SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 39
Baixar para ler offline
Módulo 3 – O Sistema
Reprodutor
Professora: Bárbara Lemos
8º ano Ensino Fundamental II
Biologia
Professora Bárbara Lemos 2
REPRODUÇÃO 
É o processo pelo qual se torna possível a
continuação das espécies
Professora Bárbara Lemos3
• Na espécie humana ocorre a junção dos
gametas masculino e feminino para
formação de um novo indivíduo, a
partir da reprodução SEXUADA:
Espermatozóide
Gameta
masculino
Ovócito II (óvulo)
Gameta feminino
Hormônios, puberdade e adolescência
• Puberdade (do latim pubertas, “cobrir de
pelos”. Alterações físicas, ocasionadas pelos
hormônios.
• Adolescência  fenômeno social e
psicológico, que pode ou não acontecer junto
com a puberdade.
Professora Bárbara Lemos 5
Professora Bárbara Lemos 6
Principais Glândulas
Hipófise
FSH
(Folículo Estimulante)
LH
(Luteinizante)
Mulher
(ovários)
Andrógenos
(testosterona)
Ovogênese
(ovócitos II)
Homem
(testículos)
Espermatogênese
(espermatozóides)
Corpo
lúteo
HOMEM
MULHER
Professora Bárbara Lemos 7
Células
Somáticas
Formam todos os
tecidos e órgãos do
nosso corpo
≠
Células Germinativas Gametas
OS MOÇOS
SISTEMA REPRODUTOR MASCULINO
Professora Bárbara Lemos 9
Testículos
Puberdade
Caracteres
sexuais
masculinos
Testoterona
Estimula a Espermatogênese
Professora Bárbara Lemos10
Caracteres Sexuais Secundários -
MASCULINO
• Início da produção de espermatozóides;
• Pelos no pubis, axilas e rosto;
• Aumento da produção das glândulas sebáceas favorecendo
o aparecimento de cravos e espinhas;
• Aumento dos testículos, bolsa escrotal, do pênis, da
próstata e da vesícula seminal;
• A voz fica mais grave;
• Aumento da massa muscular e alargamento dos ombros;
• Aumento do peso e altura;
• Depósito de gordura no abdômen e nos flancos.
Professora Bárbara Lemos11
Professora Bárbara Lemos 12
glândula de Cowper
Professora Bárbara Lemos 13
Espermatozóide
Cauda
Peça
Intermediária
Cabeça
Professora Bárbara Lemos 14
Testículos
Produção de
espermatozóides
Túbulos seminíferos
Epidídimo
Maturação dos
espermatozóides
Professora Bárbara Lemos 15
Canais
deferentes
Continuação do
Epidídimo
Circunda a bexiga
Fácil acesso para se
fazer a vasectomia
Professora Bárbara Lemos 16
Canais
ejaculadores
Fica entre a vesícula
seminal e a próstata
Continuação dos Canais
Deferentes
Vesículas Seminais
Produz secreção rica
em frutose
Nutrição dos sptz
Professora Bárbara Lemos 17
Próstata Secreta fluido leitoso e
alcalino
Glândulas bulbouretrais
ou de Cowper
Mistura de todas as secreções
com os sptz
Secreção que limpa
e lubrifica a
uretra
Sêmen ou esperma
Professora Bárbara Lemos 18
Espermatozóide
Canal comum aos sistemas
excretor e reprodutor
Uretra
Pênis Órgão copulador masculino
Professora Bárbara Lemos19
Pênis
Professora Bárbara Lemos 20
Professora Bárbara Lemos 21
Sistema
Reprodutor
MASCULINO
Uretra
Glândulas de Cowper
Próstata
Vesículas Seminais
Canais ejaculadores
Canais deferentes
Epidídimo
Testículos
Interno
Externo
Saco escrotal
Pênis
Professora Bárbara Lemos 22
REGULAÇÃO HORMONAL
MASCULINA
Hipófise
FSH
Gônodas
Hormônios
gonadotróficos
LH
(hormônio luteinizante)
Células de Leydig Testosterona
Professora Bárbara Lemos 23
Hipófise
FSH
(hormônio folículo estimulante)
GônodasHormônios
gonadotróficos
LH
Junto com a Testosterona, estimula a
produção de sptz
REGULAÇÃO HORMONAL
MASCULINA
Professora Bárbara Lemos 24
AS MOÇAS
SISTEMA REPRODUTOR FEMININO
Professora Bárbara Lemos 25
Vulva
Professora Bárbara Lemos 26
Vagina
Canal que
comunica o
útero a vulva
Recebe o pênis durante
a cópula ato sexual
Professora Bárbara Lemos27
ATO SEXUAL
Professora Bárbara Lemos 28
Ovários
Gônodas FEMININAS
Produção de
hormônio
Estrogênio
Ovócito II
Professora Bárbara Lemos 29
Ovários
Puberdade
Caracteres
sexuais
femininos
Estrógeno
Ciclo Menstrual
Estimula o
crescimento
do endométrio
Professora Bárbara Lemos30
Caracteres Sexuais Secundários
- FEMININO
• Menarca (primeira menstruação);
• Pelos no pubis e axilas;
• Aumento na produção de glândulas sebáceas favorecendo
o surgimento de cravos e espinhas;
• Aumento dos ovários, útero e vagina;
• Desenvolvimento dos peitos;
• Alargamento dos ossos da bacia;
• Aumento do peso e altura;
• Depósito de gordura nas nádegas, coxas e quadris.
Professora Bárbara Lemos31
Professora Bárbara Lemos 32
Ovários –
(Corpo Lúteo)
Alta Concentração
mantém o endométrio
desenvolvido
Progesterona
Baixa Concentração
Estimula a descamação do
endométrio
Professora Bárbara Lemos 33
Trompas de
Falópio
Capturam os ovócitos
II que saem do
ovário
Laqueadura de
trompas
Professora Bárbara Lemos34
Útero
Possui
musculatura
lisa
Grande
capacidade de
distensão
Embrião fica até
o nascimento
Professora Bárbara Lemos 35
Sistema
Reprodutor
FEMININO
Grandes lábios
Vagina
Útero
Trompas de Falópio
Ovário
Interno
Clitóris
Abertura Vaginal
Pequenos lábiosExterno
Professora Bárbara Lemos 36
REGULAÇÃO HORMONAL
FEMININA
Hipófise
FSH
(hormônio folículo
estimulante)
GônodasHormônios
gonadotróficos
LH
(hormônio luteinizante)
Professora Bárbara Lemos 37
Hipófise
FSH
(hormônio folículo
estimulante)
GônodasHormônios
gonadotróficos
LH
Estimula o desenvolvimento dos
folículos ovarianos
REGULAÇÃO HORMONAL
FEMININA
Professora Bárbara Lemos 38
Hipófise
FSH
Gônodas
Hormônios
gonadotróficos
LH
(hormônio luteinizante)
Forma o corpo lúteo
REGULAÇÃO HORMONAL
FEMININA
Professora Bárbara Lemos 39
Hipófise
Desenvolvimento das mamas e
produção de leite
MamasHormônios
gonadotróficos
LTH (Prolactina)
REGULAÇÃO HORMONAL
FEMININA

