SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 69
AS MARCAS  DE UMA  PESSOA  MADURA
 
[object Object]
“ Portanto, deixemos os ensinos elementares a respeito de Cristo e  avancemos para a maturidade,  sem lançar novamente o fundamento do arrependimento de atos que conduzem à morte da fé em Deus”  (Hb 6:1)
“ Quando eu era menino, pensava como menino; mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino”. (1 Cor 13:11 ) “O propósito é que não sejamos mais como crianças... antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo, naquele que é o cabeça, Cristo”. ( Ef 4.14  ,15 ).
NOSSA ORAÇÃO É PARA QUE VOCÊS SEJAM APERFEIÇOADOS - II Co 13.9       ( o termo é o mesmo de Ef 4.12 APERFEIÇOAMENTO )
[object Object]
ETERNAS CRIANÇAS
O QUE A MATURIDADE NÃO É ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
MATURIDADE  X IDADE
O QUE A BÍBLIA DIZ SOBRE MATURIDADE? MATURIDADE É ATITUDE  Tg 3.13
A atitude faz a diferença   É o seu caráter “caráter é o que você é no escuro”.
RECONHECIMENTO  é o que as pessoas dizem a seu respeito,  CARÁTER  é o que Deus diz de você.  Deus diz que são as suas atitudes que determinam se você é maduro ou não.  Deus quer que você cresça e tenha atitudes como as de Cristo.   ( Ef 4.13, Gl 4.19, Cl 1.28 ).
CONCEITOS ERRADOS ACERCA DE CRESCIMENTO ESPIRITUAL ,[object Object],[object Object],[object Object]
CONCEITOS ERRADOS ACERCA DE CRESCIMENTO ESPIRITUAL ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
CONCEITOS ERRADOS ACERCA DE CRESCIMENTO ESPIRITUAL ,[object Object],[object Object],[object Object]
É UM PROCESSO!
CONCEITOS ERRADOS ACERCA DE CRESCIMENTO ESPIRITUAL ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
CONCEITOS ERRADOS ACERCA DE CRESCIMENTO ESPIRITUAL ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
“ Consideremo-nos também uns aos outros,  para nos estimularmos ao amor e às boas obras.  Não  deixemos de congregar-nos,  como é costume de alguns; antes, façamos admoestações.”  (Hb. 10.24-25)
CONCEITOS ERRADOS ACERCA DE CRESCIMENTO ESPIRITUAL ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object]
ENTÃO....! - O crescimento espiritual começa com um compromisso, -  É um processo gradual, - Envolve desenvolvimento de hábitos, -  É estimulado pelos relacionamentos que você encontra na igreja.
MATURIDADE É CAMINHAR SEMPRE NA DIREÇÃO CERTA
NÓS  PRECISAMOS  UNS DOS  OUTROS
PRECISAMOS DE AMIGOS
SÓZINHOS  NÃO  VAMOS  A LUGAR  ALGUM
5 MARCAS DE UMA PESSOA MADURA ,[object Object],[object Object]
“ Meus irmãos, tende por motivo de grande gozo o passardes por várias provações, sabendo que a aprovação da vossa fé produz a perseverança; e a perseverança tenha a sua obra completa, para que sejais MADUROS E ÍNTEGROS, não faltando em coisa alguma…!”   Tg 1:2-4 “Bem-aventurado o homem que suporta a provação; porque,  depois de aprovado,  receberá a coroa da vida, que o Senhor prometeu aos que o amam.”  Tg 1:12
Como você enfrenta os desafios?  O primeiro teste da maturidade é como você reage aos problemas.  Eles acabam com você, deixam você nervoso, apreensivo, negativo? Você murmura e reclama? Como você lida com problemas?
5 MARCAS DE UMA PESSOA MADURA ,[object Object],[object Object]
NÃO MOSTRA FAVORITISMO - Tg 2.1-6 NÃO MOSTRA PARCIALIDADE – Tg 2.9 AGE COM MISERICÓRDIA – Tg 2.12 ESTENDE A MÃO AO IRMÃO – Tg 2.14-17
“ Então o Rei dirá aos que estiverem à sua direita: ‘venham, benditos de meu Pai! Recebam como herança o Reino que lhes foi preparado desde a criação do mundo.   Pois eu tive fome, e vocês me deram de comer; tive sede, e vocês me deram de beber; fui estrangeiro, e vocês me acolheram;   necessitei de roupas, e vocês me vestiram; estive enfermo, e vocês cuidaram de mim; estive preso, e vocês me visitaram’.   Então os justos lhe responderão: ‘Senhor, quando te vimos com fome e te demos de comer, ou com sede e te demos de beber?   Quando te vimos como estrangeiro e te acolhemos, ou necessitado de roupas e te vestimos?   Quando te vimos enfermo ou preso e fomos te visitar? ’   “O Rei responderá:  ‘Digo-lhes a verdade: o que vocês fizeram a algum dos meus menores irmãos, a mim o fizeram’”.  (Mt 25:34-40)
É interessante notarmos que em Mateus 25 somos advertidos de que também seremos julgados pelo modo como tratamos as pessoas e não pelos versículos da Bíblia que decoramos ou pelo número de vezes que fomos à igreja. Não será importante a reputação que alcançamos como líderes na Igreja,  mas sim o tratamento que dispensamos às pessoas.
