e ecossistemas   3ª aula
Dinâmica de comunidades e ecossistemas 3ª aula
Lucilene G.O. Adonai
 
Visita virtual - Associação Apostolado do Sagrado Coração de Jesus
Visita virtual - Associação Apostolado do Sagrado Coração de Jesus Visita virtual - Associação Apostolado do Sagrado Coração de Jesus
Visita virtual - Associação Apostolado do Sagrado Coração de Jesus
Associação Apostolado do Sagrado Coração de Jesus
 
Mário de andrade
Mário de andradeMário de andrade
Mário de andrade
Jessica Silva
 
A semana-da-arte-moderna
A semana-da-arte-modernaA semana-da-arte-moderna
A semana-da-arte-moderna
welyca
 
A semana de arte moderna de 1922
A semana de arte moderna de 1922A semana de arte moderna de 1922
A semana de arte moderna de 1922
ma.no.el.ne.ves
 
Semana de 22
Semana de 22Semana de 22
Semana de 22
Lízia Fiaux
 
Antecedentes E A Semana De Arte Moderna De
Antecedentes E A Semana De Arte Moderna DeAntecedentes E A Semana De Arte Moderna De
Antecedentes E A Semana De Arte Moderna De
guest176a06
 
semana 22 resumo
  semana 22 resumo  semana 22 resumo
semana 22 resumo
Denise Lugli
 
SEMANA DE 22
SEMANA DE 22SEMANA DE 22
SEMANA DE 22
joelsyd
 
Modernismo
ModernismoModernismo
Modernismo
Maria da Paz
 
Mitos indígenas em macunaíma, de mário de
Mitos indígenas em macunaíma, de mário deMitos indígenas em macunaíma, de mário de
Mitos indígenas em macunaíma, de mário de
Professor Rômulo Viana
 

Destaque (20)

Webgincana da Semana de Arte Moderna de 1922
Webgincana da Semana de Arte Moderna de 1922Webgincana da Semana de Arte Moderna de 1922
Webgincana da Semana de Arte Moderna de 1922
 
Arte moderna slide
Arte moderna slideArte moderna slide
Arte moderna slide
 
Semana de arte moderna
Semana de arte modernaSemana de arte moderna
Semana de arte moderna
 
Semana da Arte Moderna e Modernismo
Semana da Arte Moderna e ModernismoSemana da Arte Moderna e Modernismo
Semana da Arte Moderna e Modernismo
 
Mario de Andrade
Mario de AndradeMario de Andrade
Mario de Andrade
 
Mario de Andrade
Mario de AndradeMario de Andrade
Mario de Andrade
 
Ecossistemas em mudanca sucessao ecologica
Ecossistemas em mudanca   sucessao ecologicaEcossistemas em mudanca   sucessao ecologica
Ecossistemas em mudanca sucessao ecologica
 
Mário de Andrade
Mário de AndradeMário de Andrade
Mário de Andrade
 
Associação de resistores em série 2
Associação de resistores em série 2Associação de resistores em série 2
Associação de resistores em série 2
 
Dinâmica de comunidades e ecossistemas 3ª aula
Dinâmica de comunidades e ecossistemas   3ª aulaDinâmica de comunidades e ecossistemas   3ª aula
Dinâmica de comunidades e ecossistemas 3ª aula
 
Visita virtual - Associação Apostolado do Sagrado Coração de Jesus
Visita virtual - Associação Apostolado do Sagrado Coração de Jesus Visita virtual - Associação Apostolado do Sagrado Coração de Jesus
Visita virtual - Associação Apostolado do Sagrado Coração de Jesus
 
Mário de andrade
Mário de andradeMário de andrade
Mário de andrade
 
A semana-da-arte-moderna
A semana-da-arte-modernaA semana-da-arte-moderna
A semana-da-arte-moderna
 
A semana de arte moderna de 1922
A semana de arte moderna de 1922A semana de arte moderna de 1922
A semana de arte moderna de 1922
 
Semana de 22
Semana de 22Semana de 22
Semana de 22
 
Antecedentes E A Semana De Arte Moderna De
Antecedentes E A Semana De Arte Moderna DeAntecedentes E A Semana De Arte Moderna De
Antecedentes E A Semana De Arte Moderna De
 
semana 22 resumo
  semana 22 resumo  semana 22 resumo
semana 22 resumo
 
SEMANA DE 22
SEMANA DE 22SEMANA DE 22
SEMANA DE 22
 
Modernismo
ModernismoModernismo
Modernismo
 
Mitos indígenas em macunaíma, de mário de
Mitos indígenas em macunaíma, de mário deMitos indígenas em macunaíma, de mário de
Mitos indígenas em macunaíma, de mário de
 

