ApresentaçãO Para DéCimo Segundo Ano, Aula 28

2.182 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.182
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.835
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

ApresentaçãO Para DéCimo Segundo Ano, Aula 28

  1. 2. <ul><li>Confesso que, neste momento, me sinto com a lira destemperada e a voz enrouquecida . E não por causa do canto que fiz, mas por me dar conta de que venho cantar a gente surda/maneta e endurecida . É que a Pátria não incentiva ao engenho, visto que está metida / no gosto da cobiça e na rudeza / duma austera, apagada e vil tristeza , que pouco tem a ver com a grandeza do passado que eu vim lembrar. </li></ul>
  2. 3. <ul><li>Por isso, ó Rei, reparai bem que sois senhor só de vassalos excelentes , como acabei de provar com este poema. Estes vassalos que tendes estão dispostos a tudo, para vos servir/assassinar . </li></ul>
  3. 4. <ul><li>É bom então que sejais humano e generoso com eles, que os liberteis/carregueis de leis severas. Sobretudo, tende consideração especial para com os que mais experiência de vida têm, pois eles é que sabem bem o como, o quando, e onde as coisas cabem . </li></ul>
  4. 5. <ul><li>Favorecei a todos de acordo com a sua função; que os religiosos devem ter toda a ambição como vento, o bom religioso não deve querer glória nem dinheiro/mulheres . </li></ul>
  5. 6. <ul><li>Estimai bem os cavaleiros, pois com o seu sangue dilatam a Fé e o Império/Benfica . </li></ul>
  6. 7. <ul><li>Fazei ainda que nunca outros povos estrangeiros, como os alemães, os franceses/espanhóis , os italianos e os ingleses, possam dizer que os portugueses são mais para ser mandados do que para mandar. </li></ul>
  7. 8. <ul><li>Mas quem sou eu, pessoa tão insignificante, que vós não conheceis e nem sequer sonhais? No entanto, sei que da boca dos pequenos/peixes saem muitas vezes os maiores louvores. Além disso, não me falta na vida honesto estudo, / com longa experiência misturado, / nem engenho, que aqui (neste meu livro) vereis presente . E estas coisas juntas dificilmente se encontram. </li></ul>
  8. 9. <ul><li>Estou pronto a servir-vos, como militar/mordomo , e a cantar-vos, como poeta, desde que aceiteis os meus serviços. </li></ul>
  9. 10. <ul><li>E, se tal acontecer e vós realizardes, tal como prevejo, uma grande façanha, combatendo e destruindo Marrocos/França , prometo-vos que farei sobre vós um novo canto, de tal modo que Alexandre Magno, </li></ul>
  10. 11. <ul><li>que invejava Aquiles/Ulisses por este ter tido a sorte de ser celebrado por Homero, passe a ter, sim, inveja de vós. </li></ul>
  11. 12. <ul><li>Herói Epopeia Autor Língua </li></ul><ul><li>Aquiles Ilíada Homero grego </li></ul><ul><li>Ulisses Odisseia Homero grego </li></ul><ul><li>Eneias Eneida Virgílio latim </li></ul><ul><li>Orlando enamorado Boiardo italiano </li></ul><ul><li>Orlando furioso Ariosto italiano </li></ul><ul><li>Godofredo Jerusalém Tasso italiano </li></ul><ul><li> libertada </li></ul><ul><li>Gama Lusíadas Camões português </li></ul>
  12. 13. <ul><li>No Caderno do Aluno , as pp. 68ss. tratam de resumo e síntese , mas não creio valha a pena verem-nas agora. </li></ul>

×