APRENDIZAGEM AUTORIA E AVALIAÇÃO

2.017 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.017
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
255
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
41
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

APRENDIZAGEM AUTORIA E AVALIAÇÃO

  1. 1. APRENDIZAGEM AUTORIA E AVALIAÇÃO BRENO MOREIRA I.H.SANTOS
  2. 2. APRENDIZAGEM Quando os alunos estão em um ambiente de aprendizagem, uma sala de aula, por exemplo, procuram aprender a todo instante e o professor nesse instante deve ter o papel de mediador, facilitando o processo para que o aluno consiga perceber o caminho a ser seguido e transformar suas dúvidas em aprendizado, e posteriormente em novas dúvidas desencadeando em uma significativa construção.
  3. 3. Essa construção que tanto falamos é uma busca por informações que inicia o processo de aprendizado do aluno. Esse aluno, nesse contexto, deve obter do seu mestre alguns subsídios e/ou elementos para que ele próprio faça seus estudos e reflexões a fim de compreender algum conteúdo, já criando uma base boa para futuros aprendizados.
  4. 4. Portanto, o aluno deve ser orientado sim para saber desenvolver-se, enquanto o professor pode manter um diálogo com seus educandos, mostrando que o aprendizado é um processo contínuo e infinito, instigando-os a buscar mais. As diversas metodologias que o professor aprende durante sua carreira também são importantes porque a diversidade dos alunos é tamanha que em alguns casos nem parece que são de uma mesma turma, por exemplo.
  5. 5. AUTORIA O aluno pode ser entendido como um ser dotado de idéias e que também deve avaliar todos os processos de ensino-aprendizagem nos quais se insere, para saber de forma mais espontânea e intuitiva se sua construção a respeito de qualquer conhecimento é pertinente ao contexto que se apresenta naquele momento.
  6. 6. [...]durante o processo de construção de algum conhecimento pode ser que não tenhamos autonomia suficiente para saber avaliar se estamos ou não no caminho certo. Porém o exercício de ser autor com certeza torna o indivíduo mais preparado para desempenhar melhor seus estudos e seus conhecimentos.
  7. 7. AVALIAÇÃO Uma prática educativa que tem a avaliação como seu recurso subsidiário de construção dos resultados desejados deve estar fundada na crença de que todo educando aprende e, por aprender, se desenvolve. (LUCKESI, p.177)
  8. 8. A avaliação é importante, isso é inegável. O que se questiona é a forma como a avaliação é compreendida e aplicada nas salas de aula. E mais ainda: ela é o caminho para subsidiar as práticas pedagógicas dos professores. Quando ela é contínua e durante o processo, pode ajudar.
  9. 9. A diversidade de instrumentos avaliativos precisa estar inserida em uma sistemática, atender a uma metodologia própria da teoria e da prática da avaliação educacional e adequá-la à natureza do objeto avaliado, seja o ensino e a aprendizagem, o currículo, o curso, o programa, a instituição, etc. (SILVA, p.15)
  10. 10. BIBLIOGRAFIA <ul><li>LUCKESI, Cipriano Carlos. Avaliação da aprendizagem na escola: investigação e intervenção. São Paulo: Cortez, 2011. 1ª ed. Disponível em: < http:// moodle . semed .capital.ms.gov. br/file . php/60/Modulo_3/Avaliacao_de_aprendizagem . pdf > Acesso em 06 de Junho de 2011. </li></ul><ul><li>SANTOS, Breno M.I.Holland. O processo de desenvolvimento da aprendizagem do aluno e o desafio de um aprendiz autônomo. Disponível em: http://moodle.semed.capital.ms.gov.br/mod/assignment/view.php?id=2764 Acesso em 10 de Junho de 2011. </li></ul><ul><li>______. A avaliação da aprendizagem como processo construtivo do aluno autor. Disponível em: http://moodle.semed.capital.ms.gov.br/mod/assignment/view.php?id=2778 Acesso em 10 de Junho de 2011. </li></ul><ul><li>SILVA, Janssen Felipe da. INTRODUÇÃO: Avaliação do ensino e da aprendizagem numa perspectiva formativa e reguladora. In: ______; HOFFMANN, Jussara e ESTEBAN, Maria Teresa (org.). Práticas avaliativas e aprendizagens significativas: em diferentes áreas do currículo. Porto Alegre: Mediação, 2003. 112p.. Disponível em: < http: //moodle.semed.capital.ms.gov.br/file.php/60/Modulo_3/Avalia_Ensino_aprendiz_Janssen.pdf > Acesso em 06 de Junho de 2011. </li></ul>

×