Como viver uma vida mais equilibrada

395 visualizações

Publicada em

Para vivermos melhor, precisamos de viver de maneira mais equilibrada e consciente, não achas? Nesta apresentação podes ler algumas dicas muito importantes. Aplica-as e vais ver como os resultados vão ser ótimos.
Se quiseres receber os meus artigos diretamente no teu e-mail, subscreve aqui gratuitamente a minha newsltter:
http://www.carlindasousa.com/c/?p=newscarlinda

Publicada em: Estilo de vida
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
395
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Como viver uma vida mais equilibrada

  1. 1. Hoje vou dar-te algumas dicas importantes que te vão ajudar a ter uma vida mais equilibrada e mais consciente. Espero que te ajudem! *
  2. 2. * * TEMPO PARA TRABALHAR * Não deixes que o trabalho domine o teu dia-a-dia. Tornaste-te um workaholic sem te aperceberes? Analisa o porquê (má gestão de tempo, muitas responsabilidades, pouca concentração, uma ambição sem medida) e tenta melhorar. Quando saíres do trabalho fecha bem essa porta e entra na da tua vida pessoal. Mas, se não estiveres bem no teu trabalho, não vais conseguir estar bem nas outras áreas da tua vida. Vais tornar-te chato e cansativo e vai chegar a um ponto que ninguém te vai achar grande companhia. Se o teu emprego é o teu grande motivo de insatisfação, talvez esteja na altura de procurares outro caminho profissional. Nas fiques à espera que as oportunidades te vão bater à porta, procura-as! De certeza que existe a tua felicidade a nível profissional: procura-a e eu tenho a certeza que a vais encontrar.
  3. 3. * *TEMPO PARA TI *É muito importante, se não obrigatório, que reserves algum tempo do teu dia para ti. Adormeceres no sofá todos os dias enquanto vês televisão, ou enquanto a televisão olha para ti, não é sinónimo de tempo de qualidade. Teres tempo para ti é fazeres aquilo que te dá mais prazer: sair com os amigos, ir ao ginásio, sair para dançar até de madrugada, reservar uma hora no cabeleireiro, ir a um spa,… nem que seja não fazeres absolutamente nada. Se não estiveres bem contigo próprio, ninguém estará!
  4. 4. * *TEMPO PARA OS OUTROS *Sem os teus amigos, que te apoiam e te divertem, vai ser mais difícil te relacionares com as outras pessoas com quem te cruzas todos os dias. O afastamento da convivência social vai fazer de ti uma pessoa solitária, fria e apática. Mas mais do que receber, deves pensar em dar: há quanto tempo não fazes alguém feliz? Quando foi a última vez que mimaste o teu/tua filho/a, a tua esposa/marido, a tua mãe/o teu pai? Há quanto tempo não vais jantar com os teus amigos? Já pensaste o que seria de ti sem a tua família e os teus amigos?
  5. 5. * *TEMPO PARA A SAÚDE *“Sem saúde não fazemos nada”. O equilíbrio entre o teu corpo, a tua mente e o teu espírito é fundamental para estares todos os dias a 100%. Para começar podes fazer um plano de alimentação saudável e exercício físico. Mantém uma rotina relaxante. Toma em atenção a qualidade e a quantidade do teu sono. Faz exames anuais. Se não cuidares de ti, quem vai cuidar?
  6. 6. * *TEMPO PARA ABRANDAR *Passamos o dia todo a correr de um lado para o outro e chegar atrasado já quase virou moda no século XXI. Depois dizemos que esta correria é tudo falta de tempo. Já pensaste que pode ser antes falta de equilíbrio? Aprende a gerir o stress na tua vida e a abrandar o ritmo. Mais devagar, menos stress, mais felicidade. De certeza que vais gostar.