“ Que proveito há, meus irmãos se alguém disser que tem fé e não tiver obras? Porventura essa fé pode salvá-lo? Se um irmão ou uma irmã estiverem nus e tiverem falta de mantimento cotidiano, e algum de vós lhes disser: Ide em paz, aquentai-vos e fartai-vos; e não lhes derdes as coisas necessárias para o corpo, que proveito há nisso?  “  Tg 2:14-16
5 MARCAS DE UMA PESSOA MADURA ,[object Object]
[object Object]
[object Object]
[object Object],[object Object]
Nenhuma palavra torpe saia da boca de vocês,  mas apenas a que for útil para edificar os outros,   conforme a necessidade,  para que conceda graça aos que a ouvem.  (Ef 4:29)
[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object]
Se você memorizou milhares de versículos, participou de estudos sobre todos os livros da Bíblia e foi a todos os cultos,  mas tem a língua solta, sua religião é vazia.   Se você espalha rumores, é inútil.  Se você sempre diz coisas que não são corretas, exagera ou fala impulsivamente, é inútil.  O teste da maturidade é o controle da sua língua para não corromper a comunicação e impedir que algo negativo saia da sua boca .
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
O mercador, não muito convencido, quis testar a sabedoria do seu escravo e o enviou novamente ao mercado, ordenando-lhe que trouxesse o pior dos alimentos. Voltou Esopo com um lindo prato, coberto de fino tecido, que o mercador retirou, ansioso, para conhecer o alimento mais repugnante. Língua, outra vez! diz o mercador, espantado. Sim, língua, diz o escravo, agora mais altivo. É a língua que condena, separa, provoca intrigas e ciúmes, é com ela que você blasfema, manda para o inferno, prepara o mal para o outro; a língua expulsa, isola; com ela você diz "demônio", engana o irmão, responde para a mãe, xinga o pai, a língua declara guerra, destrói civilizações; é com ela que você pronuncia a condenação à morte.
PÕE UM GUARDA À MINHA BOCA VIGIA A PORTA DOS MEUS LÁBIOS "ZIPPERR" SL 141.3
5 MARCAS DE UMA PESSOA MADURA ,[object Object],[object Object]
Diz que existem disputas e brigas e que elas vêm de nossas paixões interiores.  Você quer algo e não consegue. Você ambiciona e mata, mas não consegue ter o que quer.  Você briga ,  luta e não tem o que deseja porque não pede a Deus.
Será que você é um pacificador?  Ou um criador de problemas?  Você gosta de discutir? Você é uma pessoa contida? Você fere as pessoas? Você fica na defensiva freqüentemente? Você fere os sentimentos das outras pessoas?
Por que há tantos conflitos no mundo? Por que há conflitos no casamento?  Por que há conflitos onde você trabalha?  Por que há conflitos entre você e um antigo amigo?  Por que há conflitos entre você e outro cristão?  Por que há conflitos entre você e Deus? Por que há conflito? INVEJA
Quando pedem, não recebem, pois pedem por motivos errados, para gastar em seus prazeres.  (Tg 4:3)
2 RAZÕES PARA CONFLITOS ,[object Object],[object Object]
O MUNDO GIRA PARA SATISFAZER OS MEUS CAPRICHOS.  ELE NÃO PENSA NO OUTRO,  ELE PENSA EM SI. COMO AS PESSOAS PODEM ME FAZER FELIZ?
[object Object],[object Object],[object Object],2 RAZÕES PARA CONFLITOS
PORQUE NÃO JULGAR? ,[object Object],[object Object],[object Object]
5 MARCAS DE UMA PESSOA MADURA ,[object Object]
“ Portanto, irmãos, sede pacientes até a vinda do Senhor. Eis que o lavrador espera o precioso fruto da terra, aguardando-o com paciência, até que receba as primeiras e as últimas chuvas. Sede vós também pacientes; fortalecei os vossos corações, porque a vinda do Senhor está próxima. Não vos queixeis, irmãos, uns dos outros, para que não sejais julgados. Eis que o juiz está à porta.
[object Object],[object Object],[object Object]
Circule as palavras  “paciência”  e  “oração”.   Deus diz que uma pessoa madura é paciente e ora.
“Paciente” é utilizada  quatro vezes  e “oração” é usada  sete.   As duas juntas expressam uma atitude de dependência de Deus.
[object Object],[object Object]
QUAIS TESTES PARA SABER  NÍVEL DE MATURIDADE? ,[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object]
É UM PROCESSO!
MATURIDADE É CAMINHAR SEMPRE NA DIREÇÃO CERTA
NÓS  PRECISAMOS  UNS DOS  OUTROS
PRECISAMOS DE AMIGOS
SÓZINHOS  NÃO  VAMOS  A LUGAR  ALGUM

