Sexualidade humana 2011

1.308 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.308
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
525
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sexualidade humana 2011

  1. 1. FORMAÇÃOde PROFESSORES<br />
  2. 2. Sexualidade Humana<br />“Dinamismo que atinge o ser humano todo, corpo, alma e sentimento, desde a concepção até à morte e o leva à doação total de si.”<br />Familiaris Consortium, nº 37<br />
  3. 3. Sexualidade Humana<br />Vida sexuada – Homem ou Mulher – desde os<br /> -9 meses até à morte<br />Duas componentes:<br />AFECTIVIDADE<br />GENITALIDADE<br />
  4. 4. AFECTIVIDADE<br />NECESSIDADE INTRÍNSECA de SER AMADO e<br />de AMAR<br />desde os -9 meses até à morte<br />VIVER em RELAÇÃO com o: <br /> PRÓPRIO<br /> OUTRO<br /> TRANSCENDENTE (DEUS)<br />
  5. 5. GENITALIDADE<br />CAPACIDADE de, através dos órgãos <br />genitais, e a partir da puberdade:<br /> Ter relações sexuais<br /> Ter filhos<br />
  6. 6. SEXUALIDADE HUMANA<br />SEXO<br />Engloba o processo de desenvolvimento:<br /> BIOLÓGICO – genética e anatomia/ <br /> fisiologia<br />
  7. 7. PSICOLÓGICO <br />que culmina com a determinação da <br />IDENTIDADE SEXUAL<br />
  8. 8. SEXUALIDADE HUMANA<br />GÉNERO<br />Desenvolve-se no meio social e histórico<br /> Tem como resultado <br />a formação da identidade<br /> masculina ou feminina a<br /> partir da qual se <br />constroem as relações<br />
  9. 9. ERÓTICA<br />Expressão da <br />Sexualidade<br /> Humana <br />que pode ser:<br />L’Éternelle Idole, Rodin<br />
  10. 10. INTERNA <br />Elaboração de sonhos, fantasia e fantasma<br />EXTERNA <br />Expressa--se através da arte<br />
  11. 11. COMPORTAMENTO SEXUAL HUMANO<br />INDIVIDUAL<br />Desenvolve-se através da:<br />Afectividade <br />Auto-estima<br />Assertividade <br />Tomada de decisões<br />SOCIAL<br />Desenvolve-se através da:<br />Comunicação<br />Aceitação da diferença<br />Aceitação da reprodução<br />Aceitação da diversidade<br />Solidariedade <br />Ecológico<br />
  12. 12. PRINCÍPIOS FUNDAMENTAIS<br />HOMEM e MULHER são:<br />IGUAIS PESSOA HUMANA<br />DIFERENTES HOMEM e MULHER<br />Tendem para a UNIÃO CASAL<br />Têm CAPACIDADE de AUTODOMÍNIO<br /> SER que PENSA, ESCOLHE, AMA<br />
  13. 13. IMAGEM CORPORAL<br />O MEU CORPO É O MEU E EU SOU O MEU CORPO<br />O meu PENSAMENTO dá-se no meu CORPO<br />O meu MOVIMENTO dá-se no meu CORPO – fruto da minha DECISÃO<br />
  14. 14. Eu sou para ti e tu para mim<br />Sem ti eu não sou<br />Sem mim tu não és<br />Sem o outro o meu corpo não me seria conhecido e eu não chegaria a saber quem sou<br />O outro, os outros, são-me totalmente necessários para a minha existência.<br />
  15. 15. O MEU CORPO SOU EU MESMO<br />Conhecer o corpo e saber que a minha pessoa está no meu corpo <br />Mediador do “meu eu”<br />Estabelece relações com outros corpos <br />O corpo não é um elemento de poder e exibição, mas um receptáculo dos meus sentimentos e dos meus comportamentos;<br />.<br />
  16. 16. CORPO COMO FERRAMENTA<br />SEXUALIDADE TORNA-SE EM:<br />genitalidade (produtora de orgasmos)<br />reproducionismo (produtora de filhos)<br />género (por oposição a...)<br />existe para RENDER<br />
  17. 17. CORPO NEGADO<br />Sexualidade torna-se em tabu<br />Corpo superado<br />
  18. 18. CORPO COMO SUPER-VALOR<br />Nega-se a inter-comunicação do que “é” e do que “expressa”<br />Manipulado <br />
  19. 19. O MEU EU CORPORAL<br />CORPO VIVIDO – O que significa experimentar o meu corpo e o corpo do outro (bebé).<br />CORPO PERCEBIDO – Tendo consciência dos estímulos recebidos de si próprio, do exterior e através dos outros <br />
  20. 20. O MEU EU CORPORAL<br />CORPO CONHECIDO – Saber qual é o meu corpo, como é, como é o do outro, como me movo, como se move o outro. As diferenças e as semelhanças.<br />CORPO REPRESENTADO – Poder dizer como é o meu corpo, aceitá-lo e, portanto, enriquecê-lo a partir das minhas decisões <br />
  21. 21. VIDA SEXUADA<br />SOMOS UM TODO<br />VIVERMOS DIVIDIDOS é<br />REDUTOR da nossa<br />HUMANIDADE<br />
  22. 22. COMUM UNIÃO<br />Entrega mútua<br />Acolhimento mútuo<br />Exige COMPROMISSO<br />
  23. 23. PROCRIAÇÃO<br />Filhos<br />Fruto do amor<br />
  24. 24. PRAZER<br />Derruba as barreiras do “EU” <br />e pode facilitar <br />a entrega ao “OUTRO”<br />

×