  7. 7. * *A única função da culpa é manter a tua auto-estima em baixo. Troca o sentimento de culpa por responsabilidade. Ninguém é culpado de absolutamente nada, mas todos são completamente responsáveis por tudo. Se viveres assim, vais tornar-te mais atento e cuidadoso!
  8. 8. * *Sempre que o ser humano se depara com alguma dificuldade ou fraqueza dela, o primeiro impulso da sua mente é: defender-se, negar e evitar entrar em contacto com a situação. Ou então entra na condição de vítima e fica mergulhado na sua baixa auto-estima. Aceita a natureza humana como ela é. Aceita a tua sombra! Todos nós estamos aqui para aprender. Houve um mestre hindu que disse “Errar, ter defeitos, falhas, fraquezas é teu direito. Trabalhar para melhorar tudo isso é teu dever.”
  9. 9. * *Tudo o que existe no universo tem duas polaridades: *Yin/Yang *Masculino/Feminino *Positivo/Negativo *Medo/Coragem *Tristeza/Alegria *Raiva/Energia de realização *Ódio/Amor e perdão *Ansiedade/Calma
  10. 10. * *Poderia dar-te aqui 1001 exemplos. O que te quero transmitir é que deves constantemente reequilibrar as polaridades na tua vida. E mais inteligente mudares a polaridade das coisas e dares a volta por cima do que ficares sempre nos mesmos padrões psico-emocionais.
  11. 11. * *Sai do rio da tua vida onde estás mergulhado até ao pescoço e senta-te na margem a observar. Quando estás nesse rio, qualquer ondinha te parece um tsunami mas, quando estás na margem a observar, repares que, de facto, é mesmo uma ondinha e então tens a perspetiva mais correta e sofres menos com as coisas.
  12. 12. * *Não compares. É errado pensar que “o jardim do vizinho é sempre mais bonito”. O vizinho quando olha para o teu jardim pensa exatamente o mesmo que tu. Não te incomodes com os julgamentos alheios. Vive a tua vida da maneira que achares que é melhor para ti!
  13. 13. * *Entende que tudo o que acontece na nossa vida serve para nós aprendermos alguma coisa e evoluirmos. Pergunta a ti mesmo “O que é que eu tenho que aprender com isso?” o que a vida faz é proporcionar-te situações para desenvolveres determinada virtude. Por exemplo, se pedires paciência, o que a vida vai fazer é colocar no teu caminho pessoas que ta vão fazer perder e é aí que está o teu aprendizado e a tua evolução. Ou seja, sempre que alguma situação ou alguma pessoa te fizer sentir desconfortável ou te incomodar, tenta perceber o que é que essa situação te está a fazer trabalhar, que virtudes e qualidades tens que desenvolver para lidares com isso de maneira mais equilibrada.
  14. 14. * * Não estejas sempre a pensar no passado que não podes mais mudar nem estejas sempre ansioso pelo futuro (ele ainda não chegou). Se assim o fizeres, não te vai sobrar tempo quase nenhum para tomares consciência do presente. É no presente que a tua vida está a acontecer. E não só isso: quando precisares da tua mente para as coisas do presente, do teu quotidiano, ela vai ter dificuldade em se concentrar, em estar presente. Se te concentrares no presente vais conseguir desfrutar mais da vida. Se tiveres dificuldade podes, por exemplo, fazer meditação. A meditação é um ótimo treino para aprenderes a viver no presente e desenvolve uma mente verdadeiramente eficiente.
  15. 15. * *Infelizmente a nossa sociedade ainda vive muito com a ideologia do “ganha-perde” e isso está a contagiar as relações das pessoas no sentido profissional, financeiro, emocional e afetivo. *Ninguém ganha nada em nenhum setor da vida se esse ganho provocar a perda de alguém ou de alguma coisa. Por isso mesmo é urgente que se volte a implementar a ideologia do “ganha- ganha”.
  16. 16. * *Esta é e será sempre uma regra de ouro.
  17. 17. Carlinda Sousa *

×