RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDC N° 15
Fernando Bustamante
O QUE SÃO RESÍDUOS ?
- Resíduos Domiciliares
- Resíduos Comerciais
- Resíduos de Serviços de Saúde
- Varrição
- Entulhos
-...
To green
D E F I N I Ç Õ E S
ANVISA - São todos aqueles resultantes de atividades exercidas
nos serviços de saúde que, por...
To green
CLASSIFICAÇÃO DOS RESÍDUOS SOLIDOS DE SAÚDE
CLASSIFICAÇÃO ANVISA
GRUPO “A” = Substâncias infectantes
GRUPO “B” = ...
To green
RISCOS POTENCIAIS DOS RESÍDUOS
PRIONS
ESPOROS
MICOBACTÉRIAS
( EX. TUBERCULOSIS / M. AVIUN / M. CHELONAE)
PEQUENOS...
To green
PLANO DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS
GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS
DOS SERVIÇOS DE SAÚDE - PGR
OBJETIVOS
• Garantir qu...
To green
PLANO DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS
ETAPAS DO PGR
• Segregação
• Acondicionamento / manuseio
• Coleta / Transporte...
To green
PLANO DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS
CARACTERIZAÇÃO DOS RESÍDUOS HOSPITALARES
• Física
• Química
• Biológica
To green
COLETA DE RESÍDUOS DE SERVIÇSO DE SAÚDE
To green
RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15
RDC ANVISA N° 306/04 e a Resolução CONAMA N° 358/05
classificam os RSS se...
To green
RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15
PROCEDIMENTOS II
Art. 109 - Os explantes tratados e o
instrumental cirúrg...
To green
RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15
NÃO PODE !!!
Parágrafo único. É
proibida a entrega deste
material às coop...
To green
RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15
PODE !!!
Art. 110 O material explantado poderá ser
entregue ao paciente m...
To green
RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15
NOVAS TECNOLOGIAS
SISTEMA RETORNAVEL PARA COLETA DE PERFUROCORTANTES
To green
RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15
NOVAS TECNOLOGIAS
LOGISTICA REVERSA = SUSTENTABILIDADE
Medicamentos
Venci...
To green
RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15
NOVAS TECNOLOGIAS
To green
RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15
NOVAS TECNOLOGIAS
ÇÃ
MICROONDAS
INCINERADOR
ROTATIVO
AUTOCLAVE
INCINERADOR
To green
RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15
NOVAS TECNOLOGIAS
To green
RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15
NOVAS TECNOLOGIAS
To green
RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15
MUITO
OBRIGADO
FERNANDO BUSTAMANTE
FERBUS@TERRA.COM.BR
To green
RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15
PALESTRANTE
ABNT ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS
COMITÊ BRASILEI...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

2ª Edição do 1º Seminário CME - Sobre Resíduos Hospitalares Frente a RDC 15-2014

1.802 visualizações

Publicada em

Palestra ministrada pelo Sr. Fernando Bustamante- Coordenador da ABNT/ISO Brasil - Sobre Resíduos Hospitalares Frente a RDC 15-2014

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.802
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
14
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
65
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

