Ananiase Safira – O perigo da Mentira<br />Atos. 5. 1-11.<br />A generosidade é uma virtude valiosa, mas quando acompanhad...
Introdução <br />	O que os discípulos fizeram, doando seus bens, vendendo suas propriedades, e trazendo o dinheiro  para o...
I. Propósitos de Ananias e Safira<br />1. A Bíblia Descreve a Verdade.<br />A Bíblia registra pontos positivos e pontos ne...
2. Uma iniciativa Voluntária.<br />Atos. 2. 47; 4. 34.<br />Todos trouxeram aos pés dos apóstolos voluntariamente.<br />Lu...
3. Generosidade Sincera. <br />O ato generoso de Barnabé repercutiu.<br />Ninguém era obrigado a vender seus bens e invest...
II. A Oferta Recusada <br />1. Ofertas são sacrifícios. <br />Caim e Abel<br />Eram filhos do mesmo pai<br />Receberam a m...
2. A diferença é que um era sincero e outro hipócrita.<br />Ambos fizeram uma oferta a Deus<br />Gn. 4. 3-13.<br />A ofert...
3. Ananias e Safira: um casal reprovado. <br />A aparente generosidade de Ananias não foi um ato de fé.<br />Ananias não a...
III. O Juízo Fulminante<br />1. Um juízo implacável.<br />É espantoso este texto, mais foi justamente isto que aconteceu.<...
3. Três horas depois. V 7.<br />As orações publica eram feitas de três em três horas<br />Às 9h da manhã<br />Ao meio dia<...
4. A Surpresa no Tribunal de Cristo.<br />	No tribunal de cristo muitos esperarão ser galardoado, mas quando suas obras fo...
IV. O Temor Sobre a Igreja<br />1. O impacto do Juízo Divino.<br />*O cristianismo estava começando<br />*A hipocrisia dos...
Conclusão<br />	O juízo de Deus nem sempre se manifesta dessa maneira. Por isto, muitos não levam a serio a obra de Deus. ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Ananias e safira o perigo da mentira

28.929 visualizações

Publicada em

MENSAGEM

Publicada em: Espiritual
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
28.929
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
18
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
102
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ananias e safira o perigo da mentira

