Reconquista Cristã 
e o 
Condado Portucalense 
EB nº 2 da Lousã – 4º B 
19 de novembro de 
2014
Liliana Nunes & Soraia Correia 
Estagiárias do Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino 
do 1º CEB 
2 
Os cristãos, insat...
3
Liliana Nunes & Soraia Correia 
Estagiárias do Mestrado em Educação Pré-Escolar e 
Ensino do 1º CEB 
4 
A partir das Astúr...
Liliana Nunes & Soraia Correia 
Estagiárias do Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino 
do 1º CEB 
6 
Com a vitória em v...
D. Afonso VI, rei de Leão e Castela, viu-se obrigado a 
pedir auxílio aos Cruzados (grupo de nobres Cristãos 
que tinha o ...
8
Liliana Nunes & Soraia Correia 
Estagiárias do Mestrado em Educação Pré-Escolar e 
Ensino do 1º CEB 
9 
De todos os Cruzad...
Liliana Nunes & Soraia Correia 
Estagiárias do Mestrado em Educação Pré-Escolar e 
Ensino do 1º CEB 
10 
Para os recompens...
Liliana Nunes & Soraia Correia 
Estagiárias do Mestrado em Educação Pré-Escolar e 
Ensino do 1º CEB 
11 
D. Henrique tinha...
Com a morte de D. Henrique, foi D. Teresa que ficou com o 
governo do Condado, pois D. Afonso Henriques tinha 
apenas 3/4 ...
D. Afonso Henriques foi crescendo e tomando a sua posição ao 
lado dos portucalenses, contra a sua própria mãe. O seu dese...
Liliana Nunes & Soraia Correia 
Estagiárias do Mestrado em Educação Pré-Escolar e 
Ensino do 1º CEB 
14 
Curiosidade: 
Em ...
Em 1128, D. Afonso Henriques, organiza um pequeno 
exército para lutar contra o exército da sua mãe. A 
batalha ocorreu pe...
Liliana Nunes & Soraia Correia Estagiárias do 
Mestrado 16 em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º CEB
Para te ajudar a estudar… 
 Lê a página 42 do Manual de Estudo do Meio; 
 Consulta, na biblioteca, livros relacionados c...
Reconquista Cristã e o Condado Portucalense
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Reconquista Cristã e o Condado Portucalense

1.266 visualizações

Publicada em

A Reconquista Cristã e a formação do Condado Portucalense

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.266
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
142
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
14
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Reconquista Cristã e o Condado Portucalense