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 8º ano - Reprodução humana
Aula 8º ano - Reprodução humanaAula 8º ano - Reprodução humana
Aula 8º ano - Reprodução humanaLeonardo Kaplan
 
Reprodução humana ciencias 3d
Reprodução humana ciencias 3dReprodução humana ciencias 3d
Reprodução humana ciencias 3dCarla Gomes
 
Unidade 2 reprodução humana
Unidade 2 reprodução humanaUnidade 2 reprodução humana
Unidade 2 reprodução humanaMargarida Cardoso
 
Trabalho de biologia 12º reprodução e manipulação da fertilidade
Trabalho de biologia 12º   reprodução e manipulação da fertilidadeTrabalho de biologia 12º   reprodução e manipulação da fertilidade
Trabalho de biologia 12º reprodução e manipulação da fertilidaderui
 
Introdução a embriologia aula oficial
Introdução a embriologia aula  oficialIntrodução a embriologia aula  oficial
Introdução a embriologia aula oficialDaiane Costa
 
Desenvolvimento embrionário dos animais 2
Desenvolvimento embrionário dos animais 2Desenvolvimento embrionário dos animais 2
Desenvolvimento embrionário dos animais 2letyap
 
Sistema reprodutor masculino e feminino
Sistema reprodutor masculino e femininoSistema reprodutor masculino e feminino
Sistema reprodutor masculino e femininoCaroliny Miranda
 
Sexualidade..
Sexualidade..Sexualidade..
Sexualidade..daniela
 
Embriologia 1ª e 2ª semana
Embriologia 1ª e 2ª semanaEmbriologia 1ª e 2ª semana
Embriologia 1ª e 2ª semanaMaíra Escobar
 
Biologia 12ºano - Reprodução Humana
Biologia 12ºano - Reprodução HumanaBiologia 12ºano - Reprodução Humana
Biologia 12ºano - Reprodução HumanaRenata Sofia
 
Desenvolvimento embrionário dos mamíferos
Desenvolvimento embrionário dos mamíferosDesenvolvimento embrionário dos mamíferos
Desenvolvimento embrionário dos mamíferosRosalia Azambuja
 

Mais procurados (18)

