DIAGNÓSTICO
QUILOMBOLA
PARTICIPATIVO
DIAGNÓSTICO
QUILOMBOLA
PARTICIPATIVO
PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS...
OBJETIVO GERAL:
Fomentar o processo de formação/capacitação Quilombola diferenciada
– direcionada à gestão dos territórios...
METODOLOGIA
 A proposta metodológica é desenvolver atividades que criem, entre os
participantes, uma relação de confiança...
RESULTADO DESEJADO:
Comunidade de Tabatinga com acesso ao
processo político, formação em direitos
Quilombolas, políticas p...
ELEMENTOS QUE ORIENTAM O TRABALHO:
 Enfoque participativo: como forma de propiciar o debate e a troca de
experiência entr...
Princípios
Objetividade
Princípios Em vez
de...
Discursos
intermináveis
Todos atuam durante o
evento
Condução
compartilhad...
Questionário diagnóstico participativo
Projeto: Politização da comunidade Tabatinga
Município:
Estado:
DADOS PESSOAIS:
Ent...
1 – Quais são os rios, lagos, riachos e nascentes que existem no
município/região?
2 – Quais os tipos de Floresta existent...
7 – Quais são as principais atividades produtivas desenvolvidas no
município (agricultura, pecuária, mineração, pesca, art...
Agricultura
10 – Como se caracteriza a posse da terra no município (existem grandes
propriedades com agricultura extensiva...
Pecuária
25 – Que tipo de criação é mais comum no município?
26 – Há desmatamento para abrir frente para a pecuária? Em qu...
Artesanato
31 – Existe artesanato local? Qual? A comunidade se organizam para a
produção (em cooperativas ou associações)?...
Energia elétrica
37 – Há algum programa social (como o Luz para todos), na cidade?
Serviços de saúde
38 – Qual é a situaçã...
Acesso a moradia
43 – A maioria das pessoas tem casa própria, ou são poucos?
44 – O programa do governo Minha casa minha v...
SEGURANÇA PÚBLICA:
48 – Em caso de conflitos de terras e urbanos, a segurança pública
garante a integridade física dos env...
CONSELHOS:
53 – Que Conselhos existem no município (saúde, educação, segurança
alimentar, dos direitos da comunidade)? Em ...
REFERÊNCIA
 FREIRE, Paulo. Extensão ou Comunicação. Ed. Paz e Terra
 Textos da disciplina de metodologia participativa d...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Comunidade Quilombola Tabatinga

129 visualizações

Publicada em

Politização e Luta

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
129
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Comunidade Quilombola Tabatinga

