O slideshow foi denunciado.

Dificuldade De Integração Dos Jovens No Mercado De Trabalho

34.905 visualizações

Publicada em

Realidade diocesana JOC Porto 2010

  • Seja o primeiro a comentar

Dificuldade De Integração Dos Jovens No Mercado De Trabalho

  1. 1. Procurar emprego dá trabalho! Dificuldade de integração dos jovens no mercado de trabalho Juventude Operária Católica
  2. 2. Acabei o curso e agora? Para um jovem recém-formado, encontrar um emprego que vá ao encontro da sua formação e expectativas nem sempre é fácil.
  3. 3. Precariedade e desemprego afectam jovens licenciados No ano de 2006, segundo dados do Instituto Nacional de Estatística, haviam em Portugal mais de 48 mil desempregados com formação superior. O certo é que o mercado não está a responder aos milhares de jovens que procuram o seu lugar no mundo do trabalho.
  4. 4. Porque é tão difícil arranjar um emprego hoje? Os empregadores preferem contratar trabalhadores com experiência. Mas os que começam pela primeira vez a trabalhar não possuem a experiência que o mercado de trabalho procura.
  5. 5. Mais de 100 licenciados deixam o país todos os meses Abandonam Portugal todos os meses em busca de um emprego à altura das suas habilitações e de um salário condigno.
  6. 6. A Geração dos 500 euros 44.700 é o número de licenciados que estavam a desempenhar no início do ano trabalhos de baixa qualificação ou não qualificados como operadores de call center ou empregados de comércio e restauração.
  7. 7. Geração em saldo? Não, Obrigado!
  8. 8. A cargo da família até mais tarde • Muitos jovens entre os 15 e os 19 anos abandonaram a escola e não estão à procura de emprego, são inactivos não estudantes. • A situação de dependência face à família de origem mantém-se para além das idades típicas de finalização da escolaridade. Sem emprego fica difícil sair de casa! Como vou pagar as contas?
  9. 9. Como podem os jovens ir à procura de uma vida própria, se estão sujeitos à precariedade dos vínculos laborais? A inserção dos jovens no mercado de trabalho faz-se cada vez mais de uma forma precária, através de contratos a termo, trabalho temporário, ou outras formas de prestação de serviços.
  10. 10. Formação, + formação… Os percursos profissionais dos jovens são muito marcadas por alternância entre situações de emprego de curta duração, períodos de desemprego e períodos de formação.
  11. 11. Seja persistente! Siga passos bem definidos: Para conseguir um primeiro emprego, defina uma lista de passos. 1º Faça uma lista de empresas nas quais gostaria de trabalhar. 2º Elabore o melhor currículo que conseguir e envie para as empresas que enumerou. 3º Fale com amigos e familiares. Eles também têm conhecimentos e talvez possam ajudá-lo. 4º Pesquise na Internet e envie o CV por email para as empresas que desejar.
  12. 12. Ter um curso não chega! São muitas as dificuldades em ingressar no mundo do trabalho, mas o fundamental é não cruzar os braços à espera que o emprego lhe caia do céu.

×