Apresentação Travessias Digitais

151 visualizações

Publicada em

CURSO DE INTRODUÇÃO À EDUCAÇÃO DIGITAL - PROINFO
PROJETO DE PESQUISA E APRENDIZAGEM:
TRAVESSIAS DIGITAIS: Sobre a responsabilidade de todos os educadores na formação de alunos cuidantes dentro das mídias sociais

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
151
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação Travessias Digitais

  1. 1. TRAVESSIAS DIGITAIS: Sobre a responsabilidade de todos os educadores na formação de alunos cuidantes dentro das mídias sociais Escola Municipal Santa Terezinha Catia Maria S. de V. Vianna Giovana Helena A. S. Castilho Outubro / 2011
  2. 2. - Crianças e jovens em contato com um “mar” de informações e relações estabelecidas em ambientes de cultura digital. - Orientar nossos alunos nessas “travessias digitais”. - Focar na formação de alunos “cuidantes” (Boff, 2009) dentro das mídias sociais. - Condução segura desse processo de interação com as mídias: papel de quem? Apresentação
  3. 3. Mídias Sociais: o que são? - São “sistemas online projetados para permitir a interação social a partir do compartilhamento e da criação colaborativa de informação nos mais diversos formatos” (Wikipedia, 2011)
  4. 4. Uso das mídias sociais em ambiente escolar - Como as escolas usam o potencial de interação, comunicação, cooperação e construção do conhecimento que as mídias sociais oferecem? - Se usam, como as usam? - Estariam as crianças sendo devidamente orientadas a respeito de todo o cuidado que deve ser cercada qualquer relação comunicativa que se estabelece na rede?
  5. 5. - Todos os atores da comunidade escolar devem zelar pela formação adequada das crianças usuárias de mídias sociais.
  6. 6. - A alfabetização digital (Celso Niskier) inclui: - "aprender a colaborar, aprender a usar a informação, aprender a resolver problemas e aprender a aprender". As habilidades chaves desta nova alfabetização dependem:  da aprendizagem de ferramentas de comunicação digital ;  da existência de redes para acessar , manipular , criar e avaliar informação.
  7. 7. Como criar posturas autônomas e críticas dentro das mídias sociais? - Uso de mídias sociais dentro da sala de aula vinculadas às suas potencialidades educativas. - Educar os sujeitos para que sejam críticos, criativos e "cuidantes" (Boff).
  8. 8. Críticos...
  9. 9. Criativos...
  10. 10. Cuidantes...
  11. 11. Inclusão digital / Alfabetização digital - Segurança do conteúdo. - Entretenimento e consumo x Meios de expressão e Comunicação com a comunidade.
  12. 12. Rotina de Segurança - Compreender os riscos: Pornografia infantil, exploração sexual, o copyright , direitos autorais, cyberbulling , cultura hacker, pirataria, criminalização de troca de arquivos (filmes e músicas) etc.
  13. 13. Rotinas de segurança - com a sua Identidade Digital; - com sua Reputação Online e uso de Imagem (fotos e vídeos); - com conteúdos em geral da web; - com a navegação; - com sites de relacionamento; - com os golpes virtuais, pedofilia e pirataria; - com os Direitos Autorais; - com às leis em geral; - com responsabilidades dos usuários; - o que fazer se for envolvido em um incidente.
  14. 14. Cartilhas disponíveis na rede http://www.criancamaissegura.com.br/cartilha.asp http://hosting.pop.com.br/educando/criancas/ http://www.internetresponsavel.com.br/pdf/educandogvt/cartilha_gvt_criancas.pdf http://www.criancamaissegura.com.br/livro-internet-segura-maluquinho.pdf http://www.ache.com.br/_anexos/Midias-Sociais.pdf
  15. 15. Conclusão - A Escola e toda sociedade não deve fugir ou se abster de ser um agente orientador, contribuindo para a propagação do uso correto das novas tecnologias.
  16. 16. - E quando as dificuldades se colocarem à nossa frente, produzidas por ondas revoltas em nossas “travessias digitais”, usemos a bússola do bom senso, pois na aventura do aprender... A tecnologia “ em lugar de reduzir, pode expandir a capacidade crítica e criativa... Depende de quem a usa a favor de quê e de quem e para quê.” (Paulo Freire)
  17. 17. Referências bibliográficas BOFF, Leonardo.Críticos, criativos, cuidantes. Revista de Liturgia nº 216 Novembro/Dezembro de 2009. FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários a prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 1996. DEMO, Pedro.Espaços de aprendizagem. Disponível em http://pedrodemo.blog.uol.com.br/ RAMOS, Daniela. Quatro passos da alfabetização digital. Disponível em http://educarparacrescer.abril.com.br/ aprendizagem/alfabetizacao-digital-429745.shtml?page=page1 PINHEIRO, Patrícia. Cartilha Criança mais segura na internet. ABA. Disponível em http://www.criancamaissegura.com.br/cartilha.asp

×