  1. 1. DIAGNÓSTICO QUILOMBOLA PARTICIPATIVO DIAGNÓSTICO QUILOMBOLA PARTICIPATIVO PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS (PUC-MG) INSTITUIÇÃO DE CIÊNCIAS HUMANAS (ICH) OFICINA DE INTEGRAÇÃO CURRICULAR COMUM: METODOLOGIAS PARTICIPATIVAS POLITIZAÇÃO E LUTA Carlos Eduardo Mota Cláudio de Oliveira Guedes Emerson Lázaro Sebastião de Andrade Flávio Sergio da Silva Rosario de Jesus Martins
  2. 2. OBJETIVO GERAL: Fomentar o processo de formação/capacitação Quilombola diferenciada – direcionada à gestão dos territórios – politização da comunidade.
  3. 3. METODOLOGIA  A proposta metodológica é desenvolver atividades que criem, entre os participantes, uma relação de confiança e respeito mútuo, a partir de experiências de vida e do conhecimento já acumulado por homens e mulheres em vários momentos de suas vidas.  Nesta perspectiva, propõem-se dinâmicas para que suas experiências – vivenciadas em vários espaços sociais e culturais – tomem visibilidade no espaço e tempo das atividades propostas. Nesta metodologia não há uma hierarquização de pessoas e conhecimentos, pois Paulo Freire cita a interpretação do dialogo frente a extensão.
  4. 4. RESULTADO DESEJADO: Comunidade de Tabatinga com acesso ao processo político, formação em direitos Quilombolas, políticas públicas eficazes, gestão territorial com direito a titulação da terra, promovidas por treinamento local e intercâmbio de experiências.
  5. 5. ELEMENTOS QUE ORIENTAM O TRABALHO:  Enfoque participativo: como forma de propiciar o debate e a troca de experiência entre os diferentes participantes do ICH;  Professor-Facilitador: professores Lorene dos Santos e Ricardo Ferreira Ribeiro com o objetivo de propiciar o processo metodológico; Visualização através de mapa como forma de permitir o registro visual de todo o processo de construção coletiva; Trabalho em Grupo com o objetivo de permitir um maior intercâmbio entre os participantes no processo de discussão e na construção de ideias que estimulem os participantes; Sessões Plenárias são os momentos de aprofundamento das discussões, socialização das ideias e de novas construções coletivas, através dos debates. É o momento em que o grupo, através do consenso, toma as decisões relativas aos encaminhamentos da Proposta de politização da Comunidade;
  6. 6. Princípios Objetividade Princípios Em vez de... Discursos intermináveis Todos atuam durante o evento Condução compartilhada Pautas impostas Responsabilidade compartilhada do que está sendo feito Problematização “Receitas Prontas” Todos contribuem com o seu conhecimento Diálogo ativo Consumo Passivo Oportunidade para a troca de ideias e construção de um “consenso”
  7. 7. Questionário diagnóstico participativo Projeto: Politização da comunidade Tabatinga Município: Estado: DADOS PESSOAIS: Entrevistado: Idade: Sexo: ( ) Masculino ( ) Feminino Escolaridade: Profissão/ cargo: Local de trabalho:
  8. 8. 1 – Quais são os rios, lagos, riachos e nascentes que existem no município/região? 2 – Quais os tipos de Floresta existentes na região? 3 – Quais atividades extrativistas são desenvolvidas no município/região (de madeira, borrachas, ceras, fibras, frutos, produtos, medicinais etc.)? 4 – Esses produtos são exportados ou enviados a outros Estados? 5 – A terra local é rica em minérios (ferro, bauxita, manganês, calcário etc.)? 6 – Existem no município políticas de preservação dos recursos naturais? Como funcionam? RECURSOS NATURAIS:
  9. 9. 7 – Quais são as principais atividades produtivas desenvolvidas no município (agricultura, pecuária, mineração, pesca, artesanato)? 8 – Das atividades produtivas do município, quais são desenvolvidas pelas mulheres (trabalham na terra, no serviço público, são empregadas domésticas, do comércio, de empresas)? ATIVIDADES PRODUTIVAS NA REGIÃO:
  10. 10. Agricultura 10 – Como se caracteriza a posse da terra no município (existem grandes propriedades com agricultura extensiva, monocultura)? 11 – A terra é considerada boa para a agricultura? 12 – E m sua opinião, qual é a importância da agricultura para a economia local? 13 – E qual a importância da agropecuária para a economia local? 14 – A agricultura familiar é representativa no município? 15 – As/os agricultores em geral têm posse legal da terra (são meeiros, arrendam, trabalham na terra de outros, há assentamentos/colonos)? 16 – Quais os principais problemas vivenciados pelos agricultores? 17 – Há luta/conflitos de terra no município/região? De que tipo? 18 – Existem políticas públicas na área rural (PRONAF, PAA, PNAE, Programa Terra Legal ou outros)? 19 – Existem outros programas para os agricultores na esfera municipal e estadual? 20 – Quais os principais cultivos? 21 – Que produtos agrícolas são comercializados? 22 – As mulheres estão presentes nas etapas de produção e comercialização? 23 – Quais produtos excedentes são vendidos localmente? 24 – Como a produção é escoada (como se dá o transporte dos produtos)? TIPOS DE PRODUÇÃO:
  11. 11. Pecuária 25 – Que tipo de criação é mais comum no município? 26 – Há desmatamento para abrir frente para a pecuária? Em que extensão? Mineração 27 – Existe minério no município? E empresas de mineração na região? 28 – Os trabalhadores são do município ou de fora? Existem problemas decorrentes dessa atividade? Quais? Indústria 29 – Existem indústrias, empresas, fábricas no município? De quê? As pessoas da comunidade trabalham nelas? 30 – Que tipo de atividade as pessoas da comunidade desenvolvem nessas empresas, indústrias e fábricas?
  12. 12. Artesanato 31 – Existe artesanato local? Qual? A comunidade se organizam para a produção (em cooperativas ou associações)? Têm acesso a microcrédito? MEIO AMBIENTE 32 – Quais os problemas ambientais mais graves da região? 33 – De que são decorrentes? 34 – Como é a atuação dos órgãos governamentais responsáveis? CONDIÇÕES DE VIDA: Água 35 – As pessoas têm acesso a água? Como (água encanada, de poço, de rio)? 36 – Há falta d´água com frequência? Existe saneamento básico/tratamento de esgoto?
  13. 13. Energia elétrica 37 – Há algum programa social (como o Luz para todos), na cidade? Serviços de saúde 38 – Qual é a situação da saúde no município? Existem dados para pesquisa? Há atendimento hospitalar? E qual é a sua qualidade? 39 – Há postos de saúde? Quantos? Onde? Que tipo de atendimento é feito? 40 – Existe atendimento de prevenção, de contracepção? 41 – O município realiza convênios com o Governo Federal? Quais? Coleta de lixo 42 – Há coleta regular de lixo doméstico no município (área urbana e rural)? Há problemas com o descarte de resíduos perigosos (metais pesados, lixo industrial etc.)?
  14. 14. Acesso a moradia 43 – A maioria das pessoas tem casa própria, ou são poucos? 44 – O programa do governo Minha casa minha vida está presente no município? E outros programas municipais ou estaduais? Quais? Alimentação 45 – Qual é a base alimentar local? Existem feiras semanais? Onde os alimentos são adquiridos? Lazer 46 – O que as pessoas/jovens fazem para se divertir? Vão ao cinema, praticam esportes, assistem televisão? Transporte 47 – Há transporte público na região? Como as pessoas se locomovem?
  15. 15. SEGURANÇA PÚBLICA: 48 – Em caso de conflitos de terras e urbanos, a segurança pública garante a integridade física dos envolvidos? As lideranças sindicais, as lideranças de da comunidade contam com a segurança pública? ORGANIZAÇÃO SOCIAL: 49 – Existem ONGs na localidade? São voltadas para assegurar os direitos humanos, para as crianças e adolescentes, da comunidade geral? Que tipo de trabalho desenvolvem? MOVIMENTOS SOCIAIS: 50 – Existem movimentos sociais organizados (movimento da comunidade, sindicatos, movimentos urbanos)? Quais? Como eles atuam? 51 – Possuem visibilidade na região? Como é a relação dos movimentos sociais e o governo local? Há divisões, conflitos? Em que nível? 52 – É possível saber quantas organizações existem no município e quais são elas? Há dados numéricos de associadas?
  16. 16. CONSELHOS: 53 – Que Conselhos existem no município (saúde, educação, segurança alimentar, dos direitos da comunidade)? Em quais deles a comunidade tem acesso? TITULAÇÃO DAS TERRAS: 54 – A comunidade sabe dá importância da titulação das terras? 55 – Vocês sabem que terra está relacionado com o poder? Sendo assim, qual meio vocês apontam para se conseguir a titulação das terras? POLÍTICAS PÚBLICAS: 56 – O que vocês acham das políticas públicas criadas pelo governo? Elas atendem a comunidade?
  17. 17. REFERÊNCIA  FREIRE, Paulo. Extensão ou Comunicação. Ed. Paz e Terra  Textos da disciplina de metodologia participativa do professor Ricardo

×