  1. 1.
  2. 2. Ananiase Safira – O perigo da Mentira<br />Atos. 5. 1-11.<br />A generosidade é uma virtude valiosa, mas quando acompanhada da sinceridade<br />Texto chave – Ec. 5.5.<br />Melhor é que não votes, do que votares e não cumprires. <br />
  3. 3. Introdução <br /> O que os discípulos fizeram, doando seus bens, vendendo suas propriedades, e trazendo o dinheiro para os apóstolos administrarem, era um sacrifício agradável ao Senhor. Era tudo que eles possuíam na vida, mas não hesitaram em doar o que tinham para a obra de Deus. Ananias e safira também desejaram compartilhar dessa generosidade, mas eram hipócritas.<br />
  4. 4. I. Propósitos de Ananias e Safira<br />1. A Bíblia Descreve a Verdade.<br />A Bíblia registra pontos positivos e pontos negativos de seus heróis.<br />Faz que questão de registrar atos que são contrario a mensagem que ela própria prega.<br />Isto acontece porque ela é infalível, fala só a verdade.<br />Aponta a debilidade do gênero humano, mostrando que nenhum homem é perfeito.<br />
  5. 5. 2. Uma iniciativa Voluntária.<br />Atos. 2. 47; 4. 34.<br />Todos trouxeram aos pés dos apóstolos voluntariamente.<br />Lucas fez questão de destacar Barnabé.<br />O Casal fez um voto e não cumpriu – Foram hipócritas diante de Deus.<br />Queriam ser vistos pela Igreja se fazendo de generosos<br />Queriam receber gloria indevida – ser elogiado como pessoas de coração benevolente.<br />
  6. 6. 3. Generosidade Sincera. <br />O ato generoso de Barnabé repercutiu.<br />Ninguém era obrigado a vender seus bens e investir na Obra de Deus.<br />Outros cristãos não venderam, mas serviam a Deus com seus bens.<br />(Atos 12: 12) - E, considerando ele nisto, foi à casa de Maria, mãe de João, que tinha por sobrenome Marcos, onde muitos estavam reunidos e oravam.<br />A maioria dos comentaristas Bíblicos, afirma que, o caso de Ananias e safira, era que eles queriam credito e prestigio, de algo que eles não praticaram. <br />
  7. 7. II. A Oferta Recusada <br />1. Ofertas são sacrifícios. <br />Caim e Abel<br />Eram filhos do mesmo pai<br />Receberam a mesma instrução religiosa<br />Foram criados no mesmo ambiente<br />Gn. 4. 1,2.<br />
  8. 8. 2. A diferença é que um era sincero e outro hipócrita.<br />Ambos fizeram uma oferta a Deus<br />Gn. 4. 3-13.<br />A oferta de Caim foi rejeitada<br />A oferta de Abel foi aceita <br />Essas dádivas posteriormente prescritas na lei de Moisés<br />Nm. 15. 4-9.<br />
  9. 9. 3. Ananias e Safira: um casal reprovado. <br />A aparente generosidade de Ananias não foi um ato de fé.<br />Ananias não agiu licitamente, pelo que inclui o verbo grego (nosphizomai) traduzido por reter. VS. 2,3.<br />Esse verbo no novo testamento só aparece aqui e em Tt. 2. 10 (traduzido por defraudar). “Reter” aqui é no sentido de “subtrair”.<br />Esse mesmo verbo aparece em Js. 7.1, na septuaginta quando Acã tomou do “anátema”.<br />
  10. 10. III. O Juízo Fulminante<br />1. Um juízo implacável.<br />É espantoso este texto, mais foi justamente isto que aconteceu.<br />A realidade é duro mais esse acontecimento é realidade como estar escrito. <br />2. O sepultamento de Ananias.<br />A sentença foi instantânea. v. 5,6.<br />Esses jovens não eram os (coveiros que surgiram posteriormente para o sepultamento dos cristãos), eram moços crentes que estavam presentes.<br />
  11. 11. 3. Três horas depois. V 7.<br />As orações publica eram feitas de três em três horas<br />Às 9h da manhã<br />Ao meio dia<br />Às três horas da tarde<br />Sl. 55. 17; Dn. 6. 10; At. 3. 1.<br />Safira veio oferecer o sacrifício, esperando ser honrada como os irmãos generosos da Igreja.<br />Este fato nos mostra como devemos levar a serio as coisas de Deus.<br />
  12. 12. 4. A Surpresa no Tribunal de Cristo.<br /> No tribunal de cristo muitos esperarão ser galardoado, mas quando suas obras forem manifestadas terão um grande espanto. <br />I Co. 3. 11-15<br /> Neste texto é revelado o valor da sinceridade e a preciosidade da honestidade.<br />5. Não Vale a Pena Ser Infiel.<br /> Não custava nada para o casal ser sinceros no entanto eles foram cegos por três desejos malignos<br />1. Amor ao dinheiro2. O desejo de ser importante3. A obstinação pelo status<br />I Jo. 2. 16. <br />
  13. 13. IV. O Temor Sobre a Igreja<br />1. O impacto do Juízo Divino.<br />*O cristianismo estava começando<br />*A hipocrisia dos fariseus precisava ser erradicada <br />*A Igreja é um grupo escolhido pelo Espírito Santo<br />*É Um povo especial zeloso e de boas obras<br />Tito. 2. 14.<br />É a noiva de Cristo - II Co. 11. 2.<br />Jesus deu a vida por ela e é o que ele tem de mais precioso - Ef. 5. 25. <br />
  14. 14. Conclusão<br /> O juízo de Deus nem sempre se manifesta dessa maneira. Por isto, muitos não levam a serio a obra de Deus. <br /> Muitos praticam algo muito mais grave que o referido casal e, no entanto Deus está dando oportunidade para reconciliação.<br /> Os que continuam no caminho da hipocrisia e malicia e fraudulência, amanhã pode ser tarde Deus é severo com os que ñ levam a serio a sua obra. <br />(Jeremias 48:10) - Maldito aquele que fizer a obra do SENHOR fraudulosamente...<br />

×