Semelhante a Arte Moderna

Semana 2.0
Semana 2.0Semana 2.0
Semana 2.0
José Ricardo Lima
 
Modernismo e suas gerações no brasil sintetico
Modernismo e suas gerações no brasil sinteticoModernismo e suas gerações no brasil sintetico
Modernismo e suas gerações no brasil sintetico
Carlos Zaranza
 
A
AA
Literatura aula 22 - modernismo no brasil
Literatura   aula 22 - modernismo no brasilLiteratura   aula 22 - modernismo no brasil
Literatura aula 22 - modernismo no brasil
Juliana Oliveira
 
Trabalho de pt
Trabalho de ptTrabalho de pt
Trabalho de pt
andrezinhacesar
 
Modernismo no Brasil
Modernismo no BrasilModernismo no Brasil
Modernismo no Brasil
alinesantana1422
 
Aula 22 modernismo no brasil
Aula 22   modernismo no brasilAula 22   modernismo no brasil
Aula 22 modernismo no brasil
Jonatas Carlos
 
Modernismo Brasileiro
Modernismo BrasileiroModernismo Brasileiro
Modernismo Brasileiro
Andrea Dressler
 
Artes semana da arte moderna
Artes  semana da arte modernaArtes  semana da arte moderna
Artes semana da arte moderna
Edwin Juan
 
Semana da arte moderna
Semana da arte modernaSemana da arte moderna
Semana da arte moderna
ViniciusMSSantos
 
Modernismo
ModernismoModernismo
Modernismo
PATRICIA VIANA
 
MODERNISMO.pptx
MODERNISMO.pptxMODERNISMO.pptx
MODERNISMO.pptx
kowe2
 
Semana De Arte Moderna - Prof. Kelly Mendes - Literatura
Semana De Arte Moderna - Prof. Kelly Mendes - LiteraturaSemana De Arte Moderna - Prof. Kelly Mendes - Literatura
Semana De Arte Moderna - Prof. Kelly Mendes - Literatura
Hadassa Castro
 
semana-da-arte-moderna-e-manifestos-modernistas-para-os-3os-anos.ppt
semana-da-arte-moderna-e-manifestos-modernistas-para-os-3os-anos.pptsemana-da-arte-moderna-e-manifestos-modernistas-para-os-3os-anos.ppt
semana-da-arte-moderna-e-manifestos-modernistas-para-os-3os-anos.ppt
billieeilish3214553
 
Arte MODERNA.pptx
Arte MODERNA.pptxArte MODERNA.pptx
Arte MODERNA.pptx
Marcia Tavares
 
Modernismo no Brasil - 1ª fase
Modernismo no Brasil - 1ª faseModernismo no Brasil - 1ª fase
Modernismo no Brasil - 1ª fase
Miriam Zelmikaitis
 
Semana de-arte-moderma
Semana de-arte-modermaSemana de-arte-moderma
Semana de-arte-moderma
Jose Arnaldo Silva
 
01 modernismo - 1a fase - 3o ano
01   modernismo - 1a fase - 3o ano01   modernismo - 1a fase - 3o ano
01 modernismo - 1a fase - 3o ano
jasonrplima
 
1 fase do modernismo brasileiro
1 fase do modernismo brasileiro1 fase do modernismo brasileiro
1 fase do modernismo brasileiro
Miguel D' Amorim
 
1 fase do modernismo brasileiro
1 fase do modernismo brasileiro1 fase do modernismo brasileiro
1 fase do modernismo brasileiro
Miguel D' Amorim
 

Semelhante a Arte Moderna (20)

Semana 2.0
Semana 2.0Semana 2.0
Semana 2.0
 
Modernismo e suas gerações no brasil sintetico
Modernismo e suas gerações no brasil sinteticoModernismo e suas gerações no brasil sintetico
Modernismo e suas gerações no brasil sintetico
 
A
AA
A
 
Literatura aula 22 - modernismo no brasil
Literatura   aula 22 - modernismo no brasilLiteratura   aula 22 - modernismo no brasil
Literatura aula 22 - modernismo no brasil
 
Trabalho de pt
Trabalho de ptTrabalho de pt
Trabalho de pt
 
Modernismo no Brasil
Modernismo no BrasilModernismo no Brasil
Modernismo no Brasil
 
Aula 22 modernismo no brasil
Aula 22   modernismo no brasilAula 22   modernismo no brasil
Aula 22 modernismo no brasil
 
Modernismo Brasileiro
Modernismo BrasileiroModernismo Brasileiro
Modernismo Brasileiro
 
Artes semana da arte moderna
Artes  semana da arte modernaArtes  semana da arte moderna
Artes semana da arte moderna
 
Semana da arte moderna
Semana da arte modernaSemana da arte moderna
Semana da arte moderna
 