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Princípios para uma Vida de Santidade
Princípios para uma Vida de SantidadePrincípios para uma Vida de Santidade
Princípios para uma Vida de SantidadeIBMemorialJC
 
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nósLição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nósÉder Tomé
 
Maturidade Espiritual com DMZeca
Maturidade Espiritual com DMZecaMaturidade Espiritual com DMZeca
Maturidade Espiritual com DMZecaDM Zeca
 
Vencendo as obras da carne - Pecados emocionais
Vencendo as obras da carne - Pecados emocionaisVencendo as obras da carne - Pecados emocionais
Vencendo as obras da carne - Pecados emocionaisMichel Plattiny
 
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do ObreiroCETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do ObreiroEdnilson do Valle
 
As obras da carne e do Espírito
As obras da carne e do EspíritoAs obras da carne e do Espírito
As obras da carne e do EspíritoJoselito Machado
 
Lição 5 - É necessário nascer de novo
Lição 5 - É necessário nascer de novoLição 5 - É necessário nascer de novo
Lição 5 - É necessário nascer de novoÉder Tomé
 
Lição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante VigilânciaLição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante VigilânciaÉder Tomé
 
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser SuestimadaLição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser SuestimadaÉder Tomé
 
Aula #001 Dons do Espírito Santo[2011]
Aula #001 Dons do Espírito Santo[2011]Aula #001 Dons do Espírito Santo[2011]
Aula #001 Dons do Espírito Santo[2011]TH
 
Pregação crescimento Espiritual
Pregação crescimento EspiritualPregação crescimento Espiritual
Pregação crescimento Espiritualsuzyanne2010
 
Fases do crescimento espiritual
Fases do crescimento espiritualFases do crescimento espiritual
Fases do crescimento espiritualMarcelo Lieuthier
 