Embriologia ppt
Embriologia pptEmbriologia ppt
Embriologia ppt
 
Aula 8º ano - Reprodução humana
Aula 8º ano - Reprodução humanaAula 8º ano - Reprodução humana
Aula 8º ano - Reprodução humana
 
Reprodução humana ciencias 3d
Reprodução humana ciencias 3dReprodução humana ciencias 3d
Reprodução humana ciencias 3d
 
Embriologia slides
Embriologia  slidesEmbriologia  slides
Embriologia slides
 
Unidade 2 reprodução humana
Unidade 2 reprodução humanaUnidade 2 reprodução humana
Unidade 2 reprodução humana
 
Trabalho de biologia 12º reprodução e manipulação da fertilidade
Trabalho de biologia 12º   reprodução e manipulação da fertilidadeTrabalho de biologia 12º   reprodução e manipulação da fertilidade
Trabalho de biologia 12º reprodução e manipulação da fertilidade
 
Introdução a embriologia aula oficial
Introdução a embriologia aula  oficialIntrodução a embriologia aula  oficial
Introdução a embriologia aula oficial
 
Embriologia animal
Embriologia animalEmbriologia animal
Embriologia animal
 
Desenvolvimento embrionário dos animais 2
Desenvolvimento embrionário dos animais 2Desenvolvimento embrionário dos animais 2
Desenvolvimento embrionário dos animais 2
 
Aula gametogênese
Aula gametogêneseAula gametogênese
Aula gametogênese
 
Sistema reprodutor masculino e feminino
Sistema reprodutor masculino e femininoSistema reprodutor masculino e feminino
Sistema reprodutor masculino e feminino
 
A Sexualidade
 A Sexualidade A Sexualidade
A Sexualidade
 
Sexualidade..
Sexualidade..Sexualidade..
Sexualidade..
 
Embriologia 1ª e 2ª semana
Embriologia 1ª e 2ª semanaEmbriologia 1ª e 2ª semana
Embriologia 1ª e 2ª semana
 
Biologia 12ºano - Reprodução Humana
Biologia 12ºano - Reprodução HumanaBiologia 12ºano - Reprodução Humana
Biologia 12ºano - Reprodução Humana
 
Aula sistema reprodutor
Aula sistema reprodutorAula sistema reprodutor
Aula sistema reprodutor
 
Desenvolvimento embrionário dos mamíferos
Desenvolvimento embrionário dos mamíferosDesenvolvimento embrionário dos mamíferos
Desenvolvimento embrionário dos mamíferos
 
Embriologia
EmbriologiaEmbriologia
Embriologia
 

Destaque

Sistema reprodutor feminino
Sistema reprodutor femininoSistema reprodutor feminino
Sistema reprodutor femininoPaulo Vitor
 
Human Sexual Reproduction - Males
Human Sexual Reproduction - MalesHuman Sexual Reproduction - Males
Human Sexual Reproduction - MalesAndrew Joseph
 
A ANATOMIA DOS SISTEMAS REPRODUTORES MASC E FEM
A ANATOMIA DOS SISTEMAS REPRODUTORES MASC E FEMA ANATOMIA DOS SISTEMAS REPRODUTORES MASC E FEM
A ANATOMIA DOS SISTEMAS REPRODUTORES MASC E FEMMayara de Souza
 
Sistema Reprodutor Feminino
Sistema Reprodutor FemininoSistema Reprodutor Feminino
Sistema Reprodutor FemininoDavid Alcantara
 
Educação sexual a história do pedrinho e da joana
Educação sexual   a história do pedrinho e da joanaEducação sexual   a história do pedrinho e da joana
Educação sexual a história do pedrinho e da joanagilrua
 
Sistema reprodutor (masculino e feminino)
Sistema reprodutor (masculino e feminino)Sistema reprodutor (masculino e feminino)
Sistema reprodutor (masculino e feminino)Lucas Fontes
 
Diversidade sexual na escola (cartilha do projeto)
Diversidade sexual na escola (cartilha do projeto)Diversidade sexual na escola (cartilha do projeto)
Diversidade sexual na escola (cartilha do projeto)Rosane Domingues
 
Hypospadias 3: MAGPI & snod grass (TIP) step by step operative urology series
Hypospadias 3: MAGPI & snod grass (TIP)   step by step operative urology series Hypospadias 3: MAGPI & snod grass (TIP)   step by step operative urology series
Hypospadias 3: MAGPI & snod grass (TIP) step by step operative urology series Mohammed Abd El Wadood
 
cartilha sexualidade
 cartilha sexualidade cartilha sexualidade
cartilha sexualidadeSA Asperger
 
Sistema Reprodutor
Sistema ReprodutorSistema Reprodutor
Sistema Reprodutorguest1eea69
 