  1. 1. Reconquista Cristã e o Condado Portucalense EB nº 2 da Lousã – 4º B 19 de novembro de 2014
  2. 2. Liliana Nunes & Soraia Correia Estagiárias do Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º CEB 2 Os cristãos, insatisfeitos com a presença dos Mouros na Península Ibérica, resolveram partir à reconquista do território que lhes havia pertencido.
  3. 3. 3
  4. 4. Liliana Nunes & Soraia Correia Estagiárias do Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º CEB 4 A partir das Astúrias, envolveram-se em várias batalhas com os Mouros, sendo que a mais importante ocorreu em 718 d.C., foi chefiada por Pelágio e ficou conhecida como Batalha de Covadonga . Com a vitória nesta batalha, Pelágio foi aclamado rei daquele que foi o primeiro reino Cristão: o Reino das Astúrias. É a partir desta altura que se inicia a Reconquista Cristã, que durou cerca de 800 anos.
  5. 5. Liliana Nunes & Soraia Correia Estagiárias do Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º CEB 6 Com a vitória em várias batalhas, os Cristãos conseguiram alargar o território e formar novos reinos no norte da Península Ibérica: Leão, Castela e, mais tarde, Navarra e Aragão. Curiosidade: Os Mouros, com esta investida dos Cristãos, pediram ajuda aos Almorávidas, um grupo de Muçulmanos cuja origem era o norte de África, para combaterem contra os Cristãos.
  6. 6. D. Afonso VI, rei de Leão e Castela, viu-se obrigado a pedir auxílio aos Cruzados (grupo de nobres Cristãos que tinha o objectivo de devolver aos Cristãos a liberdade de peregrinação até Jerusalém, bem como a libertação desta cidade do domínio Islâmico) na sua luta contra os Mouros. Liliana Nunes & Soraia Correia Estagiárias do Mestrado 7 em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º CEB
  7. 7. 8
  8. 8. Liliana Nunes & Soraia Correia Estagiárias do Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º CEB 9 De todos os Cruzados que ajudaram Afonso VI, destacaram-se dois: D. Henrique e D. Raimundo.
  9. 9. Liliana Nunes & Soraia Correia Estagiárias do Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º CEB 10 Para os recompensar, concedeu-lhes a mão das suas filhas, D. Teresa e D. Urraca, em casamento e também duas parcelas de território do Reino de Leão.
  10. 10. Liliana Nunes & Soraia Correia Estagiárias do Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º CEB 11 D. Henrique tinha de prestar vassalagem (obedecer) a D. Afonso VI, devendo:  Ser leal;  Auxiliá-lo na conquista de novos territórios;  Respeitar as decisões do rei;  Comunicar ao rei todas as suas intenções relativamente ao Condado Portucalense. Para que o Condado Portucalense se tornasse independente, D. Henrique teria de conseguir aumentar o território do mesmo. Apesar de sempre ter cumprido com as suas obrigações e de ter conquistado novas terras para o Condado, morreu, sem conseguir alcançar a independência, em 1112.
  11. 11. Com a morte de D. Henrique, foi D. Teresa que ficou com o governo do Condado, pois D. Afonso Henriques tinha apenas 3/4 anos. Mas, ao contrário do que o povo portucalense pretendia, deixou de lado o desejo de independência de D. Henrique e enamorou-se por um fidalgo galego, Fernão Peres de Trava, deixando o Condado em risco de ficar dependente da Galiza. Liliana Nunes & Soraia Correia Estagiárias do Mestrado 12 em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º CEB
  12. 12. D. Afonso Henriques foi crescendo e tomando a sua posição ao lado dos portucalenses, contra a sua própria mãe. O seu desejo de independência era grande e, por volta dos 14 anos, arma-se a si próprio cavaleiro, tentando por várias vezes convencer D. Teresa a dar-lhe o governo do Condado. Mas esta nunca cedeu. Liliana Nunes & Soraia Correia Estagiárias do Mestrado 13 em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º CEB
  13. 13. Liliana Nunes & Soraia Correia Estagiárias do Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º CEB 14 Curiosidade: Em Outubro de 1127, D. Afonso VII, rei de Leão e primo de D. Afonso Henriques, cercou o Castelo de Guimarães e fez um ultimato a D. Teresa: ou ela lhe cedia o governo do Condado Portucalense, ou ele fazia de D. Afonso Henriques seu refém. D. Teresa não cedeu ao ultimato e foi Egas Moniz, aio de D. Afonso Henriques e responsável pela sua educação, que interveio junto de D. Afonso VII e lhe prometeu que se este levantasse o cerco a Guimarães, D. Afonso Henriques passaria a prestar-lhe vassalagem. D. Afonso VII confiou no aio, regressou a Leão com o seu exército, confiante de que o seu primo cumpriria a promessa feita por Egas Moniz. Mas tal nunca aconteceu, pois D. Afonso Henriques continuou com o desejo de independência. Egas Moniz resolveu, então, redimir-se pela atitude do seu senhor e foi entregar-se a D. Afonso VII levando consigo a sua família, todos com uma corda ao pescoço. Junto do rei, pediu-lhe que fizesse com ele e com a sua família tudo o que desejasse. O rei, comovido com a atitude do aio, deixou-os partir em paz.
  14. 14. Em 1128, D. Afonso Henriques, organiza um pequeno exército para lutar contra o exército da sua mãe. A batalha ocorreu perto de Guimarães e ficou conhecida como Batalha de São Mamede. D. Afonso Henriques saiu vitorioso e passou a governar o Condado Portucalense, continuando a sua expansão. Curiosidade: Depois da derrota de São Mamede, D. Teresa refugiou-se na Galiza e acabou por falecer em 1130. Liliana Nunes & Soraia Correia Estagiárias do Mestrado 15 em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º CEB
  15. 15. Liliana Nunes & Soraia Correia Estagiárias do Mestrado 16 em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º CEB
  16. 16. Para te ajudar a estudar…  Lê a página 42 do Manual de Estudo do Meio;  Consulta, na biblioteca, livros relacionados com a História de Portugal;  Troca impressões com os teus colegas sobre factos históricos que conheças. Partilhando conhecimentos consegues aprender mais!  Podes, também, consultar os seguintes sites (atenção que encontrarás mais matéria do que aquela de que falámos até agora): http://pt.slideshare.net/IsaAlves/formao-reinoportugalppt?related=2 http://pt.slideshare.net/e-for-all/formaao-do-reino-de-portugal-5?related=3 Liliana Nunes & Soraia Correia Estagiárias do Mestrado em Educação Pré-Escolar 17 e Ensino do 1º CEB

×