Mais procurados (20)

Princípios para uma Vida de Santidade
Princípios para uma Vida de SantidadePrincípios para uma Vida de Santidade
Princípios para uma Vida de Santidade
 
A armadura de_deus_completa
A armadura de_deus_completaA armadura de_deus_completa
A armadura de_deus_completa
 
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nósLição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
Lição 10 - Santificação: vontade e chamado de Deus para nós
 
Maturidade Espiritual com DMZeca
Maturidade Espiritual com DMZecaMaturidade Espiritual com DMZeca
Maturidade Espiritual com DMZeca
 
Vencendo as obras da carne - Pecados emocionais
Vencendo as obras da carne - Pecados emocionaisVencendo as obras da carne - Pecados emocionais
Vencendo as obras da carne - Pecados emocionais
 
A doutrina do pecado
A doutrina do pecadoA doutrina do pecado
A doutrina do pecado
 
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do ObreiroCETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
CETADEB - Lição 4 e 5 - O Preparo do Obreiro
 
As obras da carne e do Espírito
As obras da carne e do EspíritoAs obras da carne e do Espírito
As obras da carne e do Espírito
 
Lição 5 - É necessário nascer de novo
Lição 5 - É necessário nascer de novoLição 5 - É necessário nascer de novo
Lição 5 - É necessário nascer de novo
 
Batalha espiritual
Batalha espiritualBatalha espiritual
Batalha espiritual
 
Lição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante VigilânciaLição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
 
LIBERTAÇÃO
LIBERTAÇÃOLIBERTAÇÃO
LIBERTAÇÃO
 
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser SuestimadaLição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
 
O pecado de Davi
O pecado de DaviO pecado de Davi
O pecado de Davi
 
O poder do chamado de deus
O poder do chamado de deus O poder do chamado de deus
O poder do chamado de deus
 
Aula #001 Dons do Espírito Santo[2011]
Aula #001 Dons do Espírito Santo[2011]Aula #001 Dons do Espírito Santo[2011]
Aula #001 Dons do Espírito Santo[2011]
 
Pregação crescimento Espiritual
Pregação crescimento EspiritualPregação crescimento Espiritual
Pregação crescimento Espiritual
 
Maturidade CRISTA
Maturidade CRISTAMaturidade CRISTA
Maturidade CRISTA
 
Fases do crescimento espiritual
Fases do crescimento espiritualFases do crescimento espiritual
Fases do crescimento espiritual
 
Treinamento obreiros e auxiliares
Treinamento obreiros e auxiliaresTreinamento obreiros e auxiliares
Treinamento obreiros e auxiliares
 

Semelhante a Marcas De Uma Pessoa Madura

Jovens nao conf. mas sendo forma
Jovens nao conf. mas sendo formaJovens nao conf. mas sendo forma
Jovens nao conf. mas sendo formaNivaldo R. Santos
 
SLIDES DA ESCOLA DE LÍDERES DA EBGET MESTRE ALESANDRO.pptx
SLIDES DA ESCOLA DE LÍDERES DA EBGET MESTRE ALESANDRO.pptxSLIDES DA ESCOLA DE LÍDERES DA EBGET MESTRE ALESANDRO.pptx
SLIDES DA ESCOLA DE LÍDERES DA EBGET MESTRE ALESANDRO.pptxALEXDELIMAGOMES
 
Domando a língua_Lição_original com textos_742014
Domando a língua_Lição_original com textos_742014Domando a língua_Lição_original com textos_742014
Domando a língua_Lição_original com textos_742014Gerson G. Ramos
 
EBD 2015 - Curriculo da EBD - Ano 2015
EBD 2015 - Curriculo da EBD - Ano 2015EBD 2015 - Curriculo da EBD - Ano 2015
EBD 2015 - Curriculo da EBD - Ano 2015Sergio Silva
 
EBJ - Encontro 12/02/12
EBJ - Encontro 12/02/12EBJ - Encontro 12/02/12
EBJ - Encontro 12/02/12EBJ IPBCP
 
