Midia: Tá na hora de rever seus conceitos

943 visualizações

Publicada em

Palestra Universidade Cândido Mendes RJ - 14/04/11

Publicada em: Carreiras
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
943
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
22
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • A Internet não gerou nenhuma revolução, mas consolidou uma grande mudança hábitos fruto de uma revolução que já estava acontecendo. O mundo ficou menor e, por conta da tecnologia, mais próximo de todos. Algumas palavras definem as mudanças ocorridas nos últimos 15 anos. Tudo passou a ser uma questão de opção. O próximo slide mostra formas diferentes de tratar o consumidor.
  • A Internet não gerou nenhuma revolução, mas consolidou uma grande mudança hábitos fruto de uma revolução que já estava acontecendo. O mundo ficou menor e, por conta da tecnologia, mais próximo de todos. Algumas palavras definem as mudanças ocorridas nos últimos 15 anos. Tudo passou a ser uma questão de opção. O próximo slide mostra formas diferentes de tratar o consumidor.
  • A Internet não gerou nenhuma revolução, mas consolidou uma grande mudança hábitos fruto de uma revolução que já estava acontecendo. O mundo ficou menor e, por conta da tecnologia, mais próximo de todos. Algumas palavras definem as mudanças ocorridas nos últimos 15 anos. Tudo passou a ser uma questão de opção. O próximo slide mostra formas diferentes de tratar o consumidor.
  • A Internet não gerou nenhuma revolução, mas consolidou uma grande mudança hábitos fruto de uma revolução que já estava acontecendo. O mundo ficou menor e, por conta da tecnologia, mais próximo de todos. Algumas palavras definem as mudanças ocorridas nos últimos 15 anos. Tudo passou a ser uma questão de opção. O próximo slide mostra formas diferentes de tratar o consumidor.
  • A Internet não gerou nenhuma revolução, mas consolidou uma grande mudança hábitos fruto de uma revolução que já estava acontecendo. O mundo ficou menor e, por conta da tecnologia, mais próximo de todos. Algumas palavras definem as mudanças ocorridas nos últimos 15 anos. Tudo passou a ser uma questão de opção. O próximo slide mostra formas diferentes de tratar o consumidor.
  • A Internet não gerou nenhuma revolução, mas consolidou uma grande mudança hábitos fruto de uma revolução que já estava acontecendo. O mundo ficou menor e, por conta da tecnologia, mais próximo de todos. Algumas palavras definem as mudanças ocorridas nos últimos 15 anos. Tudo passou a ser uma questão de opção. O próximo slide mostra formas diferentes de tratar o consumidor.
  • A Internet não gerou nenhuma revolução, mas consolidou uma grande mudança hábitos fruto de uma revolução que já estava acontecendo. O mundo ficou menor e, por conta da tecnologia, mais próximo de todos. Algumas palavras definem as mudanças ocorridas nos últimos 15 anos. Tudo passou a ser uma questão de opção. O próximo slide mostra formas diferentes de tratar o consumidor.
  • A Internet não gerou nenhuma revolução, mas consolidou uma grande mudança hábitos fruto de uma revolução que já estava acontecendo. O mundo ficou menor e, por conta da tecnologia, mais próximo de todos. Algumas palavras definem as mudanças ocorridas nos últimos 15 anos. Tudo passou a ser uma questão de opção. O próximo slide mostra formas diferentes de tratar o consumidor.
  • A Internet não gerou nenhuma revolução, mas consolidou uma grande mudança hábitos fruto de uma revolução que já estava acontecendo. O mundo ficou menor e, por conta da tecnologia, mais próximo de todos. Algumas palavras definem as mudanças ocorridas nos últimos 15 anos. Tudo passou a ser uma questão de opção. O próximo slide mostra formas diferentes de tratar o consumidor.
  • A Internet não gerou nenhuma revolução, mas consolidou uma grande mudança hábitos fruto de uma revolução que já estava acontecendo. O mundo ficou menor e, por conta da tecnologia, mais próximo de todos. Algumas palavras definem as mudanças ocorridas nos últimos 15 anos. Tudo passou a ser uma questão de opção. O próximo slide mostra formas diferentes de tratar o consumidor.
  • A Internet não gerou nenhuma revolução, mas consolidou uma grande mudança hábitos fruto de uma revolução que já estava acontecendo. O mundo ficou menor e, por conta da tecnologia, mais próximo de todos. Algumas palavras definem as mudanças ocorridas nos últimos 15 anos. Tudo passou a ser uma questão de opção. O próximo slide mostra formas diferentes de tratar o consumidor.
  • Midia: Tá na hora de rever seus conceitos

