2 ganhar dinheiro

652 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
652
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
18
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

2 ganhar dinheiro

  1. 1. Escola Básica Integrada de Mourão PIEF – 2.º e 3.º Ciclo Disciplina: Matemática e RealidadeNome: _______________________________________ N.º: _______ Data: _____/_____/_____ Desafio: Tostão a tostão faz um milhão! Ficha de Apoio n.º 2 – COMO GANHAR DINHEIRO? PRINCIPAIS FORMAS DE GANHAR DINHEIRO: • Podes ganhá-lo com o teu trabalho (é assim que a maior parte das pessoas obtém o seu rendimento). • Podes obtê-lo como lucro da tua iniciativa (criando a tua própria empresa, por exemplo). • Podes recebê-lo por herança ou doação (quando alguém te dá dinheiro, como presente de aniversário, por exemplo). • Podes ganhá-lo como resultado dos teus investimentos (por multiplicação do dinheiro investido). • Podes recebê-lo como subsídio (do Estado, por exemplo). • Podes ganhá-lo ao jogo (qualquer tipo de apostas, concursos ou outra atividade em que o fator sorte ou azar é determinante). • Podes ainda recebê-lo por empréstimo, o que não é o mesmo que ganhá-lo… A IMPORTÂNCIA DO EMPREGO! Trabalhar é preciso? Embora haja quem consiga viver sem trabalhar, não passam de um pequeníssimo número de pessoas quando comparados com a imensa maioria que trabalha (em Portugal, cerca de metade da população é ativa, isto é, tem idade e capacidade para o trabalho). EBI de Mourão PIEF - 2.º e 3.º Ciclo 2011/2012
  2. 2. Como será a minha carreira? A tua carreira será feita de vários empregos, uns maisduradouros do que outros e nem todos serão empregos de sonho. Talvez tenhas, em algummomento da tua vida, de acumular empregos para atingires o nível de rendimento desejado.Seja como for, a tua formação e as tuas qualificações serão sempre o principal passaporte parachegares cada vez mais longe. Tenho um lugar à minha espera? Normalmente haverá outras pessoas interessadas eem condições de ocupar o mesmo lugar que tu pretendes. Daí que terás de entrar emcompetição com outras pessoas. E não havendo lugar para todos os interessados, vencerá ocandidato considerado melhor após um processo de seleção.Ganhar um dinheirinho extra! Se o rendimento de um emprego não é suficiente e ainda há tempo livre, é possível terum segundo emprego, sobretudo em períodos financeiros difíceis (contudo, o excesso detrabalho pode prejudicar a tua saúde e a tua vida social e familiar).Vê algumas ideias para conseguires um dinheirinho extra: • Rentabiliza o teu tempo livre (um trabalho em part-time, um trabalho de fim desemana ou, simplesmente, uma tarefa ou recado para algum familiar ou vizinho podemrepresentar uns euros extra). • Tens alguma coisa que possas vender ou alugar? Tens tralha ou coisas usadas nagaragem ou noutro local da tua casa que ainda possam ser úteis a alguém? Experimenta pôrum preço nessas coisas e fazer uma venda ao público ou pôr em leilão na internet. • Há alguma atividade que possas fazer em casa, sem grandes custos, como baby sitting,trabalhos de costura, decoração, pequenas reparações, trabalhos de computador, cabeleireiro(tudo dependendo do teu jeito).TRABALHO CERTO PARA MIM! Não precisas de decidir já qual a profissão que vais ter. À velocidade a que desaparecemalgumas profissões e a que são inventadas outras novas, se calhar a tua futura profissão aindanem existe. Mas para evitares vir a ter um emprego que detestes, é conveniente ires pensandonisso. Para começar, pensa nos teus interesses e nas tuas qualidades. Pensa também nascoisas que não suportas. O que gostas de fazer? O que não gostas de fazer? O que sabes fazer?Como te descreverias a ti próprio? EBI de Mourão PIEF - 2.º e 3.º Ciclo 2011/2012
  3. 3. Toda a gente tem pontos fortes e pontos fracos, isto é, qualidades e defeitos. O melhora fazer é procurares uma profissão que tire partido das tuas qualidades e na qual os teuspontos fracos não tenham grande importância.Algumas técnicas de procura de emprego: • Sê pró-ativo, não esperes que tudo corra bem só por mero acaso, faz as coisasacontecer. Prepara-te bem e vai à luta! • Sê persistente, não desistas perante as dificuldades. • Aproveita o tempo para te organizares, melhorares as tuas qualidades e qualificaçõese remediares os teus pontos mais fracos • Mantém-te atento à evolução da situação do emprego e às características maispretendidas pelas empresas que procuram trabalhadores. • Tenta saber que medidas o governo está a aplicar para promover o emprego