Escola de Profetas - Guia Profético.pdf
Escola de Profetas - Guia Profético.pdfEscola de Profetas - Guia Profético.pdf
Escola de Profetas - Guia Profético.pdfEzequielNeto5
 
Escola de Profetas - Guia Profético.pdf
Escola de Profetas - Guia Profético.pdfEscola de Profetas - Guia Profético.pdf
Escola de Profetas - Guia Profético.pdfEzequielNeto5
 
9 regras para a vida espiritual
9 regras para a vida espiritual9 regras para a vida espiritual
9 regras para a vida espiritualRenato Rodrigues
 
Santidade prática
Santidade práticaSantidade prática
Santidade práticaSilvio Dutra
 
Lição 11 - Vivendo de Forma Moderada
Lição 11 - Vivendo de Forma ModeradaLição 11 - Vivendo de Forma Moderada
Lição 11 - Vivendo de Forma ModeradaErberson Pinheiro
 
Fe fundamental
Fe fundamentalFe fundamental
Fe fundamentalAlexSteeve
 
Lição_922016_Ídolos da alma e outras lições de Jesus_GGR
Lição_922016_Ídolos da alma e outras lições de Jesus_GGRLição_922016_Ídolos da alma e outras lições de Jesus_GGR
Lição_922016_Ídolos da alma e outras lições de Jesus_GGRGerson G. Ramos
 
Crescer em cristo juniores
Crescer em cristo   junioresCrescer em cristo   juniores
Crescer em cristo junioresSandra Fuso
 
Lição 01 - O Relativismo Moral.
Lição 01 - O Relativismo Moral.Lição 01 - O Relativismo Moral.
Lição 01 - O Relativismo Moral.Marcus Wagner
 
Lição 2 advertências contra o adultério
Lição 2   advertências contra o adultérioLição 2   advertências contra o adultério
Lição 2 advertências contra o adultérioNatalino das Neves Neves
 
3º trimestre 2015 adolescentes lição 13
3º trimestre 2015 adolescentes lição 133º trimestre 2015 adolescentes lição 13
3º trimestre 2015 adolescentes lição 13Joel Silva
 
3º trimestre 2015 adolescentes lição 13
3º trimestre 2015 adolescentes lição 133º trimestre 2015 adolescentes lição 13
3º trimestre 2015 adolescentes lição 13Joel de Oliveira
 
34 Os Pregadores do Movimento da Fé (Neopentecostalismo) (Parte 1)
34   Os Pregadores do Movimento da Fé (Neopentecostalismo) (Parte 1)34   Os Pregadores do Movimento da Fé (Neopentecostalismo) (Parte 1)
34 Os Pregadores do Movimento da Fé (Neopentecostalismo) (Parte 1)Robson Tavares Fernandes
 

Semelhante a Marcas De Uma Pessoa Madura (20)

Jovens nao conf. mas sendo forma
Jovens nao conf. mas sendo formaJovens nao conf. mas sendo forma
Jovens nao conf. mas sendo forma
 
SLIDES DA ESCOLA DE LÍDERES DA EBGET MESTRE ALESANDRO.pptx
SLIDES DA ESCOLA DE LÍDERES DA EBGET MESTRE ALESANDRO.pptxSLIDES DA ESCOLA DE LÍDERES DA EBGET MESTRE ALESANDRO.pptx
SLIDES DA ESCOLA DE LÍDERES DA EBGET MESTRE ALESANDRO.pptx
 
Domando a língua_Lição_original com textos_742014
Domando a língua_Lição_original com textos_742014Domando a língua_Lição_original com textos_742014
Domando a língua_Lição_original com textos_742014
 
EBD 2015 - Curriculo da EBD - Ano 2015
EBD 2015 - Curriculo da EBD - Ano 2015EBD 2015 - Curriculo da EBD - Ano 2015
EBD 2015 - Curriculo da EBD - Ano 2015
 
Nova Criatura (M.D.A.)
Nova Criatura (M.D.A.)Nova Criatura (M.D.A.)
Nova Criatura (M.D.A.)
 