    1. 1. Mídia Está na hora de rever seus conceitos
    2. 2. F oi provado cientificamente que seria impossível a abelha mamangava voar. Ela tem o corpo pesado demais para o tamanho das asas. Mas ela voa !
    3. 3. Antes era assim: 80% de cobertura em uma semana
    4. 4. E hoje ?
    5. 6. <ul><li>4.300 Emissoras de Rádio </li></ul><ul><li>100 Canais de TV (nacionais) </li></ul><ul><li>650 Shoppings Centers </li></ul><ul><li>400 Títulos de Revista (auditados) </li></ul><ul><li>100 Títulos de Jornal (auditados) </li></ul><ul><li>2.400 Salas de Cinema </li></ul><ul><li>Internet / Mobile Marketing / DVDs / Games/ Conteúdo </li></ul><ul><li>OOH (Relógios, Ônibus, Táxi, Aeroporto, Metrô, Painéis, </li></ul><ul><li>Fachadas, MUB, Elevadores...) </li></ul><ul><li>Academias, Supermercados, Universidades, Lojas... </li></ul>
    6. 7. Enquanto isso a NOVELA... Fonte: Histórico TV Globo / Ibope – Fev/11 – Mercado Nacional 61% de queda Audiência Domiciliar
    7. 8. 38 anos 13 anos 4 anos 3 anos Para chegar aos 50 milhões de usuários...
    8. 9. 1. A concorrência aumentou
    9. 10. Globalização Maior oferta de novidades Público Mais Exigente concorrência é tudo o que divide a atenção do seu cliente Não vende turismo VENDE SONHOS! Qual o seu sonho?
    10. 12. 2. O público-alvo não é estático
    11. 13. Surpreenda Estabeleça vínculos Reinvente-se sempre J oão é engenheiro da Petrobras. Trabalha na Refinaria de Duque de Caxias, bairro onde mora com a família e atua também como líder comunitário. Seu objetivo atual é vender suas ações e fazer uma viagem para a Europa. Chefe de Família Formador de Opinião Público Interno Investidor Área Primária Consumidor
    12. 14. Tenha foco Mídia de Massa (corte demográfico) Segmentação (corte comportamental) Falar com todo mundo é não falar com ninguém!
    13. 15. 3. O cliente está no poder
    14. 16. Ouça seu cliente O público diz quem você é Prejuízos milionários em horas Fanning. O estudante de 19 anos que colocou em xeque a indústria fonográfica mundial
    15. 17. Redes Sociais Não subestime o seu poder CASO UNITED AIRLINES GUITARRA QUEBRADA
    16. 18. EDITORA EVORA – 02/2011 VOOZ – 08/2009 10 Milhões de visualizações do vídeo 27 Mil comentários no Youtube CURTO E GROSSO – 04/2010 GLOBO.COM – 09/2009 REVISTA ISTO É – 12/2009 BLOG EXPLORA – FLAVIO MENDES – 08/2009
    17. 19. MINHA GELADEIRA NÃO É UMA BRASTEMP
    18. 20. Exame.com – 01/2011 750 Mil visualizações do vídeo 27 Mil comentários no Youtube Publistorm.com – 01/2011 IG – 02/2011
    19. 21. 4. 24 horas são insuficientes
    20. 22. É preciso ser objetivo! O consumidor não está esperando pelo seu anúncio! Alto volume de informações Múltiplas atividades Muitas mídias
    21. 23. 05 anos 16 anos 60 anos 75 anos Escola Trabalho Aposentadoria 02 anos 09 anos 18 anos 60 anos 85 anos Escola/ Academia/ Cursos/ Esportes Trabalho/ Viagens/ Academia/ Cursos/ Universidade Viagens/ Esportes/ Clubes Anos 70 Hoje
    22. 24. 5. Rentabilidade é importante
    23. 25. Busque o melhor custo/ benefício Valorize as conquistas Saiba negociar
    24. 26. 6. Mídia não é uma sopa de letrinhas
    25. 27. Simplifique! Seu cliente não tem tempo para longas explicações. Apresente as conclusões. Não as fórmulas
    26. 28. 7. Respeite as diferenças culturais
    27. 30. Como fica a Mídia diante das novas plataformas digitais?
    28. 31. Pra começar... Mídia On Line Mídia Off Line Mídia é toda forma de conexão com o cliente, independente da plataforma
    29. 32. PLANO DE MÍDIA TRADICIONAL
    30. 33. PLANO DE MÍDIA NÃO TRADICIONAL http://www.youtube.com/watch?v=U2rWA7Lng-A
    31. 34. O mais importante... Não há uma ordem definida para o consumo de mídia Tudo acontece ao mesmo tempo TV JORNAL MOBILE REDES SOCIAIS E-MAIL MÍDIA EXTERIOR EVENTOS PONTO DE VENDA TRABALHO ESCOLA EM CASA LAZER RÁDIO REVISTA AEROPORTO METRÔ ÔNIBUS CINEMA TEATRO
    32. 35. Cada meio tem uma função
    33. 36. Mídia Exterior = Pouca Informação Média de 3 segundos para passar a mensagem !
    34. 38. Resumindo...
    35. 39. Comerciais de 30” estão acabando. O telespectador escolhe o conteúdo. Os meios tradicionais não vão sumir, estão se transformando Ações 360 graus apresentam melhores resultados Seja Relevante. Não abuse do e-mail marketing. Público-alvo não é só alvo. Ele é também mídia, gerador de conteúdo Pra pensar...
    36. 40. Estamos na era da interdisciplinaridade Não seja especialista demais Leia mais sobre temais diversos. Vida social aumenta a criatividade. Cultive sempre boas relações com o mercado Você pode ser “expulso da casa”! Muitas informações. Tudo ao mesmo tempo. Isso não é pra você? Pede pra sair! Estamos vivendo um apagão de profissionais de mídia. Faça diferente e destaque-se!
    37. 41. Obrigada ! [email_address] Andrea Afonso

    ×