Que grand..[1]
Que grand..[1]Que grand..[1]
Que grand..[1]Acilu
 
Sexualidade na educação infantil
Sexualidade na educação infantilSexualidade na educação infantil
Sexualidade na educação infantilMary Lopes
 

Destaque (20)

Sistema reprodutor feminino
Sistema reprodutor femininoSistema reprodutor feminino
Sistema reprodutor feminino
 
Human Sexual Reproduction - Males
Human Sexual Reproduction - MalesHuman Sexual Reproduction - Males
Human Sexual Reproduction - Males
 
Hipospádia
HipospádiaHipospádia
Hipospádia
 
OrgãOs Repro
OrgãOs ReproOrgãOs Repro
OrgãOs Repro
 
Como Eu Nasci
Como Eu NasciComo Eu Nasci
Como Eu Nasci
 
A ANATOMIA DOS SISTEMAS REPRODUTORES MASC E FEM
A ANATOMIA DOS SISTEMAS REPRODUTORES MASC E FEMA ANATOMIA DOS SISTEMAS REPRODUTORES MASC E FEM
A ANATOMIA DOS SISTEMAS REPRODUTORES MASC E FEM
 
Sistema Reprodutor Feminino
Sistema Reprodutor FemininoSistema Reprodutor Feminino
Sistema Reprodutor Feminino
 
Educação sexual a história do pedrinho e da joana
Educação sexual   a história do pedrinho e da joanaEducação sexual   a história do pedrinho e da joana
Educação sexual a história do pedrinho e da joana
 
Hypospadias
HypospadiasHypospadias
Hypospadias
 
Sistema reprodutor (masculino e feminino)
Sistema reprodutor (masculino e feminino)Sistema reprodutor (masculino e feminino)
Sistema reprodutor (masculino e feminino)
 
Sexualidade infantil
Sexualidade  infantilSexualidade  infantil
Sexualidade infantil
 
Corpo humano
Corpo humano Corpo humano
Corpo humano
 
Sistema Genital
Sistema GenitalSistema Genital
Sistema Genital
 
Diversidade sexual na escola (cartilha do projeto)
Diversidade sexual na escola (cartilha do projeto)Diversidade sexual na escola (cartilha do projeto)
Diversidade sexual na escola (cartilha do projeto)
 
Hypospadias 3: MAGPI & snod grass (TIP) step by step operative urology series
Hypospadias 3: MAGPI & snod grass (TIP)   step by step operative urology series Hypospadias 3: MAGPI & snod grass (TIP)   step by step operative urology series
Hypospadias 3: MAGPI & snod grass (TIP) step by step operative urology series
 
cartilha sexualidade
 cartilha sexualidade cartilha sexualidade
cartilha sexualidade
 
Sistema Reprodutor
Sistema ReprodutorSistema Reprodutor
Sistema Reprodutor
 
Que grand..[1]
Que grand..[1]Que grand..[1]
Que grand..[1]
 
O Sistema Reprodutor
O Sistema ReprodutorO Sistema Reprodutor
O Sistema Reprodutor
 
Sexualidade na educação infantil
Sexualidade na educação infantilSexualidade na educação infantil
Sexualidade na educação infantil
 

Semelhante a Sistemas reprodutores humanos e hormônios

Fisiologia - Sistema Reprodutivo
Fisiologia - Sistema ReprodutivoFisiologia - Sistema Reprodutivo
Fisiologia - Sistema ReprodutivoPedro Miguel
 
Fisiologia Humana - Sistema Reprodutor e Regulação Hormonal
Fisiologia Humana - Sistema Reprodutor e Regulação HormonalFisiologia Humana - Sistema Reprodutor e Regulação Hormonal
Fisiologia Humana - Sistema Reprodutor e Regulação HormonalAlexandre Alves De Sousa
 
12 bio sistema reprodutor e regulação hormonal
12 bio sistema reprodutor e regulação hormonal12 bio sistema reprodutor e regulação hormonal
12 bio sistema reprodutor e regulação hormonalCarlaCruz88
 
Fisiologia Reprodutiva - Macho.pdf
Fisiologia Reprodutiva - Macho.pdfFisiologia Reprodutiva - Macho.pdf
Fisiologia Reprodutiva - Macho.pdfFernandaSantos690601
 
aula sistema reprodutor
aula sistema reprodutoraula sistema reprodutor
aula sistema reprodutorcarlotabuchi
 
Biologia reproducao
Biologia reproducaoBiologia reproducao
Biologia reproducaoMarcos Elias
 
Estudo de embrio - cels germinativas primordiais
Estudo de embrio - cels germinativas primordiaisEstudo de embrio - cels germinativas primordiais
Estudo de embrio - cels germinativas primordiaisTamara Garcia
 
