DIGNIDADE
DA VIDA HUMANA
UNIDADE LETIVA 1
9.º ANO
2015 RICARDO FERNANDES
O dom supremo da vida humana
TRABALHO DE GRUPO
1. Em que consiste a dignidade da vida
humana?
2. Qual o motivo pelo qual se pode afirmar
que a vida hum...
 A dignidade é uma característica
inerente ao ser humano. A pessoa
desenvolve-se num contínuo processo de
autorrealização...
Tu és especial
No início de uma conferência, um famoso orador mostrou uma nota de cinquenta euros,
e perguntou:
- Quem que...
Primordial direito humano
 Na perspetiva religiosa Deus é a origem da
vida. A vida é o primeiro dom de Deus.
 A melhor m...
Declarações de direitos
Declarações de direitos
Declarações de direitos
Declarações de direitos
 Qual a finalidade das declarações dos
direitos humanos?
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

9 ul1 Dignidade da vida Humana

833 visualizações

Publicada em

O dom supremo da vida humana.
A dignidade da vida humana presente nas declarações de direitos humanos.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
833
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
98
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
13
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

9 ul1 Dignidade da vida Humana

  1. 1. DIGNIDADE DA VIDA HUMANA UNIDADE LETIVA 1 9.º ANO 2015 RICARDO FERNANDES
  2. 2. O dom supremo da vida humana
  3. 3. TRABALHO DE GRUPO 1. Em que consiste a dignidade da vida humana? 2. Qual o motivo pelo qual se pode afirmar que a vida humana é o valor primordial?
  4. 4.  A dignidade é uma característica inerente ao ser humano. A pessoa desenvolve-se num contínuo processo de autorrealização pessoal e social, mas esse facto não altera nem diminui a sua constante dignidade. Pelo simples facto de ser humana, a pessoa goza de valor inestimável e merece todo o respeito.  A dignidade da pessoa humana – núcleo essencial dos direitos fundamentais – é o valor ético da civilização moderna.
  5. 5. Tu és especial No início de uma conferência, um famoso orador mostrou uma nota de cinquenta euros, e perguntou: - Quem quer esta nota? Todos os presentes levantaram a mão. O conferencista amarrotou e voltou a perguntar, enquanto a exibia: - Quem está interessando nesta nota? E as mãos voltaram a erguer-se. Então, deixou-a cair no chão e pisou-a violentamente. Depois pegou na nota suja e amarrotou-a e perguntou de novo: - E agora? Ainda há alguém que a queira? E mais uma vez as mãos se levantaram. - Meus amigos – continuou o conferencista -, seja o que for que eu faça com esta nota, a maior parte das pessoas continuará interessada nela, porque, apesar do seu aspeto, não perde valor, limpa ou suja, amarrotada ou não, valerá sempre cinquenta euros. Mas, como podem calcular, não vim aqui para vos falar de questões financeiras. Muitas vezes, na vida pessoal, somos amarrotados, humilhados e conspurcados por decisões que tomamos ou por circunstâncias que não dependem da nossa vontade. Quanto tal sucede sentimo-nos profundamente desvalorizados ou mesmo insignificantes. Mas, aconteça o que acontecer, seja qual for a forma como nos sentimos, nunca perdemos o nosso valor nem a nossa dignidade. Quer estejamos sujos ou limpos, diminuídos ou inteiros, perdidos ou norteados, nada nos pode roubar o que verdadeiramente somos. É que o valor das nossas vidas não reside fundamentalmente no que fazemos ou sabemos, reside sobretudo no que somos E todos somos especiais, porque únicos e irrepetíveis. Autor desconhecido
  6. 6. Primordial direito humano  Na perspetiva religiosa Deus é a origem da vida. A vida é o primeiro dom de Deus.  A melhor maneira de agradecer o dom da vida é cultiva-la e respeitá-la, como quem cuida da maior prenda que alguma vez tenha recebido.  A vida humana é o valor primordial e condição de possibilidade de todos os outros valores. Como poderíamos exigir que se fizesse justiça a alguém se lhe negássemos o direito de existir?  Se a vida humana não estiver assegurada é simplesmente impossível a realização ode outros valores
  7. 7. Declarações de direitos
  8. 8. Declarações de direitos
  9. 9. Declarações de direitos
  10. 10. Declarações de direitos
  11. 11.  Qual a finalidade das declarações dos direitos humanos?

×