EBJ - Encontro 12/02/12
EBJ - Encontro 12/02/12EBJ - Encontro 12/02/12
EBJ - Encontro 12/02/12
 
Escola de Profetas - Guia Profético.pdf
Escola de Profetas - Guia Profético.pdfEscola de Profetas - Guia Profético.pdf
Escola de Profetas - Guia Profético.pdf
 
Escola de Profetas - Guia Profético.pdf
Escola de Profetas - Guia Profético.pdfEscola de Profetas - Guia Profético.pdf
Escola de Profetas - Guia Profético.pdf
 
9 regras para a vida espiritual
9 regras para a vida espiritual9 regras para a vida espiritual
9 regras para a vida espiritual
 
Santidade prática
Santidade práticaSantidade prática
Santidade prática
 
Crescendo na vida
Crescendo na vidaCrescendo na vida
Crescendo na vida
 
Lição 11 - Vivendo de Forma Moderada
Lição 11 - Vivendo de Forma ModeradaLição 11 - Vivendo de Forma Moderada
Lição 11 - Vivendo de Forma Moderada
 
Fe fundamental
Fe fundamentalFe fundamental
Fe fundamental
 
Lição_922016_Ídolos da alma e outras lições de Jesus_GGR
Lição_922016_Ídolos da alma e outras lições de Jesus_GGRLição_922016_Ídolos da alma e outras lições de Jesus_GGR
Lição_922016_Ídolos da alma e outras lições de Jesus_GGR
 
Crescer em cristo juniores
Crescer em cristo   junioresCrescer em cristo   juniores
Crescer em cristo juniores
 
Lição 01 - O Relativismo Moral.
Lição 01 - O Relativismo Moral.Lição 01 - O Relativismo Moral.
Lição 01 - O Relativismo Moral.
 
Lição 2 advertências contra o adultério
Lição 2   advertências contra o adultérioLição 2   advertências contra o adultério
Lição 2 advertências contra o adultério
 
3º trimestre 2015 adolescentes lição 13
3º trimestre 2015 adolescentes lição 133º trimestre 2015 adolescentes lição 13
3º trimestre 2015 adolescentes lição 13
 
3º trimestre 2015 adolescentes lição 13
3º trimestre 2015 adolescentes lição 133º trimestre 2015 adolescentes lição 13
3º trimestre 2015 adolescentes lição 13
 
34 Os Pregadores do Movimento da Fé (Neopentecostalismo) (Parte 1)
34   Os Pregadores do Movimento da Fé (Neopentecostalismo) (Parte 1)34   Os Pregadores do Movimento da Fé (Neopentecostalismo) (Parte 1)
34 Os Pregadores do Movimento da Fé (Neopentecostalismo) (Parte 1)
 