Modernismo
ModernismoModernismo
Modernismo
 
MODERNISMO.pptx
MODERNISMO.pptxMODERNISMO.pptx
MODERNISMO.pptx
 
Semana De Arte Moderna - Prof. Kelly Mendes - Literatura
Semana De Arte Moderna - Prof. Kelly Mendes - LiteraturaSemana De Arte Moderna - Prof. Kelly Mendes - Literatura
Semana De Arte Moderna - Prof. Kelly Mendes - Literatura
 
semana-da-arte-moderna-e-manifestos-modernistas-para-os-3os-anos.ppt
semana-da-arte-moderna-e-manifestos-modernistas-para-os-3os-anos.pptsemana-da-arte-moderna-e-manifestos-modernistas-para-os-3os-anos.ppt
semana-da-arte-moderna-e-manifestos-modernistas-para-os-3os-anos.ppt
 
Arte MODERNA.pptx
Arte MODERNA.pptxArte MODERNA.pptx
Arte MODERNA.pptx
 
Modernismo no Brasil - 1ª fase
Modernismo no Brasil - 1ª faseModernismo no Brasil - 1ª fase
Modernismo no Brasil - 1ª fase
 
Semana de-arte-moderma
Semana de-arte-modermaSemana de-arte-moderma
Semana de-arte-moderma
 
01 modernismo - 1a fase - 3o ano
01   modernismo - 1a fase - 3o ano01   modernismo - 1a fase - 3o ano
01 modernismo - 1a fase - 3o ano
 
1 fase do modernismo brasileiro
1 fase do modernismo brasileiro1 fase do modernismo brasileiro
1 fase do modernismo brasileiro
 
1 fase do modernismo brasileiro
1 fase do modernismo brasileiro1 fase do modernismo brasileiro
1 fase do modernismo brasileiro
 

