FACULDADE DE TECNOLOGIA DE CAPÃO BONITOEfeitos do Extrato Aquoso Syzygium cumini na     Germinação de Brachiária decumbes ...
Efeitos do Extrato Aquoso Syzygium cumini na               Germinação de Brachiária decumbesIntroduçãoO jambolão (Syzygium...
de fitoquímicos encontrados nas diferentes partes da planta são flavonóides comoas antocianinas, a quercetina, a rutina a ...
O extrato das folhas de jambolão foi feito com folhas verdes pesadas, em seguida foiadicionado 500 ml de água e as folhas ...
Germbox com as series de repetições com as diferentes concentrações do extrato.. Osgermbox com coloração mais escura são a...
120               115               110Germinação %               105                                                   Sé...
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICASDisponível em:<http://www.esalq.usp.br/siesalq/pm/jambolao.pdf><http://www.cpap.embrapa.br/publi...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Efeitos do extrato aquoso syzygium cumini

426 visualizações

Publicada em

Alelopatia.

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
426
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Efeitos do extrato aquoso syzygium cumini

  1. 1. FACULDADE DE TECNOLOGIA DE CAPÃO BONITOEfeitos do Extrato Aquoso Syzygium cumini na Germinação de Brachiária decumbes Caetana Aparecida Coevas VI nível - Tarde CAPÃO BONITO – SP 2012
  2. 2. Efeitos do Extrato Aquoso Syzygium cumini na Germinação de Brachiária decumbesIntroduçãoO jambolão (Syzygium cumini), também conhecido como jamelão, pertence à famíliaMyrtaceae, que inclui também espécies de outras frutas tropicais bastante consumidasno Brasil como a goiaba (Psidium guajava L.) e a pitanga (Eugenia uniflora L.).O Jamelão é uma espécie exótica da família Myrtaceae. Arvore de grande rusticidade ede rápido crescimento, é amplamente plantada em beira de estradas. Apesar de suaorigem tropical pode ser ultivada em todo o territorio brasileiro. Aprecia solos umidos eo calor, tornando-se subespontanea em muitas regiões (Lorenzi, 2003).Originário da Índia, o jambolão adaptou-se muito bem às condições de solo e clima doBrasil, tornando-se espécie subespontânea na região Nordeste. A árvore frondosaproduz pequenos frutos ovóides, que são roxos quando maduros, parecidos com umaazeitona. O sabor é suave, sem aroma característico forte, embora um poucoadstringente ao paladar.A árvore é de grande porte e muito bem adaptada às condições brasileiras, apesarde ser originária da Índia ,Indonésia, China e Antilhas, é também cultivada em váriospaíses, pois cresce muito bem em diferentes tipos de solo.A frutificação ocorre de janeiro a maio e os frutos são do tipo baga, assemelhando-sebastante às azeitonas. Sua coloração, inicialmente branca, torna-se vermelha eposteriormente preta, quando maduras. Sua semente fica envolvida por uma polpacarnosa e comestível, doce, mas adstringente, sendo agradável ao paladar. No Brasil,o fruto é geralmente consumido in natura, porém esta fruta pode ser processada naforma de compotas, licores, vinhos, vinagre, geléias, geleiadas, tortas, doces, entreoutras.No jambolão são encontradas substâncias químicas denominadas fitoquímicos oucompostos secundários. Estas substâncias são produzidas naturalmente pelas plantaspara se protegerem do ataque de pragas e doenças e também ajudam a suportar ascondições adversas do ambiente. Muitos destes fitoquímicos atuam na prevenção e nocombate de doenças crônicas como o câncer e as doenças cardiovasculares. Exemplos
  3. 3. de fitoquímicos encontrados nas diferentes partes da planta são flavonóides comoas antocianinas, a quercetina, a rutina a mirecetina com seus glicosídeos (açúcares)e os taninos hidrolisáveis. Ainda a presença do polifenol, ácido elágico, deve serconsiderada por ser uma substância comprovadamente eficaz na prevenção de doençascrônicas não transmissíveis.Os capins do gênero Brachiaria, cerca de 90 espécies, comumente chamados debraquiária, têm distribuição marcadamente tropical, tendo como centro de origemprimário a África Equatorial (Ghisi,1991). No Brasil, como forrageira é conhecidadesde a década de 1950 (Alcantara, 1986). Conta-se que as braquiárias entraram noBrasil juntamente com os escravos, pois serviam de colchão nos navios negreiros.A Brachiária Decumbens é a mais rústica das Brachiárias, Foi a primeira Brachiária aentrar no Brasil, adapta-se em todos os tipos de solo e regiões do Brasil. Tem altaprodutividade em solos ácidos e de baixa fertilidade, ótima para solos de cerrado emuito produtiva em solos férteis. Possui elevada disseminação pela semeadura natural.Possui boa resistência ao sombreamento, responde bem a adubação, não tolera áreasúmidas. Recupera-se bem depois do pastejo e após a queimada.ObjetivosNesse teste avaliou-se o efeito inibitório do extrato aquoso Syzygium cumini nagerminação de Brachiária decumbes, que é uma planta perene, pertencente à famíliaGramínea. A braquiária é uma planta invasora das mais frequentes nos solos delavouras anuais, em função da competição por água. Vegeta no período quente do anoapresentando uma agressividade competitiva incomum, dominando totalmente oambiente que invade.Material e MétodosSementes de Braquiária – 10 unidadesFolhas verdes de jambolão – 100gCaixas germbox folhas de papelExtrato aquoso das folhas de jambolão (Syzygium cumini).
  4. 4. O extrato das folhas de jambolão foi feito com folhas verdes pesadas, em seguida foiadicionado 500 ml de água e as folhas foram batidas no liquidificador para obtenção doextrato. A mistura obtida da trituração foi considerada como o extrato 100%.O extrato obtido foi diluído com água para obtenção de misturas com concentrações de20%, 40%, e 60%.Foram realizados quatro repetições de cada tratamento. Utilizou-se 10 sementes debraquiária por germbox forrados com 2 folhas de papel, em seguida foi adicionado 12ml do extrato aquoso em cada germbox.Os recipientes foram tampados e acondicionados em sacos plásticos.Tratamento usadoAs concentrações de extrato usadas foram:Tratamento 0 - TestemunhaTratamento 1 – 20% de extratoTratamento 2 – 40% de extratoTratamento 3 – 60% de extratoTratamento 4 – 100% de extratoGERMBOX COM AS SEMENTES GERMINADAS
  5. 5. Germbox com as series de repetições com as diferentes concentrações do extrato.. Osgermbox com coloração mais escura são as que foram utilizado o extrato com aconcentração de 100%.CONTAGEM DAS SEMENTES GERMINADASResultados e DiscussãoForam feitas contagens das sementes germinadas no 14º dia, e consideradas comogerminadas todas as sementes que apresentaram ruptura do tegumento das sementes. Oresultado obtido demonstra que o extrato não apresentou efeito alopático que iniba agerminação da espécie Brachiária Decumbens.O gráfico apresenta o resultado do teste do extrato aquoso na germinação das sementes.
  6. 6. 120 115 110Germinação % 105 Série1 100 95 90 0 1 2 3 4 Tratamentos
  7. 7. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICASDisponível em:<http://www.esalq.usp.br/siesalq/pm/jambolao.pdf><http://www.cpap.embrapa.br/publicacoes/online/BP33.pdf><http://www.cpact.embrapa.br/imprensa/artigos/2009/jambolao_Marcia.pdf>

×