Marcas De Uma Pessoa Madura

  • 1. AS MARCAS DE UMA PESSOA MADURA
  • 2.  
  • 3.
  • 4. “ Portanto, deixemos os ensinos elementares a respeito de Cristo e avancemos para a maturidade, sem lançar novamente o fundamento do arrependimento de atos que conduzem à morte da fé em Deus” (Hb 6:1)
  • 5. “ Quando eu era menino, pensava como menino; mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino”. (1 Cor 13:11 ) “O propósito é que não sejamos mais como crianças... antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo, naquele que é o cabeça, Cristo”. ( Ef 4.14 ,15 ).
  • 6. NOSSA ORAÇÃO É PARA QUE VOCÊS SEJAM APERFEIÇOADOS - II Co 13.9 ( o termo é o mesmo de Ef 4.12 APERFEIÇOAMENTO )
  • 7.
  • 9.
  • 10. MATURIDADE X IDADE
  • 11. O QUE A BÍBLIA DIZ SOBRE MATURIDADE? MATURIDADE É ATITUDE Tg 3.13
  • 12. A atitude faz a diferença É o seu caráter “caráter é o que você é no escuro”.
  • 13. RECONHECIMENTO é o que as pessoas dizem a seu respeito, CARÁTER é o que Deus diz de você. Deus diz que são as suas atitudes que determinam se você é maduro ou não. Deus quer que você cresça e tenha atitudes como as de Cristo. ( Ef 4.13, Gl 4.19, Cl 1.28 ).
  • 14.
  • 15.
  • 16.
  • 18.
  • 19.
  • 20. “ Consideremo-nos também uns aos outros, para nos estimularmos ao amor e às boas obras. Não deixemos de congregar-nos, como é costume de alguns; antes, façamos admoestações.” (Hb. 10.24-25)
  • 21.
  • 22.
  • 23. ENTÃO....! - O crescimento espiritual começa com um compromisso, - É um processo gradual, - Envolve desenvolvimento de hábitos, - É estimulado pelos relacionamentos que você encontra na igreja.
  • 24. MATURIDADE É CAMINHAR SEMPRE NA DIREÇÃO CERTA
  • 25. NÓS PRECISAMOS UNS DOS OUTROS
  • 27. SÓZINHOS NÃO VAMOS A LUGAR ALGUM
  • 28.
  • 29. “ Meus irmãos, tende por motivo de grande gozo o passardes por várias provações, sabendo que a aprovação da vossa fé produz a perseverança; e a perseverança tenha a sua obra completa, para que sejais MADUROS E ÍNTEGROS, não faltando em coisa alguma…!” Tg 1:2-4 “Bem-aventurado o homem que suporta a provação; porque, depois de aprovado, receberá a coroa da vida, que o Senhor prometeu aos que o amam.” Tg 1:12
  • 30. Como você enfrenta os desafios? O primeiro teste da maturidade é como você reage aos problemas. Eles acabam com você, deixam você nervoso, apreensivo, negativo? Você murmura e reclama? Como você lida com problemas?
  • 31.
  • 32. NÃO MOSTRA FAVORITISMO - Tg 2.1-6 NÃO MOSTRA PARCIALIDADE – Tg 2.9 AGE COM MISERICÓRDIA – Tg 2.12 ESTENDE A MÃO AO IRMÃO – Tg 2.14-17
  • 33. “ Então o Rei dirá aos que estiverem à sua direita: ‘venham, benditos de meu Pai! Recebam como herança o Reino que lhes foi preparado desde a criação do mundo. Pois eu tive fome, e vocês me deram de comer; tive sede, e vocês me deram de beber; fui estrangeiro, e vocês me acolheram; necessitei de roupas, e vocês me vestiram; estive enfermo, e vocês cuidaram de mim; estive preso, e vocês me visitaram’. Então os justos lhe responderão: ‘Senhor, quando te vimos com fome e te demos de comer, ou com sede e te demos de beber? Quando te vimos como estrangeiro e te acolhemos, ou necessitado de roupas e te vestimos? Quando te vimos enfermo ou preso e fomos te visitar? ’ “O Rei responderá: ‘Digo-lhes a verdade: o que vocês fizeram a algum dos meus menores irmãos, a mim o fizeram’”. (Mt 25:34-40)
  • 34. É interessante notarmos que em Mateus 25 somos advertidos de que também seremos julgados pelo modo como tratamos as pessoas e não pelos versículos da Bíblia que decoramos ou pelo número de vezes que fomos à igreja. Não será importante a reputação que alcançamos como líderes na Igreja, mas sim o tratamento que dispensamos às pessoas.