Sistema reprodutor humano.pptx
Sistema reprodutor humano.pptxSistema reprodutor humano.pptx
Sistema reprodutor humano.pptxmariagrave
 
Sistema reprodutor masculino
Sistema reprodutor masculinoSistema reprodutor masculino
Sistema reprodutor masculinoTiciane Garcia
 
Reprodução humana
Reprodução humanaReprodução humana
Reprodução humanaElighieri
 
Ciências Naturais 9ano-transmissão da vida-bases morfolgicas
Ciências Naturais 9ano-transmissão da vida-bases morfolgicasCiências Naturais 9ano-transmissão da vida-bases morfolgicas
Ciências Naturais 9ano-transmissão da vida-bases morfolgicasLeonardo Alves
 
SISTEMA REPRODUTOR MASCULINO
SISTEMA REPRODUTOR MASCULINOSISTEMA REPRODUTOR MASCULINO
SISTEMA REPRODUTOR MASCULINOJefferson Gomes
 
FISIOLOGIA DO APARELHO REPRODUTOR.pdf[[[
FISIOLOGIA DO APARELHO REPRODUTOR.pdf[[[FISIOLOGIA DO APARELHO REPRODUTOR.pdf[[[
FISIOLOGIA DO APARELHO REPRODUTOR.pdf[[[SaraCastelo7
 

Semelhante a Sistemas reprodutores humanos e hormônios (20)

Reprodução humana.1.4ºbim
Reprodução humana.1.4ºbimReprodução humana.1.4ºbim
Reprodução humana.1.4ºbim
 
Reprodução humana. (2012)
Reprodução humana. (2012)Reprodução humana. (2012)
Reprodução humana. (2012)
 
Fisiologia - Sistema Reprodutivo
Fisiologia - Sistema ReprodutivoFisiologia - Sistema Reprodutivo
Fisiologia - Sistema Reprodutivo
 
Fisiologia Humana - Sistema Reprodutor e Regulação Hormonal
Fisiologia Humana - Sistema Reprodutor e Regulação HormonalFisiologia Humana - Sistema Reprodutor e Regulação Hormonal
Fisiologia Humana - Sistema Reprodutor e Regulação Hormonal
 
12 bio sistema reprodutor e regulação hormonal
12 bio sistema reprodutor e regulação hormonal12 bio sistema reprodutor e regulação hormonal
12 bio sistema reprodutor e regulação hormonal
 
Reprodução Humana
Reprodução HumanaReprodução Humana
Reprodução Humana
 
SemináRio[1]..
SemináRio[1]..SemináRio[1]..
SemináRio[1]..
 
12Bio_unidade1A.pdf
12Bio_unidade1A.pdf12Bio_unidade1A.pdf
12Bio_unidade1A.pdf
 
Biologia reproducao
Biologia reproducaoBiologia reproducao
Biologia reproducao
 
Fisiologia Reprodutiva - Macho.pdf
Fisiologia Reprodutiva - Macho.pdfFisiologia Reprodutiva - Macho.pdf
Fisiologia Reprodutiva - Macho.pdf
 
aula sistema reprodutor
aula sistema reprodutoraula sistema reprodutor
aula sistema reprodutor
 
Biologia reproducao
Biologia reproducaoBiologia reproducao
Biologia reproducao
 
Estudo de embrio - cels germinativas primordiais
Estudo de embrio - cels germinativas primordiaisEstudo de embrio - cels germinativas primordiais
Estudo de embrio - cels germinativas primordiais
 
Sistema reprodutor humano.pptx
Sistema reprodutor humano.pptxSistema reprodutor humano.pptx
Sistema reprodutor humano.pptx
 
Sistema reprodutor masculino
Sistema reprodutor masculinoSistema reprodutor masculino
Sistema reprodutor masculino
 
Reprodução humana
Reprodução humanaReprodução humana
Reprodução humana
 
Ciências Naturais 9ano-transmissão da vida-bases morfolgicas
Ciências Naturais 9ano-transmissão da vida-bases morfolgicasCiências Naturais 9ano-transmissão da vida-bases morfolgicas
Ciências Naturais 9ano-transmissão da vida-bases morfolgicas
 
SISTEMA REPRODUTOR MASCULINO
SISTEMA REPRODUTOR MASCULINOSISTEMA REPRODUTOR MASCULINO
SISTEMA REPRODUTOR MASCULINO
 
Reprodução
ReproduçãoReprodução
Reprodução
 
FISIOLOGIA DO APARELHO REPRODUTOR.pdf[[[
FISIOLOGIA DO APARELHO REPRODUTOR.pdf[[[FISIOLOGIA DO APARELHO REPRODUTOR.pdf[[[
FISIOLOGIA DO APARELHO REPRODUTOR.pdf[[[
 

