Dissertação - A arte de argumentar

2.909 visualizações

Publicada em

Revisão - Ensino Médio

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.909
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
515
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
29
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Dissertação - A arte de argumentar

  1. 1. DISSERTAÇÃO Argumentar para convencer...PROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  2. 2. PROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  3. 3. TEMA: MIGRAÇÃO PARA OS GRANDESCENTROS URBANOS Para encontrar uma causa é preciso perguntar-se por que a migração ocorre. Causa: A zona rural apresenta inúmeros problemas que dificultam a permanência do homem no campo.PROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  4. 4. CONSEQUÊNCIA Para encontrar uma consequência é preciso se perguntar o que acontece em razão disso. As cidades encontram-se despreparadas para absorver esses migrantes e oferecer-lhes condições de subsistência e de trabalho Sem ter como trabalhar, sem dinheiro, muitos não conseguem voltar para casa e caem na marginalidade.PROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  5. 5. TEMA: ANALFABETISMOCAUSAS: O cansaço depois da jornada de trabalho;o desemprego; a falta de autoestima dos alunos - paisanalfabetos que, sem estímulo, não veem perspectivas emmandar seus filhos à escola; falta de escolas próximas; máqualidade da educação. Fatores, esses, que acabam porcontribuir para que os próprios estudantes se acomodemem trabalhos braçais, que não exigem domínio da leitura;falta de FISCALIZAÇÃO - Lugar de criança é na escola.CONSEQUÊNCIA: o poder na mão de poucos– uma vez que ler e escrever é sempre deter umaforma de poder; falta de mão de obra qualificada;marginalização, preconceito, discriminação. PROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  6. 6. PROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  7. 7. Corrupção: É um fenômeno que tem resistido ao tempo e regimespolíticos (democracia ou tirania), a formas de governo (monarquias,teocracias ou repúblicas), a sistemas de governo (presidencialismo ouparlamentarismo) e a sistemas econômicos (capitalistas e socialistas).Causas? Consequências? (oralmente)Questões: Como diminuir e controlar acorrupção pública?Soluções: Qualidade e transparência degestão (facilitar o acesso a informações) ;mecanismos de controles internos; puniçãoeficiente; cumprimento das leis vigentes. PROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  8. 8. ÉTICA – Precisa ser compreendida como umempreendimento coletivo a ser constantementeretomado e rediscutido.Ética: instrumento de garantia da cidadania, porque éatravés dela que os cidadãos passam a pensar e agirde acordo com valores coletivos.O Século XXI precisará repensar a ética, assim comoo fez o século XX.PROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  9. 9. TEMA: VIOLÊNCIA – ESCOLAS E CINEMA1999 - EUA - Dois alunos armados matam doze estudantes eum professor em Columbine.2007 - EUA - Um estudante da universidade Virginia Techmatou 32 pessoas e feriu 15.2009 - Alemanha - Jovem de 17 anos, ex-aluno da escolasecundária Albertville, abre fogo contra estudantes e matadez pessoas.2011 – Brasil - Tragédia em Realengo – Rio de Janeiro - 12mortos e vários feridos.2011 – Brasil Tragédia em São Caetano do Sul - SP.2012 – EUA – James Holmes - Matou 12 pessoas e feriu59, durante a estreia do filme “Batman: O Cavaleiro das trevasRessurge.” PROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  10. 10. Alemanha -COLUMBINE Albertville Virginia Tech Virginia TechPROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  11. 11. TEMAS POLÊMICOS – PRÓS E CONTRAS• Pena de morte.• Aborto.• Pesquisas com células-tronco.• Clonagem.• Energia nuclear.• Relacionamentos homoafetivosPROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  12. 12. PROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  13. 13. “Pela primeira vez, confrontamos a real forçada energia nuclear fora de controle” (MikhailGorbachev) ELABORA ARGUMENTOS – TEMAS POLÊMICOS PRÓS: CONTRAS: PROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  14. 14. Homofobia• É a discriminação contra pessoas com outra orientação sexual, como gays, lésbicas, travestis, entre outros, desrespeitando os direitos das pessoas. Pesquisas de entidades civis mostram um elevado número de assassinatos de pessoas nesses grupos no Brasil.• Causas? (Oral)• Consequências? (Oral)
  15. 15. TEMA: USINAS NUCLEARES26 de abril de 1986 – O desastre de Chernobyl e o pesadelo nuclear -Provável consequência de uma falha humana, o acidente espalhoupelos céus da Europa e da Ásia uma nuvem radioativa, causandodanos terríveis. No momento da explosão, houve um vazamento deradiação maior do que a bomba de Hiroshima.Avanços tecnológicos nos anos que se seguiram ao acidente fizeramcrer que as usinas eram seguras. Uma era que durou até o vazamentode Fukushima, no Japão, em março deste ano.Numa decisão histórica, a Alemanha anunciou semanas depois, o fimde seu programa nuclear até 2012. PROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  16. 16. PRIMAVERA ÁRABE- O ocidente já não é centro do mundo,mas o centro do nosso olhar. E é partir dele que observamos o quenos rodeia. • “Assistimos a grandes alterações proporcionadas pelos ventos revolucionários da tão proclamada Primavera Árabe. E um dia assistiremos ao abrir das pequenas ‘caixas de Pandora’, que um pouco por toda a região afectada pela Primavera Árabe dimanaram.” (Shlomo Avineri) • http://ocidentesubjectivo.blogspot.com.br/2012/04/primavPROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  17. 17. TELEVISÃOA Chegada da Televisão“A caixa de pandora tecnológica penetra nos lares elibera suas cabeças falantes, astros, novelas,noticiários, e as fabulosas, irresistíveis garotas-propaganda, versões modernizadas do tradicionalhomem-sanduíche.”SEVSENKO, N. (Org). História da vida privada noBrasil. São Paulo, Cia das Letras, 1998.PROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  18. 18. PROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  19. 19. DEFINIR O TEMA A PARTIR DA ANÁLISE DA IMAGEM PROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  20. 20. PROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  21. 21. PROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  22. 22. A novidadeGilberto GilA novidade veio dar à praia E a novidade que seria um sonhoNa qualidade rara de sereia O milagre risonho da sereiaMetade, o busto de uma deusa maia Virava um pesadelo tão medonhoMetade, um grande rabo de baleia Ali naquela praia, ali na areiaA novidade era o máximo A novidade era a guerraDo paradoxo estendido na areia Entre o feliz poeta e o esfomeadoAlguns a desejar seus beijos de Estraçalhando uma sereia bonitadeusa Despedaçando o sonho pra cada ladoOutros a desejar seu rabo pra ceia Ó, mundo tão desigualÓ, mundo tão desigual Tudo é tão desigualTudo é tão desigual Ó, de um lado este carnavalÓ, de um lado este carnaval Do outro a fome totalDo outro a fome total PROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO
  23. 23. FIMPROFESSORA: MARIA CRISTINA A. BIAGIO

×