  • 35. “ Que proveito há, meus irmãos se alguém disser que tem fé e não tiver obras? Porventura essa fé pode salvá-lo? Se um irmão ou uma irmã estiverem nus e tiverem falta de mantimento cotidiano, e algum de vós lhes disser: Ide em paz, aquentai-vos e fartai-vos; e não lhes derdes as coisas necessárias para o corpo, que proveito há nisso? “ Tg 2:14-16
  • 36.
  • 37.
  • 38.
  • 39.
  • 40. Nenhuma palavra torpe saia da boca de vocês, mas apenas a que for útil para edificar os outros, conforme a necessidade, para que conceda graça aos que a ouvem. (Ef 4:29)
  • 41.
  • 42.
  • 43. Se você memorizou milhares de versículos, participou de estudos sobre todos os livros da Bíblia e foi a todos os cultos, mas tem a língua solta, sua religião é vazia. Se você espalha rumores, é inútil. Se você sempre diz coisas que não são corretas, exagera ou fala impulsivamente, é inútil. O teste da maturidade é o controle da sua língua para não corromper a comunicação e impedir que algo negativo saia da sua boca .
  • 44.
  • 45. O mercador, não muito convencido, quis testar a sabedoria do seu escravo e o enviou novamente ao mercado, ordenando-lhe que trouxesse o pior dos alimentos. Voltou Esopo com um lindo prato, coberto de fino tecido, que o mercador retirou, ansioso, para conhecer o alimento mais repugnante. Língua, outra vez! diz o mercador, espantado. Sim, língua, diz o escravo, agora mais altivo. É a língua que condena, separa, provoca intrigas e ciúmes, é com ela que você blasfema, manda para o inferno, prepara o mal para o outro; a língua expulsa, isola; com ela você diz "demônio", engana o irmão, responde para a mãe, xinga o pai, a língua declara guerra, destrói civilizações; é com ela que você pronuncia a condenação à morte.
  • 46. PÕE UM GUARDA À MINHA BOCA VIGIA A PORTA DOS MEUS LÁBIOS "ZIPPERR" SL 141.3
  • 47.
  • 48. Diz que existem disputas e brigas e que elas vêm de nossas paixões interiores. Você quer algo e não consegue. Você ambiciona e mata, mas não consegue ter o que quer. Você briga , luta e não tem o que deseja porque não pede a Deus.
  • 49. Será que você é um pacificador? Ou um criador de problemas? Você gosta de discutir? Você é uma pessoa contida? Você fere as pessoas? Você fica na defensiva freqüentemente? Você fere os sentimentos das outras pessoas?
  • 50. Por que há tantos conflitos no mundo? Por que há conflitos no casamento? Por que há conflitos onde você trabalha? Por que há conflitos entre você e um antigo amigo? Por que há conflitos entre você e outro cristão? Por que há conflitos entre você e Deus? Por que há conflito? INVEJA
  • 51. Quando pedem, não recebem, pois pedem por motivos errados, para gastar em seus prazeres. (Tg 4:3)
  • 52.
  • 53. O MUNDO GIRA PARA SATISFAZER OS MEUS CAPRICHOS. ELE NÃO PENSA NO OUTRO, ELE PENSA EM SI. COMO AS PESSOAS PODEM ME FAZER FELIZ?
  • 54.
  • 55.
  • 56.
  • 57. “ Portanto, irmãos, sede pacientes até a vinda do Senhor. Eis que o lavrador espera o precioso fruto da terra, aguardando-o com paciência, até que receba as primeiras e as últimas chuvas. Sede vós também pacientes; fortalecei os vossos corações, porque a vinda do Senhor está próxima. Não vos queixeis, irmãos, uns dos outros, para que não sejais julgados. Eis que o juiz está à porta.
  • 58.
  • 59. Circule as palavras “paciência” e “oração”. Deus diz que uma pessoa madura é paciente e ora.
  • 60. “Paciente” é utilizada quatro vezes e “oração” é usada sete. As duas juntas expressam uma atitude de dependência de Deus.
  • 61.
  • 62.
  • 63.
  • 64.
  • 66. MATURIDADE É CAMINHAR SEMPRE NA DIREÇÃO CERTA
  • 67. NÓS PRECISAMOS UNS DOS OUTROS
  • 69. SÓZINHOS NÃO VAMOS A LUGAR ALGUM