e comopoderás beneficiar delas. • Mantém e alarga a tua rede social de contactos e dá a conhecer a toda a gente queestás à procura de emprego. • Mantém os teus amigos e convive com eles, principalmente os que tiveram umaatitude mais positiva perante os problemas – serão importantes para te darem otimismo nosmomentos mais difíceis. • Mantém o teu curriculum vitae pronto e atualizado pois podes ter de o apresentar aqualquer momento.Se estás à procura de emprego: • Inscreve-te no Centro de Emprego e em portais de emprego na internet. • Envia candidaturas com o teu curriculum vitae para diferentes empresas, sobretudo asmais dinâmicas na área que te interessa. • Procura as ofertas de trabalho disponíveis em jornais, centros de emprego, sites nainternet, mas espreita também em cafés e supermercados, igrejas, bibliotecas, sindicatos, etc.ESTUDAR MAIS É INVESTIR EM TI PRÓPRIO! Estudar mais tempo pode representar um desafio financeiro. Como pagar essesestudos? Há situações muito diferentes: • Em muitos casos, a família paga as despesas de educação, mas nem todas as famíliaspodem suportar mais essa despesa num orçamento doméstico já sobrecarregado. • Podes também ter feito poupanças para este fim. EBI de Mourão PIEF - 2.º e 3.º Ciclo 2011/2012
  4. 4. • Se já começaste a trabalhar, o teu salário poderá ser um bom meio de financiamentode estudos. • O Estado e a maior parte das instituições de ensino têm programas de ajuda paraalunos com maiores dificuldades financeiras, mas esta ajuda não será suficiente para pagartodas as despesas. • Há linhas de crédito a que podes recorrer mas pondera bem antes de decidir, pois hásempre o risco de ficares demasiado endividado mesmo depois de terminares os estudos.Quanto custa estudar mais?A resposta a esta pergunta depende de muitos fatores: • Qual é a instituição de ensino (se é pública ou privada, por exemplo). • Qual a sua localização (se é perto ou longe de tua casa, se te vai obrigar ou não amudar de residência ou a gastar muito em transportes). • Qual o curso que te interessa (em especial a sua duração, o número de cadeiras doplano de estudos, o tipo de livros e outros materiais de estudo que são exigidos aos alunos). • Quais os apoios disponíveis (alunos com rendimentos mais baixos e alunos comclassificações mais elevadas podem beneficiar, por vezes, de apoios especiais).Estudar mais é investir em ti próprio.Vê aqui algumas boas razões para o fazeres. • Ter um bom nível de vida - O nível de vida que pretendes ter no futuro estádiretamente relacionado com o teu rendimento. E este depende, sem dúvida, da tua formaçãoe qualificação. Quanto maior o nível de escolarização e qualificação, maiores as probabilidadesde alcançares um nível elevado de rendimento. • Ter uma boa carreira - Mesmo que já estejas farto da escola, tens de reconhecer queos estudos, em geral, são importantes para uma boa carreira profissional. E um pouco mais deescolaridade pode colocar-te à frente de outros pretendentes a um emprego, para além de tepermitir chegar a empregos melhores e a melhores salários. • Ser útil aos outros - Se dás muito valor às outras pessoas, à tua família, aos teusamigos e queres fazer algo por eles, ou mesmo cuidares deles um dia, só o poderás fazer seentretanto tiveres cuidado das tuas próprias condições para o fazeres. Só cuidando de tipoderás ser útil aos outros. • Parar é morrer… diz o ditado - A nossa formação não pode parar porque o mundo nãopara e as coisas estão sempre a mudar. É como se estivesses numa corrida: se paras é como se EBI de Mourão PIEF - 2.º e 3.º Ciclo 2011/2012
  5. 5. andasses para trás, porque todo o mundo te passará à frente. Por isso, não deves esquecer dete ir sempre valorizando!O QUE É EMPREENDEDORISMO? É a capacidade das pessoas para transformarem ideias em coisas reais, criando algonovo ou acrescentando um novo valor a algo que já exista. Se eu estiver interessado, por onde começo? Tudo o que precisas é de uma boa ideia de negócio e convencer profissionais ouempresas a apostar nela. E se eu não quiser ser empresário? Também deves desenvolver o teu espírito empreendedor, mesmo que nunca pretendasser trabalhador por conta própria ou empresário. É que se fores um trabalhador EBI de Mourão PIEF - 2.º e 3.º Ciclo 2011/2012
  6. 6. empreendedor destacar-te-ás dos restantes trabalhadores e terás condições para um melhorfuturo profissional Retirado de: http://www.gerirepoupar.com/jovens "Com trabalho e perseverança, tudo se alcança." Provérbio EBI de Mourão PIEF - 2.º e 3.º Ciclo 2011/2012

×