Avape e Centro Paula Souza - A Inclusão da Pessoa com Deficiência

1.151 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.151
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
22
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Avape e Centro Paula Souza - A Inclusão da Pessoa com Deficiência

  1. 1. A Inclusão da Pessoa com Deficiência
  2. 2. Paciência e persistência...
  3. 3. Paciência e persistência...
  4. 4. Promover as competências das pessoas com deficiência, visando sua autonomia, segurança e dignidade para o exercício da cidadania. MISSÃO
  5. 5. E o que é competência
  6. 6. Definição clássica de competência (CHA)
  7. 7. Pessoas podem ser competentes ...
  8. 10. Renoir, o gênio impressionista Artrite Reumatóide
  9. 13. Akhnotón: Um faraó egípcio
  10. 14. Fonte: NY Carlsberg Glyptotek de Copenhague, Dinamarca (museu de artes) Egito Antigo, 1.300 a. C. Ao alto da Estela está inscrita sua dedicatória com hieróglifos originalmente coloridos de azul: "À Deusa Astarte". E, no campo principal, logo abaixo, vemos claramente a identificação do "porteiro Roma", sua esposa "Amaô" e seu filho "Ptahemheb ".
  11. 15. Dr. Ricardo Tadeu M. Fonseca Procurador do Ministério Público do Trabalho Fonte: Revista Sentidos – Fevereiro/ Março - 2007
  12. 16. Educação para o Trabalho
  13. 17. É o eixo da competência pessoal. É a relação do indivíduo consigo mesmo, desenvolvendo e fortalecendo sua identidade, auto-estima, auto-conceito, autoconfiança, autodeterminação,auto cuidado. <ul><ul><ul><ul><li>APRENDER A SER </li></ul></ul></ul></ul>
  14. 18. Dedicar-se <ul><li>Menos </li></ul><ul><li>Mais </li></ul>Ao volume de conteúdos. À formação INTEGRAL. Habilidades e Competências
  15. 19. É o eixo da competência cognitiva. Trata-se de preparar o indivíduo para ser um caçador de conhecimentos, ou seja, criar o desejo de educar-se constantemente, cuidando do seu próprio desenvolvimento, do autodidatismo. APRENDER A APRENDER
  16. 20. É o eixo da competência produtiva. Mais do que desenvolvimento de habilidades voltadas para a qualificação profissional, mas, em sentido ampliado, preparando o indivíduo para enfrentar e superar experiências sociais de maneira efetiva. APRENDER A FAZER
  17. 21. É o eixo da competência relacional. É a relação do indivíduo com os outros e com o meio-ambiente entendida na sua concepção mais ampla. Relaciona-se com a cidadania, com a participação e a democracia. APRENDER A CONVIVER
  18. 22. Não tem mais o foco apenas no conhecimento dos conceitos, mas também visa observar as habilidades e competências Exigências da sociedade moderna
  19. 23. Dedicar-se... <ul><li>Menos </li></ul><ul><li>Mais </li></ul>Aos conteúdos conceituais. Incorporar as informações. Aos conteúdos procedimentais e atidudinais. Saber: fazer, aprender, conviver, ser
  20. 24. Em síntese ...
  21. 25. Metodologia da AVAPE ...
  22. 26. Inclusão no mundo do trabalho Recrutamento e Seleção / SAI Programa de Capacitação Programa de Reabilitação Profissional
  23. 27. Inclusão é via de mão dupla Pessoa Empresa Acompanhamento Inclusão Recursos de Acessibilidade Palestras de sensibilização Análise Ocupacional Mapeamento Jovem Aprendiz Capacitação Reabilitação Profissional Reabilitação Clínica
  24. 28. Em 1982, quando era um guia de montanha, o neozelandês Mark Inglis sofreu a amputação de suas pernas acima do joelho. Ele foi resgatado depois de 14 dias preso em uma cavidade de gelo no Monte Cook, na Nova Zelândia, de 3.754 metros Inglis se tornou a primeira pessoa a conquistar o Everest com duas pernas artificiais, realizando um sonho que começou com a dupla amputação, em 1982. Em 15/05/06 Inlis alcançou o cume do pico mais alto do mundo (8.848 metros), o Monte Everest.
  25. 30. Metodologia da AVAPE ...
  26. 31. Flávio Gonzalez [email_address] (11) 4993-9200

×