Mais de Alpha Colégio e Vestibulares

Bioenergética i respiração celular - aulas 31 e 32
Bioenergética i   respiração celular - aulas 31 e 32Bioenergética i   respiração celular - aulas 31 e 32
Bioenergética i respiração celular - aulas 31 e 32Alpha Colégio e Vestibulares
 
Biologia A, Profª Lara, 1ª Série - EM | Infecções bacterianas
Biologia A, Profª Lara, 1ª Série - EM | Infecções bacterianasBiologia A, Profª Lara, 1ª Série - EM | Infecções bacterianas
Biologia A, Profª Lara, 1ª Série - EM | Infecções bacterianasAlpha Colégio e Vestibulares
 
Biologia A, Profª Lara, 1ª Série - EM | Reino monera
Biologia A, Profª Lara, 1ª Série - EM | Reino moneraBiologia A, Profª Lara, 1ª Série - EM | Reino monera
Biologia A, Profª Lara, 1ª Série - EM | Reino moneraAlpha Colégio e Vestibulares
 
Vírus - Tipos e Doenças Virais - Biologia A - Profª Lara
Vírus  - Tipos e Doenças Virais -  Biologia A - Profª LaraVírus  - Tipos e Doenças Virais -  Biologia A - Profª Lara
Vírus - Tipos e Doenças Virais - Biologia A - Profª LaraAlpha Colégio e Vestibulares
 
Profª Quitéria | Biologia | 3ª série EM | Platelmintos e Verminoses
Profª Quitéria | Biologia | 3ª série EM | Platelmintos e VerminosesProfª Quitéria | Biologia | 3ª série EM | Platelmintos e Verminoses
Profª Quitéria | Biologia | 3ª série EM | Platelmintos e VerminosesAlpha Colégio e Vestibulares
 
Profª Quitéria | Biologia | 3ª série EM | Nematódeos e verminoses
 Profª Quitéria | Biologia | 3ª série EM | Nematódeos e verminoses Profª Quitéria | Biologia | 3ª série EM | Nematódeos e verminoses
Profª Quitéria | Biologia | 3ª série EM | Nematódeos e verminosesAlpha Colégio e Vestibulares
 
Bioenergética II - Fisiologia da Fotossíntese - Aulas 35 e 36
Bioenergética II - Fisiologia da Fotossíntese  - Aulas 35 e 36Bioenergética II - Fisiologia da Fotossíntese  - Aulas 35 e 36
Bioenergética II - Fisiologia da Fotossíntese - Aulas 35 e 36Alpha Colégio e Vestibulares
 
Bioenergética II - Fotossíntese e Quimiossíntese - Aulas 33 e 34.
Bioenergética II  - Fotossíntese e Quimiossíntese - Aulas 33 e 34.Bioenergética II  - Fotossíntese e Quimiossíntese - Aulas 33 e 34.
Bioenergética II - Fotossíntese e Quimiossíntese - Aulas 33 e 34.Alpha Colégio e Vestibulares
 

Mais de Alpha Colégio e Vestibulares (20)

Separação de misturas
Separação de misturasSeparação de misturas
Separação de misturas
 
Estudo da Química
Estudo da QuímicaEstudo da Química
Estudo da Química
 
Evolução
EvoluçãoEvolução
Evolução
 
Bioenergética i respiração celular - aulas 31 e 32
Bioenergética i   respiração celular - aulas 31 e 32Bioenergética i   respiração celular - aulas 31 e 32
Bioenergética i respiração celular - aulas 31 e 32
 
Bioenergética respiração celular - aulas 31 e 32
Bioenergética  respiração celular - aulas 31 e 32Bioenergética  respiração celular - aulas 31 e 32
Bioenergética respiração celular - aulas 31 e 32
 
Biologia A, Profª Lara, 1ª Série - EM | Infecções bacterianas
Biologia A, Profª Lara, 1ª Série - EM | Infecções bacterianasBiologia A, Profª Lara, 1ª Série - EM | Infecções bacterianas
Biologia A, Profª Lara, 1ª Série - EM | Infecções bacterianas
 
Biologia A, Profª Lara, 1ª Série - EM | Reino monera
Biologia A, Profª Lara, 1ª Série - EM | Reino moneraBiologia A, Profª Lara, 1ª Série - EM | Reino monera
Biologia A, Profª Lara, 1ª Série - EM | Reino monera
 
Vírus - Tipos e Doenças Virais - Biologia A - Profª Lara
Vírus  - Tipos e Doenças Virais -  Biologia A - Profª LaraVírus  - Tipos e Doenças Virais -  Biologia A - Profª Lara
Vírus - Tipos e Doenças Virais - Biologia A - Profª Lara
 