Arte Moderna

  • 1. A Semana da Arte Moderna
  • 2. LEITOR: ESTÁ FUNDADO O DESVAIRISMO. (Mário de Andrade) Poética Estou farto do lirismo comedido Do lirismo bem comportado Do lirismo funcionário público com livro de ponto [expediente protocolo e manifestações [de apreço ao Sr. diretor. Estou farto do lirismo que pára e vai averiguar no [dicionário o cunho vernáculo* de um vocábulo. Abaixo os puristas* Todas as palavras sobretudo os barbarismos* universais Todas as construções sobretudo as sintaxes de exceção Todos os ritmos sobretudo as inumeráveis” Mário de Andrade
  • 3. “ O Modernismo” Embora as primeiras manifestações modernistas já viessem surgindo em São Paulo desde 1911, é somente na década de 1920, principalmente a partir da Semana de Arte Moderna (1922). Que o Modernismo se difunde e se solidifica em nosso país .
  • 4. A Semana da Arte Moderna
  • 5. O Modernismo início com a Semana da Arte Moderna. Foi realizado no Teatro Municipal de São Paulo.
  • 6. Realizado nos dias: 13, 15 e 17 de Fevereiro de 1922. Seu objetivo pretendia colocar a cultura brasileira a par das correntes de vanguarda do pensamento Europeu. Pregava a tomada de consciência.
  • 7. Influência sobre a Sociedade A Semana da Arte Moderna deve ser vista não só como um movimento artístico, mas também como um movimento político e social. O movimento modernista foi o prenunciador o preparador por muitas vezes o criador de um estado de espírito nacional .
  • 8. Os senhores rurais voltam ao poder fortalecidos pela economia do café que girava em torno de São Paulo e Minas Gerais. A partir do governo de Campos Sales foi instituída “política dos governadores”, beneficiando grandes propriedades rurais que revezavam no poder, a Política do Café com Leite.
  • 9. A Sociedade na Época A Primeira Guerra Mundial foi a responsável pelo surto de industrialização e conseqüente urbanização, causando o surgimento da burguesia industrial forte mas marginalizada. Aumento do número de imigrantes Europeus
  • 10. A Sociedade na Época Era um Brasil divido entre o rural e o urbano. Nesta época em São Paulo encontrava-se todos os tipos de pessoas com diferentes profissões. “ paulicéia desvairada”, palco ideal para a realização de um evento que mostrou uma arte inovadora, a romper com velhas estruturas
  • 11. A Semana de Arte Moderna apresentou uma lado político de ataque à aristocracia à burguesia.
  • 12.  
  • 13. Antecedentes da Semana 1912- Oswald de Andrade introduz a novidades futurísticas; 1913- exposição do pintor Lasar Sagall; 1914- Anita Malfatti exibi pintura expressionista; 1915- marco inicial do Modernismo em Portugal; 1916- primeira Redação de Memórias sentimentais de João Miramar, Oswald de Andrade; 1917- Oswald de Andrade fica amigo de Mario de Andrade;
  • 14. Antecedentes da Semana 1918 – Guilherme de Almeida publica Missidor e Manuel Bandeira publica Carnaral; 1920 – o grupo de modernistas descobre Victor Brecheret.
  • 15. A Realização do Evento As primeiras informações da Semana da Arte Moderna foram divulgados pela imprensa paulista em 29 de janeiro de 1922. O Correio Paulistano relaciona todos os participantes do evento. Mario Brito diz :”... A Semana de Arte Moderna representa as mais modernas correntes artísticas ...”
  • 16. A Realização do Evento Muitas notícias criam um clima de expectativa. Várias pinturas esculturas são espalhadas pela região do Teatro, e provocaram reações de espanto e repúdio. Os trabalhos de Victor Brecheret e Anita Malfatti eram os mais usados .
  • 17. A Realização do Evento A emoção Epitética na Arte Moderna acompanhada da música de Ernoni Braga e da poesia de Ronald de Carvalho e de Guilherme de Almeida foi o primeiro espetáculo de 13 de fevereiro. Pintura e Escultura de Ronald de Carvalho ,solos de piano de Ernoni Braga e três danças africanas de Villa Lobos. No segundo espetáculo do dia 15 de fevereiro anunciava,
  • 18. A Realização do Evento a atração foi uma conferência de Menotti Del Picchia sobre arte e estética. Leitura de textos de Oswald de Andrade,Mário de Andrade e Plínio Salgado. Durante o intervalo, Mário de Andrade lê das escadas do teatro,trechos de “ A escrava que não é Isaura”.
  • 19. A Realização do Evento Em 17 de fevereiro realizou-se o terceiro ultimo grande festival da SAM. Apresentação de músicas de Villa Lobos. O maestro Villa Lobos entra em cena de casaca e chinelos... O público interpretou a atitude como futurista e vaiou.
  • 20. Documentação A SAM foi documentada em muitos jornais e telejornais da época: - A Gazeta (SP) - Folha do Norte (SP) -O Estado de São Paulo (SP) -Correio Paulistano (SP)
  • 21. Organizadores Os organizadores foram: Manuel Bandeira; Mário de Andrade; Guilherme de Almeida; Paulo Prado; Gofredo Silva Telles; Oswald de Andrade.
  • 22. “ A semana foi ganhando aos poucos grande importância histórica, representou a confluência das várias tendências de renovação que vinham ocorrendo na arte e na cultura brasileira. o Modernismo no Brasil foi como uma raptura, foi um abandono de princípios e técnicas conseqüentes, foi uma revolta contra o que era a Inteligência nacional”.
  • 24. Mário de Andrade, com suas conferências, leituras de poemas e publicações em jornais foi uma das personalidades mais ativas da Semana.   Oswald de Andrade talvez fosse um dos artistas que melhor representavam o clima de ruptura que o evento procurava criar. Manuel Bandeira, mesmo distante, provocou inúmeras reações de agrado e de ódio devido a seu poema "Os Sapos", que fazia uma sátira do Parnasianismo, esse poema que foi lido durante o evento
  • 25. Anunciava "coleções de disparates" como "aquele Gênio supliciado, aquele homem amarelo, aquele carnaval alucinante, aquela paisagem invertida" são temas da exposição plástica da semana, - "uma poesia liberta, uma música extravagante, mas transcendente" que iriam "revoltar aqueles que reagem movidos pelas forças do Passado." A música estava representada por autores consagrados, como Villa-Lobos, Guiomar Novais, Ernani Braga e Frutuoso Viana.
  • 26. São Paulo dos anos 20 era a cidade que melhor apresentava condições para a realização de tal evento. Era uma próspera cidade, que recebia grande número de imigrantes europeus e modernizava-se rapidamente. Era,uma cidade favorável a ser transformada num centro cultural da época, abrigando vários jovens artistas. 
  • 27. Logo após a realização da Semana, alguns artistas fundamentais que dela participaram acabam voltando para a Europa dificultando a continuidade do processo que se iniciara. Por outro lado, outros artistas igualmente importantes chegavam após estudos no continente, como Tarsila do Amaral, um dos grandes pilares do Modernismo Brasileiro.
  • 29. .Sonata II de violoncelo e piano - (1916) 2. Trio Segundo : violino, violoncelo e piano - (1916) 3. Solos de piano: Ernani Braga 4 Otteto - ( Três danças africanas ): 5. Solos de piano: Guiomar Novaes: 6. Canto e piano 7. Quarteto Terceiro (cordas 1916) 8. Trio Terceiro - violino, violoncelo e piano - (1918) 9. Canto e piano: Mario Emma e Lucília Villa Lobos. 10) Sonata Segunda - violino e piano - (1914) 11) Quarteto Simbólico - Impressões da vida mundana) - flauta,1 saxofônico, celesta e harpa ou piano
  • 30.  
  • 31.