2ª Edição do 1º Seminário CME - Sobre Resíduos Hospitalares Frente a RDC 15-2014

  1. 1. RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDC N° 15 Fernando Bustamante
  2. 2. O QUE SÃO RESÍDUOS ? - Resíduos Domiciliares - Resíduos Comerciais - Resíduos de Serviços de Saúde - Varrição - Entulhos - Especiais (resíduos volumosos, animais mortos, etc.) - Outros (resíduos de feiras livres, podas de jardim, etc.) To green
  3. 3. To green D E F I N I Ç Õ E S ANVISA - São todos aqueles resultantes de atividades exercidas nos serviços de saúde que, por suas características, necessitam de processos diferenciados em seu manejo, exigindo ou não tratamento prévio à sua disposição final. ABNT - NBR 12.808 – resíduos produzidos pelas atividades de unidades de serviços de saúde (Hospitais, Ambulatórios, Postos de Saúde, Etc.). O QUE SÃO RESÍDUOS HOSPITALARES ?
  4. 4. To green CLASSIFICAÇÃO DOS RESÍDUOS SOLIDOS DE SAÚDE CLASSIFICAÇÃO ANVISA GRUPO “A” = Substâncias infectantes GRUPO “B” = Substâncias químicas GRUPO “C” = Rejeitos radioativos GRUPO “E” = Resíduos perfuro cortantes
  5. 5. To green RISCOS POTENCIAIS DOS RESÍDUOS PRIONS ESPOROS MICOBACTÉRIAS ( EX. TUBERCULOSIS / M. AVIUN / M. CHELONAE) PEQUENOS VÍRUS SEM CAPA ( EX. HEPATITIS A e E / ALGUNS ROTAVÍRUS / HIV) GRANDES VÍRUS ( EX. ADENOVÍRUS) BACTÉRIAS GRANDES VÍRUS COM CAPA LIPÍDICA ( EX. HERPES / RUBEULA / VARICELA) TIPO DE MICRORGANISMOS EXISTENTES NO LIXO
  6. 6. To green PLANO DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS DOS SERVIÇOS DE SAÚDE - PGR OBJETIVOS • Garantir que todos os resíduos sejam manejados adequadamente • Assegurar a redução dos riscos para saúde das comunidades intra e extra hospitalar • Garantir a proteção ao meio ambiente
  7. 7. To green PLANO DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS ETAPAS DO PGR • Segregação • Acondicionamento / manuseio • Coleta / Transporte interno “A” • Armazenamento interno • Coleta / Transporte Interno “B” • Armazenamento externo • Coleta / Transporte externo • Tratamento • Disposição final
  8. 8. To green PLANO DE GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS CARACTERIZAÇÃO DOS RESÍDUOS HOSPITALARES • Física • Química • Biológica
  9. 9. To green COLETA DE RESÍDUOS DE SERVIÇSO DE SAÚDE
  10. 10. To green RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15 RDC ANVISA N° 306/04 e a Resolução CONAMA N° 358/05 classificam os RSS segundo grupos distintos de risco que exigem formas de manejo específicas. Seção XIII Do Gerenciamento de Resíduos - Art. 108 - No CME Classe II, os produtos para saúde oriundos de explantes devem ser submetidos ao processo de limpeza, seguida de esterilização. PROCEDIMENTOS I
  11. 11. To green RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15 PROCEDIMENTOS II Art. 109 - Os explantes tratados e o instrumental cirúrgico considerado inservível podem ser encaminhados para reciclagem, desde que a empresa que recebe o material seja licenciada para proceder à reciclagem destes materiais e o serviço de saúde mantenha registro dos itens que foram encaminhados à empresa.
  12. 12. To green RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15 NÃO PODE !!! Parágrafo único. É proibida a entrega deste material às cooperativas de catadores ou empresas que recolhem materiais inservíveis denominadas de "ferro velho".
  13. 13. To green RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15 PODE !!! Art. 110 O material explantado poderá ser entregue ao paciente mediante solicitação formal. § 1º Admite-se pedido de encaminhamento dos explantes tratados para fins de estudo ou análise, por solicitação do fabricante do produto ou instituições de pesquisa ou ensino, mediante autorização do paciente. § 2º A entrega dos explantes deverá ser precedida de assinatura de termo de recebimento e responsabilidade e a embalagem de esterilização deverá ser rompida e retida antes da entrega.
  14. 14. To green RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15 NOVAS TECNOLOGIAS SISTEMA RETORNAVEL PARA COLETA DE PERFUROCORTANTES
  15. 15. To green RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15 NOVAS TECNOLOGIAS LOGISTICA REVERSA = SUSTENTABILIDADE Medicamentos Vencidos TNT usados Não contaminados Material Hospitalar
  16. 16. To green RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15 NOVAS TECNOLOGIAS
  17. 17. To green RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15 NOVAS TECNOLOGIAS ÇÃ MICROONDAS INCINERADOR ROTATIVO AUTOCLAVE INCINERADOR
  18. 18. To green RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15 NOVAS TECNOLOGIAS
  19. 19. To green RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15 NOVAS TECNOLOGIAS
  20. 20. To green RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15 MUITO OBRIGADO FERNANDO BUSTAMANTE FERBUS@TERRA.COM.BR
  21. 21. To green RESÍDUOS HOSPITALARES FRENTE A RDCN° 15 PALESTRANTE ABNT ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS COMITÊ BRASILEIRO DE ESTERILIZAÇÃO - CB-26 Coordenador ABNT / CB-26 / CE-26:090.01 Esterilização de produtos para saúde ISO INTERNATIONAL ORGANIZATION FOR STANDARDIZATION MEMBRO DO TC-198 – Sterilization of Health Care Products Chefe da comissão brasileira M.S. MINISTÉRIO DA SAÚDE - COMITE PARA ELABORAÇÃO DA PORTARIA N° 482 - ESTERILIZAÇÃO E.T.O. Membro do Comitê I.V.T. INSTITUTE OF VALIDATION TECHNOLOGY Membro Honorário I.S.P.E. INTERNATIONAL SOCIETY FOR PHARMACEUTICAL ENGINEERING Membro do Comitê Técnico

×