O Sistema Endócrino
O Sistema EndócrinoO Sistema Endócrino
O Sistema Endócrino
 
Diversidade da vida - Reinos e domínios
Diversidade da vida - Reinos e domíniosDiversidade da vida - Reinos e domínios
Diversidade da vida - Reinos e domínios
 
Os vírus - características e ação
Os vírus  - características e açãoOs vírus  - características e ação
Os vírus - características e ação
 
Gabarito caderno de exercícios 2
Gabarito caderno de exercícios 2Gabarito caderno de exercícios 2
Gabarito caderno de exercícios 2
 
Gabarito Caderno de Exercícios 2
Gabarito Caderno de Exercícios 2Gabarito Caderno de Exercícios 2
Gabarito Caderno de Exercícios 2
 
A origem da vida
A origem da vidaA origem da vida
A origem da vida
 
Sistemas de transporte
Sistemas de transporteSistemas de transporte
Sistemas de transporte
 
Profª Quitéria | Biologia | 3ª série EM | Platelmintos e Verminoses
Profª Quitéria | Biologia | 3ª série EM | Platelmintos e VerminosesProfª Quitéria | Biologia | 3ª série EM | Platelmintos e Verminoses
Profª Quitéria | Biologia | 3ª série EM | Platelmintos e Verminoses
 
Profª Quitéria | Biologia | 3ª série EM | Nematódeos e verminoses
 Profª Quitéria | Biologia | 3ª série EM | Nematódeos e verminoses Profª Quitéria | Biologia | 3ª série EM | Nematódeos e verminoses
Profª Quitéria | Biologia | 3ª série EM | Nematódeos e verminoses
 
Artrópodes
ArtrópodesArtrópodes
Artrópodes
 
Bioenergética II - Fisiologia da Fotossíntese - Aulas 35 e 36
Bioenergética II - Fisiologia da Fotossíntese  - Aulas 35 e 36Bioenergética II - Fisiologia da Fotossíntese  - Aulas 35 e 36
Bioenergética II - Fisiologia da Fotossíntese - Aulas 35 e 36
 
Bioenergética II - Fotossíntese e Quimiossíntese - Aulas 33 e 34.
Bioenergética II  - Fotossíntese e Quimiossíntese - Aulas 33 e 34.Bioenergética II  - Fotossíntese e Quimiossíntese - Aulas 33 e 34.
Bioenergética II - Fotossíntese e Quimiossíntese - Aulas 33 e 34.
 

Último

atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãodanielagracia9
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptxSlides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.azulassessoria9
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...Unidad de Espiritualidad Eudista
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...azulassessoria9
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...azulassessoria9
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...azulassessoria9
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTECAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTEJoaquim Colôa
 
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evoluçãoprofleticiasantosbio
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e Américawilson778875
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 

Último (20)

atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetização
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
 
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptxSlides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
 
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTECAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
 
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e América
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 

Sistemas reprodutores humanos e hormônios

  • 1. Módulo 3 – O Sistema Reprodutor Professora: Bárbara Lemos 8º ano Ensino Fundamental II Biologia
  • 2. Professora Bárbara Lemos 2 REPRODUÇÃO  É o processo pelo qual se torna possível a continuação das espécies
  • 3. Professora Bárbara Lemos3 • Na espécie humana ocorre a junção dos gametas masculino e feminino para formação de um novo indivíduo, a partir da reprodução SEXUADA: Espermatozóide Gameta masculino Ovócito II (óvulo) Gameta feminino
  • 4. Hormônios, puberdade e adolescência • Puberdade (do latim pubertas, “cobrir de pelos”. Alterações físicas, ocasionadas pelos hormônios. • Adolescência  fenômeno social e psicológico, que pode ou não acontecer junto com a puberdade.
  • 6. Professora Bárbara Lemos 6 Principais Glândulas Hipófise FSH (Folículo Estimulante) LH (Luteinizante) Mulher (ovários) Andrógenos (testosterona) Ovogênese (ovócitos II) Homem (testículos) Espermatogênese (espermatozóides) Corpo lúteo HOMEM MULHER
  • 7. Professora Bárbara Lemos 7 Células Somáticas Formam todos os tecidos e órgãos do nosso corpo ≠ Células Germinativas Gametas
  • 9. Professora Bárbara Lemos 9 Testículos Puberdade Caracteres sexuais masculinos Testoterona Estimula a Espermatogênese
  • 10. Professora Bárbara Lemos10 Caracteres Sexuais Secundários - MASCULINO • Início da produção de espermatozóides; • Pelos no pubis, axilas e rosto; • Aumento da produção das glândulas sebáceas favorecendo o aparecimento de cravos e espinhas; • Aumento dos testículos, bolsa escrotal, do pênis, da próstata e da vesícula seminal; • A voz fica mais grave; • Aumento da massa muscular e alargamento dos ombros; • Aumento do peso e altura; • Depósito de gordura no abdômen e nos flancos.
  • 12. Professora Bárbara Lemos 12 glândula de Cowper
  • 13. Professora Bárbara Lemos 13 Espermatozóide Cauda Peça Intermediária Cabeça
  • 14. Professora Bárbara Lemos 14 Testículos Produção de espermatozóides Túbulos seminíferos Epidídimo Maturação dos espermatozóides
  • 15. Professora Bárbara Lemos 15 Canais deferentes Continuação do Epidídimo Circunda a bexiga Fácil acesso para se fazer a vasectomia
  • 16. Professora Bárbara Lemos 16 Canais ejaculadores Fica entre a vesícula seminal e a próstata Continuação dos Canais Deferentes Vesículas Seminais Produz secreção rica em frutose Nutrição dos sptz
  • 17. Professora Bárbara Lemos 17 Próstata Secreta fluido leitoso e alcalino Glândulas bulbouretrais ou de Cowper Mistura de todas as secreções com os sptz Secreção que limpa e lubrifica a uretra Sêmen ou esperma
  • 18. Professora Bárbara Lemos 18 Espermatozóide Canal comum aos sistemas excretor e reprodutor Uretra Pênis Órgão copulador masculino
  • 21. Professora Bárbara Lemos 21 Sistema Reprodutor MASCULINO Uretra Glândulas de Cowper Próstata Vesículas Seminais Canais ejaculadores Canais deferentes Epidídimo Testículos Interno Externo Saco escrotal Pênis
  • 22. Professora Bárbara Lemos 22 REGULAÇÃO HORMONAL MASCULINA Hipófise FSH Gônodas Hormônios gonadotróficos LH (hormônio luteinizante) Células de Leydig Testosterona
  • 23. Professora Bárbara Lemos 23 Hipófise FSH (hormônio folículo estimulante) GônodasHormônios gonadotróficos LH Junto com a Testosterona, estimula a produção de sptz REGULAÇÃO HORMONAL MASCULINA
  • 24. Professora Bárbara Lemos 24 AS MOÇAS SISTEMA REPRODUTOR FEMININO
  • 26. Professora Bárbara Lemos 26 Vagina Canal que comunica o útero a vulva Recebe o pênis durante a cópula ato sexual
  • 28. Professora Bárbara Lemos 28 Ovários Gônodas FEMININAS Produção de hormônio Estrogênio Ovócito II
  • 29. Professora Bárbara Lemos 29 Ovários Puberdade Caracteres sexuais femininos Estrógeno Ciclo Menstrual Estimula o crescimento do endométrio
  • 30. Professora Bárbara Lemos30 Caracteres Sexuais Secundários - FEMININO • Menarca (primeira menstruação); • Pelos no pubis e axilas; • Aumento na produção de glândulas sebáceas favorecendo o surgimento de cravos e espinhas; • Aumento dos ovários, útero e vagina; • Desenvolvimento dos peitos; • Alargamento dos ossos da bacia; • Aumento do peso e altura; • Depósito de gordura nas nádegas, coxas e quadris.
  • 32. Professora Bárbara Lemos 32 Ovários – (Corpo Lúteo) Alta Concentração mantém o endométrio desenvolvido Progesterona Baixa Concentração Estimula a descamação do endométrio
  • 33. Professora Bárbara Lemos 33 Trompas de Falópio Capturam os ovócitos II que saem do ovário Laqueadura de trompas
  • 35. Professora Bárbara Lemos 35 Sistema Reprodutor FEMININO Grandes lábios Vagina Útero Trompas de Falópio Ovário Interno Clitóris Abertura Vaginal Pequenos lábiosExterno
  • 36. Professora Bárbara Lemos 36 REGULAÇÃO HORMONAL FEMININA Hipófise FSH (hormônio folículo estimulante) GônodasHormônios gonadotróficos LH (hormônio luteinizante)
  • 37. Professora Bárbara Lemos 37 Hipófise FSH (hormônio folículo estimulante) GônodasHormônios gonadotróficos LH Estimula o desenvolvimento dos folículos ovarianos REGULAÇÃO HORMONAL FEMININA
  • 38. Professora Bárbara Lemos 38 Hipófise FSH Gônodas Hormônios gonadotróficos LH (hormônio luteinizante) Forma o corpo lúteo REGULAÇÃO HORMONAL FEMININA
  • 39. Professora Bárbara Lemos 39 Hipófise Desenvolvimento das mamas e produção de leite MamasHormônios gonadotróficos LTH (Prolactina) REGULAÇÃO HORMONAL FEMININA

Notas do Editor

  1. 5
  2. 6
  3. 9
  4. 10
  5. 29
  6. 30
  7. 32